Antivírus gratuito da Microsoft está para breve


Destaques PPLWARE

60 Respostas

  1. Grande noticia! metam como update opcional!

    http://www.tagravado.com

  2. ELE DIZ says:

    Olha a União Europeia a atacar…
    Mais uns milhões a entrar nos cofres do Durão Barroso, e mais uma estratégia da Microsoft para depois os fintar.
    Pão e circo para o povo é o que se avizinha…

    http://www.elediz.blogspot.com/

    • Luis says:

      Não, porque este antivirus não virá com o SO.

    • Tiago Sá says:

      Duvido muito. A microsoft não pode ser acusada de tirar mercado às empresas de segurança, porque é graças à incompetência deles que é preciso antivirus e essas tretas todas. Portanto, se alguma coisa, eles deviam receber uma fatia dos lucros das empresas de antivirus xD

      —–
      http://nocontinues.net/

      • Alexandre Pinto says:

        Incompetencia deles? Como??
        Não existem sistemas perfeitos! Se linux ou os SO’s da apple tivessem o mesmo tipo e quantidade de gente a tentar atacar os mesmos, seriam a mesma coisa!
        Ou tb achas que é impossivel haver virus para linux?

        • Rui Oliveira says:

          Sim incompetência da Microsoft. Já pensaste no mercado de milhões de euros que se gerou à volta de virus / Malware? Como pensas que a Norton, Mcafee e outras cresceram?

          Quando existe uma falha no kernel de linux detectada, sai logo um patch para o corrigir. Claro que a Microsoft também tenta fazer o mesmo com os updates, mas o que transparece é que geralmente eles apenas remendam, não resolvem o problema. 😉

          Quanto ao tema do antivirus acho muito bem e só fica bem à Microsoft corrigir algo que é da sua responsabilidade. Tal como os bugs do Kernel de Linux, são da responsabilidade de quem nele trabalha. 🙂

          • Durão says:

            Um patch não é nada mais nem nada menos que um remendo. Gosto muito de Linux, mas a comparação que está a tentar fazer é idiota. Tanto valor têm um pacth Linux como Windows. A qualidade do patch é que poderá eventualmente não resolver os problemas, mas como digo, dizer que uns remendam e os outros corrigem por favor.

  3. Bit&Byte says:

    Viva!

    Resta saber se vale a pena! Cá estaremos para descobrir!
    Cumprimentos!

  4. Marco says:

    A microsoft já não tinha um anti-vírus? O windows defender ou uma coisa assim?

  5. Bom, é freeware. Vamos ver agora os anti-tudo-o-que-é-da-Microsoft irão dizer. mas isso não é ruim. Ruim seria se ninguem se manifestasse e fossemos iguais a borregos.

    carlos rajas

  6. José Romão says:

    Á que dizer que nao “Morro” de amores por um antivirus da microsoft

    • 3biz says:

      isso é que é. Ainda nem saiu e já nao gostas.
      Eu pessoalmente acho uma boa iniciativa. Assim temos o Avira Free, Microsoft Morro e AVG. A meu ver parece-me um bom leque de escolha para o utilizador normal. Todo ganhamos com menos pessoas infectadas.

      • daniel says:

        achas mesmo? bom era o sistema não ser submetivel a virus.
        bom com as permissões de administrador já quase que só apanha virus quem quer, mas não seria melhor o windows ter protecção dessa natureza já incluída?

        • Paulo Martins says:

          Isso seria o óptimo mas acho que muito bom que finalmente a Microsoft tenha ganhado vergonha na cara e ofereça o antivírus, porque se os vírus existem não deixa de ser culpa deles e são eles que devem resolver a situação…

          • Alexandre Pinto says:

            O software open source até é mais simples de utilizar como forma de propagar antivirus, pois POR NORMA a sua programação não é tão cuidada como a de programas comerciais.

            O Linux ou qq outro sistema não sao á prova de bala! E apenas por nao terem tantos inimigos é que não se houve falar de falhas ou virus no mesmos. A culpa dos virus não é da Microsoft… Quem assim pensa está a ver as coisas muito distorcidas…

        • 3biz says:

          perde essa ideia que não há sistemas vulneráveis. Aliás, eu nem quero imaginar como seria que os developers de virus para windows se virassem para os outros principais rivais: linux e windows. Bonito nao ia ser de certeza

          • daniel says:

            imagino pois, e imagino que seria bastante difícil. já há gente a tentar explorar falhas no mac à tanto tempo e muito poucos “avanços” foram feitos nessa área. Mas acredita, se não usares o windows com programas “crackados” ou sacares porno da net, as possibilidades de apanhares um virus são minimas. o que me preocupa mais são ataques de rede (detesto a firewall do windows).

          • Ricardo says:

            Falhas no MAC? Lol .. essa e’ para rir. O MAC e’ o sistema operativo com mais falhas de segurança do MERCADO

  7. EacHTimE says:

    Eu acho bem que lancem isto porque se o Sistema Operativo tem vulnerabilidades, quem o faz tem o dever de o proteger.

    Como é fabricado pela própria M$ tem o dever de ser bom ou mesmo o melhor pois supostamente ninguém conhece melhor o sistema do que eles.

    Quem não deve gostar nada são os muitos fabricantes de anti-vírus que imagino que com isto percam muito porque a maior parte das pessoas (e eu também se for bom) vai adoptar o Morro.

    Os symantecs e tal devem ficar-se mais pelo meio empresarial digo eu…

  8. Mr. Ubuntu says:

    Será que este anti-vírus combate o “Vírus Vista”?

    Se sim, parabéns à Microsoft, todos nossos agradecemos.

    Cumprimentos.

    • alexpb says:

      Épa, só te faltou dizer M$ em vez de Microsoft! A juntar a esse post idiota podias também ter juntado o trocadilho idiota que tanta gente utiliza.

      • Rui Oliveira says:

        O termo “idiota” do teu comentário é que era escusado. E respeito pelos outros leitores do site não fica bem 😉 ?

      • Mr. Ubuntu says:

        Conheces o termo “liberdade de expressão” ?

        Podias ter lido a noticia e emitir a tua opinião sobre esta e não andar a fazer reparos nos comentários dos outros utilizadores.

        Cada um é livre de expressar a sua opinião.

        Cumprimentos, M$

  9. bytewax says:

    A todos os anti-microsoft lembrem-se: a net é o que é pq o Gates se lembrou que assim deveria ser. O pc é o qué pq a microsoft se lembrou que assim devia ser. Nada existe com mais suporte q windows: o que surgiu imitou o windows, o que existia ou se tornou ena grandiosa maçã ou mais uma vez imitou.
    Claro que a política da Microsoft é aquela coisa horrível que todos detestamos.. eu n gosto do fcp mas na verdade quem limpa os títulos?
    não é o meu fraquinho slb que nem imitar imita…

    • ZeX says:

      “A todos os anti-microsoft lembrem-se: a net é o que é pq o Gates se lembrou que assim deveria ser.”

      Com tantas certezas que demonstras talvez consigas então explicar em palavras simples, a um ignorante como eu, porque é que a 1ª incursão dele nas redes mundiais, a MSN Network, apareceu atrasada e como um sistema fechado, à semelhança da AOL, outro falhanço histórico. 🙂

      • Ricardo says:

        AOL falhanço? A AOL é o maior ISP do mundo. E não te esqueças de uma coisa.. se não fosse o windows é quase certo q ainda viviamos na linha de comandos.

        • ZeX says:

          A AOL é o que o meu amigo quiser que seja.
          E quem sou eu para o contrariar? 🙂

          No entanto puxe lá um bocadinho pela memoria, um livrinho de história também serve, e reporte-se à época em que a AOL, tal como a MSN Network, queria ser uma rede fechada e o resultado que isso deu enquanto não mudaram de estratégia.

          (Não muito longe do que a PT gostaria de ter sido quando durante muito venderam um serviço de Intranet, erradamente designado por Internet devido aos ridículos limites de tráfego “internacional” incluídos e que podia designar até o vizinho do lado)

          http://ecommerce.hostip.info/pages/48/Aol-Time-Warner-Inc-HISTORY-AMERICA-ONLINE.html

          “Key acquisitions in late 1994 helped AOL provide its subscribers with access to the World Wide Web, a part of the Internet that was quickly becoming popular because of its open platform and ease of use via graphical browsers like Netscape. <Until this time AOL was essentially a closed network that offered subscribers access only to its own content providers, vendors, and other AOL subscribers.”

          Cumps. 🙂

  10. Ferranxo says:

    Gratuito + Microsoft??

    Hummmm

  11. Miguel Pinho says:

    O nome é que pronto… podia ser melhor LOL

    mas de resto – boa iniciativa! Eu vou adoptar esse antivirus!

  12. Celestino says:

    Antiviruz da M$…. Hummmm, não me cheira a segurança!
    E de borla, então é que não me cheira mesmo!!!!

  13. Canelas says:

    Ver pra crer. Para já continuo cm o avira free.

  14. Ramiro says:

    E pronto, já começaram as criticas…

    Vai-se preso por ter cão e preso por não ter!

  15. Gota says:

    Ou sou eu que vejo mal ou então sou eu que vejo mal… Provavelmente vai ser pago, não?

    E uma cena: quem é que dá o nome às coisas? Vista? Kumo? Bing? Morro?

    Será que contrataram um gajo no departamento de marketing que só trata de inventar nomes para as coisas? Eu quero esse emprego… LOL

  16. Ricardo says:

    Eu n consigo perceber o porque de tanto odio a’ Microsoft

    Eu que uso software livre a’ 15 anos desde as primeiras versoes de Slackware e nao odeio o windows.
    Venhem para aqui estes miudos q instalaram pela primeira vez o ubuntu (UAU!!) o ano passado para fingir q sao intendidos na materia.

    Parece q “curtir” o linux esta’ na moda! Ja nao me admirava se o pinguim fosse para os morangos com acucar!

    • Tiago says:

      Completamente de acordo!

    • Alexandre Pinto says:

      LOL
      Tens toda a razao! Eu gostava de me adapatar ao linux, mas está a ser complicado… Queria poder fazer a transição como a de windows para mac, onde consigo entrar, explorar um pouco e começar a trabalhar sem problemas… No linux nao é nada assim! A linha de comandos assusta-me! LOL

      No entanto existe por aqui com cada comentário como que se me quisessem obrigar a usar o mesmo, e compreendam de uma vez, NAO QUERO!

      O teu cometário é dos poucos que vejo com senso desde á mto tempo! eheheh

      • Ricardo says:

        E estas no teu direito!

        O Linux ainda tem mt para andar para servir o utilizador comum.

        Se eu n tenho tempo a perder (pq hoje em dia todo o tempo e’ pouco) prefiro ter uma maquina com windows pq e’ mais simples e rapido do q andar a ler howtos de como instalar software/hardware wine no Linux.

    • Tiago Pereira says:

      Mas que comentário pertinente, dos poucos aqui, que limitam-se a fazer críticas sem fundamento, logo fúteis.

      Pessoalmente, aguardo com ansiedade e quando sair, experimento. Se gostar, óptimo, se não, desinstalo. Tão simples.

  17. Nuno Amaral says:

    Mais uma opção gratuita, é bom.
    http://www.cidadeviseu.com

  18. MwS says:

    Boa Tarde!

    Pelo que vi só a um ou dois comentários “correctos” neste tópico.

    Já estão a “apedrejar” o anti-vírus da Microsoft sem experimentar?
    Talvez eles estejam a fazer isto para evitar o que a maior parte de vocês fazem que é utilizar Anti-vírus “crackados”.

    Quem quer experimenta, se gostar continuam a utilizar senão removem e assunto resolvido.

    Só utiliza quem quer.

    Abraço

  19. kekes says:

    São pobres e mal agradecidos.

    AHHHHHHHHHHH esqueci-me, está na moda dizer mal da Microsoft, vou ali buscar o meu dossier de criticas e já venho.

    Boa iniciativa, mas isto já nao estava prometido a algum tempo?

    • ZeX says:

      Está “na moda”? Boa!… 😀

      Mas uma “moda” com mais de 20 anos não será mais qualquer coisinha? 😉

    • xBee says:

      Há uns anitos.

    • kekes says:

      Queiram-me desculpar, mas nem sempre foi assim, a MS já foi bastante elogiada, nestes ultimos tempos é que tem sido vitima de ataques constantes por parte de fanatismos, pois vamos reflectir, a maior parte do pessoal que frequenta este tipo de sites percebe de computadores, portato, grande parte dela tem a probabilidade de usa Linux, sabendo que o windows maioritariamente é usado pela gente leiga, que não lhes interessa mais nada a nao ser Hi5…

  20. Nasp says:

    Sem ser fá da MS, tenho que aplaudir desta vez, faz falta um programa da MS para combater os virus dos seus sistemas operativos…. e se for freeware.

    Parabens a MS

  21. André Torga says:

    Será que irá substituir o Windows Defender, visto que terá protecção contra spyware? Ainda assim, fico à espera. O Windows Live OneCare até teve grandes avanços na precisão da eliminação das pragas e se o Morro usa o mesmo motor (melhorado, obviamente, penso eu xD), então poderemos esperar uma boa alternativa, mesmo que esta situação só se note a médio e longo prazo, quando o programa estiver mais maduro. 😉

    E a todos que são anti-Microsoft, arranjem algo melhor para fazer do que mandar bitaites. Ainda nem sequer olharam para uma screenshot do programa (pois ainda não as há, quanto mais a beta disponível para download) e já estão a criticar.

  22. Ricardo Santos says:

    Bem, acho que a Symantec vai disponibilizar o Norton Antivirus 2011 de forma gratuita a todos os utilizadores domésticos

    • ajbadboy says:

      Se for a continuidade das versões anteriores…vais precisar de 2gb de ram extra pra ter esse antivírus lol dão o antivírus mas ganham percentagem na venda de memória RAM
      😀
      Acho que preferia ter 2 Kasperky ou 2 NOD a correr ao mm tempo do que 1 Norton

  23. HUGOPERISSE says:

    quem escalar este “morro” corre o risco de descer ladeira abaixo.

    kkkk

    twitter.com/hugoperisse

  24. Rodas P says:

    A Microsoft não põe o antivírus com o Windows 7 porque se não era logo uma multa em cima e as outras empresas de antivírus a caírem todas em cima.

    De borla???

    Nada é de borla… O relógio para dar horas, gasta pilha.

  25. jose santos says:

    Estou mesmo a ver, certos computadores virem pelo MORRO abaixo.

  26. rooky says:

    Ei pá desculpem lá mas não resisto a deixar esta piada……À ou há aqui pessoal que merecia levar um “MORRO” só pelas asneiras que dizem…lol.

  27. Seu Madruga says:

    “Morro” isto é nome de anti-vírus ?! 😆

  28. Bruno says:

    Tenho um amigo que sempre que ve um gaijo com uma gaija boa , diz sempre “epa aquele …. n vale uma m….. e tem uma gaija assim …”, “aquele gaijo é mesmo um filho da …. tem a mania que tem um audi”

    quanto mais poder mais invejados são, a microsoft compra o que quer e muda quando quiser. .. eu uso 4 SO’s solaris , linux , windows e mac .. cada um tem uma utilização particular … mas não são uns melhores que os outros são diferentes .. não falo mal de nenhum (porem faço esforço para conseguir usar mac ).. sou feliz … tenho que trabalhar com todos .. todos têm falhas .. foram feitos por humanos .. quem quer melhor peça emprego na microsoft ja que são tão talentosos a comentar. já agora que tal deixarem os vossos empregos e dedicarem.se totalmente a inventar um sistema operativo gratuito e open source ??? não era bom ??? como iam comer ?? epá n sei .. pensei que havia comida free e open source tambem nos supermercados .. EU uso gasolina freeware e voces ?

  29. udnefined says:

    concordo do ultimo comentario…
    de tanta coisinha que já se lê desde lá em cima nao sei se aprendi algo ou se estou-me enganado.. mas isto é msm para isso.

    continuação..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.