Quantcast
PplWare Mobile

Confirma-se que Samsung Galaxy S8 não terá jack de 3,5mm?

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Vítor M.


  1. LG says:

    Acho que pela primeira vez vai se discutir quem foi o primeiro a “não ter” xD

  2. Rui says:

    Isto para mim não é uma tendência. É uma estupidez de todo o tamanho.
    Eu até não me “importaria” que acabassem com a entrada, se por exemplo tivessem 2 entradas USB – C/lightning.

    • Penteado says:

      Infelizmente a apple continuar a definir o mercado

    • Victor F. says:

      O quê? Isto é o futuro!
      Eu vi uma notícia, e acho que até foi aqui no PPLWare, que a Apple estava a negociar com uma empresa cujo dispositivo permitia o carregamento de vários dispositivos (desculpem a redundância) em simultâneo, com a confirmação da Samsung a também não aderir à entrada 3,5mm só me leva a crer que é uma possibilidade cada vez mais real e uma vez mais a Apple a estar uma passo à frente no que toca à tecnologia.

      Disclaimer: Não tenho nenhum produto da Apple, já tive Android’s e fiel utilizador de um Lumia. Obrigado.

    • int3 says:

      Só usei o cabo 3.5mm duas ou três vezes. nunca mais. é estupido continuar com um buraco para nada. Para quê teres cabos se podes ter por BT auriculares? Além de dar música e fazeres chamadas, em que não apanhas multa por andares com o telemóvel no ouvido, não tem cabos. poupa imenso trabalho a conseguir tirar aqueles fios todos enleados… é um pesadelo…
      Só o USB acho que merece ter nos macs por uma questão de ser viável ao pessoal técnico.

      • Miguel says:

        Uso o jack 3.5 diariamente… principalmente porque os Bluetooth estão sempre sem bateria.

        • Miguel says:

          Aliás tenho dois Auriculares Bluetooth no carro… e estão os dois sempre sem bateria.

          Se tiro um do carro para carregar o certo é esquecer-me dele em casa/trabalho.

          • khidreal says:

            Miguel
            Isso acontece porque os teus auscultadores bluetooth são uma caca…
            eu tenho uns, foram caros, mas a bateria dura 8 horas e já duram há uns 3 anos.
            e agora existem os powerbanks…. por 20€ arranjas uns de 10 000 mHa… isso deve dar para carregar os auscultadores umas 2 vezes pelo menos… que eu saiba se os carregares em casa, tiveres o powerbank carregado e digamos que os teus duram 4h, 4×3=12…. ouves 12h de musica diariamente?
            uns auscultadores que durem 6h já dá para 18H de musica… que durem 8h dá para 24H de musica…
            para não te esqueceres do powerbank em casa fazes como eu: arranjas um local no teu quarto ou sala, ou até na casa de banho com fichas, e deixas lá tudo o que necessitas diariamente: carteira, telemovel, chaves de casa, do carro, etc. quando fores lá buscar as chaves e assim, vês o powerbank e já sabes que o tens de levar.
            eu uso esta “técnica ancestral” até para documentos, tenho um pisa papeis, os documentos necessários para o dia seguinte coloco debaixo do pisa papeis na mesinha na sala, que é o local onde deixo a carteira, chaves do carro, casa, etc.

      • Miguel says:

        Nota: A multa resulta da utilização de equipamentos STEREO sejam eles BT ou tradicional. Os auriculares BT ou tradicional são MONO.

      • Costa says:

        “Para quê teres cabos se podes ter por BT auriculares? ” por várias razões e posso-te adiantar algumas delas.
        – Bateria
        – radiação
        – qualidade de audio

        • Pedro Barros says:

          Ah, mas para ele isso nao interesa nada. O que interessa é que: “É o futuro…”

        • int3 says:

          bateria? ok é um ponto.
          radiação? não é ionizante. não tem energia suficiente para fazer o que seja. Além disso o BT (normalmente BTE) tem uma potência tão baixa que só funciona a alguns metros. Tens antenas de rádio a irradiar 50kW e ninguém fala.
          qualidade de audio. não noto para ser sincero.

      • Mr.T says:

        Chama-se poder de escolha… E nem vou debater a diferença de qualidade do som ou a autonomia… (e sim, tenho phones com fio, sem fio e até auriculares com um único auscultador). Este é o típico comentário de alguém que aparentemente não tem vontade própria e apenas muda algo na sua vida quando alguém o força a fazer ou o faz por ele… (Não estou a dizer que seja o seu caso, mas que parece, parece). Por vezes consegue ser bastante libertador usarmos do espírito critico e decidirmos pela nossa cabeça ao invés de seguirmos apenas as tendências ou as massas só porque é cool ou está na moda…

      • Rui says:

        Atenção que não “contra” a remoção. Sou é contra apenas uma “ficha” para tudo que vai obrigar a andar com adaptadores para trás e para a frente.

      • Pedro Barros says:

        LOL, oh amigo, tu não deves gostar lá muito de musica pois não…?
        Cabos enleados?? Pois, quando se usa phones do chines ou phones da trata de 10€ e não se tem o trabalho de arranjar um bolsa para os mesmos e enrola-los convenientemente quando se guarda, é normal que tenhas cabos enleados…
        Boa sorte a ouvires som BT com qualidade da treta, quando arranjares algum tumos por estares a levar com radiações na tola a toda a hora, e quando fores a andar na rua e te cair um phone (sem fio para o agarrar) e for com o caraças, ah e já agora quando não puderes ouvir musica porque os teus phones não tem bateria porque te esqueceste de carregar (ah espara… voces andam com aqueles tijolos chamados “powerbank” sempre atras, nao é? Ah então ai tás safo…)

      • PTO says:

        A qualidade de som via BT é notoriamente pior que por cabo, basta usares uma BOA coluna de som e experimentares ouvir a mesma música das duas maneiras que torna-se clara como água essa diferença.

        • int3 says:

          sim é diferente. mas acho que não é crítico. no carro uso BT ou USB. prefiro por USB porque nota-se mais o bass. Mas visto que ultimamente ando a ouvir de tudo, BT é aquela cena… sem problemas.
          auricular, depende . tens bitrates diferentes. basta escolher um bom 🙂

          • 4044logic says:

            realmente quando a qualidade de som e avaliada apenas pelo quantidade de bass (mesmo que seja sem qualidade), qualquer porcaria serve (ex:beats).

  3. BC says:

    A confirmar-se, quero ver o que dizem agora sobre esta alteração. Quando foi a apple, foi um ataque intenso de todo o lado. Agora com a samsung, quero ver o que dizem, se é assim tão “absurdo” como disseram na altura do iPhone 7.
    Aguardo…

    • Marco B. says:

      Ao contrario dos iFans, não se muda opiniões só porque tem uma maça na testa do equipamento… se tirou o jack então é absurdo.

    • Mr.T says:

      Eu sou uma das pessoas que considerou ridículo a Appple ter tirado o jack 3.5 e sim, sou utilizador Android (smartphone) há uns anos e utilizador Apple (tablet aka ipad) também há uns anos. O que posso dizer neste momento é que a confirmar-se, é também ridículo por parte da Samsung e acho que vai ser um tiro no pé (para juntar à “bomba” que foi o Note 7). Sou/Era cliente Samsung há uns anos, mas com as politicas de imitação à Apple (com aumento abusivo de preços, remoção de radio FM, remoção de SD Card entre outros detalhes), posso apenas dizer… Olá LG! Olá Huawei! Olá Asus!

    • ACS says:

      viram agora que até trás vantagem como terem mais espaço, melhorar a resistência a agua e a qualidade de som digital.

  4. censo says:

    Porque a apple o fez, tal como outros se seguiram e parece que vão a seguir, não quer dizer que seja uma decisão acertada. Não percebo esta atitude seja a da apple, seja a dos seguidores. Depois chamam-lhes de topo de gama…

    • Rui Miguel says:

      Olha, é um daqueles que dizia que não ia comprar nenhum telemovel sem teclas.

      E daqueles que achavam que era indispensável aqueles teclados qwerty slide-out dos Android

      • Marco B. says:

        Rui Miguel conta la a malta as vantagens de não ter jack sff, estou curioso de saber..

        • Sérgio J says:

          limite de espessura do equipamento

        • Sujeito says:

          Tudo o resto que vier a partir de agora, nesses modelos. Não estão a retirar só por retirar.

        • APereira says:

          Prós:
          – Standard para vários equipamentos e acessórios
          – Pode acomodar uma quarta connecao, normalmente usada com o Microfone,
          – Pode ter um grau elevado de isolamento de ruido electrico,
          – Bem adaptado para baixas frequencias, alguns phones de ouvido podem ter até 5W RMS

          Contras:
          – Parte metalica da ligacao pode desgastar com relativa facilidade(especialmente se revestida a ouro)
          – Clicks e pops audiveis devido a curtos na ligacao (hoje em dia já nao audiveis por causa do hardware/software)
          – O tamanho do jack torna bem provavel que e case de puxao/acidente a porta/ligacao seja daniticada,
          – Ocupa demasiado espaco vertical,
          – A ficha em si é dasiado grande(profunda).

          Isto já para nao falar que uma licagao USB-C permite que o som tenha muito mais qualidade.

          • Mr.T says:

            Ou então fazem como outras marcas e colocam a porta usb-c e mantém o jack 3.5, dando o poder de escolha sobre que tipo de phones usar, a quem realmente interessa… o utilizador que vai pagar uma barbaridade por esses equipamentos.

          • Pedro Barros says:

            Tanta preocupação com a grossura do aparelho, espaço ocupado, etc… E depois andam com os tijolos doa powerbanks atras porque torram a bateria toda em 4 ou 5h com tanto wireless… Enfim… Bemvindos ao futuro…

          • APereira says:

            @Mr.T
            Yap, entao também deviam de ter mantido o InfraVermelhos por exemplo… para que as pessoas tivessem o poder de escolha.

            Pela tua ordem de ideias daqui a 20 anos tinhamos um telefone do tamanho de uma casa porque tinhamos de ter todas as portas possiveis e imaginárias…

            Basta um adaptador com 1cm e já tens a porta 3.5mm…

            Para além disso, já nao me recordo da última vez que usei a porta de Audio de um telefone meu…
            Bluetooth e está a bombar.

          • APereira says:

            @Pedro Barros,
            Nao sei quanto a ti, mas por estes lados a bateria dura bem mais do que 4/5 horas…

        • Rui Miguel says:

          Mais espaço para por uma bateria maior, vexantes à prova de agua sem tirar qualidade às colunas de som, colunas stereo, e uma camera maior.

          • Miguel says:

            Mas não há equipamentos à prova de água com jack de áudio?

            Quanto ao tamanho do jack para fazer outras coisas até parece a publicidade aos tampões da ausónia: Dá para fazer tudo. LOL

          • Miguel says:

            Aliás, o iPhone nem sequer tem colunas stereo… meteram uma grelha com buracos mas apenas uma delas tem coluna e o telefone nem sequer tem jack audio.

            Mas podes ter colunas stereo na mesma, o meu telefone tem colunas stereo (que tanto tocam para cima como para baixo) e jack áudio, ecrã de 5.2′ e o tamanho é ligeiramente superior ao do iphone 7 de 4.7′

          • Sujeito says:

            Miguel, tem colunas stereo som.

          • Miguel says:

            O iPhone tem um speaker em baixo tem duas grelhas, mas só tem um speaker. O Som stereo é proporcionado pelo auscultador quando este se encontra em modo paisagem.

            Portanto, para o iPhone o “stereo” é igual a mono, pois não necessita de espaço extra:

            https://www.macobserver.com/wp-content/uploads/2016/09/iphone-7-fake-speaker-ifixit-1200×750.jpg

          • Pedro Barros says:

            O que de facto é extremamente relevante. Porque umas “colunas” stereo num telemovel têm um som digno de um audiofilo…

          • Sujeito says:

            Pedro Barros, talvez não seja a característica mais relevante. Tal como o jack áudio para mim. Mas é a conversa em causa.

            Miguel, então podemos concordar que tem som stereo.
            O que não tem é dois speakers alinhados lado a lado em baixo.

            A tua argumentação, então, seria que poder-se-ia manter o jack áudio à mesma, já que a grelha não é uma coluna.

            Neste caso, não estão relacionados. O jack sumiu-se para criar espaço para outros componentes. A grelha é apenas uma escolha estética.

            Outros telefones, como dizes, suportam stereo e jack, mas não têm outras coisas que este modelo tem. Cada empresa tem a sua construção interior e, consequentemente, soluções com “trade-offs” diferentes.

    • ACS says:

      Se estão a seguir é porque vêm grandes vantagens e como a apple já teve a coração e levou com o puxão de orelhas de empresa toda a decisão agora é bem mais facil.

  5. k says:

    Mais um telefone para não comprar. Recuso-me a patrocinar esta tendência. A esta altura ainda é muito cedo para abandonar este standard. Enquanto o encaixe não estiver mais vulgarizado, é prematuro cortar completamente com este encaixe. Já há muitos equipamentos a suportar usb-c, era preferível começar por vulgarizar os fones.

    E depois é só desvantagens:
    – Se quiser carregar o telefone enquanto uso uns fones, não posso.
    – Se não estiver satisfeito com a qualidade de som ou o tipo de fones que vêm de origem (espero que traga fones, pelo menos), tenho que usar um adaptador e andar com mais um bocado de plástico atrás de mim.
    – Posso, claro, usar fones wireless, mas não costumam ter a mesma qualidade de som dos que tem fio. E se eles também copiarem o design dos da apple fico a parecer que tenho cigarros a sair dos ouvidos:
    https://cnet2.cbsistatic.com/img/s1yhPlexyJaUxGL4D6O43T3eaEU=/770×578/2016/09/07/3233cec1-a981-4774-a9d9-f15429ce181f/090716-apple-airpods-music-7021-2.jpg

    A troco de quê? Maior bateria? A xiaomi conseguiu enfiar uma bateria de 4100mah num telefone de 5” (redmi 3) sem sacrificar o jack stereo 3.5′. Estou para ver quanto mais capacidade a samsung vai conseguir meter neste telefone. Quanto ao “ou outro componente qualquer” não estou a ver nada mais útil que o jack, mas dou o beneficio da dúvida até sair o produto final.

    • Penteado says:

      o Xiaomi redmi 3 é bom no papel mas dps tem tantos bugs que n vale a pena..comprei o a pensar que era um excelente negocio mas acabei a devolve lo passados 10 dias

      • k says:

        Não duvido. Mencionei-o pela capacidade que a xiaomi tem de conseguir enfiar uma bateria muito maior que praticamente qualquer outra coisa no mercado num telefone de 5” sem comprometer o jack (que parece ser uma das desculpas desta nova geração de telemoveis para não o incluir). Isto não muda, independentemente da quantidade de bugs que o software possa ter. Por acaso já usei miui 7 muito tempo e mandei vir um redmi note 3 pro para a mulher. Gostei bastante da miui. Vamos ver como é o rm note3. Que bugs encontraste? Estou naquela de que se for dealbreaker, há a cyanogen para experimentar.

      • Pedro S. says:

        Quais bugs?! Para o utilizador comum, de facto os telemóveis da Xiaomi e afins que trazem uma rom com somente Pt-br pode parecer limitado, mas esses bugs são corrigidos semanalmente ou mensalmente, conforme a versão da rom usada.

    • K says:

      Não deves ter lido o que eu escrevi. Não estou contra a mudança. Estou contra quando é feita e como é implementada. Pensei que fosse óbvio…

    • Mota says:

      +1

      Vamos relembrar o que aconteceu com o sdcard no galaxy s6 e o que é que aconteceu com o galaxy s7.

    • Pedro Barros says:

      Tens noção que existem outros aparelhos no mundo que permitem ouvir musica com phones normais sem ser um smartphone, n tens….? Quando acabar, ouve-se num mp3/4 á parte, boa…??

  6. Marco says:

    Geralmente não compro iphones e afins, …e no futuro vou incluir Samsung nesse caso!

  7. Nelson Nunes says:

    Será que desta vez vamos ver os fans do Android a criticar a Samsung? NOte-se… Eu sou contra esta decisão seja por parte da Apple, seja pela Samsung. Da mesma forma que não compreendo o novo Macbook pro. Portanto, apesar de ser utilizador Apple, critico as suas decisões.

    • joao magalhaes says:

      Looooool, claro que criticam, felizmente já não uso Samsung e entretanto também não me faz diferença nenhuma pois uso uns auscultadores wireless, agora, se as marcas acham que precisam daquele espaço para outras “inovações” só temos que nos adaptar, eles é que decidem até nós consumidores deixar-mos de comprar. Claro que nos dias de hoje isso é dificil de acontecer pois as pessoas são cada vez mais ” estatuto e o que está na moda “.

    • Mr. T says:

      Sou utilizador de android há uma quantia de anos, e sim, eu crítico esta decisão da Samsung tal como critiquei a da Apple. Acho completamente ridículo removerem a entrada dos 3,5mm jack só a pensar em telemóveis mais finos. Foi à pala disso que o Note 7 rebentou de acordo com um artigo aqui postado ontem na Pplware, onde aparentemente o problema em si não era a bateria, mas sim o espaçamento necessário entre a bateria e outros componentes ter sido reduzido no interior do smartphone só para que o smartphone fosse mais “fino” e “elegante”, parece que a beleza sempre tem preço. Recuso-me a comprar equipamentos de empresas que só pensem em fazer juz a um design que implica contras para com o consumidor.

    • Tiago says:

      Quando é que o pessoal vai perceber que a samsung é a apple do android? Farinha do mm saco.

  8. Rui C. says:

    A Samsung sempre foi atrás de quem cria as tendências e quem as cria é a Apple. A sua estratégia sempre foi ter uma marca mobile que cativa e atrai as massas como a Apple.
    Mas para azar deles, a samsung mobile falta-lhe sempre algo.

    • Bruno says:

      Pena que tenhas uma opinião não fundamentada, mas a verdade é que as marcas copiam-se umas às outras.
      S-Health (Samsung): criada em Abril 2013
      Health App (Apple): criada em Setembro 2014
      Ecrã >4″: Apple com o IP6 enquanto que as outras marcas já tinham quase todas.
      À prova de àgua só no IP7.

  9. Alexandre says:

    A porta para carregamento é a mesma para levar o adaptador?

  10. Freitas says:

    Muitos adaptadores se vão vender daqui para a frente, é melhor já pensar em comprar um, já tenho uma gaveta dedicada para os guardar.

    • Brasão SS says:

      Isso será temporariamente. Na fase de transição toda a gente “berra”, mas depois os acessórios como cabos etc… irão aparecer naturalmente no mercado. Ao invés de comprares um Jack 3.5 compras com USB C ou Lightning. E daqui a pouco Já há cabos para periféricos antigos com USB C.
      É uma questão de tempo.

    • Sampas says:

      não é melhor em autonomia, nem em captação de radio, portanto o burro és tu por assumires que as tuas necessidades são as mesmas que os restantes.

  11. Lolz says:

    Como se a malta fosse toda iFan e quisesse andar cheio de cabos e adaptadores….
    A Apple deu um tiro nos pés com o retirar o jack…

  12. prof says:

    Eu sempre fui admirador dos Nokia, depois mudei para Samsung.
    Estou a ver que vou mudar para BQ, Wiko ou Xiaomi! Estas marcas “grandes” compraram empresas de audio por quantias avultadas – Beats no caso da Apple e Harman no caso da Samsung e agora removem a ficha de 3,5mm para “aumentar a qualidade do som”, ou seja vender auscultadores bluetooth, lightning ou usb a preços exorbitantes. Ladrões!

  13. Pedro says:

    O usb-C é o futuro, ponto final . O único problema aqui é que estamos a mudar tudo de uma só vez quando ainda é cedo. Nos telemóveis acho complicado mas por exemplo nos portáteis o que eu faria era colocar uma só porta USB e todas as outras USB-C. Calmamente as pessoas iriam mudando sem comprometer todos os periféricos que usam. Por mim mudava nos telemóveis.

    • GPinto says:

      Mas o USB-C já está a entrar em força, a maioria dos portáteis já trás porta USB-C, cada vez mais telemóveis usam porta USB-C, dispositivos externos já começam a trocar o velhinho USB1, 2 e 3 por USB-C. Essa mudança está a ser suave e acho que em questão de poucos meses e já se nota a morte iminente do USB a que tanto nos habituámos.
      O meu portátil não tem USB-C e é um portatil com menos de 2 anos, por isso estou a pensar trocar, e tenho andado a procurar o portatil ideal por um preço justo, e não há quase nada sem USB-C, só mesmo os mais baratinhos, tudo o que é recente, de maior qualidade, já aderiu a esta nova porta.

    • Miguel says:

      Se a porta usb como carregador passado algum tempo ja tem folgas ou o cabo fica torcido e deixa se funcionar bem…
      No meu caso n tenho folgas na porta usb, mas ja despachei uns 3 ou 4 cabos usb..
      Jack é robusto e funcional

    • Pedro says:

      Na última frase queria dizer: “Por Fim”

  14. GPinto says:

    Tal como a camera dupla, ou o leitor de impressoes, digitais? Ups, afinal alguns telemoveis Chinocas já tinham isso, provavelmente as empresas que os desenvolveram. E o reconhecimento da iris, tambem foi a Apple? Ups, afinal a Apple nem sabia o que isso era e já a MS e alguns Chinocas usavam isso. Será que a Apple já sabe o que isso é?
    A Apple só manda nos incultos (tecnológicamente falando), pois os que têm cultura tecnológica nem sequer consideram tal opção.
    Apple é apenas uma empresa de Marketing, que se foca apenas no máximo lucro possível, usa e abusa dos seus clientes, de quem para eles trabalha, desde más condições nos locais de fabrico dos seus equipamentos, ao registo de patentes que são compradas a quem realmente desenvolve as ecnologias aclamadas por eles, muitas vezes são registadas patentes “sem o conhecimento dos seus legitimos donos “, no caso do rato por exemplo, a Apple quis fazer parecer que era um produto deles, e ainda hoje muita gente acredita nisso.

    • Sujeito says:

      Estás a leste do mundo real. Muito do que disseste , passou-se ao contrário.

    • APereira says:

      – Leitor de impressoes digitais,
      Nop nao foram eles é verdade, mas…o primeiro que é funcional e quase 100% fiável foi de quem? Apple… depois foram todos atrás… ainda me recordo de quando saiu o 5S todos a dizerem “Mas para que é que se precisa de um leitor de impressao digital num telemovel”.
      – Reconhecimento da IRIS, se eles já tem um leitor de impressao digital para que arranjar mais um?basta focar-se no que tem para que funcione bem…e funciona. Qualquer forma conheco algumas pessoas com telefones com essa funcionalidade, ninguém usa. já o leitor de impressao digital a conversa é outra.

      O rato, foi uma invencao da Xerox, no entanto foi um projecto que foi abandonado porque achavam que nao teria sucesso.
      A Apple pegou nele, melhorou e introduziu no mercado…problema?Nao devem de ter credito por isso?

      Técnicologicamente inculto és tu que nao ves para além das marcas e dos teus gostos (ou desgostos) pessoais…

      • Cortano says:

        Tenho um Lumia 950 com reconhecimento IRIS e praticamente só uso isso.
        O rato ficou realmente famoso e como o conhecemos hoje porque a Microsoft deu utilidade à roda e até a tornou clicável. Ninguém seguiu a tendência da Apple de único botão sem scroll físico – a historia do rato passa ao lado da apple 😉

        • Sujeito says:

          Nem por isso. A apple viu mais a frente e usou o rato para potenciar o uso dum interface grafico. Depois veio alguém que aprimorou o rato. Não deve ter sido a microsoft mas os parceiros logitech ou Hp ou outro.

          • Cortano says:

            A Apple pegou no já que existia e meteu no mercado publico com 1 botão e por aí ficou o tempo todo – ainda hoje os magic mouse só têm um botão (podes meter o segundo, mas tens de mudar as especificações). O que a Apple apostou foi nos gestos.
            A Microsoft potenciou e criou realmente um mouse com 3 botões e permitiu que o seu software aceitasse mouse com 3 botoes + roda… e foi aumentando a capacidade e hoje tens mouses com 10 botões.
            Ninguém seguiu a linha da Apple, e basta olhares hoje para um Logitech MX Master e um Magic mouse 2 e é fácil de perceber quem é que impulsionou o rato e quem ficou parado no tempo (aliás, o magic mouse 2 tem uma coisa brilhante… tem de ser carregado de pernas para o ar… LOL)

            Desculpa, mas estar a dizer que a Apple fez parte da historia e que mudou a utilização do rato é BS

          • APereira says:

            Oh santa Ignorancia…

            @Cortano,
            A partir do momento me que dizes que tens ratos com 10 botoes acho que está tudo dito…
            Antes de a Microsoft ter um interface gráfico já a Apple o tinha há muito tempo e adivinha…usavam o famoso rato.
            Acho que com esta imagem deves de conseguir aprender algo.

            http://cdn.cultofmac.com/wp-content/uploads/2009/12/20091222-mouse-evolution.jpg

            Quem evoluiu o rato depois de a Apple o ter metido no mercado, foi de facto fabricantes 3rd party, tipo logitech e afins…mas nao porque foram visionários…mas simplesmente porque foram experimentando o mercado lancando equipamentos e vendo o sucesso que eles tinham.

          • APereira says:

            Realmente é muito pratico e eficiente o reconhecimento por IRIS…

            Muito mais prático do que tocar num determinado ponto do telefone, que por acaso até é o home button…

          • Sujeito says:

            Cortano, Eu não estou a defender ninguém. Mas o crédito é devido.

            É a mesma coisa com o touch.
            Já havia antes? Já. Alguém tinha feito um aparelho realmente usável com ele para o públicou, antes da Apple? Não. Inclusive a Microsoft que andou a apregoar touch anos antes e gozou com o iPhone.

            Entretanto outras empresas pegaram no conceito e elevaram -no a outro patamar. Tal como o rato.

        • APereira says:

          Realmente é muito pratico e eficiente o reconhecimento por IRIS…

          Muito mais prático do que tocar num determinado ponto do telefone, que por acaso até é o home button…

          • Cortano says:

            É igualmente prático e depende das situações – e por isso o HP Elite x3 tem ambos porque os clientes assim querem.
            P.ex., estás de luvas usas a Iris, estás de óculos usas o dedo. E há muito mais situações em que um tem vantagem em relação ao outros.

      • Miguel says:

        1) Não foi a xerox a primeira a inventar o rato. Já existiam soluções como a TrackBall que foi usada na segunda guerra mundial. No entanto a versão da Xerox foi a mais conhecida por ser dirigida para o mercado doméstico. No entanto a Microsoft foi a primeira a dar-lhe um uso para o mercado domestico e o primeiro cliente para Xerox do rato. No entanto a apple não o reinventou, deu-lhe foi visibilidade – marketing – algo que a apple é boa a fazer.

        2) São conhecidos os problemas de reconhecimento e os problemas de segurança no uso da impressão digital que não acontecem no reconhecimento pela iris. É possível clonar a impressão digital e desbloquear um aparelho recorrendo um molde de plasticina enquanto que pela iris é impossível de recriar ou de clonar o olho humano.

        • APereira says:

          @Miguel
          1) Sim claro porque a Microsoft até teve um interface gráfico no seu sistema operativo primeiro que a Apple e tudo.

          2) Imagino que estejas a clonar impressoes digitais todos os dias.

          • Cortano says:

            1. Sabes que a microsoft desenvolveu a capacidade de usar mouse ainda antes de ter Windows? Sabes que muitas aplicações DOS já permitiam a utilização de rato?
            Se calhar és muito novo para saberes isto por experiência, mas eu apanhei o DOS e tinha rato.

          • Sujeito says:

            A questão não é um rato por si só. É trazer-lhe utilidade real. E rato no ambiente gráfico foi uma ideia brilhante. Como muitas outras de outras empresas.

          • APereira says:

            @Cortano,

            Tu és hilariante…

            A verdade custe o que te custar (e nao percebo qual é o teu problema com isso) é que a Apple foi a primeira a dar uso ao rato como o conhecemos hoje em dia…pode até depois ter evoluido mais mas foram eles que abriram o mercado para isso.
            Da mesma forma como inovaram em outros sectores…

            iPod,
            Antes do iPod o mercado de música era chato…os devices eram chatos e relativamente pouco funcionais.
            Ter musica no meu leitor de mp3 ou mini disk era um problema…
            Depois do iPod muita coisa evoluiu nesse mercado tendo a Apple aberto um novo mercado.

            iPhone,
            Antes do iPhone os telefones eram…nao vou dizer chatos mas poucos eram os que ligavam muito…a evolucao era muito pouca e as marcas limitavam-se a introduzir uma ou outra funcionalidade.
            A Nokia que era a marca mais inovadora limitava-se a lancar varios modelos iguais uns aos outros mas com designs diferentes.
            Telefones touch?Era coisa rara, pois funcionavam mal e a maioria tinhas de andar com uma caneta atrás.
            Android era similar ao Blackberry que era usado maioritariamente por empresas e tinha um teclado querty para ser mais eficiente.

            Rato,
            Quer queiras quer nao, foram eles que abriram esse mercado e foram os primeiros a introduzir isso num pc que seria… um computador pessoal.
            Por alguma razao, se fores aos EUA a maioria das pessoas te vao dizer que o primeiro computador que tiveram em casa era Apple.

            Trackpad no portatil,
            PowerBook 500, introduzido pela Apple…antes disso o rato no portátil era aquele trackpin, ainda hoje presente em alguns Lenovo (Thinkpad) e alguns modelos da Dell.

            Leitores de impressoes digital,
            Antes de terem introduzido no iPhone 5S, eram lentos e funcionavam mal…poucos eram os telefones que os tinham antes do 5S.

            Interface Grafico.
            Em 1983 com o Apple Lisa, ainda a Microsoft andava a cabecada com o MS-DOS… tendo depois lancado o Windows 1.0 em 1985.
            Nao foram os primeiros a introduzir mas foram certamente os que o tornaram popular.

            Portas USB
            Foram os primeiros a lancar um computador exclusivamente com portas USB, nao foram os primeiros a ter, foram os que disseram que esse era o caminho a seguir.

            3D Touch,
            Lancado no iPhone 6S, yah a huawei já tinha mostrado o conceito mas…já lá vao 2 anos pelo menos e alguém fez mais algo nesse sentido?
            Nop…

            Taptic,
            Sim a Blackberry teve algo similar mas… pois…

            Abandono da porta audio 3.5mm,
            Sim grandes malucos…nao foram os primeiros é verdade mas agora já vemos outras marcas a ir atrás e certamente que veremos o mercado de auscultadores bluetooth a crescer e aumentar a qualidade como nunca antes visto.

            Podes dizer o que quiseres, quem diz a verdade é a história e nisso meu amigo…quer tu gostes da Apple ou nao…
            A Apple abriu o caminho para muita coisa que temos hoje em dia, podes nao te identificar com a sua conduta ou até achar que sao overpriced mas eles trouxeram coisas que hoje dás como um dado adquirido e isso é um facto.

  15. GPinto says:

    Melhor qualidade sonora, mais autonomia? Nem por sombras, já desisti dessa porcaria, sempre preocupado com o carregamento dos auscultadores, a bateria do telemovel duran bem menos, a qulidade sonora é mais baixa, sujeito a interferências externas. E o burro afinal que é?

  16. Joao 2348 says:

    Quando a Apple lançar o iPhoneTijolo, o smartphone que sempre quis ter… trabalhar o mês inteiro sem uma recarga sequer, ideal para ir de viagens prolongadas e ser muito produtivo ou simplesmente divertir-se muito… lá terão os outros todos de ir atrás, não é?

  17. ARKAN says:

    Tiro no pé, mas samsung copia tudo da apple, eu tenho o iconX e o primeiro que comprei ficou 20 dias na a.t e so depois então me mandaram um novo, e mesmo assim a bateria não ajuda.
    Não sei se comprarei o S8, Vou vender meu s7e e pegar um que nao va nessa babaquice.

  18. Anti-nerds says:

    Ainda bem que fiquei com cerca de 50 nokias 3210 de stock…heheh

  19. daiquiri says:

    Depois de um idiota há sempre outro 🙁

  20. André Scala says:

    só digo “LOL” 🙂

  21. silva says:

    BEM FAÇO EU QUE NEM TELEMOVEL TENHO

  22. Vinicius Silva says:

    Uma coisa eu tenho certeza, que a Apple não foi a primeira a tirar o conector de fone. Porém quando a Apple tirou o conector, foi uma “obrigação” das outras marcas tirarem também, não adianta os fãs da Samsung quando a Apple faz algo içar criticando, porque pode ter certeza, que a Samsung no ano seguinte vai fazer o mesmo. Criticaram tanto a Apple a própria Samsung fez piada contra a Apple e agora, está aí fazendo o mesmo. Não entendo a Samsung ela faz piada depois faz igual.

  23. Justiceiro says:

    Nojento!!!
    Inadmissível!!!

  24. iFernando says:

    Tantas duvidas por causa de uma ponta de fio de 3cms .
    Na pratica esta alteraçao nem se nota no dia a dia.
    Se pensarmos que uma pessoa usa o mesmo telemovel e os mesmos headphones durante dois anos….o adaptador já vem com o telemovel, coloca-se nos headphones e esquecemos que tipo de conecção usamos.

    • Miguel says:

      Já tive conectores áudio em mini usb para o Motorola V3i… não resulta.

      Queres usar os headphones noutro aparelho como
      TV,
      Consola,
      Rádio Portátil,
      Hi-Fi,
      Portátil,
      Carro,
      Autocarro,
      Comboio,
      Camara Fotográfica,
      Leitor de Mp3,
      Outro telefone;
      Etc.

      Tens que tirar o conversor, e esse tem tendência a se perder ou desaparecer.
      Para além disso, se fores como eu que gosta de ter headphones em tudo que é sitio (carro, pasta, escritório) mais vale andar o adaptador ligado ao telemóvel do que aos headphones.

  25. Pencilvester says:

    Ainda me lembro da altura em que os telemóveis não tinham jack 3.5 e só se podia ouvir musica com fones próprios que vinham com o telemóvel ou…….sim, isso mesmo, com recurso ao adaptador que também vinha na caixa. Acho que ainda tenho um algures numa gaveta (um Sony Ericsson K qualquer coisa).

    Já foram lançadas especificações para produção de headphones usb-c, por isso é apenas uma questão de tempo até que as empresas de audio comecem a lançar para o mercado opções com este formato.

    Para o pessoal que reclama de haver só uma entrada:
    Não podem ouvir musica enquanto o telele está a carregar? Paciência. Comprem fones bluetooth. Ou usem wireless charging, se a vossa máquina tiver essa opção. Ou ouçam…nada.
    Deixem os ouvidos descansar durante meia-horita. Só vos faz é bem 🙂

  26. Vitor says:

    isto só pra dizer q a Apple continua inovadora. Agora as razões para tirar o Jack de 3,5 é q são vem diferentes entre as duas empresas…. €€€€ vs evolução

    • Cortano says:

      desde quando retirar uma coisa que 99% das pessoas usa e substituir por adpatadores e mais adaptadores é inovar?!
      Mais tarde ou mais cedo o jack vai desaparecer, mas ainda é muito cedo. Podes dizer-me o que faço aos meus Sony de 300€ de cabo?! Eu sei, a apple está a lixar-se porque a sua marca é outra e quer vender wireless à força toda.
      Isto não é inovar, isto é enganar o cliente e sugerir que os seus headphones de 300€ são lixo e tem de comprar a porcaria dos seus phones que são melhores porque não têm fio!!

      Eu não chamo isto inovar, eu chamo isto ganância e desprezar o cliente.

    • Cortano says:

      E se fosse realmente inovar e crente que está a inovar não teria colocado jack no novo macbook. Mas coerência é coisa que a apple perdeu já uns anitos valentes.

  27. Pedro Guedes says:

    Era de esperar. Muitos que estão aqui a comentar, crucificaram a Apple quando está lançou um topo de gama, confirmando o rumor de 2015, sem jack 3,5mm.

    Agora estão armados em paladinos 🙂 lá está, falam demais, depois levam com o cuspo na testa. BEm feita.

  28. Phone Jacking says:

    Há uns anos os telemóveis vinham equipados com infra vermelhos. Mais tarde os infra vermelhos tornaram-se obsoletos devido à limitação na velocidade de transmissão de dados. Hoje em dia qualquer smartphone de gama média e gama alta (excepto iphone) tem infra vermelhos com diversas finalidades! Ou muito me engano ou com o Jack 3.5mm vai acontecer precisamente o mesmo. O jack só poderá ser limitado devido ao número de canais… mas eu só tenho duas orelhas e dois ouvidos! Ok o surround existe e faz a diferença mas vamos passar a ter surround normalizado em phones pequeninos de enfiar no ouvido? Não me parece! Qualidade??? Basta ter dinheiro porque phones com cabos e conectores banhados a ouro não faltam e resolvem esse problema. Ah e tal, o som digital… ok, mas é preciso ter um conversor DA e uma membrana com uma bobina que, quando atravessada por uma tensão variável vai vibrar e produzir som. Pra mim isto são tudo jogadas de marketing para saber o feedback do pessoal.

  29. Marcio says:

    Quem tiver din din pra comprar o S8 com certeza vai ter dinheiro pra comprar um fone Bluetooth né, sem contar que esse tipos de fones duram bem mais e além de acabar com ruídos na reprodução de músicas a qualidade de som é bem Interessante além de acabar

  30. Jorge Manuel Pires Ferreira says:

    É por estas e por outras que hoje recebi um OP3T.
    Anda tudo parvo…..

  31. bikes says:

    ora nem mais!!!! pondo de parte esta conversa da treta, onde posso comprar o OP3T?

  32. bikes says:

    considerando a obsolescência programada da tecnologia que sentido faz comprar telemoveis de € 700, €800 e por ai fora? para ao fim de dois anos derreter outros mil euros????

    • PTO says:

      Eu tenho telemóveis com 5 anos e a funcionar a 100%, devo ter tido sorte nesse mito da obsolescência programada. Ou então se calhar estimo mais as coisas e não ando preocupado em comprar a última paneleirice que foi lançada pelas marcas só porque sim.

      Quer-me parecer que o problema é a obsolescência mental das pessoas e não dos equipamentos.

  33. irlm says:

    eu crio eles copiam – J.J

  34. Vitorpt says:

    Sendo o jack também aproveitado para antena de rádio, quer dizer que iremos perder está funcionalidade?

    • Mr.T says:

      Qual funcionalidade? O Radio FM? Se for o radio FM, já ha muito que a Samsung o retirou dos seus topos de gama (toda a restante gama os mantém) com o argumento de que as pessoas já não ouvem radio, quando na realidade o argumento deveria de ser, “ganhamos mais assim com os acordos das operadoras para os ajudar a vender pacotes de dados e podemos também tentar negociar mais ganhos com as empresas de radio publicas para passarmos a disponibilizar radio fm novamente e anunciarmos como nova funcionalidade”

  35. Jean Moreira says:

    Já vi esse recursos de áudio via USB nos antigos HTC com Windows Mobile, desvantagens era não conseguir recarregar usando o fone, dificuldades em encontrar fone compatível, não achei uma boa escolha

    • Sujeito says:

      Coisas diferentes. O USB mini ou micro são más entradas para esse efeito. USB-C e Lightning são melhores.

      E como dizes, pouca oferta porque na altura não havia mercado à volta. Agora há. Mais para o Lightning, falta ver o USB-C.

      • Miguel says:

        E o USB-C e o Lightning diferem do mini USB em quê?

        Se ligar os fios elétricos de um auscultador diretamente às entradas correspondentes não dá som normal?

        • Sujeito says:

          Dá sim.

          Eram apenas mais frágeis e havia demasiadas variantes no mercado, chegaram a haver 3 ou 4 micros/mini usb ao mesmo tempo. Além de outros diferentes.

          O software e o hardware da altura também não estavam virados para aí. Hoje em dia, a Apple nessas duas frentes conseguiu atrair a industria Audio que tem desenvolvido periféricos incríveis com o CoreAudio e o Lighntning.

          O USB-C pode seguir o mesmo caminho. Não é fácil mas depende dos fabricantes.

  36. José F Moreira says:

    Mais importante que o jack, é a beleza do modelo na 1ª foto.

  37. Alberto says:

    Mas vai continuar com carregamentos sem fios, a Apple peca por ainda não o ter.

    • Sujeito says:

      E a apple tem 3d touch e os samsung atuais não têm. E outras empresas têm outra coisa qualquer que estes dois não têm.

      Tal como nos carros, cada um faz a sua oferta e nós optamos.

  38. PTO says:

    Mais uma imbecilidade como a da Apple mas desta vez feita pela empresa “Deus” do Android.

    Quem decide estas coisas percebe tanto de qualidade áudio como eu percebo de motores de aviões. Quantos mais adaptadores/circuitos/etc. se meterem entre uma fonte áudio e os seus altifalantes/colunas, pior fica a a qualidade final do som.

    Além de ser absurdo ter de se andar com adaptadores no bolso para se poder ouvir música ou não se poder ouvir música enquanto se carrega o telemóvel.

    Usar phones Bluetooth não é opção para quem gosta de qualidade pois o som via BT é substancialmente inferior ao som via ligação por cabo.

    Enfim… mais um smartphone a evitar, no que me diz respeito.

    • Sujeito says:

      Não tens que andar com adaptadores. À partida deve vir com earphones com ligação USB-C.

      Se o DAC for bom, a qualidade BT é ótima.

      Felizmente há escolha de mercado. Mas uma porta de jack não me parece ser o fulcral na decisão do smartphone a comprar ou a evitar.

  39. José F Moreira says:

    Já agora, para o caso dos fabricantes decidirem todos seguir esta moda / evolução (riscar o que não interessa), espero que não se esqueçam de colocar a porra da entrada no topo do telemóvel e não na parte de baixo.

    (isto não é nenhuma evolução, o Nokia Lumia 830 já tinha a porta USB no topo)

  40. anonimus says:

    a mim nem aquece nem arrefece, se há funcionalidade que nunca usei nos telemóveis e actuais smartphones foi o jack 3.5mm, é daquelas coisas que não me vai fazer falta alguma…

    para ouvir musica tenho outras coisas mais indicadas que o telefone…

    • Sujeito says:

      E nem sequer é como se a retirada do jack impedisse de continuar a ouvir música. Os earphones já vêm com ligação USB-C ou lightning.

      E para periféricos, há de longe mais a usar lightning do que o jack.
      Isto é tempestade num copo de água.

    • Miguel says:

      Sabes que o jack 3.5 não é só para ouvir música… serve para:

      Usar enquanto se vê um vídeo/filme/curta metragem/ver tv/ etc sem incomodar ninguém à volta
      Usar para se ouvir rádio (serve de antena) e sem incomodar ninguém à volta
      Usar para comunicar – nas chamadas.

      Já estive em locais onde impera o silêncio e como tal tem que se usar outras formas.

      • Sujeito says:

        Penso que os earphones Lightning permitem essas circunstâncias.

      • khidreal says:

        fazes isso tudo com uns headphones sem fio ou mesmo auriculares sem fio… já começam a vir com microfone para as chamadas, têm boa qualidade sonora.
        rádio usas a internet, praticamente todas as radios mais populares têm streaming, ou então tbm facilmente se arranja um cabo USB tipo C, como a entrada é comum para tudo, mesmo para os phones USB-C, até o proprio fio de meter o telemovel a carregar deve servir para ser uma antena, em teoria, nunca experimentei, já não uso radio do telemovel à uns 7 anos, até desinstalei a aplicação…

  41. Renato says:

    Cada dia q passa esses celulares fica piores!

  42. Dani says:

    A LeEco (LeTV) foi pioneira na retirada do jack 3,5. Aliás, tb foi pioneira na implementação do conector USB-C (LeTV 1s Pro): a primeira com SoC SD820 (LeTV Le Max Pro) e primeira com 8GB de RAM (LeEco Le 2S)

  43. João Serra says:

    Não tenho nada contra a retirada da porta… o problema é nao poder carregar o telefone e ouvir musica em simultaneo… mas a questão de gastar dinheiro em extras inutil so para poder expandir a quantidade de portas…

  44. David Ramos says:

    Ok fritem lá os neurónios com os headphones sem fios…. Acho que o mais saudável seria trocar o Jack por outra coisa engenhosa onde não fosse preciso usar adaptadores

  45. khidreal says:

    gente, entendam lá umas coisas….
    tá tudo aí a mandar vir da qualidade, da falta que vai sentir do 3.5, etc. entendam isto:
    – radiações: as radiações emanadas por headphones sem fio não irão provocar tumores como já li aí em cima, o vosso precioso android, blackberry, Iphone ou outra cena qualquer emana 10x mais radiação e anda colado aos vossos tintins…. são estereis? são raros os casos…
    – qualidade: isso era no inicio… hoje em dia os headphones wireless têm muita mais qualidade e como estão a ser mais focados pelas empresas inevitavelmente irão ter mais qualidade que os com fio nalgum momento.
    – bateria: comprem uns em condições… é caro? é… comprei uns que basicamente quase que tinha que vender um rim, mas comprei-os quando headphones wireless era uma novidade… a bateria dura 6 horas… com a ajuda de um powerbank de 10000 mAh que comprei por 20€ são 2 carregamentos a mais, o que dá sensivelmente 18H de musica, o que para mim é mais que suficiente e deve ser para a maioria de vcs.

  46. MLopes says:

    é tão fixe ler os comentários a este artigo e na janela ao lado ler os comentários ao da eliminação do jack pela apple 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.