PplWare Mobile

Agora é muito mais simples remover uma pen USB no Windows 10


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. paulo g. says:

    No linux a ligação de uma pen é rápida (não fica a remoer à procura de driver) e para desligar pede sempre para desmontar. A segurança dos dados assima de tudo.

  2. Zé Duarte says:

    Não entendi qual foi a novidade. A Renovação Rápida já existe desde o Windows XP.

    • A MS só agora tornou isso padrão. É uma mudança muito importante para os utilizadores. Até agora tinhas de seguir o ritual todo para retirar uma pen do PC. A mudança leva a que seja só retirar (assumindo que esperaste que a escrita ou leitura tenha sido terminada).

      • Nks says:

        Deve haver algum engano grave na notícia, visto que a escrita em cache embora seja o q faz parecer a escrita mais rápida, ela mesma é o oposto da remoção rápida! Remoção rápida obriga forçosamente a que não exista escrita em cache, caso contrário se 1 ficheiro for escrito da pen e esta for removida logo a seguir, este fica corrompido de certeza absoluta! Revejam lá o que escreveram, visto que uma coisa é o oposto da outra e não é de todo possível usar ambas ao mesmo tempo!

  3. Necro says:

    Isto já existe desde sempre… Só mudou a opção padrão, mais nada!

    • A MS só agora tornou isso padrão. É uma mudança muito importante para os utilizadores. Até agora tinhas de seguir o ritual todo para retirar uma pen do PC. A mudança leva a que seja só retirar (assumindo que esperaste que a escrita ou leitura tenha sido terminada).

      Tanto que os utilizadores se queixaram e eles agora resolveram mudar.

  4. Polo says:

    Pensei que já aos anos que as usb tinham Essa opção por defeito, ou seja qual a novidade?

    • Tx2 says:

      Exato, todos os armazenamentos usb que utilizo usavam e usam essa opção por defeito, se ouve alguma alteração a este nivel deve estar alguma informação em fata na noticia

    • A opção por omissão era a outra. Agora é que tudo mudou, e para melhor.

      • Tx2 says:

        Mas isso tambem foi uma alterações a pouco tempo do windows 10 que tinha a outra opção predefinida ?
        é que uma simples pesquisa no goole images por ‘usb better performance’ ou ‘usb usb Quick Removal’ mostra que a Quick Removal esta com default em todas as imagens

  5. Vitor says:

    Uma boa resposta para todas essas mudanças é simplesmente migrar para outro sistema como por exemplo Mac

  6. Miguel Oliveira says:

    Tem que vir sempre um ser falar de Linux…

  7. Wellington Costa Soares says:

    Se o usuário usar um pendrive com led, saberá quando um comando seu terminou e aí é só clicar no botão “ejetar” e pronto, o PC irá avisá-lo de que o pen pode ser retirado. Um bom dia a todos.

  8. JC says:

    Eu uso um método mais simples
    1 – Parar de mexer na pen
    2 – Verificar se a luz da pen esta desligada (confirma que não há dados a serem escritos)
    3 – Puxo a pen da porta

    Em 15 anos nunca cliquei em lado nenhum para desligar a pen também nunca perdi dados.

    • Woot! says:

      Ia comentar isto. Já usei centenas de pens diferentes e nunca fiz “eject” ou “remover” e nunca tive qualquer problema.

      Claro que espero que a luz desligue, mas para mim sempre foi o suficiente.

    • goolo says:

      eu faço o mesmo e nunca tive quaisquer problemas até hoje com qualquer que fosse a pen…

  9. Luis says:

    A minha pergunta é: quem é que ainda utiliza pens usb?

    • goolo says:

      milhões de pessoas, deves ser especial, não deves precisar de mover ficheiros, sem depender da NET…

      • EC says:

        De facto estive a pensar e basicamente utilizo pendrives apenas para fazer instalações dos SOs, pois de resto é tudo online. Os cartões de memoria ainda utilizo para passar dados entre dispositivos, mas pendrive é algo que raramente pego.

  10. Pedro Cunha says:

    Eu só gostaria de saber ate quando a Microsoft vai insistir em pagar matérias ao invés de consertar este, que tem se tornado o Pior sistema operacional na criado pela Microsot. !!!?

    • goolo says:

      pior , até ver não tenho qualquer razão de queixa, funciona que é uma maravilha com tudo o que lhe meto para cima até à data nunca falhou , aplicado nas mais diversas configurações e usos, está mas é na altura de comprares uma maquina digna do sistema operativo , e não querer milagres e depois o culpado é sempre o sistema operativo…

    • Z/OS says:

      Windows 10, para mim, é provavelmente o melhor S.O, mais fiável, e que deixa qualquer linux num patamar quase obsoleto. A única vantagem do linux é o preço dos seus programas. Mas quem é que vai utilizar linux, quando existe um S.O mais amigável?
      nota: já utilizei muitos linuxes – slackware, debian, ubuntu, mint, red hat, entre outros – e a conclusão que tirei, é que em questão de amigabilidade, é um software a anos luz dos seus congéneres Windows. Até os pacotes que prometem a “substituição” do office são uma anedota comparativamente com o produto com que pretendem ter compatibilidade. E eu durante anos fui obrigado, profissionalmente, a utilizar estes pacotes que só davam problemas, para nao falar que de user-friendly nao tinham absolutamente nada. Talvez comparados com o Lotus 123, ou com o DBase tivessem algo a acresentar. Digam o que disserem, o Office é uma ferramenta extraordinária.

      • Ricardo says:

        Engraçado uso Windows e linux e sei reconhecer a importância que cada um tem agora ficar glorificando um com base no menosprezo do outro perde todo crédito que tem.. Essa é minha opinião e quem não quiser concordar por mim tudo bem

        • Kuraredb says:

          Ele não disse nenhuma mentira. Apenas falou das vantagens do Windows em relação ao Linux. Obviamente poderia falar também das vantagens do Linux em relação ao Windows mas isso não invalida o argumento dele.
          O Windows sempre foi melhor opção para o utilizador casual, para o utilizador que quer produzir mas não é fluente em informática. Para estes, o que é uma simples instalação de uma impressora no Windows, pode-se tornar numa missão impossível no Linux.
          O Linux sempre foi melhor opção para o utilizador académico, expert em informática e até “hobbyista” entusiástico.

  11. Rodrigo says:

    Nunca foi preciso efetuar-se qualquer processo antes de se remover uma pen. Isso foi um mito que até hoje ainda persiste. Mais de 15anos a remover um pen ou um disco rigido externo sem qualquer processo prévio e tivesse ou não um documento aberto e nunca perdi até hoje um único ficheiro. Um mito das tecnologias.

  12. Tiago Ferreira says:

    Uma feature fixe para implementarem era não ficar com uma lentidão anormal em 5 máquinas depois desta bosta de actualização. Até o 2012 server tem de ter o serviço do Windows update parado se não lá se vai um processador a 100% a toda a hora… Enfim

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.