Quantcast
PplWare Mobile

Marinha Portuguesa compra drone de 858 mil euros que não funciona

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. Nuno Herdeiro says:

    Viva a portugal!!!!

  2. PGomes says:

    Não faz mal, o povo paga…

  3. PMT says:

    Se alguma vez formos para a guerra, iremos segurar nos casacos dos outros…

  4. Euéquesei says:

    Então mas o drone não levanta nem aterra? É mesmo preciso levantar e aterrar?
    Compre-se já mais meia dúzia.
    República das Bananas em todo o seu esplendor.
    Claro que apurar responsabilidades, tá quieto.
    Os otários pagam….
    Mas que pouca sorte ter nascido nesta pocilga.
    Sei que há piores, mas há muitos bem melhores….

  5. Digo Eu says:

    Ajuste direto? Está tudo explicado. Mais uma negociata pouco clara, envolvendo equipamento militar, à semelhança dos submarinos, dos Pandur, do armamento ligeiro do exercito e agora dos drones… É isto que descredibiliza o Ramo.

  6. Rei David says:

    E para quando Portugal fabricar drones? E fabricar barcos? Temos de industrializar o pais, tornarmo nos a china da europa.

  7. Novidade says:

    Ajuste direto … Há boa maneira dos corruptos …

  8. Jota says:

    … tudo normal!

  9. David Guerreiro says:

    Se funcionasse é que seria de admirar. O Estado Português só faz negócios ruinosos para o erário público.

  10. ITzanas says:

    Tipico dos governos portugueses. Já um embaixador americano dizia e é verdade, o ministério da defesa compra brinquedos caros e inúteis so porque sim, maior das vezes ou não precisa ou não são funcionais.
    854 mil € que o povo pagou para nada, para meia dúzia de almirantes terem org***** num almoço cerimonial qualquer.

  11. eu says:

    Estamos em guerra e por isso precisamos disso.
    Há, mas Portugal vai receber uns valentes milhões lá de fora.
    Vamos já a começar a gastar o que não temos ainda.

    • Rui says:

      Tão inocente!!!!
      Olhe, veja lá como é que pensam os Suecos, esse povo burro lá do norte e aprenda: https://youtu.be/MixkCObYydA

      • ervilhoid says:

        as bases da Nato estão todas perto da Rússia mas quando a Rússia faz uma movimentação é o Deus me libre

        • Rui says:

          ora pesquise lá onde estão as bases da Nato na Europa.

          Vai encontrar a sede na Bélgica…… que como se sabe está encostada à Rússia, depois tem na Alemanha, Itália, Malta, França, Espanha Portugal…….

          A NATO tem tantas bases encostadas à Rússia que até Portugal tem de ir ajudar a patrulhar os céus dos países Bálticos!!!!!!!!

          Se me falasse em defesas anti-aéreas perto da Rússia (base de mísseis na Polónia), aí ainda lhe dava razão.

          Meu caro, se a Rússia decidir que engolir parte da Ucrãnia e da Geórgia não lhe chega e decidir vir por aí a baixo, o grosso da força da NATO está estacionada na Alemanha. Aí sim os EUA têem uma força brutal aí estacionada, superior a qualquer exército europeu.

    • Sujeito says:

      Correção, não vai receber. Vai contrair empréstimo.

      Mas o Marcelo diz que é bom negócio. Como qualquer negócio em que não se tem poder de negociação costuma ser , não é verdade…?

  12. Rui.silveirinha says:

    Porque razão não se compram drones. Com garantia de 5anos ?
    Não funciona , troca-se ….

  13. Wolf says:

    Bonito vídeo e banda sonora a condizer. Uavision, tem um drone apetitoso.
    Foi escolhido pelas FA porque são engenhos que nos permitem exibir a nossa mestria, know-how, discernimento militar e visão técnica acerca de gadgets essenciais na defesa nacional, da soberania, e do modernismo.
    As insuficiências do equipamento, não se devem ao mesmo, mas unicamente ao budget que foi atribuído. I.é. Pretendeu-se comprar barato, só para exibição, nunca tendo sido calculado o custo operacional real de um brinquedo destes e testado em condições reais e com profissionais. Felizmente que, estamos desarmados e nunca iremos a lado algum!

    • ToFerreira says:

      O budget foi curto porque teve de servir para encher bolsos pelo caminho e pouco deve ter chegado ao projeto em si.
      Governo português a comprar a uma empresa portuguesa, estava visto no que ia dar. O drone não anda, mas os carros que alguns compraram com parte deste budget andam bem!

  14. Rui says:

    Antes de dizerem asneiras sem pensar, a empresa que vendeu os Drones é Portuguesa: UAVISION.

    Ou subam a parada das asneiras, vejam lá o que pensam os Suecos, pode ser que os tugas aprendam qualquer coisita! E como sabemos, os Suecos são um povo ignorante……… https://youtu.be/MixkCObYydA

    • ITzanas says:

      Para já, os Suecos possuem uma proximidade territorial muito grande com os Russos, e sentem-se ameaçados pelas movimentações militares dos mesmo, Portugal esta ameaçado pelo que? Caranguejos na Fonte da Telha? Ou é pelos nossos Hermanos? De qualquer das formas, termos Drones muda alguma coisa? Se ainda fossem funcionais, agora na FAP so 4 é que funcionam e é meio gás e este da Marinha ja vai em 858 mil € e funciona mal, que sentido isto faz?
      O que é que tem da UAVISION ser portuguesa? torna-se um bom negocio para os portugueses pela empresa ser portuguesa?

      • Rui says:

        Se para si a defesa não faz qualquer falta nem devia estar a comentar!

        Não o incomoda ter marroquinos ilegais a desembarcar no Algarve? Já viu no mapa onde fica Marrocos, Argélia…… Líbia? Guiné Bissau (país nas mãos do narcotráfico)?

        E já agora, ao menos faz ideia porque carga de água todos os Presidentes da República vão fazer às selvagens, se não temos ameaças de ninguém?

        E já agora, já ouviu falar de Olivença?

        Mas para si o futebol, tremoços e minis são mais importantes, certo?

        • ITzanas says:

          Mas onde é que leste que a defesa para mim não é importante?
          Argelia e Libia? :O sabes onde fica a Argélia e a Libia? Pela conversa não deves saber, no entanto antes de Portugal entrar em ação militar contra esses países por algum motivo que não encontro qual, ja Espanha, Italia e França se mexeramdada a proximidade destes países com esses territórios. Quanto a controlar imigrantes ilegais, temos capacidade o suficiente para monitorizar esse tipo de movimentação na nossa costa. A Guiné Bissau como ainda nem ha muito tempo se viu, não é ameaça e temos os meios suficientes para bloquear qualquer movimento desse país caso seja necessário. Olivença? estamos ameaçados pelos Espanhóis devido a Olivença? XD Ou vamos reconquistar a vila pela força? Opah, soltei uma gargalhada XD Ameaças? É possível que elas existam, afinal fazemos parte da NATO, lol, é normal.
          Futebol, tremoços e minis? sim, são importantes para tentar esquecer a porrada de anos que passei de camuflado vestido 😉 Antes de andares a inventar e a tentar justificar o injustificável, devias-te informar mais sobre o que realmente é importante em Portugal, e não com aquilo que achas que poderá hipoteticamente acontecer. E sim, Portugal, u+ou o ministério da defesa mais uma vez fez um mau negocio, negocio esse com o meu dinheiro, meu, teu e de todos os portugueses para um equipamento que mais uma vez trás problemas.

  15. Tuga says:

    Eu não percebo muito disto, mas um satélite numa órbita geoestacionária com uma IA sempre à procura de indícios de incêndios , não faria um melhor trabalho na deteção dos mesmos?

    • Woot! says:

      Tás maluco?

      Só vejo problemas nessa abordagem:

      Os terraplanistas vão dizer que não faz sentido uma orbita geoestacionária.
      Os defensores da privacidade vão dizer que isso é contra o GDPR e que já chega as redes sociais.
      Os anti-IA vão dizer que assim que os satélites começarem a ter IA é o principio do fim.
      Os incendiários iam ficar sem divertimento.
      Os bombeiros sem fogos para apagar.
      O governo sem dinheiro para gastar em drones e facilitar lavagens de dinheiro.
      Epá…

      O melhor mesmo é não fazer nada.

  16. Miguel says:

    Drone de 853 mil euros é como quem diz…talvez uns 500 mil mas com factura dos 853 mil!

  17. andre says:

    Eu não percebo muito disto, mas um satélite numa órbita geoestacionária com uma IA sempre à procura de indícios de incêndios , não faria um melhor trabalho na deteção dos mesmos?

  18. Miguel says:

    https ://visao.sapo.pt/atualidade/politica/2020-06-25-suspeitas-de-favorecimento-no-negocio-dos-drones/

  19. R says:

    Se não funciona, devolve-se o produto e recebe-se o dinheiro… ah, mas é o estado Português…

  20. Samuel MG says:

    É no que dá comprar coisas ao desbarato. Não testam antes de comprar.

  21. The Crow says:

    Fossem ter com o pessoal do “Team Blascksheep” que ficavam super bem equipados e a bom preço de certeza!!!!

  22. Deus says:

    Vão fazer companhia aos submarinos do Portas…

    • Bibaeu says:

      E aos kamov do Costa…

    • Rui says:

      Se dissesse dos submarinos espanhóis S-80 ainda que se percebia.

      Agora misturar corrupção com o que até é o de melhorzinho temos entre nós!

      Pergunte aos editores da PPLWARE, que já falaram concerteza em off com o Comandante Garcia, que já publicou aqui vários artigos sobre os nossos submarinos, qual é a opinião deles (Comandante e editores), sobre os melhores equipamentos militares que Portugal tem!!!!!!

  23. Robin says:

    E o Drone é para levantar ou aterrar ?
    É que se calhar no caderno de encargos não contempla essas duas componentes.

  24. MPVJ says:

    faço so as seguintes quesões :
    1-quem foi o responsavel pela compra? antes de comprar não viu o produto não testou? é que uma pessoa , empresa normal com um valor deste testa as coisas se não funcionar não paga e devolve.
    2 uma empresa normal quando faz uma compra destas tem um responsavel pela mesma e se algo correr mal é esse mesmo que assume a culpa , aqui não há culpados?
    enfim….o povo paga e até gosta destas coisas….

  25. AlexX says:

    Com a área de oceano que Portugal tem, de que valem 100 km de autonomia? Muito mais que isso tem um helicóptero, além da velocidade que atinge. Era de comprar antes um porta-aviões. De preferência que flutuasse e tivesse um leme e motores funcionais. O drone é de expor já no museu antes que fique em pedacinhos.

  26. Rei David says:

    Eu comprei um drone por 900 euros, e nunca avariou. O exercito tem muito a aprender, nunca ouviram falar da gearbest.

  27. jimmypt says:

    Possivelmente foi adquirido no Aliexpress!Não deve ter garantia nem é possível fazer a devolução.. (:

  28. jorge says:

    A fabrica dos drones uavision deve de ser de algum amigo que esta no governo, como foi o caso das golas para incindios, mas afinal o drone pousa ou aterra, descola ou levanta.

  29. jorge says:

    Neste caso as aves também descolam e aterram.

  30. Jose Cerqueira Fernandes Leal Pinto says:

    E depois manda embora profissionais com o ordenado de misêria ao fim de 40 anos de dedicaćão e profissiona.ismo.
    Parabéns

  31. Sardinha Enlatada says:

    E esses drones nao vem com garantia ? Vao la e troquem ou mandem reparar. Mas como e uma coisa do estado e rasgam dinheiro devem preferir comprar outros.

  32. Zé Duarte says:

    Mais valia terem ido à worten e compravam uns 800 drones com esse dinheiro. Mesmo que só um quarto funcionasse, ainda eram 200 drones a dar.

  33. Luís Sousa says:

    O Drone ainda está em desenvolvimento e será uma grande mais valia para as FA portuguesas.

    Criticar por criticar, mais valia estarem mudos!
    https://www.youtube.com/watch?v=AD2UCeqDv0Q&feature=emb_title

  34. Sabugas says:

    Fui ver essa empresa ao google maps, parece um barracão, os carros à porta são corsas e ibizas de 94, e tem um serie 3 novo que deve ser conduzido pelo gajo que arranjou os contratos com o estado.

    • Luís Sousa says:

      É preciso conhecer um pouco a história dessa empresa antes de dizer baboseiras.
      É evidente que só depois da parceria estratégica com a FAP é que essa empresa pode começar a pensar em mais altos voos e esse dito “barracão” para já chega.
      A empresa tem cerca de 20 engenheiros e estavam em contra relogio para conseguirem os 12 drones para este verão, está visto que a pressão foi má conselheira.
      Com tempo, tudo será melhorado.
      Esse drone será uma grande mais valia não só para a Marinha como para a Força Aerea!

      • MPVJ says:

        Sr Luis, efectivamente disse-se aqui baboseiras mas uma coisa é certa o povo já pagou uma pipa de massa pelos equipamentos, se foi contrarelogio ou não é um problema da empresa o cliente finala neste caso o Estado só tinha de validar na hora da entrega do equipamento se correspondia ao comprado se estava tudo bem, ora se os equipamentos têm falhas so tinha de devolver e exigir o reembolso.
        se isto se trata-se de uma empresa privada o responsavel pela compra era chamado á atenção e exigigido responsabilidades. agora como é o Estado o mais certo (espero que não) não se vai passar nada.
        efectivamente estes equipamentos serão uma mais valia e não importa que a empresa funcione num barracão tem é de entregar o material em condiçoes e quem compra cabe validar se funciona.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.