PplWare Mobile

Ubuntu 8.04 Hardy Heron Review


Autor: Vítor M.


  1. John says:

    Ainda não percebi o trauma pelo ubuntu. Onde quer que olhe é ubuntu aqui, e ubuntu ali. Já trabalhei com ele, e sinceramente, fiquei desapontado. Esperava muito mais visto toda a gente andar a falar dele.

    Sempre fui utilizador de Red Hat, Fedora Core, e agora simplesmente Fedora.

    Já trabalhei com o Caixa Mágica, que considero estar acima do Ubuntu. E a nova versão do Caixa Mágica está mesmo boa.

  2. Fausto says:

    Eu também tenho percebido que essa obrigatoriedade em lançar versões a cada 6 meses acaba diminuindo a qualidade das novas versões do Ubuntu. Não há muitas novidades, coisa que poderia ser resolvida se uma nova versão fosse lançada apenas quando houvessem mudanças significativas.

  3. Tiago says:

    @John, caixa trágica acima de ubuntu? lol? -.-

    Ok, o ubuntu tem muito a melhorar, mas compará-lo à caixa xD

    Não gosto é que o ubuntu instales aquelas porcarias todas, mas pronto leveza e controlo tenho o meu arch linux 🙂

    Quando tiver tempo pa testar o hardy verei melhor como isto anda, não é que não confie no Miguel Guerreiro (obrigado pelo post ;)) mas gosto de ver por mim mesmo hehe

    cumpzz

  4. Artur says:

    instalei, voltei ao 7.10 -.-

  5. maurycio says:

    Um das coisas deparei é a partilha de pastas e discos… está diferente e por enquanto, comigo não funciona 🙁 ao contrário do 7.10 que funcionava na perfeição. De resto gostei

  6. diaz says:

    windows xp e tão bom!
    e o vista bem afinado melhor ainda!

  7. KaiSerSoze says:

    Já usei o Fedora Core 8, Opensuse 10.3, Kubuntu 7.10, Kubuntu 8.04 e agora estou no Ubuntu 8.04. Confesso que enjoei o KDE e acho que me fico uns tempos com o Gnome.

    Tenho muita pena é que no Gnome venha uma coisa intragável chamada Nautilus. Para mim este é o calcanhar de Aquiles de qualquer distro baseada em Gnome. É um file manager absolutamente abjecto.

    Voltando à distro: Talvez por azelhice minha, tive de fazer vários formats e reinstalações para por o sistema a funcionar como eu gosto. Começei por usar a versão 64 bits, mas voltei para a 32 pois estava a ter muitos problemas, nomeadamente com os CODECS – Via tudo menos WMV (preciso para ver os nuggets)

    O Compiz e o Gnome também decidiram ficar temperamentais pelo que tive de apagar a minha /home toda para ter uma instalação “do zero”. Várias horas depois e algumas asneiras pelo caminho, o sistema está afinadinho e como eu gosto. Tudo funciona e sinceramente vejo que, coisas que na 7.10 funcionavam, mas não totalmente, como por exemplo o controlo do volume pelo teclado do portatil, agora funcionam plenamente!

    Creio que esta distro está mais afinada e sinceramente, melhor que a anterior. As distros não precisam de ser revolucionárias… têm de ser estáveis e fiáveis. E aqui lamento o Firefox Beta. O Browser é bom, etc… mas o plugins não funcionam e ainda não é estável! Porque raio põem este browser por defeito num SO? Achava mais solido meterem o 2 e quem quisesse pode meter a preview. Recomendo que se livrem da Beta e metam a 2, como eu fiz.

    Devemos tabém ter atenção a detalhes importantes como a integração impecável com a rede windows (SAMBA) e acesso a disco NTFS. Tudo isso funciona out-of-the-box sem tweaks do utilizador.

    Cumps a todos(as)

  8. Paulo says:

    O Hardy Heron foi o único que conseguiu detectar correctamente todo o hardware do meu computador. O suspend e o hibernation já funcionam e este famigerado bug do Gutsy foi finalmente corrigido. Por isso, para mim, foi uma grande evolução 🙂

  9. Abilio Justo says:

    @ Miguel
    Não gostei da tua review da mesma forma que não ache que ela esclareça (minimamente) o que de novo esta versão traz.

    Novo kernel?
    Nova layer do Gnome?
    Inúmeras correcções de bugs?
    Maior suporte de hardware?
    Inúmeras aplicações a funcionar “out-of-the-box”?
    Novo servidor de som? (nomeadamente PulseAudio)
    Onde está a referência a tudo isso?

    (Nota: esta versão tem bastantes alterações “under the hood”, a lista continuaria)

    Já li outros artigos teus e , sem dúvida , esta review não está ao teu nível Miguel, agora encara isto como quiseres;são apenas pontos de vista.

  10. ozie says:

    viva

    confesso que achei pouco evolutivo

    com uma distro de renome deveria ser mais ambiciosos

    na minha optica pessoal

    e estabelecer o firefox 3 como browser de padrão… ainda por cima em beta

    ummmmm

    abraços

  11. mushi says:

    “review” abaixo do nivel do site

  12. João Rocha says:

    Esta nova versão do Ubuntu é LTS, o que quer dizer que vai ser suportada por 3 anos.

    Dado isto, acho que faz todo o sentido incluirem o Firefox 3, ainda que beta. Já não é tão instável como isso (estou a usá-lo no Fedora deste a beta 1), e é mais fácil em termos de suporte simplesmente fazer um update do beta 5 para a versão final do que da versão actual do 2. Nem que seja porque as mudanças são muitas, e uma revolução drástica de um programa essencial numa LTS não é muito aceitável.

  13. Pedro says:

    confesso que também achei a review 1 pouco pobre

  14. t@ndre says:

    Realmente esperava mais do novo ubuntu… teremos de esperar mais 6 meses por um SO que pense por nós 😉

    agora uma perguntinha e desculpa a minha ignorança o que faz: Ctrl+Alt+Esc ?

  15. Tokico Father says:

    Para mim, e provavelmente para muitos que gostariam de experimentar as maravilhas do linux, mas que não têm conhecimentos ou têm receio de estar a mexer onde não devem, o melhor deste Ubuntu é a possibilidade da instalação no Xp ou no Vista, sem ter que criar uma partição no disco e permitindo um arranque em dual boot. Em 15 minutos instalei e ficou impecável. Agora a forma de configurar o modem (Sagem Adsl 800) para poder aceder à internet é que realmente ainda não consegui.Já agora pode ser que alguém tenha para aí alguma forma, simples de preferência, para poder resolver esta questãozita.
    Obrigado, desde já.

  16. aver says:

    Tanta conversa e nem um linkzito para ajudar os novatos como eu. Ficam aqui dois:

    1 – Instalar o Ubuntu 8.04 “Hardy Heron” sob o Windows
    http://blogs.zdnet.com/hardware/?p=1570

    2 – Instalar de raiz:
    http://www.howtoforge.com/the-perfect-desktop-ubuntu-8.04-lts-hardy-heron

  17. Eu fiz o upgrade e deparei-me com um problema, não toca mp3’s nem dá sons em ficheiros DivX, já desinstalei e tornei a desinstalar os codec’s… não sei o que se passa, quando tiver mais tempo tenho de ver se arranjo aquilo, é que estar no pc sem música não é para mim 😀

  18. Abilio Jusyo says:

    @ Tokico father

    Apesar de não teres especificado o teu problema…tenta isto :
    http://ubuntuforums.org/showpost.php?p=4402171&postcount=32
    e lembra-te sempre : Google é teu amigo 😉
    Nota: um bom sítio para procurares info (relativa a Ubuntu) :
    http://ubuntuforums.org

    Espero que ajude!

  19. KaiSerSoze says:

    @Christophe Silva

    Executa os comandos neste link: http://ubuntuforums.org/showthread.php?t=766683

    Vais ver que se meteres uma fatia de queijo do teu CD-ROM até isso ele lê! 😉

  20. ZiLOG says:

    Dou a esta review 1 estrela. Muito probrezinha. Foi feita à pressa e por um pouco que quase só falava no novo wallpaper.
    De certeza que as novidades que o Miguel Guerreiro fala no Ubuntu não são só essas. Podia ter perdido mais tempo a informar-se das melhorias e depois postar aqui.

    ZiLOG

  21. Manjerico says:

    Review muito fraca, devia ter sido feita por alguém que explore muito mais do SO… Pralém de falar de poucas das novas características do Ubuntu, do que falou falou pouco ou “não sei, não utilizo, parece bom”…

    Não sei do que tavam à espera nesta nova versão, mas para um sistema que sai de 6 em 6 meses está muito melhor do que uma espécie de SO que demora anos a ser construído e vem cá pra fora inacabado. (*cof* *Vi$ta* *cof*)

    Esperava muito mais, não do Ubuntu, mas da review. Do Ubuntu só tenho a dizer que não acho bem vir de raiz com um browser em versão beta, porque de resto funciona 5*.

  22. Nuno José says:

    Pois lá está ele a rolar no meu AMD SP 1800 com gráfica partilhada e compiz no max e lentidão???? não a vi ainda. Alías gosto do meu gnome artilhado de coisas e fiquei parvo com a rapidez de arranque.

    Tá a rolar maravilhasomente já puz uma data de coisas a rolar parece mesmo muito estável. Continua a ser a minha distro preferida. O que é que falta? Da canonical nada. Falta-nos mesmo o OO3 e o thunderbird com calendário e melhor aspecto ou o evolution com melhor funcionalidade.

    Pessoal que usa linux. recusem-se a dar “suporte” aos vossos amigos que têm windows, a ver se eles não mudam já convenco assim uns qts pois já não tâm santo salvador do windows 😀

  23. Abilio Justo says:

    @ Nuno José
    Não penso que não fornecer suporte seja a melhor forma de convencer seja quem for. A solução (a meu ver) passa por dar a conhecer ás pessoas as alternativas. Exemplo : Sabias que com “X” podias ter “Y” com o benefício de “Z”?

    Apesar de toda a informação existente as pessoas continuam a desconher todo o universo de alternativas existentes, já para não falar daquele “medo”, aquele “bicho papão” que o Linux representa. (para eles,claro)

    Linux é só um pinguím afinal de contas 🙂

  24. ozie says:

    viva mais uma vez

    também não batam na criança, fazer um review demasiado extensivo tornaria demasiado pesado

    a maior novidade para mim, foi o maior suporte a hardware penso que quase todos os problemas existentes em versoes anteriores estão sanados, dado tratar-se de uma LTS

    o pessoal gosta muito do aspecto, lembro que no linux tudo é possivel, logo penso que não é importante, é certo que windows tem uma imagem o mac idem, o linux não tem uma imagem associada

    buscar programas instalar codecs a lista foi muito alargada

    penso a meu ver um pormenor que deveria ser instalado logo de raiz talvez o wine… penso eu de que, mas nada de anormal

    o pessoal do windows é que gosta de ter tudo logo á mao

    mas o que acham que deveria mudar? registem-se no site e deem a sua opiniao

    https://blueprints.launchpad.net/ubuntu/

    vá não custa nada

  25. Paulo says:

    Sinceramente este review esta muito mau! Principalmente a conclusão. Esta nova versão não é apenas uma actualização dos softwares há muita coisa nova mas que não é visivel. Concordo com o Abilio Justo.

  26. João Alves says:

    Ora ai está a grande diferença em Linux (embora a discussão de qual a melhor distro) existe uma entreajuda e acompanhamento.
    Eu prefiro o Ubuntu por agora , amanhã logo vejo!
    Há gente que tem dedicação pelo Linux e um deles é http://victor-ruas.blogspot.com/ , para aqueles que gostariam de conhecer + sobre Linux, entrem , leiam , experimentem e tirem as vossas proprias conclusões.

  27. Soultrain says:

    Esta análise ao Ubuntu é uma valente porcaria. Desculpem a linguagem, e espero que não haja censura!

    Também não percebo qual o interesse nesta variante Linux. Para mim ou é Fedora ou Slackware, ou então FreeBSD (já fora do Linux).

    Sinceramente. Ubuntu? Deixem-me é rir… 🙂

  28. Bem… isto é post para haver porrada, quando se fala de sistemas operativos…

    Colocando preferências à parte (sim, adoro ubuntu e uso-o praticamente desde que anda por aí, mas não o uso apenas, uso também fedora pontualmente e caixamágica desculpem mas não consigo gostar nem da última versão que honestamente é muito superior às anteriores deles), tenho de dizer que não gostei da forma como foi dirigido este review pelo Miguel Guerreiro… :\ Não que possa fazer melhor (simplesmente não tenho tempo e a pouca paciência também não ajuda), mas acho que não foi levada a fundo, parece-me uma review muito “por alto”.

    O Ubuntu 8.04 tem bastantes inovações a nível de reconhecimento de hardware (não é só do kernel, outras distros com o mesmo kernel tipo caixamágica 12 e fedora 8 flipam) e de interoperabilidade com partições ntfs.

    Está consideravelmente mais rápido, tem menos bugs a nível de funcionamento extremo, mesmo na versão final, que só acho instável na parte do firefox 3, que se passa às vezes, mas trabalha-se muito bem na mesma.

    Resumindo, eu considero esta nova versão do ubuntu actualmente a melhor disponível para o utilizador comum (ainda não testei o fedora 9 beta), a partir daí, fica aos critérios de cada um (preferências, necessidades e limitações de hardware)

    Abraço

  29. John, habitua-te, o que havemos de fazer?

    Fausto, isso não é desculpa, olha que muitas outras distribuições têm lançamentos de 6 em 6 meses como a Ubuntu, e tentam sempre inovar o mais possível, posso falar no Fedora que é das mais inovadoras de todas.

    Tiago, Caixa Trágica?? Então, o que vem a ser isso? Por acaso até gosto do Caixa Mágica, infelizmente não se diferenciou muito da distribuição em que é baseada (Mandriva).

    Artur, pensa bem, no teu lugar eu actualizava, parece que não o suporte do 7.10, não vai levar muito para acabar, bem, talvez chegue até a próxima versão, 8.10, salvo erro. Mesmo assim esta está mais estável que a anterior, mas tu é que sabes.

    diaz, mas que vem a ser isto? 😀 lol

    KaiSerSoze, eu também já enjoei do KDE há algum tempo, mas acabei por voltar, por agora fico no Enlightenment.

    Paulo, para ti foi para mim estou na mesma, mas isso é bom.

    Abilio Justo, se queres ver isso vai as release notes do Hardy Heron :D, agora a sério achei que não havia necessidade de falar no PulseAudio porque já está a ser largamente usado, é o futuro próximo. Estás no teu direito de opinião. Fazes bem em falar.

    ozie, é a pensar no futuro.

    t@ndre, o Ctrl+Alt+Esc serve para terminar um processo que esteja bloqueado.

    Tokico Father, tenta ir ao site do fabricante e procura por um driver, se queres uma distribuição que quase de certeza detecta isso, é a Caixa Mágica.

    Christophe Silva, problemas com erro? Ou só não se ouve nada? Se não se ouve, tenta ver se o PulseAudio está bem configurado ou reinstala o sistema, isto pode acontecer se actualizaste, em vez de uma instalação de raiz.

    Manjerico eu comparo as distribuições em relação as anteriores, e realmente não mudou muito, agora como sistema e sem olhar a versão anterior, é 4 estrelas.

    Quanto aos outros malucos :D, já percebi que gostam das reviews como lhes chamam mais aprofundadas e com análise mais profunda, pronto, o mal já está feito, prometo que a próxima que farei trás mais informação.

  30. StAnger says:

    Phone-ix, camada de treinadores de bancada.

    1.º Onde está escrito OBIGATORIO USAR? usa quem quer quem não quer não usa.

    2.º A review está realmente um pouco FastFood da moeda de 1 euro, mas foi escrita, quem critica porque é que não faz uma MELHOR?

    Bom, no que interessa, porque é que acho o Ubuntu util:
    – Desmistiticou o Linux;
    – Tornou o Linux acessivel a Pessoas e não só a NERDS e GEEKS;
    – Organizado e Simplicidade
    – Detecção de maior parte dos componentes da maquina, no meu caso de todos;

    Quanto à nova versão, para quem CONHECE existe uma função automatica que é a ACTUALIZAÇÂO, que é quase diaria, normalmente para quem sabe o que quer dizer, corrige situações que vão sendo detectadas, OK!

    Usem o que lhes apetecer.

    Cumps

    StAnger

  31. BlinZK says:

    *rastejando” (para não levar nenhum tiro) 😛
    Realmente estes comentários às vezes mais parecem uma guerra lol

    À semelhança de alguns, também não achei muita piada à “review”. Aliás, entendo-a mais como uma opinião do autor, do que propriamente uma review.
    Fico feliz que haja quem use applets diferentes dos meus e que escolha um wallpaper mais bonito que o meu! 😀 *evil smile*

    Falando desta distro…
    Lanço uma pergunta: Alguém fez a actualização automática da 7.10 para esta? Ou fui só eu? lol
    É que vejo muita gente que preferiu instalar de raiz, ou directamente pelo Windows. Eu fiz o “live update” dentro do próprio 7.10. Levou bastante tempo, mas parece que está tudo a funcionar perfeitamente. 🙂
    Mas faço a critica que alguns já fizeram… parece-me errado instalar por defeito uma versão Beta do FF!
    A 8.04 também me parece mais estável e rápida. Mas ainda usei pouco.

    *Cheers*

  32. Alexx says:

    Ubuntu nos meus portáteis … simplesmente não reconhece o wireless, funções de controlo de brilho e algumas miudezas irritantes. Ficar sem wireless então é desesperante. Continuo fiel, mas só possível porque tenho um cabo que me liga à internet e porque o dual boot com o Vista suprime as restantes necessidades. O problema é que é recorrente desde a versão 6. É dificil mudar quando o meu Vista e XP fazem isso sem problemas. Quanto ao resto, as melhorias são pouco significativas …

  33. Carioca Malcriado says:

    …e pensar que o XP vai parar de ser vendido…lamentável.

  34. Nuno José says:

    @Alexx

    Repareste se ele quando iniciou a primeira vez te perguntou se queria por drivers proprietários?? Provavelmente só tinhas de aceitar e reiniciar o computador.

  35. Tiago says:

    @Carioca e afins: esses comentários acriançados são escusados… xD

    @Miguel Guerreiro, caixa trágica sim lol, não quero dizer que seja trágica obviamente, mas uma distro que não se decide na base (agora é mandriva penso) não está lá muito bem “destrágica”… De resto, a distro nem tá má não senhor…

    @Soultrain, se sabes tanto nem sei porque não crias a tua própria distro xD Mas afinal que mal tem ubuntu?? Olha que é uma grande força que puxa novos “linuxers”, leva por vezes a confundir linux com ubuntu sinceramente, mas muitos depois de experimentar ubuntu tentam algo mais ousado… neste momento ando pelo arch linux, e não tenciono mudar 🙂 (mas ainda tenho ubuntu, esse nunca mais largo, foi o meu primeiro so não m$ xD)

    cumpzz

  36. Tiago says:

    @Alexx, aqui funciona muito bem wireless, aliás liga-se melhor que xp à eduroam lol

  37. Abilio Justo says:

    @ BlinZK
    Eu testei as duas formas. Instalação de raíz e “upgrade”. Em ambas não tive qualquer tipo de problema. No upgrade (que penso que é onde queres mais feedback) tudo correu flawless. Actualizei no próprio dia 24. As drives foram instaladas, compiz foi activado e funcionou “out-of-upgrade”, todos os meus repos foram actualizados bem como os programas. Quanto á demora, actualizas-te nos primeiros dias? Tens os mirrors (mais perto de ti) selecionados?

    @ Miguel
    “Se queres ver isso vais ás release notes?”
    Desculpa, então qual é o propósito da review?
    Onde eu acho que “falhas-te” : Linux não é tão conhecido como se calhar muitos de nós desejariamos. Como tal não devemos abordar-lo de forma tão ligeira pois não deves/devemos partir do príncipio que todos os leitores/subcritores deste “site” são pessoas “informadas” sobre a matéria.
    Há que ter em conta as pessoas leigas (leia-se menos informadas) que procuram, ou encontram aqui informação, alternativas.

    @ StAnger
    “Quem critica que faça melhor”. Não é minha intenção criar qualquer tipo de flame(s) war. Apenas há que ter em conta que o Vítor M. (e a sua restante equipa) ao longo do tempo estabeleceram um “padrão” de qualidade neste espaço (partilhado por nós todos) e como tal não devemos passar por cima desse “padrão”.
    O Miguel “falhou e assumiu o erro” porque teve em conta as críticas constutivas que aqui foram feitas.

    Quote Miguel :”(…)prometo que a próxima que farei trás mais informação”

    Resta apenas acrescentar, obrigado Miguel pelo esforço, compreensão e maturidade apresentada.

    Saudações.

  38. BlinZK says:

    @Abilio Justo

    Sim, eu actualizei no próprio dia 24. Ou seja, estava a haver imensos acessos ao server, imagino.
    Primeiro tentei pelo server principal, mas estava lentissimo. Acabei por usar o server nacional e a coisa correu melhor.
    Mas o problema também é do meu lado, pois vivo no “campo” e o meu ADSL nem 1Mbps consegue fazer.
    Por isso, demorou quase 3 horas, só o download. Depois foi o tempo normal da instalação

  39. Abilio Justo says:

    @ BlinZK
    Eu também demorei mais ou menos esse tempo. (mirror nacional)
    Nota: já tentas-te fazer um sudo apt-get net mais rapida 😉 😛

  40. busterkeaton says:

    humm o Ubuntu humm tá a assustar muita gente humm

    Parem de empurrar o Ubuntu para baixo

    Este é o melhor Ubuntu dos últimos 10 anos

  41. Shogun says:

    @Tiago eduroam ROX,tb me ligo perfeitamente 😉

    Eu fiz o update e logo a seguir decidi instalar de raiz,pk me tava a dar problemas com os drivers n proprietarios,mas isso sao problemas a parte.
    Gostei desta nova versao,esta bem mais rapida,mais estavel ate pelo k me parece,mas peca por uma coisa,voltando a bater na msm tecla,versoes beta de programas n me parece uma politica correcta,msm que seja a pensar no futuro,pois quem quiser na altura que sair a release instala,simplesmente isso.Outro aspecto que agradou particularmente foram os drivers para a minha placa de som,ja esta a funcionar perfeitamente,infelizmente a minha ATI Mobility Radeon HD 2600 continua sem funcionar nas melhores condicoes e eu sem poder ver o cubozito a funcionar e outros efeitos 3D alem dos jogos,ja instalei as drivers k tao no site da ATI mas nd,se alg souber resolver o problema agradecia 🙂 de resto axo que ta uma boa versao.
    Em relacao a review,devemos agradecer os esforco do Miguel por a ter feito,mas se calhar todos perferiamos ter esperado um pouco mais e ter uma review dentro dos padroes de qualidade a que estamos habituados no pplware 🙂

  42. Abilio Justo says:

    @ Shogun
    Já tentas-te EnvyNG?
    http://albertomilone.com/nvidia_scripts1.html

    Experimenta e diz algo ao pessoal 😉

  43. aver says:

    … também me parece que o Ubuntu está a assustar muita gente … os utilizadores de outras distribuições do Linux.

    Por mim, mero utilizador do Windows, como quase toda a gente em informática, apreciei devidamente o gesto do pessoal do Ubuntu ao facilitar a sua instalação a par do Windows, sem complicações.

    Parece óbvio que o Linux só cresce com uma adesão significativa de utilizadores do Windows. Senão fica restrita um círculo de pessoas que pensam que são iluminados porque sabem o que quer dizer “sudo apt-get”.

    Para isso são precisas várias coisas – uma é a facilidade de instalação e a outra são os tutoriais / vídeos / ajuda on-line para ajudar a ultrapassar as primeiras dificuldades.

    A “massificação” do Linux, entre os utilizadores do Windows encontra resistências várias. A principal é o desconhecimento e o desinteresse. Lido com pessoal de informática todos os dias, que não é tão pouco como isso, e garanto que da maior parte deles o desinteresse é total. Por comodismo, por os sistemas estarem construídos essencialmente sobre o Windows/Office, mas também por não haver um caminho certo por onde começar – leia-se – a diversidade de distribuições do Linux, que os conhecedores tanto apreciam, só confunde.

    É bastante provável que o Ubuntu, com a sua instalação sem complicações na mesma partição do Windows ( a única limitação em relação a uma instalação de raiz é uma menor velocidade no acesso ao disco, que eu saiba) tenha dado um passo importante na direcção certa.

  44. Abilio Justo says:

    @ aver
    O que pode assustar por um lado é também uma das grandes vantagens do Linux. A “liberdade” de escolha. Ubuntu é apenas “mais uma distro” de Linux que reúne as aplicações e as dispõe da forma “X”. Mandriva é “mais uma distro de Linux que reúne as aplicações e as dispõe de forma “Y”. Suse a mesma coisa. RedHat, Fedora,etc…. digamos que não estás “condicionado” a uma só oferta. Tens “N” delas, é só escolheres aquela que melhor se adapta ás tuas necessidades.

    Quanto ao que tu referis-te, a instalação do Ubuntu a par do Windows. Estás-te a referir ao “Wubi” certo?
    Correu tudo flawless/”out-of-the-box”?

  45. Shogun says:

    @ Abilio

    Ja tinha experimentado antes das do site da ATI,tiveram o msm resultado :/

  46. Fausto says:

    Bom, eu estou testando esta versão, e estou achando a interface bem polida. Parece que está tudo mais bem organizado.

  47. aver says:

    Abílio Justo

    No comentário 16 deste post, o primeiro link é um guia sobre o Wubi, que continua, já quanto a configurações, através do guia do 2.º link. No post anterior sobre o Ubuntu escrevi mais qualquer coisa.

    Sinceramente gostei do Ubuntu e das aplicações que traz e mais algumas que instalei. Em dois/três dias é de esperar mais ou menos isto

    Lixei tudo uma vez – ao criar uma máquina virtual (Virtualbox) – a resolução do écran 1440×900 passou para 800×600 e não consegui corrigir – tive que recomeçar.
    Não consegui instalar o Adobe Flash Player para o Opera (no Firefox funciona bem). Também no Windows o flash é um bicho esquisito.

    Não avancei muito, mas, por exemplo, pus o Amrok a dar a last.fm, o Rhythmbox a dar o relato de futebol (a ver se o Sporting perdia) e o VLC a reproduzir o “300” (Sparta). É importante pôr uns tantos programas a fazer o que a gente quer.

    Acho que percebi a arquitectura da coisa. As instalações usando o “sudo apt-get install” é que não me deixam muito à vontade – gosto de saber ao certo o que estou a instalar.

    (Penso que se fizer uma cópia, através do Windows, da pasta “ubuntu” onde funciona o Ubuntu/Wubi, será como um “clone” de uma máquina virtual – ou seja se der cabo de uma, posso utilizar a cópia).
    Cumps

  48. David says:

    Sou um user maioritariamente de Windows, confesso, mas também uso Linux por duas razões: Dá-me jeito para programar e às vezes gosto de ir usar o Linux um pouco só pela piada e para conhecer as coisas.

    Andava a usar o Linux Mint (do qual tomei conhecimento através daqui) e, à parte de ainda não ter conseguido por o som a funcionar (já agora, tenho um SB external 24, se alguem souber algum truque…), até gostei do Mint.

    Acontece que estive à espera que saisse este Ubunto para o experimentar e houve duas coisas das quais gostei: Ao usar LiveCD reparei que o som já trabalhava e o bluethoot também.
    Decidi então instalar o Ubunto “por cima” do Mint (coisa que acabei agora de fazer), resultado: Na boot, apos instalar o Ubunto, o grub tinha lá o windows e o ubunto mas depois dizia ‘NTLDR is missing’ num e ‘Inexistent partition’ no outro… Entretanto meti outra vez o LiveCD do Mint, voltei a instala-lo “por cima” do Ubunto e voltou tudo ao normal.
    Alguém sabe o porque disto? É que eu não percebi bem o porque da coisa, a única intuição que tive foi que voltar a meter o Mint devia resolver o problema e até resolveu…

    David

  49. ALL says:

    Fazer uma review do novo Ubuntu 8.04 e n mencionar o “Wubi”… e dp ainda frisarem q a gd diferença neste Ubuntu é a inclusão do FF3b5… q review de classe!

    Não se esqueçam q o publico que lê-em os vossos artigos nem todos fazem a instalação do Ubuntu por “via instalador de texto”, i.e., espero que os artigos referentes a Linux n começem a recair apenas para uma elite de pessoas aqui :S

  50. t@ndre says:

    Meus caros,
    não percebo o porquê de tanto ataque, acho que se podem dizer as coisas de forma mais “polite” e principalmente mais construtiva.
    Se não gostam do artigo podem sempre manifestarem-se e inclusivé trabalhar com o autor e propor melhorias ao mesmo e para o futuro. Lembrem-se que aqui ninguém ganha por fazer artigos para o pplware, e se o fazem é mesmo por carolissssssse

  51. Imsinful says:

    @ John:

    “Já trabalhei com o Caixa Mágica, que considero estar acima do Ubuntu. E a nova versão do Caixa Mágica está mesmo boa.”

    A única coisa que te posso responder, e com muita sinceridade é: “LOL”

  52. ivo magalhaes says:

    boas, alguem sabe como instalar uma impressora que só funciona com o win. e o suporte da marca (canon), não tem drivers para o linux (global), a minha impressora é a Canon MP460. Agradeço pela resposta.

  53. ivo magalhaes says:

    @Fausto
    Muito obrigado pela dica, vou ver se consigo instalar este driver, e se a impressora funciona. Volto já.

  54. Paulo Marcus says:

    Acho muito legal pena que usuários antigos não podem usar linux.
    so o dia que realmente podemos instalar programas de windos nele.

    uso muito programa grafico ADOBE e infelismente nada instala no linux

  55. SergioJP says:

    Gostei bastante da performance dele, mas há alguns bugs, e caro amigo Paulo Marcos voce pode instalar o adobe no linux sim, para linux mesmo e se voce usar o virtual box ou o wine voce pode instalar programas windows sem problemas e também alguns jogos. O único problema é a falta de conhecimento dos comandos linux, mas que navegando nos foruns voce acaba aprendendo muito.

  56. jouze says:

    Enfim, não podia deixar de fazer este comentário…
    Pela primeira vez o ubunto reconheceu a minha webcam, minha gráfica, instalou o compiz sem stress, tudo isto no meu portatil, ah, e como não bastasse ainda instalou a minha pen wireless, que uso para fazer de antena especial…. enfim, estou maravilhado!!!!!!!!
    Apesar de um ou outro bug, ESTOU MARAVILHADO, MARAVILHADO!!!
    😀 😀
    Cumps, povo da linuxolandia, voces são fantásticos…

  57. Miguel says:

    vou experimentar

    _________________
    http://www.otal.pt.vu

  58. Espinha says:

    Oumah… tanta complicaçao!

    feather linux REBENTA! xD

    Eu cá gosto do Ubuntu… 😛
    Por acaso é o unico que uso… e nunca esprimentei outro…
    mas como sou noob a mexer nesses comandos e nao entendo patavina dessas programaçoes… eu fico pelo Ubuntu 8.04 xD

    Mas gostava de esprimentar outras como Fedora, arch linux e o famoso Slackware que dizem que é um BIXO de 7 cabelas xD

    cumpz

  59. Luís says:

    Uma review feita pela Ars Technica.

  60. Pessoal e o seguinte…
    Muita gente esta reclamando do Ubuntu 8.04, nao vo negar mas tambem nao vo apoia, do qual esta da seguinte forma…
    Bom o KERNEL do Ubuntu 8.04 esta atualizando tanto que eu tenho exploits(vulnaribilidade, pode invadir, ter dominio) que funcionam no 7.10 e versoes atingas, mas nao funciona no 8.04 e um ponto a mais,
    tanto que adicionaram outras ferramentas como o AppArmor vamos disser que e um firewall para o exploit. mas…

    O GNOME tive uma decepcao imensa no gnome ta cheio de BUG’s, desculpe o mondo mas, ta uma b*sta o GNOME e um ponto a menos,
    tanto que nao adicionaram os novos visuais que eles tinha prometido. mas…

    Tenho tempo que mexia com Conectiva e uns 6 anos com GNU/Linux que e o Debian, Ubuntu…

    Conclusao:
    Usuarios Desktop e obrigado usar o gnome, entao o melhor e usar o Ubuntu 7.10(recomendo atualizar o Ubuntu 7.10 e suas versoes anteriores) ou espera pela correcao do gnome, fica a gosto.

    Ja na area de Servidores teve uma melhor a mais eu recomendo instala o Ubuntu Server 8.04.

  61. Pedrocas says:

    ehehe sempre o mesmo ubuntu a dar dores de cabeça, vão 62 respostas ao bicho.
    Parabéns pelo report, eu amei, não gosto de ler palha, fiquei completamente esclarecido e la resolvi testar, usado e aprovado, só tenho pena não ter o software disponível para o trabalhinho mas já faltou menos 😀
    Abraço

  62. pr0t says:

    # Saudações!

    Creio que toda essa discussão acerca de distros X preferências
    é muito importante e acaba por abrir portas(DOORS) para usuários
    que almejam mas não conseguem se desprender das janelas(WINDOWS),
    por falta de coragem ou mesmo por simples estranhamento.

    Agora, o que realmente intriga é que o objetivo é que o linux seja “usavel”,
    operavel, mesmo por quem esta iniciando agora e pensa que o linux é uma
    mera cópia do windows, (ledo engano), mas, as vezes lemos algumas coisas
    que nos fazem refletir como o ser humano é mesquinho…

    Pois é evidente que determinadas opiniões desfavoráveis, seja em relação
    ao Ubuntu, ao mandrake, suse, ou quaisuquer outras distros, são simplesmente por que são ” USÁVEIS”, senão facéis são compreensiveis.

    Agora vejamos…
    O que significa mesmo OPEN SOURCE?
    Certamente pra uma pessoa chegar ao ponto de dizer
    que uma distro é fraca vulnerável que não presta, ela certamente
    tem um conhecimento avançado acerca de kernell, programação e afins
    o que possibilita que ela modifique a distro em questão tornando-a melhor,
    ou simplesmente construa a sua.

    Agora se a pessoa não tem esse conhecimento e criar uma distro
    não está dentro das suas possibilidades, como pode essa mesma
    pessoa dizer que um distro é assim e assado…

    Sejamos sensatos…
    vida longa ao Conhecimento!
    Underground!.

    saudações !
    pr0t ò_ó

  63. Ronaldo says:

    O link para o download não está disponivel, gostava muito que voltassem a fazert upload!

    abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.