PplWare Mobile

Pokémon GO: Mais de 100 milhões de downloads para Android


Editora no Pplware e psicóloga de profissão. Desde cedo que a tecnologia é uma paixão, interessando-se em particular com o impacto que esta tem na nossa vida e nos comportamentos que as pessoas adotam nas redes sociais.

Destaques PPLWARE

  1. Jorge Jesus says:

    Parabéns Pokémon! Agora aguardo por um smartphone da Nintendo!

  2. MiguelDias says:

    Ainda que a culpa da NET lenta é do win10, o culpado é o sacanço do pokémon

  3. Wanderley says:

    Imagina a quantidade de jovens, crianças e adultos. Andando pelas as ruas sem rumo e direção, atrás desse tão Pokémon. Atravessando ruas, sendo atropelados, assaltados. INVADINDO LOCAIS restrito. Deixando de viver, comer, estudar e até mesmo de trabalhar. Tudo por esse pokémon. Um bando de zumbis vagando pelas as ruas e praças. Sendo escravos esse jogo. Pois isso é mais uma armadilha do inimigo. Fazendo de tudo pra destruir o povo de Deus…

    • anónimo says:

      Cada um tem uma cabeça, e para jogar cada.um deve ser consciente dos perigos, também isso não é de agora, facebook é sms tiveram os mesmos efeitos, eu jogo pokemon e não vou contra os postes nas ruas, até porque o boneco tem uma área de procura extremamente grande em escala real, e não é preciso olhar sempre para o telemóvel pois aparece com uma vibração, só morre, só vai parar ao hospital, quem não sabe jogar, quem sabe não tem problemas, e também antes pokémons do que andarem aí a meter nojo ao mundo. se os terroristas preocupassem em jogar pokémon, não havia tantos mortos nos dias de hoje. é mais saudável para todos um jogo de pokemon do que armas e drogas nas mãos. agora se morrerem com o jogo, problemas deles ao menos só vai quem joga, facebook apresenta mais perigo do mundo ate mesmo para as crianças e mesmo assim existe essa porcaria de rede social, mulheres que se mostram a custo 0 e homens sem saber, homens que traem e elas sem saber crianças que em vez de jogar pokemons andam a publicar decotes exagerados e depois nao querem ser insultadas e violadas, não vê que se estão oferecerem, e muito mais, a culpa é de quem joga , não do jogo.

  4. joao matos says:

    Esta tudo muito correcto, cada um joga aquilo que gosta. Mas ouvir que um homem de 60 anos subiu a uma árvore por causa de um pokemon, e no fim acabaram por chamar a polícia e o 112…dá que pensar. Qualquer das formas não deixa de ser uma opção…neste caso de jogo. Cada um joga o que quer e faz aquilo que bem entende da sua vida. Nunca joguei este jogo e não tenho qualquer interesse em jogá-lo, mas como para tudo na vida jamais direi ‘que desta água não beberei’. Considero um jogo perigoso (é a minha opinião), tal como viver ou respirar…lá está, depende onde se vive ou onde se respira o ar 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.