Quantcast
PplWare Mobile

Afinal há um país onde a Apple não vai poder tirar os EarPods do iPhone 12

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. ToFerreira says:

    Se há algo que vai certamente ser seguido pelas outras marcas é esta decisão “econó… lógica”. De repente, todas se tornaram ambientalmente sensiveis.

    • whatevs says:

      infelizmente todas as modas que a Apple começa, rapidamente pegam. Por isso os outros fabricantes podem gozar com o assunto agora, mas vão acabar por fazer o mesmo. Foi o headphone jack, o notch horrível (que finalmente arranjaram maneira de remover), o bump das cameras (que infelizmente está a ficar cada vez maior) e agora sem carregador por questões “ambientais”. É ridiculo. Um equipamento eletrónico que tem como alimentação uma bateria, tem que ter obrigatoriamente o seu carregador. É como ir comprar um desktop e não vir fonte de alimentação. Ou ir comprar um carro e vir sem alternador. É ridiculo

      • Joao Ptt says:

        A desculpa é que muitas pessoas já têm carregadores e cabos que cheguem, não precisam de novos, e se precisarem podem ir comprar.

        • Abreu says:

          Na minha casa não tenho cabos, precisei de um para o Google drive ( para android e preciso aifone da com wireless.. não percebo bem porque…) e tive que comprar.

          Geralmente um carregador tem o msm tempo de vida do aparelho e depois tem a ver com velocidade que cada aparelho carrega daí ter o carregador de fábrica para não haver chatices com a garantia.

          Abraços

        • Nelson Lavrador says:

          Pelo seu comentário vejo q é fã da marca mas isso não substitui o bom senso. O preço do 12 aumentou face ao 11 e desta vez sem acessórios e sem nenhuma evolução tecnologica de destaque. É apenas mais um saque de dinheiro aos ja devotados fãs da marca. Tudo mt bonito c o ambiente e tal mas os carregadores anteriores poderão não fornecer o carregamento mais adequado (p nao falar do marketing ja no 11 q oferece fast charging no equipamento mas vem um carregador normal e se quiseres fast charging compras á parte (ridiculo)). E q tipo de serviço é este q um novo cliente q queira migrar doutra marca para a Apple terá q comprar earphones e carregador (normal no min) á parte? O q vale é q por mais moda q isto poderá vir a ser, existem sempre marcas q usam isso a favor e vão continuar a oferecer acessorios acompanhado de novo equipamento como marketing inverso. Se querem combater o ambiente existem muitas outras formas e incentivos “caro cliente traga os seus acessorios antigos p reciclagem e oferecemos um pequeno desconto no novo equipamento”. Enfim…eu por ex não tenho qs nenhum acessorio extra visto q qd pretendo um novo vendo anterior, o q ja nao serve p ti serve p outros.

      • Flavio Ribeiro says:

        O meu carro nao tem alternador… uhm e agora? é rediculo mas tem uma certa logica o telemovel tem o carregador wireless logo nao se pode dizer que nao tras o seu proprio carregador!

    • ABC says:

      Por mim já podiam tirar a entrada Lightning e ficar sem entrada que cada vez serve para menos.

      Seja por dinheiro ou não as coisas precisam de evoluir e não há dúvida nenhuma que o futuro é sem portas físicas por isso que retirem portas e carregadores. Pelo menos que haja uma empresa que faça evoluir o mercado.

      A e tal mas quero a porta 3.5 para ligar os meus fones mais antigos. Mas qual fones mais antigos? Estamos a falar de tecnologia, se querem evolução, evoluam com ela, se é para melhor não vejo motivos para não o fazer.

  2. PORTUGAL says:

    Remover o carregador é um absurdo, mas qual o mal de remover os fones? Lol

  3. Xnelox says:

    Tiram o carregador para ser mais ecológico, mas meteram-lo à parte noutra caixa embrulhado em plástico. Deste modo, o consumidor vai poluir mais porque vai se deslocar novamente no seu carro a uma loja para comprar o carregador, vai deitar fora 2 embalagens. Apple a ser chica esperta e a dar um nome errado à acção comercial

  4. Gustavo Jorge says:

    Ainda não percebi pq só em França vão continuar a ter os dois acessórios. Em que medida estes assessórios fazem mal as criaturas! Sei que o próprio telemóvel emana alguma radiação através das antenas mas os fones e o carregador também.

  5. Carlos Barata says:

    Leu a notícia?

  6. iDespairing says:

    Acho que o mercado já tem maturidade suficiente para remover carregadores. Eu pessoalmente nao os uso a anos anos, tenho wireless charging em casa, carro e escritorio. Quanto a earpods acho que cada um escolhe e compra os que mais gostam. Alias muita gente os deixa na caixa e nunca usa os mesmos.

    • whatevs says:

      É por causa de gente como tu, que as empresas fazem o que querem e tu dizes, ah ok, é normal, não uso, não preciso, já tenho muitos. Então sendo assim aconselho-te a comprar o teu próximo carro sem alternador, quando a bateria morrer, metes a carga com um aparelho que deverás ter em casa, ou com o alternador do teu carro antigo. Giro né? A mesma coisa se aplica em que vais comprar um PC novo e usas a PSU ou o carregador do teu PC antigo pq que já tens um. Lógica da treta. Vocês que adoram a maça realmente concordam com tudo

  7. art says:

    Se repararem bem o preço quase não se alterou de um modelo para outro em resultado da falta dos carregadores, mas a Meo anda a aproveitar para vender iphones 11 ao preço que sempre os vendeu , quando a própria apple baixou os preços .

  8. Marcelo says:

    Eu tenho vários phones que vinham com os telemoveis (pelo menos 2 conjuntos) dentro da caixa porque nunca os usei, uso uns 3rd party com muito mais qualidade, por isso não me choca que não traga phones, acaba por ser um desperdicio de facto.

    Relativamente ao carregador, bem, os iPhones continuam a trazer o cabo com entrada USB, tudo bem que de momento é USB-C, visto estar a tornar-se o padrão, mas o que é certo é que cá em casa há montes de adaptadores 220v – USB que já não são usados, que irão para o lixo eventualmente.

    Com a massificação de pequenos eletrodomésticos que se ligam à corrente por cabo USB, cada vez faz menos sentido incluir os ditos adaptadores na embalagem, optando a malta por ter um adaptador 220v com multiplas portas USB, acabando desta forma por efectivamente se reduzir o desperdicio.

    É uma decisão que não me choca, sinceramente

  9. whatevs says:

    BREAKING NEWS:
    IPhone 13 vem sem porta de Lightning/USB-C
    Iphone 14 vem sem botão de volume, porque apenas o botão de power chega

    • Vítor M. says:

      Olha que é o caminho. Aliás, deixou cair o botão Home mecânico e passou a háptico. Notaste diferença? Sim, para melhor. Depois deixou cair o botão home para os gestos. Notaste diferença? Sim para muito melhor (arrastou logo outras marcas atrás). Outras marcas já deixaram cair os botões físicos de volume, vai funcionar, mas ainda não têm no sistema operativo uma base que se ligue perfeitamente ao hardware, mas vai funcionar e a Apple vai colocar isso no futuro também.

      Botão power? Um dia destes cai, basta os toques, como já temos os toques nas costas do telefone para fazer muitas ações, invocar aplicações e até desligar o ecrã. Mais dia menos dia, sai no acelerómetro a capacidade de ligar e desligar. Não tenhas dúvidas, é esse o caminho e não foi só a Apple que o mostrou 😉

  10. Hélder Lemos says:

    Se a intenção de reduzir a pegada ecológica da Apple é genuína, o preço do equipamento em França será mais caro.
    Não acredito nessa intenção por parte da Apple, pois a única coisa que os move é lucros. Existe outras formas de reduzir a pegada ecológica como adoção de mais Standards da industria, por exemplo USB-C, e não foi dado nenhum passo nesse sentido.

  11. Joao Madeira says:

    De facto quase todos temos em casa carregadores, cabos e phones de outros aparelhos. Por isso poderia fazer sentido esta postura da Apple. Hoje em dia, em vez de se dar importância à autonomia da bateria, apregoa-se a velocidade de carga de cada carregador. Pelo que há uma variedade imensa de carregadores e tipos de carregamento para de cada smartphone que aparece (15W, 30W, 60W, 100W…). A Apple, para além de introduzir a USB-C – deixando agora milhões de cabos lightning sem qualquer utilidade para as novas gerações de apple gadgets – está a apostar num carregador próprio com uma mecanismo magnético – que TODOS terão de comprar; vai ser uma fonte BRUTAL de rendimento adicional para a Apple e para os fabricantes de carregadores e capas compatíveis com a Apple. Parece-me uma abuso fazer esta aposta num momento em que trocam o sistema. Mas as vendas estão garantidas….

  12. GTi says:

    Razões ecolologicas muito validas, sem duvida (sarcasmo)…

    Os adaptadores de corrente que eram incluidos nas caixas dos iPhones antes? USB-A… Curiosamente qual é o cabo incluido neste novo iPhone? Lightning (essa parte liga ao iPhone portanto é igual as batatas, outra historia), Lightning para USB-C, invalidando todos os adaptadores de corrente previamente incluídos. É por causa que o USB-A não suporta 15W de carga? Hmmm… Qual é a vossa opinião acerca disto?

    E para rematar, não me admirava nada que a apple incluísse alguma protecção contra a utilização do cabo Lightning para USB-A. Eu não estou a atacar só por aquela palha a apple, faria a mesma abordagem independentemente da marca

  13. Luis says:

    Não tenho iPhone, vou comprar um novo agora e não tem carregador? Que lógica é essa? E depois compro á parte , ou seja o dobro do plástico, caixa etc.. Os auriculares ainda vá agora o carregador? Era melhor pedirem o appleid aos clientes, quem tiver ou seja já foi cliente fica com desconto no valor do carregador, os novos compradores compram ao preço original. não é uma solução muito econo, perdão ecológica?

  14. Gomes says:

    Malta, a Apple tirou o carregador a todos os equipamentos que vende, não é só ao iPhone 12.. Já foram ao site deles ver? Agora nada trás carregador, ou phones.. Isto tudo para poderem vender isso a parte. Sim, porque esses acessórios continuam a venda, mesmo eles dizendo que toda a gente tem em casa… LOL.. Apple.. Sempre a mesma…

  15. Jose Abreu says:

    Seria o caminho correto se descontassem no preço …. contudo se tentarem eliminar a cablagem será o fim da marca. Os consumidores não aceitarão tantas limitações da marca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.