Quantcast
PplWare Mobile

Vodafone Lança Equipamento 4G/LTE

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Pedro A. says:

    De nada serve venderem as pens se não têm rede para isso. O leilão ainda não foi realizado, portanto nenhum operador pode ainda estar preparado (em termos de rede) para o LTE.

    • Tavares says:

      Tem razão,mas…para mim seria muito pior o serviço ser lançado e não existirem os equipamentos para o suportar. Esperemos é que,como de costume,não lancem uma campanha publicitária a “oferecer” um serviço que…ainda não existe.

  2. Rui Ramos says:

    Concordo plenamente Pedro A. pois nem o simples sinal de rede 3G e deficiente.

  3. jorge silva says:

    Isto é uma manobra de marketing palerma. A Vodafone nem sequer saber se vai operar uma rede 4G!

  4. Renato Peixe says:

    Nunca seria cliente da Vodafone. Em tempo de dificuldades nacionais, é fundamental comprar produtos e serviços nacionais. É por isso que sou cliente da banda larga móvel TMN. Escolhi entre TMN e Uzo. Além disso, as ofertas costumam ser equivalentes. A TMN e a Optimus devem estar prestes a lançar um equipamento equivalente a este. Mas, como foi dito acima, um equipamento destes é inútil tendo em conta que ainda não há cobertura 4G em Portugal.

    • Tavares says:

      “Nunca seria cliente da Vodafone. Em tempo de dificuldades nacionais, é fundamental comprar produtos e serviços nacionais”.Para isso é necessário que os “empresários” subsidio-dependentes que este País tem,se contentassem em ganhar dinheiro de forma lenta e sustentada em vez de quererem ganhar “tudo” de uma vez!! Deixa lá que em minha casa vou passar a comprar leite a 95 cent/litro por ser Português,e “deixar” nas parteleiras leite(de igual qualidade)a 45 cent/litro por ser…Espanhol ou Francês!! Vai lá vai…

      • Gerardo says:

        Mas devias. Vê lá se os alemães não compram os carros deles mesmo que mais caros. Eu deixei de comprar ovos de galinhas criadas em gaiolas. Os que compro agora são mais caros, mas ajo de acordo com a minha consciência. As pessoas não podem reclamar direitos e depois mandar o dinheiro todo de aqui para fora. Esse facto que referiste do leite, se todos os portugueses adoptassem esse comportamento eram mais uns euros insignificantes ao fim do mês mas que podiam significar a sustentação de um sector inteiro. Esse sector gera empregos e paga impostos. Esses impostos depois pagam a tua ida ao hospital ou do teu filho. Imagina isso replicado por todos os sectores.

        Eu tento comprar português. Não compro nas chamadas “feiras dos ciganos” porque eles não pagam impostos e por vezes a mercadoria é roubada e não compro em “lojas dos chineses”. Mesmo que isto signifique mais uns euros ao fim do mês sinto-me bem comigo e com o meus país. Citando John F. Kennedy:

        Não perguntes o que o teu país pode fazer por ti, mas sim o que TU podes fazer pelo TEU país

        • António says:

          “Vê lá se os alemães não compram os carros deles mesmo que mais caros.”
          Nós tambem compramos os carros deles, mesmo que muito mais caros. E porquê? Porque ninguem gosta de deitar dinheiro fora.

        • Tavares says:

          Vais me dizer quem é que te disse que os carros fabricados na Alemanha são LÁ vendidos MAIS CAROS do que as marcas estrangeiras…certamente quem nunca foi à Alemanha. Concordo que cada um deve agir de acordo com a sua consciência,e é isso que eu faço.Desde que compre em PORTUGAL os impostos das minhas compras são pagos cá…seja o produto Português ou não.E,seguindo o exemplo,porque vou pagar 95 cent. por um litro de leite Português…quando esse mesmo leite é pago ao PRODUTOR a pouco mais de 20 cent.?? Não tenho interesse em encher os bolsos da Sonae,do Pingo Doce,etc.

          • Carlos says:

            pois, por cá os produtos nacionais conseguem ser mais caros que lá fora, vê a GALP, vende mais barato na Espanha, o português é o 1º a subir os preços, GALP mais uma vez por exemplo, mas é geral, a regra é ser careiro mas protestar o preço do vizinho ser caro, achas mesmo que a TMN baixa os preços se tiver digamos 50% do mercado? já teve, e foi o que foi, se querem clientes comecem a pensar como cliente, digas o que disseres eu cag.. para os produtos nacionais, não são eles que me pagam as contas, e fico com mais na carteira com produtos não nacionais, é claro, que no que valer a pena, compro a maioria nacional, mas se não valer a pena nem pensar, nunca por “ser nacional”.

        • João Morgado says:

          Amigo, uma das vantagens da liberalização das trocas é essa mesma de poderes comprar mais barato o k antes compravas mais caro. Não se trata de ser ou nao nacionalista. Se preferes viver num país em k tudo o k compras é produzido lá dentro então boa sorte, talvez consigas comprar metade das coisas k compravas com uma economia liberalizada.

        • lmx says:

          Boas…
          Gerardo…concordo contigo, mas estas a pregar para surdos…!!
          nem toda a gente consegue ver mais que um palmo a frente do nariz e a maioria até segue a cenoura…
          Á coisas que o nosso Pais vai ter que mudar, mas isso só vai acontecer á medida que as pessoas forem mais cultas, e capazes de pensar por si…
          o ensino pode ajudar muito , mas não é o ensino que torna as pessoas inteligentes, este apenas lhe pode moldar o raciocínio, há coisas que teem que nascer com a malta e o que nasce torto tarde ou mal se endireita…

          Os melhores cumprimentos a todos.

    • Gerardo says:

      Viva Portugal

    • Vítor M. says:

      Renato, mas olha que a Vodafone é uma empresa que dá trabalho a muitos milhares de portugueses de forma directa e a muitos outros milhares de forma indirecta. 😉

      Tecnologia inútil? 🙂 Nem penses, nunca te esqueças que o comodismo é a desgraça de um povo. Venham mais tecnologias, pois umas exigem mais das outras.

    • xD says:

      Boas,

      Renato, não te esqueças que 80% dos accionistas da TMN não são Portugueses, mas sim Ingleses. Logo, vai dar tudo ao mesmo lol

      • Renato Peixe says:

        Quem te disse? A TMN nem sequer é uma empresa cotada em bolsa. Pertence ao grupo PT!

        • xD says:

          Sim, mas metade dos accionistas da PT são estrangeiros. Poderás encontrar no site.

          E até era TMN, mas o apoio a cliente é uma treta, como podes ver pelo facebook da mesma e são muito lentos a colocar rede 3G em muitas localidades. A Vodafone a Optimus, em quase todas as localidades, têm 3G. Pelo menos nas ilhas.

          • lmx says:

            Boas…
            gostei particularmente do ultimo comentário…já parecia, o Mourinho é o melhor treinador do mundo e quem sabe da Europa.
            lol 🙂

            cmps

    • Ivo Fernandes says:

      Até poderia concordar contigo se o Zeinal Bava não fosse o gestor mais bem pago…

      • João Nuno says:

        Na minha opinião… é bem merecido! (ao contrário doutros)

        • Carlos says:

          Bom, ele, que decide o próprio salário, obviamente acha que merece.

          Claro que agora falta saber onde a PT vai buscar o lucro que vai deixar de ter da Vivo, mas isso não interessa nada, o bónus já está na continha, é o que interessa!

        • Carlos says:

          merecido ou não é um absurdo, perto de 240.000 euros mês, ouvi dizer, simplesmente ridículo, mesmo por ano é muito, tomara eu metade, ele é um presidente, não o dono, e para um ordenado é ridículo, e quantos desgraçados não recebem o ord. mínimo para ele ganhar aquela fortuna?

          • lmx says:

            ho meu caro não vas por ai?! tens artistas no estado a mamar muito mais…
            qual o problema????o homen tem um salário e mostra serviços o estado tem milhares de salários milionários e a única coisa que aqueles palermas sabem fazer e criar mais défice!!!
            Primeiro começa por “cacetar” quem merece ser cacetado…ja viste os jogadores de futebol???

            cmps

    • L.Mata says:

      Infelizmente a TMN não é só nossa. É uma empresa que tem muitas participaçoes e muitas delas de fora, que levam dividendos.

  5. aver says:

    Vodafone K5005 (rede Vodafone) ou Huawei E398 (rede O2), na Alemanha, que já tem rede LTE.

    Deixa cá ver se eu percebi. Em Portugal a Vodafone já tem uma pen para a rede 3G, a K4605, que custa € 119,9 euros e que permite o download/upload a 42Mbit/11Mbit/segundo.

    Vai vender uma pen, a K5005, que custa € 199,9, que funciona na rede 3G, com esa capacidade e também na futura rede 4G LTE em que permitirá o download/upload a 100Mbits/50Mbits/segundo.

    Talvez valha a pena gastar os tais €80 euros de diferença, ficando à espera do LTE. A minha questão é mais da ordem

    + velocidade => + tráfego

    A partir de que limite de tráfego de dados, tendo em conta o preço, é que se justifica ? Se o 4G LTE não tiver preços significativamente mais baixos que o 3G fico-me por uma assinatura de 500 MB de dados/mês e não me interessa a K5005. Mas quem sabe, o que não faz sentido hoje, pode fazer daqui a um mês.

    http://translate.google.pt/translate?hl=pt-PT&sl=de&tl=en&u=http%3A%2F%2Fmaxwireless.de%2F2011%2Fvodafone-k5005-lte-stick%2F

    • famont says:

      Actualmente já tens tarifários com tráfego ilimitado, o pior que quando começas a abusar do consumo eles fazem-te “Traffic shaping” e depois PUFF lá se foi a velocidade 🙁

  6. AR says:

    Pode ser considerado 4G por causa das velocidades, mas na realidade o HSPA+ é uma optimização da rede 3G para atingir velocidades comparaveis ao LTE / Wimax.
    E o ITU (embora pressionado pela AT&T) reconheceu que o HSPA+ vai ser considerado 4G. Senão tinhamos mais uma operadora a fazer publicidade enganosa.

    • aver says:

      Que eu saiba o HSPA+ continua a ser incluído na família 3G (que inclui o 3,5G, o 3,75G e o 3,9G) e não na 4G (que inclui apenas o LTE e o Wimax).

      “O ITU reconheceu que o HSPA+ vai ser considerado 4G”. Isso é um bocado vago, ou reconhece ou não reconhece.

      Qual é a operadora e porquê ?, para ver se eu percebo.

      • AR says:

        Procura no google por itu hspa+ 4g . Logo o 1º resultado tem a explicação disso “In an about face, the International Telecommunications Union has expanded the term 4G to include WiMAX, LTE and HSPA+.”
        Assim o “4G” é mais um termo comercial do que propriamente técnico.

        • aver says:

          Paceu-me uma daquelas ondas periódicas que aparecem na blogosfera – essa durou entre 18 e 20 de Dezembro de 2010. Um escreve, 1000 repetem e de concreto nada. Não basta ir ao Google, é preciso ler o nome que aparece depois do www.
          (Foi o que me pareceu, posso estar enganado)

    • jorge silva says:

      Que eu saiba HSPA+ (ainda) não é 4G. Há sim pressões vindas dos Estados Unidos para passar a ser. É a chamada vitória na secretaria: se não tens meios para lançar uma rede nova, chama um nome diferente à rua rede atual (vidé o caso Zon “fibra”).

      O 4G não se distingue do 3G só pelo débito mas também – e sobretudo – pela baixa latência: as páginas carregam mais rapidamente e como os pings baixam já é possível jogar online em redes móveis, coisa que agora é desesperante.

  7. Miguel Ribeiro says:

    LTE não é 4G

  8. Miguel Ribeiro says:

    A TMN não andava ja com testes piloto de LTE?

  9. nervaise says:

    Viva!

    Tenho aqui uma pergunta um pouco mais técnica e que vai além da velocidade de download ou upload em bruto.

    Qual será a latência do 4G/LTE?

    Abaços a todos 😉

    • nervaise boa pergunta.
      já agora pessoal estamos em tempo de crise PENSEM DUAS VEZES antes de irem a correr comprar estas tralhas.
      tenho 3 pen’s 3G ao meu lado arrumadas na secretária, des da primeira PCMCIA até a pior de todas a ZTE da TMN e um usb normal, tudo isto quando saiu custava valores exorbitantes como esta e agora são práticamente dadas com lixo por aí.
      uma delas até a desbloqueei para usar como modem de SMS pelo USB.
      quando a rede da vodafone tiver capacidade para essas velocidades no país inteiro esta pen vai custar 25€ se tanto daqui a +- 2 a 3 anos.
      se és um despesperado e a queres já, vai lá 😛
      (é um desabafozito)

      • nervaise says:

        Viva!

        Não te esqueças do motivo da compra. Se pretenderes a compra da pen para construíres um sistema de redundância a um acesso instalado (Fibra por exemplo), pode ser uma alternativa viável. Tudo depende dos prós e contras da situação em que te encontras

    • jorge silva says:

      Aqui dizem que é metade em relação ao 3G mas já ouvi falar em um quarto (<10ms) – http://news.techworld.com/mobile-wireless/3214090/lte-will-improve-latency-as-well-as-speed/
      Resta saber se as promessas se cumprem quando tivermos 4G – o que não vai ser tão cedo porque o processo está atrasado e pode atrasar-se ainda mais com o provável adiamento do switch-off da TV analógica.

      Ou seja, quem comprar esta maravilha tecnológica, pode ter que esperar 18 meses a 2 anos até que chegue a rede. Nice!

      • A ser verdade, vai haver muitas pen’s destas a queimar daqui a 1 ano com a malta a fazer downloads pesados e a jogar online horas a fio a usar isto como substituto da net de casa (não acredito mas…)
        vai começar a haver modding de pen’s com ventinhas lol

        • nervaise says:

          A ver vamos se as promessas se mantêm. Actualmente a minha banda larga (estreita) móvel dá-me pings de 200ms aproximadamente, felizmente jogo MMORPGs que não dependem tanto da latência como um FPS

  10. joao dias says:

    vou dizer apenas uma verdade quanto a vodafone, o ano passado fiz 1 contrato com eles de internet movel com plano de dados ilimitado e eles forneciam-me serviço 5 estrelas ate que

    no final do ano passado começaram a cortar me a velocidade para 10 ou menos kbps quando eu descarregava mas de 15 gb num mes, tudo ilegalmente, sem sequer um aviso previo

    fiz varias reclamaçoes e consegui cancelar o contarto que tinha por um ano de visculaçao a eles…

    estava a pagar uma mensalidade para usar a net 2 ou 3 dias, e pagava por um plano ilimitado que era tudo menos isso

    agora sou cliente do sapo e estou satisfeito

    resumindo, se a vodafone nao tem capacidade para gerir a sua actual rede 3g e de fornecer serviços de qualidade, evita de andar ai com campanhas de markting falsas, para se exibir que e a melhor que nao o e

    • pois… as operadoras “inovam” imenso, e no fundo os clientes que se lixem. não dão conta das reclamações mas aparecem sempre productos novinhos em folha para aliciar novos clientes ou tapar os olhos aos que já tem.
      tudo seria muito bonito se funcionasse sempre bem 😛

    • Renato Peixe says:

      Vinculação? O que é isso? Informa-te e verás que as vinculações de que tanto gostam as operadores são uma fraude! O consumidor tem SEMPRE direito a cancelar o serviço. E, como nenhum consumidor pode ser obrigado a pagar por um serviço que não utiliza, as operadores têm de cancelar o contrato, mesmo que seja antes do período de vinculação. Este conceito só serve para assustar os consumidores.

  11. RF says:

    Vi bem o preço de €199,90 ? AhAhAh.. fazem-me rir logo pela manhã! Imagino também os preços dos tarifários.. isto tudo juntando a não haver rede 4G em PT! Brincalhões.. “o que faz falta é animar a malta..”

  12. dajosova says:

    ouvi falar de um tarifário da Vodafone com 1GB de tráfego para smartphones com 250 minutos/sms por 20€…

    Onde está essa informação, pois não a encontro no site da Vodafone!???

    obg

  13. Rei Naldo says:

    Na TMN esta pen também apareceu On Line e eu comprei-a, e já estou a usufruir do dobro da velocidade que tinha.
    Tinha uma pen Huawei E180 7,2 Mbs e o cartão idem 7,2. Mas fazia testes e não me indicavam mais que 3 (aqui a Tmn garante 14,4). Os downloads andavam pelos 2 2,5. Chegou a 4G metia-a no router que tenho (da BeeWi, aceita todas as pens e livre de operador) e foi aceite de imediato.
    Os testes agora dão-me 6,5 7 8 Mbs e os downloads 4,5 5 5,5 e a navegação é bem mais rápida em tudo.
    Eu já estou a ganhar com esta pen e já estou preparado para o 4G. O pior serão depois os tarifários !!!

  14. Bernardo Silva says:

    Boas tardes

    Lamento informar-vos (e perdoem-me a pseudo arrogância!) que já adquiri um equipamento 4G da OPTIMUS (e ainda por cima é um HOTSPOT) há sensivelmente duas semanas…

    Não compreendo porque dizem

  15. Bernardo Silva says:

    Boas tardes

    Lamento informar-vos (ou fico feliz por vos informar!) – aos leitores e ao PPLWARE – que já adquiri um equipamento HOTSPOT 4G OPTIMUS há sensivelmente 2/3 semanas.. Após já ter adquirido antes uma PEN 4G similar à que mostram nesta notícia….

    Não compreendo porque é referido que “Vodafone Portugal lança primeiro equipamento preparado para 4G/LTE” …

    Tenho 50 Mbps Down (confirmados pelo Speedtest!) e aproximadamente 10/15 Mbps Up !! E existe disponivel um tarifário com 100 Mbps.

    Quanto à (praticamente inútil) discussão se “vale a pena” que li nos comentários acima, deixem-me dizer-vos: Vivo perto da cidade da Guarda, num local onde para ter mais do que 4 Canais é preciso recorrer ao Satélite!! Não há serviços por cabo…… e desta forma não há Net fiável(e viável). Após contactarmos com as 3 redes nacionais, (curiosamente a Vodafone confirmou-me que para a minha zona, não ultrapassaria 300 Kbps Down )e adquirirmos duas PENs 4G (TMN e OPTIMUS), facilmente concluímos que teríamos de optar pela Optimus!

    Conclusão: Se não tiverem NET na vossa zona, 4G É de facto uma solução com largura de banda suficiente para estarem (pelo menos) 3 computadores ligados.

    Pergunta: Porque é que escrevem ” A Vodafone é o único operador em Portugal a disponibilizar aos seus Clientes o serviço de Banda Larga Móvel até 43,2Mbps ” ??? Não será isto um lapso ???

    Agradeço desde já a vossa atenção

    Cumprimentos
    Bernas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.