Quantcast
PplWare Mobile

(Ciber)Guerra entre a Rússia e a Ucrânia já com baixas online

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Ricardo Gomes says:

    Loool, isso é apenas tema nas TVs Portuguesas e por causa do mau jornalismo. Ataque eminente etc… a por a Rússia como mau da fita, além de ser totalmente ao contrário. Muita falta de competência anda por aí… nem se deram ao trabalho de aprender a história.

    • José says:

      Pois, coitada da Rússia cercada pela Ucrânia, que ocupa também territorios dos vizinhos: Geórgia e Moldova, além das regiões onde deu passaportes e nacionalidade a quem quis para toubar3mais território aos vizinhos! Coitada da Rússia tão pequena e indefesa! Nem se percebe porque é detestada pelos vizinhos – e curiosamente, mais por aqueles mais se deram com ela, esses imperialistas tiranos… Se não fosse a “conversa do ataque eminente” a esta hora estariamos a falar de um ataque grande escala, pela terrível Ucrânia que quer ser democrática, pertencer U.E. e NATO. Que horror.

      • Ricardo Gomes says:

        Há pessoas que são a prova viva de que a falha cerebral completa não leva necessariamente à morte. Links ja deixei em baixo se queres realmente aprender a história com neutralidade.

        • Ricardo Gomes says:

          Tenho 40 anos e se estivesse de acordo contigo, então estávamos os dois errados. Como não gosto de estar errado, leio muito, estudo muito e informo-me muito pra nunca errado, também não aceito que um inocente escondido atrás dum nome que nem o nome real é nem foto apresenta me venha chamar de ignorante quando o ignorante gigantesco aqui és tu e mais uns quantos. Queres um conselho meu: Vái brincar de árvore! e ja que não queres aprender nada, deixa aprender quem realmente quer.

      • ROMUALDO MORAES NETO says:

        Uma vez que a Ucrânio recuou do delírio de ser linha auxiliar do imperialismo estadunidense, deixando de ser “membro” decorativo da NATO, não tem pq a Rússia desperdiçar recursos com tropas na fronteira.
        Ainda que, quem vive nessa fronteira sejam povos que desejam se libertar dos nazistas ucranianos.

    • Darkny says:

      Obrigado Ricardo por ter chegado ao pplware e nos ter tirado da escuridão! O Ricardo é uma lufada de ar fresco. Sabe tudo!

      • Ricardo Gomes says:

        Obrigada :), mas é uma pena ver tanta gente analfabeta em Portugal que não sabe pesquisar os acontecimentos a história ou simplesmente factos e se deixa levar por outros analfabetos que não aprofundam nenhum tema e mesmo assim não conseguem aceitar que a sabedoria não vem do céu e que provém do tempo investido a estudar um tópico específico. No fundo nada de outro mundo. Espero que tenhas compreendido 😉

        • GM says:

          Ouve os primeiros minutos, ou, já agora, o programa todo. Tem umas lições de história Rússia / Ucrânia: https://www.youtube.com/watch?v=BrREybc09BI

          • Ricardo Gomes says:

            Não ouvi tudo mas o que ouvi chega… Poucos factos e muitas opiniões, tipico Portugues… So experts na materia 😉 Queres algo mais neutro vê este vídeo que explica bem as raízes do problema em muito menos tempo = informação focada. Usa as legendas com tradução para Português: https://www.youtube.com/watch?v=WCwx94TOGPQ

          • GM says:

            Típico português?? E tu és o quê, já agora?

          • Ricardo Gomes says:

            Sou Portugues, com formação Portuguesa, mas que depois fui formado num outro país ao qual me tive que adaptar. No final cheguei a conclusão que eles tinham razão e que a formação que tive em Portugal é totalmente obsoleta dai os meus comentarios Tipico Tuga, porque também já fui assim até perceber que apenas estava fazendo Merd…

          • Ricardo Gomes says:

            Ja agora se queres perceber a Historia completa: https://www.youtube.com/watch?v=CWhoALa6bTU
            e se queres perceber o conflito ao detalhe sem grande blablabla e duma forma neutra: https://www.youtube.com/watch?v=qowsHwEBjoA&t=45s

          • GM says:

            Só se tiver sido a tua formação. No geral, os profissionais portugueses, com a formação adquirida em Portugal, são deveras apreciados. Só um pequeno/grande exemplo, os Enfermeiros. No Reino Unido, Suiça, etc.

          • Ricardo Gomes says:

            Estas off da realidade. Eu vivo na Suiça. Geralmente não vez nenhum português em altos cargos a não ser cargos que foram atribuidos atraves da politica. O número de portugueses com alto conhecimento é bastante reduzido e a formação nacional é considerada fraca, na Suiça muito fraca até. O que acontece é que graças a falta de recursos um enfermeiro português tem facilidade de aprender outros métodos relativamente rapido num outro pais como por exemplo a Inglaterra, mas estamos sempre a falar de profissões ao qual o grau de conhecimento não é extremamente alto e casos muito pontuais. O povo português não é um povo focado ou interessado porque não existe esse tipo de cultura desde pequeno, para que tal fosse possivel. Se queres mais esclarecimentos, pergunta agora não venhas com afirmações se algo que não conheces e só porque viste uma vez na TV dum português etc. porque esse português é apenas um português e não a generalidade. Facto é que profissionalismo em portugal é raro e também te digo por experiência própria porque já tive algumas empresas em portugal.

        • Guilherme says:

          Obrigada? Fugiu a boca para a verdade nesta conta feita para propaganda?
          Vê lá se não te enganas e usas uma conta do pcp ou be…

        • Darkny says:

          Só não percebo o porquê do Ricardo dizer “obrigada” em vez de “obrigado”. Um tipo com o seu intelecto deveria de saber a diferença

      • Jonny says:

        É mesmo! Para alem de ser um cibernauta esclarecedor também é padre da paroquia da santa terrinha

        • GM says:

          E está em todas. Sabe mesmo tudo. A Ordem dos Enfermeiros, que tem emitido documentação para os seus membros poderem exercer no estrangeiro, que não o ouçam.

          • Ricardo Gomes says:

            Es ridiculo… agora o ser interessado e aprofundar vários temas, fazer varios mestrados, escrever vários livros, formar varias empresas, etc, etc, etc, durante o meu periodo de vida, é o problema? 🙂 Eu não tenho culpa da grande maioria querer viver no mundo dos unicórnios e da estupidez.

          • GM says:

            Acho que o teu problema és mesmo tu. Estás cheio de ti.

          • Ricardo Gomes says:

            Pois la esta, novamente achas muita coisa, mas facto é que não sabes nada… tens uma autêntica alergia à inteligência ou mais propriamente falando es resistente à educação!

          • GM says:

            Muito resistente, mesmo. A formação académica e profissional contínua comprovam-no.

          • Ricardo Gomes says:

            Acho que já expliquei a parte da formação nacional ou não? Digo isto porque algumas pessoas são tão poupadas no pensar, é como se fosse ilegal. Além do mais a formação superior da minha mulher por exemplo nem sequer foi reconhecida ca… Já agora em economia só tenho um bacharelado… em Portugal, no mesmo período de tempo já era doutorado. Isso explica em parte o porque do país estar como esta, mas há quem se recuse a reconhecer a realidade 😉

          • Ricardo Gomes says:

            A pergunta mais acertada seria: Onde os posso ler e são sobre o quê 🙂

        • Ricardo Gomes says:

          WOW, tu es aquela certa coisa, de nada 😉

          • UnhuZpt says:

            Voce e do tipo de emigrante que envergonha os outro.

          • Ricardo Gomes says:

            Se pesquisares o meu nome no google, ou linkedIn ves que sou exemplo e não vergonha… a tua falta de sabedoria associada a comentarios de merd… é que são um vergonha… o teu nascimento foi outro contribuinte para a poluição ambiental, so pode.

          • Mf3rRo says:

            Este é o tipico chico esperto, que lê toda a treta da internet e acha que é assim que se torna culto… Se tens curso ou não, isso é teu problema pessoal, mas pelos vistos, o estudo fritou-te o cerebro…

            (PS1): Tirania da hungria e a russia pequeninha e coitadinha (esta é demais)

            (PS2): Espero que não encontres o link que explica que a terra é plana, senão ainda vens para aqui feito dr. outra vez… LoL

            (PS3): Existem mais profissionais portugueses fora de portugal, e são muito bons e de muitas diversas áreas, vão para fora porque infelizmente portugal paga mal, por isso deixa-te de tretas e pára de ser pseudo-génio com os outros… se tens empresas, espero que não controlores os recursos humanos, senão, coitadinhos deles… LoL

            (PS4): O único ignorante que aqui vejo, é o sr. Ricardo, pensa que é o sr. da verdade e está a insultar todos como fosse um deus, espero que na suíça não seja assim, porque senão, só nos envergonha como portugueses…

            Meu deus

          • Ricardo Gomes says:

            mf3rRO… Já alguém te disse que es muito inteligente? Pois, também não vai acontecer por uma razão muito simples, escreves tanta coisa para não dizer rigorosamente nada? Nada que tu dizes é medível… Tens factos ou so criticas por criticar? Estas ai cheio de opiniões mas factos ZERO… alem do mais eu não insulto ninguém, e nem sequer respondo com a mesma moeda caso contrario vinhas para aqui dizer que assassinei alguém 🙂 mas não sou de facto obrigado a aceitar as baboseiras da maioria das pessoas incultas que comentam por aqui… tu incluído. Querem espalhar diarreia, espalhem-na no vosso facebook pessoal, ao menos ai não estão escondidos atras dum nick. Desinformação não é bem vinda. Ponto

      • Ricardo Gomes says:

        Pois…Sabes que eu a uns 20 anos costumava sempre supor que todas as pessoas tinham uma certa inteligência básica, mas agora sei o quanto ingênuo eu era na altura.

    • zakarias says:

      A Ucrania tem direito á sua liberdade e tomar as decisões que bem entender, independentemente de acordos que tenham sido assinados para a não expansão da NATO. Tem o direito de assinar acordos com quem bem entender, já não é um território russo. Vi os teus videos e não adicionam nada á conversa a não ser o receio da russia ter mais um pais da NATO á porta. Isso não justifica uma invasão ou ameaça da mesma. Estás cego com essa conversa do medo da nato, já vimos a russia ultrapassar a linha na Crimeia, só para garantir força geo-politica do mar negro, e desta vez são os enormes recursos naturais de minério da região de Donetsk que os russo estão atrás. A invasão caso ocorra só irá até ai. Tenho pena que não consigas ter uma visão mais geral do que está acontecer, e mandes ver videos de história com reis e rainhas e czares e merdas que não interessam que não explicam nada do que está a acontecer, a não ser o medo que os russos vejam a nato á porta. E vou mais longe, se isto acontecer e não houver repercursões a seguir é a china com taiwan, é uma questão de tempo. Á e é verdade, pareces ridiculo com essa postura altiva de quem acha que por estar na Suiça se acha melhor e mais informado que os outros, estás muito enganado. Ja estive como engenheiro de software na Suiça (Basel), na Irlanda (Cork), UK (Londres), Polonia (Varsóvia), Alemanha (Berlim), e considero os tugas um povo bem informado e profissional.

    • Paulo says:

      Tens razão, existe uma visão anti Rússia criada pela propaganda dos meios de comunicação social que toda a gente já notou que são pró Americanos.
      As pessoas não se dão ao trabalho de se informarem através de outros meios alternativos ,pesarem a informação e fazerem a triagem da mesma.
      Comem tudo o que se lhes diz.
      Apesar de tudo não foi a Rússia que usou a bomba atómica 2 vezes contra um país já derrotado e contra população civil.
      Apesar de tudo não tem sido a Rússia a começar guerras infindas, devido ao interesse económico.
      Apesar de tudo não tem sido a Rússia a faltar à sua palavra.

    • Samuel MGor says:

      A Russia é mesmo a má da fita!! A anexação da Crimeia, aprisionar quem diz mal do regime e todos os que são opositores ao ditador Putin, sem falar dos vários envenenamentos feitos em países que nem são aliados. Talvez se desses ao trabalho de aprender sobre a história saberias que eles tiveram ao lado dos nazis durante a maior parte da 2ª guerra mundial, só mudaram de lado quando foram traídos.

      • Ricardo Gomes says:

        Samuel por favor não venhas misturar assuntos irrelevantes para os acontecimentos atuais… queres mesmo perceber a história toda ou não? Caso estejas realmente interessado diz que tenho todo gosto em te dar 2 links completamente neutros que explicam a história e a situação actual.

      • José da Apatia says:

        Ui. Isso está mau, por esses lados. Não estudes, não.

        • Samuel MGor says:

          Está mau!! Não deves ter tido aulas de história se tiveste deves ter chumbado 🙁
          Vai pesquisar ao invés de mandar bitaites…

          • Ricardo Gomes says:

            Acho que estas a confundir contigo mesmo, Queres saber o ponto actual das situação de forma neutra tens aqui: https://www.youtube.com/watch?v=j51lrdzxBg0 e aqui: https://youtu.be/WCwx94TOGPQ se não sabes alemão basta usares as legendas e tradutor para português e se queres perceber toda a historia da ucrânia tens aqui também um video: https://youtu.be/CWhoALa6bTU e se quiseres provas de todo o conteúdo de cada video tens as respectivas referencias nas descrições de cada video. Boa Aprendizagem.

          • Ricardo Gomes says:

            Sim forma neutra… sabes o que isso é? Sabes como se comprova a neutralidade? Que método é usado? Incluindo a transparência de informação? sendo claro onde se foi buscar informação? Se sabes então nem questionas sequer a neutralidade dos videos. Se não sabes vais questionar porque não vais aceitar factos mas sim o que tu proprio queres aceitar.

          • Julio says:

            Gostava de perceber como e que um video de uma deputada do Die Linke (basicamente PCP ou Bloco de Esquerda), um video de uma Marxista-Leninista, e considerado uma fonte neutra de informacao?

          • Samuel MGor says:

            Não sabes mas o MrWissen2go é um dos youtuber que está da desinformação sobre o Covid e da campanha contra a vacina da Pfizer 😛
            O outro youtuber Sahra Wagenknecht é conhecido por ser pró-russia 😛
            Portanto usar estes vídeos é no mínimo burrice.

          • Ricardo says:

            De forma neutra? Uns vídeos do youtube! Wow! Só falta acrescentar uns chats do whatsapp ou uns posts do Facebook

          • André Villas Boas says:

            Basta ver quem são os autores desses belos vídeos para perceber que de “neutro” não têm nada

          • Ricardo Gomes says:

            Samuel MGor, Ricardo e André Villas Boas… Eu fiz umas perguntas: 1.Sabes como se comprova a neutralidade? 2.Que método é usado? 3.Que método é usado para comprovar a transparência de informação? se me souberem responder a estas 3 perguntas então vocês sabem como se torna a transparencia medivel… se não souberem responder então nesse caso não têm competência de avaliação. PONTO. PS. A Sarah Wagenknecht não é pro russia, aliás com pais iranianos e com a história por de trás nem podia ser…mas é neutra e não defende politicos com alzheimer, assim como é neutra e reconhece os os erros alemães e o que levou a queda do muro de berlin entre muitas outras coisas…antes tivéssemos políticos do calibre dela em Portugal. E só porque querem acreditar em bobagem não significa que esta seja verdade.

          • André Villas Boas says:

            Ah, você é da malta das teorias da conspiração, do grupo dos chalupas. Podia ter dito logo, que a malta dava desconto. A Sahra Wagenknecht é Marxista Leninista (e outras coisas acabadas em “ista”), como é óbvio os artigos/ opiniões dela são tudo menos neutros. Diz-me quem lês/ vês, dir-te-ei quem és, camarada.

          • Ricardo Gomes says:

            Oh Vilas Boas, tu ouviste o nome dela pela primeira vez aqui 😉 e depois tudo o que não vai ao encontro das tuas ideologias é errado e os outros são todos menos neutros mas nem sabes distinguir o que é ser neutro ou não caso contrário já me tinhas dado resposta a pelo menos uma das perguntas que te fiz… Se queres tanto acreditar em lixo força 😉 não há nada que possa fazer para te impedir 😛 Agora que estás errado como os teus dois parceiros lá isso estas por muito que queiras vender o contrário 🙂 Boa sorte

          • André Villas Boas says:

            De facto nao conhecia a Sahra (estás a escrever mal o nome dela, nao é “Sarah”) e por isso fui pesquisar sobre quem ela é. É uma política de extrema esquerda e pró Russia, tao simples quanto isso. Nao tem nada a ver com gostar da ideologia X ou Y, tem a ver com o obvio, o muito obvio, de que um vídeo de opiniao desses nao tem absolutamente nada de neutral, como estás a tentar convencer os outros (a nao ser que acredites mesmo que esse vídeo é neutral, nesse caso padeces de uma patologia ainda pior). Idem aspas para os outros videos que puseste, que sao ainda piores. Mas pronto, continua a espalhar desinformacao barata e a fazer de conta que es um grande pensador, camarada.

          • Ricardo Gomes says:

            Eu fiz-te uma pergunta. Mas até te vou simplificar-te a vida. Diz-me uma, apenas uma, sentença que esteja errada neste video: https://www.youtube.com/watch?v=CWhoALa6bTU se não conseguires UMA apenas UMA, acho que está na altura de te calares duma vez por todas.

          • André Villas Boas says:

            O que é uma sentença? Uma sentença de tribunal? Gosto de debater mas não com pessoas de nível cultural inferior. Nem levas um prémio de participação sequer.

          • Ricardo Gomes says:

            Isto ja se torna demasiado ridiculo:

            Língua Portuguesa
            sentença

            sentençasen.ten.çasẽˈtẽsɐ
            nome feminino
            1. DIREITO ato pelo qual o juiz decide a causa principal ou algum incidente que apresente, segundo a lei, a figura de uma causa; veredito
            2. acórdão; parecer
            3. opinião justa ou fundamentada
            4. frase curta que encerra um pensamento moral; provérbio; máxima
            5. fórmula de uma impressão intelectual

          • Ricardo Gomes says:

            Quem insiste nas parvoíces são vocês… eu limito-me a responder… se eu não tenho nada pra fazer vocês então estão desempregados certo?

    • jorgeg says:

      +1
      100 correcto,… os iluminados devem julgar que todo mundo anda a ver cnn!

    • Ricardo says:

      Fui ver o tal CV ao Linkedin… Isso é supostamente ser um CV impressionante? Trabalhar numa boutique de consultoria?

      • Ricardo Gomes says:

        LOOL, tão mas tão longe da realidade, mas se comentar diarreia te faz sentir melhor, força 🙂

        • Ricardo Gomes says:

          obviamente, até porque tu estas a terraformar Venus para salvar a raça humana 😉

        • Ricardo Gomes says:

          Claro, o meu comparado com o teu não deve ser nada…quanto só lidero projetos classificados para Dassault, Lockeed Martin etc… tu estas a terraformar Venus para salvar a raça humana 😉 absolutamente compreensível 😉 agora vamos esperar pelo comentário do UnExpert 😉

    • André Villas Boas says:

      Muita gente aqui a levar o Ricardo Gomes a sério. Ainda nao se aperceberam que ele aprendeu tudo de dois videos youtube que sao a verdade absoluta? Ainda nao se aperceberam que ele vota PCP e gostava mesmo era do regresso da URSS? Ainda nao se aperceberam que ele tem problemas de afirmacao?

      • Ricardo Gomes says:

        Apenas para te comprovar que estas novamente errado. Comprova-me já agora que factos é que estão errados nestes video: https://www.youtube.com/watch?v=CWhoALa6bTU sff 🙂 Podes dizer min. X informação errada, e o comprovativo de onde foste buscar a informação certa. Já sei que não o vais fazer e sabes porque… Porque a informação que la esta é 100% correcta.

    • Julio says:

      O maior problema do Ricardo nao e nao saber – ninguem pode saber tudo – e 1) Nao saber, 2) Achar que sabe tudo e 3) Tentar convencer os outros do mesmo. Da muita vergonha alheia.

  2. To Canelas says:

    Queres saber realmente o problema? Tens aqui mais ou menos explicado:
    https://jornaleconomico.pt/noticias/por-quem-dobram-os-sinos-em-kiev-846286
    O que falta aí explicar é que existem russos com muito dinheiro nessas áreas “separatistas”, o que faz com que o Putin se mexa mais rapidamente.

  3. Joao Ptt says:

    Segundo a arte da guerra é agora o momento em que as forças militares da Ucrânia e os países vizinhos devem estar em alerta total e prontos para a guerra total (ao mesmo tempo que desejam a paz).

    Toda a gente fala na Ucrânia, mas existe a possibilidade dos Russos invadirem a Europa toda. Têm a capacidade militar para tal, tem andado a renovar equipamentos e a treinar bastante nos últimos anos para ataques em larga escala, a tal ponto que a Suécia já em 2019 avisou a sua população para se preparar para uma possível guerra envolvendo a Rússia ( in. https://youtu.be/YCAJofc4ajM “Why Sweden is encouraging citizens to become preppers.” por SBS Dateline ).

    Por isso o aumento da presença militar de diversos países da OTAN/ NATO nos países próximos da Rússia e Ucrânia faz sentido, no mínimo para a Rússia não se entusiasmar com uma vitória retumbante na Ucrânia e decidir continuar rumo ao resto da Europa.
    É uma vergonha Portugal, no âmbito da assistência mútua da NATO/ OTAN não ter já deslocado forças militares para dar apoio na Eslováquia, Hungria, e Roménia, e eventualmente ter apoio de retaguarda algures na Chéquia. A Polónia e a Alemanha acho que já têm unidades dos EUA.

    Qual a ideia? Se houver guerra total na Europa, para pelo menos os EUA verem que Portugal se comprometeu de verdade com a NATO/ OTAN e para nos ajudarem futuramente se precisarmos mesmo, se não numa fase inicial, pelo menos numa fase posterior de reconquista.

    • To Canelas says:

      Andas a ver demasiados filmes de Hollywood. Não vai haver guerra nenhuma, informa-te e deixa-te de contra-informacao, para isso já basta a maioria dos media portugueses (e não só).

    • Jorge Tomaz says:

      A Rússia não vai invadir a Europa! São 3 às causas da crise Rússia vs Ocidente/ Ucrânia. Quando o fim da união soviética, os EUA garantiram a Rússia que os países de leste europeu, ex repúblicas soviéticas , fizessem parte da NATO! Mas os EUA não respeitam o acordo! Na Ucrânia quase 40% da população usa o russo como língua materna, mais no leste. Os governos nacionalistas, tentaram impedir o uso/ discriminação da língua russa! Mais importante, é o gás natural, a Rússia e a Alemanha,fizeram acordo para construção do gasoducto Nordstreseam para levar gas para Alemanha! Os EUA, são agora um dos mais produtores de gás natural, não aceitam esse negócio. Queriam vender o seu gás natural a Europa!

    • Ricardo Gomes says:

      Joao Ptt: Nem sequer os meus trabalhos de casa em física estão tão errados como tu… Posso perguntar onde foste buscar essa informação? TVI?

      • Joao Ptt says:

        Vejamos a Rússia andar a preparar-se para invasões em larga escala? Está ali a fonte:“Why Sweden is encouraging citizens to become preppers.” por SBS Dateline.

        Os países estarem em alerta e prontidão máxima? Está lá a fonte: “A arte da guerra”, porque a decepção/ mentira é muito utilizada. Deseja-se o melhor, prepara-se para o pior caso o possível invasor esteja a mentir.

        O aumento de meios e pessoal da NATO/ OTAN, nos países próximos à Ucrânia são noticias públicas em vários locais, e ainda relatos de pessoas em diversos países.

        Conheço esses argumentos de a Rússia ter as suas próprias razões, e do ponto de vista deles faz sentido… é só por dizer que os outros países não gostam muito quando a Rússia decide intervir em OUTROS países devido à sua tendência para querer implementar um certo tipo de política que não é do agrado de outros países (ex.: só se pode candidatar quem o Estado estabelecido quer, do género: as candidaturas são recusadas, os candidatos são presos por um motivo qualquer, ou os candidatos são mortos), especialmente aqueles que já tiveram debaixo de ocupação deles… que conhecem muito bem a realidade do estarem ocupados e não estarem ocupados.

        De onde vem a ideia de que a Rússia poderia invadir a Europa toda? De previsões que falam na terceira guerra mundial.
        Não é claro se na terceira guerra mundial é a Rússia, ou os radicais islâmicos liderados por alguém que irá aparecer apoiados pela China, após algum acontecimento visto como um sinal “divino” (ex.: grande erupção vulcânica algures próximo de Itália, e/ ou queda de meteorito no Mar Mediterrâneo) que irão invadir a Europa… apenas é claro que irá acontecer.

        Se for a Rússia em princípio irá criar alguma distracção (tipo Ucrânia) para desviar as atenções para essa zona e atacar primariamente a Finlândia, Suécia, Noruega e talvez a Dinamarca, e a em seguida avançaram com uma coluna de blindados em larga escala Europa dentro, só sendo de facto parados na França. No final acabam por perder, não sem antes destruírem a Europa quase toda, perdendo após os EUA alguns anos depois se terem organizado para terem o pessoal e meios para invadir a Europa e ajudar o que resta dos exércitos europeus. Os EUA não intervirão em larga escala inicialmente porque estarão demasiado ocupados a proteger o seu próprio país da Rússia, China e sabe-se lá mais de quem.

        Se forem os radicais islâmicos a atacar, será em principio devido à falta de meios marítimos/ aéreos para os parar após algum cataclismo grave que irá ocorrer. Como apenas os meios terrestres em princípio estarão operacionais numa fase inicial e nessa altura os mesmos serão escassos devido ao desinvestimento dos Estados nas forças militares, os atacantes estarão em vantagem. O Ataque irá ocorrer pelo menos através da Turquia e do Sul de Itália. Portugal e Espanha também serão ocupados, e tendo em conta o desinvestimento militar pelo menos em Portugal, não é de admirar… neste momento deveríamos ter uns 5 a 6 milhões de portugueses com formação militar e todo o equipamento em casa pronto a ser utilizado para no espaço de +/- 1 hora termos toda a gente nas ruas prontos a repelir um ataque, naturalmente que seria necessário ir a instalações militares locais buscar o equipamento mais avançado para fazer frente a tanques, drones, aviões, helicópteros, etc. Sem falar da alimentos, que seria necessário ter alimentos de reserva para anos. Nesta altura ainda estamos a tempo, mas como ninguém do Estado o irá fazer, quando chegar à altura nada haverá a fazer a não ser capitular ou fugir.

        Num cenário de invasão por radicais islâmicos a Rússia em princípio irá estar confortavelmente a desfrutar da destruição da Europa sem mexer uma palha para expulsar os ditos radicais islâmicos até que a certa altura vão perceber que se não intervirem eles mesmos serão invadidos e aniquilados… só nessa altura, e em princípio já com a presença em larga escala dos EUA é que a Rússia vai decidir auxiliar o que restar dos exércitos europeus a expulsar os invasores… não por preocupação com os Europeus mas devido ao receio bastante real de que eles sejam a seguir e que nem eles com todos os seus meios sejam capazes de impedir a conquista total dos seus territórios.

        O facto da Europa estar extremamente fraca a nível militar, poucos recursos humanos e meios, faz com que seja um alvo extremamente apetecível tanto para uns como para outros. Existe muita coisa para roubar, sem falar nas condições climatéricas e assim tendencialmente mais favoráveis.

  4. says:

    Queremos a Paz e só isso nos interessa , monstros e papões está o mundo cheio!!!

  5. Secadegas says:

    Qual guerra? A que os media dos interesses americanos andam a fazer propaganda há quase 2 anos?

  6. André R. says:

    Estou a ver outra guerra aqui neste fórum que está mais acesa que a da Rússia/Ucrânia…

    • Ricardo Gomes says:

      100% de acordo, e pelo simples facto da Idiotice do ser humano não ter limites.

    • UnExpert says:

      Quando o pessoal insiste em dar conversa a “trolls” o resultado não pode ser outro.
      Acho que excluindo os comentários do Jorge Tomaz, o resto é só opiniões pessoais mas escritas como se contivessem toda a verdade do mundo.

      • Samuel MGor says:

        Não vi nada de verdade no comentário do Jorge Tomaz…
        Se fosse verdade a Ucrânia seria russa… Mais não teriam deposto um presidente pro-russia… Nem sequer tinham protestado contra a anexação da Crimeia…
        Por tanto onde está a verdade no comentário?

  7. jmc says:

    Comunas de m***e a ver se chove umas migalhas de moscovo. Boa viagem……

    • Ricardo Gomes says:

      2H???? um pouco exagerado quando podes explicar todos os factos relevantes em 10min

      • GM says:

        Vá lá, não sejas tão lento. 1min dá, e sobra.

      • UnExpert says:

        Se ignorar as partes que não dão jeito para a sua narrativa, até consegue fazer um daqueles shorts do YouTube com o que sobra, que deve ser mesmo a única forma de conseguir que o Putin não seja o vilão da história.
        Nem vou falar do resto que andou aí a espalhar (barechaletos de 8 anos, está bemmm), mas afirmar que um episódio entre 2 países em conflito em que um deles anexa uma parte de outro é irrelevante para a história é não saber do que está a falar ou ser enganador
        A história entre os 2 países não começou há meia dúzia de meses, já tem mais de 30 anos, desde que o maior “perdedor” na separação da URSS nunca aceitou muito bem essa decisão.
        Agora o que eu não compreendo é que como pessoas de fora, por mais que a Rússia pudesse ter, defendem respostas armadas a problemas burocráticos… Voltamos ao século 12? Aos tempos medievais??
        Se a Rússia queria castigar a Europa tinha várias outras formas, incluindo ameaçar por exemplo a distribuição do gás, de qual boa parte da Europa depende.
        Agora este joguinho de poder, mais uma vez, promovido por um ser muito pequenino com a mania de ditador? Isto não é nada e ainda haver pessoal que defende isto, quase que me deixa estupefacto… Quase porque infelizmente ainda há muitos “ismos” bem presentes na história atual por isso é só mais um episódio triste.

        • Ricardo Gomes says:

          Só para te calar um bocadinho… Um barechaleto em enconomia aqui 6 Anos… mais 3 a 4 anos para mestrado… Doutoramento, mais 4 em cima… Agora voltando ao tema, pelas tuas palavras esqueceste de acordos feitos, esqueces-te que as tropas russas estão em territorio russo, esqueces-te que segundo os media portugueses o ataque da russia era iminente e que teria sido ontem, esqueces-te que a propria nato esta/esteve em testes com forças militares na ucrania e perto da fronteira russa, esqueces-te dos aconteciimentos na ucrania em 2012 (Pro e Anti NATO e do Convite dos EUA) podia estar aqui até amanha… esqueces-te de muito pormenor, e isso é um facto..e com isso tudo esquecido obviamente que os russos é que são os maus da fita 😉 caso contrario e com uma analise bem neutra te pondo em ambas as situações talvês não chegasses a essa conclusão 🙂

          • Julio says:

            O que e “talvês” e o que e um “barechaleto”? Muito bom

          • Ricardo Gomes says:

            Julio… É um erro de escrita absolutamente normal ou não me digas que nem a capacidade tens para entender isso?

          • Julio says:

            Achas que escrever “talvês” (dois erros numa so palavra, wow!) eh um erro “absolutamente normal”? Isso explica muita coisa, realmente.

          • UnExpert says:

            Então a Crimeia não conta mas um acontecimento ainda mais antigo já é relevante?! Tal como eu disse se ignorarmos as partes que lhe interessam, a Rússia e o Putin são uns Santos… E repito também, defender respostas armadas é algo que nunca farei para nenhum dos lado.

            Agora o excelentíssimo Ricardo altera e escolhe os factos conforme lhe interessam, assim claro que dá para contar a história que quiser.

            Quanto a esse bacharelato, só posso dizer que tenho alguma família na Suiça e tenho até um primo que em 7 anos tinha o mestrado em economia, por isso posso esperar que o seu tenha sido tirado numa faculdade de topo senão foi bem extorquido. Para além disso, felizmente ou infelizmente, conheço várias pessoas que imigraram e desde os EUA, ao RU, França, a dita Suiça e até a Noruega, nenhum teve problemas com as acreditações mas o meu caro colega cibernauta para além do extenso bacharelato ainda conseguiu juntar se a uma mulher que não teve as mesmas aprovadas… Diria que as suas informações são no mínimo um pouco dúbias.

            De resto tal como o outro utilizador já lhe disse se calhar se baixasse um pouco a crista e não se valorizasse tanto se calhar era mais respeitado do que acha que é quando alguém discorda e você pula das suas credenciais. Bacharel em economia não é propriamente um doutoramento em conflitos internacionais portanto neste assunto vale tanto que qualquer outra pessoa.

          • Ricardo Gomes says:

            Lição de História: A Suiça foi obrigada a aceitar o tratado de Bolonha para dar inicialização aos acordos bilaterais. A Suiça não usa qualquer método de ensino possivelmente definindo nesse tratado. Igualmente a Suiça é obrigada a aceitar as formações oriundas na Europa, mas nunca terá as mesmas equivalências. Novamente fala-se muito e sabe-se muito pouco.

          • Julio says:

            Infelizmente para ti conheco varias pessoas que vivem e trabalham na Suica e se a tua formacao academica em Portugal nao esta aceite na Suica, deve ser porque tu (e a tua mulher, ao que parece) fizeram as vossas formacoes numa universidade qualquer manhosa.

          • Ricardo Gomes says:

            Já expliquei tudo ao pormenor… e estas mais uma vez errado.

          • Ricardo Gomes says:

            Lê novamente quais são os requisitos… já tens que ter formação em economia durante 4 anos… porque continuas?

          • Julio says:

            Entao mas espera la… ali atras disseste que um bacharelato de economia sao 6 anos e agora tu proprio dizes que sao 4? Decide-te pah, nao metas os pes pelas maos, que quando comecas a desdizer o que proprio escreveste eh mau sinal!

          • Ricardo Gomes says:

            não disse isso, tu é que queres entender o que eu nunca disse que é bem diferente…é matemática, 4 + 3 = 7 e se fizeres tudo seguido são apenas 6 anos.. Tudo correcto

          • André Villas Boas says:

            Esta conversa dos cursos interessa-me pouco mas é interessante ver como até nesta conversa o Ricardo não sabe o que diz. Bacharel são 8 anos, não são 6, não 3, não 4, 4+3 que são 7 afinal.

          • Ricardo Gomes says:

            Estou a ver afinal o problema e não saberem ler, muito menos entender… o que escrevi em cima de todo: bacharelato em economia aqui 6 Anos… mais 3 a 4 anos para mestrado… Doutoramento, mais 4 em cima. Mais uma vez, Tudo correcto…

          • Ricardo Gomes says:

            Apesar da informação do teu Link não estar correta nem sequer uma imagem sabes interpretar? É que um Mestrado não é possível sem Bachelor, e um Doutoramento não é possível sem Mestrado. Só a partir dai o teu calculo já esta errado… E depois obviamente que também não sabes ler aquela pequena frase que começa com requirements do lado direito… mas isso não interessa, opá vem pra ca e tenta já que es mais inteligente que os 10 milhões de pessoas que cá vivem 😉 como Já escrevi noutro comentário tu es o salvador do nosso planeta e da vida humana 😛

          • Ricardo Gomes says:

            Apesar da informação do teu Link não estar correta nem sequer uma imagem sabes interpretar? É que um Mestrado não é possível sem Bachelor, e um Doutoramento não é possível sem Mestrado. Só a partir dai o teu calculo já esta errado… E depois obviamente que também não sabes ler aquela pequena frase que começa com requirements do lado direito… mas isso não interessa, opá vem pra ca e tenta já que es mais inteligente que os 10 milhões de pessoas que cá vivem como Já escrevi noutro comentário tu es o salvador do nosso planeta e da vida humana

          • Ricardo Gomes says:

            Até Imagem do teu proprio link que nem sequer esta correcta prova que no minimo dos mínimos são 5 anos, mas não são, são 6: https://t1.unipage.net/src/s4kcto.webp saber VER é muito importante.

        • Ricardo Gomes says:

          Estou a ver afinal o problema e não saberem ler, muito menos entender… o que escrevi em cima de todo: bacharelato em economia aqui 6 Anos… mais 3 a 4 anos para mestrado… Doutoramento, mais 4 em cima. Mais uma vez, Tudo correcto…

          • Ricardo Gomes says:

            Já te respondi que nem sequer uma Imagem sabes analisar…

          • Ricardo Gomes says:

            Postas links que nem lês…

          • Ricardo Gomes says:

            Ha, já foste ao meu Facebook, seu Maroto, então também viste o F35 não foi? e também viste que também sou piloto não é? além de ser apaixonado pela fotografia, Fotos TOP não são? Só a camara custa mais que o teu ordenado anual… como eu compreendo a tua dor de cotovelo 😉

  8. Rui Caetano says:

    Ricardo, és claramente uma pessoa com um certo nível intelectual, e vê-se que gostas de estudar, ler e não falar de cor como a maioria faz. Contudo tens um problema grave: Necessidade excessiva de demonstrar superioridade intelectual. Uma pessoa realmente inteligente, nem se dava ao trabalho de responder tão ferozmente, com tanta intensidade e agressividade intelectual como acabas-te de fazer. Uma pessoa realmente inteligente, não tem de impor a sua intelectualidade ou mostrar que é superior. Dá a sua opinião, vê que não é aceite, passa à frente. Poderá também ser indicio de algum problema de autoestima e dai haver esta necessidade de imposição e demonstração intelectual para de alguma forma melhorar o problema de autoestima.
    Independentemente da história, o Putin é uma joinha de pessoa…

    • Ricardo Gomes says:

      Rui Caetano, a verdadeira razão é bem mais simples de explicar: Nos dias atuais e com tecnologias atuais acho inaceitável a pobreza em sabedoria existente em 90% dos comentários feitos aqui. Quando apresentas factos, os que entenderam voltam-se para os insultos, os que não entenderam, bom esses continuam sem entender que no meu ponto de vista ainda é pior… Ambas as situações são complexas e depois de experimentar vários métodos e aproximações ao problema, cheguei a conslusão que se gera uma mais valia quando basicamente “obrigas” a outra parte a fazer a pesquisa e a pelo menos reconhecer que esta errada. Se em 10 conseguires isso com apenas 1, ja criaste uma mais valia, porque essa pessoa vai ser mais prudente no futuro. Essa mentalidade é necessaria para que Portugal sofra uma evolução de que tanto precisa. Ao contrário do que pensas eu não tenho a necessidade de mostrar superioridade aos comentadores. Isto faz simplemente parte de algo bem maior que isso como já expliquei e por vezes até se torna uma imposição que tenho que fazer para chegar ao objetivo. Eu gostava de ver um Portugal bem mais competente. Para te dar um exemplo comento bem mais em sites germanicos e enquanto encontras la 1 troll em 100 comentários, aqui é absolutamente o oposto. Dá que pensar… e sim isto pode-se esclarecer com a falta de formação adequada. Nós todos temos que fazer por isso, acho que o país já está enterrado que chegue. Os meus esforços com Portugal não vêm de agora. Em 2007 criei a Associação Novos Impulsos e totalmente financiada apenas por mim, para dar a conhecer o sistema Econômico e o dinheiro aos Portugueses ( Ninguem se interessou ), Em 2011 abri uma empresa muito inovadora no ramo de TI que ainda hoje existe, fomos condecorados com 2 prémios de inovação apesar da corrupção… No meu caso particular, e como Português visto ainda não ter dupla nacionalidade, sou reconhecido em varias frentes e vários países (Basta usar o google), em Portugal qualquer empregado da caixa do continente sabe mais que eu… Portugal merecia outro rumo, e não é difícil de perceber que estamos totalmente no rumo errado. O problema já o mencionei varias vezes. Sobre o Putin…longe de ser uma joia… mas quando não se cumprem acordos e juntamos tanta mentira e interesses politicos pelo meio so nos tornamos ainda pior. Grande Abraço

      • Rui Caetano says:

        Ricardo, gostei da tua mensagem e não estou a ser irónico. Percebo perfeitamente o teu sentimento e dou-te os parabéns pelos teus objetivos já alcançados e os que ainda estão por alcançar. Contudo, queres um conselho?! Não percas tanto tempo em troca de ideias porque tal como disseste e bem, a pobreza em sabedoria existente em 90% dos comentários feitos aqui é impressionante. É que depois e apesar de teres argumentado muito bem o meu comentário, acaba por ficar essa ideia. É como te disse, uma pessoa realmente inteligente sabe que existe um limite, e aqui tu ao fim de 2, 3 comentários percebes facilmente esse limite e a partir dai não vais mudar realmente nada na mentalidade das pessoas porque as pessoas não se dão ao trabalho de ler, evoluírem, perceberem, olharem para os detalhes. Vivemos numa sociedade extremamente superficial em que nunca se olha para ambos os lados, nunca se coloca no outro lado. Vejo um Portugal a ficar intelectualmente num nível de pais de 3º mundo. Isso é realmente assustador. Alguma vez, antes de tecer algum comentário sobre determinado assunto, eu vou especular com tanta assertividade como a maioria aqui o faz??? Tanto que em relação a este assunto só comentei o facto do Putin ser uma joinha.
        Em resumo, Ricardo, passa à frente e canaliza o tempo para algo que consigas realmente mudar ou melhorar.
        O meu comentário não tinha qualquer objetivo de caracter destrutivo, exatamente o oposto, foi uma critica construtiva.
        Abraço e continua com essa determinação, pena que sejamos tão poucos.

    • Julio says:

      Eh muito claro que o “ridiculo… que fala de cor” eh o Ricardo mas eh o “Ricardo Gomes”

      • Ricardo Gomes says:

        Outro comentário com ZERO Factos 😉 opa e continua, Portugal esta mesmo perdido, uma pena. o Unico problema acho que é mesmo eu não querer aceitar que o pais esteja mesmo perdido.

      • Julio says:

        Tudo confidencial… alias, na realidade nao trabalhas numa obscura consultora, trabalhas no FBI ou na CIA

      • Ricardo Gomes says:

        FBI e CIA = USA e alem de já ter tido as minhas experiencias com a CIA, eu trabalho na Europa e sim são todos os projetos confidenciais 😉

      • Julio says:

        Parabens pelos projectos confidenciais, e muito importante que digas que tens projectos confidenciais, eu estou muito entusiasmado com isso (estou a ser ironico, caso nao percebas)

    • Ricardo Gomes says:

      Multitasking: Neste preciso momento estou em reunião 😉 mas é sempre bom ver o tipico tuga mais preocupado com os outros de com ele mesmo 😉 esqueci-me de referenciar sobre isso no texto em cima.

    • Ricardo Gomes says:

      Já agora vou salientar as tuas palavras: EU TROCO…. EU apenas… alias até porque tu es extremamente neutro nos teus comentários cheios de factos que são mais desacreditações que outra coisa 😉 LOOL Falta de percepção incrível.

    • Julio says:

      Isso eh que vai ai uma produtividade brutal, oh Ricardo Gomes, deves ser um craque do ‘multitasking’

    • Ricardo Gomes says:

      Se tu o dizes é porque é verdade 😉

  9. André Villas Boas says:

    Bem-vindos a esta edição especial do Polígrafo.

    Afirmação: Ricardo Gomes diz que Sahra Wagenknecht não é pro Russia e é uma observadora/ opinadora neutra

    Factos:
    “NATO must be dissolved and replaced by a collective security system including Russia,” Wagenknecht told Germany’s “Funke” media group.” – DW
    “Sahra Wagenknecht Blames US, NATO And Angela Merkel For Russia’s Invasion Of Ukraine” – Dialog International, 2015
    “ In the years after reunification she was known as an outspoken defender of the old East Germany. One article in 1992 even praised Stalinist Russia” – Financial Times
    Etc. etc.

    Avaliação Polígrafo das afirmações de Ricardo Gomes: Falso

    • Julio says:

      Bem, mais claro que isto eh impossivel. Como desagregar as coisas ridiculas que o Ricardo Gomes diz num so post, obrigado.

    • Miguel Torres says:

      Onde é que eu já vi isto? Já me lembro no Filme não olhes pra cima… 3 idiotas contra um que sabe realmente o que diz 😉

      • Julio says:

        Tudo bem… ah nao, o Miguel Torres eh o Ricardo Gomes (boa tentativa Ricardo)

        • Miguel Torres says:

          Desculpa, mas depois de passar por quase todos os comentários, so tenho a dizer, que independentemente de terem a opinião A ou B, e especialmente os teus comentarios: são uma nulidade. Tu só estas aqui para armar sarilho, não vi um comentario teu na qual sublinhas o que quer que seja com provas. Vivi na alemanha muitos anos e já conhecia os canais alemães do youtube que foram usados como prova. Esta tudo OK, nada de errado, custa assim tanto aceitar essa realidade? Não existem os bons nem os maus, apenas os maus de ambas as partes. Agora certamente não ficarias feliz que o teu visinho estivesse sempre a espreitar na janela quando estivesses a fazer amor com a tua mulher, isso se calhar é um ponto importante a ter em conta.

          • Julio says:

            “Miguel”, a tua opiniao fica registada com gratidao e apreco… mas tens nocao que da para ver que a tua conta e a do Ricardo Gomes sao a mesma pessoa? Nem te deste ao trabalho de ter mais cuidado com erros ortograficos, oh “visinho”!

          • André Villas Boas says:

            Os canais que foram usados como “prova”? Peço desculpa? Um vídeo de opinião de uma comunista pró Russia (tem direito à opinião dela, claro) e um vídeo de um conhecido canal de teorias da conspiração? E depois chamas a isso “prova”? Não sei se o Miguel e o Ricardo são realmente a mesma pessoa, mas esse foi um comentário profundamente absurdo. “Prova”? Tenho que parar de rebolar de tanto rir.

        • Miguel Torres says:

          Outra Nulidade na resposta… Voçes vivem de facto num balão de oxigénio.

          • Julio says:

            Acho que precisas de um dicionario para aprender a escrever, oh Ricardo

          • Ricardo Gomes says:

            Quando falares 6 e escreveres 6 idiomas e conheceres pessoas realmente relevantes neste mundo que se estão pouco a marimbar se te esqueceste dum acento vírgula ou o que quer que seja, então aí percebes a grandeza do teu comentário ;)… já agora quem critica deveria fazer melhor…o que não é o caso.

          • Ricardo says:

            6 idiomas… este bacano é um fartote de riso

          • Joao P. says:

            Voces são um entretimento bom. Mas uma coisa é certa o Ricardo Gomes foi o único que se identificou os outros sao uns fala barato e cobardolas. LOL vá lá pá se estão a fazer frente o gajo deem a cara em vez de estarem escondidos atras de um nome falso. E toca a sacar as espadas e esgrimir argumentos. :X

          • UnExpert says:

            Oh João eu diria que o suposto “Ricardo Gomes” é o pior porque nitidamente está se a fazer passar por outra pessoa, o que é crime. Nenhum consultor tem o tempo que ele tem para passar o dia aqui a comentar, nenhum consultor estaria aqui a comentar e numa reunião (aquilo que ele chama de multitasking, e que a seria verdade seria sim uma enorme falta de respeito para com os restantes intervenientes).
            Mas se as pessoas ainda acreditam, é porque o crime compensa

          • Ricardo Gomes says:

            UnExpert, quando disseres algo de jeito eu repondo 🙂 além do mais eu não sou consultor, nem sei de onde foste buscar isso…

          • Ricardo Gomes says:

            Não esta…. Gestor e Consultor não é a mesma coisa.

          • Ricardo Gomes says:

            @Ricardo: 6 Idiomas sim, porque achas demasiado?

          • Ricardo Gomes says:

            Não so falar, escrever também 😉 Eu sei que é difícil de engolir… mas olha não ha outro remédio 😉

      • Ricardo Gomes says:

        LOOOL, Já pensei várias vezes no mesmo… o Mundo esta perdido.

    • Ricardo says:

      O Ricardo Gomes (não confundir comigo!) continua a lutar contra moinhos de vento? É engraçado que o Kamarada Ricardo queixa-se que isto é cobertura apenas nos meios de comunicação social portugueses, dei agora um salto a alguns sites Suiços e a cobertura é basicamente a mesma. A menos que o Kamarada Ricardo viva na Coreia do Norte…

      • Ricardo Gomes says:

        Agora já sabes alemão 😉 LOOOL e não o que estas a dizer esta como sempre: ERRADO.

      • Ricardo Gomes says:

        Mesmo francês ou italiano as notícias são meras traduções e não aqui não existe a TVI… não é por acaso que a Suíça é considerada um país neutro. Aliás aqui ainda está toda a gente a espera que a TVI confirme o ataque iminente de ontem 😛 que por acaso até foi notícia por ser tão ridícula.

        • Ricardo Gomes says:

          Queres um site credível suíço para informação tens http://www.nzz.ch, boa leitura

        • Ricardo Gomes says:

          https://www.nzz.ch/international/russland-und-ukraine-zuspitzung-im-donbass-ld.1670388 Esta aqui o link completo…alguem que traduza todo o conteudo ao menino porque este não entende o que lê. Essa notícia só prova mesmo que a rússia está a tentar resolver o problema a bem…mas que não está a conseguir…

        • Miguel Torres says:

          @Ricardo Gomes, porquê?

        • Ricardo Gomes says:

          Porquê o quê? Não entendi…

        • André Villas Boas says:

          A Russia instalou mais de 100k soldados à volta da Ucrânia, organiza treinos militares, ameaça o uso de armas nucleares contra o ocidente, e não aceita que uma nação soberana possa juntar-se à NATO e à UE… mas estão a tentar resolver as coisas a bem. Claro que sim! Que prodigiosa imaginação.

        • Ricardo Gomes says:

          Estas como sempre muito mal informado… so ver uma parte da história é sempre muito fácil e depois juntando algumas mentiras pelo meio ainda é mais fácil mas isso nada tem a ver com neutralidade e realidade… já agora a rússia não ameaçou ninguém e quem o fez foram os EUA por várias vezes… como já te disse apresenta-me um e apenas uma sentença errada no vídeo que te enviei já por várias vezes. Se não conseguires, ja sabes que vais estar sempre errado…

        • André Villas Boas says:

          Mais mentiras? Putin na semana passada (conferencia de imprensa) – “Do you realize that if Ukraine joins NATO and decides to take Crimea back through military means, the European countries will automatically get drawn into a military conflict with Russia?” Putin said. “Of course, NATO’s united potential and that of Russia are incomparable.”

          “But Russia is one of the world’s leading nuclear powers and is superior to many of those countries in terms of the number of modern nuclear force components.”

        • Ricardo says:

          Artigo de hoje desse jornal Suiço:
          “Putin has a big geopolitical plan – and it doesn’t end with Ukraine
          Whoever controls the Eurasian supercontinent controls the world. This dogma shapes Moscow’s politics. Russia wants to be a major power in Europe and Asia. Ukraine plays a key role in this. That’s why Putin is waging war”

        • Ricardo Gomes says:

          Link do NZZ com essa pervoice sff.

        • Ricardo Gomes says:

          @Ricardo… Já agora encontrei um identico aqui: https://www.nzz.ch/meinung/der-andere-blick/russland-hat-einen-geostrategischen-plan-im-ukraine-konflikt-ld.1670280 mas quem não sabe é como quem não vê. O Thema é “DER ANDERE BLICK” basicamente a treta que se anda a reportar pelo mundo fora com ZERO realidade nela.

      • Ricardo says:

        Falo Francês. Na Suiça não se fala apenas Alemão. Devias saber isso.

        • Ricardo Gomes says:

          Não existe nenhum meio de comunicação credível na Suíça que tenha reportado o ataque iminente como um facto, nem sequer que o Putin seja agora “o mau da fita”. Como já expliquei aqui é tudo muito neutro…. agora é preciso primeiro perceber como se reporta um facto e o que é a neutralidade. Pelos comentarios aqui ja se sabe em principio que isso não será possível e porque vai aparecer numa notícia que reporta que os EUA disseram que o ataque vai acontecer, ja vão apresentar isso como contra argumento apesar de não se tratar sequer dum argumento válido. Até agora também ainda ninguém me conseguiu comprovar que as minhas fontes estejam erradas….e só pedi apenas um argumento errado num unico video. Para mim isto é um assunto encerrado na qual eu estou mais uma vez certo e o resto, como de costume, mal informado.

          • Ricardo Gomes says:

            Não não são… a qualidade da informação não é a mesma e nem sequer é comparável.

          • André Villas Boas says:

            Eu vivo no UK e vejo a BBC e Sky News, essencialmente. As notícias que passaram aqui foram as mesmas que passaram em Portugal. O facto é que a Ucrânia é um estado soberano que, se assim o desejar, tem o direito de se juntar à OTAN e/ou à EU, sem ter que sofrer represálias Russas por causa disso. Os Russos não se aperceberam que a guerra fria acabou (perderam) e que vários antigos estados satélite da ex URSS estão agora na OTAN e/ou EU. A URSS já não existe.

          • Ricardo Gomes says:

            Acredita no que te apetecer, é-me absolutamente igual… um dia, se ficares inteligente vais perceber…

          • Ricardo Gomes says:

            Porrada? Onde? Quando? Tu deves dormir sempre de costas, só pode… se te viras cai o cerebro pelo ouvido.

        • Ricardo says:

          O governo Russo invade a Crimeia, ameaça a Ucrânia e os países da Nato, coloca opositores na prisão, envenena cidadãos Russos em países terceiros, mas depois eles é que são pela paz? Como é que é possível que alguém com 2 dedos de testa acredite nisso?

          • Ricardo Gomes says:

            Eu já publiquei 2 vídeos que explicam essas situações todas ao pormenor e
            de forma neutra. Igualmente já pedi para me dizerem quais são as sentenças erradas no vídeo. Além do mais apenas pedi uma. Agora se não viste é porque queres continuar a acreditar nas histórias reguladas da
            Comunicação social ao qual não fazes o mínimo de ideia porque é que estás aconteceram e como. Os títulos são muito enganadores… se queres realmente perceber e tens realmente 2 dedos de testa, já te dei a solução…

          • Ricardo says:

            Ah, agora a culpa é da comunicação social. Muito melhor do que órgãos de comunicação social em vários países é um vídeo de opinião de uma cidadã de extrema esquerda que é pró Russia, que é o vídeo que puseste. Realmente tem muito sentido o que dizes.

          • André Villas Boas says:

            Ficou já patente que os vídeos que publicaste valem zero. Já te foi demonstrado que a tal Sahra é amiga do Putin, portanto não é propriamente uma fonte neutral. Percebeste?

          • Ricardo Gomes says:

            Tens que aprender a fazer algo por ti… a sabedoria é algo importante pra ti e não para os outros… Por exemplo: viver na casa dos papas, a custa dos papas, isso é absolutamente o oposto do que devias fazer. E quando chegares a conclusão que tens que fazer algo por ti, que tu é que tens que provar algo ao mundo e não o mundo a ti… nessa altura vais poder considerar-te de responsável. Até lá és mais um miúdo do muitos que infelizmente estão como tu.

          • Ricardo Gomes says:

            @Ricardo, não a culpa é mesmo de quem so sabe ver um lado e não ambos. Muito foco na ucrania e pouco foco nos interesses por traz… o Link ja to dei, por tanto se não sabes é porque nõa queres sabes e não te interessas pelo assunto.

      • Ricardo Gomes says:

        Onde é que eu disse isso? Vocês tem problemas graves… vao ter um futuro lindo 😉

  10. Miguel Torres says:

    Alguém me sabe explicar como parar de receber notificações por mail a cada novo comentário?

  11. Miguel Torres says:

    Alguém me sabe explicar como parar de receber notificações por mail a cada novo comentário?

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.