PplWare Mobile

Os 50 locais onde não esperaria encontrar Linux – Parte IV


Editora no Pplware e psicóloga de profissão. Desde cedo que a tecnologia é uma paixão, interessando-se em particular com o impacto que esta tem na nossa vida e nos comportamentos que as pessoas adotam nas redes sociais.

Destaques PPLWARE

  1. Luis says:

    Para o utilizador comum, maiores dores de cabeça…basicamente é isso

    Para empresas que têm equipas próprias de TI, poupança e estabilidade.

    • Aposto que se estivesses habituado a estes sistemas dirias acerca do Windows pior do que disseste sobre Linux.
      Dor de cabeça é instalar o Windows 7 de raiz, de seguida ter de instalar um bom browser, um anti-vírus, um programa tipo WinRar, um cliente de messaging, um cliente de email, plugins, java, etc.
      Tomando o Ubuntu como exemplo, após a instalação a única coisa a fazer é correr na consola sudo apt-get install ubuntu-restricted-extras, que instala tudo o que preciso em termos de codecs e plugins.

      • Jorge Rodrigues says:

        yup … realmente a unica coisa positiva que vejo no windows são os jogos porque de resto… tanto Mac como Linux me parecem mais intuitivos e práticos para o dia a dia.

      • RaCcOn says:

        O problema é para empresas que já trabalham a anos com Windows os funcionários passarem para outra plataforma.

        Qualquer das formas, para trabalhar não será necessário winrar, messaging ou codecs…
        Na maioria dos casos é apenas necessário acesso a uma rede interna e um software especifico da empresa.

        • Aquilo que eu escrevi é em resposta à parte do primeiro comentário onde se afirma que para o utilizador comum o Linux é uma dor de cabeça.
          E, por utilizador comum, entendo que seja alguém que usa o seu computador como mais do que uma ferramenta de trabalho, também como uma forma de lazer e comunicação, para o qual já necessitará de instalar pelo menos uma boa parte do que eu referi.

      • Pedro A. says:

        Se a Microsoft instalasse isso tudo levava com processos em tribunal por concorrência desleal, abuso de posição dominante, etc como já aconteceu no passado. Vocês falam, falam, mas não conhecem sequer um pouco da história informática dos últimos 5 anos.

      • Ricardo says:

        não concordo, existem pacotes iguais para o Windows, no ubuntu se não usares esse pacote também tens que instalar tudo um a um. Windows 7 dor de cabeça? de certeza que nunca instalaste um win98 ou assim, o win7 é super fácil e básico, e como diz o Luis para o utilizador básico é muito mais fácil o windows do que o linux.

      • @tonyfrasouza says:

        Na central de programas encontrei os extras e instalei por lá. No 11.04, me deu a opção para atualizar o sistema 10.04 para 11.04 e ainda a instalação de vários plugins. Depois foi só usar. Sem falar que experimentei o Live-CD antes sem instalar nada. O Ubuntu Linux é muito mais fácil e mais seguro que o Windows

    • kekes says:

      Por um lado concordo contigo pois Linux qunado funciona, funciona bem mas quando da para ter problemas, pricimpalmente de drives é sempre uma dor de cabeça, digo de experiencia propria, e não sou de desistir facilmente, mas no Windows é mais simples certas tarefas e dar assistencia tecnica por telefone 😛

      • CMatomic says:

        Quanto as drivers a culpa é das empresas que fabricam o hardware e não do Linux , o mesmo acontece com o sistema operativo da apple mas miguem diz isso.

  2. Gomes says:

    Jovens como eu e com vontade de conhecer melhor tudo o que se relaciona com computadores nao têm que andar a pagar e ficam a perceber realmente o que fazem na sua maquina em vez de andar só a clicar em ícones.
    Cumps

  3. Vantagens do Linux says:

    Menos dores de cabeça (ou seja, menos erros);
    Óptimo para programadores;
    Está cada vez mais bonito;
    É mais Leve;
    etc…
    mas a maior vantagem do Linux é o PREÇO!

    • O preço nao deve ser levado em conta, grandes empresas podem pagar os Windows para adquirir suporte, e o Linux tbm não eh tudo de graça, os especialistas tambem cobram para prestar suporte, é fato q o preço de aquisição eh uma vantagem mais nao eh essa margem de custos q devem ser levado em conta sim outros fatores como suporte, alterações, outros programas, segurança o Linux eh mais vantajoso

      • lmx says:

        até podes nºão falar no preço, mas grandes empresas é que teem mesmo que se preocupar com o preço…ímaginas uma empresa com 20 mil maquinas e ainda existe toda a infrastutura de core, quanto não saira em MS…e vão mal servidos…á pois é o preço conte e muito.
        Agora claro uma empresa de vão de escada a mossa não é tão grande,mas também podemos ver a coisa como uma microempresa sem liquidez…logo o preço conta e de que maneira!!!
        existiam em 2007 cerca de 30 e picos virus criados para linux para testar a segurança do mesmo…para windows faz um serch, mas devo avisar te que o numero supera de certeza os 300 mil que datava salvo erro de 2007.
        Não existe registry…existe uma bd por baixo como é obvio, mas registry…esquece la isso!!isso é um cancro..
        No linux também podes pagar a distro, mas podes optar por uma grátis, e compras um pacote de assistência que serve perfeitamente…concordo com a historia das correcções,etc.
        Acima fiz fou um aparte que o custo do SO, pode ser muito dinheiro!!!!

        cmps

        • posso-lhe dizer que trabalho numa empresa com mais de 1000 máquinas em windows.

          60% das nossas aplicações apenas funcionam com IE (mesmo sendo web).

          No entanto temos muitos servidores UNIX.

          Mas se fores fazer contas, imagina quanto custaria a uma empresa de telco mudar todos os seus sistemas para Linux (nao penses só nos desktops, esses são os mais baratos porque a licença OEM sai a meia duzia de euros), mas sim em todos os softwares que são utilizados e que muitos nem existem para linux (teriam que ser encomendados). Não é só o office…

          Eu acredito que em certos mercados, onde apenas usam browsers e funções básicas de office e assim, que se possa trocar ( e mesmo assim temos que ter pessoas preparadas para dar suporte nos helpdesks das empresas)… é muito complicado e envolve muito dinheiro.

          Eu não tenho nada contra Windows, contra Linux… eu até uso Mac a titulo pessoal. Mas temos que ser realistas

    • SilentInvasor says:

      Eu acho que é mais estável, mais bonito, mais leve, mais rápido.
      O que mais gosto no linux é que temos total controlo sobre o sistema.

      Eu ja uso linux ha alguns anos e a minha principal dificuldade é desenvolver programas para o mesmo, gostava de encontrar uma ferramenta equivalente ao Visual Studio para programar em C# mas parece que vou ter que aprender java e programar no NetBeans xD

  4. Pedro Pinto says:

    Mais um excelente levantamento sobre a utilização do Linux. Parabéns Marisa.

  5. mezulig says:

    as maiores dores de cabeça??? porque? por ter mais de metade das aplicações necessárias já instaladas? Por no caso do Ubuntu suportar o teu hardware sem perderes tempo a instalar todos drivers? será isso?
    Preconceitos qualquer que seja o tema não servem de nada.

  6. Esta série de artigos é excelente para mostrar a todos que o Linux é fiável e seguro. Mesmo para os utilizadores que já conhecem é bom ficar a saber que cada vez mais gente e empresas apostam na utilização de SOs baseados em Linux.
    Apenas um apontamente: a Amazon é muito mais do que uma empresa que vende ebooks.
    Cumprimentos

  7. Revenge says:

    Maiores vantagens que o linux tem sobre o windows? Não cabe aqui neste pequeno rectângulo… é melhor dizer a única vantagem que o windows tem sobre o linux, que são os jogos não terem o devido apoio em windows como têm em linux.

    • Miguel says:

      Enganaste-te de certeza:
      – “os jogos não terem o devido apoio em windows como têm em linux.”

      Sabem que isto tem uma motivação: dinheiro. (o mesmo motivo a que leva que jogos tipo GodOfWar só existir para PS3).

      • Jogos como God of War só existem para a PS3 porque é uma equipa da Sony que faz os jogos. É como jogos do Mario só irem para consolas Nintendo. Se a grande motivação fosse dinheiro faziam God of war multi plataforma pois existem mais Xbox 360 vendidas que Ps3 no mundo e ter 2 versões seria benéfico para quem desenvolveu. No entanto a equipa é da sony e têm de fazer exclusivos para justificar a compra da consola (não é que goste do God of War).

      • lmx says:

        Eu so jogo Alien Arena e ET, por isso no problem for me!!

        cmps

  8. João Rodrigues says:

    Eterna batalha Windows vs Linux.

    Publico alvo diferente, ponto final.

    Para o utilizador “normal” o windows é perfeito. Para o resto mais entendido ou curioso, Linux é óptimo para experimentar ou “brincar”.

    Temos que admitir uma coisa, para o que sofre (Windows) aguenta-se muito bem. Em que outro SO instalamos e desinstalamos centenas de aplicações, dezenas de dispositivos com a simplicidade e facilidade do windows. 3 ou 4 cliques e tá feito.

    Por exemplo acho que o Windows 7 está dentro dos melhores SOs que já tive oportunidade de experimentar. Mas como disse, é uma mera opinião e tenho a certeza que existem milhares de pessoas que discordam desta opinião.

    De qualquer forma, dou todo o valor ao Linux e sem duvida que o considero um SO de respeito.

    Cumprimentos para todos…

    • Fernando says:

      “Linux é óptimo para experimentar ou “brincar””- exprimentar ou brincar são duas coisas a que nenhuma destas empresas/entidades se podem dar ao luxo, acho que a expressão que estavas a procura é “trabalhar de maneira fiável”

    • Jack says:

      Oh João. Se o teu problema são a quantidade decliques para instalar ou desinstalar programas ficas informado que em linux basta um clique para instalar e outro para desinstalar. Só aí em linux poupas uma quantidade de cliques…..

  9. dbrenha says:

    tenho usado linux (ubuntu) há mais de 2 anos e devo dizer que até ao momento nenhum sistema operativo me fez rir como uma menina de contentamento cada vez que uma versão nova saía.
    quando usava windows chateava-me sempre com alguma coisa, ou era virus, ou era a lentidão que aumentava conforme o tempo passava. quando usei macOSX tive aquela sensação de que não me podia por à vontade (pouca personalização).

    • António Mendes says:

      Eu rio-me de medo, que quando instalei em 2 ocasiões as versões 10.x do Ubuntu, o Xorg foi-me à vida e já vi uma vez o grub também ir à vida a um colega meu. Nada que não se resolva, mas não é um mar de rosas.

    • António Mendes says:

      Eu rio-me de medo, que quando instalei em 2 ocasiões as versões 10.x do Ubuntu, o Xorg foi-me à vida e já vi uma vez o grub também ir à vida a um colega meu. Nada que não se resolva, mas não é um mar de rosas.

  10. Ivan says:

    Software Livre, Código aberto e em constante actualização de segurança por uma comunidade activa.

    • Ivan says:

      ahh e também tem sempre a possibilidade de ser um servidor, o que nos dias de hoje, com o preço dos sistemas operativos servidor da Microsoft e da Apple, é algo atraente para qualquer um gestor de redes.

      Para os amantes de informática, Linux é a melhor forma de especialização em Programação, em Gestão, em ataques de Hacking, em defesas de Hacking e em Redes Informáticas…

  11. eu mesmo says:

    é injusto apontar no Windows o ponto fraco da falta de browser, de IM, etc… quem n se lembra q o Windows vinha já previamente com o Messenger e com o IE? a UE obrigou a Microsoft a remover por considerar q era abuso de posiçao dominante.

    é evidente q o Linux é mais complexo de operar q o Windows, pq outro motivo um SO gratis n é dominante? e um q por sinal é bem caro o é? n me vão dizer q é pq “os PCs ja veem com ele instalado”, pq as marcas teem q pagar as lincenças à Microsoft… e de certeza q preferiam n o fazer, para o utilizador comum e para o menos experiente o Linux é mto complexo e mais dificil de entender…

    • marcio santos says:

      *O grande Boom da microsfot com as suas janelas se deu por este “pagar” aos fabricantes um X por cada windows instalado… uma boa estratégia de marting… Mas cada vez mais aparecem mais computadores com linux de raiz. Até o magalhães tem…
      *devo de dizer que os meus pais nada percebem de informática e à uns dois anos meti-os a mexer em Linux Mint e não tiveram problemas nenhuns… Outras pessoas totalmente a leste da informática se habituaram muito bem a linux… Simples, fácil e agradavel… o pior é mesmo jogos e software profissional tipo CAD mas até aí as coisas estão a mudar
      *A UE obrigou a microsoft a deixar as pessoas a escolher o browser que quisessem. Win98 tinha o cumulo de o IE estar embutido no sistema que, fizesses o que fizesses, simplesmente não dava para o desinstalar… e isso perpetuou-se até o XP (já não instalo Windows desde meses antes do Vista, então não sei se isso continuou por lá…)

    • RaCcOn says:

      Mesma razão que o MacOS…
      Não é lider de mercado, não é o browser mais utilizado etc etc…
      Como já vem pré-instalado em 99% das máquinas, havia pessoas mais leigas que nem sequer sabiam que existia algo para além do Internet explorer…
      A uns tempos fui a uma grande superficie para tratar da manutenção de um servidor e vejo um senhor que tinha comprado um Macbook a querer trocar o portátil porque dizia que não tinha internet explorer e que não dava para ir até a Internet…

    • Nelson N says:

      Estou de acordo, assim como o 1º comentário.
      A pior coisa que podem fazer ao Linux é dizerem que é melhor que o Windows.
      o Linux para uso doméstico pode realmente ser uma dor de cabeça.
      Vejamos um caso prático: fui administrador deste prédio, e no Pc que cá temos instalei o Ubuntu. Pouco tempo depois tive que deixar de o utilizar; porque embora reconhecesse a impressora Epson SX100 para imprimir 48 recibos é uma lentidão que até metia dó; instalar o scaner é para esquecer, era como se não existisse; mas o pior era o OpenOffice. Todos os meses é necessário fazer 48 recibos papel A5 horizontal; bastava desligar e ligar outra vez o Pc, quando ia imprimir estava tudo fora do sítio; tinha que formatar tudo e imprimir logo senão lá se ia o trabalho; se eventualmente precisasse de imprimir um recibo ou dois mais tarde, voltava ao mesmo.
      Portanto cada caso é um caso e para ali não serve, mas sei que em muitos casos é preferível ao Windos.

      • lmx says:

        Boas..
        lamento o azar, mas acho que não deve ser levado em conta como que um “standard”, eu sou utilizador linux full time, e tenho impressora, scanner, placa de TV, comando a distância,etc, e acho o linux melhor em tudo, bem…na parte do scanner então vai la vai, muito melhor que em windows, mas mete melhor nisso…obviamente não falo do simple scan que vem no Ubuntu, mas sim do todo poderoso Xsane(Gui for Sane(o equivalente do Twain para linux…no entanto chamar-lhe equivalente é algo mesmo, mas mesmo muito redutor…que deus me perdoe por tal afirmação que fiz, é de longe superior))!!
        O linux so tem um problema no que toca a impressora…que tem a ver com o economia de tinta, que no windows consegues maior economia de tinta, devido aos drivers, mas isso também depende, pois se tiveres uma impressora amaneira e que seja sopurtada a 100% penso que será igual!!

        cmps

    • Em condições normais, parece-me impossível abalar a hegemonia do Windows quer seja a curto, médio ou longo prazo, em grande parte pela falta de conhecimento e o comodismo geral. Para muitas pessoas Sistema Operativo é sinónimo de Windows e, se para elas este sempre funcionou (mal ou bem), não se dão ao trabalho de saber se há alternativas, quanto mais arriscarem experimentá-las…
      Quanto à complexidade de utilização do Linux, depende da distribuição de que estivermos a falar e também do que quiseres fazer com o computador. Se o que fazes se resumir a usar um browser, ver/ouvir conteúdo multimédia e usar um messenger então o Ubuntu (exemplo de distribuição Linux) não fica nada atrás do Windows em termos de simplicidade.

    • CMatomic says:

      ” o Linux é mto complexo e mais dificil de entender…”
      Isto não verdade , o problema é que muito gente pensa que o sistema GNU/Linux tem que ser igual ao Windows, os sistemas linux ficam difíceis porque o utilizador o quer seja pois , quase sempre o utilizador do windows quer as mesmas funcionalidades do windows no Linux e depois quando não as tem complica em vez de utilizar as ferramentes já existentes nos sitemas GNU/Linux.

      O mercado esta dominado pela Microsoft como toda gente sabe , e muita gente pensa que facilidade do sistema e compatibilidade de Hardware tem que haver com a inovação da Microsoft mas isso não é verdade esta empresa cria monopólios ao ponto de ter drivers exclusivas e únicas só para o seu sistema , mas minguem se preocupa com isso , pois seria o mesmo um carro só poder andar com uma gasolina de uma só marca, e depois vir um quantos políticos dizer, impor o linux no estado é tirar a liberdade de escolha.
      Era como dizer utilizar combustível gratuito tira a liberdade de escolha, mesmo que exista varias empresas oferecer combustível.

  12. wolf says:

    A mudança para Linux é vantajosa sim mas «hoje» toda a gente quer a sua parte por isso é que nem todos os que deviam incentivam a aprendizagem em sistemas Linux.
    De facto o Linux suporta quase tudo e a instalação são breves minutos e 2GB chegam. Quanto aos fabricantes alguns querem passar uma imagem diferente da real, criando drives para hardware mais vendido e o restante até parece que fazem de propósito para não haver migração para Linux, logo por vezes a simples falta de uma driver pode tornar-se irritante e até impossível de usar o computador.
    Uma diferença gigantesca que noto entre Linux e Windows é quando algo não corre bem e no Linux de duas uma, ou funciona ou não funciona, quanto ao Windows nem quero pensar nas horas que já perdi à espera de resposta do sistema ou das múltiplas vezes que tive de reiniciar.
    Boas mudanças.

    • wolf says:

      (correcção)
      «A mudança para Linux é vantajosa sim mas «hoje» toda a gente quer a sua parte por isso é que nem todos os que deviam incentivam a aprendizagem em sistemas Linux», o fazem.

  13. Gustavo says:

    Muito interessante toda a matéria. Parabéns!

  14. onthewheels says:

    o meu ubuntuzito foi amor a 1 vista…a partir do momento em que instalou em menos de 30 min…oh meus amigos…

    olha…e ja estamos juntos a 4 anos…nada nos separa…lol…

    realmente como dizia alguem em cima, Windows so para jogos, de resto…nao serve de nada…mas isso sou eu…

    • ZlsVs says:

      Eu à muito que ando a querer mudar para linux, até porque sempre que há qualquer problema num maquina recorro sempre ao knopix.
      O que me vai levando a ficar pelo windows são os softwares técnicos, desenho (cad…), desenvolvimento (visual studio…), base de dados (sql server…), e os jogos.
      Posso sempre optar por virtualização, e remediava o problema.
      Acreditem mudava já amanhã

  15. xieh says:

    o problema é que os jogos movem o mundo, pq se repararem bem, só empresas comerciais (grandes ou pequenas), profissionais, e governos fizeram a migração, pelos já muitos motivos referidos, mas como disse já no inicio, os jogos movem o mundo, e a esmagadora maioria dos jovens (que são os que têm portáteis em maioria também) querem lá saber de usar o pc para trabalhar ou o que quer que seja, querem é um SO “simples” de usar, q que aguente o novo jogo xpto que saiu, que por sinal só funciona em Windows, já devem ter reparado até que os grandes jogos têm quase todos aquele logozinho “runs on windows” ou qualquer coisa assim, grande estratégia de marketing, e em suma, a malta em geral quer é jogar no PC, quem quer trabalhar, usa linux… e contra mim falo, gostava bastante de poder pelo menos experimentar linux, ou Mac, mas e depois? trabalhos fazia, ir à net dava, ver uns filmes dava, sacar umas cenas dava, SO super seguro “check” e epa “tou farto disto, vou jogar um joguito, saiu agora um novo que acabei de sacar e tal (o demo no site, ahah) ups não posso… 🙁 ah mas o windows dá pra fazer isso tudo e jogar tb que é o que a malta quer sempre um joguito ou outro, ui então que se lixe lá o linux/mac, era seguro, mas prefiro ter virus e poder fazer tudo…” é basicamente o pensamento da esmagadora maioria dos jovens hj em dia… (novamente, contra mim falo -.-‘)
    btw, é super simples instalar o windows hj em dia, e o 7 pouco trabalho dá mesmo em termos de drivers e tal… thank god ^^

    • Mike says:

      No Linux, o PlayOnLinux/Wine funciona bem sem grandes ajustes. E a lista de jogos que correm em OS X tem vindo a aumentar.

      Já para não falar que a grande maioria do gaming hoje em dia é feito nas consolas e não nos computadores…

  16. ManuelG says:

    Como se faz um reencaminhamento da porta 80 para 88 (por exemplo) num servidor windows server 2003??? Linha de comandos? algum programa?
    Após uma semana ainda não consegui nenhuma forma…
    No linux não demorava 5 minutos…

  17. LuisS says:

    O pessoal que fala em jogos já tentou em Linux?
    É que eu à 4 anos atrás em LAn party já apanhava OS meus inimigos enquanto os seus Windows mostravam o cenário…
    Não metam o Linux no mesmo saco do Windows.
    Fiquem-se pelo vosso Windows, eu próprio uso o win7 (muito bom), mas por favor, não comparem ao Linux, é um mundo à parte e deixem-se andar no vosso mundo.
    Como profissional de informática vejo quase todas as semanas alguém a instalar uma impressora no Linux e chamam-me para instalar no winxp.
    Para aquelas coisas como webcam e algumas impressoras usem o Google e conseguem mais depressa à conclusão,que o tempo de descarregar o software do site oficial.

    Ah e claro continuem a usar o vosso windows pirata e o office…

    • Fernando says:

      Tal como colocar uma pen em linux: mount ….. 🙁

      • CMatomic says:

        Que tipo de pen ? memoria ? 3g ? tv ? de que? dizeres pen é muito grenalizado.
        Montar uma pen ? que sistema utilizas ?

      • Miguel says:

        LOLL…

        mount ? mas tens o linux do ano 1998 instalado é ?

        Queres melhor que o linux que mal metes a pen aparece um icone no desktop e para desmontar a unidade é só click direito em cima do icon e clicar desmontar ?

        No windows tens de fazer bem mais passos… e não há icone para ninguém.

        • Miguel says:

          Já agora para ficarem a saber, ao contrário do windows, no ubuntu as pens 3G tmn, vodafone, optimus, etc, é só meter a pen e já temos net.

          No windows temos de andar a instalar software e não sei quê dos devices drivers… não se compara…

          • CMatomic says:

            Isso é bom exemplo que os sistemas operativos livres tem vantagem em relação ao windows, o que esta estregar os sistemas livres hoje em dia é aqueles que acham o linux é difícil e depois ainda fazem tudo mais difícil pois querem fazer a maneira da Microsoft

          • Carlos says:

            Confirmo miguel, liguei uma pen 3G ao mint e não fiz mais nada.

            Quando fui ao windows (que não era meu), sacar drivers fazer isto e o outro, hum??

    • CMatomic says:

      Se muita gente fize-se o mesmo que os utilizadores dos Macs antes de comprar qualquer Hardware preguntar ou pesquisar se compatível com sistema que temos , a compatibilidade não é uma problema exclusivo do Linux , e mesmo o Windows as vezes leva algum tempo a ser compatível com determinado Hardware como foi caso do USB-3 e das drivers de blu-ray onde o linux foi o primeiro a ter compatibilidade com este tipo de Hardware

  18. LC22 says:

    E porque não fazerem o mesmo para windows… também gostava de saber onde apostam em sistemas da microsoft!! E para quem fala mal do windows 7… (que são básicamente pessoas anti-microsoft.. simplesmente…) o sistema é bastante estável… mas pronto… há críticos para tudo! Gosto bastante de sistemas baseados em linux, mas não ponho de parte sistemas microsoft… principalmente o windows 7, que é o mais usado por ser, não só o mais usado de todos os tempos((Windows)sabe-se o porquê..), mas por ser um sistema simples de usar para quem já está habituado(utilizador comum)! Os parabéns para quem desenvolveu este tema!! Muito trabalho em pesquisa, sem dúvida! Abraço! 😀

    • Miguel says:

      Bem, sendo que quase ninguém usa Solaris e afins… Podes partir já do facto que o RESTO todo do mundo usa Windows, o que é a mais pura das verdades… um artigo assim não tinha metade do interesse deste….

      Sem dúvida o Windows 7 é uma melhoria e é um bom sistema operativo, ninguém disse o contrário. No entanto continua a ser extremamente caro para uma empresa ter de pagar uma cópia por estação de trabalho. E é esse o desafio: aumentar os lucros e crescimento das empresas com MIGRAÇÃO para um sistema operativo grátis.

  19. Fernando says:

    Bem, estou mesmo a ver os próximos 10, que serão mesmo os mais improváveis… tipo servidores da Microsoft? Casa do Bill Gates? :p

  20. Navyseal says:

    “A questão de hoje é: Quais as maiores vantagens que o SO Linux tem sobre o SO Windows e SO MAC?”

    Grátis
    Comunidade online
    Compatibilidade com grande parte do hardware mais comum e mesmo antigo
    Segurança
    Personalização

  21. Nuno José says:

    Só espero que não se esqueçam da bolsa de Londres que durante um mês foi um dos case study da M$ (get de facts) e depois desistiu e mudou pra linux.

  22. nuno says:

    Linux tem 2 grandes problemas:

    1- O preço
    2- Os programadores de software

    • Miguel says:

      LOLLL

      1- Para quem é o problema ?!? Para quem vende microsoft/mac de certo.

      2- Os programadores !??! Loll.. espero que não estejas a insinuar que os Geekzões de Linux são piores programadores que os de windows… loll…

      • Miguel says:

        aliás um bom programador de software papa tudo… ou seja, tanto faz software num linux como num windows… é tudo bom!

        • nuno says:

          passo a explicar;

          1- o preço, tudo que é grátis não presta, pelo menos é o que pensar o povinho

          2- os programadores, porque a maioria do software que não esta disponível ara linux, porque os programadores acomodaram-se a programar para windows, ou será algum receio, aqui tem muitos programadores eles sabem explicar melhor.

          • limat says:

            1- Uso ubuntu porque me fartei do seven. E embora seja gratis as aplicações têm uma qualidade impressionante.

            2- A programas em linux para quase tudo o que o windows faz. As pessoas e que se iludem com o marketing porque se instalassem e exprimentassem iam ver que o windows so e superior ao linux em jogos. E mesmo assim nao sera por muito tempo porque com o wine e com o playonlinux cada vez a mais compatibilidade com os jogos

          • Navyseal says:

            Os programadores fazem software para a plataforma que lhes pagarem e ponto.

    • eu says:

      oh nuno vives em que mundo actualiza-te

      • nuno says:

        99% do software feito em portugal é para windows, nao seria uma mais valia se os programadores o fizessem para as 3 plataformas, depois sou eu que tenho de me actualizar

        • eu says:

          olha aqui a barbaridade que dizes

          1- o preço, tudo que é grátis não presta, pelo menos é o que pensar o povinho

          ja alguma vez experimentaste linux chego a conclusao que fazes parte do ze povino porque alguem com capcidade pelo menos tenta conhecer o que rodeia um mundo informatico e diversifica os seus conhecimentos e alias como todos sabemos linux oferece em especial na eficiencia e na estabelidade nunca tive um problema com linux desde que o uso e com win ja me apareceu uns quantos problemas, é verdade que o win7 ja tem vindo a mudar mas antes de dizeres barbaridade tenta conhecer antes de falares

          • nuno says:

            sr.eu, para sua informacao só não uso linux 100% das vezes por razões profissionais . e conhecimento do linux tenho aprendido todos os dias desde à 10 anos

  23. Epá, não metam o mac nestas guerras…

    Windows – Com o windows 7 essa coisa da estabilidade já é conversa de fan boy. O windows está mais estável, tem muito mais suporte (basta ver que a maioria das empresas referenciadas como linux based usam tecnologias web e nao desktop based – se quiserem um dia eu explico isto). A maior variedade de opções a nivel de soluções de software e hardware faz com que o Windows continue a ser a melhor solução para a maioria dos utilizadores. Ainda de referir que se a Microsoft metesse tudo o que referiram em comentários acima como sendo de base no linux, não fazia mais nada que responder em tribunal (Windows Media Player, IE, Live Mail são alguns exemplos disso).

    Linux – Para utilizadores mais avançados e com mais tempo para a curva de aprendizagem necessária (sim, não me venham com balelas que aquilo não é preciso aprender nada) e que tenham como principal utilização ferramentas baseadas em web based pode ser uma boa solução (e não é assim mais barato… a maioria dos pc’s actualmente traz o windows OEM). Continuo a defender que certas partes das empresas podem usar linux sem problemas, mas o excesso de distros, packages e outras soluções compromete muitas vezes o suporte aos mesmos. (já agora, esta coisa do unity tem dado dores de cabeça com as gráficas e com netbooks… muita horinha de sono perdida pelos técnicos de suporte).

    Mac – Sou especialista de IT, trabalho com Windows desde que me conheço (há uns bons 18 anos … ainda no 3.11). Além do windows sempre trabalhei com UNIX e há 4 anos decidi abandonar o windows em casa e mudar de sistema. Paguei (muito, segundo a maioria) por um macbook e um imac. Agora não quero mudar para mais nada… não tenho um problema ou crash desde há 4 anos. Nada… formatei os sistemas uma vez para colocar o snow leopard e vou agora tratar do mesmo para o lion (por opção, não é necessário um format para colocar o sistema novo).

    No final acho que deve existir muita escolha, que o linux deve continuar, mas é preciso reconhecer as necessidades…

    • Miguel says:

      “basta ver que a maioria das empresas referenciadas como linux based usam tecnologias web e nao desktop based – tecnologias web e nao desktop based – se quiserem um dia eu explico isto”
      ?!?!?

      amigo, só com o ponto 1 acho que deverias atirar-te o mais rápido possível para dentro de uma cova…

      Se acompanhasses a evolução de TI saberias que hoje em dia cada vez mais se usam por vários motivos soluções web-based… motivos tão óbvios que nem vou por aqui mas deixo três palavras para pensarem: 1-“cloud”, 2-“compatibilidade”, 3-“acessibilidade”.

      Agora se me vens dizer que as soluções desktop based são mais típicas em windows ou vice-versa ou sejá lá o que for, vê-se mesmo que não percebes nada do que tás prái a dizer! Ao menos sabes que o JAVA é multi-plataforma !? E o QT ? sabes o que é e se existe nos três S.O’s ??? e a palavra Cross-plataform conheces ?

      Peço desculpa aos presentes, mas o ultimo comentário foi de tamanha barbaridade de informação errónea que tive de intervir…

      Agora

      • Miguel says:

        “mesmo para o lion (por opção, não é necessário um format para colocar o sistema novo).”

        A malta do MAC faz ideia que eu desde 2005 que não formato o meu PC e todos os anos actualizo o Ubuntu duas vezes !?

        Sim, é mesmo verdade, já em 2005 o Ubuntu tinha essa coisa de não precisar de formatar o PC para meter o novo sistema operativo lançado… é que nem sequer precisam sair do PC, podem estar na net e é instalada a nova versão !!!

        Já agora para os menos informados, todos os anos saem duas novas versões de Ubuntu, exactamente no mês 4 e no mês 10 ! ou seja, todos os anos temos duas novas versões de Ubuntu e instalam se sem formatar !! (UAU =P lol)

      • Sandro Santos says:

        Meu caro, só lhe peço que leia o que escrevi e não debite fanatismos.

        Experimente por exemplo executar grande parte das aplicações empresariais (falo do exemplo da minha) que contem activeX á larga e que só correm em IE. Lá por ser web-based não quer dizer que só precise de um browser).

        O windows corre várias coisas e o linux (o exemplo flagrante dos active x) é um dos que tem problemas. (pode-me vir falar de workarounds, mas isso não é para um utilizador normal).

        Quanto ás soluções desktop based, existe mais para windows do que para outros e não estou a falar de aplicaçõezinhas de vão de escada. Indique-me em número o conjunto de aplicações que existem para empresas (contabilidade e facturação com SAF-PT) que existem num e noutro ambiente, por exemplo.

        Quando me referi á maior variedade ser melhor, referia-me a imensas coisas que só são criadas para windows (quer um exemplo, Outsystems Server, aquilo é muito bom, mas só existe para Windows Server).

        Quanto ao segundo ponto, mantenho o que escrevi na íntegra.

        No terceiro, eu formatei porque quis. Não me viu escrever em lado nenhum que em linux era preciso. Eu só falei do meu caso.

        Leia e não se sinta ofendido porque temos direito á nossa opinião. Se trabalha numa empresa, pense na sua e veja o seu caso. Na minha isso era impensável, tais os custos que teriamos com a mudança de sistema e com a formação das pessoas.

        • Miguel says:

          Ok, agora já percebi melhor, a questão é que no primeiro post não ficou bem claro essa informação…

          Realmente o activeX e essa aplicação que referiu só corre no IE. Assim como o OutSystems só existe para Windows Server.

          Na minha franca opinião, isso é muito mau, uma boa aplicação deveria correr em qualquer browser e em pelo menos mais que um S.O., mas isto é outro assunto (não quero ferir susceptibilidades espero que não seja isso que estou a fazer..)

          É que depois aparecem aqueles casos em que uma aplicação só corre em IE 5.0 e depois os utilizadores têm outra que só corre bem em IE 6.0, e o IE 5 já não é suportado…. blá blá blá…

          O OutSystems por exemplo é uma solução out-of-the-box ou seja, é um produto já por si. Eu pensava que estávamos a falar de desenvolver produtos (de raiz de preferência). Assim o caso muda de figura, o que acontece é o mesmo que nos jogos, essa aplicação só corre em Windows.

          Na minha empresa quase (pró meu desgosto) não se usa nada que seja out-of-the-box que não funcione em todo o lado, e a maior parte das aplicações são feitas para serem multi-plataforma e multi-browser… tanto que existem centenas de utilizadores e cada um usa o seu S.O. e o seu browser conforme necessidades e a filosofia é que continue assim.

          A confusão surgiu quando se falou que no linux usam essencialmente soluções web based e não desktop based. Na verdade estavamos a falar de produtos e eu pensei que éra desenvolvimento de produtos de raiz… foi mal entendimento…

          • Eu não quero com estes comentários defender o windows ou excomungar o linux.

            Acho que actualmente, e a nivel empresarial, não estamos com maturidade suficiente para tal.

            Em casa o utilizador deve ser livre de escolher, por isso eu tenho um mac, uma escolha que para muitos (inclusive fanboys de linux) é cara. Eu escolhi porque faço design gráfico, preciso de produtos não disponiveis noutras plataformas e pela estabilidade (garantida muitas vezes porque não existem variações de hardware).

            Muitas pessoas falam de virus e de malware. Ele existe para todos os sistemas, ainda que em menor quantidade para mac e linux. Mas o maior malware de todos continua entre o teclado e a cadeira.

            No mercado empresarial, ainda não é rentável desenvolver para Linux out-of-the-box e apenas quando é pedido é que se trata disso.

            Eu sou engenheiro de qualidade IT de profissão e concordo que as aplicações deviam suportar todas as plataformas. Mas isso custa dinheiro… muito dinheiro. E é importante perceber o ROI dessas mudanças…

    • Fernando says:

      A situação dos macs terem muito menos falhas que o windows, tem muito a ver com que todo o hardware e software é produzido para aquela máquina específica para ela e só. Enquanto que para um PC, tens milhares de fabricantes de hardware e software que torna mais complicado controlar a compatibilidade entre alguns produtos e mesmo verificar se existem falhas no sistema.
      Ainda assim, desde o XP que as falhas têm sido mínimas, e o controlo do sistema dos SO’s tem sido excelente ao verificar toda a sua compatibilidade.

      Quanto ao linux, peca mesmo a quantidade de distros que existem, qualquer produtor de hardware não vai estar com ideia de produzir suporte para cada distro que existe e venha a existir, quanto muito a uma kernel a que várias distros sejam baseadas. Mas ainda assim, há equipamento que funciona bem para uma distro, e para outra já não funciona, ou tem que ser configurado de modo diferente porque é baseada noutra kernel.

      • Sandro Santos says:

        Na primeira parte concordo consigo, é a mais valia da Apple. Pode testar tudo sabendo exactamente o que o cliente tem dentro da sua máquina e isso faz a diferença.

        O windows 7 tem melhorado muito nesse sentido, mas sofre do problema de muita gente ter drivers e acessos que no caso dos macs não existe.

        Quanto ao linux, concordo consigo igualmente. Uma empresa que produza componentes não tem interesse (muitas vezes porque o mercado a nivel economico não é rentável) para se preocupar com essa fatia de utilizadores.

  24. Miguel says:

    O Linux tem supostamente 1 grande problema para as empresas:

    1- Não tem suporte e manutenção vinculada por contrato ($$). Isto, estou a falar do linux que é grátis, não do que se paga…

    Mas na verdade, pela minha experiencia, quando o windows se borra e encrava acham que alguém vem à empresa arranjar aquilo !?!??! Os contratos são burocracias para dar dinheiro a amigos empresários por amigos empresários… Isto na verdade é como o resto, anda tudo à volta do mesmo: dinheiro.

    • CMatomic says:

      Calma amigo deixa-os poisar , não vale apena estarmos chatear quando acordarem já sera tarde de mais , e depois vão dizer que nunca tinham ouvido falar.
      É por isto e por outras que este pais não anda para frente os ditos sábios que dão conselhos aos políticos é uma cambada de interessados, assisti ao um vídeo no youtube sobre a utilização de Software livre no parlamento quem propôs foi bloque de esquerda ou partido comunista, todos os outros da oposição ficaram contra pois diziam que isso era um atentado a liberdade de escolha.

  25. bcuraboy says:

    isto é tudo muito relativo.eu aqui em casa,tenho o meu belo acer e a minha ps3.quando quero jogar ligo a ps,quando quero trabalhar,ligo o acer com ubuntu 10.04
    pessoalmente prefiro linux para trabalhar.conheço-o ha pouco tempo,relativamente 3 ou 4 anos,e tenho acompanhado alguma da sua evoluçao e vejo que o ubuntu para mim é perfeito
    nao vale a pena dizer que windows é só bom para jogos,porque nao é,há que o reconhecer.é muito user friendly,e qualquer criança mexe em windows.a ms tem vindo muito a apostar em segurança,mas ainda tem muito que trabalhar.
    em ubuntu,tive algumas dores de cabeça ao inicio é verdade,pois a migraçao para mim nao foi facil,mas graças á excelente comunidade que temos,consegui resolver os meus problemas.
    graças ao meu ambiente de trabalho,ja consegui convencer algumas pessoas a migrarem para ubuntu.ficaram fascinadas com um ambiente de trabalho simples,rapido e que trabalha.
    existem inumeras vantagens em usar ubuntu,mas a que mais me convenceu foi a de que nao ter que andar sempre a procura de crack’s e serials para programas e jogos.aborreci-me de ter que estragar o trabalho dos outros
    nao tenho dinheiro para andar sempre a comprar jogos e programas que me façam falta e além do mais,cada vez que saia uma versao nova,ter que desinstalar o mesmo programa e voltar a procurar novo crack ou serial.nao vale a pena,e em ubuntu isso nao acontece
    agora lá está,que muita companhia ainda faz apenas software e hardware a pensar em windows,isso concordo,mas para mim é um erro.
    nao vale a pena fazer a virtualizaçao de outro so para fazer actualizaçao do smartphone ou gerir o ipod ou seja lá o que for.em ubuntu isso ja se consegue e muito bem
    enfim,ficou aqui a opiniao de um fanatico por ubuntu e que ja nao se consegue ver separado do seu amado ubuntu 😀
    cumprimentos

  26. Serva says:

    @ Marisa Pinto

    Os meus parabéns por mais um excelente trabalho de investigação ,qualquer dia arriscas-te a ter o maior Nr de posts , apesar que sabes que há muitos de nós que lemos mas não nos pronunciamos porque entra-se numa escalada de irracionalidade de defesa de outros Sos e vamos sempre parar ao mesmo .

    Excelente trabalho continua .

    Aceita os meus sinceros cumprimentos

    Serva

  27. Serva says:

    Boa tarde a todos ,

    Quero alertar-vos para que instalem nas vossas maquinas com Linux um anti vírus o mais rápido que puderem á 3 dias que tenho notado algumas instabilidades na minha maquina com vários alertas de serviços que não se iniciavam e estive a trabalhar com parte da maquina em estado vegetativo , depois de várias análises ao sistema percebi que existia algo me me estava a bloquear essa parte da máquina e foi assim que percebi que de um vírus se tratava , depois de correr o programa e enviar para a quarentena 6 códigos maliciosos e posteriormente os ter apagado do sistema , acabei por ter de reiniciar o meus sistema 2 vezes até a ter de volta como nova , este alerta é para não facilitarem , esta foi a minha primeira vez em 7 anos que tal me aconteceu e daí este post extenso para que tomem também as vossas precauções , espero ter sido útil com esta informação .

    Fiquem bem e aceitem os meus sinceros cumprimentos

    Serva

  28. Carlos says:

    O que mais me parte a rir no windows é qualquer coisa que faça , tem que levar com o restart.

  29. Invision says:

    Acho piada referirem sempre o preço mas quase que aposto que para aí uns 75% do pessoal aqui(ou mais) que tem windows não pagou nada por ele…lol

    • Jack says:

      Não sei se sabes mas quando compras um portatil na Worten, Staples, Fnac, etc, todos eles têm instalado o Windows. Não julgues que foi oferecido pela Microsoft. Pagas e pagas bem.
      Ainda até à pouco tempo na Fnac vendiam o portatil sem o Windows, que assim o portatil ficava quase 200€ mais barato.

      • Invision says:

        sei sim, assim como sei que normalmente vêm com a versão mais simples do windows e muita gente saca versões para as quais não tem licença(ultimate por exemplo);)

  30. darkvoid says:

    Não estavam à espera que a wikipédia usasse linux ?!

    Só pode ser uma piada certo?

    • Marisa Pinto says:

      Adoro estes comentários.
      Qual o interesse de escrever artigos/dar a conhecer coisas se há pessoas que já nasceram com todos os conhecimentos?

      • Miguel says:

        a wikipedia é baseada, ou seja, é uma instânica da mediawiki, a mediawiki em si é feita em php e poderia correr em qualquer S.O. desde que tivesse a correr um servidor web…

        @darkvoid: não trouxeste valor acrescentado.

        @Marisa Pinto: óptimo artigo, obrigado e continua assim 🙂

        já agora: “MediaWiki is a free software open source wiki package written in PHP, ”
        já usei como implementação e aconselho vivamente a qq interessado em fazer uma wiki.

  31. Wykzl says:

    E os ultimos 10 ?
    🙂

  32. Andrew Gomes says:

    Durante o meu dia-a-dia uso Windows 7 e MacOS. Uso Windows no meu Portatil e Mac OS X Snow Leopard no meu Mac Mini de 2006. Ambos correm muito bom, mas quanto comprar um MacBook Pro its good bye windows :=)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.