Quantcast
PplWare Mobile

Finanças: serviços de criptomoedas nas actividades de IRS

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. manuiel says:

    RI-D-I-C-U-L-O

    • Joao M says:

      Ridiculo porquê?

      • manuiel says:

        o facto de não termos taxa em cripto é um dos fatores pelos os quais temos diversos estrangeiros a e turistas a vir para cá morar….

        Para além de mais, 28% é um roubo, para quem está neste mercado vai perder bastante rendimento.

        • Tx2 says:

          “28% quando aqueles são detidos por menos de um ano.”
          Se tiveres a mais de 1 ano não és taxado.

          • Carlos Almeida says:

            Convém esclarecer que não são as critpomoedas que vão ser taxadas, mas sim as mais valias na transação das mesmas.

        • Joao M says:

          Mas porque é que cripto não iria pagar impostos quando eu se faço investimentos em acções, fundos, etc.. tenho de os pagar? Não faz sentido.
          Além disso, Cripto só vão pagar (salvo erro) em compras e vendas de curto prazo (no mesmo ano de compra, vender) enquanto que seja no curto prazo ou a longo prazo eu tenho de pagar sempre que invisto.
          Ou seja, ou paga impostos como qualquer outro investimento ou que se reduza os impostos a todo o tipo de investimento

          • Gio says:

            As criptomoedas são dinheiro falso, não têm proteção legal. Porque que vamos pagar imposto por algo que não existe?

          • Joao M says:

            Gio .. pagas imposto na venda desses activos para capital. É o mesmo com as acções –> elas só valem realmente dinheiro quando as vendes.. até lá são apenas “uma coisa com um valor de mercado volátil” O imposto que pagas é nas mais valias quando as vendes por um valor x de mercado.

          • Sérgio says:

            Lol, mas porque motivo temos nós que pagar taxas de tudo e um para de botas se o dinheiro é nosso? Porque motivo não posso enviar dinheiro para outra pessoa depois das 17:00 dia uteis e fim de semana?
            Porque motivo temos nós que sempre que pagamos um conta, termos que pagar taxas para VISA, etc ??
            E podiamos continuar nisto o dia todo… a solução foi a criação do BTC

          • Joao M says:

            Sergio, e achavas mesmo que a BTC ia continuar a passar ao lado da fiscalidade?
            Porque raio é que eu tenho de pagar mais valias na venda de ações e dinheiro que faça com investimentos – investimentos esses feitos também com o meu dinheiro? Ou seja, Ou taxamos tudo ou não se taxa nada. Não vejo razão para ter fundos e ações a serem taxas e BTC não ser taxada.

            Agora, temos aqui o reverso da medalha –> a malta gosta de taxar mais valias por causa dos “muito ricos” (que fogem na mesma a isto mas pronto) e seria inconcebível , principalmente para a esquerda, deixar de taxar rendimentos ganhos através de mais-valias.

          • Manuel da rocha says:

            Sérgio, e porque razão se taxam os juros, sem limite de tempo, enquanto as cripto, se não fores dealer a vender 50000000000 e comprar 70000000000 a cada dia, as tiveres para operações monetárias, acima de 365 dias, não pagas nada. Agora se fazes 6000 milhões de euros, a comprar-vender, vais ter de pagar 28% desse lucro, como paga quem faz o mesmo com acções e obrigações.

    • Acabou a mama says:

      LOL, paga!

      • Sergio says:

        João… na minha opinião não deveríamos pagar e ponto final. Só pagamos mais valias porque? O ideia do criador do btc é essa mesmo… evitar todo este tipo de taxas que temos no nosso dia a dia.

      • joao says:

        Nso obrigado!
        Uso cripto desde 2013. todos os meses compro e vendo.
        Simples:
        O que compro espero pelo menos um ano antes de vender!
        Profit!!!

        Alem disso, ja se ve mais e mais vezes o uso de cripto como moeda de troca, ou seja, ha mais pessoas a aceitar cripto por bens e servicos do que a 5 anos atraz!!!

        Vai acabar a mama, sem duvida! Os bancos e governos bem que podem estar preocupados!!!

  2. Samuel MGor says:

    Lá vai acabar o ganhar sem fazer nada. 🙂

    • manuiel says:

      existem pessoas espertas, depois existem pessoas como tu, que acham que se ganham dinheiro no mercado de criptos “sem fazer nada” lol

      • Manuel da rocha says:

        Depede. Se fores dealer, precisas de fazer 7000000000000000 operações semanais, para ganhares 3000 euros, mais 10% e consegues lucros de 89000 euros.
        Se pagares 5000 euros tens o serviço de scripts que te garantem 400000 euros de lucro imediato. até 600000000 euros se quiseres arriscar nos nft e só precisas de lá ir ver 1 vez por mês.

  3. Angelo says:

    Este país é mesmo triste, sou produtor musical e ainda bem que não declaro nada neste país. Prefiro pagar a taxa de 10 15% que eles tiram lá fora e recebo cá em bruto. E ganho de todas as plataformas digitais ” spotify, youtube, soundcloud, itunes,amazon ” e não cheiram nada! 🙂

    • Hali says:

      Não contribuís nada para a sociedade onde estas inserido.
      Devias ser expulso do país.

      Espero que não tenhas pais e avós senão eles não vivem.

      • PorcoDoPunjab says:

        Hali, vá dizer isso aos feirantes daquela etnia que não se pode dizer.
        Vá lá perguntar onde é que estão os descontos deles…
        Ao menos o Angelo não anda a mamar subsídios como os outros…

        PorcoDoPunjab, o encantador de burros

        • B@rão Vermelho says:

          Não anda, não sabes, como não declara rendimentos em Portugal, é um sério candidato a isso
          Se tiveres casa própria pagas IMi, se tiver carro paga IUC, etc, o que não falta são impostos para pagar

      • Angelo says:

        Por acaso tenho um pai que trabalha e declara, avos nao tenho e se tivesse não eram de cá de certeza, eu declaro de 3 em 3 meses para os impostos, pago a S.social mensalmente, pq sou trabalhador independente, e deixo um IUC de 300€ anual para o estado, se eu puder nao dar nada ao estado, nao irei dar.. Burro és tu que mamas tudo o que estes gajos fazem!

      • Angelo says:

        Já agora expulso para onde se sou Português? És mesmo uma lenda com pala

    • Bruno says:

      +1 – É precisamente por causa da carga fiscal que existe neste pais Portugal que leva as pessoas a fugirem aos impostos, será assim tão didicil ver que ESTE não é o caminho (carga fiscal elevada), tudo que mexe com dinheiro lá vem o estado meter a mão … Contributes estão sufocados com tantas taxas e taxinhas. Eu sou a favor de contribuir, não sou a favor de ser taxado todos os meses com carga fiscal elevada. Eu trabalho para mim, para por dinheiro em casa, sustentar os meus dependentes, se quiserem: “para sustentar os meus vícios”, não trabalho para dar dinheiro ao Estado….

      • PorcoDoPunjab says:

        Bruno, por isso a economia paralela não pára de subir.
        Isto já não é pagar impostos, é roubar.
        Nada funciona, para onde vai o dinheiro afinal?
        Por isso há tantos e tantos a alugarem casas sem recibo.
        Dar um terço da renda ao Estado mas porquê?
        Por acaso o Estado ajudou a pagar um terço da casa?
        Não podia ser 10%, é logo 28.
        Metessem logo 50%, porque não?

        Já agora, o estado vai contribuir com 28% para quem tiver perdas?
        Não? Porque não? Ah, perdas são privadas mas ganhos são públicos.
        Está bem… depois queixem-se que anda tudo a fugir conforme pode…

        PorcoDoPunjab, o encantador de burros

      • Aiaiai says:

        Então faça o favor de ser coerente e passe a usar só e apenas ‘privados’ para a sua vida pessoal: pague o infantário privado e a escola privada, não vá a centros de saúde nem hospitais, pague o valor total dos seus medicamentos, não vá para parques públicos/jardins nem a parques infantis, não vá às festas das câmaras municipais nem assista ao fogo de artificio das mesmas, não veja espectáculos ou exposições que foram pagos por todos…,…,…,… Seja coerente! Não contribui, não usufrua!
        E mesmo assim estou como o Hali, devia era sair do país porque mesmo que eu continuasse ‘a lista’ faltariam sempre coisas em que o ‘estado’ está envolvido e que as pessoas que não contribuem não deveriam ter direito/acesso ou deveriam pagar como se fosse no privado (sem qualquer comparticipação do estado).

        • PorcoDoPunjab says:

          Aiaiai, eu pago saúde privada e pago escola privada.
          Não vou a centros de saúde nem hospitais públicos e festas da câmara então muito menos mas todos os meses lá vão 600 paus de descontos.
          Agora pergunto o seguinte, se não uso porque pago?
          O Estado que me diga assim, pode optar por não descontar nada e ter que pagar tudo ou descontar e usar a porcaria que é a nossa saúde e tudo o mais.
          Conforme já percebeu eu escolheria imediatamente não descontar e pagar eu tudo porque isso é o que eu já faço actualmente.

          Então, estou a ser coerente ou não? Se não uso porque é que me vão ao bolso todos os meses?
          Eu não preciso do Estado para nada, nada…
          Se leu bem, eu contribuo e bem e não usofruo do que pago.
          Agora há muita gente como os que eu disse acima que não pagam nada e têm tudo dado.
          Quando os vir diga-lhes para saírem do país.
          Eu só não vou para fora porque já não tenho idade para isso.
          Tivesse eu 20 e poucos e espera aí que ficava aqui a sustentar chulos.
          É que era já a seguir…

          PorcoDoPunjab, o porco sem pálas nos olhos e encantador de burros

        • PorcoDoPunjab says:

          Aiaiai, sugiro que faça um cartaz bem grande com o seu último parágrafo e vá para a feira do Relógio Domingo de manhã.

          Não sabia que dizer quem não contribui não deveria ter direito a usufruir, é racismo ou outra coisa qualquer acabada em ismo?
          Repare, eu estou de pleno acordo com o que disse, a diferença é que contribuo e bastante para alguns que não contribuem nada usarem gratuitamente.

          • razingolho says:

            PorcoDoPunjab, o troll dos comentários do Pplware.

          • B@rão Vermelho says:

            Então não utiliza estradas públicas n estacionamento público não faz lixo e por ai fora, o estado está presente em tancoisa que damos como garantido que nem reparamos, quanto as questões de saúde, vai aos privados enquanto for por umas gripes, se algo terrível que necessite de quimioterapia depois falamos, se o hospital privada/ seguro se é a tromestendida como o nosso SNS, tenho dito as pessoas confundem as urgências hospitalares com o SNS, quem realmente precisa do SNS raramente falha, nas urgências ai depende da vontade e paciência do médico

      • B@rão Vermelho says:

        @Bruno eu até compreendo e acho que para a qualidade de alguns serviços em Portugal pagamos impostos a mais, mas temos direitos.
        Eu tenho familiares e amigos emigrados em vários países da Europa e America do Norte, as queixas que oiço são precisamente as mesmas.
        Nos em Portugal se só tivermos de par um euro de impostos ainda assim haveria quem fugisse.
        Não é um exclusivo nosso fujiaos impostos países como Bélgica, Holanda, Canadá e tantos outros até dizem em tom de brincadeira que o desporto nacional

        • B@rão Vermelho says:

          Desculpem mas estou a escrever do tlf e isto está uma bela confusão
          Abraços e toca mas é a pagar impostos que eu quero ter uma reforma simpática:)

        • Bruno says:

          Direitos, que direitos … isso ja não é bem assim … olha eu desconto para IRS e segurança social todos os meses, mas não tenho medica de familia a anos … olha o caos que esta nos hospitais!! Um caso, a minha filha nasceu, o estado deu de abono 20 euros !!!! Oi !!! Nem para um pacote de fraldas dá ….

          Tinha a minha filha no colégio publico, passados poucos meses tive que a tirar porque é DIFÍCIL arranjar colégios públicos com horários compatíveis para pessoas que trabalham por turnos , fui pagar mais de o dobro no privado para ter uma solução que permitisse ir buscar ate as 21:30. Pensem bem, imaginem os vossos filhos a saírem do colégio às 21:30 da noite !!!!! Onde está ajuda do Estado, onde está o incentivo a Natalidade, ou so os que trabalham das 9 as 18h é que têm direitos !!! O DEVER do Estado é ajudar as pessoas e não
          enterra-las ainda mais com carga fiscal.

          • Manuel da rocha says:

            E querias pagar 100 euros e que o colégio público tivesse 24 horas por dia, de assistência, com 5000 funcionários e 70 crianças, para cada família até poder pagar 400 euros e ir passar 30 dias ás Caraíbas e deixar lá as crianças, para não os chatear?

          • Bruno says:

            Manuel PENSA um pouco… não é difícil… neste caso é que tal o funcionários públicos trabalharem também por turnos, é assim algo tao extraordinário… deve ser daqueles que vais de férias e deixas as crianças no colégio ou com outros …porque os filhos não têm direito a descanso … BRAVO

    • Carlos Almeida says:

      Se ganhas lá fora e vives cá tens de declarar mas há quem ande assim muitos anos e um dia arrependem-se.

      • Angelo says:

        @carlos almeida, eu vivo cá,trabalho cá desconto também cá, mas se puder nao dar nada ao estado, nao irei dar.. Se o Youtube e as outras plataformas sao estrangeiras, porque raio irei descontar cá algo que não lhes pertence? No sense.

        • Manuel da rocha says:

          As leis não são como dizes. Se descontas cá, como é que não pagas impostos cá?
          O trabalhares para uma offshore que tem 50000000000 de empresas, não te dá para inventares que pagas 0,0000001% de impostos lá fora e está feito.
          Leis europeias obrigam a que os valores sejam tributados onde são ganhos. Se vais gravar 7000000000000000 horas de vídeos e ganhas 200000000 de euros, quando recebes o valor ou já pagaste o IVA ou vais pagar o IRS de direitos de autor, se a plataforma te reconhecer como autor. 99% não são, porque são registados como “criadores de conteúdo”, que não dá direitos de autor.

          • Angelo says:

            Vê-se mesmo que nao percebes nada disto,falas-te tanto e nao disseste nada! Meu caro amigo, eu ganho do youtube e de todas as outras plataformas e nao declaro nada cá, cada plataforma tem a sua forma de trabalhar, e acredita que trabalho desde 2012 com o youtube, sempre recebi consoante as views etc, e nunca descontaram ca nada em portugal!

    • Manuel da rocha says:

      Portanto pagas 6000 euros mensais por uma morada de um advogado, ganhas 50000 milhões de euros, pagas 49400 milhões, entre o serviço que te prestam e os impostos, ficas com o resto e ficas todo contente.
      E que tal passares 60000 horas a aprender a fazer isso, sem pagares tanto ao advogado?

  4. João Silva says:

    Se for só 28% já estão com sorte. Porque é o mesmo que tiram dos depósitos a prazo.
    Já ouvi dizer / li que querem arranjar uma forma do Estado “roubar” mais dinheiro. Inventam taxas e taxinhas para impedir as pessoas que ganharem dinheiro, querem que o povo viva na miséria.

  5. justino says:

    Portugal a gamar sempre na linha da frente !

  6. justino says:

    Em Portugal a democracia serve para 2 coisas.
    Votar, dar-lhes tacho e ser roubado nos impostos até mais não por aqueles a quem demos tacho.

  7. compro essa também says:

    Então aproveitem enquanto podem porque essa pratica também terá os dias contados… mas depois veremos…

    • PorcoDoPunjab says:

      compro essa também, já o saudoso Medina Carreira dizia o mesmo.
      Com tanto roubo, nepotismo, desresponsabilização, sou o primeiro a dizer quem quiser democracia assim que a leve e bom proveito.
      Não há um político que seja preso, safam-se sempre.
      Quando há um que é preso é porque caíu em desgraça e é preso por isso e não pelos crimes que cometeu.
      As pessoas fartam-se…
      Como dizia o Medina Carreira, com este nível de roubo, é a própria democracia que está em risco.

  8. gambuzino says:

    É preciso ser mesmo burro para declarar cripto!! Nesse meu bolso o estado não mete a mão de certeza!!

  9. Carlos Almeida says:

    Num mercado que perdeu mais de 60% do valor em 6 meses, há mais gente a perder o que a ganhar. Não sei se será um bom negocio para as finanças.
    Nos esquemas em pirâmide o que não faltavam eram angariadores a defender o produto quando o castelo de cartas já estava a cair

    • secalharya says:

      Só os desinformados compraram quando estava alto.

      Agora parece ser a melhor altura para comprar. Em 2025 deverá valer bastante mais.

      • Manuel da rocha says:

        Sim… com a promessas de 700 milhões até 999 biliões, antes do fim de 2024, é enfiar lá dinheiro. Cuidado é se as colocas numa das exchange que acaba falida, pagas 300% e ainda ficas sem elas.

    • Zé Fonseca A. says:

      Malucos são aqueles que compram o quer que seja em spot, quem percebe da coisa usa estrategias de mercado-neutro ou arbritagem, sempre com derivativos, preferencialmente futuros. Depois as alavancagens depende da exposição com que cada um se sente confortavel.
      Quem faz estratégias dessas tem retornos de 50% ao ano em bear markets e 70-80% ao ano em bull markets.
      Comprar spot e esperar que suba ou desça é cena de amadores.

  10. JR says:

    Solução:
    – Cartoes VISA das plataformas CEX e alterações de valores em DEX.

  11. Sérgio says:

    Staking com stablecoins também vai ser tributado?

  12. paulo says:

    e ja viram que a relamentacao passa sempre por pagar impostos ! conseguiam controlar melhor sem o factor de impostos! assim niugem tinha medo de mostrar , mas o estado simplesmente esta interessado na sua parte do roubo!

  13. PorcoDoPunjab says:

    Razingolho, por acaso algo do que eu disse é falso?
    Só para saber…
    E vá chamar troll à sua tia.

    Barão Vermelho, aqui na minha zona quem pagou os postes da electricidade e telefone e o alcatroamento das ruas foram os moradores.
    Acha que posso construir aqui uma SCUT na minha rua?
    É que o meu pai e os outros é que pagaram esta bodega toda.
    Só quero dizer que desconto para o Estado bem mais do que recebo dele.
    Que história é essa de usar estradas públicas? Não faço descontos enormes? Não pago IUC? Não pago taxa do lixo ou saneamento ou lá como é?
    Ou seja, só pago e não uso nada?
    Está certo, deve ser a nova ordem mundial, só paga!
    Volto a repetir, se o Estado me desse a opção de não descontar e não usar nenhum serviço deles eu escolheria isso logo na hora.
    Em relação a usar estradas, ao pagar IUC e demais impostos rodoviários tenho direito a usar.
    Ou vai dizer que nem podia sair de casa porque o chão é parte do estado e não posso andar por cima dele?
    Ainda este mês foram quase 700 euros ao ar.
    Como seu eu gastasse ao Estado 700 euros por mês…
    Com esse dinheiro que pouparia faria um PPR brutal, um seguro de saúde completo e ainda me sobraria uma quantia jeitosa.
    Em relação a ter um problema de saúde e o seguro de saúde me mandar passear, por ultrapassar o plafond, com quase 4 décadas de descontos se tivessem ficado no meu bolso, já viu o dinheiro que eu teria para tratar de mim num caso destes?
    Seriam, nem sei bem, dezenas de milhares de euros, muitas dezenas… acho que seria suficiente.
    Mas pronto, o socialismo está tão enraizado nos Portugueses que isto é a nossa desgraça.
    Não sairemos disto enquanto olhar-mos para o Estado como o santo protector, que não é nem nunca foi.
    Vejam lá se os funcionários públicos vão ao SNS, não é um paradoxo? Funcionário público vai ao privado…
    Enfim, país tão pequenino… Não dá para mais, infelizmente.

    PorcoDoPunjab, o porco que quer o menor Estado possível e que seja bem gerido e tb encantador de burros nas horas vagas

    • B@rão Vermelho says:

      Então e se a casa for assaltada, não há direito a chamar a policia, nem ir aos tribunais, quanto a legalização/ infraestruturas lá por pagar a rua não passou a ser privada.
      A rua já voltou a ser asfaltada?
      não houve ruturas na via pública?
      Os passeios continuam sem buracos, está a ver são das tais coisas que damos por garantido mas tem custos.
      Por falar em saúde tem noção do valor das coisas, eu sou da opinião que quando vamos ao hospital deviamos de receber a factura mesmo não pagando nada mas só para as pessoas terem noção dos preços como não pagamos ficamos com a sensação que é tudo grátis.
      Não fiquei chateado comigo, estamos só a conversar, eu prefiro ver o copo meio cheio e o meu amigo prefere ver meio vazio, eu vejo assim o copo porque sou doente crónico, tenho mais coisas para me preocupar
      Já agora mesmo indo aos hospitais privados quando vai a farmácia não paga o real valor dos medicamentos, sabe porquê?
      Eu necessito de tomar uma medicação de 25000€ de 15 em 15 dias só a posso tomar porque temos um estado social, e é por isso que digo não podemos confundir as urgências dos hospitais com o serviço nacional de saúde e sou seguido e trtado no Hospital Santa Maria.
      Abraço do tamanho da distância que nos separa neste momento de ferias em Singapura

  14. Rui says:

    Então mas cripto não era tudo scam e esquemas ponzi? Que ia levar à ruína quem entrasse em cripto. Então porque é necessário taxar algo se toda a gente vai perder? Os discursos dos políticos são sempre muito coerentes. Percebem zero deste mercado. Enquanto a velha Europa está a tentar matar a inovação outros continentes estão a usar em seu proveito.

    • joao says:

      Ninguem esta a ‘matar’ nada, eles querem e’ controlar… Como se fossem conseguir LOLOLOL

      O futuro nao vai ser vender, mas sim usar cripto, e ai o estado fica a anhar …… 🙂 🙂

  15. Paulo says:

    Sei que tem muitos comentários e respeito a opinião de todos, mas contra factos não há argumentos.
    ISTO É O MAIOR ROUBO DO ESTADO PORTUGUÊS NOS 800 ANOS DE HISTORIA DE PORTUGAL!

    Eu se passo EUR para USD, RUB, REAL, ou outra moeda fiduciária o Estado não tem nada que por a mão! Ponto final!
    (Meu valor está num activo neste caso EUR, e deixo os EUR ao BCE e o meu valor passo para outro activo)
    Já com moedas que nem pertence a UE… posso fazer com elas aquilo que me apetecer! Troco por criptomoedas! e Pago com as criptomoedas! O ESTADO NÃO TEM NADA QUE COLOCAR AS MÃO ONDE NÃO LHE COMPETE!

    Eu já comprei Real quando recentemente estava a $RS 5,70 e foi levado ao MercadoPago (onde estou com CBD 120% a render e que pela mesma plataforma compro criptomoedas, e posso pagar com as criptomoedas aqui em Portugal, agora eu pergunto que raio de um c….. tem o ESTADO A VER COM ESTE CENÁRIO????

    • Sergio says:

      Exato…. Mas o povo gosta e de pagar taxas e comissões… e caso não paguem reclamam para todos pagarem.
      Crypto na ledger e quero ver quem controla e nos cobra taxas….

      Fuiiii

  16. Minerador says:

    Crime sem rosto que leva ao nepotismo, não pago nada, tudo o que tenho foi comprado com o meu dinheiro já com os impostos todos feitos, pago eletricidade ao valor que eles inventam, na minha casa de noite parece um vespeiro em festa, sou cobrado pela alfândega quando compro alguma coisa e agora estes idiotas vem com ideias que as crypto ativos só servem para o crime e devem ser tachados como o crime pagasse imposto kkkkk
    Todo o meu investimento é do meu trabalho e não pago nada a ninguém.
    Agora se querem tachar, informem o povo que podemos depositar as nossas cryptos nos bancos, pagar o IRS, IRC, coimas de trânsito… e aí sim poderei ponderar pagar alguma coisa mas não da forma que estes cryptokillers querem.

    • Minerador says:

      Explico que o nepotismo aqui falado é a ligação familiar da governança de 50 anos de governos, amigos, EPP e outras empresas privadas foram fortemente descapitalizadas para serem vendidas por oferta e tem perdões de milhões e outros aspiradores de impostos dos contribuintes e aí o nepotismo se encaixa quando esses mesmos governantes são membros das administrações juntamente com os grandes escritórios de direitos que deveriam ser defensores da verdade e não mestres a favor do sistema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.