PplWare Mobile

GitHub sobreviveu ao maior ataque DDoS alguma vez registado


Pedro Simões

Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

13 Respostas

  1. jedi says:

    tambem devem ter atacado o bitbucket, porque ontem estava muito mas mesmo muito lento.

  2. poiou says:

    isso foi algum dev lixado com os merges

  3. privateloader says:

    Eu e com o pouco de nerdice consigo fazer o serviço DDOS utilizando hacks bem como registos.

    O que é que eu ganho com isso. €5 por 12 horas de trabalho

  4. Bruno says:

    Não percebo a lógica desse ataque. Gente ressabiada com qualquer coisa

  5. Bruno says:

    Na quinta-feira de manha (se não estou em erro) também o Teamviewer sofreu ataque DDOS ficando o serviço indisponível durante a maior parte da manha. Já é a segunda ou terceira vez que vejo acontecer 😉

  6. Ze Manel says:

    Os serviços da Cloudflare não têm nada a ver com isto e a sua utilização deveria ser totalmente desencorajada. Não vejo motivo de existir uma imagem com publicidade. A única coisa que o Cloudflare faz é reencaminhar todo o tráfego através de “túneis” e “proxys” nos quais e entre outros informação privilegiada e encriptada pode estar a ser lida. Para além disso, só está de facto a mascarar a origem do ataque para o seu destinatário. Parece-me simplesmente uma abordagem ridícula e que na verdade só prejudica todos e contribui para a existência deste e outros tipos de ataques. A Cloudflare existe aos anos e os DDoS continuam ai…porque será? Os DDoS só acabam quando forem prevenidos na sua origem e não no seu destino, tal como o spam.
    Mas é a minha opinião e respeito a vossa.

    • JJ says:

      Olha lá… como é que prevines a origem do spam?

      • Ze Manel says:

        Não prevines “a origem do spam” mas sim “o spam na sua origem”. Acho que é bastante simples de perceber no entanto a verdade é que pelo menos até ao momento ninguém esteve realmente interessado em o fazer.

        O principal problema é sempre o mesmo, o dinheiro, a ganancia e os lucros fáceis. Os “spammers” são uma excelente fonte de rendimento em todas as perspetivas, seja na venda de “produtos ou serviços como soluções” ou pactuando com os actos e “vendendo serviços e fechando os olhos permitindo que aconteça”.

        O RGPD deverá ter uma palavra muito interessante neste aspecto.

  7. Zinco says:

    Isto é propaganda aos produtos akami disfarçada de noticia. Não houve ataque nenhum, estes trafulahs querem é fazer propaganda disfarçada.

  8. Bruh says:

    Pois, se tivessem mais interesse em proteger a tecnologia e menos em criar tecnologia nova o mais rápido possível… Da maneira que a tecnologia está a evoluir tão rápido vai acabar por rebentar na cara de toda gente mais tarde ou mais cedo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.