PplWare Mobile

A Microsoft diz que o Surface Pro 3 é melhor que o MacBook Air


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Dogzilla says:

    Concordo com os argumentos mas não com o tipo de publicidade.

    Será que necessitam mesmo de “atacar” outras empresas para demonstrar o que o produto é superior?

    • Xposer says:

      Claro… qual é o mal?

    • Pedro says:

      Há quem diga que “Amor com amor se paga”… lembras-te há uns anos? I’m a Mac, and I’m a PC…
      Atenção que sou defensor de Mac, acho que é só uma questão de tempo até a Apple mudar o design do iPad para competir com o Surface…

      • SemEspinhas says:

        LOL iPad é um tablet puro… tem o iOS como SO e processador ARM, ao contrário do Suface é um computador em formato de tablet.

        iPad mudar de design? Não sabes o que dizes.

        Se não fosse o precço comprava o Surface. É sem duvida uma boa escolha.

        • Cristiano Alves says:

          O ipad pode ser desenvolvido ao ponto de continuar um tablet mas com um design que possibilite um teclado robusto e integrado. Sendo que o OSX está cada vez a aproximar-se mais do “engine” do iOS e dai pode advir algum novo produto.
          Contudo fica-se na duvida porque ai é que iriam ser acusados de copiar…

  2. Miguel says:

    Nem um nem outro…

    Por metade compro um bom portatil.

  3. antonio batista says:

    Sâo factos, efetivamente os surfaces conseguem substituir os portáteis

    Contudo, são caros comparando com outros portáteis

    Pelo que não sendo fã de qualquer marca só compraria um dos dois (MAC ou Surface) se baixassem os preços para níveis iguais aos restantes fabricantes.

    Mas ainda assim, gastar por gastar, gastaria dinheiro no Surface 3…

    • Nelson says:

      Surface, não comento.

      Mas MacBook Air, se “baixassem os preços” para quê?

      Há algum fabricante que ofereça máquina melhor, por menos dinheiro?

      A única coisa que podes encontrar melhor, é um ecrã IPS com mais resolução, mas depois ficas com Windows, com aquela qualidade que ele tem em ecrãs HiDPI, onde umas aplicações ficam grandes, e outras minúsculas… LOL!

      • António Batista says:

        Boa tarde para si também

        Primeira pergunta: não comento

        Segunda pergunta: SIM

      • Diogo says:

        Air, mais máquina por menos? (S.O. de parte)
        -> Samsung Series 9
        ->(entre outros)

        • Nelson says:

          Dá-me lá um modelo, a comparar com os Apple…

          A partir de 1299€ (menos, se fores estudante ou prof.), tens o MacBook Pro 13.3″ com 128GB e 8GB de RAM, abaixo disso, tens os Air, ou mesmo se preferires…

      • Imparcial says:

        @”Mas MacBook Air, se “baixassem os preços” para quê?”

        Really? Tens noção que o produto continuaria a ter a qualidade e a reputação que tem, certo? Nada mudaria a nível do produto.

        Mas haveria implicações:

        1. Os produtos Apple são muito bons. Muitos
        querem-nos, mas poucos podem. Se baixassem os
        preços, os que queriam e não podiam, passariam
        a poder. Aumentaria drasticamente o número
        utilizadores de produtos Apple.

        2. Havendo um elevado número de utilizadores iria,
        inevitavelmente, aumentar também o número de
        software malicioso (virus, trojan,…). Logo,
        questões de segurança seriam um assunto (ainda)
        mais sério.

        3. Havendo um aumento de software malicioso,
        inevitavelmente, aumentariam (drasticamente)
        ofertas de soluções de segurança
        (Antivirus, Firewall, Internet Security,…).

        4. Iria tornar-se mais evidente que não existem
        Sistemas Operativos 100% seguros e que as
        falhas estão lá escondidas até alguém as
        encontrar e explorá-las de forma maliciosa.

        Ter preços acessíveis e ter-se um elevado número de utilizadores tem os seus desafios.

        Será que a Apple sobreviveria? Nunca o saberemos a não ser que baixem os preços. Sinceramente, acredito que sim e deixariam (Apple) de ser arrogantes como o fazem quando falam da concorrência (^_^)

    • António Batista says:

      Entretanto dei-me ao trabalho de comparar (sem aprofundar muito assunto) e temos:

      Surface Pro 3
      Com 256 GB de armazenamento e 8 GB de RAM, mais teclado (julgo ser necessário o teclado…)
      1.488,99€

      Um MacBookAir com as mesmas especificações
      1.229,00€

      Claro está que o Surface é um tablet e o Mac não é um tablet e mais a história da caneta que tambem dá bastante jeito, mas como o dinheiro não abunda continua a ser difícil ao Surface vender face a outros portáteis e a outros híbridos.

  4. Benchmark do iPhone 5 says:

    Há uma coisa que é clara – a Microsoft desistiu de querer competir com o iPad Air. A prova disso é não terem lançado uma versão mini, Agora “oferecem-se” para competir com o iPad Air, pode ser que tenham mais sorte.

  5. Pedro says:

    Não concordo com esta forma de publicitar o Surface Pro 3 por parte da Microsoft. Só revela complexo de inferioridade, não há necessidade nenhuma de se comparar ao rival.

    Mas concordo que o Surface pro 3 é mais versátil que o Mac Book Air. São duas excelentes máquinas, se não fossem tão custosas e se precisasse de comprar neste momento já cá morava um Surface pro 3.

    • João says:

      Quando a maioria das pessoas é ignorante no que toca a tecnologia e se guia por modas e marcas faz sentido fazer este tipo de publicidade sim

      • Paulo says:

        Eu gosto deste tipo de públicidade e não me considero um “ignorante no que toca a tecnologia”.

        Se para muita gente os Macs representam o topo da produtividade em forma de PC, não vejo qual é o problema de outras marcas compararem os seus produtos com os mesmos. Ainda por cima, estes anuncios são normalmente bem humorados e divertidos de ver.

        PS: afinal é só o Android que vende/compara “specs”? Não me parece…

    • chicosoft says:

      Então e os famosos “Hi I’m a MAC VS Hi I’m a PC” da apple?

  6. Manuel says:

    Apesar de ser utilizador de Apple, tenho total respeito pela Microsoft, mas este tipo de postura com comparações ridículas é pirosa, ( também não gosto quando a Aplle o faz na WWDC). Num negócio mais familiar dizer diretamente mal do vizinho é falta de ética.

    • Nelson says:

      Mesmo.

      Eu compro Apple, mas também respeito a Microsoft.

      Este anúncio é um desserviço ao trabalho que os operativos da Microsoft fazem, que é inegavelmente de primeira classe.

      A sério? Parece a azeitaria de terceiro mundo, parece algo vindo da Samsung, até usam o slogan que a Apple usa no iPhone…

      Depois põe-se com tretas ridículas como “o meu (Microsoft) Surface corre Photoshop e Microsoft Office”… pois corre, e o Mac também corre os dois, até corre Windows, se for preciso!

      A cena é que o Microsoft Office é caríssimo, e então o Photoshop é mais caro que qualquer um desses computadores, e sinceramente, nem um, nem outro, são máquinas decentes para quem precisa do Photoshop (um programa tão pro). E mesmo Office, o Pages/Numbers/Keynote, até é melhor para a maioria das pessoas… e é grátis…

      • Carlos says:

        99 euros/ano é “caríssimo”?

        Mesmo tento em conta que inclui 1TB de espaço extra no OneDrive (que normalmente custa 20 euros/mês) para até 5 pessoas, 60 minutos/mês (que não vale nada de especial, mas a cavalo dado…) em chamadas no Skype e podes instalar o Office em 5 PCs/Macs e 5 tablets?

        • Nelson says:

          É caríssimo para quem não precisa do Office.

          Para empresas, não é a esse preço, sabes? E as empresas é que realmente precisam do Office.

          • Francisco Pinto says:

            Sim é um bocado mais caro 117+ivA por utilizador mas também inclui mais serviços do que a versão “caseira”.

        • rmcrys says:

          99€ por ano é adequado se usares tudo isso, super caro se só precisares de usar o Office, esporadicamente e num par de dispositivos. Isto ainda mais se pensares que nunca possuis o software. Se vires bem em 5 anos são 500 euros, coisa que se custasse 1x 150 euros (estilo versão pessoal/família/estudante) instalavas em 2 ou 3 PC lá de casa, e já estava. E versões tablet (para quem usa), nem que custasse 50 euros (total 200/250 €).

          A Microsoft não é burra e sabem que oferecendo serviços que a maioria não usa para “encher a folha”, após 2 anos o retorno monetário já é superior à versão tradicional.

  7. João Meixedo says:

    Mas iam dizer o quê? que era pior? Cada um tenta vender o seu peixe como sendo o mais fresco.

  8. Metaloid says:

    Esta publicidade já deveria ter vindo bem mais cedo… A Apple para aniquilar este “concorrente” apenas precisa do seguinte : pesar metade do que esta baleia pesa e aguentar metade do que este bebado de bateria aguenta. Ah, e já me esquecia da killer feature.. Correr o MACOs;-)

  9. diogo says:

    Eles só fazem comparação em coisas em que a filosofia de produto é diferente, assim é facil e depois ele diz que o dele é mais rápido e não explica nem exemplifica.

  10. Jonathan Fitzgerald says:

    Primeiro tentaram atacar o iPad e ser concorrentes do iPad, quando não eram produtos comparáveis devido à categoria de preço, entre outros aspectos.

    O facto de a Microsoft ter virado agora as suas atenções para o MacBook Air para mim diz-me que a campanha de trocas de iPad por Surface não teve os resultados que pretendiam, mas algo me diz que também não vai ser desta que vão ter sorte!

  11. PAULO SILVA says:

    por este preço fico com o macbook air 13″ : 879 eur

    http://www.worten.pt/store/inicio/campanhas/ate-130-euros-direto-selecao-macbook-air/apple-macbook-air-13-3-md760-intel-i5.html

    em vez de ter meio tablet e meio portatil

  12. joca says:

    Sou possuidor do Surface Pro 128 GB e posso dizer que estou bastante satisfeito. Substitui na totalidade o meu portátil Toshiba. Claro que lhe coloquei um cartão de memória de 64 GB para ajudar um pouco no arquivo de ficheiros. A comprar agora só compraria o de 256 GB e depois caso necessário uma extensão de cartão de memória. Os acessórios são na realidade bastante caros (Teclado+Adaptador HDMI+Adaptador Rede) mas a facilidade de uso acaba por fazer esquecer estes valores.

  13. Jose says:

    Claro que concordo, já foram feitos testes por vários sites, e já houve várias reviews de utilizadores, e todos afirmaram que o Surface Pro 3 é de facto superior ao Macbook Air.

    Agora quero é ver, o que o PPLware vai dizer sobre o assunto, e depois vamos ver se há fanboys da Apple aqui ou não.

    • rmcrys says:

      Depende do que se procura: o Surface 3 é um híbrido, ou seja, tem função de tablet. O Air é somente um Ultrabook.

      O Air como portátil é mais sólido (e desactualizado), o Surface 3 mais completo e actualizado mas menos robusto na função de portátil. Não esquecer que em ambos o SO nativo é diferente e dependente de preferências. O actual Air nunca compraria, agora entre um Air Retina com Intel 14 nm e o Surface 3 …

      PS: tenho um Acer W4 com um Atom Z3740 e aquilo ligado a um monitor e teclado/rato (em casa) está 5 estrelas. Os novos Atom são realmente MUITO mais potentes que os antigos mega lentos Atom. Ah e tem Quick Sync 😉

  14. rmcrys says:

    É bom haver concorrencia da Microsoft, e a mim dá-me igual as publicidades, se comparam, etc.,nao me aquece nem arrefece, já que são a meu favor e para eu saber os PROS/CONS de cada aparelho.

    A Microsoft neste preciso momento tem um aparelho superior, até a Apple lançar as versões Retina com os novos CPU da Intel ultra poupados. A Microsoft tem a desvantagem de que o Windows 8.1 é uma nulidade em touch, as apps touch idem, e os CPU actuais ainda são muito fraquinhos de GPU (pelo menos a Apple optimiza tudo, inclusive drivers, espremendo bem a performance).

    Por esse valor não compraria nenhum, preferia um modelo Lenovo com grafica NVIDIA ou um Macbook Pro

  15. Zedegaia says:

    O Mac ainda aí e tem provas dadas, quero ver como está um Surface ao fim de 2 anos de utilização.

  16. Vitor says:

    Eu que nem gosto da Apple, tenho uma coisa a dizer em relação ao Surface Pro…

    Está dito!

  17. indignado says:

    O objetivo do Surface é também servir como tablet, é um hibrido. O Macbook Air não. Nestes vídeos não vi em nenhum momento em mostrarem as características (apenas disco), simplesmente o facto de ser um tablet e o Macbook Air não ser. Mas obviamente que se eu quisesse um tablet, não comprava um macbook, porque o macbook é um COMPUTADOR PORTÁTIL. O produto da Apple que é um tablet é o IPAD. Alguém terá de dizer isto à Microsoft. A Microsoft demonstrou novamente a sua “pequenez” com estes vídeos. Gostava que a Apple fizesse assim um anúncio com um iMac e com um Surface. São comparações absurdas. Enfim, sou proprietário de um Macbook Air há cerca de 2 anos, e não preciso que me façam comparações. Estou bastante satisfeito com o que tenho e nunca mais mudarei para um Windows nem que me paguem, exceto claro, se for obrigado no trabalho, mas para fins pessoais não mudarei. Podem vir com argumentos de ser muito caro, mas ninguém me obrigou a comprar, o preço está lá, e só compra quem quer. Não devem criticar o produto pelo preço, pois se criticam o preço é porque também estavam interessados no produto. Quanto a comprar um “bom” por metade do preço só lhes tenho a dizer que quem diz isso só se envergonha, porque eu já tive vários windows que não têm nada a ver em qualidade de material, durabilidade, usabilidade, etc. Já usei Windows, Linux (que continuo a usar para trabalho), e Mac OS (fins pessoais), e nunca mais troco o Mac OS por nada e muito menos o meu macbook. Se fosse utilizador de um produto Microsoft neste momento ficaria envergonhado com isto que acabei de ver.

  18. mafc says:

    Por mais CEOs que a Microsoft tenha, a política porca de “o meu galo é melhor que o do vizinho” continua na mesma. Se bem que a Apple também tem abusado desses jogos nas keynotes.

    O Surface Pro 3 está melhor, mais maduro. Mas continua a não ser carne, nem peixe.

    Continuo a ser “antiquado” (o que para mim é aquilo que chamo de preferir a “opção de provas dadas”) e ter algo que tenha apenas um tipo de input mas que seja excelente. E no Macbook Air é algo simbiótico.

    Vi muita coisa sofre o Surface Pro 3 (até porque o meu laptop avariou, o desktop tem 10 anos e é um bom “amigo da EDP”) e ver até que ponto serve como “substituto do laptop”. E a conclusão que chego é que daqui a um ano pode ser que o Surface Pro 4 já esteja ao nível do lema que tentaram usar neste “3” com a gama “Broadwell”.

  19. JoanaBelo says:

    Adoro estes pontos de vista como sobre o sexo dos anjos: uns defendem “a”, outros “b”.
    Quem tem a razão? Qualquer ou todos, pois gostos não se discutem!
    E ainda bem que é assim.
    Corriamos o risco de comprarmos só “a” e “b” nem sequer apareceria no nosso mundo.
    Ainda bem que há diversidade de opiniões e de gostos aquisitivos.
    Respeitemos o gosto de cada um!

  20. Ricardo Fernandes says:

    Na minha opinião…
    Não nos podemos esquecer que a Apple tb utiliza publicidade como esta, muitas vezes invertida. iPad, o tablet ao qual todos comparam.. etc…
    Publicidade é e será sempre uma guerra.. quanto mais polemica melhor.

    Quanto às máquinas, sinto que a vitória da Microsoft será quando no fim do ano baixar o valor do Surface.

    • Vítor M. says:

      Também poderá ser, mas a Apple poderia usar outros argumentos e certamente quer ver-se longe disto de NSA e outros assuntos do mesmo prisma. Mas nunca podemos descartar todas as possibilidades claro.

      • Ricardo Fernandes says:

        Concordo sem dúvida.
        Eu encontro-me neste momento em grande dilema sobre aquisição de um equipamentos destes. Como musico, iPad certamente me garante fiabilidade em utilização num concerto por exemplo, bom software, bom hardware, contudo, penso sempre no investimento excessivo num “livro eléctronico” pois o tablet limita muito. É aqui que o surface entra ao barulho, podendo ser uma otima solução, sem o risco de para o ano seguinte estar já obsoleto.. pois a analisar como possivel substituição de portatil.. até com um ubunto mais tarde se garante que está muito funcional.
        Confesso que sinto um pouco a confusão da microsoft, afinal é um tablet que é PC portátil, ou um PC portátil que faz de tablet?
        Não ter 3g/LTE e GPS é para mim uma grande falha da Microsoft.. mas pensando nos portateis, pouco ou nenhum tem…. já os tablets..
        A oferta é tanta que cada vez mais fico “perdido” nos laços da tecnologia 😉 A ver vamos até ao fim do ano o que os valores de aquisição ajudam a decidir 😉

        • Vítor M. says:

          Ambos têm os seus trunfos. Espera um pouco pela versão final do iOS 8 e provavelmente em novembro sairá o novo iPad e terás algo mais moderno. Mas o Surface 3 é grande máquina também.

          • Ricardo Fernandes says:

            É precisamente o que vou fazer.. até pq compra por impulso nos dias de hoje, é quase como depositar no BES 😉

            Cumprimentos e obrigado!

        • AF says:

          Claro que o surface pode falhar durante o concerto…

        • Nelson says:

          Qual é o objectivo?

          O iPad é o único que podes comorar e esperar que não desaponte numa utilização ao vivo.

          A performance nunca falha em qualquer aplicação séria.

          E tem áudio de baixa latência, coisa que não encontras nem no Android, nem no Windows.

          E tem áudio inter-aplicação…

          A oferta de software para iPad. para música, acho que não deixa dúvidas…

          Se procurares uma máquina para edição… Mac…

  21. Rui says:

    Até acho os anuncios interessantes. Apesar de se dever realçar os aspectos positivos dum produto, fazer a comparação assim desta forma pode ser algo baixa… enfim.

    De qualquer forma, ter o ecrã touch até se pode tornar um inconveniente. Já aconteceu a alguém estar com um cliente ao lado e esse alguém estar constantemente a tocar no ecrã para vos indicar algo??? Imaginem com um Surface… LOL

  22. João Terra says:

    Acho piada…. 1º A MS quis arruinar a APPLE, agora claro que com a apple derrotada é fácil dominar cada vez mais.

    Golpe muito baixo

  23. Henrique Martins says:

    Estes vídeos só demonstram que são dois tipos de dispositivos diferentes, para mim o macbook air não substitui um Surface Pro, e vice-versa… 😀

  24. Unfragile says:

    Editei um filme e pre-misturei num Macbook air de 11″ de 2012, com 4GB de ram, thunderbolt ligava um Avid HD Native Thunderbolt + Interface OMNI, e usava um disco USB 3.0 de 1TB para audio e video, a outra porta usb tinha um hub usb 2.0 de 7 portas onde tinha ligado teclado, iLok, controlador Frontier Alphatrack. A sessão tinha um video HD com o codec DnXHD36, e eram por volta de 60 pistas. Mais tarde fiz outro mas só editei, mas já tinha um Monitor thunderbolt de 32″ da LG onde conseguia ter o Macbook Air thunderbolt -> Monitor 32″, segunda saída do monitor para um OWC Thunderbay IV com 12TB e do OWC ia para o Avid HD Native Thunderbolt. Não vejo isto possível com esse Surface Pro 3. A meu ver a porta thunderbolt supera o que esse Surface Pro 3 possa ter de melhor.

  25. Hugo says:

    A Microsoft anda desesperada. Agora parece a Samsung a atacar a Apple com os seus anúncios que não fazem o menor sentido… Surface Pro 3 promete 3 em 1 (desktop, laptop e tablet), mas na verdade não faz nenhuma dessas tarefas bem, nao é tão bom em desktop como o Mac Pro, não é tão bom como laptop como o Macbook Air, e nem de longe é bom como tablet como o iPad Air… Enfim, Microsoft se acalme e faz um produto discreto, se bem me lembro o único que fez discreto até hoje foi a Xbox 360.

  26. Tiago Oliveira says:

    Estão a tentar comparar algo que não tem comparação.

    Primeiro os sistemas operativos são diferentes em ambos. Quem souber trabalhar em osx e conhecer as potencialidades não vai mudar certamente para w8.1. algo que na europa não estamos habituados a usar e somos muito adversos a mudança.

    O Mac nao tem grande hardware mas funciona perfeitamente com o software porque foi criado de maneira em que todas as necessidades dor equipamento estejam equilibradas.

    A minha escolha vai obviamente para Mac visto que não consegue ficar lento como o windows com o uso e instalação de todas aqueles updates de segurança e e registos que guarda assim como a necessidade de antivirus que esta sempre a monitorizar pastas.

    É como o IOS e Android. Experimentem logo apôs ao ligar seleccionar a mesma aplicação ao mesmo tempo tipo Facebook e qual abre primeiro?. ou até a resposta que tem quando deslizam de um ecra para outro apôs ligarem. Dadas as especificações de ambos os telefoneis o iphone deveria ser pior não é?..é curioso o que acontece e o mesmo se retrata para o surface e macbook air.

    Quanto a preço a versão do surface mais barata com teclado é igual ao preço macbook air mais básico que existe e enquanto o surface é um i3 o macbook air começa nos i5.

  27. Alan says:

    O problema do Surface 3 é só um, a marca Microsoft, o pessoal parece que não simpatiza.

    Ah…eu se pudesse optaria pelo Surface 3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.