PplWare Mobile

Xiaomi termina o suporte da MIUI para sete smartphones da linha Redmi


Fonte: Xiaomi

Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. JonnyKid says:

    Estamos a falar de equipamentos com apenas 2 anos no mercado e já encomendaram o funeral… Enfim… Afinal a Xiaomi já começa entrar no esquema duma Samsung. A Apple é a única que garante uma longevidade dos seus equipamentos: iphone 5s de 2013 ainda recebe atualização para o IOS mais recente!

    • Miguel says:

      Ainda the acreditas em tudo que les na internet.

      O Xiaomi mi 5 tambem foi noticiado que acaba o supprte o ano passado e ainda hone continua a receiver updates todas as semanas.

      Metam firmware versao EU, que tem sempre updates.

    • Nuno P says:

      Deve ter sido um exercício de memória que fez… Sem pesquisar… Até o Redmi Note 4, que é o mais recente, foi lançado em Janeiro de 2017. Os outros modelos foram em 2016. Com tantos modelos lançados pela Xiaomi (muitos mais que a Apple) é apenas normal que deixem de dar suporte a equipamentos com mais de 2 anos.

      • JonnyKid says:

        É verdade que alguns já vão para os 3 anos, mas a média e de 2,5 anos. Aqui está a minha pesquisa:
        Xiaomi Redmi Note 4 – Released 2017, January
        Xiaomi Redmi 3X – Released 2016, June
        Xiaomi Redmi 4 – Released 2017, May
        Xiaomi Redmi 4A – Released 2016, November
        Xiaomi Redmi Note 3 – 2016, February
        Xiaomi Redmi Pro – Released 2016, August

        Não consigo ficar indiferente à longevidade que a Apple dá aos seus equipamentos – mais que o dobro do tempo que a Xiaomi – a tal empresa ‘amiga’ dos seus clientes! E não é por isso que a Apple deixa de vender novos equipamentos.
        Acho estranho acharem normal um telefone com 2 anos passar a ser quase um mono. Será têm o mesmo pensamento para um computador, uma TV ou um carro?
        Tenho um Macbook pro de 2012 a bombar com o ultimo MacOS e um iphone 6 imaculado. Foram mais caros? É possível que sim, mas poupei ao longo do tempo e continuo a ter em mãos equipamentos de qualidade superior, com valor alto no mercado.

        • José says:

          Concordo.
          É constrangedor ver equipamentos caros só com 2 anos garantidos em atualizações.
          Nisso, a Apple respeita os seus clientes.
          É pena a Microsoft ter abandonado o sistema, porque tinha igual comportamento.

        • the oneee says:

          Por exemplo, o Xiaomi Redmi Note 4 custava 155€ (preço base) quando saiu, querias o quê? iPhone 6 foi lançado em 2014, ou seja tem até agora 4 anos de suporte MAS o iPhone 6 custava 699€ (preço base). Consegues ver a diferença? Neste momento, quem comprou o note 4, investiu por ano 77.50€ enquanto que quem comprou o iPhone 6 investiu 174.75€. Quem poupou mais dinheiro? Precisas de ficar com o teu iPhone 6 durante 9 anos (desde que saiu) para teres investido cerca de 77.66€ por ano. Duvido que seja atualizado por tanto tempo… E atenção, o smarthone continua a funcionar, seja ele um xiaomi ou iPhone 🙂 Não é por deixar de ser atualizado que só serve para fazer chamadas 😉 Queria também dizer que gostei do teu comentário ao contrário daqueles que veneram a apple porque sim. Abraços.

          • IDroid says:

            Poupou mais dinheiro com o note 4,mas aquilo que não se tem falado é o estilo de vida de consumir e deitar fora. Tem que admitir que uma coisa é comprar três telemóveis (ou mais) de forma a perfazer os 699€,e outra coisa é manter um telemóvel de 699€ durante vários anos. Em termos de poluição as perspectivas são vastamente diferentes…

          • José Pereira says:

            Finalmente alguém que sabe fazer contas…

          • José Pereira says:

            Mas nem todos podem pensar na poluição com salários baixos, os preços e salários deviam ser mais ajustados… Portugal tem um poder de compra muito baixo.

          • PAULO SILVA says:

            O calculo está certo mas não se pode comparar tem um Renault Clio, com um BMW não?
            São gamas diferentes, se queres comparar tens de por um MI 8, 9 etc e comparar com o Apple mais barato… não podes comparar o preço de um gama média-baixa com os topos de gama premium.

      • Sujeito says:

        Normal? Só se for normal para ti. De normal ou aceitável não tem nada.

    • Emanuel says:

      A apple garente atualizações durante mais tempo porque tem poucos smartphones comparado com a xiaomi e a Samsung. E na Apple pagas bem, por nisso no mínimo tem de garantir as atualizações.

      • Sujeito says:

        Nos outros também pagas bem, até mais que na Apple, e nem por isso garantem atualizações. O preço tem pouco a ver com isso, mas sim o modelo de negócio e consciência.

    • Joao says:

      E tanta azia que ate um chasso com 6 anos tu compras so para dizer que tens um Iphone e nao, esquece as atualizacoes do 5s o maximo que podes ter e um bug fix, atualizacoes ja nem espaco no telefone tens para elas.

  2. Costa says:

    a azia contra a xiaomi é demais.

  3. César Boaventura says:

    compram-se equipamentos com android one nao tenho pena alguma

    • Joao says:

      Depende do gosto de cada, eu desde o momento que troquei de IOS para MIUI nao quero outra coisa, ontem comprei outro e preferi um mdoelo com MIUI.

  4. MrT says:

    Seria bom se as pessoas lessem com atenção as fontes….
    No forum da Xiomi dizem que vão acabar com o suporte às ROMs de Developer, não dizem nada sobre acabar com as ROMs estáveis para esses equipamentos.
    Neste link, https://in.c.mi.com/thread-1579509-1-0.html, podem ver a lista de dispositivos que têm Developer ROM.

  5. Nuno says:

    Tenho redmi 4A e realmente tenho pena mas sinceramente acho que é o melhor ou secalhar é so por estar mal habituado já tive equipamentos de muitas marcas de nunca tive este suporte atenção que so tive telemóveis de gama media baixa mas mesmo assim o suporte era praticamente 0 este redmi 4a que tenho agr dei 73€ por ele novo, vou repetir 73€ um equipamento excelente e esta farto de ter atualizações já atualizei para duas MIUI da 9 para a 10 e agr para a 11 para nao falar das apps de musica e ate a calculadora têm atualizações todos os meses foi sem duvida a melhor marca que tive ate hj digam o que disserem a minha opinião é da minha experiencia pessoal e para um telemóvel de 73€ acho que esta certo acabarem com o suporte desde que mantenham pelo menos as de segurança. Excelente equipamento

  6. Miguel says:

    Ás vezes, parece que por deixarem de receber actualizações, deixam de funcionar.
    Problema é quando ficamos “presos” a uma versão do Android tão desactualizada, que as próprias apps deixam de funcionar. Aconteceu-me com o Galaxy S que morreu logo no Android 2.1, se não estou em erro. E estamos a falar de topos de gama à época.
    No caso da Xiaomi sã LMo equipamentos muito baratos, não vejo onde está o drama.
    A MIUI 9, por exemplo, não é de todo pior do que a 10.

  7. Miguel says:

    Ás vezes, parece que por deixarem de receber actualizações, deixam de funcionar.
    Problema é quando ficamos “presos” a uma versão do Android tão desactualizada, que as próprias apps deixam de funcionar. Aconteceu-me com o Galaxy S que morreu logo no Android 2.1, se não estou em erro. E estamos a falar de topos de gama à época.
    No caso da Xiaomi sã LMo equipamentos muito baratos, não vejo onde está o drama.
    A MIUI 9, por exemplo, não é de todo pior do que a 10.

  8. Barf says:

    Felizmente o redmi 4x continuará a receber.

  9. Andre Ferreira Andrade says:

    Notícia da Pplware para tentar salvar as fracas vendas da Apple… Lol
    O que vai acabar é o suporte a dev rom… As estáveis vão continuar a ser lançadas …

    Mais uma notícia distorcida… Já habitual por aqui

    • Jorge Ribeiro says:

      Não é bem assim

      O meu redmi 4 prime ja perdeu atualizações de dev como de stable
      Apenas nao mudei de rom ainda porque nao tenho paciencia para colocar outra costum rom ja com o android 9 como existem muitas por ai por exemplo no XDA ou mesmo no REDDIT
      Encontras dezenas de rom atualizadas para qualquer tipo de modelo
      Se de um lado nao há, há de outro.
      As pessoas e que nao percebem isso, mas enfim

  10. Diogo Santos says:

    Existe aqui alguma confusão. O que vai terminar é o canal beta para estes modelos. Actualmente a ultima versão estável é a MIUI 10 e a versão de testes/beta é a MIUI 11.
    Mas todos estes modelos vão ainda receber a MIUI 11, quando sair a primeira versão estável/final.
    Na notícia não diz, mas o Redmi Note 4, o que tem o Snapdragon 625 (tenho 1), continua a receber updates da MIUI 11 beta channel.
    Portanto, tendo em conta que a MIUI 11 só vai sair no próximo ano quase de certeza, e depois terá mais cerca de 1 ano de actualizações pelo menos, como costuma ser habitual, por exemplo, o Redmi Note 4 (que foi lançado em Fevereiro de 2017) vai ter um total de cerca de 4 anos de actualizações, no mínimo. Nada mau para um smartphone de pouco mais de 150€ quando saiu.

  11. Jaime Santos says:

    Na linha redemoinho note 4 há 3 versões o que tem o processador mediatek e o que tem o snapdragon 625 e o note 4 x que tem o mesmo a pergunta é o o note 4 que tem o snapdragon 625 também vai deixar de ser atualizado ? É mesmo estranho o mediatek ainda se percebe o os outros ….

    • Andre Ferreira Andrade says:

      Lestes os comentários acima ?

      O que vai ser descontinuado, vai ser a developer rom .. as versões estáveis vão continuar a sair normalmente.

      Esquece a notícia do Pplware ! É mais uma não notícia !

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.