PplWare Mobile

Alerta utilizadores Android: Mais 125 apps que deve remover já


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Hugo Cunha says:

    O problema principal deste esquema, pelo que percebi, é que podemos estar a usar a aplicação à muito tempo e de repente esta ser adquirida pelo prevaricadores para a usar neste esquema.

    Pessoalmente já usei o Futorrent que se encontra na lista.

  2. Oscar says:

    Isto pode acontecer em qualquer so, não é só no android!

  3. Oscar says:

    Isto pode acontecer em qualquer so, não é só no android!

  4. isaac says:

    Pelo que percebi do que li apenas lucravam por falsear a quantidade de pessoas que usavam as apps e assim ganhar dinheiro com a publicidade que é paga conforme a quantidade de utilizadores , porque tenho de remover as apps ? nao me prejudica em nada …

    • Aníbal says:

      Pois, tenho a mesma questão…

    • Eu Mesmo says:

      Também fiquei com essa ideia, na verdade as apps não representam nenhum perigo para o utilizador.

      • Eu Mesmo says:

        Mais ainda, penso que é uma noticia altamente alarmista e parece que querem fazer que o android (como são apps para android é o sistema o culpado (???)) é altamente inseguro.

        Penso que devem informar que a App X ou Y faz parte do esquema e deixar à consciencia do utilizador final se deve ou não remover a App.

        Claro que isto é apenas a minha opinião.

        • Pedro Pinto says:

          Pensa de outra forma. Se eles têm acesso ao código, afinal que app tens tu no smartphone? Afinal de contas, as apps fazem o tracking dos utilizadores.

          • Eu Mesmo says:

            Pelo que percebi da noticia era que apenas havia bots a gerar trafego em vez de ser 100% humano, o que faria com que na verdade recebessem 100Milhoes de publicidade e não 60Milhoes como deveriam.

            Obrigado pela explicação =)

    • Ruy Acquaviva says:

      Não vou entrar na questão moral de que você está contribuindo com uma fraude, um tipo de estelionato, afinal isso depende dos valores morais de cada um e muitas pessoas não consideram isso um problema.
      Mas existe sim um prejuízo aos usuários dos aplicativos devido a essa fraude. Ela leva as empresas a se desinteressar pela propaganda online por reduzir a efetividade desse tipo de propaganda, o que prejudica o rendimento dos desenvolvedores e consequentemente reduz a oferta de aplicativos gratuitos cuja monetização seja feita através dessa modalidade (propaganda online).
      Além disso você está sendo espionado por uma empresa que não tem ética, o que garante que além de analisar seu comportamento online essa mesma empresa não vai obter seus dados pessoais e vendê-los para algum tipo de fraude online contra você, ou que use seu computador como bot para envio de mensagens falsas, ou execução de fraudes financeiras colocando-o como suspeito de cumplicidade, ou ainda simplesmente usar o poder computacional de seu dispositivo provocando lentidão e maior consumo de bateria e tráfego de Internet. Quem comete um crime (e essa fraude é criminosa) pode muito bem cometer outros.

      • met says:

        Faz sentido no que diz respeito aos pobres diabos que fazem as apps e a questão de ser ilegal. O resto da conversa é um pouco ingénua porque assume que as empresas normalmente são éticas. Duvido que eles fossem comprometer a usabilidade, visto que a principal ideia era fazer dinheiro de anúncios e uma coisa que as pessoas se preocupam é o tráfego e a lentidão.

      • Edgar Silva says:

        Parabéns, inteligente e sóbrio!

  5. pic says:

    android vai sofrer sempre disso.

    • met says:

      Sim, mais vale a pena ser roubado logo o quando compras o teu telemóvel, para depois sofreres dos mesmos problemas.

    • fc says:

      Existe algum mecanismo que não permita que uma app iOS ou da Windows Store seja comprada por uma empresa. E depois de comprada que ela altere o código ligeiramente para fazer o que é relatado na noticia?

      • Paulo L says:

        Para não falar da dificuldade que tens em mapear um utilizador de iOS porque o SDK da Apple não permite I acesso à números únicos como o UDID, serial, MAC, IMEI, etc…

  6. Cabritone says:

    So tenho pena nao me ter lembrado deste esquema eu… =)

  7. Fialho says:

    Android sendo Android, no IOS não há nada disso

  8. João Serra says:

    remover? pq? nao tenho nada a ver com isso… a playstore é que tem que apanhar as apps

  9. Nuno says:

    Falam falam e não dizem nada, quais são as apps afinal?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.