PplWare Mobile

Usa o Windows 10? Então esqueça o Windows Defender


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

133 Respostas

  1. Tiago says:

    Melhor anti virus somos nós próprios, se soubermos o que estamos a fazer.

    • TiGaSPT says:

      +2, depois da desilusão que foi o bitdefender free que tinha, desde então que deixei de ter AV nos meus pcs

      • @dg says:

        Estou a usar o bitdefender free há +- 2 meses o que se passou?

        • TiGaSPT says:

          Usava demasiados recursos, tinha sempre o hdd a 100% e de vez em quando o cpu tava a 100% também

          • Peter says:

            O windows defender obteve a classificação top no mês de julho 2018 pela Av test

          • Nuno Oliveira says:

            Estranho… No site deles só encontro testes até Junho…
            E não se esqueçam que os testes de antivírus são classificados com base nos resultado do mês em que são testados. Basta ver no teste anterior e o defender já não tem a classificação TOP…
            E tendo em conta que 70% são TOP, então esse facto é irrelevante.
            Dos 11 com essa classificação algum vai ser o melhor e outro o pior. E o pior vai ter 10 que são melhor que ele.
            Como já disse várias vezes, hoje em dia todos os antivírus são muito bons…
            Um bom exemplo para mim, é fazer um full system scan com o defender e outros 2 ou 3 e comparar o tempo a mais demorado pelo defender e o tempo de cpu extra que precisa para se perceber realmente a diferença de performance num teste real em vez de num teste padrão…

    • special one says:

      concordo. através de uma navegação inteligente conseguimos ficar protegidos dos conhecidos programas adware e malware

    • Ivan Lopes says:

      Não pessoal, caramba. Eu ouço isso desde há muito mas a realidade é diferente. A frase correta é “O melhor complemento do antivírus somos nós.” Conheço gente que não usa antivírus e só com um scan do malwarebytes encontrou vários bichinhos. Não custa nada ter antivírus no pc. Principalmente quem faz muitos downloads e instala qq porcaria que encontra na net. Por isso insisto, não espalhem a ideia que o melhor antivírus é nós mesmos

      • Edexote says:

        Concordo perfeitamente com este comentário.

      • Luis Silva says:

        Também concordo plenamente, o ue devemos é ter é ter um serviço segurança que não afecte o desempenho do sistema, por acaso já tive o Kaspersky, mas na altura tava-me a dar problemas, mas noto que o Windows defender trava muito o sistema

      • Asdrubal says:

        Quem instala muita porcaria que encontra na net, o melhor anti-vírus não chega, uma vez que acaba por ficar muita lixeirada na máquina, mesmo após a desinstalação, acabando por influenciar a eficiência.

    • Nuno says:

      +infinito, podemos ter o melhor dos melhores, mas se não tivermos cuidado apanhamos virus e afins, eu tenho o Windows Defender desde o dia 1 e nunca tive problemas nenhuns.

    • Abraão says:

      também concordo , uso o windows defender com adguard a mais de 4 anos e nunca me deu problema .

    • Engenheiro de Sistemas says:

      Se você acha que antivírus só pega o que você usa está muito enganado meu amigo. Boa sorte com seu achismo errado!

    • macid says:

      tenho o lenovo g 50 nunca tive problemas com viros nem nada que se pareca a estudos tenho o anti viros que vem instalado por sinal muito bom

      • Nuno Oliveira says:

        Os vírus não dependem do comprador.
        E o teste menciona o computador apenas porque fala da queda na performance.
        Todos os antivírus hoje em dia são bons.
        Mas há uns melhores que outros e uns mais pesados que outros.
        O defender, tende a estar mais para o lado dos mais pesados, ou menos leves…

  2. Eric Mac Fadden says:

    Creio ser de impacto irrelevante, já que as aplicações e navegação (o que a esmagadora maioria das pessoas faz) foram classificadas como “muito rápidas”.

  3. Sand says:

    Eu actualmente uso o kaapersky
    Antes, usava o avast. Mas infelizmente o mesmo andava sempre a dar erro, não lançava a Ui, etc. Tal como a cada actualização do avast, só mais lixo. Mesmo após reinstalação, etc.
    Na altura do 2000, XP e vista, usava o AVG. (esse deixei de usar porque criava conflitos com alguns jogos, na altura)

  4. David Ramos says:

    Cheira-me a estudo comprado… De todos os antivírus que testei o Windows defender foi o melhor a nível de desempenho

  5. Sancho Spinola says:

    Excelente análise. Acontece é que para as melhores soluções apresentadas há que proceder a pagamento anual. E quanto maior a proteção, maior o valor a dispender. Eu tenho um Surface Pro 4 M3, com Windows Defender e não sinto que o Windows Defender tenha assim tanto impacto negativo.
    Por ora, fico-me por esta solução

  6. Coisinho says:

    Já agora, se possível era interessante deixar um link para a fonte do artigo em questão.

  7. Paulo Silva says:

    Comodo ate hoje sempre foi bom…. E nem aparece na lista

    • Filipe says:

      Não é assim tão bom. É outro ao estilo do AVG: se queres bater recordes de falsos positivos, não há melhor escolha que um desses dois. Até um simples ficheiro excel com código vba para fazer umas continhas para gerar estatísticas, é detectado como vírus…

      • Nuno Oliveira says:

        Em termos de falsos positivos não ha pior que o defender…
        Mas nestes testes, se olharmos com olhos de ver, a diferença entre o melhor e o pior em qualquer campo é muito reduzida…
        Quando aparecer um msblast qualquer um apanha, com ou sem AV, e ao fim de 2 dias qualquer AV o impede (menos o norton que só actualizava 1x por semana)…

    • Leonardo says:

      por isso que não aparece 😉

  8. cmariano says:

    Estudo muito subjetivo. Os sistemas não são perfeitos, ou tens segurança e menor desempenho para aumentar os seus níveis, ou tens a melhor performace do mundo e estás sempre exposto ás vulnerabilidades da moda.

    Prefiro usar o Windows Defender (incluindo no Windows 10 V1803 onde as melhorias de segurança são significativas) mesmo não sentido um grande impacto como é referido, do que usar a solução Panda End Point Protection Plus que simplesmente é má demais e devia essa sim, estar com pior classificação do que o Windows Defender.

  9. Guilherme says:

    Kasperky

  10. Marco says:

    Tenho andado com problemas no Windows Defender, este teima em aumentar a carga do CPU até o máximo (MsMpEng.exe)…sem nenhuma razão aparente, já tentei corrigir a situação com algumas sugestões da net mas por vezes lá está ele de novo a sobrecarregar o sistema. Um dia destes troco de vez para o Linux.

  11. Pedro says:

    Isto parece-me algo feito de encomenda pelos antivirus spammers do costume que chateiam o pessoal para fazer update para versões comerciais.

  12. Daniel says:

    Se queres anti-vírus leves pra Ruindows usem Bitdefender e Webroot.
    O bom do Linux e BSD é que não precisamos nos preocupar com isso. Quem tem servidor geralmente tem um anti-vírus apenas por precaução, mas não é nada obrigatório. A maior porta de entrada de vírus e outras pragas em qualquer computador é o navegador, protegendo-o com as extensões corretas e usando um firewall já é uma ótima proteção.
    Claro que quem usa o Ruindows, vai ter que ter muito mais proteções que isso, anti-spyware, anti-adware, anti-keylogger, anti-trojan, anti-vírus, anti-tudo.

  13. Luis Silva says:

    Esta noticia não é coerente com uma das maiores referencias em termos de testes a antivirus – https://www.av-test.org

    • Filipe says:

      Essa página diz que AVG, Bitdefender e Avast são melhores que Karspersky e Eset. Maior referência? Se dizem aqui nos comentários que os testes da av-comparatives.org são encomendados, então os dessa página são o quê? Essa página diz que o Avira Antivirus Pro 15.0 e o AhnLab V3 Internet Security 9.0 (quase nem há reviews úteis sobre ele) são os melhores. Mas cada um vai na conversa que quiser.

      • TiagoC says:

        Bitdefender Eset e Kaspersky… td bem. Agora Mcafee a ganhar ao kaspersky?!! O mcafee que diz que ficheiros do windows update são virus e os elimina… é para rir.

        • Anónimo says:

          Ah! Refere-se ao comparativo do artigo e não ao av-test, não é?
          Na sua análise, esqueceu-se de considerar o seguinte: o McAfee ganha ao Kaspersky em termos de impacto na maior lentidão que provoca no sistema (e a diferença entre os dois é mínima) e não em termos de resultados encontrados ou falsos positivos.

      • Anónimo says:

        Repare que o Avira não tem a indicação de TOP Product e tão ou mais importante: as pontuações de todos os anti-vírus são muito, muito próximas, sendo assim pouco importantes para a seleção do melhor.

  14. Rui says:

    O objectivo do windows defender é proteger de e detectar virus, logo o desempenho é irrelevante desde de cumpra com a sua função. Logo este é um estudo irrelevante.

    • Paulo Martins says:

      Que raio de estupidez, eu tive que desactivar o Windows Defender porque no meu PC que infelizmente só tem 4GB de RAM ele chegava a consumir mais de 3GB de RAM o que me bloqueava o PC, se consideras o facto de para te proteger impedir de usar o computador é irrelevante, aconselho-te a desligar o PC da tomada que aí é garantido que não apanhas qualquer vírus.

      • Carlos Mariano says:

        Tens que trocar de PC ou em alternativa, tentar perceber o que se passa. Quanto muito mal configurado, agora num cenário a serio, o Windows Defender não come essa memoria toda. Mesmo a usar o Windows Defender Application Guard……

    • Jorge says:

      “O objetivo dos pneus é curvar bem e criar aderência, logo o desempenho é irrelevante desde que cumpra com a sua função. Logo os estudos sobre a performance dos pneus são irrelevantes. Devíamos todos usar pneus de Trial, mesmo no dia-a-dia ou até na fórmula 1.”

      Se eu fosse como tu, era assim que a minha “lógica” também funcionava…

    • Anónimo says:

      O desempenho é relevante. Se não fosse, no limite toleraríamos que uma pesquisa demorasse 10/20/30/(…) anos e a lentidão máxima dos processos do computador (o que obviamente não acontece). Só não acho que o desempenho do Windows Defender seja assim tão mau como o pintam. E não é só isso que conta, contam também os resultados e os falsos-positivos, bem como o UI, para uma tomada de decisão verdadeiramente informada.

  15. Jorge says:

    Bastante curioso este estudo
    Eu antes disto, na build 1607 fiz alguns testes a nivel de desempenho no computador, browsing web, transferencias etc, com defender, eset, kaspersky, bitdefender e Norton e surpreendi me como o defender era o que menos puxava pelo pc mas a proteção continuava intacta…
    Aliás eu fiquei parvo como a versão paga do eset e o Norton puxava tantos recursos do computador….
    O maior virus é o que está entre o computador e a cadeira.
    Se souberem navegar e andar na internet, safam se, se não…

  16. Miguel says:

    Prefiro ter o Windows Defender claramente. Justifico: Experimentei vários antivirus e todos sem exceção estavam sempre a interromper, a tornar o meu PC mais lento, e a fazer deteções (falsos positivos) só para dizer que existiam na minha máquina. Ao desinstala-los o meu Windows ficava sempre mais rápido outra vez. Portanto uso o Windows Defender e pronto. Alem disso há aqui colegas que comentam que o maior antivirus está entre a cadeira e o teclado e isso é verdade.

  17. Rui says:

    Utilizo o Comodo Internet Security. É de facto muito bom, apesar de ser pesado para máquinas mais fracas.
    A firewall é…… bloqueia muitas aplicações…. normalmente tenho de desligar a auto-contenção por 15 minutos para permitir usar programas perigosos como de contabilidade, declarações de impostos….. caso contrário abre uma sandbox (nota-se um aro verde à volta da aplicação) e mete lá o programa a funcionar, incluindo com todos os documentos que o programa gerar (desaparecem por estar em quarentena!).
    Apesar das muitas chatices com programas inocentes, é muito bom, inclui antivírus, firewall, auto-contenção, viruscope e filtro web.

  18. Spike says:

    Normal, sempre se notou isso inclusive num SSD

    como testar facilmente para quem usa o Defender:
    1. tendo ele ativado com o proteção em tempo real vao a uma pasta com alguns .exe (pasta de downloads ou windows) e vejam o tempo que demora cada icon (real) do .exe a aparecer e fechem o explorador
    2. desativem a proteção em tempo real e voltem a mesma pasta e voltem a verificar o tempo que aparece os icons reais dos .exe

    vao verificar no 2º caso que os icons dos .exe vao aparecer instantaneamente ao passo que no 1º caso vao notar os icons (reais do .exe, não os icons default do windows) a aparecerem um a um

    tendo outros AV como o ESET é bem rapido, essa tabela esta real perante o que eu testei

    PS: Não se esqueçam de ligar outra vez a proteção em tempo real após os testes

  19. Setnom says:

    Desde há uns dias para cá que tenho vindo a fazer uma experiência que não fazia há anos. Estou a usar Windows sem proteção antivírus em tempo real. Corro o Malwarebytes ou outros antivirus on-demand como o KVRT, Sophos ou Emergency Scanner Kit da Emsisoft uma vez por dia ou de dois em dois.

    E tem estado a correr bem, ainda não apanhei nada que qualquer um dos programas que tenho instalados detetasse. E noto que o meu sistema está mais “snappy”.

    É um risco, sem dúvida, mas se uma pessoa souber o que está a fazer, pode minimizá-lo.

  20. Edexote says:

    Uso licença da empresa da ESET e é uma categoria. De facto, não noto o sistema nada pesado. Já em máquinas iguais com o Defender às vezes espero dezenas de segundos para arrancar um setup de 100 MB enquanto o Defender verifica o ficheiro…

  21. Samuel says:

    A melhor maneira de ficarem protegidos e instalarem o Linux que não precisa de anti-vírus.

    • Vitor says:

      Continua com o teu Linux sem anti-vírus…eu “sigo” com o Windows apenas com o “defender”! Podes ter a certeza que não estou mais vulnerável…pelo contrário!

      • camt says:

        Uso linux e tenho anti-virus instalado por causa das pen que uso no curso que estou a tirar neste momento. Não é com o medo de a minha máquina ficar com virus mas sim de os passar para outras com win. Uso um que pouca gente aqui fala o “Sophos”

  22. Alucard says:

    Desde o Windows 7 que resolvi deixar de desperdiçar dinheiro com anti-vírus e não tenho tido problemas.
    O Defender está muito bom para mim.

  23. JC says:

    Uso o Avast Pro há muitos anos sem problemas, à excepção de considerar os programas que faço como virus, porém, dá para contornar essa tara.

  24. Jorge Nunes says:

    Bitdefendeder Antivirus Free Edition é uma boa opção.

  25. Carlos Costa says:

    É que nem um link para a av-comparatives no artigo, quando eles pedem EXPLICITAMENTE para não roubarem resultados assim.

    This publication is Copyright © 2018 by AV-Comparatives®. Any use of the results, etc. in whole or in
    part, is ONLY permitted if the explicit written agreement of the management board of AV-Comparatives
    is given prior to any publication.

  26. Napoléon Bonaparte says:

    Uso o Windows defender nas minha máquinas. Que também têm o Panda Cloud Cleaner, que corro de tempos em tempos. Estou satisfeito.
    Parece-me que este estudo é tendencioso.
    Para além disso, todos os Antivírus grátis são aborrecidos porque tentam a todo o momento que contratemos a versão paga. Acabam desinstalados num ápice…

  27. Nobre Luso says:

    Digam o que disserem, façam todos os testes e mais alguns.
    O MELHOR de todos os antivírus continua a ser o fantástico NORTON by Symantec.
    Usando (comprando) a versão mais completa, podemos proteger até os dispositivos ANDROID, pois há duas versões: para até 5 e 10 aparelhos.
    Completo, seguro, leve.
    Não existe melhor !

  28. P says:

    Fortinet FortiClient.
    Também é gratuito.
    Tirando isso, windows defender.
    O defender em funcionamento normal não costuma ter grande impacto mas há alturas em que algo corre mal com os processos e torna-se um buraco negro para cpu e memoria. Não é frequente mas acontece.

  29. censo says:

    Quando o artigo refere : “…o Windows Defender influencia negativamente quando fazemos cópia de ficheiros, quando instalamos software e tem até impacto quando fazemos download de ficheiros….” … nada mais digo sobre a excelente opinião que tenho do Defender.

  30. Jms says:

    Uso o Avira versão pro e até á data MT satisfeito, nem noto que o tenho instalado, não me enterrompe a fazer nada, até estranhei um dia destes que queria entrar num site e ele avisou.me que tinha malware, site que costumava frequentar. Eu tb tenho ssd, problemas de performance não terei.

  31. Rui says:

    Uso o Bitdefender Antivirus plus 2018.

  32. Pedro Soares says:

    eu posso estar com os olhos cansado, mas o artigo começa com a AV-TEST e mostra gráficos de outra empresa… a AV Comparatives?? Pensava que se tratavam de empresas diferentes…não percebo nada…

  33. Fernando mMachado says:

    Aqui utilizo “COMODO Internet Security Premium” versão free, juntamente com o Malwarebytes pago.

    • Leonardo says:

      Não usei o malware bytes, mas o comodo é imbatível.
      Não tem Norton (que nunca foi grande coisa), McAfee
      (já foi 8um dos melhores), Bit Defender que se aproximem…

  34. bom senso says:

    até hoje é só o que uso o windows defender e chega muito bem, e não necessito de mais nada, o melhor antivírus continua a ser quem está entre a cadeira e o monitor, logo se andarmos a navegar por coisas fidedignas não haverá qualquer problema, agora quem gosta de andar a meter o nariz por páginas menos próprias é natural que volta e meia tenha o pc todo cheio de vírus e afins mesmo que tenha o melhor antivírus instalado…

  35. Bruno says:

    Sinceramente o windows defender chega e sobra. Tem sor a ver por onde andamos e o que sacamos

  36. gr33nbits says:

    Para mim o Defender é o melhor, eu já uso á bastante tempo.

  37. gr33nbits says:

    Outra coisa é que por ter “pior” desempenho em algumas situações como copiar ficheiros isso não quer dizer que seja mau, porque se calhar os outros AV são rápidos porque não fazem scan aos ficheiros como o Defender, se é que me faço entender, este estudo é…

  38. Pedro Silva says:

    o melhor é ter 2 pc’s, um sem AV com protecção em tempo real, e outro com um AVAST, por exemplo.
    e passados muitos anos de experiências, cheguei à conclusão que o pc sem AV, continua o mais estável possível e tive ZERO chatices.
    convém salientar que o pc mais antigo teve sempre o Windows 7pro(original que veio com ele próprio), o outro veio com o BSOD W10, e aqui amigos foi uma experiência demasiado má, desde Janeiro deste ano comprei uma licença Windows 7 PRO para este ultimo e voltei a ter máquina, e claro uso o minimo de software M$ possível, e o Avast no último. no primeiro só uso o adware malwerebytes

  39. José Fernandes says:

    Eset smart security nos PC e dispositivos móveis.

  40. Carlos Silva says:

    Curiosamente, o Windows Defender é o que Menos impacta o desempenho do meu PC, e o meu PC é rápido… Acho que isso varia de computador para computador.

  41. Luiz L. Marins says:

    AV-TEST deve ter ganho um bom dinheiro para publicar este resultado… §:>)

  42. pedro says:

    Windows Defender, melhor antivírus neste momento para Windows PC.
    Leve, seguro e eficaz.
    Deve-se correr tb, por vezes o software “Super Antispyware”.

    Basta

    Os Antivírus mencionados no estudo, neste momento só atrapalham.

  43. Ricardo says:

    Acho que aqui se estão a confundir os conceitos. Uma coisa é a capacidade de defender o sistema, outra coisa é o impacto que o AV tem no desempenho global do sistema!

  44. falcaobranco says:

    O que mais me surpreende não é só o defender estar em ultimo lugar como o K7 estar em primeiro com uma diferença enorme para o ESET… é estranho, de facto!!!

    O que nada me surpreende é o Avast..sem duvida… excelente antivirus!

  45. Marco says:

    Falta ai um anti-vírus no estudo. C:\format c:
    (。◕‿◕。)

  46. TiagoC says:

    O estudo é da AV-Comparatives e não da AV-TEST. Pplware corrijam o título pff.

  47. Luiz L. Marins says:

    Não sei porque esta campanha contra o Windows Defender. Nunca tive problemas com ele. Periodicamente faço varreduras on line, e nunca foi encontrado nada.

    O Defender é excelente. Não afeta a performance da máquina, faz apenas o que tem que fazer.

  48. Nobre Luso says:

    Passo cerca de 10 horas por dia ligado à Internet, por motivos profissionais e particulares.
    Confesso mesmo que sou um navegador inveterado!
    E agora, a melhor parte:
    – nunca apanhei um vírus, trojan ou afim!
    Nem sequer um pequeno susto ou aviso.

    E como procedo à minha SEGURANÇA quase perfeita?
    Simplesmente porque instalei nos meus computadores o MELHOR ANTIVÍRUS que existe à face da terra!
    E qual é?…
    Simplesmente… NORTON!
    Sempre a versão mais recente e completa.
    Que para mim teve de ser a versão que se pode instalar em até 10 dispositivos, muito por causa dos smartphones e tablets Android.

    E, acreditem em mim, nenhum outro anti-vírus chega aos calcanhares do Norton.
    Leve, completo, silencioso. E sobretudo, extremamente seguro!
    Lido com informação muito importante e sigilosa.
    Quanto aos “testes independentes”, acham que eu iria acreditar que algum carro Mercedes seria melhor do que um Bentley, apenas porque uma revista sobre automóveis escreveu isso?…

    • Nuno Oliveira says:

      Infelizmente não posso fazer o que diz “acreditem em mim” porque depois de usar o Norton anos a fio, cheguei a uma simples conclusão… Todos os antivirus são bons.
      Mas alguns são mais pesados, ou tem mais falsos positivos, ou são demasiado caros, ou demoram mais a receber actualizações para as últimas ameaças…
      O Norton, tirando os falsos positivo que até é bastante bom, peca em tudo o resto…

      • Nobre Luso says:

        Pois é…
        “Acreditem em mim”, talvez porque nasci em 1950 e geri várias Empresas, onde a segurança informática era primordial.
        Tanto, que a segurança nessa área era fornecida por sistemas muito sofisticados, muito similares aos que os bancos utilizam. Por ali não passava nem a milésima parte de um átomo…
        Foi por isso que, habituado a sistemas tão perfeitos, escolhi para meu uso privado o Norton (by Symantec).
        Claro que há uns anos atrás o Norton era muito “pesado” e,t al como outros AV, padecia de algumas lacunas.
        Actualmente e depois de ter experimentado vários, quedei-me pelo Norton. A tal versão mais completa.
        E “falsos positivos” no Norton?…
        Foi a primeira vez que li semelhante barbaridade!

        • Anónimo says:

          Que outros anti-vírus já experimentou e durante quanto tempo, se não é indiscrição?

        • Nuno Oliveira says:

          Nascido em 50, então nada como uma actualização. Não só ao nível informático mas também ao nível do português.
          A única coisa que gabei no Norton foi ser bom no que diz respeito a falsos positivos…
          E não é barbaridade, também os tem.
          Se foi a primeira vez que ouviu falar de tal coisa acredito que não tenha efectivamente experiência para assumir que o Norton é melhor ou pior do que qualquer outro.
          Leia sobre eles aqui, escrito pela própria equipa do Norton:
          https://nr.tn/1IQ1IfU

  49. Luiz L. Marins says:

    Aqui podemos ver no site do AV-TEST, que o Microsoft Windows Defender está classificado como “Top”. Portanto, é muito bom antivírus, ao contrário do que este post tenta mostrar: … https://www.av-test.org/en/antivirus/home-windows/

    • Nuno Oliveira says:

      Bons todos são! Basta ver as taxas de detecção.
      O que é francamente pobre no Defender/Essentials são os exagerados falsos positivos…

  50. João Vianna says:

    Concordo, pior que ninguém acreditava quando dizia que o desempenho dele afetava mais o Windows que outros de terceiro, e para outros que postaram pesquisas por ai, existe uma diferença enorme, entre eficiência em prevenir, detectar e eliminar ameaças para a questão de afetar desempenho, ele pode ser eficiente combate de vírus, e lento para o sistema, enquanto outros podem ser leve e ineficiente em combater pragas digitais.

  51. Luiz L. Marins says:

    Aqui, o Windows Defender nunca deu falso positivo, nem afetou o sistema .. Tenho a impressão que estão a falar de outro Defender, que não o da Microsoft.

  52. RJCA says:

    Partindo do principio que a notícia é verdadeiramente real , quais seriam as alternativas viaveis?

  53. Paulobraveheart says:

    Isto e conversa.
    Eu uso o windows defender e nunca notei falta de speed no pc.
    Quanto a virus ele tem sido muito bom.

  54. Luis says:

    experimentem o novo norton parece-me bastante leve
    eu tenho avast livre e faz o que lhe mando

  55. Mark Rodrigues says:

    No meu local de trabalho temos aproximadamente 80 máquinas a rodar com a solução de segurança da Microsoft forefron. Acontece que temos os mesmos problemas de desempenho das máquinas no respeita à percentagem de utilização de disco e de memória. As máquinas mais recentes são i3 com 4 gb de RAM. Já reparei que desactivando alguns serviços da Microsoft como as atualizações automáticas e o rastreio auto do Aveiro as coisas melhoram. Na minha modesta opinião qq AV (uns mais que outros) terá impacto na performance da máquina e depende muito da capacidade da mesma. O AV será sempre uma ajuda, a questão será escolher um que consuma menos recursos e que esteja sempre atualizado. Por isso todos os comentários e possíveis soluções são importantes. Nada melhor como a partilha de experiências…

  56. Luiz L. Marins says:

    Gostaria de saber quem pagou a AV-TEST para fazer esta matéria, e o que ganha o PPLWARE para publicar um título tendencioso como este … informação completamente falsa … aqui o Windows Defender nunca teve problemas de desempenho. Nenhum antivírus é 100% eficiente, todos sabemos disso.

    • Nuno Oliveira says:

      O defender é, e sempre foi, um dos av mais fraco em termos de deteção e falsos positivos…
      Além disso, basta fazer um full scan com esse ou com um avast ou um avg para se ver que o tempo de cpu do defender é maior…
      Um teste simples e ao alcance de qualquer um que não queira acreditar…

  57. Leonardo says:

    Sou um dos poucos aqui que usa o Comodo Internet Security.
    Não troco por nada. Há mais de dez anos.
    Vai bem… aliás, quase imperceptível, em máquinas modernas e, em nas “simples”, não degrada muito significativamente o desempenho (ainda tenho um AMD Sempron, com windows 7 e inacreditáveis 512 MB RAM).
    Tudo bem, que o usuário é a peça mais importante na segurança, mas se tem um reforço, ajuda muito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Blogs do Ano - Nomeado Inovação e Tecnologia