Quantcast
PplWare Mobile

Reino Unido: Apple processada em US$ 1,8 mil milhões por práticas anticompetitivas

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. Manuel Costa says:

    Continuo sem perceber. Há escolha no mercado dos smartphones: iOS ou android. Não gostam de um, usam o outro. Nem sequer se pode dizer que haja um monopólio por parte da Apple.
    Não tarda estão a processar a BMW porque a marca não dá a oportunidade de equipar um motor Volkswagen.

    • João Cruz says:

      Acho que não percebeste, isto não está relacionado em nada com android, o que esta a ser debatido é as práticas monopolistas praticadas na appstore, ou seja é entre a Apple e os Developers de apps.

      • Castro says:

        Acho que não entendeste o propósito do comentário. A Apple vende um produto ao consumidor, sendo um produto integrado. A forma como a Apple gere a questão das apps é uma das vertentes dessa integração do produto que vende, faz parte do conjunto. E se há outros concorrentes a vender smartphones, se há escolha, porque carga de água é que se quer retirar a opção aos consumidores de ter este tipo de produto? As regras sobre as aplicações fazem diferença!

        • Manuel Costa says:

          Exactamente! Não consigo entender porque querem “androidizar” o iOS. Será mais fácil de aceder?
          Teorias malucas à parte, acho que a verdadeira razão é apenas uma: dinheiro fácil para os países através dos reguladores.

  2. A. says:

    Oh, meus senhores o “conceito produto integrado” é que tem que se diga, e mais complexo na implementação na analogia BMW acima seria todos os lubrificantes e gasolina por muito que houvesse fornecedores alternativos e há a BMW “realizava truques” para beneficiar os seus !

    É isto o que a “Apple” faz os produtos e serviços desenvolvidos por terceiros; são prejudicados face aos produtos Apple ; ou seja a Spootfy ou outros fornecedores terceiros produzem e investem no seu serviço / produto e depois só podem ser acedidos no Android ; Porque tem menos ” Restrições Google” ??
    Há pessoas que mesmo dificuldade em aceitar o que significa “concorrência e economia de mercado”

    • Castro says:

      Tens noção que a Apple já tinha muitos serviços antes sequer de aparecer o Spotify? Aliás quando o iPhone foi criado não havia sequer forma de ter outras aplicações e tudo no iPhone andava à volta do iTunes. Por isso pergunto como é que os terceiros foram prejudicados quando o produto da Apple foi desenhado do início assim e depois foi gradualmente abrindo! Mais do que isso foi o produto da Apple que mudou todo o paradigma no mercado móvel de aplicações e forma como ganhar dinheiro – coisa com a qual nunca tiveram problemas quando havia menos flexibilidade.

    • Manuel Costa says:

      Já o fazem. Todas as marcas têm contratos com determinadas marcas de lubrificantes e pneus para equiparem os carros de origem. Muitos clientes depois continuam a comprar produtos apenas dessas marcas.
      Neste caso não acho que seja concorrência, mas sim ganância por parte dos reguladores.
      Em relação ao exemplo que deste, no iOS tens Apple Music, Spotify, Tidal, Youtube Music, etc. Que mais queres? E para que conste, só usas Apple Music se quiseres, a Apple não te obriga a usar o serviço deles.
      O pior é que nem sequer se pode dizer que seja um monopólio no mercado dos smartphones, pois o android detém a maior parte do mercado.

  3. Jorge Carvalho says:

    E a Amazon nada…. O maior monopólio ….

    Abc

  4. Fo says:

    Peanuts para a Apple. Numa hora ganham esse dinheiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.