Quantcast
PplWare Mobile

Discussão entre Elon Musk e o CEO do Twitter acabou com resposta única (💩)

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Técnico Meo says:

    Não foi longe demais. Deve ter ficado estarrecido como muitas pessoas ficaram que a falta de ética juntamente com a inquinada programação da I.A. dos bots é deplorável e fraudulenta . Efectivamente pelos vistos as próprias redes sociais criam forças de valor inflacionadas e falsas de forma a aumentar a incidência e os números.

    No mercado normal isto é penalizado legalmente , e severamente. Práticas de dumping autêntico. Se Musk fosse tuga não era aquela emoji mas sim um belíssimo vai pro # á boa maneira nortenha

  2. Nuno+Palma says:

    Informo para os devidos efeitos que não concordo com a seguinte frase: “Mais uma vez fica claro que Elon Musk responde a qualquer questão de forma quase aleatória.” Aleatória?? Ele sabe bem o que faz.

    • CJ says:

      Exactamente, que frase mais idiótica para se dizer… Ainda bem que o jornalismo hoje em dia consiste mais na expressão de opiniões do que na constatação de factos e ainda bem que o Pplware sabe mais sobre o que se passa no Twitter do que a pessoa que vai investir 44 mil milhões para o adquirir. É só ridículo…

    • Vítor M. says:

      E pelas respostas aleatórias que dá transparece isso mesmo, que são assim extemporâneas, mas com um sentido bem claro. No fundo, tal como ele já no passado mostrou, no caso dos jovens que ficaram presos nas grutas, ele dá um tipo de resposta para se defender do contraditório. Ele não é tolo nenhum 😉

  3. Dani Silva says:

    A resposta não foi nada aleatória.

    Em inglês existe a expressão “bullshit”, que foi exactamente o que Elon Musk pretendeu dizer com o emoji. E essa expressão é muito concreta!

  4. Mr. Y says:

    A mim cheira-me que está a arranjar desculpas esfarrapadas para não avançar com a compra. Mesmo que haja um grande número de bots o que é que isso interessa?
    Assim que tomar a empresa faz um plano para a criação de ferramentas ou processos para a detecção de bots e depois faz crescer a sua base de utilizadores com a tão falada liberdade

  5. Trolha says:

    Não percebo o porquê de tanto destaque para esta gente…briguinhas nas redes sociais.
    Who cares?!

  6. ma says:

    Foi longe de mais porquê? e aleatória porquê? Respondeu BS com emoji. CEO do Twitter a atirar areia para os olhos dos outros…

  7. Damn says:

    Ao surgir o facto de haver demasiados boots, foi uma excelente oportunidade para Musk baixar o preço. Ele quer o Twitter sem dúvida, mas se for por metade do preço, óptimo.

  8. Jorge Carvalho says:

    Há que fugir ao dinheiro que ele tem que pagar se não avançar com o negócio.
    Se abdicou da due diligence agora é tarde para questionar seja o que for.

    Abc

  9. secalharya says:

    O Musk pensa que percebe da poda mas só diz asneiras.

  10. falcaobranco says:

    Parece uma novela mexicana…

  11. Olaf says:

    Que perseguição, deixem o homem em paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.