Quantcast
PplWare Mobile

MWC14 – BQ Aquaris e Meizu MX3 com Ubuntu Phone

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Pedro says:

    sou fã dos telemoveis bq, se o preço for acessivel talvez o experimente

  2. Nelson says:

    O bq está bonito! Mostra aí como um design pode ser diferente e bonito.

    Quanto ao ubuntu, eu não gosto da canonical, podiam experimentar com o Sailfish OS…

    • Andre Andrade says:

      O bq deixou-me com agua na boca…

      O ubuntu é top Nelson!!!

      So espero é que as aplicacoes principais surjam em forca para esta plataforma!!!

      de nada me vale ter um SO perfeito, se nao tiver as aplicacoes que eu pretendo 🙂

      Mas força Ubuntu, espero que de certo 🙂

      • Nelson says:

        Pá, eu sempre gostei mais do debian, neste momento, para desktop, gosto mais do mint que até tem as melhores partes dos dois… O ubuntu começou-me a fazer mesmo confusão com o unity e aqueles serviços da cloud da canonical…

    • lmx says:

      pois o saifish é um excelente SO, mas é mais virado para tarefas smartphone…

      O ubuntu, pelo menos a seu tempo trará o desktop, para o smart phone 😛 e isso é um espactaculo…mas são os dois excelentes apostas…

      Quer dizer só depois de experimentar é que podemos avaliar lol 😀

  3. Monteiro says:

    Tenho grande expectativas em Ubuntu Phone espero que SO para smartphones (e outros dispositivos) consiga seduzir tantos fãs, como a versão para PC já alcançou (ou até mesmo supere).
    Força Ubuntu 😉

  4. Rui says:

    o bq parece elegante e robusto.

  5. miguel says:

    espero que seja dual sim *.*

  6. Paulo Constança says:

    Boas Pedro Pinto. Desculpe estar a chatear de novo mas, não consigo entrar em contacto com vocês a partir do e-mail geral ou formulário (geral@pplware.com e formulário pagina contacto).

    Gostaria de saber se existe outra forma de entrar em contacto cm vocês, pois tenho um software que penso que seria interessante de fazer uma análise e postar para todos os leitores verem.

    Como posso entrar em contacto com vocês de outra forma?

    Obrigado desde já,
    Paulo Constança

  7. Bruno M. says:

    Os telemóveis são bonitos e parece ter boas máquinas…

    Agora resta esperar para os apple fans boys venham para aqui reclamar o “plástico” das carcaças dos mesmos!!

    LOL

    Cumps. 🙂

  8. Bruno Jesus says:

    Quanto ao Ubuntu Phone ser um flop, eu só não o tenho no meu telemovél porque o mesmo não está disponivel.
    Para mim o problema do Ubuntu Phone começou quando pediram 32 milhoes para arrancar com o projecto, tendo em conta que nunca ninguem tinha visto aquilo a funcionar nem se era bom era obvio que não iriam alcançar esse valor.
    O que eles deviam ter feito era propor um smarphone mais modesto para arrancar no mercado e consoante os lucros iam lançando novos smartphones.

    • lmx says:

      pois tens razão…

      mas o objectivo também foi o de sondar o mercado…

      Repara que mesmo sem producto nenhum lançado e apenas com uns desenhos na Altura…bateram o record mundial do valor mais alto alguma vez alcançado em crowdfunding…e bateram-no num mês…cerca de 13 milhões de euros…

      uma loucura…

    • Nuno Vieira says:

      Acho que estas a fazer confusão, A Canonical não pediu 32 milhões para arrancar com o Ubuntu Phone. A campanha foi para arrancar com o Ubuntu Edge.

  9. Gerardo says:

    “I had been worried about getting software developers to give Ubuntu a try. I mean there’s already so much money to be made in Android and iOS and there’s only so many embedded programmers to go around. Bacon made me realize though that all existing Ubuntu applications—LibreOffice, Gimp, Rhythmbox, etc.–will all run on Ubuntu phones. Now getting them to display properly on the phone’s interface will take some work, but that’s the easy part. The core functionality of tens of thousands of Linux apps will already be available. Of course, if you use your Ubuntu smartphone to power up a PC display you won’t even need that.”

    Se isto se mantiver, principalmente o último paragrafo.. UI UI que temos sistema!! Talvez seja a primeira vez que vejo um sistema com potencial estar ao nível do Android… Mas por agora são só promessas….

    • lmx says:

      bem , se isso se concretizar de facto…vai ter um sucesso doido…porque o futuro é isso…

      Não cobre ainda todas as situações, mas avança muito na simplificação das tarefas da informática…

      A canonical, foi parva… tão obcecada que andava com a convergência , que queria ter tudo pronto primeiro, até ao detalhe, e só depois lançar um producto 😀

      Mas onde é que no mercado actual existe convergência total??Nem convergência parcial, quanto mais total…portanto…eles não terão concorrência direta, pelo menos de uma parte das funcionalidades…

      Eu acho que a pressão que eles sentiram depois da Jolla e da mozilla se terem chegado á frente, fê-los acordar!!

      A malta quer um pc de bolso e é já…!!já não aguenta mais.. 😀 o nosso coração é pequenino…por isso eles que lancem mas é isso que eu estou mortinho para lhe por as unhas em cima 😛 lol

      O que ainda não sabemos é se esta funcionalidade precisa de uma dock especial, ou apenas da ligação hdmi

      mas talvez precise para podermos operar com teclado e rato…

    • Nosferatu Arucard says:

      Em sistemas Android sem root podes usar o software de virtualização GNURoot e instalares a maioria das aplicações Linux, embora exija uns truques para correr aplicações que necessitam do X11.
      As instruções estão em:
      http://forum.zwame.pt/showthread.php?t=848407&p=11304791#post11304791

      Offtopic: Como instalar o Wolfram Mathematica para ARM em qualquer sistema Linux ARM ?

  10. Mário Silva says:

    Pode parecer “esquisitice” da minha parte, mas garanto que não sou nada esquisito”! Apenas sou exigente, que é diferente, quando adquiro um equipamento, sem o conhecer e baseando-me apenas nas características e vá lá, numa certa “fé” que a coisa vai rolar. Fui detentor de um Bq Aquaris 4.5 (quando ele saiu e que depois dei à minha filha) pensando que a empresa iria ter em linha de conta as actualizações do SO. Engano meu! Nesta altura do campeonato, e se quiser actualizar do ICS 4.0.4 para o (ainda) Jelly Bean, teria de fazer hard reset à máquina, uma vez que as actualizações via OTA estão emperradas e não funcionam. Nunca precisei de assistência técnica deles mas segundo consta dos fóruns da Bq, são impecáveis. Não entendo é que não resolvam este problema porque nem todos os utilizadores sabem e/ou estão para fazer um hard reset às máquinas sempre que sai uma versão nova do Android que nem é tão nova dado que o JB ainda não está muito certinho e afinado, pois há reclamações sobre a situação e pedem rectificação dos bugs.

    • lmx says:

      pois concordo que existam situações dessas…

      Mas o ubuntu funciona como qualquer linux…eles não andaram que nem doidos para cortar as funcionalidades geniais do mesmo, como o android andou…

      No ubuntu recebes updates tal como num linux normal, é sempre a bombar…tens a garantia que os equipamentos estão sempre actualizados…

      depois…apenas a Canonical cria updates…o que quer dizer que quem os lança é a canonical, e não as marcas que fabricam hardware 😉

      É o modelo normal das maquinas linux no que toca a updates…o que é fantástico…

  11. João Reis says:

    BQ Aquarius, do mais bonito que tenho visto até agora. Podiam emprestar um pouco do bom gosto à Samsung ou a muitas outras.

    Curioso para saber o preço, e saber também se vai avançar o UbuntuOSPhone, não me parece.

  12. João Cruz says:

    Ubuntu não obrigado. Linux sucks

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.