Quantcast
PplWare Mobile

Galaxy Note9 – Samsung mostra onde o seu novo topo de gama vai ser diferente dos outros

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. cK says:

    Boa sorte com as vendas…

    • Baresi says:

      +1
      Espero que tenham o mesmo número de vendas que a Apple com o X, para ver se o resultado é o mesmo e começam a lançar smartphones a preços de smartphones, e entendam que estes preços absurdos não colam e os consumidores os mandem a fava.

      • Heldr says:

        Vendas do iPhone X?

        Espera, mais um daqueles que lê notícias falsas e acredita-se.

        O iPhone X foi o telemóvel mais vendido do mundo durante os primeiros 6 meses e as vendas ainda se encontram fortes.

        • Alex says:

          E um dos mais devolvidos logo após compra

        • Paulo Santos says:

          Por falar em iPhone X. Qual a tua opinião sobre o seu uso no dia a dia? Como já o deves ter há bastante tempo, quais os prós e contras dele?

          • Mentecaptor says:

            “contras”?! 😀
            “o contra é ser caro e os invejosos pobres com Android não poderem comprar”, prós é tudo, mesmo o que está mal e será futuramente corrigido 😉

          • Filipe Cordeiro says:

            Tenho o iPhone X à alguns meses, e problemas são muito poucos.
            É verdade que durante uns tempos devido a uma versão do IOS a bateria era um pouco má, mas agora está de volta ao normal (com 17 horas de utilização, 3 das quais a ver streamming na app Twitch.tv e mais 1 hora de música no Apple Music, isso tudo com wireless/dados moveis e auscultadores Bluetooth, estou com 58% de carga).

            De resto a queixa que tenho é que de manhã muitas vezes tenho que colocar o código de desbloqueio porque o Face Id não me reconhece até estar completamente acordado, lol. O Face ID devia ter um maior ângulo de visão.
            O uso de capa é “obrigatório” pois a câmara é saliente e o vidro é escorregadio. Após várias capas, cheguei à conclusão que as melhores são mesmo as originais (a de pele requer que se esfregue um pouco com um pano para tirar a goma e ter melhor aderência na mão).

            Para mim o grande defeito continua a ser a falta do jack 3.5mm. Mesmo com uns auscultadores de topo bluetooth, sei que ligados por cabo conseguia melhor som, desde que o DAC/Amp fosse de qualidade semelhante aos que os Samsung de topo usam.

          • Paulo Santos says:

            Obrigado pelo feedback Filipe. “Curto e grosso” na análise. Bravo

  2. hommer says:

    vou esperar por dia 9 de Agosto para saber realmente o que vem ai e como vai ser constituído o note 9…
    preços já se sabe nesta gama…

  3. ervilhoid says:

    top é este vídeo https://www.youtube.com/watch?v=3qhW1sDPHYI (também só podia ser ideia americana) onde comparam um s9 a um iphone 6 ahah Samshit, nunca mais, apenas 1 dispositivo e chega, brincam às invenções, retiram invenções, não faltam alternativas a esta marca super cara, venham os chineses

  4. TugAzeiteiro says:

    Sinceramente não estou à espera de grandes novidades sem ser na tal S Pen… de resto o ponto alto deve ser mesmo o preço!

  5. pedro says:

    Vejo um grande ponto baixo… O android.
    Se este é um phone profissional, para que é que é necessário o cuscoid? Se for para acesso à loja, eventualmente para jogos ou apps da treta, nao entendo a marquetice de colagem ao segmento profissional. Se for para jogar, qq chinesice serve, sao mais baratos mesmo pagando os impostos devidos.

    • Mentecaptor says:

      Bla Bla Bla Whiskas saquetas, não entendes porque não é para ti, para quem só quer brincar serve a tal chinesice.

      • pedro says:

        Lol vê lá o artigo de hoje do jogo para… Note9.
        Publico alvo errado, por isso irá vender pouco.
        Como eu disse, marquetices que custam muito dinheiro, com ou sem prestações…
        É pena, é um equipamento com uma concepçao espetacular para profissional e o software cuscoid e depois estraga-se tudo: Android, uma playstore da treta… Jogatinas, trashbook, yiutubaros… Para isso nao é preciso um note.
        Um ótimo equipamento, com um publico alvo teorico correto e um publico alvo real errado. E o real e que vende.

  6. Arkan says:

    MASSS nao falaram que as baterias de hoje se deixar cair e usar tudo nao ficam piores ?

    eu sei que o gn9 vai ser melhor em tese na bateria, mas e ai, é mito ou verdade que as baterias de hoje dos aparelhos se deixarem cair toda e recarregar a 100% ficam ruins ?

  7. Graziano says:

    Bolas, e eu a pensar que ia aí para os 1500 euros. Quem é que quer um smartphone por 1100 euros? Eu não.

  8. Danny says:

    iPhone X é aquele com um dentão na tela?

  9. Danny says:

    Esse S9 vai ser tão esquecido quanto foi o Note 4 e Galaxy S5. kkkkkkkkkkkkkkkkk

  10. Mentecaptor says:

    A Samsung identificou bem as necessidades atuais, vamos lá ver é se vai mesmo corrigi-las.
    As marcas andam ocupadas a “medir pilinhas”, a comparar benchmarks que no uso real se traduzem em milésimos de segundo imperceptíveis, ou em megapixels que se traduzem em… Nada, e não evoluem naquilo que no uso diário faz de facto diferença.

  11. AqueleGajo says:

    Já cá faltava o “lembram-se do note 7” para mostrar isenção lol

  12. Marcos says:

    Digam o que disserem. São telemóveis sublimes e com uma qualidade de construção premium, não se pode esperar um preço igual a outras marcas, que tal como, no mercado dos portáteis, enfiam todo o hardware numa carcaça de plástico barato e o público chama-lhe um figo. Existe quem Valorize qualidade, eu tenho um s9+ e adoro a máquina que tenho em todos os aspectos, e sim paguei 1000 coroas por ele. Estou mais à espera do S10 mas acho que para uso profissional a spen é uma mais valia enorme.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.