iPhone X surge em benchmark e derrota concorrência


Destaques PPLWARE

96 Respostas

  1. Pjayk says:

    Desculpem, mas a malta ainda cai na história dos benchmarks?
    Seja Samsung, Lg, Oneplus, Apple, etc etc, esses benchmarks são sempre tendenciosos, tal como os valores de Co2 nos carros… Tudo alterado.
    Em relação ao single-core/multi-core também valerá a pena referir que o A11 tá a usar um hexacore enquanto que o resto dos processadores trabalha em 2x quad-core, em exemplo o grande rival Snapdragon 835.
    Mas isto dá para tudo, portanto aqueles fanboys darão bom uso a este teste de benchmarking 😀

    • Antonio Ferreira says:

      O Samsung S8 é um octacore, e, onde esta ele ? tudo alterado ???? tb é dos q pensa q o mundo vai acabar amanha ? ôpa, a sério ??????

      • AncientGameplays says:

        Samsung usa um Exynos que é proveniente da arquitectura do Snapdragon 😀

        • Antonio Ferreira says:

          e depois ? por essa resposta entendo que o Exynos é pior que o A11 ? Se sim, porque os fabrincantes nao escolhem o melhor ? Alem disso, o processador sózinho nao faz tudo, mas sim o conjunto de todos os componentes do equipamento, como um só, hardware e software a trabalharem intimamente, coisa que nesse aspecto a Apple sabe fazer mt bem

      • celso says:

        E voçê deve ser dos que deve fazer programação num smartphone.
        Isto só serve para vender.
        Á exceção de gente com necessidades muito especificas, nunca irá usar o total potencial deste smartphone. é assim que eles aumentam os preços para, impingindo-lhe uma necessidade que voçê não tem, gastar mais umas notas.
        Pense por si mesmo e não por aquilo que lhe metem na cabeça.

    • Emanuel Vitorino says:

      Hoje em dia os processadores já não trabalham em 2x quad-core. As tarefas são delegadas aos processadores adequados pelo sistema através do HMP. Por isso, efectivamente, são Octa-cores. São dois dies mas trabalham em conjunto, tal como o Threadripper da AMD que tem dois ou quatro dies e todos trabalham em conjunto.

    • cakau says:

      Comparar alho com bugalhos.
      mais de 1000€ por um telemóvel que faz o mesmo que 1 de 200€ Não obrigada
      Que eu saiba um tlm serve para ir net, chamadas, gsp e um ou outro jogo …
      Nada que um smartphone de 200€ não faça e hoje em dia de forma rapida e fluida como caso do Asus zenphone max 3 ( e com autonomia de 3dias)
      Por 1000€ compro um bom PC… ta tudo doido depois andam o ano inteiro a passar fome so para dizer que tem o novo iphodes x…
      Enfim ainda a gente que acredita nas cantigas da Apple e gosta de pagar o dobro … Acordem hoje em dia mais de 300€ por um tlm é crime lolol

      • AiOGajo says:

        Tirando o Continuum da Microsoft e o clone feito pela samsung, hoje em dia os telefones fazem tudo o mesmo…

      • Não fume e compre um iPhone says:

        200€, cheio de lags e com android.
        Não obrigado!
        Acho que vou comprar dois X’s

      • Bruno Pinto says:

        Boa noite, antes de mais não si tá isto como uma crítica porque em título pessoal tenho a mesma opinião, no entanto perceba que há situações e situações. Apesar da maioria dos utilizadores Apple e Samsung ser apenas pelo nome da marca de forma a mostrar superioridade existem quem necessite desses mesmos equipamentos ditos topo de gama. São uma elite bastante reduzida no entanto que a necessidade profissional exige certos tipos de recursos que a maioria do ser humano comum jamais vai precisar. Desta forma é natural que exista equipamento em evolução e grande procura dos mesmos mas no entanto esses telemóveis seriam suposto para apenas essa elite mas se fores comprar apenas para dizeres que tens a marca vai agradecer naturalmente!
        Na minha opinião não podemos criticar a evolução da tecnologia e do seu custo porque há gente que precisa dela pelo custo que for e tem dinheiro para isso. Agora criar modas isso sim é ridículo, mas gracas ao ser humano comum permitir essas tendências é que as grandes marcas aproveitam se…

    • Bruno says:

      Não entendo essa comparação do hexacore com 2xquad-core!
      Se achas importante distinguir em termos de grupos de núcleos (como fazes no Snapdragon) então não podes considerar o A11 como hexacore, já que não tem 6 núcleos iguais, são 2+4 núcleos. Neste tipo de contabilidade não prática (nº de núcleos) seria o Snapdragon a levar vantagem.

    • Adolfo Dias says:

      Sim. E o homem não foi à lua e a terra não é redonda…

  2. Joel Reis says:

    O esperado… Valores fantásticos.

  3. Júlio Gongas says:

    Onde estão os haters agora?

    • zé povinho says:

      os haters estão á espera do próximo smartphone da concorrência que vai mandar o iPhone x pelo cano abaixo no que toca a benchmark’s, que é algo que vai acontecer brevemente, como é normal todos os anos… já devias estar habituado…

      • Daniel says:

        Desde o iPhone 5s que a concorrência não tem conseguido apanhar o iPhone em termos de performance. Normalmente demora um ano e meio a sair um smartphone que consiga ser mais rápido.

      • galo says:

        Oh estes testes valem o que valem…como está referido no texto do artigo, na utilização diária estas diferenças apontadas pelos benchmarks não são verdadeiras, não se notam. E por outro lado estar a comparar processaores diferentes que não correm o mesmo sistema operativo é logo fator limitante… quem sabe a pontuação deste processador a correr em Android? e do Exynos a correr IOS?

        • Sujeito says:

          Que interessa se são sistemas operativos diferentes? A malta do campo Android é que aponta specs como fator determinante e vê-se que não é de todo.

          • galo says:

            Porque se até entre versões do mesmo sistema operativo tens diferenças, devido a optimizações do mesmo, o que fará entre sistemas operativos diferentes.

        • Bruno says:

          Para esta pontuação o geekbench corre o mesmo código base em todos os sistemas, a única diferença é pelos compiladores (para C++, se não me engano) para cada processador.
          Os benchmarks dão uma indicação de performance máxima disponível para uma app no CPU. Considerando que, por exemplo, as pessoas usam cada vez mais apps com processamento de imagem (de diferentes tipos), maior poder de processamento traz ganhos para muita gente, até porque dependendo da situação isso também influencia o consumo.

    • Jona says:

      para um sistema tao basico como o IOS, um iphone 6s chega e sobra, tudo que veio a seguir é puro consumismo. se alguem compra um smartphone porque é o mais rapido do mercado…tenho pena dessa pessoa. o meu da-me as noticias com um clique. cria albuns de fotos automaticamente, sugere-me locais a partilhar experiencias, tenho feeds de noticias com um swipe da esquerda para a direita…abro a lanterna a pressionar o aparelho….abro o mapa com dupla pressao….posso definir um “squeze” para cada app, e mais uma infinidades de pequenas coisas que ajudam no dia a dia a serem mais produtivos. posso falar com a amiga alexa, ou google now com ele pousado de qualquer maneira que vai reconhecer a minha voz (4 microfones) , controlo as tomadas de casa por voz ou por um botao no telemovel…desbloqueio o telemovel com um dedo, sem ter que pegar nele . ah espera mas o iphone com akele corte horrivel em cima (o mi mix 2 esta 500x melhor) é mais rapido..lol..fiquem la com a medalha….(se demorar tanto tempo a desbloquear como na apresentacao oficial ja tinha tirado um cafe….)

    • Gustavo Dezen says:

      Pensei exatamente a mesma coisa hahahaha

  4. Adalberto says:

    mal seria, acabado de lançar

    • Antonio Ferreira says:

      Adalberto, o Note 8 tb foi acabadinho de lançar, alias, sera na próxima 6ª feira, e quais sao os scores dele ?

      • David says:

        E isso interessa para quê mesmo? O senhor tem um Ferrari, eu tenho um Clio, o que conta é que na autoestrada nenhum de nós pode ir a mais de 120.

        • Antonio Ferreira says:

          David, interessa para andarmos aqui todos as turras. Se tivesse um Ferrari, tb tinha dinheiro para pagar as multas de excesso de velocidade 😉

        • Sujeito says:

          David, o Antonio Ferreira só apontou a falha de logica do Adalberto.

        • Vitor Herold says:

          rsrs E por acaso você é proibido de usar o processamento do celular? Ou levas multa se fizer assim? Lógica falaciosa…

          O Android, de maneira como foi estruturado, precisa SIM de todo o processamento, pois o hardware não foi feito para o software e vice versa. Já o iPhone que apresenta um sistema hardware e software integrado, que não necessitaria de tanto potencial é justamente o que apresenta desempenho maior, permitindo uso mais forte, otimo para certos jogos, aplicativos de edição, streaming, etc… Isso não pode ser visto como algo sem diferencial. Pelo contrário. A industria e o mercado de tecnologia não funcionam assim David.

          Esse tipo de pensamento é no mínimo curioso…

        • Vitor Herold says:

          A questão é: não é porque tu não usas, ou não podes usar, que o teu proximo nao precise. Vide as Autobahns na Alemanha, certo?

      • Balearic Soul says:

        E acha que o iPhone X é comparável ao Note 8 em termos de produtividade? Só a S Pen e suas funcionalidades matam o iPhone… e já agora, ninguém nota uma página abrir mais rápido 1 milésimo de segundo. 😉

  5. int64 says:

    “Em multi-core, este iPhone9,3, que poderá revelar os resultados do iPhone 8 ou 8 Plus, apresenta um valor de 5398 e em single-core de 3410.”
    “Está mais dentro daquilo que é o mercado dos smartphones atualmente mas, ainda assim, posicionado a cima daqueles que se consideram os melhores da atualidade.”

    iPhone9,3 (d101ap) é o iPhone 7 do ano passado e no entanto ainda “posicionado a cima daqueles que se consideram os melhores da atualidade.”

  6. Shikai says:

    Portanto destes números depreendemos que o iPhone é a volta de 2x mais rápido que o Note da Samsung e 2x mais rápido que o OnePlus.
    Ainda há pessoas que caiem nesta esparrela?
    Veio do futuro o telemóvel?
    Hoje em dia é tudo uma questão de preferencia

  7. Carlos Gabriel Lopes says:

    Arm @ 24Mhz…
    Algo está ali mal…

    • Helder Vaz says:

      2.4 Ghz ou 2400 Mhz assim seria correto, se estamos a falar de 6 núcleos a 2.4 Ghz não é de admirar os resultados, mas aquele vidro tem que ser pirex e a bateria tem que ser de 10000 mAh… brincadeiras à parte, vamos esperar para ver, a Apple tem bons especialistas em marketing, por isso só em Novembro é que veremos o dito “Bicho” em ação…

    • Bruno says:

      Acontece muitas vezes com uma nova geração de processadores da Apple (e doutros), o Geekbench não medir a velocidade de relógio correcta.

  8. Carlos Gabriel Lopes says:

    “The alleged benchmarks for the iPhone X popped up on Tuesday, and was first spotted by Twitter user. The details of the device as far as what we know about core count is accurate.
    Other details about the processor include 32KB of L1 instruction cache, 32KB of L1 data cache, and 8MB of L2 cache. The motherboard is identified as a D211AP.

    However, the “24 MHz” speed listed for the processor is clearly off —and is either an indication of a fake, or a processor not properly identified by the benchmarking tool. Similar results with misidentified speeds have popped up before on the Geekbench Browser, most notably with new Intel processors.”

  9. Sir Jokam says:

    Tive o meu primeiro telemóvel tinha eu uns 13, 14 anos: um belo 3310 clássico. Na altura, era o snake, eram as sms e a possibilidade de não depender de ninguém para falar. Na altura medíamos muito bem as palavras nas sms (porque custavam uns valentes 20 cêntimos/sms – na altura já era em euros), falar era tudo contadinho para não ultrapassar 1 min de conversação, tudo medido pois sempre me lembrava da birra que fiz e dos tabefes que eu levei do meu pai porque queria um telemóvel. Compreensível: sou da Madeira e estudava em Coimbra na altura (long story). Enfim, a malta era poupadinha e, quem tivesse o nokia 3330, já era o maior da aldeia porque tinha cor branca com risca azul e tinha uns extras quaisquer… Lembro.me que, na altura paguei cerca de 150€ pelo nokia (e os tabefes que levei…). Hoje em dia, como o mercado evoluiu. Não podemos ser hipócritas ao ponto de dizer “faz chamadas? envia sms? liga à internet?” pois um smartphone é toda uma estação consumista estrategicamente pensada para funcionar em termos de competitividade e consumismo. Lembram-se da saga Star Trek dos anos 90 em que o aparelho que eles tinham na mão dava para fazer tudo e até disparava um laser? Pronto, na altura já se sonhava com uma coisa destas. Hoje em dia temos um X, um Note8, um Mix2 ou sei lá, tanta variedade: no fundo, no fundo, o que cada um defende aqui são “clubismos” tal como se de equipas de futebol se tratasse. Quem gosta de uma marca, tenta ser fiel a essa marca: Apple, Samsung, Windows, Tupperware, Nike, Bimbi, DJi Spark, Mercedes, Volvo… etc. Todas estas fazem o mesmo que todas as outras, “apenas” com a diferença que abusam mais do preço, vá, apresentam uma qualidade acima da média mas lá está, fazem o mesmo que todas as outras. É por isso que costumamos ver alguns fanboys frustrados ou outros mais céticos a dizer que a Apple depois de Steve Jobs não inovou mesmo nada, ou senão: digam-me lá, o que é que o Iphone X/S8/Mi mix2 faz, que mais nenhum telemóvel no mercado faça? Vêem? Inovação: 0.0001%. “Ah e tal mas tem um tipo de tecnologia diferente que não segue os mesmo parâmetr” – eu refiro-me às funcionalidades e não aos meios para atingir os fins. Resumo do meu comentário: mais de 1 ordenado mínimo por um smartphone?!? Pfff… contratem os advogados do Ronaldo porque estamos a ser roubados!

  10. carlos says:

    Isso dos teste vale o que vale ,na pratica ninguem tira partido da potencia dos mesmos seja iphones ou androides.
    E mais caganca que outra coisa ,isto de pedir 1200€ para desboquear o ecran atraves do rosto um absurdo ha coisas bem mais importantes para gastar este dinheiro .

  11. Antonio Melo says:

    Sera que consegue correr o candy crush?? hmmm….

  12. netmota says:

    Deixem-se de propaganda mal intencionada. No Antutu, que é um benchmark de referência, o Iphone X consegue 190.000 de pontuação, apenas mais 9.000 que o One plus 5, valor esse que nada representa, até porque desses valores se retira proveito apenas de características muito particulares como a velocidade da memoria ou acesso a memória rom entre outras que podem causar o ligeiro aumento de performance. Agora chamarem a isso derrota, é no mínimo galhofeiro, até porque muitas marcas concorrentes no mercado estão mais preocupadas em fazer diferente que propriamente andar em guerra por uma pinóia de potências e performances.

  13. Napolitano says:

    Bom. Assim os features Animojis vao ser executados bem.

  14. Tiago Oliveira says:

    Esse cpu é mais potente do que o meu I7 mas existe uma diferença, tanta potência para usar em IOS????

    Não eram os entendidos que a apple faz mais com menos, então para que tanta potência nos processadores??? Onde é que o IOS tira 30% dessa potência???

    É o mesmo de ter um W16 no chassi de um carro de 1956.

  15. Filipe F. says:

    O que me derrota é ver apps na apresentaçao com icones e menus cortados por causa daquele corte no ecra. custava muito fazerem algo simetrico? ver videos com uma barra de lado a cortar? Face ID que tem falhas e a alternativa é meter um pin como ha 1 decada?

  16. Marco says:

    Derrota a concorrência! Até no preço…

  17. Marqs says:

    Os valores valem o que valem, a meu ver a diferença de desempenho entre o Iphone e Androids não é assim muito significativa, a diferença está nas apps, é neste quesito que os androids com o android market, precisam de melhorar, acho que existe pouco rigor na fiscalização das apps aí disponibilizadas pelos programadores. É neste quesito que a Apple está um passo á frente . Isso depois nos Smartphones Android traduz-se por vezes, em velocidades mais lentas lentas e com o tempo piora, além das baterias drenarem com maior rapidez, mesmo tendo mais mAh que o iphone. Passado um ano, lá se está já pensar em trocar de máquina pk perdeu desempenho ao contrário do iphone que mantém durante “mais tempo” as caraterísticas do desempenho inicial.

  18. Belmiro says:

    O valor é alto e só força a concorrência a melhorar, no entanto a pergunta é sempre a mesma: os modelos da Samsung e os W10M podem ser usados como desktop, podemos conectar uma base e ter acesso a vários USB, ethernet e trabalhar realmente com teclado e rato. Porque caso contrário os 6500 pontos do SD 835 estariam muito acima do necessário.

    Eu tenho um Huawei P8 lite 2017 em paralelo com um S8 e a mexer no Android, Apps etc não noto qualquer diferença (tudo fluído) à excepção de documentos pesadíssimos (raro) ou multitasking (também nada que condicione).

    No iPhone X os 35% a mais de performance ainda mais inúteis são: não há modo desktop e as aplicações ainda menos deixam esôfago para a produtividade. Além disso quem usa iOS quer sistemas simples e descomplicados, o que abona para apps simples e dão menos uso à capacidade extra. Até num iPad está performance está desperdiçada.

    Basta ver que os testes ao novo iPad pro com o chip antigo mostram que é muito potente mas que na realidade pouco uso tem sem um teclado e rato e aplicações de desktop.

    Em suma: mais potência não estorva, mas tal como ter um motor de 1000 cv numa autoestrada de 120 km/h com radares não traz vantagens, o mesmo acontece aqui.

  19. Lopes says:

    Independentemente do preço pedido … quanto a mim , um absurdo.
    O iphone quando é lançado está sempre um passo á frente da concorrência. E a usabilidade dos equipamentos não tem comparação com
    a concorrência. Esta tecnologia de por fim ás
    passwords é muito bem vinda e mais uma vez é a marca da maçã a inovar … O resto é história…

    • Carlos Pereira says:

      A marca da maçã a inovar?! Onde?! As mesmas características já existem em telemóveis, algumas há alguns anos

    • Fabio says:

      leitor de impressão digital.. onde está ele?

    • joaquim says:

      É como virem agora com uma plataforma mágica que carrega o telemóvel se ele tiver em cima…há quantos anos é que a samsung nao tem isto já?

    • Luis Santos says:

      Qual é a inovação que estes novos iphones têm????!!!!!!!!!!!
      AHAHAH,inovaram no preço ,pronto está certo?
      Antes do iphone lançar o leitor facial ,que por sinal deu logo erro ,já havia há alguns anos ,o leitor de Irís,e impressão digital .
      Já experimentou algum telefone com wm10 quando fala em usabilidade ?
      O que você chama inovar ,eu chamo copiar os outros ,e acrescentar mais uns pozinhos ,porque inovação ,deixe dar-lhe uma novidade ,a apple não sabe o que é isso á mais de 6 anos(para ser simpático) .
      A mais flagrante é a apple TV 4K,quem os ouviu falar ,parece que inventaram uma roda quadrada.

  20. Moto G5 plus says:

    O meu Motorola com Snapdragon 625 custa um terço deste ditos mais potentes! na prática nenhum deles é o dobro mais rápido que este, e faz o mesmo! a bateria dura dois dias com uso intenso com dados sempre ligados hi fi, Bluetooth, e gps,
    Nisto bate os de topo. Ainda há pouco tempo comprei um smartwatch Xiaomi amazfit bip com bateria a durar para cima de 30 dias. com 300 Euros fiz a festa!

  21. ze ninguem says:

    so vendo como o sao.tome

  22. MarioM says:

    Está visto que vão fazer corridas de telemoveis, é aquilo a que nem ligo.

  23. João Barata says:

    Quando S8 e onePlus 5 filmarem em 4K a 60FPS podem falar…

  24. João Tavares says:

    Vamos ver quando sair o Huawei Mate 10….

    • Bruno says:

      dado que o Huawei Mate 10 usa um SoC com basicamente os mesmo núcleos e em número igual da geração anterior, o ganho que tiver virá quase só da redução das dimensões do processo de fabrico, ou seja dificilmente terá mais do que um ganho de 25%, o que o coloca ainda longe destes hipotéticos valores.

  25. Pedro says:

    Será excelente para sms/whatsapp/facebook… lol.
    Regra geral quem compra apple é para mostrar que é apple. É como ser vegan e não dizer que se é vegan a cada 5 frases… Portanto, nem interessa se é mais rápido ou não.

  26. Vítor Jobs says:

    Chorem!

  27. BG says:

    Ora finalmente acabam-se tantos rumores, histórias e vídeos da treta no youtube acerca do famoso “iPhone”

    Primeiro de tudo, já vários especialistas avisaram que NÃO se devem fiar nem orientar por benchmarks. Tanta coisa com morais de que são ecossistemas diferentes e agora do nada fazem comparações de OS porquê?

    AMBOS possuem problemas e falhas. Um é fechado. O outro aberto. Design, ok, eu acho o iPhone X “feio” face ao que já vi da Apple, quanto aos iPhone´s 8 acho desnecessário. Valia mais um iPhone “mais” barato e capaz de fazer concorrência. Mas agora relembro o fail que foi o FaceID que os meninos que dormem com a Apple se esquecem de mencionar, razão do qual, fanatismo! Relembro um inquérito: “maioria dos utilizadores de smartphones NÃO utilizam desbloqueios faciais…” e nem há muito tempo atrás o CEO da Apple criticava os OLED dizendo que eram horríveis.

    Bem, uma coisa é certa, iPhone está cá, muitos estão prontos para dar 1200€ (quase) para ter algo que TODOS os outros modelos já têm excepto o OS claro! Fluidez… todos trazem basicamente… dai que os benchmarks tornam-se ridículos.

    Conheço muita boa malta que estava com “hype” acerca do iPhone X que agora reconhecem que foi um fail, pelo menos para eles e para mim. Não vejo necessidade de dar 1200€ por algo que com 600€ consigo fazer até melhor e mais bonito (Samsung S8, LG G6 e afins)… quer dizer, a Apple não aprende nada como cada vez mais prova as limitações a que está a chegar e cada vez mais vai depender de “outras” empresas.

    Claramente que todos debatem sempre o iOS que “nunca” falha e afins. Eu em 2 meses vi mais queixas do que nos últimos anos sobre o iOS em todo mundo, falhas, crash e afins… sim porque o iOS não é superior ao android nem inferior, é uma alternativa simples a algo que cada um vê como “ajeitado” para o seu dia a dia!

    O que um é capaz, o outro é capaz (excepto casos pontuais como personalizar e afins). Eu vejo aqui pouca evolução desculpem o termo dos iPhones que mesmo assim nem conseguiu superar os ecrãs da Samsung que continuam a ser os melhores do mercado. São bons sim, mas inferiores, tanto quando o resto é mais do mesmo.

    Quem está disposto a dar 1200€? Eu cá certamente que não, mas conhecendo o povo tuga, muitos já devem ter créditos para o fazer 😉 … enquanto a maioria da Europa se contenta com os modelos já no mercado.

    Boa oportunidade para comprar talvez um iPhone 7 Plus (o meu favorito iPhone de todos)… que deve cair uns bons “€”…

    Agora dizerem que iPhone inovou e que é superior ou não sei o quê, poupem o fanatismo e fanboys, perderam novamente a liderança ou possível liderança de melhor Smartphone. Tiveram a vantagem de 5 meses e falharam! Eu vejo as coisas assim.

    Cada um tem a sua opinião. Apple fail. Esperemos por 2018 por algo digno da MARCA que em tempos mereceu todo respeito!

    • Moto G5 plus says:

      Comentário bem estruturado e imparcial. parabéns!

      • BG says:

        Obg 😉

        Nem sempre é fácil tentar ser imparcial ou parecer assim! As vezes o pessoal pensa logo “eiiii fanboy” Eu bem tento ter cuidado nas palavras mas as vezes pode parecer “fanboy” de algo… eu já tive todos e cheguei ao ponto de encarar a realidade. Para quê gastar tanto dinheiro quando tudo mas tudo avaria, fica lento e acaba por se tornar ridiculo gastar 1000€?

        Ainda te lembras quando gastavamos 500€ e achavamos muito? poder e ordenado sao mais baixos que nessa altura e a gente cai na tentacao 😉

  28. nuno pinto says:

    Acredito que o conjunto de hardware e “inovações” representam uma boa aposta, em particular no sector da fotografia, mas sinceramente este design não me seduz, mais uma vez a câmara traseira sobressai do corpo e aquela moldura em volta do ecrã retira aquele efeito surpreendente presente noutros modelos, depois temos a área destinada aos sensores e câmara frontal que está rodeada pelo topo do ecrã, não faz qualquer sentido, fica-se com um vídeo ou um jogo em full screen cortado na lateral. esperava muito mais da Apple no design.

  29. Joel Reis says:

    Ainda sou do tempo em que os iFans desprezavam benchmarks. O iPhone sempre foi rápido e fluido, mesmo quando ficava atrás dos outros nestes testes, quem vai dar uso a tanto poder de processamento?
    Estes testes são bons para Android, para o pessoal se divertir a comparar telemóveis de marcas diferentes e testar tweaks que façam.

  30. sakura says:

    Eu uso um metro para medir distancias, um voltímetro, para tenção, e balança para fazer bolos, podia usar os passos, os dedos e os olhos…..mas não era a mesma “coisa”….. “os números são importantes….. na realidade é o que conta o resto é design”
    “benchmarks” são ferramentas usadas para medir==comparar tudo em tek, velocidade da net, optimizar software, webpages, I/O disk, video edit 3D, vr. etc……por isso são úteis, e devem ser usadas, “degug and optimization”

    se o teste é valido são valores impressionantes Wow, so resta a Samsung, apostar no Tizen pq com android………….
    parabéns apple, mas acho que o note 8 é muito mais útil and,
    I love (A11 bionic neural engine)+(kernel ios) temos que “estripar” a TEK. Copy.

  31. Hugo Gomes says:

    Quem caga notas compra o que quiser quem não as cagar contenta se com o que ha nem todos são ricos como nem todos sao pobres por isso para mim pode ficar na prateleira uns bons anos para o que faço um de 350€ chega bem para 1000€ compro pc gaming

  32. DarkScorpion says:

    Benchmarks já deixaram de fazer sentido há um bom par de anos, dantes é que os telemóveis se tornavam lentos até por ter um launcher. Agora o importante é combinar preço/velocidade/autonomia/características.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.