PplWare Mobile

Microsoft continua a dificultar a vida ao Linux…


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Luis A. says:

    Muito mau. A Microsoft e o seu monopólio

    • João G. says:

      Cada um tem o seu monopólio =) a Apple tb tem o seu monopólio que faz coisas mais ridículas para o manter (como atacar fabricantes de telemóveis android à parva)….. a microsoft apenas está a seguir a evolução deles, se quisessem deitar o linux abaixo simplesmente não permitiam distro nenhuma, era limpinho… acho que isto os vai ajudar a evitar versões piratas e customizadas do windows (entre outras coisas), eles têm tido muito trabalho contra a pirataria que é o verdadeiro inimigo monetário deles, não o linux….. aposto que existem mais pessoas a usar windows pirata, do que pessoas a usar linux =)

      • Antonio says:

        Pudera. O preço do Windows é exorbitante! Mesmo a versão base é cara! Então o office nem se fala, acho que nunca tive um office original! (E tenho o W8 original… que neste momento não uso, dei 30€ para o lixo, enfim)

        Sinceramente, fartei do Windows, migrei para o Ubuntu 12.10. Extremamente satisfeito. Rápido e simples, sem vírus nem addons nas instalações. Ah, e não paguei 1 centavo!!

        Querem acabar com a pirataria metam preços decentes. Simple.

        Eu acho que o utilizador devia poder escolher se quer ou não Windows com o seu novo PC, isto é, os fabricantes deviam dar a escolha, tal como a EliteDigital faz nos seus produtos.

        Sei que para todos isto não é válido e ainda me lembro das versões 6 e 7, 8, etc do ubuntu, onde para se utilizar era preciso um verdadeiro curso…

        Atualmente, isso não acontece, as coisas estão mais simples e acessíveis a todos.

        Aliás, prova disso é que disse alguns colegas para experimentarem o Ubuntu (nem sabiam que existia), e gostaram bastante!

        Talvez seja radical, mas sinceramente, cada pessoa devia poder escolher.

        Quem gosta do Windows, fica com Windows, quem quer tentar a sua sorte em algo diferente, então que migre para Ubuntu, Mint, etc.
        Até o Elementary O.S, está com boa cara (E muitos bugs).

        Já não se podem queixar de jogos, até porque há Steam (e no futuro haverão mais jogos), podem é queixar-se dos controladores da Nvidia/AMD|ATi serem fracos, que são (Para ubuntu).

        Desculpem o testamento, apeteceu-me.

        • jhonatan izidoro says:

          não é só por que eu não tenho uma ferrari que eu vo roubar uma .

          virus e adons vao da abilidade do usuario e dos privilegios que eles usam

          Ah, e não paguei 1 centavo!!(como que os desemvolvedores sobrevivem? se que usa os produtos deles pensa assim, é como trabalhar pra alguem que so reclama e nao te paga!)

          pirataria é questao de honestidade.

          se o linux fosse feito pra qualquer um consseguir usar talves desse pra fazer.(usuarios residencias tem “medo” do terminal)

          tem distribuicoes que demoram mais de 10h pra configurar elas inteiras (isso com pessoas que sabem mexer)

          amd esta tentando melhorar os desempenho no open source

          • Não entendi a primeira parte. Anyway.

            Os vírus e os addons vêm “mascarados” nos programas como o Java, adobe, etc.

            Não deviam vir, end. Eu tive sempre o cuidado de desactivar todos os vistos.

            Não disse “não paguei de um centavo” dessa forma, você está a deturpar as coisas. Os desenvolvedores conseguem mais facilmente dinheiro para desenvolverem o seu software, se as pessoas não forem forçadas a pagar ou se o software valer a pena ser pago!

            Por isso, meu amigo, não compare o trabalhador subalternizado ao patrão capitalista, pois, não há comparação.

            Demoram? Eu o máximo que demorei foi 2 horas. Isto devido a erros. Ninguém tem “medo” do terminal. Ninguém compreende é o terminal em si ou qual o seu propósito.

            Quanto mais simples for, melhor será aceite e isso é uma verdade universal. Nem vale a pena discutir!

            A AMD não se esforça o suficiente, poderia fazer mais e melhor. Por outro lado, não tem havido o apoio que deveria haver. É o que há e há que trabalhar com o que há.

            E, por favor, pontue. Tive dificuldade em entender o que tentou expressar.

            Melhores cumprimentos,

      • jhonatan izidoro says:

        meu idolo

        • jhonatan izidoro says:

          Joao G. esta certo os melhores rivais que a microsoft pode ter sao o linux e a apple,pq sao empresas que nao querem que as pessoas usem os sistemas deles.

        • Carlos Sarti says:

          Concordo. O pessoal do linux deveria sempre solicitar alguma doação. Tem gente que adora pegar tudo de graça e esquece que o desenvolvedor passa horas e horas programando. Será que ele não merece alguma recompensa? Linuxers, pensem nisso ao dar seu boot e usufruir desse bom sistema operacional. Eu pagaria com muito prazer. Acho o windows excelente também e já pague a minha parte ao adquirir minha máquina com o sistema de fábrica.

  2. Dá até medo de ler uma parada dessas.

  3. xx says:

    E será possivel comprar computador mesmo sem essa armadilha ou devo comprar já uns quantos para os bisnetos ?

    • Pedro Domingues says:

      Duvido que isto entre em vigor, é ridiculo.
      Mas tal como se cria SOs livres como o gnu/linux, também se pode criar hardware livre e dai poderão nascer portateis livres 😉

      Descança, o pessoal que está do lado do linux e software livre é muito inteligente, de longe mais do que esta meia duzia de empresas monopolisticas que só vêm é $$$.

  4. Avenzel says:

    Dez milhões de euros de multa passada pela comissão Europeia por actividades monopolistas resolvem o assunto.

    Há quase um ano que desisti do Windows e cada vez gosto mais do Linux.

    • Pedro A. says:

      10 milhões são trocos para um empresa como a microsoft.

    • André Viana says:

      eu estou na mesma situaçao, já só uso o linux e o windows em maquina virtual apenas para 5% dos programas que uso

      o problema é que mesmo que queiras usar linux, nos pcs novos com UEFI, simplesmente nao podes usar a distro que quiseres, apenas as certificadas pela micro$oft

      • anonimo says:

        Como dizes André, Windows para mim só em máquina virtual para 1% ou 2% de programas que correm só em ms.

        Fui rendido ao Linux até para tratamento de video hd, gosto e mais nada

        A microsoft não pode impor tanta exigência ao consumidor.

        cumps

        • Nuno Pinto says:

          E porque é que a Apple faz ainda muito pior e todos se ajolham aos seus pés?
          A tecnologia evolui e os SOs, software e hardware de terceiros têem que acompanhar para não perderem a corrida. O Linux que evolua para tecnologias mais actuais. É o ciclo da vida.
          Porque é que já não conduzimos o carro podre dos nossos avós e bisavós?…

          • Glink says:

            o que a MS está a fazer é muito pior do que o que a Apple faz…

            quanto ao linux evoluir, só está a anos do windows, muito tem o Windows de evoluir, e se eles quisessem ja podiam ter evoluído, mas la está não querem…

            não querem melhorar e não querem que quem é melhor ganhe quota de mercado, para isso joga sujo…

      • Pedro Pinto says:

        Pois, isso tem acontecido, apenas algumas distros já arranjaram solução. Já agora qual a tua distro?

        • SlickyMaster says:

          Não sei se alguém do Peopleware, ou adepto de Linux, terá visto, ou tomado comnhecimento dista afirmação: “In what is largely an accident of release timing, from what I can tell (and please correct me if I’m wrong), this actually makes Ubuntu 12.10 the first general release of any OS to support Secure Boot.” neste blog: http://web.dodds.net/~vorlon/wiki/blog/SecureBoot_in_Ubuntu_12.10/

          É sempre bom saber que mesmo sendo injustamente forçado a isso, o mundo Linux não está sequer em risco.

  5. cf says:

    Isto já não é novo, e comunidade linux já tentou chegar a alguns acordos, uma das soluções seria a existir uma chave para deixar instalar linux, ou seja, eles controlariam o boot, mas seria possivel arrancar um SO linux usando uma licença/certificado para isso (gratuita, apenas tem de existir). Esperemos que eles cedam, talvez seja tempo para a BIOS dar lugar a algo melhor, mas não fechem mais ainda os mercados. Cada vez temos menos liberdade com as coisas que nós COMPRAMOS mas afinal não são bem nossas, só podemos fazer uma coisa ou outra com elas…

  6. Afonso says:

    Microsoft – não quero essa
    Armadilha no meu pc

  7. Rafael Cardoso says:

    O meu Samsung 700Z5C teve que ir para trás após 3 dias por causa disso.
    Parece que pelo menos os series 7 da samsung quando têm essa opção activa na bios faz com que a motherboard morra ao usar um sistema linux

  8. Fábio Marques says:

    Mas qual é a cena? Quando compramos um PC ele vem com Windows. Quando compramos Apple, vem com MacOS. É necessário Bootcamp para instalar Windows ou Linux num MacBook. É perfeitamente normal que enquanto empresa assegure a segurança do seu produto. Imaginem-se na posição de uma empresa: Vamos deixar de tornar o sistema mais seguro porque empresas concorrentes não podem usar o hardware vendido com o nosso software? Por amor de Deus… A verdade é que continua a ser possível instalar Linux nesses PC’s! Tal como é possível na Apple através de Bootcamp.

    Se querem PC’s com Linux há alternativas! Há pc’s vendidos com Linux! Se não há mais é porque os fabricantes não confiam tanto no Linux como no Windows, e caso seja a Windows a fechar as portas ao Linux quanto aos fornecedores (coisa que não me parece que precisem) eu faria o mesmo para manter o meu produto seguro no Mercado. Tal como Apple faz em releção à Samsung e o iPhone.

    https://www.system76.com/ – you’re welcome.

    • kilho says:

      fanboy too much? e se eu quero usar windows e linux? e se eu prefiro usar windows para certas apps e linux para outras? quem dá a MS o direito de me proibir de usar outros SO? eles sao donos do software, nao do hardware. Se querem isso façam eles pcs como a apple! pcs microsoft que so correm windows!

      • Filipe YaBa Polido says:

        +1 kilho.
        Fábio, acorda pra vida que o computador não é so para joguinhos…
        Se eu compro batatas ninguém me vai dizer que só posso fazer puré SO batatas fritas, faço o que me apetecer com elas…
        entendes assim Fábio?

        • Fábio Marques says:

          http://www.system76.com

          Compra computador com Linux. Alias, Asus tem a venda um portátil com Windows e a mesma versão com Ubuntu (100€ mais barato, ou alguma coisa assim). Se compras um computador com Windows (Pagas pelo Windows) para desinstalar e por uma alternativa, bem… Tu lá sabes.

          E não tentes opinar sobre aquilo que faço com um PC que isso fica-te mal.

          • Filipe YaBa Polido says:

            Compro um computador com linux e limito-me à oferta de mercado?
            Se eu quiser o portátil XPTO devido às especificações de hardware, quero lá saber que venha com Windows, acabam sempre por ter dual-boot.
            É que caso não saibas eu não sou anti-windows, pelo contrário, uso no dia-a-dia.
            Simplesmente se pago uma coisa, é minha, faço dela o que entender!
            🙂 🙂 🙂

          • Luis Filipe says:

            tens noção que nem todos os modelos de portateis tem uma versão em linux? certo?

            por exemplo eu quando compro um portatil, compro-o pelas caracteristicas que quero sem me preocupar como SOpois normalmente so ves windows nao dando ao consumidar opção de escolha.

            mal comparado e como te porem desenas de carros potentes a frente (ferraris, porshes, etc todos a gasolina e apenas um fiat 500 a gasoleo) e tu queres um a gasoleo, decertesa que nao preferias o ferrari a gasoleo? mas não há, mas se der para alterar melhor.

          • Fábio Marques says:

            Só há uma versão do iPhone de cada vez, mas toda a gente o quer comprar. Não haver escolha em PC’s Linux é culpa dos fabricantes de hardware que não os metem no Mercado, não por culpa da Microsoft. Tal como há pouca escolha de Windows Phone, mas muita de Android, decisão dos fabricantes. Se a Microsoft quer os seus mais fechados está no seu direito.

        • Dumitru says:

          Voces é que nao entenderam! Se queres tantas coisas compra cada uma aparte! Eu axo normal que a MS queira protejer o seu sistema! como o Fabio disse, compras windows vem com windows, compras Apple vem com MacOS, ahh kilho entao é isso, eu quero ver quando um dia a MS fizer o pc so correr com windows como a apple, ai todo mundo vai começar a xorar! Opa voces é que tem que acordar para a vida, Se comprar um pc com windows entao é isso que tem que usar, se nao querem windows, entao porque raios o compraram? Comprar entao um computador com linux

          • scheldon says:

            Que genial, se compro um ferrari só posso abastecer num posto shell, e questionar é não pensar?
            Incrivel, como ainda não ganhaste o (ig)nobel?

          • Serva says:

            Dumitru ,

            Boa tarde , esta resposta é também para outras que levantaram o mesmo tipo de questões , toma só nota de uma coisa nem mesmo a Apple que desenha e manda produzir o hardware foi tão longe como agora a Microsoft está a ir , caso não saibas explico-te actualmente todos os Apple têm a plataforma da Intel o que faz com que tu possas pura e simplesmente instalar Micosoft Linux o que queiras no Mac , não com afirmas e também não cola os exemplos anteriores .

            O que assistimos é a uma grave violação do direito dos consumidores , como aqui já alguém afirmou eu quando compro um portátil da marca Sony ou de outra compro pelas suas características e estou-me barinbando para o SO que esse portátil traz , porque entendam são coisas distintas fabricante Sony Corporation , produtor do SO ? … compreendem o que a Microsoft está a fazer é apropriar-se de algo que não tem qualquer poder sobre ele ou seja o hardware .

            Já escrevi sobre este assunto na comunidade Linux no Brasil existe um movimento que ao fim de um ano de luta acabou por reaver o valor correspondente ao Windows da Microsoft e outras aplicações de terceiros que nos são impingidos , talvez fosse bom em Portugal também tomarmos consciência destes factos e seguirmos o mesmo caminho , a partir do momento que algum tribunal delibre favoravelmente esta reivindicação torna de imediato este tema factor de jurisprudência (penso que é assim que se chama) , eu não sou formado nessa área e preferia que alguém da área se pronunciasse sobre este assunto .

            Aceitem os meus sinceros cumprimentos

            Serva

          • Filipe says:

            A ver se a gente se entende e deve ser isto que te faz confusao. A apple vende um PRODUTO, sendo esse PRODUTO Hardware+Software Apple. Compras o todo. Quando vais comprar um PRODUTO Asus, Toshiba. COmpras o HARDWARE ASUS + SOFTWARE MICROSOFT.
            O que a microsoft quer fazer é “querem vender computadores com o meu software? Então esse material que é vosso TEM QUE ESTAR LIMITADO APENAS AO MEU SO. Se tu compras uma licença de software, e uma peça de hardware em “separado” devias ter o direito de usar como queres. E não como eles querem.

      • António Pereira says:

        Da mesma forma que alguns usam Linux e Windows a correr em VM, podem usar Windows e correr Linux em VM.

        Compreendo a revolta (se usasse o Linux como meu OS principal sentiria o mesmo), agora vir para aqui pintar a Microsoft como um Diabo (para variar) já cheira a cliché.

        Até é referido que esta nova BIOS foi aprovada por 140 empresas, mas só a Microsoft é que é má …

        O que não falta no mercado são dispositivos limitados a um SO. É como os outros a multar a Microsoft por trazer Browser de origem, enquanto os Mac trazem o Safari e já não há qualquer problema com isso.

        Não quero com isto defender a Microsoft, mas podiam ser menos biased.

        James Bottomley, Presidente do Conselho Técnico da Linux Foundation vem agora afirmar que a Microsoft tem tentado boicotar a instalação de Linux em máquina com o selo do “Windows 8”.

        Também há dispositivos com o selo de outros OS que boicotam a instalação de outros OS …

        • Rascas says:

          O problema aqui não é o UEFI. O EFI é bom e recomendasse, é uma espécie de “upgrade” à velhinha BIOS.

          Foi isso que essas 140 empresas desenvolveram.

          Dá para arrancar/instalar linux sem problemas via EFI já há muito tempo.

          O problema aqui é o SecureBoot, que foi desenvolvido pela Microsoft e é implementado sobre o EFI. Isto faz com que não consigas executar mais nada via consola EFI sem estar assinado pela Microsoft.

          A apple utiliza tb uma versão EFI modificada (propietária) em todos os seus computadores com MAC OS já ha uns anos. Que coincidência… Façam agora as vossas deduções…

          Pouca gente sabe isto e acho que a noticia poderia estar melhor explicada. Cumprimentos.

          • António Pereira says:

            Obrigado pela explicação, mas continuo a achar perfeitamente natural que a Microsoft queira “defender” PC’s que levam o selo do Windows e têm o hardware virado para isso (independentemente de ser compatível com outros).

            Cumprimentos.

        • Rascas says:

          Respondendo a pergunta a adopção do UEFI é boa, a posição da Microsoft (com o Secure Boot) é que é má.

          Mas como quase tudo na informática, há volta a dar. Desactivar o Secure Boot! Só não sei se se desactivar o Secure Boot ficamos com uma cópia “ilegal” do Windows. Se alguem me conseguisse esclarecer isto agredecia.
          Cumprimentos.

        • João says:

          Correr um SO que se quer principal numa VM?

          Nota-se mesmo que percebes da poda. Menos biased devias ser tu a fazer o papel de cordeirinho, a tentar não ser parcial quando no fundo estás a defender os chulões da M$.

          • Dumitru says:

            Voces querem tudo e nao querem nada -.-! Olha mesmo para o android, é open source, mas nao te da o direito de instalares outras versoes, sem desactiveres a segurança, e instalares por terceiros! Se a MS sao tao chuloes como dizes, pq usas windows? compra um apple, e so usaras MacOS ou compra linux e pronto! Eu principalmente gosto do android, MacOS,Windows. Se eu tivesse todos utilizava todos. Porque nao vais xingar a apple por causa que nao podes instalar windows na maquina deles? ou Linux? Enfim é aquela coisa, voces percebem de tudo e os outros nao percebem nada!

          • António Pereira says:

            Apenas falei num Workaround (que alguns usam para correr certas aplicações em outros sistemas).

            Desculpa por não ter metade dos teus conhecimentos.

        • Jorge Ferreira says:

          Porque é que a Microsoft não faz como a Apple? faz máquinas Microsoft e quem comprar uma máquina Microsoft fica sujeito ao Windows, simples!!!!

      • Fábio Marques says:

        Procura no Mercado um produto que te permita isso. Até porque os há, e vão continuar a haver.

        A Microsoft tem o direito porque os portáteis são feitos pelos seus parceiros.Como parceiros é: Tu fazes o Hardware, eu trato do Software e metemos um produto no Mercado em conjunto. E se leres, eles não proibiram de nada. Fizeram o trabalho dificil às outras companhias.

        Bom, sucks mas chama-se fazer bons negócios. Se algum dia tiveres de gerir uma empresa não me parece que vás ser amigo da concorrência.

      • Fábio Marques says:

        Não se trata de fanboyismo. Trata-se de ponto de vista.

        Pronto, a Microsoft já tem um PC próprio no Mercado. Agora esta podia dizer: “Já tenho os meus pc’s quero é que vão agora dar uma volta. Se querem usar o meu software pagam-me e fazem o que queremos. Ou vendemos só o nosso hardware e vocês vão a falência, ou desenvolvem o vosso software, ou vendem com Linux.”

        O que achas que como CEO de uma empresa dessas fazias? Arriscavas com o Linux, ou continuavas com um produto provado ao longo de vários anos como sendo fiável?
        Eles são donos sim. Tal como Apple é dona do seu hardware, produzido em conjunto com outras empresas. E como tal têm o direito de o fazer.

        Não querendo dizer mal de Linux, antes pelo contrário, é um excelente SO, mas qual? Qual distribuição? Qual UI a melhor? Unity? Gnome3? Gnome2? A comunidade Linux tem de se decidir e criar um produto que exceda tudo o resto, invés disso anda as voltas a tentar provar que uma UI é melhor que a outra. Quando isso tiver um fim e se comece a ver avanços em relação aos outros SO’s talvez os fabricantes de hardware disponibilizem mais. Na minha sincera opinião o problema do Linux não é o Windows, mas sim a comunidade Linux que não se unifica.

        • Dumitru says:

          Nao posso estar mais de acordo contigo Fabio! Enfim eu tambem nao gosto de limitaçoes, gosto tambem de por exemplo, no android instalei outra versao por terceiros, no pc tambem tenho windows e Ubunto como maquina principal, mas meu pc veio com windows portanto se for necessario apago o ubunto, ou entao vou comprar outro pc com o mesmo! como disseste, a MS tem os seus parceiros, samsung, dell, lenovo e por ai, eles tratam do software e os parceiros do hardware, portanto os 2 sao donos do rezultado!

        • scheldon says:

          serio, ninguem aqui percebeu que você trabalha na M$ e quer uma promoção, mas achar que nós somos otarios é no minimo falta de vergonha na cara.

          • Dumitru says:

            Nao tem anda a ver com o lugar que eu trabalhe! Tem a ver com a realidade! Eu nao estou a apoiar isto, eu so a exclarecer as coisas! Pois muitos ainda sonham! E o exemplo do ferrari e gasolina, o pah que exemplo muitoooo diferente que deste! Pq nao foste dar um exemplo de tlm por exemplo? Enfim quem so eu para judicar as pessoas!

        • Paulo Ferreira says:

          Todos esses “defeitos” que apontas são exactamente as razões pelas quais o Linux é uma opção mais interessante comparativamente com o Windows. Podes moldar o sistema ao teu gosto e às tuas necessidades.
          As situações onde não existem alternativas ao Windows devem-se exclusivamente a hábitos enraizados por parte das empresas de software e não pela incapacidade do Linux em suportar esse tipo de software.

    • André Viana says:

      a filosofia do linux é FREE, nao de gratis, mas de livre
      supostamente és LIVRE de instalar linux em todos os PCS, se quiseres até instalas na tua torradeira hi-tech

      problema: no mac é apenas um bootloader
      no windows, é um firmware, que é por baixo do bootloader
      se a microsoft nao certificou, nem com bootloaders nem com o que quiseres
      simplesmente nao dá para o utilizador final
      (ha formas de contornar, mas a maior parte nem sequer pesquisa ou sabe fazer)

      a microsoft está modificar o monopolio, e a tornar-se cada vez mais intrusiva
      sorte que estamos na europa e temos politicas contra isso
      mas contra a microsoft?
      só a propria microsoft…

      • António Pereira says:

        Também queria ser livre de instalar o NXE na minha PlayStation 3, mas não posso …

        • João says:

          É uma PS3, a Sony é que faz o Hardware. Não és tu, não são os outros.

          Quando compras um PC não é isso que acontece. Não é a M$ que faz o hardware nem que o junta, portanto, não é a mesma coisa.

          Cordeirinho, já parava de defender a M$.

          • Dumitru says:

            Vesse mesmo que nao percebeste nada! A MS é dona do software, e como parceira daquele que tu dizes que fazem o hardware, é como se fosse a mesma coisa! Por exemplo a MS disse: Se voces querem vender seu pc’s com o meu software, vamos certificar que so windows é instalado e pronto! Se a fabricante do hardware nao quiser, entao diz ahh nao, eu nao aceito isso, entao a MS pode muito bem dizer, entao vai vender teu hardware com o software que quiseres, neste caso linux. E ao momento eu nao axo que fabricantes de hardware se arriscavam de vender so linux. num futuro proximo, ate podera ser mas agora a MS é o “chefe”. É a mesma coisa o que aconteceu com a nokia, a MS disse vou tirar-vos da “falencia” nao sei se vai rezultar, mas voces vao vender seu produtos so com o meu software! Porque entao nao vao instalar voces android no nokia?

          • António Pereira says:

            Mééééééeeeee

      • Fábio Marques says:

        Há formas de contornar. Há formas das empresas de software livre obterem licenças. E há forma dessas mesmas empresas arranjarem os seus acordos com os fabricantes de hardware.

        Toda a gente fala do bixo mau que são as empresas que fazem isto e aquilo para imporem os seus serviços, mas se estivessem no lugar, fariam exactamente o mesmo. Actualmente quase és obrigado a ter Google+ só por ter conta Gmail.

    • António says:

      Fábio,há que distinguir o PC do SO se eu compro um com Windows quem é o proprietário? Porque carga de água não posso mudar de SO? Onde está liberdade de escolha?

      • Fábio Marques says:

        Não compres PC com Windows. Há marcas que vendem PC’s com Ubuntu. Problem solved.

        • Luis Filipe says:

          há marcas mas de certesa que nao ha o modelo que pretendes,

          • António Pereira says:

            Eu adorava ter no mercado um Smartphone Dual Sim com capacidades semelhantes aos Smartphones de topo, mas infelizmente não tenho.

            Não quero ser arrogante ao dizer Deal With It, mas infelizmente o mercado funciona assim e muitas vezes quem sofre é o consumidor.

          • Glink says:

            Samsung galaxy duos, tens!ignoravas é a sua existência, até agora, agora que já sabes podes informar-te melhor e ate comprar 😉

      • Glink says:

        imagina que eu preciso de um Sony vaio especifico porque qualquer razão, sou obrigado a gramar com o deficiente do Windows porque o Windows é deficiente e a MS que proteger a sua deficiência, em vez de melhorar as deficiências existentes em Windows, não, ha que proibir os que têm menos defeitos de rodar nas maquinas…

        • Fábio Marques says:

          Se o produto que vai para o Mercado está preparado para usar Windows, sim. É perfeitamente natural que tenhas de usar Windows. Tal como MacBook que tens de usar MacOS. Há workarounds e soluções para ambos.
          Deficiente ou não, continua a ser o SO mais compativel com qualquer hardware que enfies no PC.
          Dizeres que Linux tem menos defeitos só podes estar a brincar. Sei do que estou a falar, usei Linux cerca de 1 ano. Sempre que fazia uma atualização tinha o receio de ter de formatar o PC depois. Coisa que aconteceu mais que uma vez.

          • Glink says:

            usa Debian(ou LMDE se for muito complicado instalar o Debian) tens software estável…

            não sou obrigado a usar Mac OS num apple, ao contrario do que está a ser impingido aqui pela MS…

            quanto a mais hardware, vai la informar-te linux correm em tudo, desde TVs a frigoríficos…

            quanto aos drivers já muito faz a comunidade que consegue praticamente fazer milagres, os fabricantes também têm de disponibilizar drivers, abertos ou fechados é responsabilidade deles…

          • Paulo Ferreira says:

            Curioso, tenho a mesma sensação de cada vez que tenho que fazer actualizações de sistema numa maquina com Windows perfeitamente funcional. Ahh, e uso Windows à mais de 1 ano 😉

          • Fábio Marques says:

            Corre em tudo, tens razão. Os submarinos Portuguese têm Linux de momento e ganharam muita performance comparado com Windows.

            E corre no meu PC também. Mas tenho problemas de bateria, controlo de luminusidade precisa de workarrownds, grafica é instalada por linha de comandos. E não é algo tão simples do tipo “sudo apt-get install NVidia….”. Não é a pessoa comum que o faz, ou é?
            Espero que seja resolvido com a ajuda da Valve agora em campo, mas continua a ter um longo caminho até apanhar o Windows neste campo.

            Pois, por vezes também tenho essa sensação, no entanto tive problemas 1 ou 2 vezes com isso (Começar a instalar atualizações e Suspender o PC a meio) e foram resolvidos sem Format C: nem linhas de código. Com Linux tive esse problema dezenas de vezes e alguma das vezes apenas com Format resolvia o problema.

            Podes afirmar que eu é que sou burro e não consigo identificar o problema, mas um bom SO significa também um burro encontrar a solução.

    • Phyan says:

      Isso e bonito de ver mas para o lado da gigante Microsoft.

      Agora para o lado dos consumidores só vem complicar. Nao há grandes ofertas de pc com Linux como OS de base(nem sei se há alguma opção a venda) e se houver será com um hardware ultrapassado. O problema esta nas empresas que nao vende pc sem ser com Windows. O “Linux” esta a crescer e a Microsoft pode estar a ver mais um inimigo a aparecer e assim com essa estratégia vai conseguir indirectamente interferir no crescimento do “Linux” em questão que utilizadores pois qualquer pessoa gosta de ter um pc que tenha o hardware minimamente recente e se os novos pc começam por sair com Windows 8 e com o UEFI mata logo a possibilidade de mudar de OS e a Microsoft fica a ganhar.

    • Gonçalves says:

      Desculpa lá, não concordo contigo por único motivo: quando eu compro alguma coisa gosto de ter total controlo sobre ela sem recorrer a “truques”… Afinal de contas é meu!

      Além disso, estás a comparar duas coisas que não são comparáveis. Um PC é uma plataforma aberta, enquanto que Apple não. Podes considerar o facto de poderes instalar o Windows ou outro SO uma benesse por parte deles.

      • Fábio Marques says:

        PC é plataforma aberta porquê? Onde está isso escrito? Qual é o direito da Apple ter uma plataforma fechada e a Microsoft precisar de ter uma aberta? Porque não produz o Hardware? Porquê? Quem tem o acordo de que quem não produz hardware não pode ter a plataforma fechada?
        Gostava de vos ver, como CEO de uma empresa destas, a ver se gostavam que tirassem o vosso trabalho para por o da concorrência.

        • Glink says:

          não é a MS que tem de ser aberta o cromo, o PC o PERSONAL COMPUTER é aberto a MS se quiser fechar-se que fabrique o seu próprio hardware, assim pode fechar-se…

          • Fábio Marques says:

            O PC é plataforma aberta porque? Porque tu o dizes?
            Não há razão para o PC não ser fechado porque não é fabricado pela Microsoft. Foi aberto até agora mas o paradigma muda, e como tal é perfeitamente normal a Microsoft tentar manter o seu Sistema Operativo nos sistemas vendidos com esse mesmo Sistema Operativo.

      • Rui Costa says:

        Boas,

        Um pequeno aparte sobre esta tua frase:
        “quando eu compro alguma coisa gosto de ter total controlo sobre ela sem recorrer a “truques”… Afinal de contas é meu!”

        Vives num mundo imaginário. Quando compras uma casa, não podes fazer dela o que queres, tens de pedir “por favor” por escrito e pagar. Alem disso irás pagar o IMI todos os anos.

        Quando compras um fiat, não podes simplesmente porque te apetece, trocar o motor pelo motor de um porshe ou de um mercedes e além do mais, não te esqueças que terás de pagar o imposto de circulação. Queres mudar a cor? Altera o registo e…paga! Queres mudar de gasolina para GPL? Muda o registo e …paga!

        Poucas coisas neste mundo podes comprar e que realmente são tuas….nem a tua vida é de tua exclusiva propriedade…..tenta suicidar-te e não morras! Tenta um suicídio falhado e fica vivo, sabes que podes ir a tribunal por ofensas contra a vida? hahahahahaha Ainda apanhas multa por uma tentativa frustrada de suicídio.

    • Glink says:

      mais a MS não torna as coisas mais seguras, apenas assegura a CARTEIRA deles pois assim previne a concorrencia, mas não acredito que vão muito longe com isto…

    • Duarte says:

      Fábio Marques:

      1. Se comprar um Apple vem com o OSX pois compra um computador criado por uma empresa que também lhe fornece o OS. O Computador é criado por eles, por isso podem fazer o que quiserem com ele. Compra quem quer.

      2. Se comprar um “PC” compra um computador que pode ser HP, Sony, Acer, “linha branca”, etc… e nunca até hoje irá comprar um PC marca Microsoft. Logo a MS não tem que obrigar o consumidor a usar o seu OS. SIM, a Microsoft é essencialmente uma empresa de software (salvo o tablet Surface e outros periféricos).

      O lobby da MS é muito mais poderoso (€ £ $) do que o Linux.

      • Fábio Marques says:

        Se os fabricantes de hardware acordam isso nos PC’s com Windows compra quem quer. Lá por não ser a Microsoft a produzir o hardware não significa que não seja exclusivo a usar Windows.
        Compra quem quer. Há alternativas. Alias, há alternativas com Linux.

        • Dumitru says:

          Fabio deixa la, eu concordo contigo. epa cada um tem a sua opiniao! “Duarte Logo a MS não tem que obrigar o consumidor a usar o seu OS. ” ai nao tem que obrigar? voces vivem em que mundo pa? A MS podem muito bem, como o faz! querem vender pc com windows? entao so utilizam windows, se HP lenovo ou outros nao quiserem, entao a MS nao vai disponibilizar o windows para eles, entao essas marcas vao vender o seu Hardware com o que? Batatas? Sim vao meter Ubunto, e ai? Se meterm ubunto pronto tem vosso hardware livre! Free como voces dizes! Sim sim, e essas marcas vai arriscar isso! hoje em dia as marcas estao mau de vendas mesmo com windows, por causa de serem muitos a venderem hardware, e se nao forem vender windows, entao foram logo para falancia! É a mesma coisa que fizeres algo com teu amigo, daslhe alguma coisa, mas queres algo em troca! A MS da o seu software, mas quer algo em troca!

      • JJ says:

        Eu concordo com o Fábio Marques.

        Se eu vou a uma loja para comprar um PC e o PC já vem com o SO do Windows, quer dizer que essa maquina já vem com um SO por alguma razão especifica, certamente por uma parceria entre as duas empresas, logo ambas querem proteger a sua parceria e os seus interesses e por isso tem o direito de fazer as suas limitações.

        Eu posso comprar componentes e montar o meu PC, sem nenhum SO, ai poderei escolher o SO que eu quiser. E nesse campo não existe nenhum impedimento.

        A questão é o sistema “Secure Boot”, que foi criado pela Microsoft… e agora os outros SO querem usar. Depois se a licença é a um baixo preço, como foi admitido, apenas o problema é o tempo que demora a burocracia, tenham a respectiva paciência. A empresa permite as licenças, mas quer saber se o que vai ser feito com o seu produto o dignifica.

        Por exemplo, se um artista plástico vender um pintura, a pintura passa a ser de quem a comprou. Mas se o artista plástico descobrir que essa pintura esta mal usada e que não dignifique o seu trabalho, pode reaver a obra se ter de devolver qualquer valor ao comprador.

        Se alguém quer ter um computador Linux, então compre um computador já preparado para isso. Não tem de comprar um computador que vem de origem com Windows, para depois desinstalar o Windows para instalar Linux. Alem de ser um pouco parvo fazer esse tipo de compra. Porque se não quer utilizar Windows, ao comprar um computador que vem com o Windows esta a pagar uma licença Windows… esta a dar dinheiro a Microsoft. Então se não gosta da Microsft, vai dar dinheiro a ela?

        Acho que a maior critica é os fabricantes de componentes e de PCs não produzirem mais produtos para Linux, isso sim é que é mau.

        Mas aqui entra aqui que já foi referido anteriormente. Existem dezenas de “versões” (chamemos assim) de SO Linux… enquanto devia haver uma principal ou base (digamos assim), e depois poder haver variantes.

        Sim, porque se uma pessoa se quiser dar inicio a utilização de Linux, vai encontrar uma dezenas de alternativas, que nem sabe qual a escolher e qual a melhor. E se for a fóruns tentar saber qual deve utilizar, temos a guerra entre utilizadores de uma ou outra “versão” a dizerem que são melhores.

        Ou seja, os próprios utilizadores de Linux, “lutam” entre si para dizer quem tem a melhor “verão”. Assim que credibilidade querem transmitir?

        • Glink says:

          dude um artista não pode reaver assim uma obra de arte lol…

          quanto à liberdade do linux, é uma liberdade, as bases e opções em linux são na realidade muito poucas, 3 versões de linux base Debian, Fedora, e Arch corrijam-me se me tiver enganado ou esquecido de alguma…

          • JJ says:

            Glink… por acaso até pode, acredita que pode… Conheço casos desses. Mas isso já é outra conversa… 😉

          • JP (djlinux) says:

            Debian – Slakware – Red Hat …

            Depois é que começaram a aparecer as outras derivando destas. Por exemplo, Fedora vem da Red Hat, se não me engano.

          • Glink says:

            de facto não estou muito informado na area da arte, e estava apesar numa cena privada tipo um quadro la de casa, depois lembrei-me de que há mais para aliem das nossas casas(lol) e que ha arte em cenas publicas, mas ja tinha escrito, e tem lógica apenas se estiver a dar ma fama ao artista, contudo isso não se aplica de todo aqui…

            eu pus um vídeo la em baixo era o que eu tinha a acrescentar, próximo passo é ganhar 😉

        • Duarte says:

          Sim senhor, acho muito bem.

          Quem quer uma boa máquina “PC” nunca na vida vai comprar um HP, Asus, … Compra sim os componentes, motherboard, placa grafica, etc… e o PC vem sem sistema operativo. MAS como o LOBBY da MS é forte tu só podes instalar WINDOWS.
          ÉS OBRIGADO a tal e acham isto bem.

          Dizem sempre tanto mal da Apple, mas a MS é bem pior.

    • Pedro Pinto says:

      Fabio, as alternativas com Linux only…são muito poucas

      • Fábio Marques says:

        Sim, não disse o contrário, mas isso é culpa dos fabricantes e do próprio Linux, não da Microsoft. Ha certas alternativas, e a System76 limita-se a instalar Ubuntu, e os PC’s parecem-me bastante bons. É um mercado que está a crescer e com o tempo espero ver mais PC’s com Linux (mas um Linux fiável, não o Linux que leva uma atualização e deixa de funcionar). Chegarmos a uma loja e vermos computadores da Apple, com Windows, com Linux e com certeza com ChromeOS.
        Há muitos problemas para o Mercado Linux crescer:
        – SO sem drivers disponíveis para qualquer tipo de hardware
        – Demasiadas escolhas de distribuições. (Windows é criticada por disponibilizar Windows 8 e Windows 8 RT – imaginem só, Ubuntu, Mint, Fedora, Kubuntu etc, etc)
        – Pouca assistência técnica para Linux (Agora há de certeza, mas se chegar a vender milhares de unidades por dia duvido que tenha). Não se pode ir a qualquer loja tipo Fnac, Worten, etc e qualquer um saber encontrar falhas no Linux. O Windows é de momento o SO com mais hipotese de encontrarmos um técnico que nos resolva os problemas no PC.

    • Pedro Mengas says:

      UMA OVA… (para não usar palavrão)!!!
      Essa frase “Se não há mais (PCs vendidos com Linux) é porque os fabricantes não confiam tanto no Linux como no Windows”, é uma falácia de todo o tamanho.
      Está longe de ser uma questão de confiança. Na génese da fraca adoção relativa, estão acima de tudo práticas monopolistas anti-concorrenciais e maciços investimentos em marketing, forçosamente financiados pelo (ingénuo) comsumidor final.

    • Adriano says:

      Boas, bom infelizmente quem compra um portátil é “obrigado” a comprar um sistema operativo, tendo em conta que o mercado de hardware é mais variado neste tipo de produto. Infelizmente não há fabricantes conhecidos a vender hardware sem S.O., num mundo ideal o S.O. seria colocado á tua escolha, tal como acontece se comprares um computador aos retalhos… O que eles querem fazer com isto é, compras com windows ficas com windows, perdes a liberdade de escolha, perdes a liberdade de poderes escolher o que queres ter no computador que compraste com o teu dinheiro e fruto do teu suor (ou não xD).

  9. JP (djlinux) says:

    Mais uma vez M$ em grande ( haha ) …

    Ou seja, daqui a uns meses, queres comprar um computador? Só existe com Windows 8… Queres por outro Sistema Operativo? Não podes…

    Continuem a comprar produtos de uma empresa que não quer saber do que você pensa ou gosta … Enfim…

    • Filipe YaBa Polido says:

      Idiotas são os fabricantes, parecem paus mandados atrás da MS… enfim…

      • JP (djlinux) says:

        Mais de metade da culpa é dos fabricantes sim, tens razão.

        Mas uma parte da culpa também é do consumidor que vê, cheira e nem que demore meses a se habituar, mas fica calado que nem uma formiga…

        • Dumitru says:

          É exactamente isso a que me estava a referir mais assima! A culpa é das fabricantes tambem! Se a MS impoe algo, e as fabricantes concordam, entao pronto la tem o rezultado final!

      • Serva says:

        Filipe ,

        E sabes outra coisa que estes incondicionais apoiantes da Microsoft ainda não sabem é que se comprarem um pc com o W8 não conseguem fazer o downgrade para outra versão do Windows , esta gente é mesma curta de vista e gosta de ser enganada …. enfim tenho visto para aqui alguns comentários comatosos que não me fazem rir nem chorar fazem-me pensar se esta gente se enxerga e se percebe que lhes estão a ir aos bolsos e que eles alegremente alinham como carneirinhos em tudo isto , é de facto lamentável que certas pessoas pensem desta forma .

        Cumprimentos

        Serva

        • Alexandre Amaral says:

          Serva,

          A boa educação existe e recomenda-se

          • Serva says:

            Aonde é que eu fui mal educado ?

          • Alexandre Amaral says:

            “esta gente é mesma curta de vista”, “(..)pensar se esta gente se enxerga”, (..)alegremente alinham como carneirinhos ”

            Lá por as pessoas não terem a mesma opinião que tu, não quer dizer que são carneirinhos, nem curtas de vista, nem muito menos quer dizer que tu possas deliberadamente meter rótulos a pessoas que nem sequer conheces pessoalmente.

            Sinceramente este teu comentário revela uma incapacidade tua (o que já não é grande novidade para quem lê os teus comentários) em lidares com opiniões contrarias, até diria mais … pessoas curtas de vista são aquelas que usam tamanhos adjectivos como usas-te para descrever pessoas que nem conhecem pessoalmente.

          • Nome says:

            Criticar não é insultar. Pelos vistos, serviu-te a carapuça…

        • JJ says:

          Também diziam isso do Windows 7… e depois era possível. Enfim…

    • SexOnaSal says:

      Já por isso nao fiz upgrade para w8, não gosto, não como 😛
      e Criei Dualboot com Mint

  10. WILL1AN says:

    Fala sério essa microsoft não vale nada! mas há de haver uma solução.
    está se sentido ameaçada,
    que a microsoft venha a falir!

  11. Gonçalves says:

    Pelo menos por cá espero que a comissão europeia intervenha como fez no caso do IE…

    • lmx says:

      Boas…
      Realmente a cerca de 8 meses 1 ano para cá tenho sentido a minha liberdade como cidadão europeu ameaçada…
      não tenho visto, nenhuma medida tomada pela comissão europeia contra este processo…estranho mesmo!!

      Em Portugal a PT por posição dominante de mercado tem que alugar as linhas a terceiros, dividir-se criar a zon e sei la mais o que…

      Mas a M$ com posição dominante a nivel mundial…pode pressionar os constructores de hardware a criar esta artimanha para limitarem os outros players!

      Que coisa tão estranha mesmo…
      a minha liberdade anda ameaçada por esse bando de palermas mesmo…
      Se isto continuar assim, dentro de uns 3 anos vejo uma situação muito preocupante para mim como consumidor, pois o meu hardware por essa altura estará numa situação quase de não utilização por falta de capacidade do mesmo…e ai, não sei não!!

      Esses palermas ja tinham levado mil milhoes de multa, abusaram com a historia de voltar a não incluir mais browsers…e apenas pediram desculpa…hummm acho que esta na hora de os encostar a parede!!

      Na europa o hardware não pode conter limitações de nenhuma marca em concreto, caso contrario não deveria ser permitido venderem ca!!!

      Sai mas uma multa, mas desta feira de 10 mil milhões…por mês de encomprimento(ajudará a resolver a nossa crise)!!!

      cmps

      • AlexAlex says:

        Quando anunciaram a coisa da “reincidência” do caso IE, também anunciaram que estavam à investigar diversos outros casos de possíveis violações da “Lei da Concorrência” por parte da Microsoft, à pedido/reclamação de outras empresas. Assim, creio que seja impossível que ninguém tenha ainda reclamado do caso “Secure Boot”, então assumo que já está sendo investigado. Mas as investigações da CE costumam ser extremamente detalhadas, por tanto são leeennntas…

      • Nome says:

        A pouca vergonha da TDT portuguesa é um bom exemplo!

  12. IP89 says:

    Estes argumentos de “ah e tal compras um pc é teu. Podes instalar o que quiseres” ou “quem é a Microsoft para me obrigar a usar windows” é muito engraçada mas esquecem-se que isto já é feito há muitos anos por uma empresa (da qualquer provavelmente são fãs) chamada APPLE. Um utilizador normal (sem particulares conhecimentos do informática) compra um Mac e só usa o SO da Apple. Não gosto particularmente da Microsoft mas parece que a maior parte das pessoas se esquece que eles são uma empresa que tem investidores e que quer ganhar dinheiro. Se eles monopolizarem isto é porque os próprios fabricantes de hardware deixam.

    • Glink says:

      não sei se reparaste mas é ligeiramente diferente da Apple, abrange uma porção um bocadinho maior que a Apple e É MAIS FECHADO, MAIS RESTRITO que a Apple!

      se fosse como a Apple não havia esta polémica, não havia este problema…

      e a MS esta a tentar travar um problema que afecta o seu OS restringindo outros OS de rodarem na maquina que é no mínimo contraditório, ou um claro golpe monopolista…

    • Jorge Rodrigues says:

      caro IP89
      … uso apple há uns 5 anos e sabes porquê… porque instalo o SO que me apetece.. apesar de usar o OS X como principal uso Windows 7 exclusivamente para jogar.

      Agora a Microsoft a querer mandar nos fabricantes é muito baixo mesmo. mas enfim com Steam a funcionar em OS X e agora em Linux o Windows não serve de grande coisa…

      Na Apple compras se quiseres, é caro é verdade mas a qualidade costuma pagar-se.

      • Fábio Marques says:

        Instalas, com uso do Bootcamp. Neste caso também, desligando o Secure Boot.

        • Duarte says:

          Pois é. Mas a Apple dá-te essa hipótese. Para não falar no preço “cómico” de cada versão nova do Windows.
          O OSX custa 18€ e o windows???

          • AlexAlex says:

            Sem contar nas 82592836589365 versões diferentes, da mesma coisa, de Windows.

          • Fábio Marques says:

            Desligando o Secure Boot, não é dar-te a hipótese? wtf???

            Conceito de vendas diferente. Pagas 18€ para atualizar, não pagas pelos SP’s do Windows. E não me parece que estejas informado dos novos preços do Windows. Abriram os olhos, baixaram os preços e vão tomar uma posição similar a Apple. Segundo li não me lembro onde, deixarão de existir os SP’s e as atualizações serão progressivas.

            O SO é pago quando compras um PC. Achas que o preço de um MacBook é caro apenas pelo hardware (mais caro que um PC com hardware idêntico e um fabricante de hardware ainda tem de pagar a licença Windows), ou pensa lá, suponho que nesse preço esteja incluido o custo de desenvolvimento do software 😉

  13. Filipe YaBa Polido says:

    Essa desculpa do Secure Boot para evitar rootkits e afins já cheira mal e enjoa…
    Mal saiu já existem uns vírus para Win8, patches criticos, zero-day xploits, como de costume, e como em qualquer S.O.
    Preocupem-se mas é em fazer um S.O. decente, e restringir dentro do S.O.
    A maioria dos spywares e bicharada do costume continua a ir para os mesmos sitios, as mesmas pastas, as mesmas chaves de registo, enfim… cansa…
    Que o bicho entre, é normal, mas que o próprio sistema operativo lhe dê uma bela caminha para se alojar, a história é diferente.
    Pop Quiz para os técnicos que andam por aqui:
    Apontem pelo menos 10 sitios onde um possível spyware se possa instalar e auto-executar no boot em Windows
    (Se não sabem e dependem de ferramentas para o fazer mais vale reconsiderar a profissão)
    … Agora…
    Façam o mesmo em OSX ou qualquer distro de Linux.
    Ah Pois… é isso 😉 😉 Fiquem bem.

  14. A solução será fazer como no Ubuntu (e outros).
    A instalação do SO como se de um programa de tratasse através do Wubi, no caso do Ubuntu.
    Mas desta forma passamos a ter um SO que nao é nativo, mas que poderá resolver os problemas dos arranques através do bootloader..penso eu…
    Agora só falta cada distro Linux começar a fazer os seus próprios programas de instalação por cima da camada do SO que já vem instalado.

    Cumprimentos,
    José Oliveira

  15. Cameron says:

    Vá, vamos todos começar a comprar Notebooks destes – http://www.muylinux.com/wp-content/uploads/2011/06/Asus-Ubuntu.jpg – para os nossos netos/bisnetos, etc.. Assim ficamos todos felizes para sempre ^^ haha !

  16. O Luis A. é que tem razão. É tudo um monopólio.
    As máquinas deviam ser vendidas sem SO, a escolha devia ser do consumidor.
    Mas os fabricanes também têm culpa, sempre a baixar as calças à Microsoft.

    • Fábio Marques says:

      Isso havia de ser bonito. Era a Microsoft a seguir o mesmo caminho da Apple para garantir o seu produto no mercado e fabricantes de hardware apenas com acesso a Linux, que, por muito bom que seja, não possui o dinheiro para competir nem com Microsoft nem com Apple, nem com Google.

  17. Miguel Castro says:

    Eu discordo totalmente, não sou fanboy nem trabalho para a Microsoft, sou utilizador de Linux e Windows, mas se há uma coisa que me irrita é que parece que a Microsoft tem de ser a Santa Casa da Misericórdia da tecnologia, que tem de conceder favores a toda a gente, até mesmo aos concorrentes directos, a todas as outras empresas tecnológicas tudo se perdoa por serem entidades que precisam de encontrar sustento e obter lucro acima de tudo (Apple, Google só para exemplificar), mas quando se trata da Microsoft, não pode ser! São monopolistas! Até têm de fazer publicidade aos browsers de empresas concorrentes (Chrome).

    É assim, para mim o problema está em toda a gente assumir que instalar uma distribuição Linux num PC certificado para Windows é por si só o modo ideal de correr Linux. Afinal todos os PC’s que são fabricados pelos OEM’s para correr Windows, são optimizados em termos de hardware e performance para esse efeito, por isso é que há muitos utilizadores (como eu) que por não serem gurus ou simplesmente não terem tempo para construir um sistema de raiz (ArchOS) para melhor se adaptar ao seu hardware, por vezes passam por dores de cabeça ao não conseguir encontrar a distro certa para o seu computador, a não ser que por sorte comprem um PC com componentes só com drivers open-source da Intel.

    Apesar de se ter toda a liberdade de escolha de instalar, não quer dizer que possam disfrutar do Linux em todo o seu potencial na sua máquina.

    Pegando no exemplo do Ubuntu, que é massivamente criticado por se estar a tornar lento e pesado, acham mesmo que essas incompatibilidades, sobrequeacimento e problemas gráficos com Unity ocorre num PC da System76, optimizado para vir com o Ubuntu como SO padrão, quando comparado com um PC preparado para correr Windows?

    Então… a questão aqui é que o Linux tem de se tornar apelativo para os fabricantes e para os utilizadores para que se comecem a fabricar PC’s com Linux pré-instalado, só aí é que teremos plena liberdade de escolha de comprar um PC Windows ou PC Linux, não é andar a pedinchar à Microsoft para lhes dar o favor de instalar o Linux nos computadores que são preparados para correr Windows! Mas isso faz algum sentido? Se a Microsoft implementa a UEFI que dá melhorias ao seu produto Windows, vai deixar de fazê-lo por causa do Linux? E dar a opção de instalar o Ubuntu e apagar o Windows, já agora, também não querem? Por favor…

    E a culpa de não termos computadores Linux em abundância nos revendedores é única e exclusivamente da própria comunidade Linux, que anda mais preocupada nas suas zangas de comadres a criar forks de DE’s e milhentas distribuições diferentes em vez de unir esforços naquilo que realmente interessa, que é SOFTWARE DECENTE e USABILIDADE sem abdicar da segurança para fazer o Linux crescer nas casas das pessoas! E quando alguém finalmente decide fazer essa unificação (Cannonical), são mal vistos pela comunidade, fala-se mal da sua interface, diz-se que só tiram da comunidade e nada dão em troca… e lá se desfazem em mais centenas de distribuições só para fazerem valer o seu gosto pessoal.

    • Fábio Marques says:

      Foi só rage na resposta ao meu comentário, mas é isto mesmo que penso. A Microsoft é mesmo a Santa Casa da Misericórdia. Mesmo na publicidade aos outros browsers alternativos, impostos pela EU. Isso com a Apple não acontece. Vem com o Safari instalado mas está tudo bem…

      • Daniel says:

        Um pouco de contexto faz sempre bem. A MS foi obrigada a colocar opção de escolha de browser no windows devido à supremacia de mercado (70% de usage share mundial). O MacOS em termos de share é irrelevante (8,5%).
        Com esse usage share e o tie-in que fazia entre o OS e o Browser (e a obrigatoriedade de ter o IE instalado com a desculpa que fazia parte do OS, que se provou mentira) viu-se em mãos com o processo de antitrust e com a decisão de incluir o “Browser Ballot” (e repara, esses números são os de outubro de 2012, na altura em que o processo teve início o share era bem superior).

        E respondendo ao Miguel Castro, a Microsoft não implementou o UEFI coisa alguma, a Microsoft FORÇOU a implementação com a argumentação para os OEM que são fabricantes de motherboards também que ou implementavam a solução ou deixavam de ter acesso às versões OEM do windows (com a justificação de segurança). É mais um “standard” envenenado, em que é responsável pela correcta implementação mas foge às responsabilidades na altura de dar suporte… faz lembrar os processos que levou em cima devido à interoperabilidade, que viu-se obrigada judicialmente a dar suporte e licenciar mas fazia a vida negra a third parties que tentavam a sorte.

        Não, a MS não é a santa casa, é mais uma empresa que faz tudo, ético ou não, para se manter à frente do mercado.

        • Fábio Marques says:

          Então, se tu tiveres uma empresa de pão que consegue vender para o pais inteiro e eu ter uma que só consegue vender para a minha zona, devemos ter regras juridicas diferentes? Usage Share é uma treta na minha opinião. Se é para um, tem de ser para todos, e ponto.

          Todas as empresas fazem o mesmo, ou então andas a dormer. Claro que qualquer empresa faz os possiveis para manter o seu produto a frente. Apple acabou de patentear um rectângulo com cantos redondos.

      • Nome says:

        O Miguel Castro está errado em muitos aspectos:
        1) A Microsoft deve mandar nos fabricantes de hardware, quando devem ser os consumidores.
        2) A culpa é dos consumidores, quando os fabricantes não disponilizam drivers para Linux.
        3) Só haver Ubuntu é bom, quando o propósito de Linux é a escolha.

        A minha suspeita recai para que o Miguel seja o Fábio e faça comentários com diferentes IPs. Se repararem, os 2 defendem exatamente a mesma coisa e com os mesmos argumentos (“Windows é o melhor, queres Linux compra System76, a Microsoft é que manda, Linux não vale nada”).

        🙂

    • mdias says:

      Concordo com a parte da Microsoft não ter de fazer favores a ninguém. Cabe aos utilizadores votarem com o seu dinheiro ao não comprarem máquinas que não tenham opção para desativar o SecureBoot.

      No entanto discordo completamente com o resto do post. O “certificado para Windows” significa pouco, e ainda menos no toca a correr lá linux. O hardware não adivinha que OS está a correr, o problema está nos drivers. Os OEMs que vendem máquinas “optimizadas para linux” não fazem mais nada a não ser escolher componentes known-to-work no linux.

      Eu sinceramente não esperaria que só por terem um System76, tenham uma experiência sem qualquer problema, tal como há muitos PCs “ceriticados para Windows” que dão problemas com drivers.

      O meu laptop “certificado para windows 7” gasta menos energia no linux (arch) do que no windows (7 ou 8) em idle ou a fazer o mesmo tipo de tarefas.

    • lmx says:

      a M$ não tem que conceder favores a ninguém , mas também não tem que estrangular os constructores mundiais… para que estes implementem medidas que restringem a utilização do seu hardware para outros SO’s.

      A M$ esta a privar de todas as formas possiveis legais e ilegais outros SO ‘ de correr no hardware de fabricantes mundiais…isso é correcto??

      Se ela quer ir por ai…faça como a Apple que tem hardware proprio e deixe os constructores em paz, pois o que ela esta a fazer não é correcto e espanta me a comunidade europeia não ter ja entrado em ação!!

      Quando era pequeno os meus pais ensinaram-me um ditado…”Diz me com quem andas que eu te direi quem tu és…!!”

      cmps

      • mdias says:

        Não querendo negar o que diz, fiquei sem saber o que a Microsoft faz ao certo aos construtores mundiais, ao que penso que se refere a ASUS, DELL, HP, etc.

        Sem dúvida que já houve polémicas e é possível ou até provavel que esta seja mais uma jogada mal intencionada da MS. O objetivo de uma empresa é ganhar dinheiro, e é isso que a MS e outras tentam fazer, resta saber se o fazem de forma legal. Não sabendo, não podemos mandar para o ar coisas à sorte.

        Mais uma vez, a solução está em não comprar equipamentos com SecureBoot ou sem a opção para o desativar. O ideal seria mesmo no ecrã da BIOS podermos inserir manualmente as chaves que queremos que sejam aceites.

        • Daniel says:

          A resposta é simples, a MS fez o ultimato que ou passavam a construir motherboards com a especificação UEFI proposta pela MS (ou as alterações propostas por esta) ou deixavam de ter acesso às versões OEM do Windows.

        • lmx says:

          Basicamente foi isso que o Daniel disse…nem podia ser outra coisa vindo de onde veio(M$)…

          Eu não critico que eles queiram ter hardware proprio…isso é uma escolha de cada fabricante.

          O que eu acho é que os constructores devem apenas fabricar o seu hardware como entenderem sem serem pressionados por ninguém!!!

          Comcerteza que eles gostariam que o seu hardware corra no maior numero de So’s possivel, visto que isso lhes aumenta as vendas, mas eis que chega uma empresa que detem o monopilio do mercado e os obriga a fechar os seus hardwares para aquele SO’s…
          e os outros SOś???No mundo existem muitos SO’s especificos para cada tarefa…como vai ser??!!

          Não sei como se desenrola um pedido de analise a comissão europeia, se não até eu fazia um pedido desses.

          cmps

          • Fábio Marques says:

            Mas os fabricantes estão livres de fabricar o hardware para os outros SO’s. Mas se querem ter o Windows 8, precisam do UEFI… Que continua a não ser impedimento para instalar outro SO. Visto haver a opção de desligar o Secure Boot.

          • lmx says:

            O problema é mesmo esse…é que existem muitas boards , mas muitas mesmo que não dá para desabilitar!!!!

            cmps

      • JJ says:

        Curioso dizer que a Microsoft comanda as empresas fabricantes de hardware e que elas fazem tudo o que a Microsoft diz.

        Se assim fosse, a ASUS não teria maquinas (apesar de poucas) preparadas para receber Linux de origem. Nem teria feito tablets com Android.

        Se assim fosse, a Samsung não teria feito uma linha de telemóveis para o Android, concorrente da linha de telemóveis com Windows Phone. Nem teria feito um netbook a correr Chromee.

        Se assim fosse, a HTC tornada famosa pelos os seus smartphones com Windows Mobile/Phone, não teria feito modelos com Android.

        Se assim fosse, a Toshiba não teria feito tablets com Android.

        Se assim fosse, a Intel ou NVidia, não teria feito componentes para tablets/telemóveis onde corre apenas Android.

        Entre outros exemplos.

        • Glink says:

          misturar diferentes mercados quando estamos a falar de um em especifico, cujo o poder da Microsoft é gigantesco é estúpido…

          nos outros mercados que falas smartphones/tablets o poder da Microsoft é quanto muito considerável, ja para não dizer patético(ate agora, depois do surface a coisa muda) no caso dos tablets…

          • JJ says:

            Só no caso de smartphone, até ao surgimento de iPhone e Android, apenas havia uma solução viável que era da Microsoft. E mostra disso é a HTC e a Samsung.

            Mesmo assim a ASUS tem soluções, apesar de poucas para Linux. Portanto onde a Microsoft esta aqui a impor alguma coisa a ASUS por exemplo?

          • Glink says:

            a asus pelo teu exemplo, é mercado tablet onde a MS nem piava…

          • Daniel says:

            JJ, desculpa? No caso dos smartphones, até ao surgimento do iPhone e Android a única solução viável era MS? Completamente errado, a MS era a solução dos pobrezinhos e (quase) completamente inútil. Estás a esquecer-te da Blackberry (embora seja exclusivo dos equipamentos RIM)? Do Symbian (que estava disponível a todos que licenciassem, sendo que a Nokia usava em grande nos seus “flagship” smartphones: Nokia Communicator)? A MS no mercado de smartphones tinha um share rídiculo comparado com a RIM ou Symbian (Symbian tinha 73% do mercado de smartphones em 2006 enquanto a MS tinha menos de 10%, isto repartido entre o Windows Mobile e o Windows CE).

      • Fábio Marques says:

        A Microsoft não privou os fabricantes de hardware de venderem também PC’s com Linux por defeito. O que dizes faz sentido, mas não está correcto. Está talvez a privar de correr em hardware vendido com o seu sistema, mas não priva de correr em hardware sem o seu sistema.

    • João says:

      Não é a Microsoft que faz o hardware, PONTO.

      Eu compro o hardware eu faço o que quero dele.

      Estás a ser fanboy embora digas que não. Lá que queiras passar a ideia de santo que não defende um dos lados é lá contigo.

      • Glink says:

        opah ele nunca usou Linux, apenas está mais ou menos informado sobre o mundo Linux.

        ele não conhece o conceito de liberdade, não sabe do que fala em relação ao Ubuntu, tem umas noções mas não sabe o que está a escrever, alias como muitas lojas de informática pelo nosso pais fora em que apenas sabem fazer umas instalações do Windows e pensam que já são técnicos…

        • JJ says:

          É só se é técnico de informática se usar-se Linux?

          • Glink says:

            não, podem ser técnicos de informática em Windows, contudo são “mancos” mas estou a falar de casos em que NEM em windows sabem mexer é isso que eu quero dizer…

            la porque sabem formatar a maquina são técnicos, acho que fui claro nesse aspecto.

            mas ok pah queres continuar a ser ignorante fica na tua, não me vou chatear mais contigo…

    • Jorge Ferreira says:

      Quando comprei o meu portátil, vinha com o windows 7 instalado, a primeira coisa que fiz foi, pura e simplesmente, apagar o dito, formatar o disco e instalar o Ubuntu, mais tarde mudei-me para o Fedora e não estou nem de longe nem de perto arrependido, com Microsoft e tentativas de monopólio não quero nada, é uma vergonha que a Microsoft tenha estas atitudes, está com receio do quê???

    • Serva says:

      Miguel Castro ,

      Boa tarde escreveste tanto para nada e não percebeste nada do que aqui estamos a falar , meu caro o problema não é da UEFI , eu tenho uma Intel EXTREME com UEFI e tenho Linux , Windows só uso no trabalho e por obrigação , embora concorde que o W8 é o melhor SO que a Microsoft até agora produziu , só que meu caro usar Linux é também uma forma de vida para alguns como eu e não admito a nenhum fabricante que me imponha restrições ao uso do Hardware , mesmo com a liçensa paga eu tenho o direito de instalar o que quiser no PC o mesmo não é uma maquina proprietária da Microsoft , depois o que ainda não percebeste é que UEFI é até bem vinda só que a Microsoft inventou o boot seguro com a falsa promessa que assim o SO fica imune a malware , quando de facto o que se trata é de mais uma manobra para eliminar o Linux da jogada , isto a continuar assim fiquem descansados que a comunidade até gosta destes parvalhões e dará uma resposta adequada , mas em último caso serão os fabricantes que também perderão seja 1% seja 2% ou que for das suas vendas porque sinceramente não estou a ver um utilizador Linux mudar para a Microsoft só porque os Srs resolveram fazer isto e aquilo , não o que vai acontecer é que as lojas de informática terão sem dúvida mais encomendas de pcs feitos a medida a loja aonde eu vou também podemos construir um portátil como entendermos .

      Fiquem bem

      Serva

  18. ZeTolas says:

    eu não passo sem windows. nunca tive linux instalado no meu pc, mas trabalho e lido com linux no dia a dia mas prefiro o windows, mas estes golpes são sempre baixos, cada um usa o que quer e é livre de usar o que quer, mas bolas a microsoft abusa imenso nestas politicas de bosta

  19. LUI54LB3RT0 says:

    Chama-se MEDO da concorrência o que a Microsoft está a fazer!!!

  20. lmx says:

    Seria muito bem saber se todas as maquinas e a pertir de quqndo trazem obrigatoriamente UEFI…
    será que as que trazem agora Win8 ja trazem UEFI obrigatoriamente??

    cmps

    • Rascas says:

      As maquinas agora vêm todas com UEFI, desde há mais ou menos ano e meio, apesar de algumas ja virem com isto ha mais tempo (UEFI é o “novo” firmware das mohterboards). Desde então, dá para escolher, na interface gráfica (Esc qnd o computador está a arrancar) se arrancas utilizando BIOS ou EFI. Isto não é comutável porque os discos requerem, entre outras coisas, particionamentos diferentes. Mas não vou falar agora sobre isso pk é um assunto complexo.

      Até há pouco tempo, mais precisamente qnd foi lançado o Windows 8, os computadores vinham com UEFI, mas arrancavam utilizando o velho método Basic Input/Output System. Nunca vi um computador de fábrica a arrancar Windows 7 via EFI, mas isto é possível (só nas versões 64 bits).

      Agora, todas as maquina que vêm com Windows 8 arracam via EFI, e trazem o SecureBoot, o problema aqui abordado.

      Cumprimentos

      • DarkTux says:

        Rascas,
        Podes esclarecer-me uma dúvida sff ?

        Se eu hoje comprar um pc Windows 8, logo tenho o secure boot activo com todos os problemas/vantagens (riscar o que não interessa) que isso trás, mas isso não está em causa.

        Se eu apenas quiser instalar Linux (não quero dual boot com windows) posso desativar o secure boot, limpar o disco e instalar Linux sem problemas ?

        Obrigado.

        • Rascas says:

          Dá em quase todos. Quase todos porque, pq podes comprar um computador de marca mais duvidosa, ter um firmware “capado” e não dar para desactivar o Secure Boot. Por isso aconselho-te a perguntar na loja se dá para desactivar isso antes de o comprar. Acho até (corrijam-me se estiver enganado) que é ilegal um fabricante vender um computador sem essa opcção. Acho que seria necessário um acordo entre a Microsoft e o fabricante, e a Microsoft ter uma licença especial de exclusividade como tem por exemplo no Surface e a Apple tem nos seus equipamentos.

    • Serva says:

      LMX ,

      Penso que sim , porque o Boot seguro é uma exigência da Microsoft .

      Cumprimentos

      Serva

    • lmx says:

      boas…
      era isso mesmo que eu me estava a referir …ao secure boot , mas isto será implementado por hardware, ou por software, ou pelos dois?
      se fosse apenas um programazeco no disco a malta resolvia logo o assunto, mas isto deve ter sido enraizado no firmware da Motherboard, mesmo para ser deficil passar porcima…não estou muito a par do secure boot…mas preocupa-me.

      cmps

      • Serva says:

        Suponho que é pelos 2 o que provavelmente dará para desactivar de uma forma ou de outra , talvez surja uma forma de flashar a UEFI e eliminar de vez com esta funcionalidade , estou convencido que alguma coisa será encontrada para ultrapassar esta barreira .

        Cumprimentos

        Serva

      • Rascas says:

        É um software que vem pré-instalado no firmware do hardware (LOL). Ou desactivas a opcção na interface grafica de arranque, ou eliminas/desactivas na consola EFI, caso não tenha essa opcção.

      • Rascas says:

        Ha! Estava-me a esquecer. O secureboot está na partição EFI do disco. 1ª partição de 200Mb do disco GTP. Portanto dá tb para reformatar o disco (simples format em GPT) e vês-te livre do secure boot e podes depois proceder à instalação do sistema que quiseres.

  21. Daniel says:

    Processo de antitrust na Europa contra a MS em 3… 2… 1….

  22. enanuel says:

    a microsoft cada vez esta pior.

  23. JP (djlinux) says:

    Eu sei que existe sempre aquele que diz que faz mas na hora da verdade vira “cobardolas” mas …

    Que tal da próxima vez que for comprar um PC, caso não queira nada com M$ … Peça para “eles” instalarem Linux ( Levem o CD ) e descontar o valor do Windows, mas o valor dele mesmo, não é tirar 20€ como já li em alguns fóruns … Se eles se recusarem, peçam o Livro de Reclamações, e não tenham medo de escrever na porra do livro, ele não morde.

    Se souberem de um amigo, familiar, que queira também um PC para Linux, peçam para fazer o mesmo, etc, etc… A reclamações vão ser tantas que vão fazer algumas cabeças pensar um pouco.

    Agora não adianta “chorar” e ficar de braços cruzados, é fácil apontar o dedo, mas levantar o cu da cadeira não custa assim tanto e ate faz bem a saudê 🙂

    • JJ says:

      Acho isso lógico e bem feito. Mas só podes pedir isso a modelos criado pela loja onde vais comprar o PC.

      Porque modelos enviados pelas marcas, como HP, Sony, Toshiba, Asus e afins, já vem assim de fabrica e as lojas nada podem fazer nesse campo.

      Agora essa ideia, não acho nada má. Acho que quem quer Linux, devia fazer isso mesmo.

      E outra coisa, eles até podem descontar o valor do Windows, talvez uns cento e tal euros, mas depois vão cobrar uns 50€ ou 60€ para instalar o outro SO.

      • lmx says:

        boas…
        pode ser com qualquer marca!!!

        Na europa tem se feito isso com qualquer marca…é simples, os productos trazem uma licença de software que é a EULA, se não a aceitares, não tens que pagar o valor do SO, aproximadamente 150 euros, isto pelo menos em 2008/2009.

        Vem la uma licença de um producto, que vocês não aceitam , e como tal não usam e portanto devem ser ressarcidos do dinheiro, que …150 euros é muita guita, para dar a alguém que nada faz por nós…

        Mas não esperem que seja simples, podem ter que escrever no livrinho amarelo, porq

      • lmx says:

        … porque isso envolve uma data de papelada do lado deles, e …quanto menos trabalho melhor, pelo que não é fácil , mas é possível.

        Como a M$ é monopolista no mercado esta opção é possível, porque se existisse uma opção Linux em maquinas tal como Windows, ai ficarias a ver navios por teres comprado uma maquina com Windows.

        cmps

    • Serva says:

      Tens toda a razão , um problema crónico dos Portugueses .

      Cumprimentos

      Serva

  24. João says:

    Grande parte dos pseudo entendidos que comentam aqui a defender a M$ ainda não perceberam que não são eles que fazem o meu hardware. Eles não têm o direito de bloquear aquilo que não é deles.

    Se eu não quiser o Windows no meu computador, aquele que eu comprei a uma marca ou que montei peça a peça sem qualquer ajuda da M$ não tenho. Se eu quiser Linux tenho Linux e acabou.

    Já não bastava o W8 ser uma bosta do tamanho do mundo agora ainda há mais isto. Coitados.

    • Alexandre Amaral says:

      Se os fabricantes concordam com este novo sistema é porque aceitam bloquear o seu hardware a um sistema ou não? Será que estes tambem não tem legitimidade de o fazer? Não? Só se for porque o Tux não quer sinceramente.

      Aprendam que se houvesse interesse por parte dos fabricantes em massificar o Linux nas suas maquinas este sistema não era viável…tão simples como isso, agora culpem tambem a Microsoft pelo meu comentario.

      • Daniel says:

        Santa ignorância. Ao menos informa-te. A MS fez um ultimato às fabricantes (principalmente às que distribuem também versões OEM do windows) que ou tinha isso activo (Secure Boot) ou adeuszinho direitos de disponibilização de versões OEM do Windows. Quando no mercado de PC’s o share dá 70% de share ao SO da MS entende-se que os fabricantes ganhem medo e verguem a espinha.

        Na minha terra isso chama-se agiotagem… Mas pronto.

        • Fábio Marques says:

          Na minha terra chamam-se saber fazer negócios. Se tiveres uma empresa gostava de te ver facilitar o caminho aos concorrentes… “É na boa, podes roubar-me os clientes que não me importo.” – Era bonito.

        • Alexandre Amaral says:

          Agora imagina se houvesse alternativas viáveis ao Windows, será que esse ultimato funcionaria (supondo que ele existiu)?

          A santa ignorância a meu ver é não perceber que a Microsoft não precisa de fazer ultimato algum para impor esta politica, quem não quer meter este secure boot simplesmente não tem o Windows nos seus terminais…depois sujeita-se às quebras de vendas brutais que iria ter.

          E mais, mesmo supondo que este secure boot alem de servir como protecção a rootkits (como é divulgado) serve igualmente como uma desculpa para dificultar a instalação de outros SO’S no hardware, a mim não me faz nenhuma confusão nenhuma sinceramente…se vem melhorar um aspecto que será usufruído por 80% dos utilizadores que utilizam um computador em detrimento de uma percentagem mínima que utiliza linux como sistema principal, é sem duvida muito bem vindo.

          • lmx says:

            espera até quereres instalar o win7 e depois anda para aqui queixar-te, fazer te de vitima, nessa altura vou me rir lol.
            Não vês que até para os utilizadores windows isto é mau…??!deixas de poder instalar qualquer windows…so mesmo o win 8 funciona…

            cmps

          • Alexandre Amaral says:

            Sinceramente tenho o Windows 8 e não sinto necessidade de voltar para o 7, mas já agora essa questão de não puder fazer rollback ao sistema operativo é verdade? Está confirmado?

            Por ultimo, quantas pessoas com um pc novo com Windows 7 instalado quiseram voltar para o vista? ou até para o xp? (não falo da transição xp vista, isso sim foi um buraco de todo o tamanho)

    • Dumitru says:

      O Joao eu ja nem vou dizer mais nada! Ainda nem deves ter os 20 para perceber em que mundo estas a viver! Isto é tudo um ciclo! todos querem ganhar! Portanto se a fabricante que faz essa hardware eu que tu compras, baixa a calça para a MS e aceita, entao eles tem o direito de bloquear! Sao eles que fabricam o hardware! Ou nao? Acorda rapaz! Agora na questao em que disseste que montaste um PC peça a peça, entao ou instalas linux, ou entao compras licenca da MS! Mas la vem de novo a mesma historia, A board que compraste alguem a fabricou e se ele te proibe, entao estas ferrado de novo! Portanto tem que comprar board que seja feita especialmente para linux!

      • JJ says:

        É isso Dumitru…

        A culpa desse hardware é da empresa que o criou não da Microsoft. Porque é ela que leva com as culpas?

        • ZiLOG says:

          [Quote] JJ
          “A culpa desse hardware é da empresa que o criou não da Microsoft. Porque é ela que leva com as culpas?”
          [/Quote]

          Porque é que ela é que leva as culpas?

          Lês-te o artigo?

          “…James Bottomley, Presidente do Conselho Técnico da Linux Foundation vem agora afirmar que a Microsoft tem tentado boicotar a instalação de Linux em máquina com o selo do “Windows 8”.”

          “…a burocracia posteriormente imposta pela Microsoft é lamentável que após a aquisição da chave é necessário um contrato para a utilização da mesma.”

          “…a Microsoft também proibiu qualquer licença GNU / GPLv3 para estes binários (talvez devido ao receio da divulgação da chave.”

          “…houve também uma tentativa da Linux Foundation em obter suporte/ajuda por parte da Microsoft neste processo….mas sem sucesso.”

      • Glink says:

        por mais velho que seja um homem, se ele nunca tirou a cabeça do jarro, nunca viu o mundo, logo apenas é um velho ignorante…

        • Alexandre Amaral says:

          O problema passa quando o velho tira a cabeça do jarro e repara que o mundo exterior acaba por ser pior do que ele estava habituado a ver, isto claro está falando na analogia que quiseste implementar em relação ao tema.
          E, muito sinceramente, acho quem anda com a cabeça no jarro são os “velhos” do linux que transmitem maravilhas do seu sistema operativo que na sua grande maioria acabam por ser falsas não saindo assim da cepa torta, assumir os seus próprios problemas acaba por ser meio caminho andando para corrigi-los.

          Que a comunidade Linux comece a unir esforços, que criem um sistema operativo de todos para todos, sem elitismos e tretas, no dia que fizerem isso (e se realmente for uma melhor oferta em relação à concorrência) irão ver o numero de utilizadores a aumentar, e as empresas de hardware a tomarem outras atitudes.

          • Glink says:

            tira a cabeça do jarro que a liberdade não faz mal a ninguém, e diz la onde estão as falsidades?

            faz uma lista vá quais sãos os teus reais argumentos…

          • Dumitru says:

            Exactamente! A propria Linux é culpada tambem! ela tem é que fazer parceiros e os outros meterm ai no mercado pc com o sistema linux. Mas nao, é muito fudido pagar um computador com windows, pagas pelo hardware e pelo software, e depois vais instalar algo gratis! ficas a perder! logo se forem a venda pcs com linux eu axo que sertamente irao ser mais baratos! A linux so quer distribuir as suas versoes pela net e dpx os outros que se desenrasquem xDDD. Mas que quero ver quando esta comunidade crescer, o linux/ubunuto começar pago, quero ver onde vai ser esse free/open source! Espero que nao seja, pois gosto do meu ee pc com ubunto, mas ja nada me surpreende!

          • Serva says:

            Alexandre Amaral ,

            Não vou comentar , mas com o meu post quero dizer que não percebes nada do Mundo Linux , se fosse a ti não escrevia mais nada para não te enterrares mais .

            Serva

          • Alexandre Amaral says:

            Glink, a liberdade é muito bonito quando não é em demasia.

            As falsidades que referi vem muito de algumas barbaridades que muitas pessoas dizem a favor do Linux (quando a guerra e Linux VS Windows) na óptica do utilizador, vou te dar alguns exemplos básicos sem me alongar muito porque tanto eu e tu (ambos utilizadores de Linux) sabemos que é verdade e não vale a pena aprofundar muito o tema:

            -> Dizer que em linux tudo é Plug N’ play (aquele famoso argumento que no Windows tens andar à coca das drivers nos sites do fabricantes enquanto no Linux vem tudo pronto a correr). Pergunto-te quantas vezes tiveste problemas com drivers? Eu uma mão cheia e tu com toda a certeza também. E para resolve-los? Um berbicacho de todo o tamanho na maioria das vezes.

            Para te dar um exemplo neste aspecto que referi, eu na minha maquina (devido ao cabo do monitor não sei porque) nem no Windows nem no Linux é me detectado correctamente a marca e modelo do meu monitor, sabes o que tenho de fazer no linux (ubuntu) para meter a minha resolução nativa (dado que monitores genéricos a resolução máxima é 1300 por qualquer coisa) ?

            Primeiro que tudo instalar as drivers proprietárias (dado que as drivers open source fazem “piscar” o meu monitor constantemente), depois tenho de criar um ficheiro de configuração do Xorg, ver as especificações técnicas do meu monitor, ver o formato correcto da configuração do dito ficheiro, preencher com as especificações técnicas do meu periférico, reiniciar e só depois escolher a resolução correcta.

            Sabes o que tenho de fazer no Windows? Escolher a resolução que pretendo pois o sistema operativo por defeito lista-me todas as possíveis (e imaginarias) resoluções existentes.

            É esta a grande diferença de ser user-friendly e de não o ser. E neste aspecto existe n exemplos que te podia dar.

            Depois podia ainda falar na confusão que é instalar um software no Linux fugindo às “Loja de Software” que é comum haver nas distros para o utilizador comum. Qual é que devo sacar este é DEB ou o este RPM? Ah mas pêra lá este ficheiro é .run…como é que eu o executo?

            É esta liberdade a mais que o utilizador comum não suporta, não existe convergência de forças no mundo do linux cada um puxa a corda para o seu lado…depois com tanta dispersão o utilizador mas básico (que é a grande maioria dos utilizadores não te esqueças) perde-se porque para começar a utilizar um Sistema Operativo tem de aprender n conceitos antes que muitas das vezes não serve para nada.

            Agora se me perguntas se existe muitos mais contras no Linux, claro que sim, se me perguntas se o Linux tem grandes vantagens sobre os seus concorrentes, eu respondo-te claro que sim também…agora o que há que ter noção é que neste momento o Linux no geral não é feito para o utilizador comum (no entanto já teve uma grande evolução, e sinceramente espero que continue… o mundo precisa de alternativas.) e é isso que as pessoas que defendem o linux com unahs e dentes não percebem.

          • lmx says:

            Hó Amaral, tu és mesmo um azarado…em relação a grafica, uso dos piores drivers a nivel de instalação, que são os da Nvidea…e apenas tenho de fazer next, net, no yes…
            reboot(porq)

          • Alexandre Amaral says:

            @Lmx: Por acaso também estava a referir-me a nvidia, sinceramente pensei que fosse melhores que a AMD (pelo que tenho lido), mas se tu dizes que são péssimas eu acredito.

            @Serva: Acho sinceramente que precisas de “acalmar os cavalos” se quiseres discutir as coisas como homemzinho podemos discutir perfeitamente, se preferes xutar para canto (falta de argumentos?) nem devias ter comentado realmente.

          • Alexandre Amaral says:

            Há e já agora lmx, o problema não esta relacionado com a grafica (a minha é uma gtx 460) mas sim com o cabo que não passa a UID do monitor.

          • lmx says:

            Os drivers Nvidea são de uma forma geral melhores, neste momento, que os AMD, mas, a nivel de instalação a AMD está anos de luz a frente…!!

            Configurar varios monitores com Nvidea/AMD é basico, mas mais facil com AMD…instalar drivers NVidea é mais complicado que instalar drivers AMD.

            Mas instalar drivers nvidea, depois de perceberes o processo…continua a ser facil, eu tenho essa placa gráfica na minha maquina, e um monitor com 1680*1050, e corre tudo bem…reconhece bem o meu monitor.
            isso que estas a falar não hade ser um problema do SO, tens instalada a ultima versão dos drivers??
            Pintas-te um cenario, negro que mais parecia uma 3 guerra mundial, quem te “ouviu” e nunca experimentou linux, deve estar aterrorizado quando pensa em experimentar lol.

            cmps

          • Glink says:

            @lmx

            a ideia era mesmo aterrorizar, porque não conseguiram fazer uma coisa simples e fizeram uma tempestade num copo de agua…

          • Alexandre Amaral says:

            @Lmx: A realidade é que o cenário que parecia 3ª guerra mundial é a mais pura das verdades, dei este exemplo como podia dar tantos outros…imagina a volta que não tive de dar para chegar à resolução do problema e isto com um problema tão simples…algum utilizador comum ia dar estas voltas?

            Por ultimo o problema não é de drivers, tem haver com o cabo não passar o UID correctamente impossibilitando que o sistema detecte as dimensões máximas que o monitor suporta, o que não faz sentido é que o Ubuntu não liste todas as resoluções existentes para escolher-mos nós a adequada…em vez disto andamos nós com estes berbicachos que não lembra o senhor.

          • lmx says:

            Amaral…se dizes que o problema é do cabo…lanças o aplicativo da nvidea , vais la o colocas a resolução a unha, não te dá trabalho nenhum…
            Quando instalas os drivers instala-te um aplicativo para lidares com a grafica, vais ai e colocas a resolução que queres e a frequancia de refrescamento ideal(podes até por mais, mas se o monitor der 60 hz não te vai dar mais).

            Não custa nada, no meu detecta automaticamente, tenho um LG, disme o modelo referencia tamanho de ecran, resoluções e refrescamento…
            Perfeito.

            podes editar o xorg.conf a mão, ou podes ir ao palicativo e fazer lá…é a mesma coisa.

            cmps

      • Serva says:

        Dumitru ,

        Estás fora do contexto , o arranque seguro da UEFI é uma invenção da MICROSOFT PARA LIXAR O LINUX , eu tenho uma board da Intel com UEFI e não tenho nada dessa m* de arranque seguro , os fabricantes de boards não podem colocar essa função nas boards que vendem porque isso era a morte desse mercado , capacita-te que tudo isto não passa de uma chantagem da Microsoft para com os fabricantes , é claro que os fabricantes de Pcs querem ter o Windows instalado no final não é sua a maior cota de mercado , agora que é ilegal e atentatório da liberdade de cada um lá isso é .

        Serva

  25. ZiLOG says:

    Estamos no século XXI e custa-me a acreditar que existam assim tantas pessoas com uma mente fechada e retrógrada.
    Todas as pessoas são livres de instalarem o sistema operativo que quiserem nos seus computadores.
    No caso dos computadores desktop, é fácil resolver o caso. Eu compro sempre o computador às peças. Eu escolho as peças a comprar e monto eu o meu próprio PC. Não estou dependente da escolha que qualquer marca me quer impingir. Penso que neste caso a BIOS nova me vai deixar instalar o sistema operativo que eu desejar, a não ser que a motherborad (BIOS/UEFI) esteja com esse problema, mas quando eu compro uma motherboard ASUS, por exemplo, não estou a fazer nenhum contrato com a Microsoft.
    No caso dos portáteis já é mais complicado, porque normalmente já trazem Windows instalado e não é fácil comprar um às peças e depois montar em casa.
    Até mesmo se pedirmos que não queremos comprar o software Microsoft Windows, só queremos o Hardware (portátil), é difícil eles descontarem o valor do preço do Windows.
    Nas facturas não vem discriminado o Microsoft Windows e qual o seu custo. No máximo vem a dizer “Notebook com Windows pré-instalado”.

    Quando compramos um carro, seja de que marca for, custe o preço que custar, eu não sou obrigado a usar a mesma marca de pneus que ele trás de origem. Se eu gostar mais de outra marca, seja pela qualidade ou seja pelo preço, posso trocar de pneus e a marca do carro não se vai queixar, nem dizer que perdeu a garantia porque o que vinha de origem era da marca x. E as marca podem dizer que aconselham a usar os pneus da marca x, porque dão mais estabilidade ao carro e melhora os consumos. Mas o consumidor final tem o direito de fazer a escolha.

    Com o hardware é a mesma coisa. É meu e faço o que quiser com ele.

    Uso Windows (80%) e Linux (20%) no dia-a-dia.

    • JJ says:

      Continuando com o exemplo do carro… a marca também normalmente recomenda um determinado tipo de óleo, recomenda, não obriga. Fica ao critério do consumidor usar o óleo que quiser, mais barato ou mais caro, ele é que sabe. Mas uma coisa é certa, se o carro avariar e for por causa do óleo usado, e a marca verificar que não foi usado o recomendado, a garantia não ira cobrir essa avaria, pois dizem ter havido uma má utilização.

      No caso dos pneus é a mesma coisa, se não usares o recomendado, também não podes queixar-te a marca a dizer que não esta a ter o desempenho prometido, porque eles vão logo dizer que não estas a usar o recomendado por eles.

      Por isso a culpa aqui é das marcas que fazem o hardware, não apresentarem alternativas não Windows…

      • Serva says:

        Desculpem se continuarmos com os exemplos dos carros acho que nenhum ainda chegou a ser uma analogia correcta para os portáteis ou pcs , o que acontece na compra de um carro é que escolhes uma carroçaria , depois escolhes a cor depois escolhes os bancos depois escolhes as jantes de 17′ de 18′ e o modelo etc etc etc em suma porquê que eu não posso comprar um portátil que tem as características técnicas que eu quero e escolher o SO .

        Cumprimentos

        Serva

    • scheldon says:

      Falou tudo,mas esse povo não vai te ouvir, tem que precisa justificar o esteriotipo das piadas além mar.

      • Y-lhaK says:

        quando aparecers por cá avisa para a gente te fazer uma bricadeirinha destas:
        http://www.tafixe.com/2011/11/02/videos/a-melhor-forma-de-acordar-um-amigo.php

      • Y-lhaK says:

        quando apareceres por cá avisa, para a gente te fazer uma bricadeirinha destas:

        http://www.tafixe.com/2011/11/02/videos/a-melhor-forma-de-acordar-um-amigo.php

        🙂

        • lmx says:

          não tenho nada contra , mas acho que gostas de virar o rabinho para a malta e isso é no minimo suspeito…para além de ser uma grande falta de educação

          cmps

          • Y-lhaK says:

            se gostas de ser “insultado” por brasileiros, é lá contigo…não dou o rabinho à malta, mas, e tendo feito por merecer, de bom grado te mando uns peidos na testa 😉

          • Y-lhaK says:

            …tens uns olhos muito estranhos…ou não… “Na psicologia fala-se muito em “projeção”. Ao julgar o outro possuidor de certo defeito, estamos projetando nele o nosso próprio. “Como assim?”, perguntamos. O fato é que vemos facilmente “o cisco” na vista alheia porque ele nos é familiar, ressoa em nós, é a “trava” de nosso próprio olho. Da mesma forma, só reconhecemos santidade, pureza e outros belos atributos externamente se algo dessas virtudes já despertou em nosso interior. Aí, nossa consciência “vibra” diante delas. Só reconhecemos fora o que já temos dentro.”

            …”dizes” o que não deves, “ouves” o que não queres

            😉

          • lmx says:

            Desculpa, não sou psicólogo, mas há duas coisas que vejo no teu perfil, logo a primeira…

            Primeiro, tens um desvio qualquer que deveria ser seguido por um especialista da área da psicologia.

            Talvez devido ao primeiro, ou talvez por teres o primeiro arranjas a desculpa do segundo…segundo este que é uma falta de educação tremenda!!!

            És muito limitado, tens em ti os genes sem escrúpulos do colonialismo exacerbado praticado por muitos países no passada…isso passa de pais para filhos…

            Fizes-te uma triste figura!!

  26. Eu acho muito bem!
    Se não querem, comprem sem o selo!
    Então se só quiser usar windows, prefiro a configuração que me garanta melhor rendimento.
    Isto acontece desde sempre nos Macs, não percebo porque é que a microsoft tem que ser sempre a má da fita 😐

  27. Sem dúvida a Microsoft quer mesmo chegar a estar à sombra da bananeira sem ponta de concorrentes, começa-se a mostrar medo do concorrente directo linux … Mas empresas como a Valve vão ajudar-nos a levar o linux onde todos queremos, a ser reconhecido como um sistema forte o suficiente para abanar qualquer grande (apple, ms)

  28. peter says:

    Continuo a dizer como já foi dito ali em cima: ninguém é obrigado a comprar PCs com windows. Há alternativas com Ubuntu. Não entendo tanta discordância. A Microsoft apenas está a fazer o que a Apple já fez há muito tempo: tornar o “acesso” e a “partilha” mais difícil à concorrência. E quando a Apple o fez ninguém veio dar tiros para o ar como agora. Não sei o porquê de essa empresa ser tão aclamada quando não faz nada diferente dos outros.
    Mas voltanto ao assunto, quem não quer, não compra. Simples.

  29. Maxx says:

    Julgo que seja uma questão de tempo até se ultrapassarem essas dificuldades… se calhar é isso que a MS procura… sem custos internos. O peep’s do Linux que dê a volta.

  30. Márcio says:

    Como qualquer negócio, cada um puxa o rabo da sardinha pro seu lado.
    O que a Microsoft está a fazer não é nada que outros não façam. Tanto a Apple como Linux também têm as suas barreiras.
    A Apple tem o SO fechado a 7 chaves, e quem utiliza o android, por exemplo, não pode instalar outros SOs (android é vertente Linux).
    Não vejo o porquê de atacarem tanto a Microsoft. Se Linux ou Apple são melhores, então que deêm provas disso. Se a Microsoft controla o monopólio, é porque permitem isso.
    Já experimentei Windows e Linux e não há duvidas que o primeiro é muito mais fiável que o segundo. Quem não gosta, que procure outras opções.
    Relativamente ao aprisionamento dos PCs, é o futuro próximo. Daqui a nada são somente tablets e smartphones, e cada um compra conforme entender.

  31. JC says:

    O direito de escolha do sistema operativo a utilizar num pc deve ser feito por quem o compra. Por isso, os pc’s deveriam, obrigatoriamente, ser comercializados sem SO ou, em alternativa, o comprador, no acto da compra, deveria ter a possibilidade de escolher qual o SO que pretende. Não respeitar isso é um crime contra o interesse público, o qual deveria ser penalizado com multas severas e outras penalizações.

    • JJ says:

      Então e que SO os consumidores na loja iriam escolher?

      Chegava ao balcão e o empregado perguntava (como não é nenhum PC Appel, o sistema MAC não é opção):
      “Que Sistema Operativo quer? Temos: Windows 8.
      E temos as versões Linux:
      ALT Linux
      Arch Linux
      Debian
      BrDesktop
      Damn Small Linux
      Famelix
      Freedows
      Insigne GNU Linux
      KeeP-OS
      Knoppix
      Kurumin NG
      DreamLinux
      Big Linux
      Linex
      Resulinux
      Rxart
      Satux
      Skolelinux
      Ubuntu
      Alinex
      Fluxbuntu
      gNewSense
      Gobuntu
      Goobuntu
      Jolicloud
      Kubuntu
      Kubuntu Netbook Remix
      Linux Educacional 3.0
      Linux Mint
      Ubuntu Netbook Remix
      Ubuntu Studio
      Ultimate Edition
      Xubuntu
      ZeVenOS
      Xandros
      Foresight Linux
      Gentoo
      Guaranix
      Librix
      Litrix Linux
      Sabayon Linux
      Tutoo
      GoboLinux
      Linux From Scratch
      Neo Dizinha
      OpenSuSE
      Puppy Linux
      Red Hat Linux
      Caixa Mágica
      CentOS
      Fedora
      Ekaaty
      Insigne GNU Linux – versão 3
      Libertas
      Muriqui
      Vixta
      Mandriva
      PCLinuxOS
      Yellow Dog Linux
      Resulinux
      Slackware
      GoblinX
      Slax
      Vector Linux

      Qual quer?”

      E o cliente, que de informática só sabe na óptica de utilizador, vai escolher certamente o Windows, porque é o que conhece melhor… e em Linux tem uma lista infindável de versões que nem sabe quais as diferenças.

      • Glink says:

        volto a dizer na raiz estão apenas 3 versões de linux, é um inicio, um pequeno (ate 10 questoes) questionário de inicio chega para determinar qual a versão mais indicada de linux para cada pessoa…

        e se falarmos pela carteira, ja diminuis a lista em pelo menos 1 o windows…

        • JJ says:

          Glink… então podes-me ajudar a descobrir qual é a versão que eu devo usar? Tenho uma maquina parada e pensei em instalar Linux.
          Quais são essas 10 questões!?

          • Glink says:

            eu vou fazer o questionário e amanha vou posta-lo mas não vai passar do mesmo questionário que se deve e na maioria dos casos se faz para comprar um computador, mas para o SO…

            deste género:
            “o que é que vais fazer com o PC?”

            “quais as specs do computador?”

            etc… pensava não era preciso ser muito inteligente para se ter chegado onde eu queria chegar, mas se calhar é demasiado avançado para simples internautas que visitam sites de tecnologia…

          • JJ says:

            O que eu queria saber era se havia uma versão que desse para aquilo que quero. É que ainda ninguém me consegui apresentar uma versão que servisse, para trabalhar com os programas que preciso.

          • Glink says:

            Ninguém é bruxo para te ler a mente caraças escreve o que precisas…

            mas estás disposto a aprender a trabalhar com soluções alternativas?

          • Alexandre Amaral says:

            Quais são os programas que precisas JJ?

          • JJ says:

            Glink… eu pedi-te o questionário na boa. Estava ser honesto quando disse que gostava de saber qual é a versão que eu precisava. Não era uma questão de teste, mas gostava de saber que tipo de perguntas se fazem nesse campo. Também não disse logo o que precisava, porque não tinha disponibilidade e ficava aguardar o questionário.

            Alexandre Amaral… eu preciso, alem dos programas normas de Word ou Excel (temos o OpenOffice por exemplo que corre em Linux), precisava de programas de programação web e de edição de imagem. A nível de programação web sei que existe vários programas que fazem isso, mas gostava algo mais ao género DreamWeaver. Em relação a edição de imagem, visto trabalhar muitas vezes em grandes formatos (ficheiros de imagens que ocupam mais de 200mb por exemplo), dava-me jeito o Photoshop ou de preferência o Paint Shop Pro. Julgo que não existe estes mesmos programas para Linux, mas também ainda não encontrei nenhum a altura para o Linux.

            Obrigado.

          • Alexandre Amaral says:

            JJ, lamento mas não encontraras alternativas ao mesmo nível no linux para as ferramentas que mencionas-te, é que nem lá perto.

          • JJ says:

            Alexandre Amaral… tocas-te no ponto que eu me referia. Obrigado.

        • Fábio Marques says:

          Claro, o que o utilizador comum mais gosta é de responder a questionários de 10 perguntas simplesmente para escolher um SO…

      • Serva says:

        Por favor não cries spam sabes no fundo quantas distros existem em Linux …. pois nem imaginas , a questão não era qual ….. mas sim optarmos por não ter Microsoft , a distribuição que escolhêssemos não era da responsabilidade da loja seria de quem compra .

        Cumprimentos

        Serva

        • JJ says:

          A responsabilidade é de quem compra, logicamente. Mas é preciso que quem compra saiba o que o Linux se trata.

          • lmx says:

            mas isso é evidente, se eu quero por linux na minha maquina talvez seja porque sei o que é…

            cmps

          • JJ says:

            Imx… correcto, mas não era esse factor que iria fazer aumentar o numero de utilizadores de Linux. Porque uma realidade é que talvez uns 80% dos utilizadores de informática não conhece o Linux ou se ouviu falar não sabe muita coisa sobre o mesmo.

          • Glink says:

            é ai que a Educação entra,na escola em vez de terem Windows têm linux, não custa…

            e poupavam em licenças

          • JJ says:

            Glink… isso até é verdade, mas depois no mercado de trabalho era bom também a maioria das empresas usarem Linux em vez de Windows…

            Este já será outro assunto.

          • Glink says:

            se não entendes coisas mais simples como porquê que ter mais programadores a corrigir bugs e potenciais falhas de segurança tornam o software open source mais seguro, não te vou conseguir explicar um assunto que é um bocadinho mais complexo que isso, desculpa.

            BTW não é, de todo, miha intenção ofender ninguem.

          • JJ says:

            Glink… essa situação de ter mais programadores a corrigir falhas, por si só não garante que algo se torne infalível. 1º sempre existiram falhas; 2º existem programadores bem e mal intencionados; 3º por haver mais programadores a conhecerem o código fonte, maior é a probabilidade desse código ser mais usado.

            Eu quando faço um programa, sei os seus contornos, sei como dar a volta ao programa independentemente se pus muita ou pouca segurança. Eu sei o que tenho de fazer para o programa que fiz, faça algo mesmo ético.

            Não estou aqui a dizer que os programadores de Linux, seja mal intencionados, longe disso!!! O que estou a dizer, é que assim como outros sistemas operativos, o Linux terá as suas falhas, que se forem exploradas podem surgir problemas.

            Ou seja, se algum “cracker” quiser fazer um vírus para Linux, também o vai conseguir, isso é certo. Se dizeres que é preferível fazer para Windows, porque existe mais utilizadores e por norma os utilizadores de Linux entende bem de informática, logicamente que o vírus no Windows é mais tentador e certamente mais eficaz.

    • JC says:

      Agradeço esta informação, pois não é fácil encontrar no mercado um PC sem SO, especialmente um portátil, situação que me aconteceu quando precisei comprar um. Como não consegui encontrar um PC portátil sem SO, fui obrigado a pagar por uma coisa que não utilizo: o SO W….
      Por isso, louvo esta ou outra qualquer iniciativa de quem disponibiliza PC’s se SO.

    • DarkTux says:

      É com saber. Obrigado.
      O processador é fraquinho mas o preço é tentador.

      Ando a deitar o olho para máquinas deste tamanho (13″ e peso abaixo dos 2kg).

      Alguém tem ideia da autonomia deste bicho ?

    • Serva says:

      Uma boa opção era bom que se generalizasse mais .

      Cumprimentos

      Serva

  32. Dante says:

    Como se a MS precisasse de boicotar seja o que for em relação ao Linux… Façam-no mais “user friendly” e deixem-se de pseudo-elitismos informáticos. Querem-no elitista aguentem-se, poucos o usam…

    • Glink says:

      é mais fácil de usar que o Windows em muitos aspectos…

    • JJ says:

      E em vez de haver dezenas de comunidades com dezenas de versões Linux. Deviam se juntar todas e fazerem um versão única.

      • no way says:

        Sim sim, apenas uma distro, desenvolvida centralmente, e com uma ideia bem clara do que deve ser um SO e rspectiva GUI.

        Depois de se impor no mercado até podiam começar a cobrar licenças para a sua instalação.

        Espera lá, para isso já temos o windows !

        • JJ says:

          Mas infelizmente, só assim é que será possível haver uma correcta concorrência a Microsoft no campo de SO.

          Enquanto não houver, alguém que desenvolva algo realmente mais clara/concreto no neste campo. A Microsoft vai continuar a dominar.

          E não digo que essa possível solução tenha de se tornar paga, pois existe varias formas de financiamento.

        • Fábio Marques says:

          Então vamos fazer dezenas de versões diferentes porque não gostamos do que os outros fizeram.

          Ubuntu mete Nautilus 3, volta a Nautilus 2, mete Nautilus 3. Tira Rythmbox, mete Beatbox, wtv… E anda assim para tras e para a frente. E o resultado final de 6 em 6 meses é apenas mais uma opção no menu do Unity.

      • Nome says:

        Eu percebo o que queres dizer mas sem escolha não era GNU/Linux.

  33. JJ says:

    Alguém me sabe dizer, porque só dizem que a Microsoft dificulta a “vida” ao Linux e não dizem isso da Appel?

  34. Hugo says:

    Há tanta gente tapadinha neste mundo…
    Então ainda continuam a comparar a M$ à Apple?

    A apple cria o portatil com as specs que quer e manda fazer. E o portatil leva com a marca da Apple, não leva com a marca da asus/toshiba/ etc…Neste caso, tudo bem que a apple bloqueie o acesso a outros SO’s

    Se a microsoft quer fazer igual à Apple tem que criar portateis Microsoft!

    E andam aí uns iluminados que dizem para comprar portateis linux? Onde?
    Vou à fnac/worten/staples não encontro nem um, PORTATIL com linux!!!
    E não me digam para comprar na net pois esse sou eu e as pessoas que percebem menos, que só comprar os pcs nas lojas?

    A microsoft fez um golpe baixo!

    • JJ says:

      “A apple cria o portatil com as specs que quer e manda fazer. E o portatil leva com a marca da Apple, não leva com a marca da asus/toshiba/ etc…Neste caso, tudo bem que a apple bloqueie o acesso a outros SO’s” by Hugo

      E essas portáteis Asus/Toshiba/etc…, vem com um selo a indicar Microsoft Windows. E mesmo quando se compra alguma peça para o PC, muitas vezes vem esse selo.

      Portanto, seguindo essa lógica, esses computadores que se compra, vem destinados a Windows. Tem todo o direito de bloquear a fazer os bloqueios que quiserem. Isto seguindo a tua lógica…

      • ZiLOG says:

        Esse selo quer dizer que é 100% compatível (hardware + drivers) com o Windows versão x. Não diz que só pode ser usado com o Windows.

        • JJ says:

          E diz que é compatível com Linux versão x? Que culpa tem a Microsoft de que as empresas não façam hardware compatível com outros SOs?

          Porque é que as empresas só fazem o seu hardware compatível com Windows? O mercado não compensa? Se compensa porque não fazem?

          Pergunto mais, quantos dos que aqui estão a criticar a Microsoft, compraram por exemplo este portátil!?: http://www.asus.com/Eee/Eee_PC/Eee_PC_1225C/

          Afinal existe alternativa. Só uma!? Então porque é que a Fundação Linux ou as associações de software livre, não vão ter com as marcas que fazem computadores e tentam fazer com que façam mais modelos próprios para Linux? Porque não tentam fazer parcerias com empresas de componentes informáticos?

          Quer ter mais significado no mercado de SOs, então que esforço tem feito nesse sentido? É a tentar criticar a Microsoft ou outras empresas? Dizer que essas empresas só pensam em dinheiro?

    • Fábio Marques says:

      Os components todos do hardware da Apple é realmente criado pela Apple? Pois…

  35. Hugo says:

    Vêm com o Selo do Windows mas o portatil é da HP, eu comprei-o à HP não à Microsoft!

    Se a microsoft quer bloquear, que faça ela os seus portateis como a Apple!

  36. Hugo says:

    Esses selos indicam que a peça é certificada para o Windows, não que está bloqueada a esse SO.

  37. JJ says:

    Analisando o artigo e os diversos comentários, chega-se algumas conclusões lógicas, que parece não terem ficado bem esclarecidas…

    UEFI – é um novo firmware para substituir o BIOS. Foi desenvolvido por 140 empresas. Existe uma organização que trata do desenvolvimento desse firmware, com representadas das seguintes empresas: AMD, American Megatrends Inc., Apple Inc., Dell, Hewlett Packard, IBM, Insyde, Intel, Lenovo, Microsoft, Phoenix Technologies (www.uefi.org). Os desenvolvimentos dentro deste firmware, deverão ser logicamente aprovados por esta organização. Este firmware aceita também SO em Linux.

    SafeBoot – é um protocolo utilizado a partir da versão UEFI 2.2 , que impede no processo de arranque do computador, o carregamento de drivers ou carregadoras OS que não tenham um certificado/assinatura digital aprovada. Sendo ainda possível adicionar outros certificados privados. Neste sentido os OS deverão ter uma chave certificada para a utilização deste protocolo. O mesmo pode ser desactivado, não sendo necessário qualquer chave.

    SafeBoot & Microsoft – a microsoft é acusada de ter criado uma chave para utilização do safeboot que só permite a utilização do Windows. Mas a Microsoft, fornece licenças de chaves, como já acontece com outras patentes entre as varias empresas ligadas a informática. Normalmente os computadores que tem SafeBoot a chave implementada é fornecida pela Microsoft, e por isso as criticas.

    SafeBoot & outros SOs – Como referido acima, este protocolo pode ser desactivado nos computadores que utilizem UEFI. Sendo ainda possível adquirir chaves para a utilização deste protocolo a Microsoft.

    Linux & SafeBoot – varias distribuições de Linux já permitem a utilização do SafeBoot sobre a chave Microsoft para este protocolo. A Fundação Linux esta a desenvolver um sistema de chaves para este protocolo que ira permitir a instalação de um SO Linux sem precisar da chave Microsoft.

    Em suma, a questão aqui levantada é que a Microsoft demora muito tempo para atribuir essas chaves, por questões burocraticas, mas a atribui. E por isso esta a demorar um pouco mais desenvolver um sistema de chaves sem precisar das chaves Microsoft.

    No meio disto tudo, quando esta organização UEFI foi criada, porque motivo a Fundação Linux e outras que defende o software livre, não tentaram fazer parte da mesma? Ou será que elas foram rejeitadas?

    Se virmos o leque de empresas que envolvem esta organização, e todas elas concordarem com os protocolos utilizados, todas elas tem a mesma responsabilidade sobre esse protocolos, bem como poderão implementar esses protocolos como quiserem, pois as regras são criadas por si.

    Nesse sentido as culpas desta situação, não podem de todo cair sobre apenas a Microsoft, mas também as outras empresas que fazem parte da organização que aprovou este protocolo e a forma de funcionamento do mesmo.

    • Fábio Marques says:

      Ponto. Este comentário devia era ir para a notícia em si.

    • CMatomic says:

      Podes ver aqui as empresas que dão suporte ao Linux .
      http://www.linuxfoundation.org/about/members

      • JJ says:

        CMatomic… por acaso, não tinha feito essa pesquisa. Obrigado.

        Mas agora é que fiquei perplexo… Se empresas como Fujitsu, HP e Samsung, fabricantes de computadores, são membros platinium, porque é que não fazem equipamentos destinados a utilizadores Linux?

        Existe aqui algo que realmente não estou a perceber e esta a passar-me ao lado… Se os próprios membros da Fundação Linux, não ajudam o desenvolvimento do Linux, como é que ele vai crescer? Não estou a perceber…

        • CMatomic says:

          primeiro tens que entender linux é um kernel . e não um sistema operativo , o sistema que todos apelam de linux é na realidade GNU/Linux , ou seja GNU para o software mais o kernel linux os dois fazem o Os que todos conhecem , estas empresas dão apoio ao kernel linux , tornando o seu equipamento compatível com o sistemas operativos GNU/linux la por não venderem pcs com ubuntu ( existe algumas) instalado ou outro sistema , não quer dizer que computadores não tenham suporte em Linux ,muitas vezes podemos encomendar o computador sem um sistema operativo ,pois miguem é obrigado utilizar o sistema da Microsoft .

        • lmx says:

          existem restrições….se não venderes maquinas linux levas a windows OEM mais barato, etc…são esses acordos que são ilegais que a M$ faz…entre outros…

          aqui a uns anos e agora sobre outro assunto, equipamentos GPS, a M$ ao ver o seu mercado mobile(win CE) ameaçado começõu a perseguir marcas de productos com SO’s diferentes de windows…encontrou logo TomTom que corre linux, e amedrontaram-nos, que arranjariam forma de os colocar em tribunal e os depenar, se eles não mudassem para win CE, ouve algumas marcas que antes que lhes calha-se pela porta mudaram…a TomTom acouselhou-se junto da FSF, e em tribunal ganhou á M$, a M$ ficou muito mal vista como sempre,quando se soube o que andava a fazer… mas fica a ideia que eles tiveram…

          cmps

  38. DarkTux says:

    Não questionando a legitimidade da MS (tema bem complexo e pouco consensual), penso que TODOS teriamos a ganhar se os fabricantes fossem obrigados a vender o mesmo PC com e sem Windows.

    A prazo poderiamos ter mais concorrência e a concorrência trás melhores produtos e preços. E neste aspecto a Europa poderia dar o exemplo.

    Também não nos podemos esquecer que os monopólios nuncam fizerem ‘bem’ aos consumidores, e que uma empresa que domina 90% do mercado não pode ter a mesma liberdadade de actuação no mercado que quando existem vários concorrentes sem que nenhum tenha uma posição dominante.

  39. CMatomic says:

    mas este assunto não morreu ? exite tantas soluções , para passar essa restrição , e acho que isso da chave da Microsoft é só para computadores oficiais da Microsoft , não estou haver os fabricantes não dar opção de instalar outro Os seja UNIX ou Linux , sempre se pode pedir a fabrica um computador sem windows instalado ,ou então com um sistema básico instalado , pois a lei em Portugal não permite vender computadores sem Os logo quem fica beneficiado é a Microsoft , e já vi no youtube placas com a uefi bios sem qualquer tipo de problemas em iniciar o sistema linux .
    como podem ver aqui https://www.youtube.com/watch?v=XGuq0EuhWFk
    a noticia vem bem a calhar , para pessoas atim Linux , começar a inventar que o linux pode não funcionar com os novos computadores , por coincidência logo no mês que se fala muito steam no linux

  40. Serva says:

    Boa tarde ,

    1005 de acordo , esperemos como o LMX também escreveu que a UE que ultimamente anda parva de todo mas que ainda é a região com o maior PIB do Mundo tome o posição muito clara sobre este atentado claro que a Microsoft está afazer sobre produtos que compramos com o nosso dinheiro , para que a Microsoft pudesse ter direito a aplicar o arranque seguro não permitindo desta forma o arranque para quem não tem a chave , o produto deveria vir com a indicação que o equipamento só era compatível com a Microsoft coisa que não traz , escrevem que é certificado , mas isso já eram os outros todos que foram vendidos a muitos anos atrás e nunca se viu uma campanha como esta , tal como o vídeo que o nosso leitor Glink publicou eu também acho que estamos no penúltimo estágio mas já na fase final em que começamos mesmo a incomodar .

    Cumprimentos

    Serva

  41. AlexAlex says:

    Basicamente a Microsoft que forçar EULA em jurisdições onde EULA não tem efeitos jurídicos.

  42. AlexAlex says:

    O correto seria o utilizador criar a chave localmente e fazer ele próprio o upload para a BIOS/UEFI, com opção de ser feito automaticamente pelo instalador do S.O. para quem quiser mais facilidade. A única diferença seria que a chave criptográfica da VeriSign é de boutique e, provavelmente usarão a mesma chave reassinada (ou algumas) em todo lado, como fazem com os certificados SSL que vendem. Lembrando que não faz muito tempo a VeriSign foi vítima de uma intrusão e teve varias de suas chaves roubadas. Então, onde estará o “Secure Boot” quando essas chaves vazarem? Nos rootkits! (é a segurança no melhor estilo Microsoft) Além disso, essas chaves virão dos EUA com certeza, e por lá a lei só permite usar chaves criptográficas até 256bits que é tecnicamente considerada frágil (embora não se saiba de alguma que tenha sido quebrada por força bruta, ou tenha-se encontrado alguma vulnerabilidade no algorítimo – assumindo que serão chaves RSA ou DSA). As minhas todas são 2048bits, só por precaução.

  43. Renathofl says:

    Boas !

    Muitos comentários e não se chega a lugar algum . A microsoft quer o controle e pronto . (ponto) acabou é apenas isto .

    • WILL1AN says:

      Não acabou, duvido que os desenvolvedores do linux irão abaixar a cabeça e dizer q está tudo bem e simplesmente aceitar, em breve chegarão a uma solução, acredito na competência do pessoal, não é atoa que o linux é o melhor! na minha opinião. =D

  44. Nome says:

    A Microsoft é cada vez odiada, não pelo seu Windows, mas por atrasar intencionalmente, neste caso, o devenvolvimento de Linux, ao atacar a liberdade de experimentar outros sistemas operativos. Esta jogada suja é mais um sinal que o monopólio da Microsoft está prestes a chegar ao fim.

  45. Nome says:

    O Alexandre Amaral, o Fábio Marques, o António Pereira é tudo a mesma pessoa. Só um doente pela Microsoft pode defender esta prática abusiva!

  46. Milton Reis says:

    Isto é uma afronta quando compro um computador ele é meu e eu escolho o sistema operacional não abro mão do meu Ubuntu, me admiro as empresas se prestarem a isto devem respeitar os clientes, isso é monopólio, corporativismo burro bem coisa da MS que não respeita patentes nem direitos do consumidor.

  47. sakura says:

    “uma chave própria ”
    omg o linux é instalado sobre o windows se querm ser reis primeiro que o sejam REis.

    a politica no seu melhor…. vao resolver o probema? …… + 5 anos

    + a bios<—- ef…. e escrita pelos fabricamtes os faltava a ubummut para fazer m-.

  48. sakura says:

    uma chave própria.

    viva a politica em ves de resolver o pb. tinha que vir a c.
    o linux é instalado sober o windows.
    + a bios ef é feita pelos fabricantes …. para 1 solucão não para 1000, mas é a vida ……. não querem a MS que fazão uma …..

    alguem usa KolibiOS ?

  49. olivergil says:

    Eu comprei e nao eh meu. Acho que somos todos trouxas e otarios.
    Devemos boicotar o windows e a micro$oft essa vagabunda e incompetente e manipuladora .Se fossem tao bons quanto falam se manteriam oferecendo suporte e nao explorando o licenciamento mesmo porque nos os trouxa nao temos opcao.

  50. Carlilson Alves dos Santos says:

    A postura da microsoft é um puro reflexo da ganacia do capitalismo

  51. Breno Augustus says:

    A Microsoft sabe que seu sistema é tão ruim que apelou para as placas mãe tentarem proteger seu boot e ao mesmo tempo querem tirar o linux da jogada, o que faz a questão das chaves. Perderam seus servidores depois do 2000 server para cá, para servidores linux (não dá pau, não pega vírus). Hoje quando fala na palavra servidor, vem em mente automaticamente a palavra LINUX. Esta foi a 1ª perda. Quando agora os usuários irritados de tanto vírus de sistemas piratas ou originais (mesma porcaria) começam a tentar, gostar e utilizar linux aos poucos e o ritmo vai aumentando. A Microsoft usa sua drástica, apelona e nojenta tentativa de segurar seu sistema e impedir que o concorrente instale o sistema operacional. Entretanto o golpe mais baixo da Microsoft usou até hoje!

  52. Antonio da Silva says:

    *Como adeptos do Linux temos direito de comprar as máquinas mais potentes e modernas, sem ter que pagar nada à M$, muito menos por certificação UEFI que, pelo monopólio de poderes, só serve a ela.
    **Somos muitos e podemos exigir através da união de produtores de DISTROS X (inclusive UNIX) que os fabricantes de EAROMs de BOOT vendidos nas placas-mãe nos deem o tratamento especial de criarem uma EAROM especial e exclusiva, como um (extended UEFI) XUEFI, na qual a M$ não possa interferir, muito menos acessá-la de modo nos sabotar.
    ***Não devemos aceitar O “Ui, Eu Fui Idiota” tal como está.
    ****Devemos exigir a retirada do Sistema e do selinho deles (sempre com o condizente desconto) dos Hardware contendo o Troiano RUINOUS pré-instalado que os comerciantes teimam em nos empurrar. A verdade é que computam essas estatísticas de vendas como se a máquina que compramos para rodar LINUX rodasse o sisteminha deles e isso tem que ser expurgado.
    *****Precisamos promover máquinas de ponta certificadas para LINUX.
    ****** A concorrência é salutar, nos ajuda a crescer e a nos aprimorar, mas nos acomodarmos à maldade alheia não é aceitável nem saudável.
    Finalmente e não menos importante, devemos esmurrar massivamente as portas dos “reclame aqui” e das curadorias de defesa do consumidor exigindo da M$ o cumprimento de um termo de ajustamento de conduta que nos satisfaça nas nossas reclamações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.