Quantcast
PplWare Mobile

Mas afinal quanto custa produzir o iPhone 7?

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Simões


  1. João Nogueira says:

    Não sendo fanboy da Apple, e apesar de considerar o preço exagerado para os seus produtos, compreendo estes valores.
    É da venda dos produtos que sai o dinheiro para fazer face a custos de desenvolvimento, recursos humanos, logística, marketing, todo o funcionamento diário, etc…
    800/900€ é exagerado? À primeira vista pode ser, mas se mesmo assim esgotam, é porque há mercado para eles…

    • Mota says:

      +1

      Não fã de Apple, mas concordo. É natural a descrepância de valores. Há infraestruturas, colaboradores, marketing, contas de luz, etc.
      Só compra quem quer. É bom lembrar que isto acontece com qql marca no mercado. As empresas não andam cá pra perder dinheiro certo?!

  2. Nuno Santos says:

    Video parvo para gente parva.

    E os restantes custos?? Não contam?? Montam o iPhone7 numa garagem na Musgueira, fazem pesquisa para futuros modelos na Escola Sec da Musgueira a custo ZERO, não têm empregados e somente voluntarios…

    Gosto de ‘seguir’ o pplware mas deixem-se de parvoices e de alimentar mentes fracas. Já chega os droidLoves procurarem todos os ‘defeitos’ do iPhone porque o sabonete deles é mais aspero que o sabonete da Apple….

    Fica a minha sugestão, jornalismo e não jornaleiros.

    • CS says:

      Good Guy Apple das companhias mais ricas a nível mundial mas só lucra 50 cêntimos por iPhone.

      • Miguel says:

        E os telemóveis que custam 200 euros as companhias lucram quanto??

        • APereira says:

          Percentualmente é provavel que lucrem algo similar a Apple por equipamento.

          Visto que obviamente que os custos de producao, marketing, impostos, estroturas, etc etc… serao mais baixos certamente.

        • jonas says:

          Nao lucram. Tem prejuizo.

          • Douglas Ferreira says:

            Os prejuízos geralmente ocorrem em mercados onde ainda não se tem tanta influência. A Samsung provavelmente só leva prejuízo nos modelos hi end, mas isso ajuda a divulgar os produtos. A grande maioria não compra os modelos top.

          • APereira says:

            Douglas, aí é que te enganas… os mais vendidos sao sempre os modelos top

        • Portimão says:

          E tu achas que os componentes dos smartphones de 200eur são iguais aos do iPhone 7? Não, nem se compara, são muito inferiores.
          Agora se estiveres a falar de um Galaxy s7 Edge… Mas esse tem os mesmos preços que o iPhone e custa 250 dolares a ser produzido.

          Lucros, sabes o que é?
          Custos de produção, de marketing, impostos, contas da luz (que não é pouca nas lojas), ordenados para centenas de milhares de empregados, seguros, custos de desenvolvimento, custos de registo de patentes… Achas mesmo que apenas gastam 250 dolares a produzir um iPhone e que não têm outros custos que daí adveem?

          Têm lucro, sim, mas… Se tivesses uma empresa de sapatos e um par te custasse 10eur a ser produzido irias vender por 11eur?

          • Alpha says:

            O s7 edge custa 250 a ser produzido?! O s6 edge custava 290…
            E tem um preço inferior ao do iphone.
            Os lucros da Apple são publicos, não vale a pena estares com tretas.

    • PMS says:

      O video pode não estar bom, mas no artigo da pplware diz: “Na prática, o preço dos componentes deste iPhone é apenas de 39% do custo praticado pela Apple. Claro que a este valor é ainda necessário associar os normais custos de investigação e desenvolvimento, produção, montagem e marketing.”

      Bem, parece que o artigo que diz “os utilizadores da apple são mais arrogantes” afinal não estava assim tão errado (ya, tou a generalizar como tu. acaba por ser injusto para os outros utilizadores da apple mas enfim :p)

    • Alpha says:

      Parvo é não ver que o artigo original nem é do pplware, que ainda assim salientou que “a este valor é ainda necessário associar os normais custos de investigação e desenvolvimento, produção, montagem e marketing”.
      Parvo é não dividir os custos de desenvolvimento pelos milhões de dispositivos vendidos.
      Parvo é não saber que a Apple recorre a mão de obra barata, próxima do “custo zero/voluntariado”.
      Parvo é deixar-se toldar pela emoção e achar-se cheio de razão.

      • Mylittlelife says:

        Sem dúvida que tens toda a razao, é óptimo justificar que a Apple “coitadinha” tem muitos custos com Marketing, desenvolvimento, etc mas esquecem-se que esses custos:
        – sao a dividir por milhoes de dispositivos
        – os modelos actuais sao apenas pequenos melhoramentos dos anteriores e nao comecam do Zero nem tem grandes diferencas (em especial nos modelos Apple)
        – continuam a usar tecnologia “Standard” nas baterias, Camaras e ecras e maior parte dos componentes sao desenvolvidos por outras marcas (Sony, Samsung, TMC, etc)
        – o fabrico é todo na Ásia/Brasil onde os Standard de Normas anti-poluicao, direitos de trabalho e ordenados estao a léguas dos Standard Europeus/Japao/America do Norte

        Mas assim sendo nao se importam de pagar o Valor que for necessário; No entanto noutras coisas ou marcas “ai gatunos, que precos exagerados”. Basta dizer só em comparacao directa que um Note 7 custa o mesmo e tem ecra AMOLED, mais capacidade, RAM, bateria e até Bonus de “fogo de artifício” se tivermos um modelo com bateria Samsung, mas no entanto sao uns gatunos LOL

        PS: a Samsung troca um modelo problemático por um novo mas sao vistos com má política; a Apple troca um modelo problemático (ruído ao esquentar, airplane-gate, etc) por um novo e no entanto sao os maiores.

        Dá sempre para umas boas risadas.

        • APereira says:

          – sao a dividir por milhoes de dispositivos
          Sim sem margem para duvidas
          – os modelos actuais sao apenas pequenos melhoramentos dos anteriores e nao comecam do Zero nem tem grandes diferencas (em especial nos modelos Apple)
          Isso é em todas as marcas, nao tem havido uma grande evolucao em varios aspetos.
          – continuam a usar tecnologia “Standard” nas baterias, Camaras e ecras e maior parte dos componentes sao desenvolvidos por outras marcas (Sony, Samsung, TMC, etc)
          Basicamente pagam extra pelo mesmo produto…logicamente que a Samsung vende Ecras a Apple e acrescenta a sua margem de lucro em cima…ja no caso da Samsung a vender os seus equipamentos tem lá tudo, linha de montagem e materia prima…logo mais barato para a Samsung.
          – o fabrico é todo na Ásia/Brasil onde os Standard de Normas anti-poluicao, direitos de trabalho e ordenados estao a léguas dos Standard Europeus/Japao/America do Norte
          Todos fazem isso, nao estou a ver onde esta a vantagem da Apple relativamente aos outros nisso.

    • Rui LUX says:

      pois.. porque as outras marcas não têm custos de fabrico, desenvolvimento, investigação, design, distribuição, markting.. nada disso.. isto tudo para as outras marcas é a custo ZERO.. para a marca da maçã.. há sim.. têm de pagar.. ahh.. e tb têm de pagar impostos (GRANDE LOL AQUI!!)

    • Rei Ghob says:

      Quando é um Samsung ou um HTC ao mesmo preço já é justificado… Eu tenho Android, não tenho é palas.

    • Pedro says:

      O custo total, tendo como exemplo o iPhone 7, não pode ser visto como apenas o preço dos componentes, é um facto. O custo de R&D tem de ser tido em conta. Onde esta teoria falha neste caso é no facto de, apesar de aparecerem algumas novidades, o custo deo R&D neste momento não ser tão elevado como no primeiro iPhone a talvexz no 5 ou no 6 e eles manterem o preço. Mas lá está, no final do dia, a procura é que dita os preços…

    • Balmer says:

      Comentário ignorante de gente ignorante (Infelizmente produtos Apple parecem cultivar alguns destes).

      “E os restantes custos”
      Uh.. Foram mencionados. Leste duas linhas e decidiste atirar o bitaite para o ar? Largar um pouco dessa emoção Apple Boy?

      Dito isso no entanto:
      “Montam o iPhone7 numa garagem na Musgueira,”
      Antes fosse. Talvez queiras pesquisar a quais fabricas a Apple (E N outros fabricantes) continuam a recorrer para a construção dos aparelhos, quais as condições dos empregados lá, e qual o custo associado. A diferença aqui no entanto é que alguns dos outros fabricantes têm um preço que talvez reflita um pouco melhor o custo global do aparelho.

      “…deixem-se de parvoices e de alimentar mentes fracas.”
      Porque acreditas tu se calhar que és uma mente muito forte, quando deixaste os teus nervos (bem a flor da pele claramente) interromper a tua leitura do artigo e vir para aqui disparar.
      Ter um iPhone não te torna uma pessoa superior, somente uma criatura mais suceptivel a ter que defender a sua compra quando comprou um produto pelas razões erradas e que sente a necessidade de atacar sempre que alguém salienta um ponto que -parece- negativo.

      Fica a sugestão, mais mente aberta e compreensão, menos fanatismo pela marca. Tenho a certeza que a Apple tem gente (a quem paga muito mais do que aos trabalhadores das fabricas) para tratar disso por ti.

  3. goncalo says:

    É impressionante é como 750 dólares são convertidos para 889 euros em Portugal.

    • Marco says:

      IVA e imposto sobre armazenamento digital.

      • Crown says:

        Mas ninguém se lembra que também é preciso pagar aos intermediários que fazem as vendas?! Na venda de qualquer equipamento há muita gente que tem de ganhar dinheiro para continuar a vender!! A Apple deve ter 100% de lucro no valor do equipamento! O resto para fornecedores lojas de venda e vendedores e taxas!!!

    • Daniel says:

      Aos 750 dólares tens de somar impostos. Os 889 euros em Portugal já vêm com IVA de 23% incluído

    • Trend says:

      Câmbio (e margem de variação), Impostos, taxas e regulamentação, explicam-te quase toda a diferença

    • PMS says:

      A OnePlus, pelo menos há uns tempos, conseguia fazer conversão de 1$ para 1€ (que mesmo assim era desfavorável para nós). Não acho que justifique esta diferença para portugal

      • Trend says:

        E as taxas e IVA? Não contam?

        • PMS says:

          750$ = 672€

          899€ / 672€ = 1,323… ou seja, 32,3% mais caro , é praticamente 1/3

          não estou a dizer que a culpa é deste ou daquele.. mas, na realidade, está uma diferença de preço impressionante

          • Trend says:

            Eu falo-te em taxas e IVA e tu ignoras completamente a sua existência quando fazes contas, incrível.
            O preço de $749 nos Estados Unidos é livre de qualquer imposto.
            As taxas e IVA aplicados a este modelo de iPhone em Portugal são €182, logo o preço comparável será €707.
            São €35 de diferença ao câmbio actual, mas o câmbio flutua, e há mais legislação na Europa com introduz custos extra.

          • PMS says:

            Fiz caso fosse a conversão directa… ignorando taxas e iva, sim.

            A minha questão é “Iva + Taxas” dá 32,3% ?
            Mesmo em relação ao valor de 707€ , de 889€ a 707€ vão 182€..

            Mais uma vez, eu não estou a criticar nada… estou a tentar compreender o porquê destas “taxas” serem tão altas… e se me mostrarem com números o porquê, eu agradeço 🙂

          • PMS says:

            Já entendi as tuas contas..embora esses 35€ mesmo contando com “diferenças de cambio” é um bocado.

            Quanto aos 182€, onde viste esse valor sff ? De IVA são cerca de 155€, quais são as restantes taxas?

          • Trend says:

            Claro que não estás a criticar, apenas dizes que é impressionante a diferença de preço ignorando o peso dos impostos a pagar.
            Estás a tentar compreender o porquê destas taxas? Estranho… é a primeira vez que assumes que há “taxas” a pagar… Tens que ir perguntar ao governo o porquê das taxas. Tens IVA, tens a taxa de cópia privada sobre tamanho de “memória”…

          • Trend says:

            PMS,
            €35 – “o câmbio flutua” (+/- €5) + “há mais legislação na Europa “que” introduz custos extra”
            €182 – taxas indicadas na página de compra
            €15 – cópia privada – – – – apanha IVA em cima
            €(~707+15) x “IVA” = 889

        • PMS says:

          (disse 899€ mas nas contas usei o valor correcto , 889€)

    • Henrique Morais says:

      Gonçalo, Portugal está em 3º no Ranking Mundial com iPhone mais caro, em 1º está o Brasil onde ele chega a ser o dobro do preço original. Países pouco corruptos compreendes?

      • Trend says:

        Como é que Portugal está no 3º lugar se há mais países na Europa com preço superior?

      • Mylittlelife says:

        Nao tem haver (só) com corrupcao. Em Portugal os salários sao baixos, o desemprego é alto, as pessoas Sem vontade de trabalhar e/ou fogem aos impostos sao muitas, muitos calotes, muitas emprestimos que nunca vao ser pagos e a energia (muita importada) fica cara.

        Daí que para teres estradas boas, saúde “gratuita” para todos, subsídios de desemprego/rendimento mínimo, reformas mais altas que os descontos feitos há 30-40 anos tem que haver quem os pague:
        – impostos altos sobre a classe média trabalhadora (a Classe alta tem o dinheiro fora do país)
        – impostos altos sobre os bens/produtos
        – poucas bolsas de estudo/investigacao

        Aí já tens o porquê.

    • Pedro says:

      O preço nos EUA é sem iva. O iva nos EUA varia de estado para estado, por isso os preços apresentados são sempre sem esse imposto que é apenas pago no acto da comprar consoante o sítio onde compras. Em Portugal é 23% em todo o território, portanto o preço é anunciado logo com a taxa incluída.

    • Douglas Ferreira says:

      No Brasil, 1 dólar está valendo em tono de R$ 3,23, porém, o oficial preço praticado do iPhone vai passar fácil de R$ 4.000,00. Nossa pesada carga tributária + lucros exorbitantes das empresas praticamente dobram o valor real do produto.

  4. MiguelDias says:

    Meu xiaomi de 180€ faz tudo e muito mais!

    • O meu é maior que o teu says:

      Claro aposto que faz tostas mistas e tira imperial.

      Se não tem metade da interligação de interfaces software/hardware que ios, nem a dinâmica do wm em conjunto com windows, no entanto faz muito mais.

      Ainda gostava de saber o que muito mais é esse que passam a vida a falar e não vejo nada.

      E não me venham cá com o mudar roms e mais não sei o quê, porque se querem mudar o aspecto dos icons/efeitos/modos de abertura sempre o puderam fazer desde o iphone 2g
      Se é uma questão de gestão do sistema, ou de tweaks que existem aos milhares basta o jailbreak a coisa não é diferente de um android com root.

      Deixem-de lérias que o dizer que faz ao fazer vai um grande passo.

      • Filipe Teixeira says:

        Se dissesses só uma única função que valesse os 400€ a mais…

        • Mylittlelife says:

          Esse(s) Xiaomi tiram melhores Fotos e têm uma garantia e suporte que os Apple?

        • O meu é maior que o teu says:

          Pelos vistos tens vista grossa ou não sabes ler, pois referi anteriormente a diferença em relação a interfaces software/hardware.
          Já agora acrescento a quantidade e qualidade das apps, a interligação entre apple tv, apple watch, mac, ipad, iphone, airport, homekit, etc etc
          A dinâmica/aspecto/design de todos eles a trabalhar em conjunto, faz a diferença.
          Agora podes dizer que isso a ti não te interessa ou não concordas, mas por não te interessar a ti não quer dizer que a quem interesse, que os 400€ a mais não são um valor justo.
          Também posso perguntar qual a função que o xiaomi tem para valer 180€?
          Também posso dizer que qualquer modelo só vale o custo de fabrico porque em termos de SO o android vale 0€
          Só por este argumento já tenho razão e tu não? Enfim…

        • Just Saying says:

          quantas vezes reinicias o telemóvel por dia? semana? mês? e na resposta inclui já os bloqueios, desligar sozinho, reiniciar por estar lento, para limpar cache, etc..)
          Tenho iphone há um ano, reiniciei as vezes em que saíram os updates, só.
          Se isto vale a diferença? se calhar não, mas ajuda, para quem não quer andar com chatices.

      • Alpha says:

        Para “mudar o aspecto dos icons/efeitos/modos de abertura” não precisas de root (fantástico, mas não é?).
        Por outro lado, com jailbreak, que “não é diferente de root” consegues mudar a ROM?
        Deixa-te de lérias!

        • Portimão says:

          E mudar a rom para quê? Vocês mudam a rom porque a maioria que vem com os smartphones de marcas que não Nexus trazem as interfaces manhosas das marcas ou porque não recebem uma única atualização.

          O iOS é igual esteticamente para todos os iPhones e se não tem esta ou aquela função em modelo X é por conta do hardware.

          Não é cá preciso de roms manhosas que invalidam a garantia.

          • Alpha says:

            Não entendi a censura à resposta…
            E porque não mudar a rom? Não és obrigado a fazê-lo, mas tens essa possibilidade, se o quiseres fazer por alguma razao, seja para alterares por completo o telemóvel para não ser sempre igual, seja por curiosidade, pelo que quiseres…
            Pois, na Apple é tudo igual para todos, como se todos gostássemos das mesmas coisas, como se fossemos todos iguais, é mau, é muito mau.

        • O meu é maior que o teu says:

          realmente o root não é igual ao jailbreak, pois o jailbreak consegues tirar e pôr sem perderes garantia.
          já agora explica qual a razão de mudar de rom?Não é para mudar funções aspecto, etc?
          no iphone fazes o mesmo simplesmente não tens de mudar de rom para isso, usas o tweaks

      • RenatoNismo says:

        O meu é maior que o teu: começando por pequenas coisas simples, esse iphone consegue ligar ao pc windows, para passar fotos ? consegue enviar fotos por bluetooth para outros dispositivos ? consegue criar álbuns e mover de fotos para outros ? passando até por coisas maiores que pecam.

        a função para a xiaomi valer o preço de 180€ ou se misturar com um de 250€ o Mi5: bateria enorme com quickcharge, IR Blaster, GPS A-GPS BEIDOU, NFC, USB-C, SoC normalmente mais caros com snapdragon 820, 4gb 6gb de ram, enorme capacidade de armazenamento, câmara topo de gama ou quase com OIS, dual led. já para não falar que a interface gráfica do MIUI 8 tem mais de centenas de features do que o iOS pode fazer, se não concordas, é porque não conheces nada do xiaomi e do MIUI 😉 isto TUDO tem muitos mais features de UI e mais características de hardware do que um iphone qualquer.

        mylittlelife: os topo de gama da xiaomi podem ter melhor câmara ou semelhante, e por mais de metade do preço. o galaxy note 7 tem melhor câmara, melhor OIS, melhor captação de luz na noite, melhor câmara de selfie do que o iphone 7 plus, há por aí um vídeo no youtube. quanto a garantia.. porque as pessoas levam iphones a lojas como NOS, MEO, Worten e eles recusam, então de que serve o suporte da apple ser melhor ? se fores pesquisar palavras chaves no google, verás que cá e lá fora que a própria apple recusa activar garantia por coisas pequenas.

        justsaying: se estavas a falar do android 2.2 e samsung galaxy gio e dos samsungs low and mid actuais, podes ter razão. mas se falares do android no geral.. que falso moralista. já há anos para cá o android deixou de ser uma treta como foi nos primórdios. até custom rom’s tem melhor estabilidade do que a maioria dos iphones que andam com problemas de software nos primeiros meses e nos dias de novos updates……… lol

        para todos: if you can’t make it work like you want to that means you are very novice. e é isto.

        • Flavio says:

          Por isso é que muitas pessoas nao gostam de iphone, lêm comentarios destes. Desde quando é que nao da pra passar fotos do iphone pra um pc com windows?? Sempre deu desde o primeiro iphone, e ficas a saber que ate sempre foi mais simples do que em mac porque nao precisas do itunes pra por e tirar fotos. Em relaçao a enviar fichericos por bluetooth sempre foi so entre iphone a nao ser que instales uma aplicaçao (ja ha varias gratis) pra poderes enviar ou receber de outros sistemas. E em relaçao a criar albuns e mudar as fotos pos albuns, isso ate é ridiculo, há anos que dá pra fazer isso. Acho que viste o primeiro iphone e depois nunca mais quiseste saber lol. O resto que disseste pra mim é um bocado chinês.

        • O meu é maior que o teu says:

          Sim conheço muito bem o sistema MIUI
          Pelos vistos tu percebes tanto de iphones como zero.

          esse iphone consegue ligar ao pc windows, para passar fotos ?
          Resp. sim desde o 2g que permite

          consegue enviar fotos por bluetooth para outros dispositivos ?
          Resp. sim desde o 2g que permite

          E em relação ao resto o Flavio já disse tudo.

        • RenatoNismo says:

          tudo isso foi contrário no iphone 5 ou 5s da patroa que me ordenou a organizar fotos.

          não conseguia nada da maneira que sempre faço no android. windows explorer, bluetooth, itunes. em último caso iExplorer 🙂

      • Marco Rua says:

        Xiiiiiiiiii…. Só fan boys da apple. Eu ja tive um iphone 6 durante uns 3 meses e para mim digo nao passa de um smartphone como outro qualquer te tenha android ou windows. Tenho um xiaomi mi5 128gb e nao fica nada a perder para o iphone. Ainda nao consegui perceber para que gastar 900 euros por um smartphone que faz o mesmo que um de 300 400 euros, já nao falando que já á alguns a 200 com boas performances. Eu nunca na vida vou gastar mais de 400 euros num equipamento. Se posso e tenho escolhas idênticas a metade do preço para que gastar o dobro, só pq é apple ou samsung ou htc. São bonitos são mas muito caros para aquilo que fazem……

    • sómaisum says:

      Também tem iOS?
      Se tiver faz tudo, se não tiver não faz tudo!

      • ana rita says:

        Isso não existe para xiaomi.
        Mas uma coisa que tem de certeza é entrada Jack.

        • Hugo says:

          Já disse várias vezes que defendo o cabo em questões de qualidade de som.
          No entanto neste caso particular não há benefícios na qualidade do mesmo.
          Eu próprio tenho um xiaomi e a qualidade extraída na saída de fones (usando o spotify) é terrível, assim como acontece nos Samsungs, iphones, etc etc.
          Resumindo…não é o facto de ter ou não jack que vai dar uma melhor experiência auditiva.

        • sómaisum says:

          Eu sei que não existe. Mas afirmaram que fazia tudo..
          Há quem goste do estatuto iPhone.
          Há simplesmente que prefira o iOS a outro SO, e, por isso mesmo, precisa de um iphone.

          • Portimão says:

            Por amor de Deus, referir o pseudo estatuto do iPhone é ridículo! Deixem-se disso e de usar um smartphone por causa do estatuto!

            O iPhone tem mais que motivos suficientes para ter a popularidade que tem.
            Se fosse pelo estatuto os entendidos de tecnologia não o usavam ou não o tinham ao lado do seu Android (os que usam Android).

  5. Trend says:

    Lá vão outra vez assumir que estes valores que saem cá para fora são os custos todos da Apple com o iPhone.

    • Hugo says:

      Não são os custos todos, mas por alguma razão a Apple é uma das maiores empresas do mundo. Pelas pequenas margens de lucro não deve ser.
      Eu fazia o mesmo lol. Têm um produto bom e que vende…é aproveitar.

      • Trend says:

        As margens brutas não são assim tão diferentes do que outras empresas fazem com os seus melhores produtos… As outras é que não conseguem que sejam esses produtos a ter o maior peso nas vendas, acabam por vender maioritariamente produtos com margens pequenas.

    • Alpha says:

      “a este valor é ainda necessário associar os normais custos de investigação e desenvolvimento, produção, montagem e marketing”
      É só ler!
      Mas como bem sabes o custo relevante é o do hardware que é individual, o do software / desenvolvimento é diluído por todas as unidades vendidas, que são imensas. Custos com coisas como marketing, é daquelas coisas que eu “adoro” pagar quando compro alguma coisa.

      • Trend says:

        O meu comentário não é dirigido ao artigo, refere-se à habitual interpretação das pessoas que se ficam pelo valor e acham que o custo se resume a isso. [Lá vão outra vez…]
        Os outros custos não são só com software. Há investimentos da Apple no desenvolvimento de componentes, há investimentos junto de alguns fornecedores para capacidade de produção, há pagamento de licenças de patentes, etc.
        Com em qualquer produto que tu compres acabas sempre a pagar todos os custos de actividade das várias empresas envolvidas até que esse produto chegue ao teu “cesto” de compras. Até pagas por serem lavadas casas de banho.

        • Alpha says:

          Isso é verdade, mas pegando no teu exemplo, podes ter de pagar por limpar casas de banho a todas as horas e com produtos com cheiro a patchouli, ou então por casas de banho limpas com lixívia pura uma vez por dia e para mim que compro o telemóvel e não uso as casas de banho, adivinha quais prefiro pagar 😉

          • Portimão says:

            Pagas 100eur por um Xiaomi.

          • Trend says:

            Não fazia ideia que andavas tão interessado em inspeccionar a limpeza das casas de banho para decidir a compra.

          • Alpha says:

            Apesar de até ter pegado no exemplo dado por ti, já vi que analogias não é contigo; peço desculpa, mas por vezes esqueço-me das tuas limitações (de compreensão ou de argumentação).

          • Trend says:

            Entendi perfeitamente a analogia. Deves ter é alguma dificuldade com a ironia que revela ao ridículo a que chegas em analogias. Se te sentiste tocado é porque a analogia não funcionava assim tão bem como querias.

          • Alpha says:

            Fazer uma analogia com o exemplo que tu próprio deste é ridiculo, claro… ridículo és tu e as tuas constantes falácias, experimenta apelar ao ridículo com outro tão limitado como tu (nos argumentos).

          • Trend says:

            Alpha, mas que sensibilidade a tua… tanta dificuldade em aceitar ironias. Mas pronto já sabemos que casas de banho podem servir de benchmark na avaliação das tuas opções.

          • Alpha says:

            Deves querer dizer nas tuas, que foi quem trouxe o assunto para a conversa.

          • Trend says:

            Não fui eu quem teceu um critério para a opção de compra.

          • Alpha says:

            ” acabas sempre a PAGAR todos os custos (…) Até PAGAS por serem lavadas casas de banho.”
            O que PAGAS, não é “um critério para a opção de compra”?!

          • Trend says:

            Alpha, em nenhuma parte do meu comentário falo/teço qualquer critério sobre como optar/escolher o produto a comprar em detrimento de outro, nem sequer indico que o que pago é um critério nas minhas escolhas.
            Apenas falo num facto que ocorre com qualquer compra que se faça, qualquer que seja o produto escolhido. Ora se é apenas dito que isso ocorre com qualquer produto, não se está a distinguir os produtos, e se não se distingue não se estabelece um critério para escolher/optar.

      • Brasão SS says:

        “(…) desenvolvimento é diluído por todas as unidades vendidas (…)” lol
        E os updates que vão surgindo ao longo do tempo em que os dispositivos têm suporte? Isso é de graça? Não tem custos?
        Essa lógica só vale para a Apple? E as para as outras empresas não conta? Se fores por essa lógica então outras empresas nem gastam tanto em desenvolvimento que a Apple pois já têm o sistema operativo “criado” . (Android, Google) É só ” customizar ” e colocar skins. Updates… Bem, chegam tarde e a más horas. Quando chegam. Posto isto podemos concluir que a Samsung (só a título de exemplo) ganha mais na venda de um Note ou S7 edge, pois não gasta o mesmo que a Apple no desenvolvimento.
        @Alpha és um génio.
        🙂

        • Alpha says:

          Não é preciso ser génio para entender que os updates fazem parte do “software/desenvolvimento” e que este gasto é único para todas as unidades ao contrário do hardware, mas se quiseres faço-te um desenho.
          Ainda que o que referes para outras marcas seja verdade, não altera nada o que se está a falar, sobre a Apple, visada no artigo. Acabaste por cair na desnecessidade de chamar para a conversa outro telemovel, que na verdade tem uma diferença menor entre o custo (hardware)/pvp.
          Continua a esfregar a lâmpada 😉

        • Trend says:

          Alpha, parece claro que nem tentaste ver quais são as margens da Samsung. Vai ver os resultados da Samsung, lá verás as margens e as receitas por divisão, lá verás o ridículo do teu comentário sobre TVs, cuja divisão (electrónica de consumo) há anos que tem receitas e margens significativamente mais baixas que a divisão Mobile.

      • sómaisum says:

        Suponho que devas trabalhar.. Supondo isso, suponho também que cobras apenas os custos que tens para desenvolver algo, sem margem de lucro para ti.
        És um ser humano 5* !

        • Alpha says:

          Mas quem falou em não ter margem de lucro?
          O que eu te digo é que tenho de trabalhar para ter dinheiro para ter as coisas e portanto quanto menos pagar de margens de lucro, marketing e outras coisas que não o produto em si que estou a comprar, melhor!

          • Portimão says:

            Oh homem, então gasta o teu dinheiro e deixa o dos outros.
            Eu gasto aquilo que eu quiser no que eu quiser.
            De acordo com as minhas exigências o iOS é o melhor sistema operativo mobile.
            Jamais usaria Android durante muito tempo.
            Se tu gostas, usa. Compra um Xiaomi de 100eur e sê feliz!

            Estás sempre a deitar bitaites em todos os artigos da Apple, já nem te consigo ler. És extremamente irritante! Não tens argumentos, só sabes mandar piadas pouco inteligentes e por vezes usas vocabulário limitado e palavras brejeiras.

            Deves ser o típico trolha que passa a vida a reclamar da vida, mas não faz nada para mudar.

            Ninguém te obriga a comprar o iPhone, nem a ti nem a ninguém. Se achas um absurdo o preço dele, as specs dele, etc e tal, não o compres. Simples.

            Se o iPhone não prestasse não era tão popular e os Youtubers especializados não o usavam. Ou achas que esses também os usam pelo pseudo status?

            É que és cansativo. Estás em todas. Criticas TUDO!

          • Alpha says:

            Oh homem, tu é que vieste meter o nariz na conversa alheia.
            Eu falei do meu dinheiro, não me meti no de ninguém, ao contrário de ti que me mandas gastar dinheiro em Xiaomis.
            Mando bitaites em vários artigos, como tu, sou livre de o fazer, como tu, irrito-te porque digo verdades que não podes nem sabes rebater, ao contrário de ti não faço presuncões sobre profissões/formação dos outros, mas se não gostas não comas, ninguém te obriga a ler e muito menos a responder.
            Não tenho nada contra os trolhas, antes pelo contrário, mas não é de facto a minha área, tenta outra vez.
            Eu disse que o iphone não prestava?
            Não precisas de te cansar, não leias e pronto, eu vou continuar a chatear os iFans, é verdade que isso me diverte, enquanto eles estiverem em todas, também vou (tentar) estar, vemo-nos lá!

          • Brasão SS says:

            Divertes-te a chatear os iFans? Acho que devias procurar tratamento psicólogico. Lol
            iHaters, como o costume.

      • Sujeito says:

        Caso contrário o produto não venderia. Resultado, ou pagarias muito mais para o ter ou nem sequer existia para adquirir.

  6. daiquiri says:

    Normal.
    Falta depois: custo de desenvolvimento, custo de markeeting, etc
    Mas mesmo assim é overpriced 🙂

  7. Pedro Santos says:

    Por tudo o que foi dito e referido, na minha opinião, o preço justo seria de +/- 500€. Não podemos comparar equipamentos tipo Iphone que sabemos alguns dos custos (material apenas) com outros modelos com android ou windows mobile. De certeza que telemóveis tipo Xiaomi que são vendidos ao cliente final por 200€ devem ficar com um preço de custo (material apenas) muito inferior … Como é óbvio ninguém trabalha para aquecer e a Xiaomi por exemplo tem que ter lucros também. As marcas chinesas estão em força no mercado hoje em dia, eu próprio estou a pensar em adquirir um Xiaomi este ano, mas, já trabalhei com Iphone e sei reconhecer um bom telemóvel. Na minha opinião, a Apple só peca hoje em dia pelas suas políticas .. tipo defeitos como o Line Bleeding que não assumem o problema, etc … À uns anos atrás era reconhecida como uma marca TOP tanto a nivel de assistência, updates, melhorias, inovação, etc … Hoje em dia acho que se tem vindo a degradar e a pensar mais no lucro e menos no cliente …

    • Alpha says:

      Por um lado, a diferença nos custos da maioria dos componentes é pequena entre as marcas, sendo que a origem até é muitas vezes a mesma, por outro lado ninguém consegue os lucros da Apple tendo em conta as unidades vendidas, ou seja, ninguém tem a mesma margem de lucro.

      • Trend says:

        Ninguém tem os lucros da Apple, mas isso não quer dizer que não tenham produtos à venda com margens de lucro semelhantes à Apple

        • Alpha says:

          Se a Xiaomi referida tiver levas o prémio!

        • Trend says:

          Dizes “ninguém tem”…

          • Alpha says:

            E é verdade o que eu disse.

          • Trend says:

            Meia-verdade. Samsung tem margens semelhantes com os seus topos de gama, mas não consegue os mesmos de lucros porque não consegue vender o mesmo número desses modelos que a Apple.

          • Alpha says:

            A Samsung não tem os lucros da Apple, não aldrabes.

          • Trend says:

            Alpha, o português está bastante claro:
            ” mas não consegue os mesmos de lucros…”

          • Alpha says:

            Na verdade, conseguir “os mesmos DE lucros” não é nada claro, claríssimo é: ” ninguém consegue os lucros da Apple “.

          • Alpha says:

            “Higher BOM costs for the iPhone 7 are more in line with Samsung smartphones, but Apple still maintains better margins”
            http://www.businesswire.com/news/home/20160920006782/en/iPhone-7-Materials-Costs-Higher-Previous-Versions

          • Trend says:

            Alpha, se o “de” te dificultava tanto a compreensão, sempre tinhas para ajudar:
            “Ninguém tem os lucros da Apple, mas”
            O ponto que levantei nunca foi os lucros da empresa, mas as margens de produtos.

            lol. Afinal parece que não serviu de nada o meu outro comentário:
            “Lá vão outra vez assumir que estes valores que saem cá para fora são os custos todos da Apple com o iPhone.”
            Para perceberes melhor repito a ideia, esses valores não são todos os custos da Apple com o fabrico e venda dos iPhones, não te dá a margem bruta de custos por aparelho.

          • Alpha says:

            Não são todos os custos da Apple nem da Samsung, não?
            A questão é que no Samsung pagas menos por essas “outras coisas”, que não são o telemóvel em si que estas a adquirir.

          • Trend says:

            Não, não são os custos reais de nenhuma das empresas, por isso não sabes o que é que custa cada aparelho a ser feito e vendido!
            Ainda não foste olhar para as margens brutas declaradas pela Samsung? Nos últimos tempos acabam por ser maiores do que as da Apple, por sinal coincidindo com o aumento das vendas dos topos de gama Galaxy. Uma parte considerável dessa margem da Samsung desaparece depois com “outras coisas” que não são do telemóvel, bem mais do que com a Apple.

  8. David Guerreiro says:

    A situação do preço não é bem entendida, mas mesmo assim compram iPhones às sacas cheias. O que faria se fosse bem entendida.

  9. Bruno says:

    Independentemente de ser Apple, samsung, Htc, LG, etc acho que o custo dos smartphones tem subido de forma descontrolada. Um smartphone por 800 ou 900€, no meu ponto de vista, é um absurdo.

  10. Olwska says:

    Sou sincera e gosto de iphone porque e lindo e funciona bem mas quando fui a fnac comprar um o proprio empregado me disse para ir para iphone 7 pois os androids dao muitos problemas e lumias para esquecer pois so fazem chamadas

    • José says:

      Os Lumias Só fazem chamadas?! Nunca deve ter tocado num! Eu tenho Lumia e um Iphone 6S como já aqui o disse, foi uma oferta de um familiar que mo ofereceu após uma doença grave, não sabia que eu usava WM. Conheço portanto ambos como as palmas da mão, aliás já conheço bem o IOS porque sempre tive cá em casa Ipad. Faço num, precisamente o que faço noutro! Faltam algumas apps no Lumia é certo, apesar de ter tudo o que é importante. Faltam algumas da moda a que pessoalmente não ligo alguma portanto para mim dá no mesmo. As da Google faltam porque esta empresa que está ostensivamente a sabotar sistema e, de algumas empresas portuguesas lideradas por botas de elástico! Mas tenho nas mãos um smartphone não um “appphone”! Faz operações que os outros não fazem como a sincronia perfeita entre as contas do pc e o telemóvel a um nível fabuloso. Para trabalhar ainda não vi melhor, por mais que digam isto e aquilo! Você não sabe usar um smartphone, quer tudo dado e sem pensar muito, basta carregar na app. E digo-lhe mais, estou em processo de mudar o meu excelente Lumia 830, para o ainda melhor 950 com a doca para usar o como um pc para evitar andar com um portátil. Indique um outro que faça o mesmo? Ah e são “lindos”. No meu Iphone sempre posso jogar o Pokémon Go, o problema é nunca ter gostado dos jogos da Nitendo e como tal, não perco tempo com isso.

    • altamente says:

      Isso so demonstra a qualidade de atendimento na Fnac (percebem tanto do que estão a fazer\vender, como eu de aviões).

    • Portimão says:

      Isto é a típica tentativa de criar confusão. Esta criatura não é mulher e muito menos foi à Fnac.
      Já vi estas criticas desta pessoa (mas com nicks diferentes) muitas vezes.

  11. qeryy says:

    E a camera é assim tao barata? Para não falar na bateria.

  12. BM says:

    Só compra quem quer e quem pode..eu queria mas não posso comprar um desses então fico a olhar.. para o “ferrari” na mãos dos outros 😉

    • Blackbit says:

      Não perdes nada, acredita…

    • Alpha says:

      Isso é mentira. Para além de 800 euros não serem nenhuma fortuna, não faltam facilidades de financiamento, por isso só não tem quem não quer. Lamento, mas ter um iphone, ao contrário de ter um Ferrari não quer dizer nada.

      • Oblivion says:

        Fazer um financiamento para um telemovel? Bem, são prioridades…

        • Alpha says:

          Nunca viste publicidade disso? Achas que são poucos os que o fazem?

          • Oblivion says:

            Claro que vejo. Fiquei foi espantado por teres insinuado que se o BM quer assim tanto o tele, basta fazer um financiamento. Simples e eficaz. “só não tem quem não quer”
            Eu não partilho da tua opinião. Para mim financiamento só existe para 2/3 coisas: Carro, Casa ou alguma emergência em termos de saúde, etc.. Não para comprar telemóveis, ou aquela televisão que dá uma imagem brutal.

          • Alpha says:

            Ainda só recorri para a casa, mas se houvesse alguma coisa que eu quisesse mesmo, porque não? Muitas vezes nem cobram juros.
            A verdade é que só não tem quem não quer, seja por não gostar ou por não querer comprar a prestações ou ainda com aqueles planos das operadoras, mas é só querer. Em todo o caso, quem é que hoje em dia não tem 800 euros?! O BM tem e até já deu ou vai dar pelo iphone, mas gosta de pensar que há muita gente que não consegue, que ele faz parte de uma elite, como quem tem a possibilidade de comprar/manter um Ferrari.

        • LR says:

          Claro que fazem! Qual é a dúvida? E se não conseguem pela operadora, lá entra o cartão de crédito, nem que depois andem a comer atum e iogurtes todo o mês. Mas, antes que me crucifiquem, não é exclusivo de iPhones, é válido para todas as marcas e sistemas.
          E assim vai indo este cantinho à baira mar plantado: sem dinheiro para o mais básico, mas com smartphones de topo a rodos…

          • Alpha says:

            Assisti a um pai na loja da Nos a dizer que gostava de subscrever um pacote com Internet “para o filho, para a escola”, mas não tinha dinheiro para isso, e a seguir subscreve a sport tv… viva o tuga!

        • Portimão says:

          E depois? Uma pessoa por ter menos posses não tem o direito de ter uma boa televisão ou um bom smartphone? A vida é só trabalhar e pagar contas?
          Qual é o problema pagar 30eur mensais (que por vezes gastamos desnecessariamente em outras coisas) e ter uma boa TV para ver uns bons filmes em família ao fim do dia?
          Ou pagar 20eur mensais para ter um bom smartphone (para quem adora tecnologia é uma alegria, pois dão mais atenção aos produtos tecnológicos que as pessoas comuns). Ou pagar 20eur por mês para ter um computador.

          Desde que esses valores não interfira em nada nas suas vidas qual é o problema? Que mentes paradas, achar que só se pode usar créditos para casas e carros.

          Ou vocês são aquelas pessoas antigas que têm de comprar tudo à mão e se não tiverem não compram nada e não usufruem de nada (bens materiais não trazem felicidade, mas ajudam), ou estão habituados a ter tudo de mão beijada e acham que quem tem menos posses não tem direito a usufruir das coisas que gostam/adoravam ter.

  13. Manuel says:

    A estrutura por isso 22 dólares, se é assim tão barato porque é que as outras marcas não usam este tipo de estrutura… enfim… por 22 dólares deve ser a anodizacao ainda falta mais o alumínio e a fresagem.

  14. Someone says:

    Made in China just saying, custo de mão de obra mais barato, componentes estão dentro do valor apresentado , justifica o restante valor em falta para OS ? Na Apple estes preços são normais, mas a culpa não é só da Apple a diferença dos mercados também conta.

    • Portimão says:

      Os Samsugs s7 e Note 7 custam 100eur, não é?
      São desenvolvidos na América, não é?
      Pagam o desenvolvimento do Android, porque o Android foi criado pela Samsung, não é?

      Se tu tivesses uma empresa e gastasses 10eur a produzir um par de sapatos irias vendê-los a 10eur e 1cêntimo, não é?

      São perguntas retóricas, não são para responder. É para te deixar a pensar nas parvoices que se dizem sem pensar.

  15. Jakim says:

    Se a apple marca os seus equipamentos aos preços que marca, é porque há mercado para eles…tanto quanto se sabe, vendem-se que nem pãezinhos quentes!

  16. Ricardo says:

    Pahhhh. Deixa me rir…
    Nunca me tinha rido tanto logo pela manhã.
    Não trabalhes não moço. O iPhone fala por ti, da miminhos por ti, da beijos, faz tudo. É muito status!
    Voltando ao tópico, ainda me lembro de pagar 599 euros pelo iphone 3g desbloqueado.
    E não venham com a tanga que os componentes são melhores e por isso é mais caro. Também sai modelos novos de de carro e eles não sai mais caros, o antigo é que baixa de preço, sempre funcionou assim o mercado. Ah e os custos de desenvolvimento este ano deve ter sido muito baixo, porque diferenças e inovações , são poucas. Ou seja, não se admirem mais lucros este ano.

  17. Ricardo says:

    Bem, assumindo que a Apple paga a engenheiros que dão a carola para inovar, até que não me parece nenhum exagero!
    O que se torna caro, é marcas que dão apenas chineses para copiar o que a a Apple inova, e fazem esses produtos pelo mesmo valor… Assim geram dinheiro fácil, não tem de pagar aos engenheiros… quem diz engenheiros diz gestores, directores de designes etc…

    • PMS says:

      Concordaria com isto tudo há 5 anos atrás… mas tendo em conta a inovação dos últimos anos…

      • FAB says:

        Olha a concorrência, é sempre a mesma coisa todos os anos. Em tudo, ainda andam com cartões SD…

        Mas mudam o exterior, e lá vai o tuga pôr mais água no leite em pó do puto para comprar um…

        • Alpha says:

          Não ter tecnologia, como cartão sd ou jack 3.5, não é inovar. Os outros têm isso mais memória interna e audio sem fios como o iPhone, inovação, zero!

    • Ze says:

      “assumindo que a Apple paga a engenheiros que dão a carola para inovar”, a Apple não inova em nada desde que “inovou” (e está entre aspas porque nem essa tecnologia foi desenvolvida por eles) na utilização dos dedos no ecrân tactil do telemóvel. A partir dai, a única inovação que fez foi ir ao stock dos fabricantes de componentes escolher o que lhe parece que vá agradar aos seus clientes e juntar tudo dentro uma carcaça. A Apple é que vai aos Chineses e Coreanos comprar o que eles inovam e não o inverso. Depois, altera-se um bocado o código do OS, que já está escrito à anos, espeta-se mais umas features e resolve-se uns bugs e depois é toma lá a bucha, que este modelo novo é que é bom.
      O preço alto é para pagar os custos da nova sede e encher os bolsos dos accionistas.

      • Luis says:

        Vê-se mesmo que percebes do assunto 🙂

        O novo SoC A10 deve ser uma mutação do A9, e o código deve replicar-se e criar funcionalidades por simpatia 😉

      • Portimão says:

        Sensor biométrico, ecrã capacitivo, loja de aplicações, 3D Touch, assistente virtual…
        Tens a certeza que o iPhone nunca inovou? LOL

        Se não fosse o iPhone nem tinhas Google Now, nem a Playstore, nem ecrã capacitivo, nem o sensorzinho que está por detrás do teu Android.

  18. ICavalera says:

    Precisas dum iPhone para ser um lady’s man?

    Lolol… Então és de fraca personalidade.

  19. Francisco says:

    E quanto custa produzir os componentes para o iPhone7?

  20. MyBad says:

    Será possível comprar estes componentes, montá-los e por o aparelho a funcionar?

    • khidreal says:

      ser possivel é… agora legal e facil já não tenho a certeza… não precisas de muito, basta que a parte exterior seja parecida ao iphone e já está. metes um processador, ram e assim que te agrade e tá feito, por metade do preço do iphone tens um telemovel com componentes mais potentes que o proprio iphone, já que o teu não envolve custos de pesquisa, manutenção e não tens que pagar ordenados. instalas uma rom de android, skin de iphone e tá feito, tens o teu iphone.

    • Hugo says:

      É possível…a prova disso é o iphone 7 LOL wtf!

      • Ze says:

        AHHAHAHAAHAHAH xD

      • Trend says:

        Há componentes que não estão há venda, são da Apple, só se obtêm em produtos da Apple ou em peças de reparação. Alguns outros componentes são segundo especificações da Apple.
        Há funcionalidades que requerem que a instalação seja feita por alguém credenciado, pois requer software assinado pela Apple.

        • Hugo says:

          Ele perguntou se era possível. Eu respondi e ainda dei uma prova. Se é fácil ou não isso é outra questão lol

        • Luis says:

          @Trend, tecnicamente a resposta do Hugo está certa… na prática só a Apple terá capacidade para o fazer.

          • Trend says:

            Tecnicamente está errada, há componentes no iPhone que não são comprados, pois são obtidos via contractos de fabrico de propriedade intelectual da Apple, isto é, tecnicamente foram sempre propriedade da Apple, nunca em nenhuma altura foram propriedade de outrem.

          • Luis says:

            Tecnicamente são comprados na mesma, numa optica de subcontratação. Ou seja, há encomenda de compra, e factura de venda 🙂

          • Trend says:

            Luis, não! Tecnicamente é um contrato de empreitada, não de compra. Nem faz sentido falar em subcontratação. Há um contracto directo entre a Apple e a TSMC, como exemplo.
            Compra aplica-se a aquisição de bens, implica uma transacção com mudança de proprietário desse bem. Os processadores desenvolvidos pela Apple nunca foram propriedade de outrem.
            Mas há outros componentes que são fornecidos via contractos de compra e venda.

          • Luis says:

            @Trend, ignorando a ironia do Hugo que neste caso até teve piada, digo eu…

            Independentemente de ser empreitada, subcontratação, ou lá o que lhe queiras chamar, da parte da Apple haverá sempre uma encomenda para o fornecimento de X componentes por parte dos diversos fabricantes, logo será uma compra porque a Apple irá (digo eu) pagar aos seus fornecedores. Esses componentes serão por sua vez transportados para um outro fornecedor que irá fazer a montagem dos componentes e fornecer um produto acabado para a Apple vender através dos seus canais de distribuição. Novamente haverá encomenda de X unidades que a Apple pagará por eles. Uma compra corresponde à aquisição de bens OU serviços.
            Quando dizes que os processadores desenvolvidos pela Apple nunca foram propriedade da Apple isso não é bem assim… Estou convencido que nos acordos para a produção dos processadores haverá grandes penalizações caso o que saia da linha não vá para a Apple, mas até saírem das instalações do fornecedor, o stock é propriedade do fornecedor, a menos que a fábrica seja propriedade da Apple o que julgo não ser o caso na maioria dos componentes 😉

          • Trend says:

            Luis, vamos lá ver se nos entendemos. Se vens com “tecnicamentes”, tens que saber o que “comprar” tecnicamente significa.
            “Comprar” não se aplica a qualquer pagamento a alguém por um contracto qualquer, comprar é adquirir um bem de outrem numa transacção entre as partes. Tecnicamente comprar é uma coisa, empreitada é outra, etc. Procura por legislação para perceberes as diferenças.
            “Quando dizes que os processadores desenvolvidos pela Apple nunca foram propriedade da Apple isso não é bem assim… ”
            :S nunca disse tal coisa, disse exactamente o oposto. Os processadores desenvolvidos pela Apple nunca foram propriedade de outros, pois foram feitos com base em propriedade intelectual da Apple. Lê o que é uma empreitada, para perceberes as obrigações de cada um. Não interessa de quem são as instalações onde foram feitos.

        • Hugo says:

          Tecnicamente isso não interessa nada 😛
          Começando do inicio:
          A pergunta do rapaz foi clara “Será possível comprar estes componentes, montá-los e por o aparelho a funcionar?”. Daqui, penso eu, que se subentende que ele se refere a comprar componentes iguais ou semelhantes e montá-los de forma a obter um dispositivo parecido com o iphone.
          Acho que ninguém aqui supôs que a ideia era ter um iphone 7 a funcionar e já agora com número de série e acesso à store.
          Apenas respondi ironicamente e ao referir iphone 7 como exemplo talvez tenha saído do contexto, assumo..
          Se a pergunta inicial já não fazia muito sentido o resto da conversa não ficou melhor.
          Não compreendo esta vossa obsessão com a constante busca de razão :S

  21. Bruno says:

    Tudo bem que o preço de venda ao consumidor seja um pouco exagerado. Mas vamos pensar que, como mencionado acima por outras pessoas, há ainda mais custos associados à produção dos mesmos equipamentos, não se paga só o material às fábricas, paga-se pela produção e montagem dos mesmos (como em qualquer artigo hoje em dia). Para não falar que todas as marcas lucram essas quantias exageradas por qualquer equipamento, e mesmo assim ninguém faz comentários às mesmas. As marcas que ainda não praticam desses preços, posteriormente passam a praticar, pois só estão a ganhar conhecimento e a confiança do consumidor!

  22. Hugo says:

    lol haja boa disposição 🙂

  23. PMS says:

    LOL . Uma frase assim tinha de vir de um “Bruno de Carvalho” 🙂

  24. José says:

    Eu acho o contrário. Considero o phone um telemóvel para mulheres pois a maioria não gostam de perder tempo com detalhes informáticos ou técnicos! E sabemos como sao com as modas, uma tara autentica! A minha mulher, sempre que pode prefere usar o meu Iphone, porque não lhe dou grande uso, apesar de ter Lumia, gradualmente ç, desde que o recebi tem feito dela . Faz precisamente no outro, ver e-mails, tirar fotos e chamadas! Elas têm uma atracção pelo aparelho que não consigo explicar.

  25. João says:

    Até podia custar 1€ a produzir! Se existe procura e as vendas não são afectadas com a práticas de preços de 900€ é natural que eles pratiquem estas margens… Na realidade não sabemos que margens são, custos com material são uma ínfima parte de toda a estrutura de custos de produção&desenvolvimento, para não falar de outros custos. Penso que a discussão aqui é sabermos os preços dos componentes e não falarmos de margens brutas e outras, caso contrario devia ser feita uma comparação com outras marcas e tipologias de produto vs margens.

  26. MLopes says:

    Estão a esquecer um pormenor de grande importância. Eu tenho um iPhone 5s, que por qualquer motivo, caiu e empenou, tendo descolado o vidro num dos cantos, Fui a um representante a Apple, e uma semana depois ligaram-me para ir levantar um telefone novo. Não esquecer que o telefone danificado tinha três anos. Concluindo: a qualidade e o serviço paga-se.

    • Hugo says:

      Tenho ouvido muitas histórias dessas, mas as que realmente vi têm sempre um desfecho diferente.
      Uma delas foi um iphone 6 com 3 dias, um puto deixou-o cair de bicicleta e parti-se pelo menos o ecra (não sei se estragou mais alguma coisa). Ou a senhora não se soube mexer ou não sei, mas a Apple pôs-se de fora, e bem na minha opinião.

      • Portimão says:

        A “””Apple”””.
        A mesma “””Apple””” que também rejeita os smartphones por terem riscos?

        Trocando por miudos: As operadoras muitas vezes não aceitam enviar os smartphones para reparação alegando que a Apple não aceita iPhones partidos ou com riscos, o que é uma perfeita mentira.

        Se querem enviar os iPhones para reparação, enviem em agentes autorizados (todos menos a PCClinic, que é um inferno).

        No Porto: Oficina dos Neurónios (ao pé da casa da música), em Lisboa: Tou aki tou aí, e no Algarve: Newteq, em Lagoa.

        Os agentes autorizados enviam diretamente para a Apple. Não fazem perguntas, não metem entraves.
        Sobretudo NÃO CONFIEM NA OPERADORAS!

        • Portimão says:

          As operadoras ou outros retalhistas.
          Nestes casos, contatem diretamente com a Apple. Seja em lojas autorizadas ou nas próprias Apple Stores (que não há em Portugal ainda).

      • Flavio says:

        A garantia mao cobre ecra partido. Para isso tens seguros. O MLopes provavelmente conseguiu fazer lhes pensar (mesmo que nao intencionalmente) que tinha sido um dano do produto pelo uso e nao pela queda, porque o ecra saiu do sitio, e ai sim a garantia cobra. E existe uma lei europeia que a apple tem que respeitar aqui. So nao sei quantos anos sao. Agora ecra partido nenhuma companhia sequer cobre na sua garantia. Por isso existem os seguros.

  27. Betânia says:

    Souu brasileiro e aqui o de 128gb custa R$4799,18 um absurdo

  28. diogo says:

    Meninos da apple chega de justificações parvas e irracionais. Quais são os lucros anuais da apple? milhoes e mais milhoes de lucro todos os anos, e ainda por cima arranjam esquemas para não pagarem impostos (1% ou 0.005% de IRC não é nada). abram os olhos.
    Estão se a esquecer que a apple compra muitas unidades, e compra a preços bem mais baixos do que estão aqui referidos.

  29. Alpha says:

    Eheheh! O problema é que o iphone é telemóvel de gaja, se te virem com um vão achar é que és larilas.

    • Portimão says:

      Lá está. Brejeiro.
      “Gaja”, só um sem nível como tu para ter este tipo de comentários.
      Dois preconceitos num só comentário. De homossexualidade e de género.

  30. ICavalera says:

    Acho que não interessa está discussão a nada… Todas as empresas precisam de gerar lucro.

    Na empresa onde trabalho, o produto e vendido ao kg a um preço barato até. Mas como fazemos as toneladas por dias, estudos para que o produto seja do agrado dos clientes e até mesmo na procura de novas soluções… Mas no fim e preciso lucro. E não esquecer todos os custos que a empresa tem desde a energia aos trabalhadores.

    Ninguém se mete num negócio por desporto. Mas sim para ganhar dinheiro. A meu ver além de não ter iPhone, admiro o equipamento em si, podem até achar um pouco mais caro do que poderia ser, mas isso é porque eles conseguiram criar uma máquina de marketing que sabe vender bem o seu produto.

    Uns melhores outros piores. Nós e que os alimentamos, nos que damos os lucros a eles. Acho estas discussões sem nexo.

  31. censo says:

    Sabem quanto custa um café ao vendedor? O negocio da Apple é igual!

    • Trend says:

      Os processadores crescem em arbustos? é bom saber

      • IT Consultant says:

        o censo só referiu a diferença entre o preço de compra e o preço de venda. Eu posso comprar um produto e vende-lo ao preço que quiser…desde que haja quem compre!

        • Trend says:

          Mas o negócio da Apple não é comprar para depois vender. Há coisas materiais e imateriais no iPhone que não vêm de nenhuma compra, não estão à venda para outros comprarem igual e usarem. Os processadores da Apple, como exemplo, não “crescem em arbustos”.

          • censo says:

            Já que pões a “coisa” nesses termos e pegando no meu comentário : em vez do vendedor de café, põe lá o produtor/transformador/embalador que o põe nos cafes, restaurantes e afins. Achas que esse perde dinheiro ? Então agora digo-te : no vendedor de café, uma pastelaria, um restaurante, o que seja, um saco de café paga 7 ou 8. Se o vendedor ganha e se o produtor/embalador ganha, imagina tu as margens do negócio do café. Com a Apple é a mesma coisa. As margens são demasiado elevadas. Percebeste ?

          • Trend says:

            censo, o que tu não percebeste é que ao contrário de todos esses intermediários que compram e vendem mercadorias sem diferenciação do que outros conseguem fornecer, o que a Apple vende não é um produto indiferenciado que qualquer um podia fazer e vender.
            Agora indica lá que margem é que achas que a Apple tem.

          • FAB says:

            Quer dizer, tu achas que a Apple ia estar com esse trabalho todo de produzir, embalar, transformar, transportar, ter a loja, tratar dos clientes, servir os cafés, etc.

            E no fim, não ia ter lucro nenhum com isso? Ia servir o café mais barato que os outros ao lado que só abriram uma loja?

            Isso é completamente ingénuo, só quem não tem noção de nada é que pode dizer uma coisa dessas!

            Além disso, se tu vais a fazer isso, o café antes de ser vendido ao cliente, custa-te mais, porque tu só tens 15% de mercado.

            Já a Segafredo, etc. fazem chegar o café aos comerciantes mais barato que se fossem os comerciantes a produzir, porque eles têm muito mais poder negocial, e conseguem o café à tonelada muito mais barato porque compram muito mais toneladas!

            A Apple faz os seus processadores, não é porque lhes fica mais barato, mas para ter coisas que mais ninguém tem.

            Já coisas como RAM, é tudo igual, não faz diferença final, não vai arranjar fazer muito melhor, logo, compra a alguém já feitas…

      • On says:

        Que eu saiba, as outras marcas também utilizam CPU’s 😉

      • censo says:

        Pois, tu não percebeste.

        • Trend says:

          Percebi perfeitamente, percebi na maneira que tentaste descrever no outro comentário. Tu é que não percebeste onde falha o teu paralelismo e como é que não há “processadores crescem em arbustos”.

  32. Luis says:

    A discrepância de valores é fácil de explicar, vai para o controlo de qualidade da Apple. Infelizmente, desde que o Steve Jobs faleceu, este controlo tem sido menos eficaz.

  33. IT Consultant says:

    Mais um post igual…ora bem…vamos no iphone 7, por isso deve ser, no mínimo o 7º post clonado, mudando apenas o valor do fabrico.

    Quem quer que pague.

  34. Luis says:

    Tenho iPhone à uns bons anos e se há coisa que me tira do sério é atribuírem status a quem tem um iPhone. Vou tentar explicar uma coisa devagar….

    iPhone é um smartphone, nada mais!!!!!!

    Claro que é bom, tem muitas funcionalidade, e para mim tem um SO bem melhor que a concorrência, mas na prática, é um smartphone. É assim tão complicado???

    Quanto ao resto dos comentários que estão aí para cima, que é overpriced, bla bla bla, não querem não comprem. A estratégia da Apple passa por ter 30% +- de margem com cada equipamento vendido, e se o conseguem melhor para eles. As outras marcas ou tem pouca margem ou tem margens negativas, o que a medio/longo prazo significa que ou fecham a produção ou vão à falência! Pelos comentários parece que é crime comprar um iPhone… Ainda estou para ver quando vão terminar certos comentários infantis!

  35. Sergio says:

    Se nos basearmos na percentagem de 39%, ok não estamos a falar do um exagero de preço final, porque qualquer pessoa minimamente entendida em negócios, sabe enumerar imensos custos adjacentes.

    Mas, e tal como falei noutro artigo, acho que os valores de custo são mais baixos, porque uma empresa como a Apple tem o poder e capacidade de ir muito mais além do que qualquer estudo.

    Isto não é a CNN, chegar a alguns fabricantes, e perguntar quanto custa esta peça em especifico, produzida em serie? – Custa 12€.
    Estamos a falar de uma das maiores empresas de tecnologia de sempre, que já chega aos seus parceiros e diz.. ” Nos temos conhecimentos que a matéria prima é X, por norma custaria 12, mas nós vamos produzir dezenas de milhões disto, e temos outros interessados.. É possível ter a peça a 8€? ” – Sim, mestre maça, vendemos-lhe a 8€ mais uma taça de arroz.

    Como é óbvio, o meu exemplo também é um pouco na brincadeira, mas no mundo real não anda muito longe disto. Nunca usei qualquer coisa da Apple, mas o aspecto em si é muito aptecivel, se algum deixar de usar WP, estará nas minhas primeiras escolhas.

  36. Douglas Ferreira says:

    Não dá para avaliar o custo de um produto apenas pelo valor de compra das peças!

    Tem que levar em conta toda a despesa durante a fase de desenvolvimento, que não sai barato. Aí vem a despesa com marketing, logística etc.

    Além disso, tem toda a despesa de manutenção e correção de bugs do sistema, a manutenção dos serviços on line.

  37. diogo says:

    A apple deve ter acordos especiais para a compra dos componentes. Esses acordos foram negociados pela apple ao limite, pois a empresa compra logo aos milhares. Acordos que tem como tem com o governo e estado da irlanda onde praticamente não pagam impostos.
    A apple é muito boa a fazer esses acordos. e acreditem que deve ter grandes acordos com esses fabricantes.

    • Trend says:

      Claro que tem acordos especiais, mas daí a concluíres que os preços são bem mais baixos do que estes vai um grande salto, pois nem sequer sabes quais são os preços não especiais. Agora faz lá as contas…

  38. Tony says:

    Marketing ainda vá que não vá. Agora a investigação? Os iPhones tem sido uma evolução, portanto não me venham de dizer que perderam tanto tempo em investigação neste iPhone como nas 4 primeiras versões.

  39. ding-doing says:

    Gastei 889 euros e não explodiu…!!!! Estou a explodir eu de satisfação. O resto é dor de cotovelo, pedantismo e ignorância.

  40. Ricardo says:

    Entretanto já fizeram jailbreak ao sistema mais seguro de sempre. Um dos jailbreaks mais rápidos. Para quem quiser fazer jailbreak ao iPhone 7 já pode.

  41. FAB says:

    Quando tinha Android, só as peixeiras me respondiam, não sabia o que se passava. Agora que tenho iPhone, as gajas vêm logo que tenho iMessage e é só mandar vir.

  42. FeMeireles says:

    Outra vez arroz!!!

    Todos o anos a mesma lenga lenga com os custos dos componentes vs preço final!

    E todos os anos os mesmos argumentos de ambas as partes…

    O preço está lá, quem quer e pode compra.
    Quem não quer ou quer mas não pode…. arreia.

    Alguma vez se viu a Apple deixar de vender porque o produto teve um custo de fabrico de 300 e vendeu por 900!?!?

    Adiante que há muito peixe no mar!

  43. sakura says:

    Se ate na ecotaxa a apple foge aos impostos….
    De etica não tem nada é mesmo uma fabrica de dinheiro, e esta no mercado par isso mesmo.

    “”os burros são os que se deixam roubar…””
    https://en.wikipedia.org/wiki/Ecotax

  44. sakura says:

    ha…ha… vai ver a declaração de rendimentos da apple.es não so paga zero e mais o estado espanhõl deve dinheiro a apple…. lol.
    quem paga o IVA é o cliente não a apple.

    • Trend says:

      A Apple Espanha fabrica os aparelhos?
      O Estado espanhol não deve qualquer dinheiro à Apple, créditos fiscais não tem nada a ver com dívida.
      O cliente vai pagar IVA às finanças? Ou paga no acto de compra na loja, sendo a loja a ter que dar o dinheiro às finanças?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.