PplWare Mobile

WinHosts – Controle o seu ficheiro Hosts


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Psyco says:

    O ficheiro de hosts é muitas vezes usado em técnicas de phishing para
    redireccionar utilizadores para servidores que não são os originais.

    b1bpt@fimbre.dsi.uminho.pt

  2. softclean says:

    Na janela, os botões tão todos baralhados 😡 Isso é mesmo assim?

  3. avlis rotiv says:

    Eu ia pegar no ficheiro e resolver esse problema dos botões sobre-postos ás caixas, mas, aqui aparece correctamente…
    Deve ser por ser o sistema que é, se calhar ainda “não é compatível”, visto que está na Internet em 2007 e ainda não há updates…
    É óbvio. Deveria fica ficar assim
    Contudo, bom post! 😉

  4. Shogun says:

    Andava eu a pensar criar um programita destes, mas provavelmente ainda vou criar, porque como desenvolvo o meu ficheiro hosts em casa e diferente do no trabalho por isso da jeito ter uma gestao desses ficheiros.

    Quando acabar eu ponho aki 😉

  5. Luís says:

    Para fazer o downgrade do firmware no iphone alterando os hosts, veio mesmo a calhar,thanks.

  6. R00KIE says:

    Um bocado redundante não, qual a diferença de editar o ficheiro directamente?
    Até faz parecer que é uma coisa muito difícil.

  7. Ricardo Elias says:

    “Este é, tal como dito acima, o ficheiro de excepções do DNS. Ou seja, todos as entradas que colocarmos aqui são sobrepostas às respostas do DNS. Basta que coloquemos um IP e um endereço e essa passa a ser a sua resolução de DNS.”

    O ficheiro hosts foi criado na altura em que nao havia DNS. Aqui o pessoal colocava os IPs e o nome que quisessem. Quando comecou haver mais do que uma mao-cheia de IP, teve/se que criar o DNS para simplificar o processo. Saber que hoje o google tem um IP e um ano depois, outro, torna-se complicado com o uso manual de ‘hosts’. Hoje em dia, da’ jeito para usar quando se tem uma rede local e nao se quer ter o trabalho de colocar um servidor DNS local. (sujestao para um novo post: um servidor simples de DNS local)

    Outra utilidade era de bloquiar spyware de ligarem-se aos servidores principais, colocando o respectivo dominio com o IP 127.0.0.1 (localhost). Quando o spyware tentava a ligacao, falhava.

    Actualmente, o Sistema Operativo primeiro verifica um host (dominio) no ficheiro ‘hosts’ e se falhar e’ que usa o DNS. Nao faria sentido estar a fazer um pedido de DNS para depois descarta’-lo.

    Fica bem!

  8. DreamWave says:

    Este não Conhecia…
    Utilizo no firefox o add-on SwitchHosts .
    Torna-se util para alternar rapidamente entre ficheiros de hosts, já que temos andado a testar configuraçoes novas nos front-ends por aqui no escritorio.
    Em casa normalmente vai á “pata”:
    Iniciar->Executar->c:\WINDOWS\system32\drivers\etc\hosts

    Ou um atalho para o dito.

    Cumpz

  9. hug says:

    Existe alguma coisa do género para mac?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.