PplWare Mobile

Dica: Como enviar e ler e-mails em modo confidencial no Gmail


Pedro Simões

Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

17 Respostas

  1. Raí says:

    Meu G Suite empresarial grátis (conta antiga) não aparece essa função, alguem sabe o por que?
    Obrigado

    • Amaral says:

      Nas contas G Suite é preciso activar manualmente. Segue os passos:

      Opt in to the Gmail Early Adopter Program:
      – In your Google Admin console (at admin.google.com)…
      – Go to Apps > G Suite > Gmail.
      – In User settings, scroll to New Gmail Early Adopter Program.
      – Click Allow my users access to the new Gmail UI and features.
      – Click Save.

      It may take up to one hour for changes to propagate to all users.

      https://support.google.com/a/answer/7684334

  2. LA says:

    Este modo só deve funcionar pelo Webmail. Como será que se comporta por POP, ou por IMAP. Alguém já experimentou?

    • Redin says:

      Não precisas de ter uma conta de gmail para receber, apenas para enviar. No primeiro caso recebes um código. Recebes uma notificação e dentro do conteúdo do email recebido tens um link para abrir outra mensagem que está no servidor do email do remetente.
      Existem aqui dois ou três perigos associados.
      Uma mensagem de phishing pode chegar ao destinatário de forma a o levar a clicar no link para abrir a suposta mensagem.
      O link poderá ser originado por uma mensagem de spoofing levando a acreditar que vem de um remetente conhecido e confiável.
      A data de expiração pode desaparecer assim que o ataque fora executado dificultando ainda mais o tracking.
      Em resumo, ao fim de 40 anos, ainda não se aprendeu nada com métodos verdadeiros de prevenção. O ónus fica sempre do lado do receptor tendo ele de usar métodos reactivos criados por supostas ferramentas de proteção quando o que se deveria fazer era impedir a propagação livre das mensagens.

  3. Tagus says:

    O Benfica já esfrega as mãos!! xD

  4. Jokka says:

    Também não tenho essa opção win 10 webmail

  5. QuanTeX says:

    Primeiro têm ir as Settings e selecionar a opção “Try the new Gmail”

  6. Altino says:

    bueeeee confidencial

  7. Gilberto Von Doellinger says:

    Só em Windows, ou já dá em Android?

  8. Marco says:

    Querem emails confidenciais? Usem GPG/PGP, usem o protonmail, não usem o google nem o outlook.

  9. Marco says:

    funcionalidade copiada do protonmail.
    se querem privacidade usem gpg/pgp para cifrar os vossos mails, mesmo com o problemas de segurança que apareceram nos ultimos tempos, os vossos emails ficam bem mais privados do q usar este metodo.

  10. Joao Ptt says:

    É sempre divertido ver o conceito de “confidencialidade” associado a “receber uma mensagem escrita no telefone móvel com o código secreto”… como se as redes públicas de telefone fossem um meio seguro para transmitir informação confidencial.
    Também não existe ninguém que crie uma rede/ aplicação transversal a todas as plataformas fixas e móveis realmente segura tipo Threema mas aberta a todos e sem custos para se acabar de vez com esta palermice de enviar sms’s com dados confidenciais. Claro que seria preciso tornar os dados dos smartphones ilimitados mesmo que com apenas 2 Mbps/ 2Mbps por 5€ ou assim para toda a gente ter acesso à Internet e conseguir receber a informação.

  11. Gekko says:

    Modo confidencial seria a google não ser capaz de ler os meus emails…
    Isso só se consegue garantir com encriptação Ponta a Ponta tipo GPG/PGP

    A unica coisa que este modo confidencial trás é passa a ser necessário quem recebe o email meter um código. Mas a messagem continua em plaintext nos servidores da google.

    E como bónus a google aumenta a lista de contactos telefónicos que tem… para a construção dos seus perfis e publicidade direcionada…

    E algo me diz que esta coisa quebra standards, porque ou obriga a abrir o email num browser (o que não me pareceu claro neste artigo), o que derrota o conceito de clientes de email (e tambem do IMAP e POP3.

    Ou tá cheio de html e scripts o que para ser visto num cliente de email obriga a permitir “conteúdo remoto” e html o que é um vector de ataque.

    A sério mais vale usar gpg

  12. Luigi says:

    Será que a Google pede consentimento para tratamento dos dados pessoais do destinatário, já que passa a ter e-mail e telemóvel da pessoa de destino nos seus servidores? …..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.