PplWare Mobile

MEO Music: É o fim do serviço de streaming de música português


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

117 Respostas

  1. luis says:

    espero que o serviço seja igualmente bom como este. podia não ter a quantidade de músicas como o spotify, mas para quem tem o tarifário como eu, usufruía do serviço (que não tem publicidade) e sem gasta tráfego

    • Mota says:

      +1
      Vão matar o melhor que a Meo tinha *facepalm* . Poucas músicas mas com trafego não contabilizado e nada de publicidade.. onde é que vamos arranjar algo semelhante?!

      • Iuis says:

        Não sei, mas era uma das coisas que mais gostava no serviço móvel. A ver vamos o que aí vem

      • Spoky says:

        O que é que isso tem a haver mota? La por tu utilizares, não significa que todos utilizem. Se isto fosse assim tão rentável e tivesse tantos lucros, de certeza que não iam acabar com o MEO Music, se acabaram é por alguma razão.

        Não vão manter o MEO Music porque tu queres, ou porque tu usavas. Isso é uma minoria, de que serve manter algo que 70% não usa? (Exemplo) manter e ter custos só para 30% usarem (mais uma vez, apenas um mero exemplo!)

        Se acabaram com o serviço, era porque não estava a dar o que tinham projetado.
        Ainda por cima, quase aposto que usavas “free” sem pagar nada pelas musicas, ou seja utilizavas tudo de graça, sem comprar algo lá.

        É como o Spotify, a maioria não compra tudo. Ouve as que tem disponiveis gratuitamente, só compra o Premium quando lhe apetece.

        Sejamos realistas, se o MEO Music não deu o que era esperado a MEO, o melhor que eles tiveram que fazer é encerrar.

        La por usares, não significa que eles tenham que manter. É esperar e aguardar até lá. E isto pode ser uma jogada de Marketing para um novo rebranding “ALTICE” quem sabe. 😉

        • Dan says:

          Lá por esse ser o teu pensamento não quer dizer que seja a realidade dos outros

          • Spoky says:

            Nunca disse que era, mas virem argumentar com “Eu usava bastante!” não serve de nada, eles não querem saber se tu usas bastante ou se 40-50 pessoas usam bastante.

            Eles querem que a MAIORIA dos clientes usem, de que serve manter uma app se nem metade ou a maioria usa!?

            Tudo isto equivale menos lucro e mais despesa.

          • Dan says:

            Como volto a referir opinião tua, nem tu sabes se a maioria usa ou não, a maioria usava Spotify e vai ser obrigada a usar Apple music, achas que a Vodafone quis saber se a maioria usava ou não. o meo music é a mesma coisa.

        • Jota says:

          A empresa que fornecia o serviço a meo foi-se.

        • Alex says:

          Eu costumava usar o MeoMusic no dia-a-dia, até que a Altice decidiu oferecer no tarifário da moche, dados para o Spotify, o que eu achei bastante estranho, dado que eles tinham um serviço parecido.

        • PTO says:

          “sem comprar algo lá”?? Vê-se logo que não pescas nada do que era o MeoMusic. Nunca vendeu músicas, era somente um serviço de streaming .

        • Paulo says:

          Spoky, não se trata se era muito ou pouco utilizado, trata-se de que era uma regalia do contrato que disponibilizava o Meo Music gratuitamente e agora vai deixar de o fazer…
          Vamos esperar para ver a alternativa, mas os clientes não podem ser prejudicados por incumprimento das ofertas do contrato!

        • Daniel says:

          O Meo Music outros serviços como a Cloud eram mais valias que diferenciavam o tarifário moche dos restantes do país. Ao contrário do que tu disseste, eles perdiam dinheiro se a aplicação tivesse muitos utilizadores.

        • josel says:

          Tem cuidado quando tu deixares de pertencer à maioria. Vão fazer por te retirar coisas que tens como garantidas, e vais ter a maioria a dizer que a minoria não merece tê-las.

  2. carlos p says:

    tão bom. dizem eles 😀

  3. jobz says:

    “de que serve manter algo que 70% não usa? ”
    Pela tua lógica (da batata) a Apple deveria também fechar? É que apenas 10% da população utiliza….
    Já te passou pela ervilha que se calhar tem a ver com o facto da ALTICE poder mudar o nome á plataforma???

    • Marco says:

      Ja te passou pela cabeça, que vai mesmo fechar e não é apenas para mudar o nome. Tenho um pressentimento qual será o proximo serviço deles a ir pelo mesmo caminho, basta ver as atualização que a aplicação não sofre e a forma como tem vindo a ser cortado.

    • Spoky says:

      10% da População? Traduz isso em números por paises, por cidade e logo vens me dizer se é 10%. Repara a Apple da Lucro, 10% não significa que seja pouco. Já em relação ao MEO Music 1% em Portugal é praticamente nada.

      «Já te passou pela ervilha que se calhar tem a ver com o facto da ALTICE poder mudar o nome á plataforma???»

      Já te passou pela ervilha que eu disse precisamente isso no final? Bem pois me parecia! Entende uma coisa, o objetivo principal das empresas é obter lucro. Sem lucro não vão a lado nenhum, e sem clientes muito menos!

      Ou achas que as empresas foram criadas para “satisfazer” as tuas necessidades? Em certa parte é verdade, mas o grande e o verdadeiro objetivo é a obtenção de lucros. Lucrar. Caso contrário tinhamos preços acessíveis mesmo existindo prejuízo.

      • PTO says:

        Querem ver agora que a Meo tem dado prejuízo? Todos os utilizadores do MeoMusic que conheço usam o serviço pago. Eu sou um deles. Está é a minha realidade, a tua tem todo o aspecto de sabedoria de mesa de café, nem sabes sequer como funcionava o serviço.

      • Begincaos says:

        Gratuitamente? Deixe-me esclarecer a sua “ervilha”
        • O serviço está pago e bem pago no meu tarifário, ou existe dúvidas?
        • Evidente que ninguém cria empresas para perder ativos, mas se vendem um serviço e publicitam parcerias no intuito de obter clientes, devem cumprir.
        • Sim eles têm de satisfazer as minhas necessidades, porque eu aderi ao serviço devido ao trafego gratuito e nada mais além disso.
        • Para quem passa o tempo em viagem, é um serviço bastante útil, pois não contabiliza o trafego e tem acesso a diverso conteúdo musical.
        • O grande problema das “ervilhas” pequenas é acharem que se não dá lucro, quer dizer que têm perdas. É errado, na sua maioria, só não têm é os lucros chorudos previstos.
        • Na sua opinião como as empresas têm de faturar, os clientes têm de pagar, mesmo que isso implique alterar contratos e vínculos
        • Por que razão não devemos expressar a nossa opinião, sem direito a julgamento? Mudança sim , mas sempre para melhor.
        E para terminar, já saíram as novidades que nos estão a oferecer. Para mim, que sou MEO, provavelmente terei de procurar um parceiro onde o trafego não seja contabilizado.

        • CheiadePançudos says:

          Begincaos, finalmente um comentário sensato! Pago 69,99€ num pacote MEO 5O e por isso tinha direito ao serviço de streaming MEO Music. Hoje ouvi no jornal da SIC que a MEO, uma empresa lucrativa, depois de comprada pela Altice passou a gerar avultados prejuízos (pelo que entendi, deve-se ao facto de a Altice que tinha sérios problemas financeiros, necessitou de empréstimo para comprar a MEO, pelo que a faturação não consegue cobrir os prejuízos. Pergunto, que culpa tenho eu?! ) Pelo menos até ao fim dos contratos deveriam ser garantidos os serviços subscritos, em alternativa , oferecer um serviço semelhante ou abater na faturação. Estou farta de encher pançudos e ficar calada!

    • Diogo says:

      Não vai mudar de nome

  4. pedro says:

    …. humm … a Altice sempre a “cortar” e emagrecer a estrutura …. e de certeza que o que vem aí não vai ter tantos benefícios!!!

  5. paulo carneiro says:

    Obrigado meo! assim já não me faz diferença mudar de operador!

    • Bruno says:

      Precisamente. O que me mantinha na MEO era precisamente este serviço. Pode ter menos musicas que o spotify, mas tem muito mais música nacional que qualquer outro serviço. Enfim… Assim, quando acabar a fidelização, provavelmente irei mudar de operador.

    • ficolixado says:

      Mesmo… realmente o que me fazia manter a MEO era este serviço lol ca ganda nabos… Mas ainva vejo ppl a favor da MEO… gosta de ver os serviços cortados só porque nao usam lol Esses ainda são mais dahhh

    • PTO says:

      100% de acordo. De todas as vezes que ponderei mudar de operador foi o MeoMusic que pesou na decisão de me manter na Meo. Outros operadores tb oferecem serviço de streaming, é verdade, mas para acesso a música nacional não existia melhor que o MeoMusic e foi sempre por isso que nunca mudei. Agora deixa de fazer qualquer diferença estar na Meo ou noutra qualquer.

      • Sérgio says:

        Para mim o Meo Music também foi determinante para me manter na Meo. Tenho Meo ADSL e tive oportunidade de mudar para a fibra da NOS e não o fiz, em boa parte graças a esse serviço!

  6. pardaluxo says:

    >Pois tem essa vantagem , de não ser propriamente e Spotify , mas eu usava para ouvur as playlists que o pessoal tinha e era bem bom. Agora vamos ver o que vem aí . Para pagar temos o spot .

  7. Miguel says:

    Espero bem que optem por oferecer o Apple Music e Spotify Premium. O serviço que a MEO dava aos seus clientes era VERGONHOSO. Pagar para ter uma App que crasha ou então o catálogo de música era miserável e escasso? O Meo Music já devia ter acabado há mais tempo!

  8. Victor says:

    Quando era Meo usava e abusava, tinha muitas músicas, sem publicidade e o ponto mais forte de todos na minha opinião: o download das músicas! O Spotify é bom mas o ter que estar dependente do telemóvel-internet é que não dá com nada

  9. jaugusto says:

    Bom Bom era o cotonete musica e radios online …

  10. João Almeida says:

    Mais uma para largar o M50 e a operadora, ainda bem que temos concorrência!

  11. Pedro says:

    Desde que não metam a porcaria da apple music por mim tudo bem.

  12. Carlos says:

    Vão acabar com o meio music como fizeram com o meo drive dar a outra empresa pra gerir e agora é uma porcaria

  13. falcaobranco says:

    Mudaram o nome…agora mudam tudo…livra… é desde o pavilhão atlantico até á operadora… desde que continue tudo igual não me faz diferença…até porque não usava o serviço…

  14. joaobarra says:

    Gosto de ver quando as pessoas dão bitaites sem saber ou por a pequena ervilha a funcionar. Basta estarem um pouco atentos ao mundo que vos rodeia e deixar de serem tão tacanhos. O que aí vem é o ALTICE MUSIC. http://www.alticemusicapp.com/

    • Spoky says:

      La por terem um site não significa que vai existir esse serviço em Portugal, tu dizes coisas sem qualquer sentido… Desde quando é que isso significa que vai ser isso? É a mesma coisa que o Zive, procura por zive no Google, agora procura por “zive.pt” foi anunciado há varios meses.

      Zive.pt existe, mas porque razão ainda não puseram? La esta.. Não significa nada, nem tudo o que vês que a ALTICE tem fora de Portugal, não significa que chegue a Portugal, lá por eles terem la fora outros serviços, não significa nada.

      Obvio que podem chegar, mas não venhas com essas conversas. E claro pode ser sim uma hipotese. Mas vamos ver.

  15. ficolixado says:

    Aposto que a Altice vem ai com mais uma forma de fazer guita lol Se lançam algo pago… tiro no pé… Spotify welcome.

  16. António Cardoso says:

    +1
    Era uma das coisas que me mantinha na MEO. Bom serviço, sem pagar dados!
    Não será isto uma alteração ao contrato? O meu contrato Dava-me direito a utilizar o MEO Music. Logo não poderei sair sem cumprir o período de fidelização? Ou é só quando é o cliente a alterar as condições do contrato que fica “agarrado” mais 24 meses?
    A ver vamos

    • Luis says:

      Na minha opinião isto quebra o meu contrato de fidelização. Eu uso 2gb de musica por mês que nao é tarifado.
      O que vem aí tem de ter trafego e incluírem a mensalidade do serviço ou vão ter de tirar a fidelização.

  17. Tiago says:

    Eu também sou um dos que utiliza o MEO MUSIC com alguma regularidade, mas só porque estou fidelizado, pois quando deixasse de estar não pagaria os 7€ mensais do serviço para ouvir música.

    Era de facto bom serviço, a app crashava algumas vezes mas não me importava, pois chegava à música / playlist rapidamente

    Espero que continuem com serviço semelhante e que dê para migrar as playlists, pois ter que construir do zero várias playlists com músicas nostálgicas é que não vou perdoar, rapidamente migraria pro Spotify gratuito que tem maior durabilidade.

  18. R says:

    Apesar de usar há uns anos o Meo Music até consigo perceber que seja preferível fazer um acordo com um serviço já existente (parece-me o mais lógico). Embora só acredite depois de ver, até pode ser que seja melhor. As reacções são normais – resistência à mudança e o receio de perder principalmente o acesso a muita música portuguesa.

  19. jonas says:

    tenho pena dos que usavam/usam o meo music…tenho-o de graça pois o meu tarifário vem incluido, mas sempre que o tentei usar acabava por desistir…raramente tinha as músicas que oiço, a app crashava como gente grande….antiquada, IA inesistente. ou seja produto ultrapassado..pode ter sido “bom” quando saiu..agora é um dinossauro. quem a usava tem patamares de exigência muito baixos..a parte boa é que pelos vistos nao eram muitos que vao fechar….prefiro estar a pagar no spotify do que ter um produto mediocre como o meo music…

    • DeeSeven says:

      Se me recomendares um bom serviço, que me seja gratuito e que me permita guardar as músicas offline agradeço! Estou farto de procurar e não encontro mais nenhum.

      • Jona says:

        O spotify tens versao gratis. Se keres musicas offline, o spotify tambem permite gravares…mas para teres essa funcionalidade ja é paga. Neste momento estou com uma promo de 6 meses a 99centimos. Provavelmente vou continuar visto que o AI deles se enquadram com os meus gostos…deixe de procurar musicas ele sugere as que acha que vou gostar e faz um bom trabalho nisso. O meu AV denon tem ligacao directa a minha conta, nao preciso de passar a musica para nenhuma pen. É so ligar e ouvir. Gratis tens o ke pagas….

        • DeeSeven says:

          A minha questão é: porque vou pagar se o tenho de borla?
          Sei que o Spotify é dos melhores players que podemos ter, mas também sei que para usufruir em pleno do serviço tenho que pagar um valor mensal para o qual não estou disposto. O MEO Music, para o tipo de música que ouço, servia-me perfeitamente e, lá está, podia guardar as músicas offline e ouvir quando e onde quisesse. Resumindo, o que tenho que pagar num tinha grátis no outro.
          Portanto volto a perguntar:
          Se me recomendares um bom serviço, que me seja gratuito e que me permita guardar as músicas offline agradeço!

  20. Ricardo says:

    o mes passado acabaram com o meo jogos, este mes com o meo music , só com a conta é que eles não acabam.
    Contrato com menos dois serviços, mas o preço é o mesmo.

  21. ZekaZeka says:

    3 meses de spotify e depois mensalidade de cerca de 5€ para o spotify para quem quiser….

  22. Jo says:

    Altice Music ou Altice muvi muito provavelmente. Re-aproveitar plataforma de outros países

  23. Ricardo Teixeira says:

    Neste preciso momento estou a ouvir o Meo Music. Utilizo a aplicação diariamente. Nunca senti crashs nenhuns na app para Android! O Meo Music era o que me mantinha na rede MEO. Quero ver o que ai vem!

  24. Hugo says:

    Um serviço que era excelente, usava todos os dias, quando li a notícia fiquei bem triste… é mesmo irreversível?

  25. Claudio says:

    Quem tem fidelização pode rescindir por este motivo?

  26. Vítor says:

    Esta alteração do contrato permite cancelar a fidelização certo? É uma alteração ao serviço contratualizado.

  27. Marcelo says:

    Está aqui tudo a chorar que quer cancelar o contrato mas já foram ver a opção que algumas pessoas indicaram aqui como alternativa ao meu music? Se for efetivamente o deezer a custo zero com mesmas funcionalidades do meo music então a mudança será para melhor! Eu uso há muito tempo o meu music por causa das musicas offline e era muito prático! Se a mudança for para melhor não vejo motivo para se cancelar contrato. Só me incomoda ainda nao terem sido claros em relação à alternativa pois já estamos próximo da data!

  28. Carlos Inácio says:

    Preocupa-me as Playlists. Vou ser sincero, é um serviço que uso bastante e que na hora de decidir se fico com a Meo ou não sempre foi um ponto fulcral para continuar com a Meo. Para eles (Altice) só vêm numero mas não consideraram na equação as pessoas que, como eu, se mantiveram agarradas à Meo por causa do serviço Meo Music. Já a Meo Cloud foi o que foi para quem não é cliente, agora isto. Dá que pensar se vale a pena continuar com serviços tão instaveis que podem terminar de um dia para o outro (ou de um mês para o outro neste caso)

    • André says:

      É assim, é normal que a Altice queira remover excessos que haviam na MEO. A probabilidade de haver mais mudanças é bastante elevada, mas vai chegar a um ponto que estabiliza.

  29. Nelson says:

    De facto o catalogo de musicas era pobre. Pelo menos para o que eu quero ouvir, e fazendo comparação com outros serviços.

  30. André says:

    Confirma-se, além de um desconto no Deezer vão haver outras ofertas, nomeadamente em pacotes de internet.
    Fonte: http://bit.ly/2Bsrqc6

    • Marcos Correia says:

      Espero bem que não, a análise a dizer que o cliente fica a ganhar é uma treta – então na opção Deezer Premium vou ter que pagar €5,99 (ainda não percebi se pago 1x ou todos os meses) – ainda que seja só uma vez – para ter uma coisa que já tenho?
      Streaming ilimitado e offline? Já tenho isso muito obrigado!
      Smartnet -> ofereçem um plafond de dados que já era oferta no Meo Music, muito obrigado, para usar num serviço que tenho que pagar como o Apple Music ou se quiser o Spotify sem anúncios também tenho que pagar.

      Expliquem-me se percebi mal ou se estão só a ser chulos.

  31. Ricardo T. says:

    Resumindo e concluído, vamos ter q pagar para ouvir música! O serviço MEO Music era, pelo menos para mim, muito bom, tinha um catálogo muito extenso para os meus gostos e ficava a custo 0, pelo menos no meu tarifário. É inadmissível… As ofertas implicam sempre um pagamento extra… Quando puder salto fora da MEO.

  32. Marcos Correia says:

    Há um ano e tal a Altice pediu a uma empresa onde trabalhava uma cotação por um substituto ao MeoMusic….depois disse que era muito caro. A meu ver é mais um episódio de cortar nos custos e na qualidade da Meo.
    Lá em casa são dois a usar o Meo Music, era o unico com a possibilidade de fazer 10 downloads gratuitos por mês e com uma boa qualidade e sem contar para tráfego de dados. Se a alternativa não for boa mudo para a Vodafone assim que possa, era a única coisa que diferenciava a Meo da Vodafone

  33. João says:

    O que aí vem é o Deezer, já há imagens em alguns fóruns a confirmar. Para quem tinha Meo Music, tem direito a 3 meses gratuitos de Deezer premium e depois é 5,99€ por mês.
    O catálogo do Meo Music podia ser curto em comparação ao dos outros serviços de streaming, mas o Meo Music brilhava no tráfego ilimitado na rede Meo. Ter música a tocar o dia todo sem nos preocuparmos com dados, foi sempre a mais valia do Meo Music. Atenção que a Meo (agora Altice) adicionou também ao serviço Smart Net Music as aplicações Apple Music, Deezer e Napster. Mas penso que o grande foco será no Deezer por uns meses, entrando mais tarde o Altice Music.

  34. Paulo SIlva says:

    Acham que não será um motivo para a rescisão justificada de contrato ? é que de uma solução sem custo, tentam-nos impingir uma solução paga….e não percebi ao certo a situação do MEO GO….
    eu tenho m4O Giga e utilizava muito a solução do meo music. Tenho meo go multi e não pago.
    Assim do nada, estamos a falar de 2 contratos com 4 telemóveis na totalidade e mais de 160 € mensais…vamos ver no que isto dará…

  35. Pedro Fernandes says:

    Já repararam que o Moche Legend agora oferece os dados móveis para o Spotify?

    https://www.moche.pt/tarifarios/moche-legend/

    Não vi isto anunciado em nenhum lado, e é uma característica bem fixe

    • DeeSeven says:

      Sim, recentemente adicionou o Spotify nas aplicações com tráfego móvel de oferta.. Muito provavelmente por já terem ideia de acabar com o Meo Music digo eu.

  36. Pedro says:

    Será que se pode rescindir o contrato com base no fim deste serviço sem penalizações??? Afinal de contas, unilateralmente foi cancelado um dos serviços cancelados e as alternativas são temporárias…

  37. Ruixinho says:

    E os entendidos sabem como é possível fazer uma lista dos favoritos no Meo Music? É que não as queria perder :´(

  38. jaime says:

    Pelos vistos apresentam uma bela treta de solução….Deezer 3 meses?? mais as outras soluções e ofertas… eu tenho meo unlimited e de nada me vale a solução apresentada… por isso a minha parceria com a Meo vai terminar por aqui, já que para isso prefirro pagar menos mensalidade (tenho o unlimited mas a preço mais baixo) mas subscrever outro serviço externo. Bye bye meo…só metes água, caramba!

  39. mrodrigues says:

    Fiquei muito desiludido com as pseudo-alternativas. Não existindo uma alternativa similar (sem acréscimo de custo) não terei de facto outra hipótese a não ser a rescisão do serviço. Já preenchi o formulário devidamente justificado e submeti hoje. Para duas pessoas (meu caso), teria um acréscimo na ordem dos 10€ para ter um serviço similar. As alternativas oferecidas não não alternativas de todo. Não tenho dúvidas que esta rescisão unilateral de um é motivo para rescisão, até porque quando eu renovei, foi precisamente este um dos factores de desempate. Sendo que eu também usava ocasionalmente o Meo Jogos, mas era esporadicamente. Agora resta aguardar pela novela de rescisão de contrato…

    • Marcos Correia says:

      Sempre é possivel rescindir o contrato sem a MEO pedir nada em troca para quem está ainda fidelizado?

      • mrodrigues says:

        Tem de ser possivel. Se contrata um serviço e depois há lugar a uma decisão unilateral em terminar, sem uma alternativa similar, tem sempre lugar à rescisão do mesmo. Tal situação se sucede quando houve a alteração de preços.

      • mrodrigues says:

        Já li algures que a Meo vai alegar em resposta que não é possível cancelar pois não se tratava de um serviço contratualizado. Não conheço mais detalhes, mas no meu caso eu tenho esse serviço devidamente descrito na minha fatura mensal.

  40. Pedro says:

    Pessoal saiu a pouco uma notícia da Deco onde eles irão apresentar queixa a ANACOM, pelo facto da Altice estar a cobrar ilegalmente aos clientes por rescindirem o contrato fica aqui o link:

    https://www.deco.proteste.pt/casa-energia/tarifarios-tv-net-telefone/noticias/fim-do-meo-music-clientes-devem-rescindir-contrato-sem-penalizacao

    • mrodrigues says:

      Boas noticias! É de facto a constatar o óbvio, que apenas a Altice não entende. Sinceramente, não compreendo como é que fazem algo do género e esperam passar impunes. O mesmo se passou com o Meo Jogos, mas como era um serviço mau, de facto não fazia falta nenhuma…

  41. paulex says:

    Aqui fica a resposta da Meo ao meu pedido de esclarecimento/cancelamento do contrato :
    “Relativamente à reclamação apresentada por V.Exa, gostaríamos de esclarecer o seguinte:

    A partir de dia 1 de março de 2018, o serviço MEO Music será descontinuado, deixando de estar disponível na oferta de serviços do MEO, tendo essa situação sido comunicada com a antecedência prevista nos termos e condições do serviço.

    Conforme comunicado pela MEO, os clientes do serviço MEO Music dispõem de um conjunto de ofertas de substituição, para que possam aceder a conteúdos de música e muito mais, e que poderá consultar em https://www.meo.pt/servico-musica.

    Tendo a descontinuação do serviço sido comunicada atempadamente, de acordo com os termos e condições do serviço, e estando a ser disponibilizado aos clientes um conjunto de ofertas de substituição para que possam continuar a aceder a conteúdos de musica, não lhe assiste o direito de cancelar o serviço de comunicações eletrónicas / pacote MEO, sem encargos associados. Em conformidade, e caso mantenha a sua intenção de cancelar o seu serviço de comunicações eletrónicas / pacote MEO, antes de decorrido o período de fidelização estabelecido, informamos que será emitida e cobrada a fatura de incumprimento contratual.

    • mrodrigues says:

      Não me admira nada. vão fazer isto a todos para intimidar, mas vai haver quem escale isto para a Anacom certamente. Porque eles estão a misturar conceitos. Primeiro mencionam que avisaram com antecedência, mas isso é irrelevante para o caso, porque o critico aqui é o facto de não terem facultado NENHUMA opção alternativa ao Meo Music, sem acréscimo de preço. Para ter streaming de música eu terei de desembolsar +10€, pois tinha 2 pessoas no meu agregado a usar o Meo Music.

      Nem sei quantos meses tenho ainda de fidelização, mas já enviei a minha carta de rescisão e vou aguardar pela resposta formal para efetuar queixa à Anacom. Aceitarem se efetuarem o desconto comercial de 6.99€ que era o que eu tinha definido na minha fatura MEO para o Meu Music.

  42. Begincaos says:

    Eu ja reclamei tambem, mas a mim ligaram-me por telefone. Vou rescindir e vou alegar que na altura quando me venderam o servico, fizeram-no com alusao o MeoMusic. No fundo foi um dos motivos o qual me fez continuar fidelizado. Tráfego incluido e app sem mensalidade.

  43. Begincaos says:

    Eu ja reclamei tambem, mas a mim ligaram-me por telefone. Vou rescindir e vou alegar que na altura quando me venderam o servico, fizeram-no com alusao o MeoMusic. No fundo foi um dos motivos o qual me fez continuar fidelizado. Tráfego incluido e app sem mensalidade.

  44. Fakinter says:

    Se o que a deco diz for possível, adeus meo

  45. Ruixinho says:

    Pessoal e onde podemos reclamar por escrito (na area de cliente)?

    • Begincaos says:

      sim na area de cliente. Já agora se quiseres que a resposta venha por escrito, menciona isso na reclamação, pois eu solicitei que me informassem por escrito e eles dizem que tenho de o mencionar, caso contrário ligam-te. coisas à MEO, para não assumirem no papel, digo eu.

  46. Ruixinho says:

    Já tinha enviado a reclamação, mas voltei a fazer, desta vez como pedido de cessação. Obrigado.

  47. Paulo Silva says:

    Boa tarde.

    Alguém tem resposta da DECO ou ANACOM sobre esta situação em concreto ?

  48. Begincaos says:

    DECO? esquece. Nao fazem nada. ANACOM vai pelo mesmo caminho. Fiz uma reclamacao online e a MEO respondeu com a informacao de nao tem razao para rescindir. A ANACOM mada diz. Inclusive perguntei a cerca de agora quererem cobrar-me 1 euro por fatura em papel e nada dizem. Na.minha opiniao já nao existem instituições que.nos.defendem. É essa a sensação com que fico.

  49. mrodrigues says:

    Eu estive a ver alternativas e liguei por exemplo para a NOS e sinceramente é tudo o mesmo preço.. mais um ou outro serviço, mas nada de muito diferente.

    Única real vantagem era vodafone, mas não tem fibra na minha rua.

    Sinceramente fiz o pedido de rescisão, mas do que vejo no mercado vai tudo parar ao mesmo.

  50. mrodrigues says:

    Não é preciso DECO ou ANACOM. A Altice já me deu feedback a confirmar a anualção do contrato num prazo. Nada a apontar!

    • Paulo Silva says:

      Como fez ?

    • Marcos Correia says:

      Não acredito.

      Tendo em conta a duas chamadas telefónicas que já tive com eles não acredito.

      Alegam sempre que era um serviço que era oferta e que havendo lugar a rescição de contrato teria sempre que pagar a indeminização correspondente ao términus do periodo de fidelização.

      • mrodrigues says:

        A chamada telefónica não resolve nada porque não é meio aceite para cancelamento de serviço. Eu mandei carta registada, coloquei uma cópia da fatura onde indicava lá a mensalidade do meu music de 6 euros. E coloquei juntamente com a minha intenção de rescisão cópia do meu Cartão de Cidadão. Pouco tempo depois ligaram-me a confirmar que iam anular e nem renegociaram o contrato, o que achei estranho. Depois percebi que o fizeram porque eu não tenho mais nenhum operador com fibra na minha rua a não ser a Altice. O serviço Meo Music não era oferta, mas sim um desconto comercial que deve vigorar pelo periodo de vigência de contrato. Se alteram o desconto comercial então o cliente tem direito a rever a sua posição, rescindindo o contrato. Façam corretamente por carta e evitem o telefone que na maioria das vezes não ajuda.

        • Marcos Correia says:

          Miguel, depois das chamadas enviei uma carta através do site livro de reclamações.pt, o qual envio directamente para a Altice e para a ANACOM. A resposta veio hoje e foi a da praxe:

          Relativamente à reclamação apresentada por V.Exa, gostaríamos de esclarecer o seguinte:

          A partir de dia 1 de março de 2018, o serviço MEO Music foi descontinuado, deixando de estar disponível na oferta de serviços do MEO, tendo essa situação sido comunicada com a antecedência prevista nos termos e condições do serviço.

          Conforme comunicado pela MEO, os clientes do serviço MEO Music dispõem de um conjunto de ofertas de substituição, para que possam aceder a conteúdos de música e muito mais, e que poderá consultar em https://www.meo.pt/servico-musica.

          Para mais informações, estamos sempre disponíveis pelo 16 200 e em meo.pt. Se é cliente empresarial, contacte o seu gestor de cliente, ligue 16 206 ou aceda à Área de Cliente em ptempresas.pt.

          Com os melhores cumprimentos,

          Cristina Torres
          Gabinete de Satisfação do Cliente

          Pode enviar-me uma cópia da carta que envio para tentar, já que eles disseram por telefone que iriam debitar o restante do período da fidelização? Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.