PplWare Mobile

Vamos começar a programar para Android?


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. sgalmeida says:

    Viva Pedro!

    Excelente! Vem mesmo a calhar! 😉

    Abraço!

  2. André says:

    Muito bom! Já não era sem tempo uma rubrica dedicada ao desenvolvimento em android 🙂

    Só acrescento que, ao acrescentar o ADT ao eclipse, pode surgir um erro devido à ligação ‘https’. Eu tive problemas com isso ao instalar no Ubuntu. É só substituir por ‘http’.

    Fico à espera de ver continuação nesse tutorial 😀

  3. Excelente artigo Carlos Rodrigues e José Afonso, continuem com o óptimo trabalho 🙂

  4. CMTuga says:

    Óptimo artigo, continuem o trabalho!

    Cumps.

  5. Pedro Pinto says:

    Parabéns aos autores do artigo. Vamos agora preparar alguns tutoriais/dicas para começarem a programar para Android. Se alguém quiser contribuir envie-me um e-mail.

    Pedro Pinto

  6. Sarev0k says:

    Muito bom.. estou para explorar esta area a algum tempo mas nunca tive paciência.. talvez este artigo dê o empurrãozito que preciso 😉

    • Emerson says:

      Também, há tempos estou ensaiando para desenvolver programas e jogos para celular e sempre pensei em focar primeiro na plataforma Android.

  7. André da Silva Pato says:

    Estou ansioso para que apareça o próximo artigo ! Excelente tópico

  8. Ikari-Pt says:

    Eu axo que o codigo tem um erro.
    Onde esta “tv.setText(“Hello, Android”);”
    deveria ser “tv.setText(“Hello, World”);”
    Visto ser uma comunicação do Android para o exterior, e não o contrario.
    😛

    Fora isso boa iniciativa, já tinha o SDK instalado (1.6) mas tb so tinha feito duas aplicações simples pois não mexo mto em java.

  9. David Soares says:

    Bom artigo!

    Venham mais 😉

    Vai ser desta que começo a perder uns minutos com Android…

  10. Ricardo Ferreira says:

    Fiquei com o bichinho por causa deste artigo!!

  11. Pedro Raposo says:

    Para quem está interssado existe, para programadores .Net (C#) o mono for android (http://mono-android.net/) e já agora para ios o monotouch(http://monotouch.net/Store), pena é serem pagos.

    • Carlos Matos says:

      O mono é excelente, pena ser tão caro (400USD na versão mais barata tanto no mono-touch para iOS como no monodroid).

      Compensa para quem tenha uma larga experiência em .NET e pretende construir aplicações para colocar no market (e obter lucro com isso).

      Na minha opinião, para quem pretende apenas iniciar-se no mundo das apps móveis, penso que é sempre melhor aprender a linguagem nativa (Java no android, C#/VB.NET no Windows Phone 7 e Objective C no iOS).

  12. Alexandre Alves says:

    Para quando o uso de SQLiteDatabase? 😀

    • Pedro Pinto says:

      Uiiiii..vamos com calma. Primeiro temos de ensinar o básico 🙂 Depois de saberem o básico é só ter ideias para começar a desenvolver.

      Mas estás com alguma dificuldade no SQLite? tenho isso a funcionar as mil maravilhas 🙂

  13. José says:

    Excelente tutorial! Parabéns!

    Um dúvida, se o build target for a versão 3.0 o software desenvolvido funcionará sem problemas nas versões anteriores (2.2 por exemplo) ?

    Cumprimentos

  14. Tuna says:

    O emulador de android e uma porcaria, se quiseres fazer aplicações que usem acelerómetros da um trabalheira termenda, e se quiseres WIFI nem deuses tentes

    • Carlos Matos says:

      Podes sempre executar a aplicação num dispositivo real para esse tipo de testes.

      Um emulador é apenas isso mesmo (não é só o de Android).

      Da minha experiência, 90% das vezes o emulador é suficiente para testar, sem a desvantagem de ter o smartphone sempre ligado ao computador.

      Em relação ao WIFI, não percebo o que queres dizer, pois o emulador “herda” a ligação do host. Se o host tiver ligação, por default, o emulador também tem.

  15. bigkax says:

    Eu andava a brincar com opengl e física mas diminui o consumo de cafeína e perdi o interesse… tenho que retomar “acção”…

  16. Simões says:

    Excelente, aguardo por mais

  17. nilus says:

    Já agora alguém sugere livros sobre programação android, é que o meu projecto final de curso é mesmo desenvolver uma aplicação para android.

    • Daniel Belém says:

      Boas.

      Podes optar por este que é muito bom pelo que dizem:

      Beginning Android 2 by Mark Murphy.

      Acho que tens para versao 3.0, e depois versao beginnig e PRO

      Abraço

  18. Rui Campos says:

    Muito bom 😉
    Parabéns!

    Quero mais e mais 😉

    Obrigado

  19. JohnCN says:

    Muito bem! Parabéns pelo tutorial e acima de tudo pela iniciativa de arrancar com este tema! Continuem!

  20. Lopes says:

    Venham mais artigos, este é para seguir integralmente 😀

  21. ze says:

    Haveria de ser interessante ter algo como o adobe flex para android.

    Não para programar flash mas sim java, com possibilidade de ir vendo a interface.

    Já utilizei o appinventor mas é um pouco limitado.

  22. João says:

    Por acaso fiz isto na semana passada, no ubuntu, baseado no “original”
    http://developer.android.com/sdk/installing.html

    Ainda não tive tempo para investigar muito, mas um problema que saltou à vista foi o emulador que não fecha a não ser com kill forçado do processo, fazendo com que o eclipse deixe de responder.

  23. Nelson says:

    Para quem gosta de programar em C# podem experimentar o MonoDroid http://monodroid.net/

  24. O hello world do android são as apps de flashlight com escolha de fundos diferentes.
    Isto porque o Eclipse já cria sozinho uma espécie de hello world por defeito, e com a app da flahslight aprende-se por exemplo a mudar de layout ao clicar no botão ou ecrã.
    De resto é uma excelente dica a ver se incentiva mais pessoal ao mundo do android.

  25. troll says:

    isso dá dinheiro?

    • Pedro says:

      Quando a dinheiro, eu desenvolvi um jogo de tabuleiro (White Reversi) precisamente para experimentar a programação em Android e ver como funciona o market.
      Como já existem várias apps para este tipo de jogo no Market, não estava à espera de uma grande resultado. Mas, de qualquer forma, lá desenvolvi a app e adicionei uma publicidade com o admob. Até agora “recebi” $0.32. Que fartura 🙂

      Acho que vou ter que trabalhar um pouco mais para tentar inventar um novo “Hungry Birds”.

      • Pedro says:

        Correcção: Angry Birds

        • De facto tenho andado a estudar para programar para android e tambem gostava de fazer a pergunta o mais directamente possível, vender apps dá dinheiro?
          Quando vamos ao market, vemos la que a app tem por exemplo entre 1000 e 5000 downloads, sabendo que 50% vai para eles mesmo assim sao pelo menos 1000 vendas.
          Dessa forma acredito no lucro, ter uma versão demo e uma versão PRO parece-me ser o caminho a seguir.
          A publicidade para androi é algo que qualquer utilizador consegue sacar uma app e oculta-la, eu já o fiz da ultima vez que actualizei a rom e faço-o com frequência sempre que sai um update para a minha rom.
          Se alguem tiver experiência com apps vendidas no market da android agradecia que dissesse alguma coisa. Pelos vistos não sou o unico a querer saber.

  26. varader0zs says:

    Bom trabalho e espero ver a continuação destes artigos 🙂

  27. Kaser says:

    https://dl-ssl.google.com/android/eclipse/

    Google

    404. That’s an error.

    The requested URL /android/eclipse/ was not found on this server. That’s all we know.

  28. dockme says:

    Quero um telemóvel com android!

  29. Lopes says:

    é normal a aplicação android demorar tanto a arancar? depois de executar tive que esperar uns bons minutos, ou talvez seja da minha máquina 😀

  30. Lopes says:

    gostava que me indicassem bons guias na net, para alem destes feitos no pplware, para ensinar a programar para Android, já conheço o site oficial, mas outros hão-de haver.

    E já agora, bons livros existem? Ou nem vale a pena pegar em livros?

  31. Tarrinho says:

    5 estrelas.

    Thanks

  32. Afonso Filipe says:

    GENIAL!

  33. jmartins says:

    Boa Tarde. Agradeço uma ajuda. Estou a tentar instalar o Android SDK mas dá-me o seuinte erro: java SE development Kit (JDK. já fui à págima da Oracle e já fiz o download. Quem me porde ajudar, agradeço.

    • João Correia says:

      Boas,
      Na pasta onde está o jdk tens um zip com algumas libs que não foram logo instaladas, experimenta fazer o extract, não sei se será isso que te falta.
      De qualquer forma eu tb não consegui instalar o ADT com o executável, tive que sacar o .zip e instalar a partir daí

  34. Luís says:

    emulator: ERROR: no search paths found in this AVD’s configuration.
    Weird, the AVD’s config.ini file is malformed. Try re-creating it.

    Como resolvo?

  35. Nuno says:

    Bom dia. Estive a tentar instalar, como é sugerido aqui no site..quando se coloca a parte do http://dl-ssl.google.com/android/eclipse/…diz que não encontra….alguem sabe o que se passa?

  36. Vitor says:

    Não consigo por a coisa a funcionar
    Quando voi criar o dispositivo virtual dá-me o seguinte erro.

    [2011-06-13 23:21:08 – SDK Manager] Error: null

    Será que alguém me pode ajudar, s.f.f.?

    Obrigado

    • Programadora says:

      Vitor também estava com esse problema , busquei em fóruns e não achei nada , tive que tentar por conta própria.

      Desconfiei que fosse alguma incompatibilidade com meu sistema que é de 64bits( li algo a respeito de que o SDK do android não funciona com JDK 64bits)

      Tive que baixar eclipse 32 bits e JDK 32 bits também.(Instalei tudo na parte de programas x86 do sistema,porque antes estava o eclipse na de 64)

      Ae quando fui instalar o SDK do android funcionou numa boa, sem ter dar aquele erro no inicio e que depois “deixa” agente instalar.
      Fazendo isso você vai conseguir utilizar a plataforma numa boa.
      Comigo funcionou, boa sorte!

  37. Ricardo says:

    Bom dia!! Desde já parabéns pelo tutorial.. Estou com um problema, penso que fiz todos os passos correctamente. Quando vou correr a aplicação, no rum só tenho java beans, não tem Android, alguém sabe como resolver isso?

    Obrigado desde já!

    Cumprimentos,
    Ricardo.

    • João Correia says:

      Boas,
      experimenta com o botão direito em cima do projecto, Run > Run Configurations e hás-de ter na browser tree a tua app debaixo de Android Application. Selecciona e Run.
      Se não der provavelmente não terás criado o projecto como android…

  38. Conimbrigae says:

    Segui os passos todos (tentando suprir as lacunas), mas realmente não consegui instalar isso. Precisava que explicassem isso como se fosse para uma criança de 4 anos (talvez seja mesmo esta a minha idade mental).

    • João Correia says:

      Boa tarde,
      Se quiser tentar explicar os erros que tem ou a parte que não conseguiu fazer do tutorial pode ser que alguém consiga dar o empurrãozinho que falta 🙂

  39. Ricardo says:

    Boa tarde,

    estou com outro problema :)… quando corro o projecto demora muito tempo abrir, depois aparece uma janela, e posteriormente aparece android e nunca mais sai dali, será do meu PC? core-2-duo, tenho 2gb de Memória Ram.

    Obrigado.

    • João Correia says:

      Isso já me aconteceu pontualmente, mas basta voltar a tentar e já funciona.
      E aparece algum erro no logcat(Window>Show View > Android > LogCat)? Ou o problema é antes?

  40. Milton Rodrigues says:

    Boas, quando peço para correr a aplicação, e após ter seguido o tuto, surge este erro na consola
    invalid command-line parameter: and.
    Hint: use ‘@foo’ to launch a virtual device named ‘foo’.
    please use -help for more information

    Como corrigo isso?
    já estive a “mexer” em run config’s… mas continua com erro!

  41. Juliano Girardello says:

    Olá Milton e todos outros programadores que estão com este erro:

    invalid command-line parameter: and.
    Hint: use ‘@foo’ to launch a virtual device named ‘foo’.
    please use -help for more information

    coloque a pasta do sdk em um lugar como: C:/android
    ou seja o nome da pasta sem espaços!

    o erro é causado simplesmente por isto!
    Agradeçam!
    Email j-girardello@hotmail.com

  42. Rui Nunes says:

    Boa tarde, quando peço para correr a aplicação, e após ter seguido o tutorial, a única coisa que aparece no ecrã do emulador é a palavra ANDROID_ e não a sting que encrevi.
    tv.setText(“Olá Rui, Bem Vindo!”);

    O que se passa?
    Cumprimentos

  43. KikoO says:

    Boas Tardes,
    Decidi começar’me a dedicar ao android visto que acabei de adquirir um tablet mas ao fazer download do eclipse, fiz de uma versao mais recente penso eu pois ao chegar ao passo 4 aparecem as apps pa instalar mas nao aparece a barra do lado esquerdo onde asseguir se vai criar o dispositivo virtual.

    Se alguem me pudesse dar uma ajuda agradescia 🙂

    • KikoO says:

      Boas novamente,

      Esse problema acima mencionado ja o resolvi, mas agora ao fazer run na aplicaçao da’me um erro na consola:

      [2012-03-10 09:30:35 – HelloMobilestone] Could not find HelloMobilestone.apk!

      Alguem pode ajudar ??

      • KikoO says:

        resolvido….sem querer cliquei algures num botaO que naO sei onde e começou a dar apenas o errO que o Rui nunes referiu de apenas dizer ANDROID_ na janela mas aguardei um pouco e começou a abrir xD

  44. João Jorge says:

    Boas,
    Alguém sabe como colocar um widget a ler as músicas da biblioteca do telemóvel ?
    Agradeço toda a ajuda possível.
    Obrigado.

  45. Tiago says:

    Boas, alguem sabe onde posso encontrar um manual de programação android em portugûes?
    Obrigado.

  46. sergio matos says:

    ola tutorial muito fixe mas tenho um problema instalo tudo muito bem mas quando inicio um projecto novo não tenho a opçao new android project mas sim new android application project é a mesma coisa?

  47. Filipe Leandro says:

    Deviam incentivar a usar o Intellij em vês do Eclipse.
    A configuração é miníma, o IDE é muuuuito melhor, não dá erros estranhos e tudo funciona como é suposto.

  48. Muito bom!!!
    Com post’s destes só não começa quem não quer…

  49. i always win says:

    onde está o botão do passo 4 ???
    agradecia muito resposta…obrigado

  50. Roberto says:

    Fiz tudo certinho … e na hora que chamo o Run … ele executa … porem fica somente com uma tela preta …. com a palavra ANDROID .. piscando …. ja tentei fazer os outros exemplos deste site mas todos dao o mesmo resultado … alguem pode me ajudar????

  51. Ana Luisa says:

    Boa tarde,
    Eu estou a seguir os passos , e não sei onde criar (Android Virtual Device ou AVD)

    Alguma Sugestão
    Obrigado

  52. João Santos says:

    Boa tarde.
    Estou com um problema no passo 4 pois quando eu clico no simbolo que vocês colocaram no tutorial leva-me para uma pasta “Android SDK Manager” e não para aquela que vocês apresentam.

    Aguardo resposta.
    Obrigado.

  53. Miguel Vieira says:

    Boas pessoal, eu estou a desenvolver um leitor de musica para android e gostaria de saber o que devo usar eclipse ou titanium? E que ide’s devo usar…. agradecia uma resposta ainda hoje obrigado

    Cumps.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.