OnePlus 5 apanhado a fazer batota em testes de benchmark


Destaques PPLWARE

99 Respostas

  1. Joel Reis says:

    “hardware de topo”

    Se de facto faz o mesmo noutras situações, onde está a batota?

    • Jona says:

      “When a benchmark is detected, the 5 locks the “little” cluster of its Snapdragon 835 chipset at its highest possible clockspeed – 1.9GHz. This isn’t an overclock, but it does disable thermal throttling. The “big” cluster is not affected by this.

      That’s enough to push the multi-core benchmark results as high as they are, single-core results are unchanged (still, most people just look at the multi-core result). With cheating disabled, the “little” cluster spent only a quarter of the time at max frequency, so this also makes performance more consistent.” espero que tenhas ficado esclarecido

      • Joel Reis says:

        Nem por isso…
        Isto acontece só em Benchmark apps ou também noutras situações “such as 3D games”?

        • AFontes says:

          É a chamada conversa engana parvos, nem todos os benchmarks pretendem avaliar a performance que o equipamento atinge em 3D games, por isso é que não mantêm o CPU “maxed out” ao longo do teste.
          Isto, ao contrário do que dizem não é batota é simplesmente uma interpretação errada e pouco ética do benchmarking com o único objectivo de mostra as potencialidades do equipamento e consequentemente “vender” a qualidade.
          – Sim é atingida esta performance em outras aplicações que não são consideradas daily-usage para além de benchmark apps, sendo que isso não acontece da mesma forma, ou seja, o CPU não vai manter as frequências máximas o tempo inteiro nem em 3D games, vai sim manter apenas quando precisa.
          – Não, não considero batota porque eles pretendem mostrar a performance máxima que é atingida, é uma visão quanto a mim errada a partir do momento em que esse não é o objectivo de todas as apps benchmark, mas aquele potencial existe e é alcançado em alguns momentos em real-world. Batota seria fazer OC.
          Agora volto a frisar isto não deixa de ser absolutamente errado é uma ma prática.

          • Jona says:

            é batota visto que estamos a falar de aplicações que servem para comparar resultados. se é o único fabricante a estar atento a apps especificas e “enganar” o software para tirar proveito máximo do aparelho dos cpus enquanto os outros deixam a app fazer o seu trabalho…lá porque tu interpretas diferente, a verdade continua a ser a mesma.

          • AFontes says:

            @Jona Não é batota, é má prática, eles não fizeram nada que não seja permitido… Aliás eles apenas usaram as libs fornecidas pela Qualcomm, é essa a verdade.
            Mas hoje em dia confunde-se conceitos com facilidade, seja por não se conhecer os procedimentos daquilo que é feito, seja por influencia dos midia, para tentar valorizar aquilo que temos desvalorizando a concorrência ou simplesmente por ser butthurt 😉

          • Jona says:

            @AFontes, fica lá na tua rapaz, que se queres viver enganado isso é lá contigo….já agora tenta descobrir as diferenças do ecra do one plus 3T para este a ver se consegues…no papel acrescentaram “com tecnologia DCI-P3 que melhora as cores”….foram ver…é EXACTAMENTE o mesmo painel. 100% igual ao anterior..só que com pior performance (ou seja ainda pioraram a qualidade). bom trabalho one plus..continuem assim que facilitam aqui ao povo fazer escolhas de aparelhos…os enganados..força…continuem na vossa luta de ter um “flagship killer” por menos 70 euros…lol…..

          • AFontes says:

            @Jona enganado porque? Não o tenho nem o vou comprar… Lol o que tem a ver o ecrã com a notícia ? Eu sei perfeitamente qual é o painel… É que nem o OP3T comprei, felizmente comprei o OP3 que tem um painel diferente e a um preço bastante aceitável, mas isso não tem rigorosamente nada a ver com a notícia lol eu não sou fan boy, podes ter calma aí com o hate lol

          • AFontes says:

            @Jona, quem é que enganou quem? Eles não disseram que o painel é diferente, não fizeram qualquer publicidade enganosa, está tudo explicado, quem tiver duvidas tem questionado e tem sido tudo respondido.
            Não é uma questão de apoiar más práticas, tanto eu como a grande maioria está contra isso, eu referi isso desde o meu primeiro comentário agora eu não vou deixar de comprar porque não concordo com algo, da mesma forma que tu compras-te um HTC e continuas a suportar a marca depois do que fizeram e ainda fazem ao usarem pnpmgr e tu não sabes, comes e calas.
            Eu não comprei OP porque não tenho possibilidade que comprar um outro flagship, eu comprei por varias razões e o preço não pesou na minha decisão tanto que tenho 2 OP3 (daily e test) e na altura tinha comprado também o Pixel XL. Tu não conheces a realidade dos outros, não julgues.

            Quanto às criticas sobre esta prática são perfeitamente justificadas e compreensíveis, volto a frisar eu mesmo sou contra, só gostava que aqueles que criticam percebessem o mínimo, porque aquilo que a OP faz é permitido pela Qualcomm.

          • Bruno says:

            @ AFontes, será que não percebes que as críticas não têm nada a ver com se o que a empresa faz é ou não permitido pela Qualcomm?

        • Jona says:

          e ires ler a noticia? queres que te leve o que a mesa? tambem queres com palhinha?

          • Jona says:

            AFontes, se leres bem o meu post percebes que estou a referir a outra notícia e não a esta. só a referi porque quem aldraba numa coisa aldraba em muita…aos poucos vão descobrindo publicidades enganosas ou atalhos na qualidade como no conector da câmara que nem de metal é que pode ser desconectado facilmente. op é bom para quem não consegue comprar um verdadeiro flagship…quem pode caça com cão..quem não pode caça com gato…aceitar “má praticas” como tu dizes…ou “batota” como o resto do mundo diz…continua a ser mau…cada um apoia as empresas que quiser…

    • Bruno says:

      Está no facto de não fazer o mesmo nas outras situações!

      • Joel Reis says:

        ” the phone performs the same as when running resource intensive apps such as 3D games”

        • Bruno says:

          Tu acreditas em tudo o que a OnePlus diz?
          Nenhuma outra aplicação tem acesso aquele comportamento, basta ver que os benchmarks são aplicações bastante intensivas e não obtêm toda aquela performance sem a batota. Falar em 3D games é inclusive um péssimo exemplo, não só por o intensivo ser do lado do GPU (não tanto no CPU), como o tipo de utilização dos jogos leva a que rapidamente se reduza performance do SoC (GPU e CPU) para evitar sobreaquecimento, dado ser um utilização intensiva prolongada. Ou seja, acontece algo que a OnePlus “desligou” com esta marosca.

          • Joel Reis says:

            Não, não acredito na Oneplus que tem tudo a perder com mentiras, vou acreditar em ti…

          • Bruno says:

            Talvez fosse preferível acreditares na realidade dos factos

          • Joel Reis says:

            Dos factos que tu não tens, mas assumes como tal, sim, claro que sim.

          • Bruno says:

            @ Joel Reis, tens factos aqui, mesmo à frente dos teus olhos!
            Facto 1 apresentado pela XDA: aplicação de benchmark tem menor performance sem esta marosca, sendo uma aplicação intensiva. Primeira demonstração de que esta marosca não é como correm as aplicações intensivas.
            Facto 2 apresentado pela XDA: esta marosca obriga um grupo de núcleos a manterem velocidade de relógio alta, ignorando regulação térmica. Outra coisa que o CPU não faz em nenhuma outra app, pois todos os CPUs em smartphones necessitam desse mecanismo para não sobreaquecer.
            Facto 3: jogos são aplicações de uso intensivo prolongado, onde a regulação térmica tem que invariavelmente actuar, reduzindo a velocidade de relógio dos núcleos. Jogos 3D são muito mais intensivos com o GPU do que CPU no smartphone. Dizer que esta marosca é idêntica ao que se nota nos jogos é falso, pois o que a pessoa vai notar é a performance que consegue sustentar ao longo do tempo, não um pico de performance máximo dos máximos que por sinal a app nem consegue alcançar como se viu no facto 1!

  2. AFontes says:

    1º – Isto era feito no OP3 também, não só no T.
    2º – Porque é mais grave?
    3º – A justificação da Oneplus é completamente descabida, em momento algum o equipamento tem aquele comportamento em apps daily usage, até porque aquilo é prejudicial, do ponto de vista da avaliação de risco aquele comportamento é “aceitável” (de risco reduzido) porque apenas é aplicado em aplicações que não são usadas frequentemente.

    É uma luta constante entre algumas OEMs e as empresas que produzem benchmarking software, se de um lado se luta para que um benchmark avalie a performance máxima de um equipamento do outro luta-se para que este software seja real world benchmark. Isto acontece um pouco porque as OEMs não têm outra forma de mostrar a performance máxima dos seu hardware em real-world software e com isso o valor real de componentes de topo aproxima-se do valor de componentes mid-range, este é de resto um dos maiores motivos pelo qual empresas como a Qualcomm estão mais focadas noutros aspetos como power-efficiency, claramente o foco do novo SD835 em relação à linha 82x.

    • Bruno says:

      A questão é que não é uma luta para que um benchmark avalie a performance máxima, é uma luta para aparecer à frente da concorrência, enganando as pessoas a pensar que tem o aparelho tem alguma vantagem, por as pessoas assumirem que os resultados comparam coisas da mesma forma, quando afinal não é isso que acontece! É aqui que é a grande batota.

      • AFontes says:

        Os kernels usados não são todos os mesmos, as ROMs não são todas as mesmas os file system não são todos os mesmos, por isso nunca estás a avaliar da mesma forma.
        A simples prática de alterar o refresh rate para o CPU float atualizar mais rapidamente já faz com que tenhas valores diferentes, tu estás me a dizer que isso não é legítimo porque há devs que usam outros valores e por isso o CPU float não atualiza tão rápido, estás a dizer que isso é batota. Não faz sentido.

        • Bruno says:

          @ AFontes, o que não faz sentido é forçar medir performance num benchmark com “definições” (para processador) a que nenhuma outra aplicação (fora da lista de benchmarks) irá correr.
          Esses resultados nesses aparelhos acabam por ser comparados com outros aparelhos em que o benchmark corre nas “definições” em que todas as aplicações correm. Existe uma óbvia intenção de ganhar uma vantagem comparativa sobre outros aparelhos, que na realidade não existirá em termos de performance. O fabricante sabe perfeitamente que noutros aparelhos o benchmark não terá este comportamento especial só para benchmarks, não medirá essa suposta performance máxima do aparelho. Não são as mesmas coisas que são medidas. Isso é batota por parte do fabricante.

          É irrelevante nas avaliações dos aparelhos se as ROMs são as mesmas ou não, se o sistema de ficheiros é o mesmo ou não, etc, já que o efeito que isso possa ter na performance deverá ser generalizado às várias aplicações, é essa a utilidade prática para a grande maioria das pessoas, é a performance do conjunto, e é assim que aparece nas análises.
          Com sistemas operativos diferentes é que a comparação já não é assim linear pois a aplicação de benchmark terá outro código.

          • AFontes says:

            Começo por te dizer o que disse no inicio, na minha opinião isto é errado! Agora é importante dizer que isto não é batota, é uma má pratica, batota seria fazer OC para determinadas aplicações, neste caso é feito o aumento da freq min porque os testes de benchmark não correm com CPU maxed out e no final a pontuação apresentado é com base na performance média medida ao longo da duração de teste, o que acontece neste caso é que o CPU correndo com a freq min mais elevada que o normal a performance média no final é mais elevada também, este nível de performance é obtido durante alguns momentos em determinadas apps mesmo em real-world e é esse o argumento deles, o problema é que isso não é feito nas condições dos benchmarks, ou seja, a OP assume que um benchmark não é um teste real-world e por isso não existe risco em fazer isto porque não é suposto estar constantemente a fazer esses testes.
            E não tens razão, há muitas outras marcas a trabalhar nestes campos, tens outros casos e a HTC por exemplo usa pnpmgr que aplica perfis per-app.
            Volto a frisar, não é batota, é um boost perigoso e inconsciente.

          • Bruno says:

            @ AFontes, é batota! Lá por não fazer overclocking não deixa de ser um boost na performance que não existe para outras aplicações, feito de forma dissimulada.
            E a batota não é por a máquina ou processador não poderem fazer mais ou menos que determinada definição, é por a OnePlus saber que os benchmarks e as comparações de resultados com outros aparelhos são feitos em condições distintas, ou seja há a intenção clara de ficar à frente com resultados que não são comparáveis – batota – e contra as indicações de quem desenha os benchmarks.
            Muitos daqueles que fizeram este tipo de coisas no passado foram chamados publicamente à atenção e mudaram.
            Se um sistema permitir ao utilizador definir comportamentos distintos para cada app é diferente disto, não é o fabricante ter pré-definida a máquina para ter um boost num benchmark, para dar uma ideia errada ao utilizador quando for a comparar com outro aparelho.

  3. Antunes says:

    batota?

    Como assim adulterou o código da app da benchmark?

    Que eu saiba o desempenho está lá, se em certas situações dão todo o seu desempenho não acho que seja batota.

    Batota era afirmar que dão 200km/h quando o motor não dá 150km/h, neste caso não é isso o motor está preparado para 200km/h mas só em determinadas condições, mas não deixa de ter o motor com essa performance!

    • Jona says:

      mas tu leste ao menos a notícia? se o aparelho detecta se foi activado a app X e se for afirmativo ligar o turbo, isso é o que? que deixe o turbo ligado o tempo todo a ver se nao frita ovos como o note 7 da samsung.

    • Catarino says:

      O que eles querem dizer é que imagina que tens o carro que só dá 200km/h no banco de potência todas as outras vezes não passa dos 150km/h.
      Essas outras vezes é que são importantes não só aquela vez que ele está no banco de potência.

    • Bruno says:

      Modificou o comportamento do sistema só para os benchmarks identificados pela OnePlus, ou seja com as outras aplicações o sistema não tem aquele comportamento, de modo que o aparelho não alcança aquela performance naquilo que importa, as aplicações que realizam alguma coisa útil.
      Ou seja tu não tens um motor preparado para 200 km/h, o que tu tens é um vendedor a correr um “motor” adulterado apenas e só numa volta à pista que ele escolheu. Mudas de pista e não tens os 200, pois o vendedor sabe que a 200 o motor sobreaquece e começam a aparecer problemas.

    • srf21 says:

      Basicamente a Rom tem uma lista de apps de benchmark e ao detectar essa app, desactiva o “idle trottling”.
      Atualmente os processadores funcionam a uma gama de frequências variável de forma a economizar ao máximo a bateria, aumentando o clock sempre que é necessário, neste caso o CPU é enganado e coloca-o numa carga máxima, o que faz com que este funcione sempre ao máximo clock possível, ganhando entre 5 a 6% em relação a outros equipamentos com o mesmo CPU.
      Usando a analogia, basicamente o motor está sempre na rotação máxima desde o arranque até atingir a velocidade máxima.

  4. censo says:

    O melhor teste é: gosta? compra!

  5. blimb says:

    ele nao eleva tambem o clock quando está a processar com o base clock ao maximo? se tiver power saving é normal que tenha de fazer bypass ao power saving senao tira valores abaixo.

  6. Helder Vaz says:

    Podemos comparar esta besta a um carro desportivo, se for vendido para uma avozinha conduzir, tem que estar limitado mas se for vendido a alguém com unhas, há que tirar as limitações….
    A One Plus não tem problemas com a utilização dos seus equipamentos nos limites, chama se confiança no produto, já outras marcas podem ter o receio que os seus equipamentos rebentem nas mãos dos clientes…
    Não é por acaso que a One Plus permite o rooting sem perda de garantia!!!
    Façam um rooting no Samsung, Apple ou Huawei… a garantia já era…

    • Brasão SS says:

      Na Apple mesmo que faças jailbreak num iPhone ou iPad, podes reverter o processo, e não perdes garantia.

      • Pedro Alexandre Costa Arantes says:

        Nao perdes a garantia com jailbreak? Mas onde foste buscar essa ideia? Ate podes ser processado se eles entenderem!

        • Catarino says:

          Onde viste essa informação que perdes a garantia com o jailbreak?

          • AFontes says:

            Isso é uma modificação não autorizada pela Apple e representa uma violação do end-user software license agreement, nesse caso a Apple pode rejeitar prestar serviço sobre esse equipamento.
            O mesmo não acontece com a Oneplus por exemplo, as modificações são autorizadas.

          • Catarino says:

            @AFontes

            https://support.apple.com/pt-pt/HT201954
            Onde diz exactamente que perdes a garantia? Não diz.

            O que diz é que a apple “poderá” rejeitar prestar serviço sobre o equipamento, não que perde a garantia sobre o mesmo.

            Para além disso já foi definido que o jailbreak é legal. (podes encontrar essa informação na internet)

            Ou seja é óbvio para seja qual for o equipamento ou produto se o modificares ao ponto de o danificares é normal poderem recusar a garantia, mas isso não é só a apple são todos.

            É como mexeres na centralina de um carro, depois o motor rebentar e ires activar a garantia.

            Não minha opinião não me parece que a OnePlus se danificares o equipamento e que se consiga provar que foi por causa do root te activem a garantia sem problema, mas se o fazem ainda bem.

            Agora em relação ao jailbreak todos nós sabemos que podes reverter o jailbreak, mesmo que apagues o SO ou modifiques seja o que for desde que o consigas colocar em modo DFU e faças um simples restauro.

            Também já li vários comentários de pessoas que activaram a garantia e nem se deram ao trabalho de fazer o restauro ao iphone para retirar o jailbreak e não tiveram qualquer problema.

          • Joel Reis says:

            https://support.apple.com/en-us/HT201954

            “unauthorized modification of iOS is a violation of the iOS end-user software license agreement and because of this, Apple MAY DENY SERVICE for an iPhone, iPad, or iPod touch that has installed any unauthorized software.

          • Brasão SS says:

            Se tiveres jailbreak e levares o idevice com o jailbreak feito à assistência Apple, logicamente que perdes a garantia. Mas se repores o idevice com a firmware sem estar “minada” (jailbreak) a Apple não tem como saber se o idevice teve jailbreak ou não. Mas para isso tens de repor a firmware oficial sem jailbreak. O que por acaso é um processo bastante simples mesmo para um utilizador comum. Por favor falem daquilo que sabem. É triste ver pessoal a comentar sem saber.

          • David Ramos says:

            Catarino. Em relação ao teu post sobre Apple. A garantia é um serviço logo se rejeitam prestar serviço o equipamento perde a garantia.

          • Catarino says:

            @David Ramos
            Se fosse essa a questão eles colocavam a informação.
            – Qualquer dispositivo apple com Jailbreak perde garantia (Não é isso que lá está)
            Não está porque o jailbreak pode ser removido de forma simples, não é o caso do root. (pelo menos até à uns tempos atrás o root mexia no bootloader e essa sempre foi a grande diferença)

            O que eles querem é salvaguardar-se como todos os outros fazem.

            Como eu referi está mais do que definido que o jailbreak é legal.
            (Podes verificar na internet a decisão do Juiz)

            Para além de que já nas várias pesquisas que fiz e fóruns que pesquisei ainda não encontrei nenhum utilizador que se queixe que não foi activada a garantia por o dispositivo ter jailbreak.

            Mas acho que pelos vistos é mais fácil criticar do que informar-se.

        • Brasão SS says:

          @ Pedro, não fales do que não sabes, ok?

    • Jona says:

      garantia e one plus na mesma frase é só para quem nao conhece a marca…tenta usar a “garantia” se tiveres algum problem com ele depois vem falar comigo….

      • Dave Snow says:

        Mas já tiveste algum Oneplus?

      • AFontes says:

        Claramente não sabes o que dizes, já usei a garantia da Oneplus 4 vezes desde que estou com a marca sempre sem qualquer problema, numa das vezes foi-me dado um equipamento novo. Dou-te inúmeros casos em que funcionou tudo na perfeição, ainda a semana passada um conhecido enviou o telemóvel para a garantia porque tinha um problema que só era evidente com custom ROMs, a Oneplus pediu-lhe, no caso de ele poder, para lhe enviarem o telemóvel de forma a que possam corrigir, que outra marca faria isto lol na maioria das outras marcas desbloqueias o bootloader e estás por tua conta filho. Tem juízo.

        • Jona says:

          lol alguem que já usou 4 vezes a garantia e ainda vem para aqui gabar que foram impecaveis….olha eu em 20 anos de telemoveis e smartphones nunca usei a garantia porque felizmente sempre comprei aparelhos de qualidade e nunca me deram chatisses. tem percentagem na mesma de avarias…e podia-me ter calhado a mim algum..mas felizmente nunca tive um que precisa-se da garantia. já a minha maria tem um samsung a5 que precisa (ainda nao levou), ja teve um nokia que tambem avariu. um colega meu tinha um one plus 2..caiu da mesa…abriu.nunca mais fechou direito..comprou o one plus 3t. nao posso falar de experiencia propria mas frequento outros foruns estrangeiros e vejo muito povo clientes da one plus a chorar a assistencia….a dizerem que ja tiveram e que sao fixes ate precisarem da assitencia..depois esquece……se fosse assim bom ja o tinha comprado eu…o barato sai caro..mas cada um compra o que quiser…

          • AFontes says:

            Usei 4 vezes a garantia em mais de 15 equipamentos que já encomendei com a minha conta LOL
            Mas isso não tem nada a ver, tanto podes ter azar como podes ter sorte o certo é que sempre que recorri a eles tive o problema resolvido e um dos equipamentos que enviei até estava “brickado” (não sou o utilizador e só me avisaram depois de o enviar)… Aquilo que se lê em forums é muito subjetivo, dou-te inúmeros exemplos que provam o contrário, de pessoas que realmente sabem o que fazem, não é pessoas a queixarem-se que deixaram cair o telemóvel e a OP não arranja LOL
            Garanto-te que a nível de suporte não é só bom, é sim dos melhores (se não o melhor).

          • Jona says:

            já vi que vendes telemóveis aos amigos e ainda ganhas uns trocos..nao tens é que vir para aqui tentar vender mais alguns…26% de taxa de avarias que referes não é propriamente um sinal de gabanço….o melhor suporte do mundo e arredores..lolol fazes-me rir a sério….

          • AFontes says:

            @Jona confundir support com reliability é de mais lol retiro-me

      • Pois says:

        Já tentei. Foram-mo buscar a casa e vieram-mo entregar ao trabalho. E foram mais rápidos que a LG que ficou 30 dias com o meu telemóvel para voltar na mesma.

        Não desdenhem até usarem.

  7. RUI says:

    much ado about nothing! Cópia do Oppo, especificações do ano passado. Não é resistente à água. Bezzel free? Não… Vejam o preço do LG G6 na amazon http://amzn.to/2st7CRh e vejam se este 5 vale a pena.

    • pepedaman says:

      Grande comentário, falas de especificações do ano passado mas recomendas o LG G6 que usa um Snapdragon 821. Muito bom! Coerência ao máximo!

    • Pois says:

      Ou seja, para ti o telemóvel com uma camera mediana e um SoC do ano passado e a custar 750€ na fnac é bom, mas este, que custa menos 250€ e tem mais 32gb de memória e um SoC melhor e uma camera melhor (em certas condições) mas falha no ecrã vale menos a pena.

      Está bem.

      PS: a Oneplus faz parte da mesma empresa da Oppo (daí partilharem, por exemplo, o VOOC/Dash Charge). Não se copiaram, apenas partilham cenas.

  8. Zeque Tefodd says:

    Perseguicao a tudo e a todos. Nao sei onde esta a batota.

  9. Go hatters says:

    Ninguem ve onde esta batota?
    E no Volkswagen Gate viram batota?
    O principio é o mesmo…

  10. ze says:

    Mais uma vez a XIAOMI está a frente!
    Preço + Qualidade + Performance real!

  11. SSilva says:

    Já viram a review da qualidade de imagem das fotos do OnePlus 5 pelo famoso kai wong?

  12. iDespairing says:

    Cansa esta historia o meu e maior e melhor. So para adolescente. Who cares.

  13. Tiago says:

    convém salientar que no benchmark a temperatura do dispositivo passou dos 50°, tal não era o throttling

  14. Daniel Terra says:

    Não consigo perceber a batota. Os resultados são dados pelo telefone! Quando lanças um jogo o telefone também dá mais recursos.. Isto é perfeitamente normal..

  15. Antonio Silva says:

    eu sentiria orgulho caso o meu device faz isso.
    significa que a equipa de Software fez optimizações de acordo com a situação apresentada. chama se engineering, descobrir formas simples de fazer mais e melhor com os recursos disponíveis.

    • AFontes says:

      O problema não sequer é só o fato de ter feito esse boost apenas para benchmark apps, é o fato de que esse é um boost agressivo que causa problemas no equipamento.

    • Bruno says:

      lol! O que o utilizador quer é mesmo uma “optimização” exclusiva para benchmarks com determinado nome inserido numa lista! Basta mudar a identificação do benchmark e lá se vai a “optimização”

  16. Pedro Pinho says:

    Para mim é simples . . . trata-se de uma batota equiparada ao sistema utilizado pela VW e companhia, só a mercadoria é diferente.

  17. bikes says:

    É pá já não bastava o Benfica…a enganar meio mundo !!!!!! também tu Oneplus 5? 🙂

  18. Elionildo says:

    E se alguém portar essa ROM para um Xiaomi 6 por exemplo como ficaria?

    Se ela usasse esse recurso em todos os Apps ou Games que exigissem um “turbo” eu não consideraria trapaça.

  19. PGinTheHouse says:

    Com batota ou sem ela, eu não troco o meu 3T por nenhum dos equipamentos de topo (á excepção do S8) e isso é de certeza !
    O resto, só é relevante para quem acha que é relevante.

  20. Nitroglycérine says:

    Uau! Isto por estes lados está a aquecer a sério!
    O pessoal perde a paciência quando é contrariado.
    Parece-me que tudo isto se reduz a uma coisa: o fabricante OnePlus puxa a brasa à sua sardinha, simplesmente. Se é uma postura que colide com a ética ou não, ainda não sei.
    Sei que estou perfeitamente contente com o desempenho do meu OP3T até agora…

    Ah! mais uma coisa: hoje fizeram a entrega de um golden encomendado no dia 08 pela Gearbest!
    Trata-se da versão global, como é óbvio. Comprei-o por cerca de € 355,00 + seguro, e acho que foi um bom negócio, pois ficou pro um preço mais em conta que o meu modelo cinza.
    Resta saber qual a comodidade de utilização de dois cartões sim ao mesmo tempo, pois eu só uso um cartão sim…

  21. Joel Reis says:

    Os bancos de potência para automóveis a partir de agora não vão poder medir a performance máxima do carro, porque na grande maioria do tempo não é assim que o carro é usado e se fosse usado durante muito tempo teria problemas como sobreaquecimento. Que confusão vai para aqui entre pico máximo e rendimento médio ou modal.

  22. Curado says:

    A verdade é que quem está aziado são os utilizadores dos iPhones e dos samsungs que não conseguem ter prestações tão boas como este tem, e o resto é letra! E mais, tenho um One há quase 3 anos e está exactamente como quando estava novo, nunca me deu problemas nenhuns… Muita gente desconfia da Oneplus mas quando têm um nas mãos não querem outra coisa!

    • carlos V says:

      Eu vi logo que tinhas um one.
      Comprar algo e depois ouvir criticas sobre o mesmo doi bastante. Primeiro estranha-se e depois como não há nada a fazer entranha-se. A alternativa é mudar e reconhcer-se que fomos enganados. A culpa não deve ser atribuída aos mensageiros. Quem esta feliz com o one fique com ele. Normalmente os droidianos ligam muito as especificaçoes… As empresas adaptam-se ao consumismo como li acima e muito bem.
      E falo sem interesse, uso um windows 640xl e para mim é uma máquina. O meu telemóvel futuro será ou o iphone 8 ou um surface, se a MS acordar. Mas como a MS vende software percebo que a prioridade deles é ter o software no Ios e no droid.

    • Jona says:

      se tens o teu one há quase 3 anos e está exactamente como quando estava novo é muito mau…já ouviste falar de updates nao ja? nao me digas que ainda tens o android 5??
      se desse problemas nao te preocupes que so falam maravilhas da assistencia.
      quando tem um nas maos nao querem outra coisa? deves estar a falar dos teus amigos que so devem ter coins para marcas xinesas ate 100 euros..ja tive o one plus 2 na mao o X, o 3 e o 3T e nenhum me convenceu.
      eu compreendo…nao tens para mais….

      • Jorge Manuel Pires Ferreira says:

        E que tal parares de ofender as pessoas não? Vai lá brincar com o teu HTC pá!
        Não gostas não comentes!

      • AFontes says:

        Tenho uma enorme dificuldade em compreender como é que os comentários de alguém que julga a capacidade intelectual dos outros de forma ofensiva e sem conhecer as pessoas às quais se dirige e que não contente decide julgar a condição financeira de tantos outros que igualmente não conhece, com um intuito de denegrir/rebaixar, ainda anda a deambular por aqui à procura de comentários para destilar (deve ser do calor).

        *Chinesas

        • Jona says:

          so somei 1+1. nao pretendi ofender ninguem. o curado é que chama de aziado aos utilizadores da samsung e da apple com justficacao falsa, so porque tem um opo ..que esta igualzinhoooo…….mas quem tem opo pode dizer mal neh..o resto que se cale…

        • Jona says:

          eu explico-te como as criancinhas, até tu deves conseguir compreender. se te der 1500 euros para comprar um smartphone, e o que sobrar devolves….vais mesmo comprar um opo5 neh?

          • AFontes says:

            O único problema no teu raciocínio é que aquilo sobra não devolvo a ninguém porque felizmente tudo o que tenho é com o meu dinheiro, não precisei de pedir nada a ninguém, essa situação que colocas não é real.
            Mas se quiseres mesmo uma resposta e imaginar que essa situação acontece realmente, quando saiu o Oneplus 3 eu tinha um orçamento bem maior para gastar num smartphone e fui para o Oneplus 3, aliás comprei o Pixel XL e mantive-me com o Oneplus 3, resumindo, se pudesse escolher qualquer equipamento no mercado, não teria feito uma escolha diferente.
            Neste preciso momento, quer tenha 1500€ quer tenha 500€ não comprava nem o OP5 nem qualquer outro smartphone, esperaria até sair o novo smartphone da Google para decidir se adquiro algum equipamento este ano ou não, e não é por falta de dinheiro, desde que sou independente que nunca me privei de nada para comprar um smartphone e a minha escolha nunca foi baseada no preço, aliás se fosse, este ano nem consideraria esperar pelo novo “Pixel” teria já comprado um Mi6 ignorando todas as desvantagens.
            Em conclusão, eu não sou tapadinho para achar que o melhor é sempre o mais caro LOL As marcas agradecem-te.

          • Jona says:

            AFontes, o meu explicar como as criancinhas era para o curado que chamou aziados aos do iphone e samsungs. alias todos estes posts estao em arvore do post inicial dele e que disse que quem experimenta um op nao quer outra coisa….acredito que isso seja verdade para quem tem um orçamento de 300 (na altura) agora 500…quem pode escolher como tu (ou eu)….e como referiste…vais para o pixel xl..ou seja so me estas a dar razao…se mantens 2 o pixel e o oneplus isso e ja contigo…deves vender aparelhos..deves roda-los todos…e o teu raciocino esta muito mas muito errado. se tens 1500 euros e compras o oneplus 5 de 500 euros em vez do samsung s8 plus por exeplo..sobra-te 400 euros que pdoes gastar noutras coisas..numa viagem por exemplo etc…SOBRA-te porque nao o gastaste nele..e nao porque é todo teu….é claro que explicar-te logica a ti parece missao impossivel pelas tuas respostas em relacao ao nao achar batato no caso do op5. fica la na tua que nao volto a este link.

          • AFontes says:

            @Jona é que nem ler sabes, eu comprei o Pixel e mantive-me com o OP3 não mantive o Pixel ou os dois… Passar bem.

  23. AlexX says:

    Ao que parece não se ficaram por aqui. Li que afinal a camera zoom não é 2X mas 1.6X. Uma camera de 16MP que alcança por interpolação os 20MP. Mas o que interessa é o consumismo e as vendas não baixaram por isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.