Quantcast
PplWare Mobile

Tesla não encontra trabalhadores para a Gigafactory de Berlim

                                    
                                

Autor: Ana Sofia


  1. Hidelberto says:

    tivessem vindo para Portugal que aqui ja tinham os 7000 trabalhadores preparadissimos para ganhar os 2500 euros que pagam na de berlim

    • Gomes says:

      E quanto custaria à empresa pagar esses 2500 euros a um trabalhador cá? Garanto lhe que na Alemanha é muito menos.

      • Antonio says:

        Em Portugal, um salário bruto de 2500 euros gostaria á empresa uns 4000 euros na boa.

      • Louro says:

        Para um salário de 2500 limpos/mes em Portugal o taxberg é de 38.1%, na Alemanha 14.7%.

        Fazendo os custos de empregar os seguintes.
        Portugal – 3452.2Euros.
        Alemanha – 2867.5Euros.

        Para este salário, na Europa, Portugal figura na 20 lugar, dos países mais baratos para empregar.

        Se uma empresa Portuguesa se mudasse para a Alemanha, para ter o mesmo custo com os funcionários que em Portugal (para os tais 2500Euros limpos/mes em Portugal), na Alemanha o funcionário iria ter na conta bancária cerca de 3800Euros limpos todos os meses e pagaria 20.2% de impostos.

        Viva o custo de vida baixo, os impostos baixos e as politicas de empregabilidade fantástica dos sucessivos governos portugueses (só que nao).

        • adbu says:

          Esqueceu que na Alemanha há outros impostos que têm de acrescentar:
          *Lohnsteuer = imposto de renda (usado para escolas, estradas, universidades, obras públicas, etc.): varia de 0-~40% ou mais.
          *Solidaritätszuschlag = imposto para ajudar o leste alemão (ex Alemanha Oriental/Socialista controlada pela ex União Soviética): até ~5,5%.
          *Kirchensteuer = imposto para a igreja: ~8-9%, mas reduz de acordo com a quantidade já paga com Sonderausgabe e Kappungsschwelle.
          *Sozialabgaben (~20%) = contribuição social (dividida em: Rentenversicherung = aposentadoria (~10%), Arbeitslosenversicherung = seguro desemprego (~1,5%), Pflegeversicherung = seguro invalidez (cuidados especiais) (~1%) e Krankenversicherung = seguro-saúde (~8%)).

        • Louro says:

          Sao impostos directos aos rendimentos?

          Em Portugal nao paga impostos das casas e por aí fora?

          • FB says:

            Na alemanha para o funcionário receber 2500€ limpos teria de receber bruto cerca de 4000€. Para os 4000€ os impostos pagos pelo empregado são quase 40% (daí 2500 limpos).
            O patrão ainda teria de pagar vários impostos sobre os 4000€, cerca de 20%.
            Para o funcionário receber 2500€ limpos o patrão teria de desembolsar pelo menos 4800€.
            Não esquecer que também existem outras diferenças na Alemanha relativamente a Portugal. Apenas existe um subsídio por ano mas por outro lado o normal são 30 dias úteis de férias.

    • Paulo Baptista says:

      Sem dúvida. E por esse dinheiro, trabalhariam 12 horas diárias, com 24 dias de férias. E ao fim de alguns anos, diriam que a culpa das suas condições de trabalho precárias e dolorosas, era dos funcionários públicos, que ganham muito e fazem pouco. É Portugal, um país de oportunistas. Perdão, de oportunidades … para os espertos.

      • Filipe says:

        Mas os funcionários públicos quanto menos fazem, maior é o seu vencimento. E como é costume dizer por cá: “e quanto menos fazem, menos querem fazer”.

      • Abreu says:

        12 horas por dia? Entrar as 8 e sair às 21h ?
        Isso não e escravidão?

        • José Fonseca Amadeu says:

          Se for imposto sim, se for por vontade é dedicação.
          Faço gestão do meu proprio horário e tenho dias que trabalho 20 horas por dia, outros apenas 8, dificilmente opto por trabalhar menos que 8h ou tirar dias de férias sem ser férias grandes.
          Depende de cada um.

    • jorgeg says:

      2500 na Alemanha nao e o mesmo que 2500 em Portugal para quem nao sabe!
      Mais 250 desses impostos e para “äjudar” os turistas que fecham o paises como Portugal.
      Que resolvem fechar o pais (economia) a torto e a direito, pois o dinheirinho cai do ceu, segundo os mar.xistas do PS e companhia.

    • Vitolas says:

      O problema é que aqui não te pagavam 2500€,e os alemães podem ser muita coisa mas não são parvos,para “ninguém” querer ir para lá trabalhar não é porque gostam de estar encostados,deve é haver muito melhores opções.

      Europa não é a China nem as américas e felizmente isto pelo menos em direitos laborais.

    • Maria says:

      Os romanos e egípcios eram fantásticos construtores… mas a mão de obra executante escrava permitia isso.
      Já passaram uns milénios…

  2. Sílvio Pinto says:

    Isto é a Europa meu caro, aqui há regras, lutas de muitos anos por direitos. Não é a republica das bananas

    • sergio says:

      desculpe? tem que separa a republica das bananas que é portugal do resto da europa. Na europa sim existe republica das bananas e nos somos bom exemplo disso.

  3. Rui says:

    Quem nao gosta de trabalhar sob pressao não pode trabalhar numa empresa destas

  4. Marco says:

    Eles que montassem a fábrica em Portugal.

    • Crow says:

      Era a mesma coisa. Basta ver o que tem sido com a AutoEuropa.

      • Luis says:

        O que tem sido com a Autoeuropa? Ordenado acima da média nacional? Benefícios que outro trabalhador comum não tem?

        • Ora ora says:

          Aumentaram os salários dos trabalhadores em plena crise económica. Quantas empresas em Portugal fizeram isso?

        • José Fonseca Amadeu says:

          O que tem sido? Greves atrás de greves, intromissao do governo e de partidos, se fosse agora a Autoeuropa nunca teria posto cá os pés, antes ir para a Europa de leste que aturar os Portugueses com a sua mentalidade pós estado novo de funcionalismo publico.

      • Maria says:

        A auto Europa é um exemplo de liderança e da sua relação com as organizações representativas dos trabalhadores, no ultrapassar de dificuldades.
        Não percebo bocas que se enquadram praticamente em mensagens subliminares de Fakenews

        • José Fonseca Amadeu says:

          Autoeuropa é exemplo do sindicalismo comunista que afunda este país desde o pós estado novo.
          Uma vergonha de trabalhadores, associações e de sindicatos, felizmente os poucos amigos que tenho lá nunca fizeram uma unica greve.
          Qualquer dia acaba-se a mama e passam a autoeuropa para a europa de leste.

          • Miller says:

            Nem mais. Portugal a necessitar de trabalhar e de investimentos internacionais e os nossos trabalhadores acham-se com poder económico para recusar. Das duas uma, ou nos submetemos a trabalhar para daqui a uns tempos termos um país rico (como a Alemanha) ou continuamos neste vaivém de sindicatos e comunismo que deixa os países na miséria e afasta os empregadores e a classe rica.

        • Pedro V says:

          Tomara Portugal ter mais 20 como a Autoeuropa.

          • José Fonseca Amadeu says:

            E pelo exemplo da autoeuropa que está mais que queimada com os governos, sindicatos e mesmo os trabalhadores que não temos mais 20.
            A autoeuropa já nem mete ninguém para os quadros para não ficar ainda pior, agora é tudo outsourcing ou trabalho temporário.
            Se tivessem aproveitado a oportunidade para demonstrar como o país pode ser trabalhador e competitivo em vez de caírem no sindicalismo do BE e do PC já teríamos mais 40 autoeuropas vindas de empresas de todo o mundo.

          • Pedro V says:

            @Fonseca Amadeu 100% de acordo.

    • Ora ora says:

      Tu ias já a correr para trabalhar o dobro do que é legal e ganhares um salário que dá para comer e pouco mais. Mais vale os 600 euros de Portugal, só dá para comer mas tens mais tempo para viver.

  5. jrgaugusto says:

    Importa os carros da china … onde já se viu construir uma fábrica na europa !!!

    • Crow says:

      E é o que tem acontecido ultimamente. Até há pouco tempos os Tesla em Portugal vinham todos dos EUA, mas os Model 3 recentemente já estão a vir da China. A questão é que a Tesla quer uma fábrica dedicada ao mercado europeu que ajude a responder ao crescendo do mercado mais rapidamente e evite os custos de importação.

      • Miller says:

        Isso é simples. Os chineses querem trabalhar. Desde os anos 80 que o Ocidente os escraviza mas eles não se importam pois sabem que mais vale passarem duas décadas a trabalhar no duro para as próximas gerações serem das mais ricas do mundo. Agora, em 2020, vemos como a China está a ficar muito melhor que a América ou que a Europa comunista. Se aparecer alguém aí a pedir para 100 europeus irem trabalhar para uma fábrica de bonecos, começam todos a chorar e a fazer greves e a tentar golpes de estado só porque sim.

  6. Ora ora says:

    Que vá para o Bangladesh, lá nunca ouviram falar de direitos.

  7. Luis Oliveira says:

    Venham para Portugal, que os governos até convenciam os trabalhadores a pagar para lá trabalhar.

  8. sujeito says:

    Quando me apresentaram a proposta sai da porta a rirás gargalhadas…
    Escravo? Nã… Trabalhe o Elon que tem bom cabedal

    • Manuel says:

      fizeste tu bem, onde já se viu pagar 2500€ por mês parece que é a gozar com uma pessoa

      • José Fonseca Amadeu says:

        A mim contactaram-me via linkedin para integrar os quadros da Tesla, não seria para ficar directamente na fábrica mas sim nos escritórios em Tilburg ou Amsterdão se preferisse, ofereceram-me algo como 5.000€ liquidos + medical. Actualmente ganho 4.000€ liquidos, ia mesmo mudar-me pagar cerca de 1.000€ de diferença com alimentação e casa e ficar na mesma, e com isso perder benecificos como PPR, seguro capitalizaçao, 27 dias de férias + aniversário, carro e possibilidade de teletrabalho.
        Estão habituados ao mercado US que nunca ficam mais de 1 ano em cada empresa, não tem férias pagas e até são opcionais.

        • Miller says:

          E tu estás habituado à boa vida de classe média europeia. Não estejas atento não que qualquer dia deixas de ter opções de trabalho.

          • José Fonseca Amadeu says:

            Quando se é o melhor naquilo que se faz dificilmente se fica sem opção de trabalho.
            Não fico parado no mesmo poiso muito tempo, a cada 2 anos mudo de empresa para projectos mais aliciantes e uso essa mudança para melhorar os meus beneficios.

  9. Nick says:

    As próximas fábricas vão para a Asia, não só a China. Aqui não se trabalha, vive-se dos rendimentos.

  10. art says:

    Carros a desfazerem-se , foguetões a explodirem….fábricas sem telhado a fabricarem carros…hehehe….este gajo é uma paródia , mas faz bom marketing…..Este gajo podia ir longe se soubesse o que anda a fazer…..o que lhe vale é que é financiado pelo governo Americano na indústria espacial, nos carros só engana os tolos , mas estes são a maioria, por isso fica a ganhar….

    • Diogo says:

      foguetoes a explodirem ahahahah se nao estas dentro do assunto nao faças figura de parvo pah os foguetoes da spacex são só dos mais fiaveis da industria ou achas que a nasa paga para meter la pessoas só porque sim aahahah é engracado quando estas pessoas nao prcebem patavina do assuno mas mandam postas de pescada para o ar

    • Figueiras says:

      Quando se tenta ser engracado mas nao se percebe nada do assunto

  11. Vasco says:

    80 horas por semana dá perto de 11h e meia de Domingo a Domingo. Dormindo 8h por dia sobram apenas 3h e meia por dia para poder fazer algo sem ser trabalhar para o E. Musk. Mas porque haveria alguém de querer ser enganado de tal maneira, a menos que tivesse de fugir à fome? Para trabalhar tantas horas semanais é muito mais lucrativo a longo prazo abrir a sua própria empresa.

    • Pedro V says:

      Já fiz 72h de trabalho em uma semana. Mas levei para casa 1300 eur nessa semana. De vez em quando compensa.

      • Vasco says:

        Também eu, com directas incluídas. Mas claro que compensou. Mesmo assim não gostaria de ter de repetir essas experiências, a menos que o projecto fosse absolutamente vital. Aqui também temos de contar com a cultura de trabalho alemã, que é completamente diferente da americana em termos de exactidão. Os empregados alemães têm mau feitio e quando os projectos são mal planeados atiram tudo â cara dos superiores hierárquicos – são muito fontais.

        • Filipe says:

          Projectos mal planeados é o “prato do dia” por cá. E da maneira que os patrões por cá, com a “quarta classe tirada à noite” têm a mania que são mais entendidos em tudo, se algum colaborador lhes dá a mais ínfima dica, despedem-no imediatamente.

          • Rui says:

            É provável que tenha razão, mas e porque é que não arrisca você mesmo criar o seu próprio emprego? Ou melhor ainda, criar a sua própria empresa?!?!?!!!!
            Aí vai perceber que as contas a pagar ao estado, fornecedores e colaboradores têem prazos para pagar e os recebimentos……..

        • Pedro V says:

          Repito algumas vezes por ano. Cerca de metade do ano faço descarregamento e carregamento de catalisadores em reatores. O descarregamento é feito em ambiente inerte, nitrogénio.

      • José Fonseca Amadeu says:

        Já fiz mais de 100 e levei o mesmo.. lol

  12. Pedro V says:

    Para quem não sabe, na indústria pesada, seja na Alemanha ou aqui onde estou, na Holanda, só se pode começar a trabalhar depois da ordem de serviço assinada por todos os responsáveis, toolbox feita com todos os intervenientes e análise final de riscos feita no local de trabalho. Chega-se a entrar ao serviço às 7h e só se poder começar a trabalhar às 9 ou às 10. Só assim se evitam acidentes que tanto podem ceifar um dedo como uma vida. A Europa não é a China. Por isso é que os grandes grupos económicos gostam muito da China, mas ninguém nos bate na qualidade. Metemos os chinocas a um canto.

  13. Antonio says:

    Não conseguem porque não querem.
    Todos os dias chega barcos carregados ás praias do mediterrâneo.

  14. Rui says:

    2 500€ não atrai nenhum alemão a trabalhar numa empresa desorganizada! Ganham bem mais nas fábricas alemãs (Bosch, Mercedes, BMW, Audi, VW………

    Além de que na Alemanha os sindicatos têem efectivo poder na empresa e responsabilidades!!!!

    O Musk não contou com todos esses pormenores quando se instalou na Alemanha?
    Não sabia quanto ganham na Alemanha?

    • José Fonseca Amadeu says:

      Não quer saber, queria ter a gigafactory na alemanha para tentar demonstrar que é concorrência e aprender alguma coisa sobre fazer carros no processo 😀
      Até agora saiu tudo furado.

  15. Abreu says:

    Esse musk ainda vai levar a uma crise mundial devido a especulação da Tesla em bolsa.

    Tic TAC TIC TAC TIC tac

    • José Fonseca Amadeu says:

      As crises mundiais não se dão por especulação de empresas de fortune500 (blue chips) mas sim por investimentos em CDOs e small caps.

    • Miller says:

      Estuda primeiro… Só perde dinheiro com a Tesla quem não sabe ler. Dito isto, é evidente que a correção está iminente. Agora volta para o Facebook para conspirares contra a Amazon ou Apple.

  16. Miguel says:

    Ai o Musk pensa que na Alemanha os trabalhadores era tudo a arroz como na china?
    Que viesse para Potugal aqui não falta escravidão por 600€, faziam fila para entrar na tesla por esse valor e licenciados!

  17. Filipe says:

    Nao percebo o Musk… Se calhar queria a qualidade alemã a qq custo, lixou-se. O provável é pessoal fora da Alemanha da UE aceitar os cargos. Quer qualidade tem de pagar.
    Mas se queria vir para a Europa pq não os países mais a Este da UE como uma Hungria ou Eslováquia não seria boa ideia para ele?

    • O bastardo says:

      1) países de leste não são tão fiáveis (política e economicamente)

      2) países de leste (ou qualquer outro na Europa) não são competição em qualidade, fiabilidade e rigor como a Alemanha.

      3) a está central na Europa e tem um excelente porto, além de comunicações.

      4) clientela abundante para os automóveis

      5) fontes de energia abundantes

      Só estas 5 questões excluem a maioria dos países da Europa.

      • Filipe says:

        Então ele agora tem de perceber que não está nos EUA ou China. Há leis e é para cumprir.

        • Miller says:

          Há leis a mais*. Corrigi isto. Os americanos estão todos contentes com a indústria capitalizada que eles têm. A Europa só têm muitas leis porque tem um sistema de Segurança Social muito complexo. Temos de taxar muito para arranjar dinheiro para refugiados, ONU, NATO, subsidio-dependentes, WHO, para não falar dos salários dos eurodeputados, o BCE e todas as outras comitivas que existem para dar salários milionários.

  18. rui says:

    Curioso, pelos vistos o Elon Musk está longe de ser um chefe exemplar, mas continuo a ver gente a defendê-lo.
    Gostava de saber se os que o defendem gostavam de ter um patrão como ele.

    • Abreu says:

      Pessoa muito estúpida e sem humildade.

      Mas o karma vai resolver

    • José Fonseca Amadeu says:

      Lol.. Queres pensar melhor nisso, ninguém se lembra do Steve Jobs? Despedia as pessoas porque lhe diziam “bom dia” no elevador..

    • Filipe says:

      O Bill Gates é que parecia ser o melhorzito

    • Miller says:

      Porque não deixa de ser um patrão a criar riqueza. Ninguém pode dizer não a alguém que investe o seu dinheiro no mundo. É mais que sabido que o Musk injeta dinheiro do seu próprio bolso para salvar os seus negócios. Ele tem uma visão, um sonho, e vai estourar o dinheiro todo que ele tem para dar resultado. Ou preferes aquele tipo de patrão que fica 3 meses sem pagar salários, abre falência para não ter de pagar, compra um Mercedes antes de fechar e abre outra empresa a seguir (à la portuguese style) para repetir sempre o mesmo? Lê um livro. Vive a sério. O mundo empresarial é fodido. Quem está bem empregue tem sorte ou ainda não lhe chegou à cabeça o pensamento comunista do “o meu patrão é um fdp”.

      • rui says:

        E só há esses dois tipos de patrão? O sonhador que injeta o seu próprio dinheiro e o que não paga salários?

        Dizer que o patrão é um fdp é um pensamento comunista?! AH! AH! AH!
        Eu não sou comunista e conheço muitos patrões e empresários. Alguns são umas bestas do pior e outros são excelentes pessoas e profissionais.

      • rui says:

        “Ninguém pode dizer não a quem investe o seu dinheiro no mundo.”
        És o empregado de sonho de qualquer patrão sem escrúpulos.

  19. TT says:

    Ups! Parece que na Alemanha não aceitam ser explorados e tratados como lixo! Volta para a Califórnia

  20. Joao Ptt says:

    Felizmente a TESLA pode fazer o mesmo que faz em todo o lado, ou se muda, ou pode contratar estrangeiros sejam da UE ou mesmo vindos da Índia, Paquistão, China, entre outros. Acho que pelo menos é o que andam os chineses a fazer na Itália, abrem lá empresas, e é tudo ou quase tudo chineses a produzir localmente só para poderem meter a etiqueta a dizer que é feito na UE, e suponho que assim reduzir os impostos de importação e talvez viverem em clima de ligeira mais liberdade que lá na China.

  21. Cortano says:

    “Isto, aliado à desorganização e confusão da empresa.”
    Só nesta frase explica o porquê de não arranjar trabalhadores.
    Desorganização e confusão na mesma frase que Alemanha não faz sentido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.