Unboxing TomTom VIO – O GPS para scooters


Destaques PPLWARE

28 Respostas

  1. Miguel says:

    Como se fixa? Estive a ver o vídeo, e parece-me que é propicio a roubos…

  2. Tiago says:

    Boas PPLWARE!
    Uma pergunta: É à prova de água? Obrigado

    • RF says:

      “It’s built for the road and the rain, the snow and the sleet. You can even tap and swipe your sat nav screen without having to take off your gloves.” retirado do site do TomTom VIO…. bastava procurar 1min!

  3. jorge santos says:

    Aviso de radares de velocidade… para scooter’s???

    • Miguel Nóbrega says:

      Não querendo menosprezar qualquer tipo de mota, uma boa scooter consegue facilmente passar os limites de velocidade, a minha 250CC chega aos 140kms/h e mesmo com outra 75CC consigo facilmente exceder limites de velocidade dentro de localidades (onde o limite máximo é 50kms/h)

  4. Acácio Bernardo says:

    Um suporte estanque à prova da água com uma boa fixação para lá meter o telemóvel dentro fazia o mesmo, ainda melhor e de forma mais barata. Podia vir também era com um sistema BT para ouvir e dar ordens por voz.

  5. O Sovina says:

    Podiam já ter referido o preço ( 169€ ) no artigo.
    No próximo artigo era interessante mostrarem como é ele se comporta com o ecrã molhado.

  6. André Duarte says:

    Falo por mim que ando diariamente de scooter. Nunca senti falta de um GPS, regra geral a scooter é pra passeios pequenos e salvo raras excepções lá se faz uma ou outra viagem mais longa. Em scooters de maior cilindrada, que são também aqueles que fazem viagens maiores, não sei se aquele encaixe no espelho não será fraco. Se vier com outros tipos de encaixe será uma mais valia.

    Abraço

    • RF says:

      Acho que não percebes-te o conceito…. isto é para andar na cidade (tem inclusivamente a opção de evitar autoestradas), para quem precisa de se orientar com GPS.. Viagens longas não é o propósito deste aparelho!

      • Miguel Nóbrega says:

        Penso que não precisas de melhor… eu com um encaixe dos chineses usei o meu telemóvel no espelho e não caíu nenhuma vez…
        Pelo sim pelo não prendi com um porta chaves, ao voltante

      • André Duarte says:

        Eu disse e repito, falo por mim.. Não vejo utilidade nenhuma num GPS nas minhas incursões pela capital ou qualquer outro local na scooter. Se quero ir a algum lado, vou ao Google maps pra ver o caminho, se me perder encosto a mota e vou vejo de novo.

        É capaz de ser porreiro pra quem aluga motas, pode alugar também o GPS mas se necessita de um telemóvel pra emparelhar… Não sei se não será uma desvantagem.

        Abc

  7. maqo says:

    Ficou perfeito na minha Yamaha XSR700. Não tem que ser só para scooters.
    É muito básico mas serve perfeitamente para ir de A a B.

  8. RF says:

    Acho o conceito engraçado para uma utilização esporádica.. no entanto temos que nos lembrar de uma coisa.. isto o que faz basicamente é um mirror screen do telemóvel/APP, logo vai gastar bateria do telemóvel e do TomTom VIO. Agora.. 170€ acho demasiado! Se ficasse pelos 90/100€ ainda considerava.. e sim apesar de dizerem que é para Scooter.. dá perfeitamente para se montar numa moto.
    Apenas tem essa referência “Scooter” porque têm a gama “RIDER” para motos.. logo não podiam estar a concorrer entre eles dentro do mesmo segmento!
    É esperar por Janeiro/Fevereiro e o preço baixa…

  9. Pedro says:

    Não vejo motivo para que isto não possa ser usado em motas em geral além das scooters. Quando vou de mota e preciso de GPS, não tendo apoio para o telemovel só me posso guiar pela vós do narrador do GPS(telemovel), o que nem sempre resulta bem

    • DINIS DOMINGOS says:

      Na minha gsxr 1000 acima do 140 cheira me que isso já não se vê nada. E o serviço de GPS está dependente da qualidade do GPS no telemóvel. O meu telemóvel acima do 200 já se atrasa… e acima dos 250 não há som que se ouça dentro do capacete. Eu tenho Scala rider q1 que aumenta o volume e tudo mas a partir de certa velocidade esquece…
      O GPS para motos da tom tom o mais custa 399… mas será que o modulo de GPS aguenta velocidades 200+?

      • Céptico says:

        Será que alguém precisa de indicações de GPS quando se circula a 200 Km/hora???Tenham dó!!! O GPS é para se andar à procura de ruas dentro de cidades e não em autoestradas!!!

      • Pedro says:

        Tipo.. se vais a essa velocidade não precisas de GPS…. Em principio se vais a essa velocidade é porque conheces o caminho… Era desnecessário este comentário só para te vires armar!

  10. Serato says:

    Quem anda de moto ou scooter não precisa disto para nada. Nunca precisei e nem sequer vejo utilidade nisto.
    Talvez para aqueles artolas a quem o papá comprou uma scooter para levar para a porta do colégio faça falta…..

    • Miguel Nóbrega says:

      Eu fiz Lisboa – Menton com a minha Vespa 250, por acaso não tinha GPS, só mapas e por vezes uma olhadela no telemóvel, mas não digo que não dava jeito uma coisa destas, mas não consigo gastar esse dinheiro :S …

  11. youandtag says:

    Já precisava duma coisa destas…
    🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.