Quantcast
PplWare Mobile

XBMC Media Center no seu Ubuntu

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Vítor M.


  1. Ricardo says:

    Sera q isto funciona com legendas?

  2. Patrick says:

    Sim, funciona com legendas, pelo menos se tiverem o mesmo nome nos ficheiros.

    Para mim é um excelente programa…

  3. Pedro Pinto says:

    Parabéns João Pedrosa pelo excelente artigo.

  4. Hugo Pinho says:

    Sabem se vêm com algum menu especifico ou plugin para Series de TV?
    Como o MediaPortal?

  5. Uso o xmbc na minha velhinha xbox e só posso dizer que exceptuando o facto de se recusar a ver as pastas partilhadas em windows, mas de as ver sem problemas se as partilhar em Linux, é absolutamente fenomenal.

    Na xbox, devido ao hardware, não consigo ver .mkv mas à parte isso, vejo tudo.

    Estou a pensar montar um media center, acho que vai ser mesmo o xmbc o que vou usar. Vou tentar usá-lo em windows para ver se resolve o problema das pastas.

    Obrigado pelo tutorial.

    • Phara0h says:

      Eu tambem usei durante muitos anos a xbox para ver os meus filmezinhos e series.

      Agora com esta nova geração HD a xbox ja ñ consegue competir com outros sistemas.

      A solução foi montar um nettop, com uma board Zotac ION, corre full HD e blu-ray sem se engasgar, e com um uso minimo de recursos

  6. Shogun says:

    Sera possivel instalar isto damn small linux por exemplo?

  7. Alexsandro says:

    Bom post…

    Fiquei com interesse em inslar esse MediaCenter no meu ubuntu.

    @off-topic
    Já agora aproveito para perguntar se alguem conhece algum software para linux que converta videos para DVD (VOB)?…

  8. José Moreira says:

    Jeitoso, sim senhor. Mas fico com uma dúvida: se quiser sair do XBMC tenho de fazer log-off. Ou não?

    • JPedrosa says:

      Ora viva,
      isso depende do tipo de sessão.

      Ou seja,
      o que eu recomendo é que criem um utilizador no linux só para o xbmc e outro para vocês.

      E, em vez de colocarem o auto-login.
      Fazem o seguinte, no login ou escolhem o vosso user e com uma sessão GNOME, ou então escolhem o user para o XBMC com o tipo de sessão xbmc, que até pode nem ter password.

  9. avoc03 says:

    seguindo o tutorial consigo fazer tudo direito como é apresentado, mas quando xega à parte de procurar no synaptic ele nao encontra o xbmc, mesmo após o recarregar

  10. InfectedM says:

    Este XBMC é de facto a melhor aplicação do género que alguma vez usei… já a uso desde o seu estado alpha para a Xbox original, ainda ele se chamava Xbox Media Player e sempre foi muito bom…
    A função de biblioteca activada e todas as directorias configuradas e o acesso à net disponivel faz com que todos os ficheiro de video, filmes ou séries, sejam catalogados e organizados por temporadas com capas, sinopses ou até por ano, estilo, etc…
    Sem dúvida uma aplicação espetacular, só é pena na Xbox não se conseguir ver os filmes em alta definição correctamente pois o hardware da consola não aguenta, mas em Windows já não temos esse problema…
    Recomendo vivamente! 😉

    Cpts

  11. wolfytuga says:

    Olá!

    Excelente tutorial, e excelente programa.

    @off-topic:
    A última imagem do passo 3 e a imagem do passo 4, não estarão trocadas?

    Cumprimentos!

  12. Edmilson do Brasil says:

    Achei este como todos posts super interessantes e proveitosos espero que continue assim….vou esperar um passo a passo para montar meu media center.

    abraço e obrigado

  13. Karven says:

    Quem precisa de windows quando tem tanta ferramenta para linux.
    Nice post.

  14. Redin says:

    Não está a ser possível ver os trailers do QuickTime ou é só impressão minha?
    Já reparei que o sistema irmão deste “BOXEE” tem os trailers a funcionar mas este não.
    Algum comentário p.f.?

    Obrigado.

  15. Pedro says:

    isto apenas da para a xbox certo?
    Eu estou a testar isto na ps3 e nada.

  16. Rodas says:

    Vai daqui os meus Parabéns para o João Pedrosa, pelo excelente artigo
    Gostei muito.

  17. R o B says:

    É a ferramenta mais utilizada nos meus HTPC’s, inclusive gravar e ver TV. Utilizo o plug-in MythBox para agendar gravações assistir tv em directo ou gravações de TV, apesar de ser um projecto embrionário já mostra algumas das suas capacidades e bugs à mistura quando lida com o protocolo mythtv. Em tempos iniciei a tradução deste projecto para pt, mas pela falta de tempo ficou na gaveta http://code.google.com/p/marotoweb/

  18. NC says:

    N conhecia o xbmc! Mas estou com vontade de exp.
    Tks

  19. JPedrosa says:

    Pessoal,
    antes de mais, obrigado pelo feedback positivo de todos vós.

    O artigo foi actualizado com alguns links importantes dispersos pelo texto.
    Saliento a lista de plugin’s existentes.

    Cumps,
    JPedrosa

  20. naoliveira says:

    Nem de propósito, ando eu às voltas para escolher qual o sistema em Linux para fazer o meu HTPC e aparece este artigo aqui no pplware.
    Embora o artigo esteja muito bom, não só explica como instalar mas também como utilizar o XBMC, ficaram alguns pormenores por esclarecer.
    Quais os requisitos mínimos para correr este programa? Quem lê um artigo deste tipo pode ficar com a sensação que é preciso um maquinão última geração, quando tal não é verdade. Há pessoal a fazer sistemas destes com processadores de 1G e 512M de RAM.
    Quais os comandos à distancia que são suportados pelo XBMC? Não falaram deste especto, se é possivel utilizar o XBMC com comando, se sim quais.
    Qual o espaço que este programa ocupa no disco? Esta pergunta pode parecer pouco importante, mas se quisermos (como é o meu caso) aproveitar um pc mais antigo para HTPC quanto menos espaço ocupar o sistema operativo mais sobra para a multimedia. Por exemplo, o GeexBox ocupa cerca de 10M (sim 10 Megas) de espaço no total e pode arrancar de um cd ou pendrive.

    Para finalizar, eu por acaso estava a inclinar-me mais para o GeexBox, tem suporte para vários comandos, é autónomo, isto é, é uma distribuição Linux e como tal não precisa ser instalado sobre outra e ocupa cerca de 10M. No entanto não sei como é o suporte para plugins e scripts (como disse estava a começar a estudar as opções).

    No entanto o maior problema que eu vejo nestes sistemas é ainda não estarem em português, assim seria mais fácil “impingi-los” ao pessoal, por isso se arrancarem com o processo de tradução deste sistema é uma grande idéia.

    • JPedrosa says:

      Caríssimo, tentarei responder a estas questões do possivel, à noite, depois do trabalho, vou procurar info.

    • Phara0h says:

      A tua 1ª questão é se queres ver filmes em HD ou não.
      Se não da para correr sem problemas num pc ja mais antigo, isto corre numa xbox(700Mhz e 35Mb de ram :P)
      Se ja quiseres ver em HD ai, ja precisas de um CPU + recente, e 1 grafica de preferencia Nvidia ja que o programa tem suporte para VDPAU.

      Os comandos remotos são possiveis utilizar no xbmc, e o programa ocupa cerca de 30Mb.

      Esta traduzido em varias linguas, incluindo o portugues de portugal.

      É possivel arrancar o programa apartir de um live cd ou de uma pen, usando a versão live do xbmc.

      De resto, existe uma comunidade muito activa por tras deste programa e nos faq’s, forums e wiki’s consegues encontrar respostas a todas as tuas questões e problemas

      • naoliveira says:

        Tks Phara0h

        por acaso is fazer agora mesmo um post com essas informações, depois de fazer o post andei a pesquisar na net e esclareci essas dúvidas. Estando traduzido para português já é uma grande vantagem.

        No entanto ainda ocupa 30M + o sistema operativo ou 30M se for instalação de raiz? O GeexBox ocupa apenas 10M, o sistema completo.

        • Phara0h says:

          30mb é so o programa.
          Se for a versão live, que é construido sobre o ubuntu, é um pouco mais, cerca de 150Mb, mas pode ser instalado numa pen e arrancado apartir de la.

          Pessoalmente, embora ocupe um pouco mais, tem um visual altamente, como podes ver em alguns screenshots. Tem ainda varias skins e muitas opções de personalização

          • naoliveira says:

            Mas o que me faz realmente confusão é o GeexBox (media center + sistema operativo + drivers gráfica + drivers som + codecs + net + drivers comando, pelo menos isto sei que tem) ser só 10M, e o aspecto tamb+em é fixe. Só não sei quanto ao plugins e scripts, se suporta ou não e se tem opção para instalação em português.

          • JPedrosa says:

            @naoliveira,
            não são 10MB sao 19Mb, mas de facto é pouco.

            Mas, não tem o engine python por exemplo que permite o mundo das plugins que o xbmc permite.

            As skins não têm a mesma qualidade o que leva a ocupar menos expaço.

            E depois, sejamos honestos, para um media center, é realmente crítico ocupar 20MB ou 1GB?
            Até porque, vamos lá ser o artigo baseia-se numa instalação em cima de um ubuntu clássico.

            podemos pensar em instalar num SO stripped down, mas … uma máquina que tem que ter acesso a Gigas e gigas de dados, que tem que ter capacidade para reproduzir 1080p, matroskas … e afins … não pode ter um disco decente?

            é apenas a minha visão da “coisa”

          • naoliveira says:

            JPedrosa

            realmente tenho que ver bem qual o sistema HTPC a instalar, não é só o tamanho que conta, o facto de ter plugins,scripts, uma boa comunidade, etc, isso tudo conta.

            Mas tu estás a analisar pelo lado da performence eu estou a analisar pelo lado “pc antigo que está lá em casa”

  21. Wonderm00n says:

    Esta aplicação é realmente espectacular.

    Já a usava na sua versão original numa Xbox (quitada), usei em Ubuntu e agora tenho-a a correr num Windows 7 num HTPC todo catita na sala, ligado a um AVR da Harman Kardon por fibra ópica (5.1, DTS, you name it…) e a um Full HD de 47” com mapping 1:1…

    É BRUTAL!

  22. mars says:

    Os meus parabéns.
    Ora aqui está um excelente artigo com tudo explicadinho e ao pormenor. Oxalá que quando tiver o meu média center, dê para instalar já o ubuntu 9.10 e consiga utilizar estas dicas a não ser que não sirva para essa versão.

    • JPedrosa says:

      oi,
      obrigado pelo feedback positivo.

      O 9.10 está ás portas, e caso as dicas não funcionem tens o meu compromisso que: ou faço um tutorial novo, ou me apanhas no fórum e te ajudo.

  23. kinato says:

    Tenho um pequeno problemacomo XBMC. Ao abrir as legendas do ficheiro de video (avi, rmvb), estas surgem no centro do ecrã, em vez de suir na parte inferior. Alguém me sabe dizer como alterar esta configuração?

    Obrigado pelas dicas de um optimo programa.

    • Phara0h says:

      Consegues alterar a posição das legendas fazendo a cabibração da imagem. Nos settings, vais a video e depois no separador player vais encontrar la o “video calibration”, ai podes escolher a altura das legendas

  24. Diego says:

    Galera estou com uma dúvida…
    Eu não uso o Windows, com este programa instalado no meu ubuntu eu consigo acessar do XBOX o ubuntu???
    Ou preciso instalar alguma coisa no XBOX???
    Desde da agradeço…

    Abraço

  25. Dudi_FC says:

    Muito bom, achei melhor que o enna.

    PS: Segue um pequeno tutorial para instalar no Kubuntu:

    Procure por KPackageKit -> Configurações
    – Clique em Editar Fontes do Software
    – Vai na aba Obter Software
    – Clique em Adicionar
    – Preencha o campo com “deb http://ppa.launchpad.net/team-xbmc/ppa/ubuntu/ jaunty main” sem aspas e clique em OK
    – Salve o texto abaixo como “xbmc-ppa.gpg” sem aspas

    —–BEGIN PGP PUBLIC KEY BLOCK—–
    Version: SKS 1.0.10
    mI0ESXWBBAEEAM5zE6qzPJ0Xn8KQQCB14OD9EyCieF5yjpt7PlLDUXkojjguVGgZ+skcklbF
    my0eIOWYvMNmMIstqDoGYZQQGE3Sc4Dq2M0msc28uIrey2aBtYvKHXLaZ+JG42TU2q5CDLfN
    vUxIOyWD2Yr4zq/sjg44pUodrUZGRPUFR50T0lPHABEBAAG0IExhdW5jaHBhZCBQUEEgZm9y
    IFhCTUMgZm9yIExpbnV4iEYEEBECAAYFAknyZLgACgkQTJjLBcbOX94S7wCeKFyFk3v15Uy3
    T17wvmCPaVIdE5YAni9juCXYgBGdXyZQYqgc5oh6/dXfiLYEEwECACAFAkl1gQQCGwMGCwkI
    BwMCBBUCCAMEFgIDAQIeAQIXgAAKCRBtl1xHkefuXnryBAChrSStywXdJOrmjKqq4BrZ2Isk
    BYqak7pD0JDaGy9HatChgJH/D30AhU74C9ReqkXvw8UohuVhQUH0lKBZWVzisSjJo4lmT/un
    qqNeFpUivvz8RzPQf0S+zE2MHjDPIwjiz6ns97VdQtc2upbW6zd3BitE70P7gpCqvOyOFCnc
    ow==
    =Mur8
    —–END PGP PUBLIC KEY BLOCK—–

    – Ainda com o KPackageKit aberto, vai na aba Authentication
    – clique em Import Key File, procure pelo arquivo que vc acabou de salvar
    – Clique em Close, após feito isso vai pedir para atualizar os pacotes, atualize, e pronto!
    – Procure por Media Center e divirta-se :>

    Abraços

  26. HUGO says:

    Tentei instalar no portátil, com o SO VIsta mas não finaliza, diz que falta um .dll qualquer.

    Como ultrapasso isto ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.