Quantcast
PplWare Mobile

Rocky Linux 9: O verdadeiro sucessor do Linux CentOS

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. eu says:

    Rocky Linux, oracle linux, alma linux são alternativas ao defunto centos. Gnome é o que menos interessa num servidor. Para uma das melhores distros que há no mercado para servidores fazem uma apresentação muito pobre.

    • Nuno Torre says:

      Essas distros costumam ter também uma versão workstation! E esta também o terá pela certa! Há ambientes empresariais onde, para além do servidor, querem pôr algumas máquinas com funções específicas a funcionar com a versão workstation do mesmo produto. Isso é muito comum na Indústria. Workstation não é tudo Windows.

      Realmente o artigo não fala da versão servidor, mas fala sobre a distro em si. Uma apresentação básica, o que para o fim em vista é o que basta!…

  2. Zé Fonseca A. says:

    Para que é o gnome? Não devem perceber o intuito destas distros..

  3. ThornC says:

    “No lugar do CentOS ficou o Rocky Linux “… não exatamente… na realidade ficou o Centos Stream.
    O Rocky é um re-inicio do conceito do Centos (feito por um dos autores do CentOS original), mas existem alternativas semelhantes como o AlmaLinux ou até mesmo o Oracle Linux.

  4. Profeta says:

    Uma coisa que eu nao consigo entender e porque passam a vida a dedicar-se a elaborar distros linux e nao usam esse esforco para preencher as lacunas do mercado em relacao a alguns softwares em falta. Isso sim era de valor e uma mais valia para o linux.

    • Samuel MGor says:

      Não percebes nada… As empresas que criam distros não criam as apps. As apps são criadas por programadores não associados às empresas. Em relação à falta de softwares não sei do que falas 🙁

      • Pedro says:

        Muita gente diz que existem todos os softwares Windows disponíveis no Linux… Mas o problema é que entre as próprias distros os softwares nem sempre são compatíveis! Ja comeca mal, mas se quiser meter o dedo na ferida ainda mais fundo, onde esta o equivalente ao MS Office para Linux? E nao adianta atirar o OpenOffice ou o LibreOffice porque estes ficam a anos luz do MS…

    • Pedro says:

      @Profeta, há que fomentar mais o uso de softwares open source. A comunidade não para de aumentar 🙂 GNU/Linux esta no bom caminho 🙂

  5. compro essa também says:

    HAHAHAHAHAHA !!!!!!

    Muito bom !

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.