PplWare Mobile

Ford: Reveladas as primeiras imagens do próximo rival da Tesla


Tomás Santiago

A tecnologia e aquilo que é possível fazer com ela sempre foi algo que me cativou bastante. Estudo Ciência de Computadores na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. Adoro programar e desenvolvimento de aplicações móveis, principalmente para iOS. É a escrever para o Pplware que partilho os meus conhecimentos. Sigam-me no Twitter: @mrtomasantiago

Destaques PPLWARE

19 Respostas

  1. Amilcar Alho says:

    Continuo a achar que estar dependente de um fornecedor de energia, não é o caminho…
    Deveriam apostar em painéis solares, por exemplo.

    • dqdd says:

      certo. em dias de chuva andava que era um mimo.

      • Amilcar Alho says:

        Painéis solares, baterias, “tomadas eléctricas” para os dias que referiste acima.
        Mas vou reformular o que disse acima:
        “Continuo a achar que estar 100% dependente de um fornecedor de energia, não é o caminho…
        Deveriam apostar em painéis solares, por exemplo.”

    • Machado says:

      Sabes certamente que com a tecnologia actual é impossivel um painel gerar a quantidade de energia para um carro electrico funcionar normalmente? Seria possivel carregar um pouco a bateria ao longo de muitas horas.

      Talvez o importante sejam garagens e residencias com paineis solares e acumuladores como o da Tesla que ao longo do dia carreguem uma bateria para usar energia durante a noite nas casas e carregar os carros.
      Mas mesmo isso actualmente é muito dificil pois a quantidade de energia que armazenas durante o dia é inferior ao que vais consumir durante a noite…..

  2. xXx says:

    sao todos rivais, não se vê é nada além de specs e videos de apresentações vagos.

    • Rui says:

      Isto!
      Estas marcas estão anos atrás da Tesla e a maioria delas tem-se limitado a fazer mera especulação.. os que já tem algo concreto como o leaf ou o zoe tem “qualidade/capacidade” inferior.. os que tentam igualar na qualidade não conseguem produzir como p.ex o i-pace.

      • BRUNO COIMBRA says:

        qualidade/capacidade e esqueceste um fundamental senao o mais importante para uma empresa…custo, no dia que comprares um tesla ao preco de um zoe/leaf falamos
        no dia que tiveres um pos-venda como renault ou nissan falamos

      • Eu says:

        Costumas comparar o BMW serie 5 com o Clio? Então porque razão estas a comparar um Tesla a um Leaf ou um ZOE?

        É que até mesmo o Model 3 que ainda não tem preço para a Europa, apenas se especula algo entre os 40 e os 50 mil euros não é do mesmo segmento.

        Mas vamos voltar atrás. A Tesla tem mérito no que faz pela mobilidade eléctrica, mas o primeiro carro eléctrico para as massas foi o Nissan Leaf (2011), foi o pioneiro, portanto acho que deves conter essa euforia quando falas em carros eléctricos.

        Achas que se a Nissan com o know-how que tem desde 2011 (para não contar com os anos que levou a desenvolver o Leaf) se quisesse não fabricava um carro eléctrico do segmento de um Model S ou X? Estas a comparar coisas que não tem comparação.

        Já que falas no Jaguar I-Pace é nada mais nada menos que um Ford com nome de Jaguar, visto que a Ford comprou a Jaguar em 2006. Esta noticia nem é nada demais porque a Ford já constrói carros eléctricos e do segmento dos Teslas.

        • Nuno V says:

          Até nem tiveste mal na tua resposta, até teres chegado à parte que o Jaguar I-Pace é um Ford com nome de Jaguar. É a mesma coisa que dizer que um Ferrari é um Fiat?

          • Eu says:

            Um Ferrari não um é Fiat porque a Ferrari não faz carros do segmento dos Fiat, porque se fizesse certamente ia buscar as plataformas e os componentes dos modelos da Fiat e vice-versa. No caso da Ford e da Jaguar o caso é diferente visto que a Ford tem carros do segmento premium como é a Jaguar e certamente vão partilhar os mesmos componentes. É a mesma coisa que teres um Qashqai e um Kadjar é o mesmo carro com nomes diferentes. E podia continuar aqui a dar exemplos de carros iguais com nomes diferentes, mas acho que já percebeste.

          • Nuno V says:

            Dizes isso quando o I-Pace é uma plataforma nova da Jaguar, e quando a Ford vendeu a Jaguar em 2008. E só porque um carro partilha uma plataforma com outro não equivale a que estes sejam o mesmo carro. Ou será que também vais dizer que que o novo Renault Megane é igual ao Renault Kadjar, só porque partilham a mesma plataforma. Sim, é normal marcas, partilharem tecnologia, principalmente quando pertencem ao mesmo grupo. O Kadjar não é um Qashqai com um novo nome. É um carro que partilha a mesma plataforma, e mesmo algumas motorizações, bem como muita tecnologia, mas também existem particularidades em cada um deles fazendo-os um carro distinto. Não estamos a falar de casos como o Chevrolet Captiva e o Daewoo Winstorm.

        • Coiso says:

          A jaguar já não é da Ford há que tempos! e ainda bem porque quando foi ford era muito mau. A jaguar é da TATA e desde então só melhorou.

          Quanto ao I-pace.. nem hesitaria sobre o horrível model X

    • Ricardo says:

      Questão é que só podemos comprar o que existe, o próximo não esta disponível. Assim provam que a Tesla e a referencia.

  3. Louro says:

    Eles bem tentam, até ao dia de hoje é só promessas.

  4. Miguel says:

    Mais um SUV… gostos são gostos, mas este não será para mim…
    Algo do tamanho do Model 3 / novo LEAF seria melhor para mim

  5. KodiakShadows says:

    Agora entendo porque o gajo anda a fumar uma boa erva e parece estar sempre com a moka. Este é só um Ford ainda faltam os carros Europeus e os Chineses para pôr o gajo a tripar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.