Quantcast
PplWare Mobile

O Edge também já está disponível de forma estável no Linux

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Simões


  1. Reis says:

    Boa agora so falta o linux ser estavel

  2. Unknown says:

    Todos os linux users usam chrome por isso não e problema

  3. Unknown says:

    Todos os linux users usam chrome por isso não e problema

  4. jedi says:

    o caricato é no site do edge continuar a dizer ” not supported for linux” .

    LOOOOOOOOOOOOOOOOOL. 😉

  5. jedi says:

    Sobre esta frase “Ao adotar esta plataforma da Google, “,
    a plaforma é crhromium, free e open-source.
    Onde existe o browser com mesmo nome e outros browser que utilizam a mesma “plattaforma” como brave, opera, vivaldi e claro MS Edge.

    O correcto seria, pelo menos indicar o nome da “plataforma”.

    https://www.chromium.org

  6. Antonio Teixeira dias Dias says:

    esta faltando office para linux, ai sim….

    • Samuel MGor says:

      Estas a falar do MS Office certo? O Linux já traz o LibreOffice!! Já agora ficas a saber que se pode instalar as fontes de texto do Windows no Linux.

      • alt.menino says:

        Fontes de texto ?

        • Samuel MGor says:

          Ok!! Vou por de modo a que entendas 🙂 Quando escreves um texto no word escolhes a fonte (arial, comic sans, etc) 🙂 Esse tipo de letra fora do word chama-se fonte de texto. Percebeste agora?

      • Realista says:

        Infelizmente as opções para Linux de Office (Open Office, Libre Office, WPS, etc) não são viáveis porque não são completamente compatíveis. Não há nada pior do que perderes umas horas no Excel para depois o colega que usa MS Office não consegue apresentar tudo da mesma maneira que fizeste ou o colega ter celulas no excel ligadas por formulas a outros ficheiros e depois as alternativas não trabalharem da mesma forma…

        No entanto, para um só utilizador as alternativas em Linux são bastante eficientes! 🙂

  7. alt.menino says:

    Gosto de ver tanta controvérsia á volta do Linux, o mais importante é o sumo que se retira de cada sistema, desde que ajude a desenvolver o conhecimento de cada um, é que importa….. todo o resto são novelas que retiram o foco.

  8. sakura says:

    O chrome não é “Open Source ” e como o Chromium era bom demais a google decide cortar-lhe as pernas…..
    https://bbs.archlinux.org/viewtopic.php?id=263023

    FF como fundação não lucrativa vamos usar MAC,s e para paga-los nada melhor que
    meter PUB no FF.
    Edge que por acaso é 100% “Open Source “, Hoje é o único browser em Linux que esta actualizado e não é do século passado, Chromium Base (opera,etc) aqui é que eu confio na MS os outros não sei quem são.

    • Gonçalvez says:

      Edge não é Open Souce. É proprietário ou privativo. Não é pq 99% do código é aberto que o navegador inteiro é Open Source. Aquele 1% é privativo e o dono é quem chamou um dia que o “Linux é cancro/Cancer.”

    • Samuel MGor says:

      O Edge não é 100% Open Source só a base é 100% Open Source o resto é software proprietário da MS.

  9. sakura says:

    a Ms não tem culpa “Aquele 1% é privativo ” e vai continuar…. java, drm, etc
    Hoje como user gnu/linux so tenho que agradecer a MS pelo Edge e VScode.
    Vivem no mundo do “”YUPI”” Edge no linux android macos é para $$$$$$$$$$

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.