PplWare Mobile

Cuidado, atualizar o macOS traz de volta o bug da conta root


Autor: Pedro Simões


  1. LG says:

    Tem sido uma semana muito complicada para a Apple.

    Até larncaram Lorem ipsum para a produção https://imgur.com/eRvy1Ba

    Agora com o Natal às portas nem quero imaginar o stress na empresa

    • Vítor M. says:

      Verdade. Ou foi de mudar de instalações é que já parece mal tanta asneira. A equipa de programadores dos sistemas operativos tem de apanhar mais sol….

      • Mário Sousa says:

        Vítor, a equipa Microsoft já viu estes problemas e outros mais a acontecer…e mais do que uma vez…chama-se massificação do produto e, geralmente, costuma apontar nestas direcções…

        Vai ser cada vez mais «normal» ver este tipo de incidente acontecer, pois faz parte do processo de crescimento e aperfeiçoamente que a Apple procura para poder alcançar os parâmetros da Microsoft. Falo ao nível da programação, claro, não falo dos restantes pontos onde a Microsoft também deveria aprender alguma coisa.

        😉

        • JJ says:

          O problema esta foi a Apple ter “vendido” a ideia que os seus produtos não tinham este tipo de problemas. Eles existiam, mas não eram tão investigados pelos “caça bugs” e não tinham tanto impacto. Isto por causa dessa “falta” de massificação.

          A questão é que as pessoas da Microsoft já estão a espera de por vezes surgirem estes problemas… mas no caso da Apple, devido a sua abordagem ao mercado com relação a este tipo de problemas, acaba por ter um efeito mais negativo do que quando acontece com a Microsoft.

          Agora obviamente que serve para a Apple poder realmente alterar a sua abordagem sobre estas questões, e estar consciente que com o aumento de utilizadores, aumenta os riscos.

  2. José Carlos da Silva says:

    Começa a ser verdadeiramente anedótico, isto.

  3. helder11 says:

    E perfeitamente normal acontecer, quando se lança um patch de emergência ao fim de semana.

    1 – O que aconteceu foi que o patch foi lançado, e quem tinha o sistema atualizado , fez a instalação, reiniciou e ficou protegido.

    2 – Quem nao faz updates, ainda nao tinha feito o update que saiu a coisa de um mês, o sistema instalou o patch de segurança em primeiro lugar, e depois notificou o user que afinal ainda havia um update pendente e o user decidiu faze-lo. Como o patch foi lançado de forma urgente, ainda nao houve tempo para compilar a imagem de actualização com o patch dentro, então o update vai voltar a modificar o ficheiro que estava com o erro, revertendo o patch anteriormente aplicado.
    O sistema no fim de fazer o update, vai normalmente informar que existe um patch de segurança com data posterior a instalada, e volta a instalar o patch = sistema seguro de novo.

    Reparem que em Windows se instalarem uma actualização, modificarem os ficheiros depois da actualização para uma versão antiga, o sistema nao quer saber, pois detecta que a actualização número XXX foi instalada, e nem quer saber da data do ficheiro, ou se esta violado!

    Nao quero de todo desculpar o erro, mas isto que retratam e normal acontecer em algo que e lançado sem o devido tempo de testes.

    • Ze_pombo says:

      Boas Hélder 11,
      Pois, é o problema de sempre inerente à falta de visão em relação á forma de instalação de software, e á própria configuração do sistema operativo.
      Erros destes são mitigados por outro tipo de abordagem, mas parece que ainda é muito exótica, talvez daqui a mais alguns anos seja anunciada por uma empresa das grandes como uma grande e revolucionária ideia (que a empresa teve claro)…
      Brincando com a situação, o Steve jobs deve estar às voltas e aos berros de raiva na campa, e a prova que ninguém volta depois da morte é esta, se fosse possível, o homem já tinha vindo infernizar as noites de uma data de incompetentes, a começar pelo actual CEO.
      Cump

    • Gonçalo Mota says:

      nao isto nao é d todo uma situaçao normal esas situaçoes teem uma abordagem diferente e nao essa entao a apple lança um patch de emergencia e esquece se de por o patch na actualizaçao mais recente, e mesmo nao colocando entao os programadores teem de prever isto nao deixar instalar o patch sem fazer a atualizaçao simplesmente falta de atençao o que ja vem sido habito. No windows simplesmente o patch é incorporado numa nova actualizaçao e quem instalar instala automaticamente para o mais recente.
      Isto ate pode ter algumas desculpa agr uma coisa normal é que nao é ahah fazem pocaria e dps nem a sabem arranjar como deve ser se nao soubesse diria que é anedota

  4. Luis says:

    Comprar um automóvel em segunda mão e herdar as multas do proprietário anterior parece ser a solução de “marca”.GRANDE APPLE

  5. Carlos says:

    Que a Apple quer acabar com os Macs já toda a gente sabia há muito tempo mas caramba uma coisa é empurrar suavemente as pessoas para outros produtos demorando anos a atualizar o hardware e quando o fazem lançando um produto que definitivamente não convenceu ninguém a não ser os fanáticos da religião Apple, outra é ativamente sabotar os produtos e deixar os seus utilizadores em risco.
    Ou então a burrice é tanta que só se pode dizer volta Steve Jobs, tens de voltar para por ordem naquilo!

    • Toni da Adega says:

      Penso que é mais desleixo, Apple sabe muito bem que tem uma boa base de fans e nao precisa de se esforçar muito para vender e manter esses fans contentes.

  6. jedi says:

    começa mesmo a ser preocupante. Mais vale começar a usar Linux. E deixar de parte MacOS e Windows pelo menos a nível pessoal. 😉

  7. maria vieira a atriz says:

    vergonhoso

  8. Sandro Santos says:

    Saiu um patch hoje que resolveu isso. Quem instala de raiz já traz esse patch.

  9. Daniel says:

    “Seguro”… como os outros.

  10. rc_joaopedro says:

    É só alarmistas… Que mal tem isto? Se não verte água pelo casco verte pela parede… Verte sempre pq é permeável tal como os sistemas. Queria ver se na década de 90 ou de 00 não haviam bugs piores.

  11. Vituku says:

    “Esta nova falha, se assim pode ser chamada”? Se não pode ser chamada de falha, chama-se então como? Feature?
    Claro que é uma falha, grave, e ainda mais grave se torna quando andam à volta com patches para a corrigir e não saem do mesmo novelo.
    Será o problema resultado de más politicas de outsourcing? Sinceramente, a Apple vai de mal a pior.

  12. Pedro says:

    O High Sierra tem sido excecionalmente problemático, no mês passado foi o problema das partições encriptadas que mostrava a password de desbloqueio em plain text no hint da disk utility e agora é o problema do login root com password em branco que depois através do patch causou um novo problema desta vez no acesso às partilhas protegidas.
    Provavelmente, a Apple agora com o iPhone X anda a focar-se mais no iOS e a desleixar-se um pouco com o macOS. Esperemos que no próximo ano as coisas melhorem.

  13. sakura says:

    O pb da apple não são os patchs . (acontece aos melhores)human inside.
    é a falta de uma team que desenvolva o masos, e como se sabe a apple não esta virada para macos. mais eu não consigo ler Objective-C mais as mistelas do swift e as dependências, a apple deveria melhorar isso mesmo com o s,code recompilar em mascs é uma aventura……e com a apple, Ms, google,etc a usar linux nos DataCen, e cada vez + c/c++ swift que avise o ppl, para que não seja + 1 WinMobi.
    Não uso osx, mas na rede ha mac e isso é 1 pb para todos espero que resolvem isso de vez. hacho que não deviam ser “”ta?m ovelha?s”” sem ofença?. joke.

  14. wozniak says:

    para instalar aplicacoes nao reconhecidas tenho que desactivar na cli mas para deixar o root aberto tasse bem que nobs

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.