Quantcast
PplWare Mobile

Smartphones que mais desvalorizaram em 2022? Android continua a perder para o iPhone

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. IKAROS says:

    Não me admira nada, os Androids começam a desvalorizar a partir do momento que são anunciados.
    Os iPhones por outro lado, durante o primeiro ano de vendas desvalorizam zero.
    Estou a ironizar, claro 😉

  2. Rodrigo Campeao says:

    Tendo em conta que um iphone 11 com 3 anos e mais atualizado e com melhor performance que qualquer android novo de gama media não me admira

    • Realista says:

      E também fica novo, porque como a bateria já não aguenta ninguém o usa.

    • Jorge says:

      não diria em relação ao Iphone 11 mas o 12 sim, o a14 a nível de CPU é mais potente que o a SD 8 gen 1 e a nível de GPU não mas a eficiência do software compensa-o.

      • Galo says:

        Isso do processador é para “inglês ver”… não colocando em questão a superioridade dos Axx vs os snapdragons de topo nos benchmarks(excluindo o recente SD 8 gen 2 que aparentemente bate tudo), a verdade é que na utilização diária é diferente…há modelos android que no uso diário tem melhor sistema de arrefecimento e consequentemente sofrem menos com thermal throttling, acabando por ser “mais rápidos”…e coloco ” ” porque estamos sempre a falar de milesimos de segundo nesta comparações…qualquer topo de gama atualmente aguenta fluidez durante meia duzia de anos na boa.

  3. Realista says:

    Por mim podem desvalorizar 100% mal seja vendido, pois não troco de telefone enquanto funcionar bem…

  4. V.T. says:

    Não sei q raio de estudos são estes, só na minha mão os meus iPhones valem nada… Enfim!

  5. mamba says:

    Podem existir androids bons, mas iPhone é iPhone. E é normal que desvalorizem menos. Simplesmente têm melhor suporte e qualidade de construção quando comparado com a concorrência.

    • Fusion says:

      E não esquecer as atualizações. Que para mim é um dos grandes trunfos do iPhone

      • mamba says:

        sim, foi o que quis dizer com ‘melhor suporte’.
        Para mim, um dos aspetos mais importantes.

      • Galo says:

        Verdade. Mas se nos focarmos nas grandes marcas e/ou modelos na mesma gama do iphone, esse trunfo só existe após 4 anos.

        É sempre melhor ter atualizações do que não ter (a não ser aquelas que acarretam lentidão no sistema). Contudo, não acredito que haja muitas pessoas a querer dispensar uma quantidade relevante de € por um smartphone com 5 ou 6 anos…
        Creio que será preferível gastar um pouco mais e comprar um iphone mais recente, ou então em gastar esse € num android de ultima geração.

      • Bernardo says:

        A Samsung também já se encontra perto de oferecer uma política de atualizações semelhante à Apple, e não só em topos de gama.

        • mamba says:

          Duvido muito. Mesmo muito.
          Até porque a Samsung tem uma gama enorme, com dezenas de dispositivos lançados todos os anos. Com vários cpu’s de fabricantes externos e que variam em diferentes mercados.
          E não são propriamente conhecidos por manter promessas.. Basta ver que o S9, que custava 800€, teve suporte que nem 18 meses durou.
          Apenas acredito quando o vir.

          • Yamahia says:

            A Samsung passou a dar suporte de 5 anos (4 major uptades + 1 de seguranças) .
            Tens aqui testemunhos de pessoas com o A71 um média gama que saiu com o 10 e já receberam o 13 em novembro passado. Não é ficção é a realidade, basta consultar por essa net fora que não é bluff!
            A Oppo já prometeu tentar aproximar mas só para os topos de gama. Aqui é que teremos que verificar se é para cumprir.

  6. Galo says:

    Do ponto de vista do utilizador, principalmente aquele que não compra o smartphone a pensar que o vai vender após 1 ou 2 anos, esta desvalorização no mundo android até nem é má…significa que se consegue comprar um equipamento de topo, com a ultima tecnologia e inovações, poucos meses após o seu lançamento, por um preço “mais justo”. Relembrando que atualmente as grandes marcas do mundo android dão 3 a 4 anos de atualizaçao, até para quem compra em 2ª mão é bom negócio.

  7. Bernardo duro says:

    O meu xiaomi levou uma actualização o Samsung série a leva quatro actualizações e vindo de segurança lixo chinês…

    • Galo says:

      Qual o teu xiaomi? Tenho cá um redmi 4x, que é um equipamento de gama baixa de 2017 (só uso como modem atualmente) e que ainda hoje recebe atualizações de apps do sistema (de versão de android e de segurança nao me recordo ao certo quantas foram, mas seguramente foi mais que uma!). O mesmo com outro xiaomi que ha por cá…o mi 9.
      Quanto ao samsung…sabes que é coreana e nao chinesa certo?

  8. Yamahia says:

    “Smartphone: o Google Pixel XL 2016 desvalorizou 98,6% do seu valor inicial”
    Eles que me arranjem um telefone destes por 12€ que eu vou já buscar. É para substituir o meu windowdPhone de 2015 eheh

  9. Sed says:

    pessoa q compra smartphone, devices pensando em lucro é doido.

    iphone mesmo desvaloriza agora nao porque é ruim, é pq tem assaltos, roubos, e pior caiu, ja era, sem apple care barato, usuarios colocam ‘tem um pequeno trincadinho’

    o que mata no android é a fragmentacao do sistema, e todo santo dia uma empresa pipoca la na china, infinixxx, chatonixx, meiiizuuu.

    mas vcs tem de admitir q apple, que so lancava aparelho a cada x anos, tem cada ano lancado aparelho e sem nenhuma melhoria, quesito bateria, parece um absorvetene o 13 pro max gigante kkk..

    e eu nao me canso de salvar fotografos, e noivas, festas com meu s22 ultra….a desculpa de semana passada numa festa dos ‘vermeios nojent0s’ foi nossa moço me manda as fotos, meu iphone apagou, acabou a bateria.

    SEI….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.