PplWare Mobile

Intel refresca linha de portáteis Classmate


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Fernando says:

    Sou graúdo e quero um destes 🙂

  2. Leonardo says:

    Muito bom!

  3. Ocasional says:

    No meu tempo não havia nada disto…

  4. Ricardo says:

    Este computador vai revolucionar o mercado dos magalhães 😀

    • Vítor M. says:

      Se chegar cá, pois não é a primeira versão que a Intel lança após o modelo que chegou ao nosso mercado.

      E outro aspecto importante é quem está com esse projecto nas mãos! Será que vai querer apostar numa máquina que à partida não lhes dará tanto lucro?

  5. ajbadboy says:

    Tem muito boa pinta

  6. Joel says:

    Pois, são muito bonitos, mas trabalho numa loja de informática, e os magalhaes são dos pcs que mais aparecem por lá, quero ver agora quando usarem estes de ecran rotativo,nao duram 2 dias..

    • jmtdstoc says:

      Bem, mas eles são usados por miúdos e como miúdos que são por vezes não tratam bem dos equipamentos que têm à sua responsabilidade.
      Se dessem um Macbook Pro a um desses miúdos com certeza que todos os dias iria para arranjar…
      Acho que isto é um pouco como a segurança: o factor humano é, na maior parte dos casos, o elo mais fraco…

    • ajbadboy says:

      É da maneira que tens sempre clientela lol

  7. pedro says:

    Se for para ser vendido mais barato, então que seja vendido como classmate, agora se for como magalhaes, pra chular as pessoas… esqueçam

    • Vítor M. says:

      Define mais barato?

      É que o projecto Magalhães era “praticamente de borla”. Nas lojas o Magalhães custava 260 euros.

      Sim cá fora estava caro, mas o grosso das vendas deste produto foi praticamente de borla.

      Este, se realmente tiver todas as funcionalidades que estão descritas pela Intel, não deverá ultrapassar os 250 euros (cá fora). Dentro de uma projecto como o Magalhães e se não for para engordar alguns parceiros do estado pode perfeitamente ser dentro do valores do primeiro.

      Mas, pelo que que vi nesta segunda versão lançada há pouco tempo, os players associados ao projectos não querem ganhar pouco de cada vez, querem ganhar logo todo de uma vez. Por isso não acredito que esta tecnologia seja aplicada na próxima versão do Magalhães.

      • pedro says:

        aos miudos das escolas o preço era muito bom, no maximo 50 euros, mas nas lojas podia estar mais barato..
        é que a qualidade daquilo era muito fraca, o disco so da problemas..
        e o ecra é muito pequeno

    • viperbruno says:

      Deu prejuízo a nos contribuintes e as coitadas das operadoras nacionais (repito coitadas) e ainda querias por mais barato. A unica maneira seria ser um computador Portugues como o engenheiro disse, coisa que infelizmente não o é.

      • ajbadboy says:

        “coitadas das operadoras nacionais” não sabes o que dizes, os empresários dessas operadoras a ganhar num mês mais do que alguma vez ganharás num ano e ainda são as coitadas das operadoras lol a TMN pertence à PT, vai ver os salários dos empresários da PT e vê lá se os coitados são eles ou tu.

  8. Pedro Gomes says:

    Olha um Ipad para os putos

  9. Rui Dias says:

    Gente,

    Reparem lá no minuto 1:32 do primeiro video:

    “The Magellan PC for Education”

    A Intel esteve desde sempre envolvida no projecto Magalhães, pelo que o mais natural será que este novo classmate, em portugal, se continue a chamar Magalhães. A ver vamos…

  10. MS-PT says:

    isto no meio dos terroristas de 8 anos vai ser lindo…

    mae mae nenhum dos magalhaes liga!! Mae: mas tens 2? filho: nao, mas ao abrir isto fez 2 …

    hahahaha

  11. bigkax says:

    O segundo vídeo faz me lembrar o Iron Man, tudo acontece e como que por magia o “recheio” fica intacto, parece que o “miolo” não está sujeito à gravidade pois as forças G não surtem qualquer efeito. Talvez fosse boa ideia usar esta tecnologia no mundo automóvel.

    Embora este pc pareça melhor fico à espera de ver os estudantes com um booklet pc no lugar de 20KG de papel e uma “torradeira” que por acaso também é um pc.

  12. dajosova says:

    Tenho aqui um Magalhões mas não entra no Windows.
    Precisava com urgência duma solução para repor tudo de origem. Alguma sugestão?

    como ele tem um arranque duplo, é necessário algo de especial?

    Obg desde já pela ajuda! 😉

  13. Pedro Lino says:

    Vitor M., “Intel _refresca_ linha de portáteis”?

    “Refreshes” neste contexto significa “actualiza” e não “refresca”

    • Vítor M. says:

      Acho que refresca está bastante mais adequado, pelo facto do Classmate ter levado uma lufada de ar fresco na sua imagem que estava já cansada e pesada. Logo, refresca é a palavra correcta. 😀

      Acho que o actualizar é tem um peso mais pejorativo no trabalho desenvolvido. Não foi uma actualização, na verdade foi uma inovação um refrescar da própria imagem que as pessoas pré-concebiam quando se falava neste equipamento.

  14. LuisFilipe says:

    É chato que quando está para ser distribuído o Magalhães que se calhar nem será a 2º geração, já aí esta a 3ª geração…

    De qualquer maneira espero pacientemente a distribuição do dito…

    E quanto ás operadoras, elas não pagam nada e fazem um negócio enorme com a desculpa de estarem a dar contrapartidas das licenças 3G.

    Não são contrapartidas nenhumas e os Magalhães que não adiram à net (o que será a maior parte) são pagos com o dinheiro dos contribuintes. Isso nunca foi transparente (por isso é burla) e a escolha opaca foi (burla)…

    E porquê o windows será que temos dinheiro para essa palhaçada ?
    É que mais dia menos dia vão .nos dizer que não há subsidio de Natal ou de férias e aí talvez os detractores do linux possam pensar (se calhar aquilo funciona, basta querer)
    E funciona mesmo principalmente para trabalhar, basta querer nomeadamente o ‘patrão’. (Puf, puf, puf)

  15. claudia says:

    eu tenho o maga 2 e quem tem o 3 e sortudo kem me dera o ter e
    mesmo fixe

  16. Mariacuriósa says:

    Olá quando é que esse computador sai no mercado tenho curiosidade em saber?

  17. Sérgio says:

    Quanto custa?

  18. Sérgio says:

    quanto custa esta maquina

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.