PplWare Mobile

iPad chegou há 10 anos e mudou o mundo


Autor: Vítor M.


  1. Hélder Ribeiro says:

    Uso desde há vários anos como POS. Uso-os também como montras na agência e duram duram…

  2. Bruno Mota says:

    360 milhões já parece um número realista PPLWARE.
    250 mil milhões era impossível.
    Bem hajam, boa tarde

  3. Vasco Silva says:

    O iPad é aquele gadget que anteriormente não me dizia nada, era supérfluo e desnecessário – até ter adquirido um.
    Uso iPad mini há uma carrada de anos, e não o troco por absolutamente nada. Sem dúvida uma das melhores coisas que alguma vez tive o prazer de adquirir. Portabilidade, e rapidez. 5*

    • Fernando Real says:

      Eu usava um netbook nessa altura para a minha vida profissional. Depois de aparecer o iPad, praí em 2015 comprei um Air e desde estão nunca mais precisei de um computador.

      Nem imaginam como foi importante na altura a paagem.

  4. Nuno says:

    E passado uns anos acabou com a concorrência do android nos tablets , devido ao incrivel custo benefício que eles têm.

    • Vítor M. says:

      A Google nunca conseguiu desenhar um sistema operativo dedicado aos tablets e estes, embora com excelente hardware, nunca tiveram à altura do iPad. Mas não foi por falta de hardware.

    • Renato Nismo says:

      eu não percebo porque é que o mercado de tablets androids é a maior porcaria em specs e preços.. já vi tablets samsungs na casa dos 500€ e os specs são de uns anos atrás….
      só o único que se safa é o mi pad 4 que se arranja menos de 200€ e faz mais coisas ainda.

  5. Pedro S says:

    Com porta usb-c, safari desktop, uma app ficheiros decente, IpadOs, e apps para ipad com mta qualidade, já olho para o ipad pro com outros olhos…

    • iDroid says:

      +1
      Sem esquecer a apple pencil, que muitos diziam que era desnecessária, mas para desenhar está acima de qualquer outra marca, inclusivé Wacom.

        • iDroid says:

          Eu tenho uma mesa wacom PTK-440, e garanto-te que o apple pencil com um ipad pro é melhor em erros de paralaxe e responsividade (lag). Apenas fica a dever nativamente para as mesas wacom no quesito botões físicos para shortcuts.

          • Malamen says:

            Por acaso trabalho numa empresa de software que tira partido do Side-Car no MacOS Catalina. Tanto como espelho como expansão. É um software CAD e deixa-me dizer-te que a diferença é enorme entre usar o apple pencil e a caneta Wacom. A mesa que estou a usar neste preciso momento é uma PTH-651 mas posso-te dizer que se vê a mesma diferença seja qual for a mesa que utilize… Mesmo utilizando a minha pequena CTL-672 a diferença é abismal… e o principal problema é exatamente aquilo que dizes que o apple pencil faz melhor…

      • Vítor M. says:

        Não afirmo que é melhor que alguns dispositivos profissionais, porque não testei nesse âmbito, mas que é muito boa a desenhar, lá isso é.

  6. arnaldo says:

    Vim pelos comentários.

  7. xoninhas says:

    Bom gadget, mas “mudou o mundo” ?

    • Vítor M. says:

      Sim, até porque desde então, tecnologias como o Flash desapareceram, software mal conseguido desapareceu, as lojas de apps tornaram-se fundamentais, novas formas de desenhar a internet foram obrigadas a aparecer e vários dispositivos, como o netbooks, praticamente desapareceram. Como tal, grande parte dessas melhorias, alterações e novidades influenciaram muito a vida das pessoas desde então. Numas foi quem obrigou a mudar, noutras foi um dos meios.

      Em muitos casos, mais nos Estados Unidos, mudou mesmo a força como se usa um livro nas escolas.

  8. Fabio says:

    Não troco o meu surface pelo iPad…

    • O Justiceiro says:

      O Surface tem tanto de tablet como o meu carro tem de navio.
      É um computador grosso com ecrã tátil e um sistema operativo com problemas de identidade. Simples.

  9. Joao pequeno says:

    A notícia está incorrecta, a primeira empresa a colocar um dispositivo destes no mercado (tablet) foi a ARCHOS e assim criou esta categoria e não a apple.

    • Vítor M. says:

      Não. O que a marca tinha era o ARCHOS 5 com android 1.5, ecrã de 5 polegadas, salvo erro, e que era mais um PDA, tinha um ecrã capacitivo sem multitoque. Tipicamente um PDA. Nessa área a Apple em 93 já tinha o Newton.

  10. King Banido says:

    Nao tenho um, porque nao vejo necessidade alguma em ter, mas para ter um tablet é sem duvida um Ipad.

    O Surface é uma ideia muito gira, mas aquilo não é um Tablet, é apenas um PC mas mais portatil que um portatil, fora que por ser um OS diferente, com versão tablet e versão desktop, aquilo come recursos que nem um louco.

  11. Jorge Pinto says:

    Concordo que os tablets com android não tenham um sistema operativo tão bem conseguido. Mas se não fosse o Android a permitir fabricar equipamentos a um preço muito mais reduzido, muito boa gente nunca teria um tablet.
    Apple tem qualidade, mas nunca vai abdicar do lema “money for status”. E de imaginar que na sua origem se queriam “colar” ao movimento hippie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.