Quantcast
PplWare Mobile

Android 11 é a versão do sistema da Google com adoção mais rápida pelos fabricantes

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Rui says:

    O android tem evoluido muito nas atualizações, os equipamentos têm muito mais atualizaçoes e muito mais rapido, é claro que não esta ao nivel do ios mas tambem nao pode ser comparado o ios é feito para 5 tipos de iphone o android é feito para milhoes portanto sera muito dificil algum dia o android estar ao nivel do ios em termos de atualizaçoes.

  2. Vilna says:

    Adopção mais rápida só se for para quem compra um telemóvel novo.

    • Bernardo says:

      tens duas opçoes ou compras um telemovel caro e vai ter 3/4 anos de atualizações e mantens o telemovel durante esse tempo ou compras um medio de 2 em 2 anos e tambem está sempre atualizado eu normalmente compro de 2 em 2 e sempre tive atualizaçoes, se bem que isto é capricho so de atualizar porque tu vais perguntar aqui ao pessoal o que é o andorid 11 vai ter de novo e eles nem te sabem dizer

  3. Carbonato de Sódio says:

    O Android tem, na minha opinião, dois problemas que afectam as actualizações: um é a segmentação (há milhares de dispositivos diferentes), outro é o facto de os fabricantes ganharem com o lançamento de modelos novos a toda a hora, não querendo por isso gastar muito tempo e dinheiro com actualizações.

    • Bernardo says:

      sim é um facto mas quem compra telemoveis baratos tambem está a espera do que mesmo ? um gajo que compra um telemovel de 70€ tu achas mesmo que ele sabe o que o andorid 11 lhe vai trazer de novo? saber o que é o android já é um sorte, isto é um nao problema o pessoal é que tem o capricho das atualizaçoes porque do andorid 11 secalhar nem vais usar nada

    • Há cada gajo says:

      Não é segmentação. É fragmentação.

  4. Godlike says:

    Claro que sim, cada vez mais são lançados mais dispositivos com maior frequência… É natural que adoptem a última versão.

    E depois existem aquelas coincidências em que as atualizações deixam-te o dispositivo mais lento e te “obrigam” a comprar um novo.

  5. claudio says:

    As actualizações não deixam de ser importantes, mas partilho da opinião que ter actualizações durante mais de 2 anos é desnecessário, porque a tecnologia avança e o sistema operativo fica mais pesado e exige outro tipo de processador, o que me interessa ter actualizações durante tanto tempo se depois o telemóvel vai ficando lento na mesmo, mesmo tendo um processador topo de gama. Comprar um novo de 2 em 2 anos é melhor e se calhar compensa muito mais. O Android tem muitos defeitos mas os beneficios também são muitos e actualmente tem tido mais inovações e melhorias que o IOS que fica sempre igual e mesmo assim dá problemas no consumo da bateria entre outros que já surgiram. Já tive Iphone e dispenso, não gosto mesmo.

    • Bernardo says:

      ya completamente o pessoal ainda acha que vale a pena comprar telemoveis de 1000 euros porque vao durar mais tempo, amigos ate podem comprar um de 3000 daqui a 2 anos esta desatualizado é assim que a tecnologia funciona a tecnologia evolui muito rapido mais vale comprar um de media gama e dps quando aparecerem outras coisas que vos agradem mudam(isto normalmente acontece dps de 2 anos)

      • SSD says:

        Yap o que me preocupa é quando deixo de receber as actualizações de segurança ao final do terceiro ano, de resto estou me a marimbar se tenho o último emoji ou os widgets mais arranjados (embora o 11 tenha trazido algumas mudanças relevantes mas mesmo assim). Sendo que os meus telemóveis costumam durar quase 4 anos, ainda é um aninho que ando “sem segurança”

    • Pedro Paiva says:

      Quanto a questão das atualizações pesarem o aparelho, acho que depende da otimização da fabricante para os aparelhos. Moro no Brasil e aqui os aparelhos não são nada baratos kkk, então eu sempre compro um bom aparelho celular para ficar com ele por uns 5 anos, ainda penso em estender mais ainda esse prazo XD

  6. João de Medeiros says:

    Eu tenho um Huawei P30 Lite da Vodafone e tenho recebido updates e até com relativa rapidez, sendo um terminal bloqueado, quer a Vodafone, quer a Huawei têm feito um bom trabalho, comparativamente a outros smartphones que tive anteriormente, exceto o Xiaomi mi 5 que era desbloqueado, que recebia logo os update diretamente da Xiaomi e durou uns bons anos mesmo que nos últimos que o tive não recebeu grandes updates mas recebia os patch de segurança. Devo dizer que teve uma boa longevidade.
    O problema é de que este não deve ver muitos mais updates, sendo um telemóvel do ano passado, pelo que já tenho lido não tarda acabou-se.
    Como já disseram, o problema do “mundo” android, é de que é muito fragmentado e diversos fabricantes. A Huawei poderá se aventurar por um sistema seu próprio, sem fragmentação mas não sei o quanto será o tempo de updates para cada novo terminal.
    Não estou muito por dentro dos Pixel, mas se não estou em erro é uma OEM (a HTC) que os faz e não a própria Google.
    Quanto aos iPhone! Não há fragmentação, fazem a meu ver com uma simbiose entre SO e hardware, o que deduzo haver mais sinergias e facilidades, por exemplo com os updates que é o assunto em questão, mesmo que seja um iPhone de operadora.
    O problema por exemplo para mim é o preço, mas se formos a ver, outros topos de gama Android, os valores andam lá perto, ou ainda mais caros. Acho que para investir num primeiro iPhone seria no mais recente mas teria os 5 anos seguintes com updates! E é mesmo um investimento que se for bem cuidado poderá ser vendido em segunda mão, por um excelente valor e assim o seguinte não será forçosamente aquele pesado investimento inicial! Os valores que tenho visto de recondicionados são a prova disso!
    Claro que teria de me adaptar, pois é diferente do android, mas já usei um, e um dos pontos que acho fortes é o som!
    Tenho ponderado nisto em parte devido à cena dos updates, devido a funcionalidades que não se encontra no android, compatibilidades e produtos made for iphone, que atualmente só alguns Android são compatíveis.
    Estou farto da fragmentação exagerada no “mundo” Android, farto de criarem tantos aos pontapés quando podiam ter somente 3 cada gama em vez de meia dúzia deles cada marca a cada ano! Terem mais cuidado na forma como criam os produtos de modo a que tenham mais longevidade e fidelizar mais os clientes de uma forma mais prolongada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.