Quantcast
PplWare Mobile

TeamGroup lança um SSD com maior durabilidade para minerar Chia

                                    
                                

Fonte: TeamGroup

Autor: Marisa Pinto


  1. Rrrr says:

    Porquê tantos artigos sobre Chia?
    O que é? Que inovação traz? Para que serve?

    • Atento says:

      A diferença mais visível está na energia consumida para “minerar”/manter o sistema.
      Sugiro a leitura sobre “proof of work” (Bitcoin) e “proof of space and time” (Chia).

    • Miguel says:

      Não traz nenhuma invenção, o propósito é ganhar dinheiro.
      O seu criador já fez mais do que uma criptomoeda, sabe que para uma moeda crescer precisa do buzzz (média) criou a história dos discos e os média engoliram 🙂

      • Atento says:

        Sim, efectivamente essa também é a minha opinião.
        De referir que esse «ganho» de dinheiro é especulativo e não regulado, sendo que a regulação é o que protege quem aposta a longo prazo.
        Eu era capaz de descrever o atual fenómeno das criptomoedas como uma espécie de febre de bolsa com derivados misturada com um pouco de esquema de Ponzi.
        Nota: Sou defensor da tecnologia de blockchain, que não deve ser confundida com as criptomoedas …

        • Rrrrrrr says:

          ando por dentro de algumas moedas. E concedo que algumas delas realmente trazem valor e inovacao… Mas sao tantas que ha sempre alternativas para alternativas…

          sem querer fazer publicidade e ate pk nao tenho, ha (pelo menos) uma na qual a transferencia é instantanea ou muito perto disso, tem zero fees e nao precisa de ser minerada… logo tem zero impacto energetico.

          Como ha essa, existem outras…

          ainda assim, acho que o problema da electricidade é um nao problema.. Ok, que a mineracao tem um peso elevado, mas nao tanto como se fala. Especialmente por ser uma area de tecnologia e inovacao, ha sempre margem de melhoramento

    • gian says:

      ajuda muito, se der certo essa moeda, vai largar o mercado de placas de video, e o pessoal que reclamava das placas de video vão poder comprar as placas sempre que uma geração nova lançar

  2. palerma says:

    Deveriam era regular esta m3#€a da minerar porque está insuportável conseguir-se adquirir material informático seja para fins educativos seja para fins profissionais.
    A não ser que comece a existir equipamento exclusivo para os mineiros de pouca profundidade, e que todo o resto seja impossível “desbloquear” para esse fim.

  3. Atento says:

    Vai ser agora que vamos ver “SSDs” com memória volátil especialmente para tratar os plots de chia.

  4. Samuel MG says:

    Mineram agora e ganham criptomoedas chia 6 anos depois!! São mesmo parvos!!

    • O dito parvo says:

      Parvos? Minerei uns dias, investimento de 400€ e ganhei um bloco com 2 XCH. Valem neste momento 600€ cada uma. Não vendo porque acho que ainda vai valer bem mais. Entre eu e você, quem é o parvo?

  5. Flores says:

    Se fossem trabalhar para as minas é que era. ver o que é bom

  6. Piwi says:

    Muito fala quem pouco sabe.
    Entrei no “farming” (é este o termo correto para esta moeda) porque entendo que, ao contrário de todas as moedas com algoritmo “proof-of-work” (Bitcoin e o grande maioria delas), esta não exige que sejam gastos milhares em energia. O necessário para “farmar” a moeda é ter espaço de armazenamento. Os SSDs “consumer grade” não interessam para esta moeda porque se esgotam rapidamente (os tais TBW). Portanto, não serão os preços destes a variar. Eventualmente, o que variará são os SSDs “enterprise grade” que permitem muito mais operações de escrita.
    Comecei a “farmar” com um Intel Quad Core Q6600, com 2 HDD de 6TB, ainda antes da “mainnet” ser lançada (finais de Março). Já consegui “farmar” 6 XCH e vou vender 2 XCH e comprar um PC novo para o efeito.
    A haverem aumentos de preços será no hardware “enterprise grade” porque esse sim, está preparado para muitas operações e não nas placas gráficas, ou mesmo nos SSDs “consumer grade”, pois usá-los para criar “plots” é deitar dinheiro fora. Por isso é que a durabilidade destes SSDs é tão grande.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.