Quantcast
PplWare Mobile

Amazon quer acabar com os códigos de barras e a alternativa está na IA

                                    
                                

Autor: Ana Sofia Neto


  1. Mr. Y says:

    «os engenheiros estão a trabalhar na integração do sistema de IA com armas robóticas, de modo a que a presença de um ser humano não seja necessária, no futuro»

    Acho que não será integração com armas senão o nosso mundo perdido 🙂

  2. R says:

    Sempre pensei que o caminho fosse RFiD… Mas pelos vistos nem isso.

    • AP says:

      A menos que seja intencionalmente escondido, a leitura óptica por sistemas de IA conseguirá superar tudo.

      Até os empregos das pessoas! Por mais que digam que novas oportunidades irão surgir, primeiro: os funcionários nunca são reconvertidos com formação… Custa dinheiro. Segundo: enquanto houver uma pessoa na empresa a quem o CEO tem de pagar do seu bolso, esse será sempre um alvo a abater. Seja o empregado que embala, o director que coordena. No futuro vai até o programador que desenhou e instalou o sistema! “As pessoas são a alma das empresas”… Balelas! O dinheiro pró meu bolso é a alma da empresa! Ainda não vai ser agora, mas vão causar aqui um problema social grave que empurramos com a barriga para a frente. O que começamos agora a ver na fase inicial de transição é malta que não tem que fazer e vai-se safando como youtubers ou influencers. Tudo muito trend. Mas vivem à custa dos que ainda têm emprego. No futuro vamos todos ser youtubers e influencers? Vamos todos ser pintores, músicos e passear na praia? Sem empregos como é que vamos pagar os produtos que nos querem impingir?

    • Oi says:

      Gosto da ideia de tirar os humanos da equação. Só fazem erros, pedem aumentos e trabalham 1/3 do dia. Ainda não percebi como McDonald’s e afins não introduziram máquinas de escolha/pagamento/entrega das refeições, seria tudo mais rápido eficiente.

  3. nelson says:

    Standardizar a estrutura de dados de um QR para UPC/EAN + serial + tracking era mais simples, fiável e barato. as impressoras de etiquetas já existem em todos os armazéns, qual o formato a imprimir é uma questão de software, mas a ultima remessa de pessoal de IT só olha para AI, até onde não faz sentido nenhum reinventar a roda.

  4. Paulo Cruz says:

    Coloquem “máquinas/robôs/IA” em tudo e retirem os humanos dos processos e depois produzam e vendam os serviços e artigos a “máquinas/robôs/IA”, porque foram os únicos a “trabalhar”…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.