PplWare Mobile

Bateria: Microsoft Edge volta a bater o Google Chrome e o Firefox


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

15 Respostas

  1. Mário says:

    Qual a dúvida que o Firefox e o pior? O edge ainda bloqueia muito, o chrome e melhor

  2. CMatomic says:

    Não é nada menos que propaganda da Microsoft , pois como têm acesso ao codigo fonte do sistema operativo tudo fica mais fácil para melhor o desempenho de um programa , eles deveriam testar o seu browser num sistema GNU/Linux pois ai a imparcialidade seria maior .
    Gostava que a Microsoft tivesse a ousadia de fazer uma versão do seu browser para sistemas GNU/Linux .

  3. Alex Webster says:

    Sem dúvida que a autonomia é um ponto forte no que toca a laptops, mas na minha opinião, não é o mais importante, e.g. o tempo que demora a abrir uma página carregada de scripts (que hoje em é o normal o client browser fazer o trabalho todo) é também um ponto a ter em conta (não sei se os “48% faster than Chrome” contam aqui…)

  4. Miguel Costa says:

    O Edge processa muita informação a nível interno. Algo que o Chrome começou a deixar de fazer há 10 versões atrás.
    Tendo em vista a utilização de vários tipos de scripts e de manter a função de adware, tanto o chrome, firefox como o Opera, acabam por consumir muito mais bateria. O Opera tem uma pequena vantagem que ao passar dos 50% de bateria, passa a consumir menos recursos, acabando por gastar a bateria mais lentamente.

  5. Bruno says:

    Isto refere-se principalmente ao PC ou também para android e ios? Por acaso tenho o edge como navegador no meu Android.

  6. Pedro Costa says:

    Mas como não só de performance vive um browser, devo dizer que dos 3 o melhor é o firefox em especial o novo Firefox quantum está muito bom. Não é o que uso diariamente mas do 3 grandes esse é, de longe, o melhor. O que uso é o Vivaldi. Com base no Chromium, criado pelo fundador e ex-CEO da Opera. Um browser pensado para power users com muito controlo em todos os settings e interface.

  7. Belmiro says:

    Eu até há pouco tempo usava quase exclusivamente o EDGE pela sua fluidez.

    Apesar disso a performance em PDF e o seu horrível manejo de “Bookmarks” deixavam-me no limite. A gota de água foi no último update… após o update a sincronização (automática) apagou-me imensos bookmarks e por sorte tinha um backup! Como se tal não chegasse, todas as vezes que adicionava alguns bookmarks ou restaurava o meu backup, apareciam-me em duplicado, desapareciam outros, não sincronizava os novos, etc etc. Cheguei até a apagar tudo em todos os PCs sincronizados, inclusive a database e tudo do edge, voltei a reinstalar tudo e mesmo assim apareciam-me bookmarks sabe-se lá donde… voltava a apagar e voltavam a aparecer. Mesmo restaurando e arranjando tudo direitinho, não sincronizava com outros PCs. Um filme!!!

    Procurei na net e imensa gente com os mesmos problemas já com meses sem solução pela MS. Tentei tudo e continuei com o mesmo problema já que nem a MS me deu soluções.

    Instalei o novo Firefox, passei os meus bookmarks para lá e não só tenho fluidez como a sincronização é soberba, assim como manusear os bookmarks e plug-ins é “sem espinhas”. Outro que dava zero problemas era o Opera (mas mais lento que o Firefox). MS EDGE não tão cedo…….

  8. Helder says:

    Tenho um Surface pro de 2017 com LTE , já tive o Chrome instalado ,mas agora só uso o Edge ,pois o que me intessa é a autonomia ,e posso dizer que com o Edge nunca tive problemas e funciona super bem ,alem de consumir menos memoria ,apesar de 8 gb ,serem suficientes para o uso que lhe dou ,trabalho.

  9. wien66 says:

    O problema de todos os Browser’s é o ecossistema Android e IOS. Quem tem Android usa o Chrome e fica bem sincronizado entre Smartphone e Desktop ou Portátil. Se for para utilizar o Edge, no Smartphone Android ou IOS obriga a utilizar outra conta. Se o Edge fosse optimizado a uma conta Google, poderia se expandir muito.

    • Belmiro says:

      A maior parte dos navegadores existem nos principais SO e com 1 conta tens acesso em todo o lado. Não se pode (nem deve) pensar que uma conta Google deve albergar tudo, senão um dia passa a ser paga ou sofre um ataque e fica sem acesso a nada.

  10. Mgenth says:

    Referir os ecossistemas é a chave para explicar quase tudo. Um browser tem de ser transversal. Admitir adblockers de última geração.O Firefox nightly. Podia usar Chrome e uso. Já usei mais. Evoluir não significa deixar uma AI, algoritmos ou adware ou qq outro ware definir o que vejo e escolho. Sou a favor da Inteligência artificial. Para beneficiar com ela. Não para os outros desenharem a minha realidade. O Edge é rápido e económico e bom para sistemas que busquem autonomia na bateria. Mas. O problema vem sempre depois do “But”. Bom ano para os browsers. Bom ano para todos.

  11. iFernando says:

    Browser sem conta para sincronizar os favoritos e sem possibilidade de pesquisar palavras com o botão do rato direito no Google. Não! Obrigado.

  12. Jacinto Leite Capelo Rego says:

    Testado em 2 computadores ASUS, um gaming avaliado 1500€ de 2016 e outro de 2011, o FF Quantum continua a usar mais RAM e CPU que o Chrome em ambos os laptops. Não admira a bateria durar menos no FF que no Chrome e sem duvida alguma que o Edge, por ser ainda cru, tenha melhor autonomia. Eu acho-o um browser bastante capaz e certamente que vai ser o futuro browser mais usado quando tiver integração com serviço cloud entre Androids/iOS/WP e PC Windows, contando com as mais utilizadas extensões
    De momento, perfomance/estabilidade é com o chrome. Ideal para quem usa smarthones+PC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.