Quantcast
PplWare Mobile

O Nougat já é oficialmente a versão mais usada do Android

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Simões


  1. Luis Silva says:

    A sério!! O meu não vai chegar lá de certeza…..

  2. Adolfo Dias says:

    Pelos números apresentados é o Marshmallow e não o Nougat!!!
    Ou estarei a ver mal?

  3. Pedro says:

    No meu caso, todas as semanas verifico se existem Updates, neste caso/”campo” culpabilizo a Vodafone (Operadoras) já falei com eles diversas vezes a resposta é sempre a mesma dizem que “tem que testar com as aplicações deles” onde estou completamente a borrifar para as apps da Vodafone nem sequer as uso, os Updates devia ser da Responsabilidade do Utilizador ao fazer a respective actualização recebia uma notificação a informar que as apps poderiam deixar funcionar ou algo do género no meu caso só não tenho a última porque não consigo ou melhor não deixam fazer está Bloqueada (vai-se lá perceber)…..

  4. David says:

    Na minha opinião as actualizações continuam pior. Tenho um S7 Edge e ainda não tem a versão actualizada do SO. Contudo, cada vez o SO tem menos novidades, portanto acredito que pouco ou nada se perde. O mercado mobile está a estagar (não falo sem saber, sou programador mobile há uns bons anos). Já estamos a atingir o limite do potencial dos Smartphones. O próximo passo terá de ser o aumento da capacidade das baterias e estes serem suficientemente capazes de se comportar como telemovel quando estao em modo portátil e como desktop quando estão ligados a um ecrã, um pouco aquilo que a Samsung está a tentar fazer com a dock station.
    O próxmo boom no mercado vai ser os carros autónomos, subscrição de serviços de mobilidade (nacionais e internacionais) de forma as pessoas não necessitarem de serem proprietários dos seus automóveis e com os custos da sua manutenção e também os carros voadores que vão aproximar as localidades mais remotas das grandes cidades.

    • carlos says:

      És programador mobile à uns bons anos e achas que está a estagnar? Estamos a atingir o limite potencial dos smartphones? Pá, acho que estás enganado e deves atualizar-te mais um pouco…
      O mercado de smartphones tem muito para dar, e a trend é IoT e pagamentos. Neste momento ainda estamos a começar nestas áreas e também é preciso mais criatividade para a criação de Apps.

      • Joao says:

        ” e a trend é IoT e pagamentos” podes exemplificar/espificificar? Não percebo bem o que queres dizer.

      • David says:

        Hmmm estou a falar de smartphones e tu vens-me com IoT e pagamentos?? O que é que isso tem a ver com novas funcionalidades dos smartphones?? Eu não disse que o mundo tecnológico iria parar, apenas disse que o limite dos smartphones já está a ser atingido (dentro daquilo que é a tecnologia actual). Agora são outras tecnologias a explodir, como referes e bem IoT (QUE NADA TEM A VER COM SMARTPHONES a não ser a connectividade com eles) e a mobilidade vai ser altamente tecnológica e ubíqua.

        És uma nabiça desculpa lá que te diga, és daqueles que não discute, simplesmente contrarias e contra argumentas com… nada a ver

    • ervilhoid says:

      Pouco ou nada se perde? pelo menos patch de segurança ficam a perder

      • David says:

        Sim claro… Isso sem dúvida, esqueci-me de referir esse aspecto mais escondido mas que sim, é extremamente importante, muito mais quando cada vez executamos transacções via mobile (principalmente o MB Way em Portugal está e vai mudar a forma de pagamento).
        Mas referia-me mais ao nível de funcionalidades. Das mais vantajosas seria o Intant run e os shortcuts lançados para 7.1. Mas lá está, não é algo que faça muita diferença, em comparação com as alterações que houve do 2.3 -> 4 e do 4.4 -> 5 em que tanto ao nível de desempenho como de funcionalidades houve grandes alterações.

  5. eu mesmo says:

    Era deveras interessante ver um estudo destes baseados não só por versões do Android, mas sim por Marcas ou mesmo por gama de telemóveis, porque os que são actualizados são de gama alta?!… mas existem muitas marcas de gama média já actualizarem com alguma frequência… O meu de gama média (200€) passou do 6.0 para o 7.0, mas acredito que com capacidade para o 8.0, mas já foi dito que não vai ser actualizado…

  6. Jorge Carvalho says:

    Hmm , o mais usado ainda são as api 21,21,23 e não a 24 e 25…..

    Abc

  7. José says:

    Esta fragmentação é do mais irritante que pode haver. Parece-me um logro. Sinceramente custa-me muito colocar a hipótese em usar o Android no dia-a-dia. Tenho mais do que fazer ao dinheiro do que andar a comprar telefones todos anos para fazer exactamente o mesmo o o ter actualizado.

  8. Jona says:

    Pelos vistos pertenco aos 0.8% do mercado. Ambos os meus aparelhos (htc 10 e htc 11) ja tem o android 8.
    Para quem ainda tem o 6 acreditem ke a diferenca é da noite para o dia…mas so dao conta da diferenca quando estao habituadoa ao 8 e pegam num aparelho com o 6.

  9. pedro says:

    È bom saber que os comentários são eliminados quando não vos interessa, ainda tem uma grande lata em escrever deixe a sua opinião a partir de hoje não escrevo nem mais uma letra para esta palhaçada.

  10. Ze says:

    O meu Motorola G4 Play de 124€ recebeu o Nougat no mês passado!

    Bem melhor agora…
    Então a bateria já dá para 3 dias 🙂

    Bom trabalho!

  11. MM says:

    Se nem a própria Google quer saber porque motivo haviam as fabricantes de se importar…
    Desde sempre que o maior problema do Android é a fragmentação e nem acredito nesses dados… Nougat em 28%? Deve ser deve… na volta retiram todos os telemóveis vendidos à mais de 3 ou 4 anos mas que continuam a ser usados para terem percentagens mais bonitas

    • Mario says:

      Eu uso no meu Xperia Z o Android Oreo sem problema.
      É preciso ter noção que as empresas não tem recursos para estar a atulizar smartphones antigos ou de baixa gama a não ser que façam como a Apple e apenas lancem um modelo por ano.
      E se te interessam assim tanto as atualizações instala um rom e problema resolvido agora se tens um smartphone de 100€ de à 5 anos à espera de actualizações bem que podes esperar.

  12. Joel Reis says:

    Sempre a mesma conversa. As marcas não se interessam porque os clientes não querem saber disso.

    • Hugo Gomes says:

      Os clientes querem saber as marcas é que nao dao essas updates porque querem é vender. É mais vantajoso vender um telefone novo do que mandar um update para o novo s.o e nao vender nada. Daqui a uns tempos ja tens cpu decacores e na volta 8 ou 10 gigas de ram e mesmo assim as marcas não lançam a ultima versao dos s.o. Ah por ai muito bom telemovel que pode levar com o Android 8, so não dao porque não lhes convem €€€€€€€

      • Joel Reis says:

        Qual a percentagem de clientes que sabe sequer a versão que tem? E desses, quantos estariam dispostos a pagar mais para ter mais atualizações? As empresas sabem o que fazem e acompanham a vontade do mercado, mais nada.

        • Hugo Gomes says:

          Se achas normal ter um telefone de a 2 anos teres hardware para levar com o Android 8 e dizem te que ficas pelo 7, apesar de ter custado 300 e tal €. Tudo bem fico feliz por ti. Se calhar tenho de gastar 1500 € num s9 que me devem de dar o s.o Android ate ao 12. E se levar

  13. censo says:

    Por aqui, Zenfone 3 com o Android 8.

  14. Fábio says:

    Ainda uso o 4 e chega bem

  15. Amigo says:

    Aqui Galaxy S2 a rodar LineageOS 14.1 Android 7.1.2

    Pena é a bateria é preciso andar com o carregador atrás, mas também é normal com uma bateria de 1650mah e já com 6-7anos não se pode pedir muito.

  16. Hefesto,o Grande says:

    Que vergonha.E o meu que nunca saiu do Jelly Bean.E já sairam mais 5 versões depois dele.Fogo.. 🙁

  17. falcaobranco says:

    E o KitKat ainda tem uma fatia bem constituída… apesar do meu ainda estar no Jelly Bean… 😀

  18. nuno serrano says:

    eu queria saber se o aplicativo desponivel na loja da google se e posivel atualizar do 7.0 pra o 9.0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.