PplWare Mobile

Actualização do Windows removeu sincronismos com a Google


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. porquê? says:

    como é que a microsoft criou o problema (como diz no final) se foi a google a acabar com os protocolos existentes?

    faz relembrar que a google fez igual no android com o facebook, impedindo os utilizadores de sincronizarem os contactos do facebook com a lista telefonica..

    • kekes says:

      Exatamente, eu adoro a Google, uso quase tudo que têm, mas isto está a ficar fora de control, estão a entrar em guerras e a fazer dano aos utilizadores. Qual era o problema do ActiveSync? Falta de recursos não era, posso ter acerteza, e falta de utilização tampouco.

  2. Rik says:

    Isto está a ficar fora de maus

  3. Joji says:

    não entendo porque dizem que não é possível ter acesso ao gmail em windows Phone , eu tenho e funciona perfeitamente.

  4. NMSilva says:

    Como já foi dito aqui, a google é que abandonou o Google Sync, fechando o serviço a 30 de janeiro, tentando obrigar a quem utilizava o Google Sync a adoptar o CardDAV.
    Como é lógico a microsoft não vai dar o braço a torcer tão facilmente, por isso não há Sync para ninguém 🙂

  5. Severino says:

    Só tem de culpar a google…

  6. Rui Nogueira says:

    Não consigo perceber a politica interna da Google mas sinceramente acho que começo a deixar de ficar interessado em perceber. Para uma empresa que sempre teve uma politica tão aberta e lucrou tanto com projectos abertos e o esforço da comunidade em geral, parece que mamou tudo o que pode e decidiu agora relevar as suas cores fechando as portas e fazendo birra. Já tinha começado a fazer a migração de alguns serviços para outras soluções, mas acho que está na altura de fazer a migração total.

  7. sakura says:

    finalmente …..a fera mostra as garras ……
    ubunt.. e G …. and androi. ….

    so let´s play .

  8. QuintaS says:

    eu ainda não actualizei nada, e acho que vai estar assim por mais algum tempo… isto em vez de melhorar só piora…

  9. JJ says:

    Isto realmente é uma guerra parva, e teve inicio por parte da Google.

    Logicamente a Microsoft não tem que mudar o protocolo de sincronização do seu sistema operativo (um dos protocolos mais usados do mundo e não só pela Microsoft), só porque uma empresa decidiu não os usar.

    Esta postura da Google, não afecta só essas apps do Win8, mas até o próprio Office Outlook um dos programas de emails mais utilizados, principalmente no EUA. Alem de afectar também todos os programas que usam este protocolo e não precisam estar instalados no Win8, ocorre no Win7, Vista, XP…

    A meu ver quem perde com isto é a Google, não a Microsoft.

    E o mesmo tem estado a fazer com o YouTube, a limitar as API usadas pela Microsoft, para criação de apps para o WP8.

    A Google esta de uma forma subtil a escolher quais são os programadores/empresas que podem ter acesso ao seus serviços. Esta abrir uma guerra, alem de lamentável e triste, vai prejudicar os utilizadores. E ainda causar uma perde gradual de “clientes”, fazendo que as pessoas comecem a mudar de serviços para outras empresas, principalmente para os serviços Microsoft.

    Pois para muitos será mais fácil mudar de serviço web, do que comprar equipamentos Android ou mudar de programas que utiliza, principalmente que pagou por esses programas.

    Eu por exemplo comprei o Office 360… logo não vou mudar de programas, só porque a Google deixo de sincronizar com eles.

    • eduardo says:

      As empresas que usam o ActiveSync pagam direitos à Microsoft! Por isso é natural que haja quem não queira ter essa despesa quando há alternativas standard sem despesa, especialmente num serviço com a dimensão da Google e quando o IMAP é suportado por todos os programas de email!
      Para além disso quem realmente necessitar de usar esse método de sincronização pode passar para uma conta paga da Google, se quiser!
      A questão que se coloca é se a Microsoft vai passar a suportar tb protocolos standard de sincronização que todos os outros sistemas suportam – CalDAV e CardDAV.

      • Alexandre Amaral says:

        O problema não está só no email, pois o IMAP para isso funciona bastante bem, o problema está na sincronização do calendário, dos contactos, das labels nos emails, do push…tudo isto o EAS fazia de forma impecável, coisa que esses protocolos que mencionas-te não são, nem de perto nem de longe, tão completos como o Exchange.

        A pergunta que se coloca é a seguinte, qual das duas partes a Google deu mais prioridade? A guerrita com a Micrososft ou os seus utilizadores?

        • eduardo says:

          O que menciono é a questão da despesa associada, que não se pode desprezar num serviço gratuito, de tal modo que a Google continua a suportar o ActiveSync em contas pagas. É natural que uma empresa tente reduzir despesas com implementação de alternativas que funcionam para muita gente. Obviamente há sempre a questão de custo/benefício.
          Tb é óbvio que a Google aproveita para tirar outras possíveis vantagens competitivas, pois implementa muitas das funcionalidades que mencionas através das suas aplicações móveis e por enquanto ainda não partilhou com outros a forma como implementa.

          • Alexandre Amaral says:

            A questão do Gratuito tem muito que se lhe diga, ainda mais com os serviços da Google.
            Sinceramente não acredito que tenha sido por contenção de custos que tenham tirado o EAS, foi por jogadas de mercado isso sim.

  10. screamer says:

    Afinal quem é que é a teimosa? A Google, que apenas pretende dar suporte às tecnologias abertas, deixando de PAGAR à Microsoft para que os actuais CLIENTES da Microsoft tenham acesso aos serviços da Google?
    Pessoalmente parece-me óbvio. Quem se tem de adaptar é a Microsoft, pois está a prestar um mau serviço aos SEUS CLIENTES, que já pagam licenças milionárias para usar os produtos dela.

    • eduardo says:

      Não são só os clientes da Microsoft! Há vários programas em todos os sistemas que usam o ActiveSync para manter informação organizada, e o ActiveSync tem algumas funcionalidades que não se encontram nos standards alternativos, como o envio de mensagens “push”, de tal forma que quem usa o programa de email no iOS deixou de poder ter essas mensagens por causa da alteração da Google.
      Resta saber se a Google vai disponibilizar livremente a todos a sua implementação desta funcionalidade!

    • Alexandre Amaral says:

      A teimosia é da Google, ou melhor não é teimosia, é jogadas de mercado muito ao estilo do que Microsoft fazia nos anos 90…acho que não é novidade para ninguém, só quem não consegue ver isto quem tem a vista ofuscada.

      Esta jogada está a ser a melhor maneira de impedir as pessoas de passarem para outras plataformas moveis (do Android para o WP), tanto que o próprio Android, tanto quanto sei, nem usa CardDAV/CalDav … portanto esta utopia da Google estar a fazer isto para defender o Open Source é, lá está, uma utopia.

      Mas não é só os utilizadores da plataforma Windows que ficam afectados, quem usa o Iphone poderá também ser afectado caso use o exchange para sincronizar os serviços da Google.

      Sinceramente até agradeço á Google por esta magnifica jogada, estou em fase de transição do Gmail para o Outlook graças a ela…e estou bastante satisfeito até ao momento.

    • kekes says:

      A Google ganhava mais que perdia. Aquela publicidade toda no Gmail e afins que tu vês diariamente pagava tudo isso e ainda dava lucro…
      Qual era o problema d eusar um protocolo simples de confirurar que muitas empresas usam. A google e que esta a ir contra a corrente, o marketshare assim o diz.

    • JJ says:

      O ActiveSync é simplesmente o protocolo de sincronização mais utilizado do mundo. Até telemóveis que não são Android/iOS/WP utilizam ActiveSync para a ligação as contas.

      Praticamente todos os programas, até gratuitos, que precisem de sincronização entre emails/contactos/calendários/notas e afins tem ou usa protocolo ActiveSync.

    • JJ says:

      Alem do mais… julgo que a utilização do ActiveSync não tenha assim custos como falas…

      Por exemplo, qualquer webmaster que faça um calendário online pode por ActiveSync. A titulo de exemplo, existe este script PHP que suporte ActiveSync: http://sourceforge.net/projects/php-addressbook/
      Alem de ser um script gratuito, não estou a ver os criadores do mesmo terem pago algo a Microsoft para poderem incorporar ActiveSync… isto digo eu…

  11. Luis says:

    O que eu entendo é que a Google deixou de suportar o Exchange para as apps, e que isso não afecta os outros serviços (não-apps), o que claramente é um jogo relativamente ao mercado dos tablets e smartphones. Por outro lado, o que eu não entendo é porque é que a Microsoft no Windows 8 (um sistema operativo que tenta aproximar-se do que faz a Google com o Android e a Apple com os seus OS’s) decidiu não suportar os protocolos abertos??… Parece-me que aqui nenhum dos dois é inocente e vejo duas companhias a tentar actualizar-se mas não adaptar o seu modelo de negócio as novas realidades, senão a tentar impor as suas vontades… De certo modo, agora parece que toda a gente segue o que a Apple fazia de bom e de mau… Business is business!

  12. darksantacruz says:

    A Google está a entrar por caminhos estranhos. Quem fica a perder com isto tudo é o utilizador final! O Active Sync funciona muito bem e ninguem me venha dizer que é por questões monetárias pois a publicidade gerada certamente cobre esses “tostões”. É por essas e por outras que deixei de utilizar o Android agora é só Microsoft (WP8 e W8).

  13. Andre says:

    O título dá a entender que a culpa foi da Microsoft, quando foi a google que desativou os serviços…

  14. david says:

    A google é concorrente da Microsoft é óbvio que tenham afrontamentos… coitada da google…

  15. Enfim,

    O Windows 8 dá mais um passo para o precipicio

    Cumprimentos
    César Oliveira
    http://www.profissionalweb.net

  16. Gaius Baltar says:

    Fim do Google Reader, fim da sincronização pelo ActiveSync, impingir Google+ a torto e a direito… Oh, Google gostava tanto de ti quando não eras evil! 🙂

  17. says:

    Para mim foi simples: como tenho computador Windows e smartphone Windows Phone mudei TUDO para o Outlook (mail, contactos, calendário, etc) e acabou o problema. A Google perdeu um “cliente”!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.