PplWare Mobile

O mito da calibração da bateria no Android


Autor: Ana Narciso


  1. Daniel Gomes says:

    Cheguei a usar esse método quando tinha um Android.

    Agora a normal descarga completa mais recarga, e não deixar muitas vezes a bateria chegar a 0 já eu faço à muito tempo 🙂

  2. Nelson N. says:

    Yep, convem fazer re-calibração da bateria de tempos a tempos.

    já tinha testado a algum tempo no meu Android e Nokia, e realmente a recalibração da bateria, fez “aguentar-se” mais umas horas.

  3. Nelson N. says:

    No entanto tb existe a situação do governors. ja utilizei 2 tipos.
    powersafe e smartassv2 com clocks no max.
    Neste momento, estou a usar o smartassv2 ( scalable ) e ao q parece gere um pouco melhor a bateria.

  4. José R says:

    Sem dúvida que a calibração da bateria é importante, não só no android, mas em qualquer equipamento.

  5. Belo artigo explicativo. Desfazer falsos mitos é de uma extrema utilidade!

  6. Mário Cardoso says:

    As Recoverys (como a CWM ou a AmonRa, entre outras) têm uma opção para fazer “Wipe” à bateria. Suponho que esse Wipe é o apagar do ficheiro mencionado no artigo, logo deverá ser inútil realizar essa operação, correcto?

    • Hugo Cura says:

      Correcto. Como explicado pela Dianne Hackborn, o batterystats.bin serve para guardar informações relativas ao estado da bateria em determinado instante. Ao colocar uma ROM diferente e respectiva alteração de kernel ou parâmetros energéticos, deixa de fazer sentido utilizar dados de um batterystats.bin criado numa ROM anterior.
      Portanto, é recomendado fazer o “Wipe battery stats” pois o sistema criará um novo com informação correcta e actualizada.

  7. cc says:

    limpar as batterystats entre flashs de ROMs é um procedimento recomendadíssimo, e que evita problemas com a primeira carga. eu por exemplo já me aconteceu fiar-me nessa de que não iria fazer diferença coisa nenhuma e um dia a bateria começou a descarregar como nunca, limpei o batterystats e ela mostrou-me que apenas tinha 30% em vez dos 65% que mostrava. ou seja, é bom apagar quando se flasha outra ROM para o telemóvel não “pensar” que tem determinada bateria e não tem.

  8. Filipe says:

    Bom dia,

    Gostaria de saber qual, caso exista, a melhor aplicação para fazer esse controlo de ciclos da bateria.

    Cumprimentos

  9. Xis says:

    Após a leitura deste artigo concluo que as baterias de lítio devem ser utilizadas da mesma forma das antigas de níquel. Ou seja, convém fazer cargas e descargas completas para manter a sua capacidade total. A única diferença será que as baterias de níquel ficam “viciadas” de forma irreversível, enquanto que nas de lítio, com um ciclo completo conseguimos repor a capacidade da bateria.
    Estou certo????

    • Hugo Cura says:

      Nem por isso.
      Ao fazer cargas e descargas completas não vamos “ressuscitar” capacidade adormecida. A bateria, quer seja carregada 20 vezes de 90% a 100% (ou seja, nunca a deixar baixar de 90%) ou carregar 4 vezes de 50% a 100% é a mesma coisa, não lhe acontece nada de mal por isso.
      Os únicos motivos para fazer uma descarga/carga completa periodicamente é a calibração do sensor de capacidade e o movimento dos iões, dependendo da forma como a bateria está construída internamente.

    • Mr. Antunes says:

      Errado, deves tentar ter a bateria sempre entre os 30% e os 80%. De outro modo ao carregar a bateria esta vai aquecer mais, e o calor esse sim é um belo inimigo.
      Se queres maximizar o tempo de vida útil da bateria deves tê-la entre esses valores e só de vez em quando fazer um ciclo completo de forma a calibrá-la caso tenhas notado um GRANDE desfasamento.

  10. O meu só leva carga estando a menos de 4% e desliga-se da carga com pelo menos 95%. Só em casos excepcionais é que o desligo ou ligo antes dos valores mencionados. E tenho bateria num x10 para 2 dias 🙂 (com uso regrado, 1 dia uso intensivo)

  11. Anónimo says:

    offtopic:
    Qual a diferença entre baterias de iões de lítio (Li-ion) e polímeros de lítio (Li-Pol)? Quais as vantagens ou desvantagens entre uma e outra?
    Se carregar uma bateria de polímeros de lítio (Li-Pol), com corrente diferente da que está referenciada no manual estou de alguma forma a danificar a bateria?

  12. Mr. Antunes says:

    @Ana

    Penso que andas preocupada com a bateria do teu SGS…?
    Já tinha respondido num artigo anterior teu mas não sei se foste tu que aprovaste o meu comentário, caso não tenhas visto –> https://pplware.sapo.pt/truques-dicas/android-sgs-como-instalar-a-stock-rom-xxjw4-2-3-6/comment-page-1/#comment-570214

    • Ana Narciso says:

      Mr. Antunes,
      Sim, vi o teu comentário 🙂
      Não, não foi por causa disso. Simplesmente já tinha ouvido falar deste mito e decidi investigar um pouco mais e escrever um artigo sobre isso, that’s all 🙂

  13. Carlos Suarez says:

    Pra mim funcionou perfeitamente, eu tinha atualizado a rom do meu tablet e depois disso não estava carregando 100% a bateria, também achei estranho que a bateria estava aparecendo com 4000mA sendo que ela é 3000mA, fiz o processo para calibrar a bateria e agora ela esta garregando 100% e lendo certo como 300mA, alé de que está durando muito mais.
    Pelo menos pra mim funcionou :p

  14. BlinZk says:

    Quem tiver um SAPO A5, ou uma ROM semelhante, poderá fazer desta forma
    http://sapoa5.rafaelsouto.com/?p=859

  15. Valente says:

    Certos fabricantes recomendam nos seus manuais, que, após a carga da bateria estar nos 100% ,se deve deixar ainda o carregador ligado uma hora ( outros dizem 2) afim da carga se estabilizar. Como está escrito isto no do meu Toshiba eu tenho acreditado e feito isso. É o que acontece a quem lê os manuais…
    E o que pensam desta dos fabricantes?

    • MJCT says:

      Penso que só recomendam isso na primeira vez que se carrega a bateria e o tlm é novo. A pertir dai pode-se e deve-se desligar o carregador quando chega a 100% ou até um pouco antes

  16. Rui says:

    Desconhecia esse “sensor de capacidade” mas a leitura deste artigo acabou por resolver o problema da minha bateria do SE Arc S.

    Não sei se foi coincidência, mas depois de instalar o ICS comecei a ter diariamente diversos drops de bateria associados a breaks do telefone. Alterei de ROM mas o problema manteve-se.

    Tentei inclusivé efectuar a limpeza do tal ficheiro mas não resolveu nada.

    Como os meus ciclos de recarga eram maioritariamente em 20%-100%, e muitas vezes vezes não deixava carregar totalmente até aos 100%, o sensor deve ter começado a ficar “baralhado”.

    A verdade é que deixei descarregar a bateria por completo, fiz um novo ciclo de carga completo e nesta carga o telefone nem deu de si. Os reboots eram constantes ao longo do dia e depois da bateria totalmente gasta não tive qualquer problema.

    Talvez seja recomendado efectuar ciclos completos de descarga/carga periodicamente, mas não diariamente. Vou testar.

    Grato pela informação

    • Ana Narciso says:

      Até que enfim alguém que percebeu o artigo!
      Sim, Rui, é aconselhável fazer isto muuuuito ocasionalmente (pois não é saudável, no entanto permite saber a real capacidade da bateria). Principalmente quando se muda de ROM.

      Ao ler 90% dos comentários aqui colocados, as pessoas continuam a dizer que se deve apagar o batterystats.bin, mas tal é FALSO. O que contribui para a calibração é o tal ciclo completo de descarga/carga. 😉

      • Rui says:

        Mesmo depois de ler o artigo fui pesquisar sobre o facto de as baterias de Lithium serem descarregadas totalmente.
        É claramente desaconselhado, pode levar a que as baterias deixem de funcionar de vez. Acontece que isso nem sequer chega a aconter nos equipamentos visto eles desligarem-se antes desse ponto.
        Creio que seja aqui que isto pode gerar alguma confusão.

        Cumps

    • Paulo Ferreira says:

      Pois eu também tenho um SE Arc S e há tempos em que faço um uso minimo do tele, tanto que já estive 6 dias com uma carga, mas também já aconteceu estar 22h de bateria. O que tem vindo a acontecer de tempos a tempos é a bateria gastar-se no espaço de meia dúzia de horas, mas assim do nada e sem qualquer razão aparente. Ainda tenho o sistema Android 2.3 xD
      A primeira vez que aconteceu deixei descarregar por completo, mas desta última não deixei. Noto que tem vindo a melhorar.

  17. Rui Mesquita says:

    Acho que já foi referido, é muito importante fazer a recalibração da bateria, principalmente quando se troca de ROM ou até mesmo Kernel, até porque a gestão da energia é feita no Kernel. Nas ROM’s personalizadas como é o caso da Cyanogenmod, que usa o recovery tem lá a opção de wipe aos stats da bateria, que não deve ser mais do que apagar o dito ficheiro de forma mais “dinâmica” 😀

    No entanto tal como nos portáteis o que conta mais são os ciclos de carga/ descarga 😀

    • Pedro Veloso says:

      Essa opção está lá por motivos históricos de mau comportamento da gestão do ficheiro batterystats.bin em dispositivos como o G1 ou Htc Magic em determinadas ROMs. Hoje em dia já não faz sentido e deveria ser removida.

  18. Martin says:

    Recomendo a não utilização da expressão “calibrar a bateria” pois tal continua a induzir o utilizador em erro, deverá ser ” calibrar o chip controlador da bateria”.

    Quando deve ser executado? Somente quando detectarem que os valores reportados diferem significativamente dos valores de leitura supostamente correctos.
    Como deve de ser do conhecimento de alguns, uma descarga completa numa bateria de lítio representa a sua morte,tal situação em utilização normal é difícil de acontecer pois o chip indica bateria vazia, mas mantém sempre alguma carga, essa pequena carga nunca deverá ser removida. Especial atenção a baterias descarregas que depois são guardadas sem utilização por longos períodos de tempo

  19. Helder Coelho says:

    Bom artigo.
    Bons comentários.
    Fiquei esclarecido.

  20. torres says:

    boas
    como encontro esse ficheiro no samsung galaxy s I9000?
    Obrigado

  21. Fábio says:

    Boa noite
    Eu tenho o Sony miro à 2semanas e ele não carrega até aos 100& fica a 99%. Gostava de saber como resolvo isso. E como funciona isso da rom e root.

  22. Bruno Siqueira says:

    Eu adquiri um Samsung Galaxy Note a pouco mais de 2 semanas, e no primeiro dia já atualizei o Android para 4.0, minha bateria novinha não segura carga por muito tempo, com menos de 24 horas de uso básico (sem jogar, ou usar aplicativos que utilizam muita bateria)eu tenho que carrega-la, e com diversas pesquisas achei depoimentos que a bateria desse aparelho é ótima, durando mais de um dia usando as funcionalidades que gastam mais bateria, e o meu dura horas. Por favor só para ver se eu entendi, deixando minha bateria descarregar totalmente, e posteriormente fazendo uma carga total é provável que seu rendimento melhore, ou no caso ocorra da forma que tem que ser? Realmente o fato da atualização do Android pode embaralhar minha bateria?

  23. Bruno Siqueira says:

    Os boatos da necessidade de realizar ROOT para poder calibrar a bateria (apagando o tal arquivo da bateria) não é verídico, certo?

  24. Jéssica Garcia says:

    Utilizo um app “Du economia de bateria”, quando a mesma chega nos 20% ele avisa para fazer “carga saudavel” , mas espero chegar nos 15% e carrego, deixo chegar até 100%. O meu procedimento está correto ? tem um app melhor ?

  25. marcos says:

    Bom dia, o meu samsung galaxy pocket tem aproximado 3 meses de uso e notei que a bateria dura pouco, so qdo em stand by e que dura mais e tambem quando descarrega a hora e data desconfiguram e mesmo estando desligado fica consumindo energia ou seja, se desligar a noite com um ou mais traços de bateria no outro dia ta zerado,.

  26. henrique says:

    onde fica o batterystats.bin ???

  27. Paulo says:

    Existe alguma app que faça isso ??????

  28. Allax says:

    Depois de seguir os passos do Filipe Lourenço:

    “4.Deixar o computador descarregar, ininterruptamente, até hibernar sozinho. Pode usá-lo normalmente durante este período;

    5.Quando o computador desligar por completo, deixar está-lo no estado de hibernação por 5 horas ou mais;

    6.Ligue o computador à corrente para fazer um carregamento ininterrupto até ao máximo da sua capacidade (100%). Pode usar o computador normalmente durante este período.”

    No meu caso não seria computador e sim smartphone, então a minha dúvida é: Após o 5º passo, de deixar sem carregar durante 5 horas ou mais, quando eu finalmente for passar para o 6º passo de carregar, deve-se carregar o celular com ele desligado ou ligado? E qual seria o mais correto?

    Obrigado.

  29. Ericson says:

    Olha, tenho um galaxy y.
    Estava mexendo nele e a bateria estava cheira… der repente ele desliga sozinho e não quer mais ligar, quando eu vi ele estava descarregado mas a bateria estava cheia… porque aconteceu isso?
    estou com medo dele não querer mais carregar ou a bateria durar pouco tempo pois ela durava 3 dias

  30. Sampaio says:

    Boa noite, eu comprei um Galaxy e nao vi no manual quanto tempo devo deixar a bateria carregando e se seria com o telefone ligado ou desligado, to perguntando sobre a primeira carga, poderiam me dizer se fiz correto? deixei ele carregando ligado por 12h diretos.

    desde ja obg pela resposta

  31. Sampaio says:

    Obrigado Ana!!! e parabéns pelo topico.

  32. Douglas says:

    Meu tablet agora fica no carregador, e nunca avisa que está 100% carregado. E também, de uma hora pra outra, junto ao ultimo problema, ele não está mais carregando ligado, apenas pode-se carregar o dispositivo desligado ! Como resolvo ? Obs. Já troquei a bateria do aparelho.

  33. Thalles says:

    Isso quer dizer que eu devo deixar descarregar até 0% pra depois carregar e dps descarregar sem chegar a 0% ,Qual o indicado ? de quanto em qnt tempo devo deixar a bateria no 0% ? Obrigado

  34. Stephanie says:

    Quando a bateria de um celular descarrega completamente é necessária uma carga extra de bateria para ligar o aparelho?

  35. Daniella Silva Vilela says:

    Porque a bateria do meu Galaxy tab 2 carrega 100% a bateria em 3 minutos, mais acaba rapidamente, sendo que aquela não era a verdadeira carga! Como resolver?

  36. bruna says:

    claro que é ”mito”,aí quando a bateria começar a durar 20 min vc compra outro cel kkkkkkkkkkk

  37. Maraduxo says:

    Ora bem, no meu caso eu carrego quando esta abaixo dos 10% e só desligo depois do segundo toque do battery Doctor que diz bateria 100% carregada.

    Uma vez por semana reinicio o telemovel, para fechar tudo e abrir de novo.

    Não sei se é o mais correcto ou não, mas no meu ver estou a fazer bem!

    Uso o telemovel há 3 anos e a bateria é a mesma.

    Se estiver errado corrijam-me!

  38. Richard says:

    Tenho o costume de utilizar o celular qhando está sendo carregado. Isso causa algum problema relacionado a duração da bateria ou ao próprio celular? Tenho um Galaxy S3.

  39. Jomala says:

    O meu S4 quando chega a 50% desce repentinamente para 0% e desliga.
    Ia tentar fazer esta calibração mas não encontro o ficheiro referido (batterystats.bin).
    Alguem me indica como o encontro ou onde ele está?

  40. Renê Airton says:

    Meu problema é o seguinte: tenho um moto x a quase um ano e a bateria está com o seguinte problema: quando chega por volta de 18~15% ela cai draticamente para abaixo dos 5%, como se não existissem os valores entre 5-15%, por exemplo. Alguem sabe do que se trata?

  41. Luciano Blaszkowski says:

    Olá,
    Meu leitor de bateria está com algumas “peculiaridades” (para não dizer bizarrices). Além do problema q Jomala e Airton citaram acima, de descarregar dramaticamente quando chega a uma certa porcentagem, acontece outras situações:
    – Quando o celular está, teoricamente, zerado, e espeto o aparelho na tomada, a carga que aparece antes de ligar o aparelho é algo em torno de 50%. Qual valor é o real? O que o aparelho indica antes de morrer, ou esse que aparece ao colocar pra carregar e antes de ligar o celular?
    – Em algumas situações assim, quando o celular morre por falta de carga, e a leitura que falei acima aponta valores ainda acima de zero, o celular mostra valores surreais de carga (tipo, 255%) a hora q ligo o aparelho.
    Quem puder ajudar a explicar o motivo de tais bizarrices, e como resolve-las, agradeço.
    OBS: meu celular é um Samsung Pocket.

  42. Nuno says:

    O meu LG G2 tem apenas 3 meses e apresenta esse problema, não sei como, de 5% passou para 6% sem carregar, então comecei a fazer um método que o meu cunhado contou: Carregar até aos 100% e deixar assim por 12 horas, se não der, tentarei o método descrito no tópico 😉

    Novo Seguidor do site!
    O site é ótimo!

  43. Carlos says:

    No meu caso já tive 2 smartphones diferentes com MTK 6582 que ao chegar aos 15% drena em segundos e desliga-se, por vezes deslcalibra de tal maneira que chega aos 30-40% e desliga.
    Já tentei de tudo e nada. Na melhor das hipoteses é chegar aos 15% sem desligar. Só consigo aferir a percentagem correta da bateria de o desligar, tirara a bateria e voltara a por.
    Alguém teve o mm problema?

  44. ruben says:

    Tenho um iphone e a percentagem da bateria é de 1% à 3horas ( ja fiz chamadas , ja foi ao face …..) e nao desliga o que será?

  45. Raissa says:

    Olá tenho um gran duos e a bateria não segura nen 6 horas. Carrega 100% rápido mas chega a 40 % desliga e quando coloco pra carregar mostra que está a quase 50 %. Tentei calibrar de todas as formas com apps mas não mudou nada. Resetei mas continua igual. Alguém pode me ajudar por favor. Obrigada.

  46. Sidney says:

    O meu é um sansung gran duos, já tentei de tudo e a bateria desce pra caramba parado sem usar, e também quando tiro a bateria pra colocar de volta de 100% cai pra 88% a 89%, me dá vontade as vezes de jogar esse celular contra a parede…

  47. Bruno says:

    Tenho que fazer uma calibragem no meu celular

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.