PplWare Mobile

Está disponível para download o Linux Mint 12 “Lisa”


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Gabriel says:

    Esta foi durante muito tempo a minha distribuição favorita. Agora é horrivel, tal como todas as distribuições que vem com gnome 3 ou Unity. O kde 4 é fantástico mas pesado. Por isso regressei à minha interface favorita: XFCE. Testei o Xubuntu e está fantástico. Acho intragável as novas interfaces.

    • Nuno Silva says:

      Sem dúvida que é verdade o que acabaste de dizer.
      A única grande vantagem do ubuntu é a sua extrema massificação, e quando surge um problema é rápido de encontrar uma resposta (e como a base do mint é comum, o que acabei de dizer também se aplica a ele.)
      Seria divertido postarem um tutorial de como modificar o unity ou o Gnome para ter o aspecto de trabalho antigo.
      Já agora, para quando um textinho sobre o sistema Nvidia Optimus com ironhide? Eu uso-o e acho-o (dentro dos limites esperados) fantástico. Conheço muita gente que está com problemas em tirar partido da tecnologia e um texto para iluminar seria bem-vindo!
      Abraço

    • João Gil Freitas Nóbrega says:

      Concordo contigo, os sistemas linux não estão a avançar muito com as novas iterfaces, eu adorava o Ubuntu, mas agora, o Unity estragou tudo, o gnome 3.0 e 3.2 estragou o avanço do gnome 2 e 1 são coisas totalmente diferentes.

    • Fernando says:

      Exprimenta porque está bom, com o MSGE ligado tens uma experiência muito semelhante ao ambiente tradicional (com barra inferior, menu, navegação por ficheiro e não por aplicação etc…), para quem se quer manter num gnome actualizado, aqui tem uma oportunidade de ter uma experiência mista

  2. Goncalo says:

    Eu no colegio onde andei, no ultimo ano que la estive, trocaram todos os PC que tinham windows por linux, mas era uma distribuicao muito parecida com o windows, nao houve diferenca nenhuma que se notasse. eu nao tenho a certeza se era uma distro portuguesa. Gostei muito daquilo, so que nao a encontro, e gostava de usar linux, mas que fosse mais friendly user, visto que nao percebo nada de linux. E de preferencia que desse para por as driver da grafica, gostava de jogar qualquer coisinha depois

    • Alucard says:

      Talvez seja uma distribuição com ambiente KDE. Mas existem dúzias de distribuições Linux, se não te lembras do nome vai ser difícil encontrá-la. Assim do nada, o meu palpite é Mandriva ou Caixa Mágica (que é portuguesa), mas façam as vossas apostas.

    • John Kain says:

      Zorin OS
      Este é o Linux mais parecido com Windows que eu conheço. Pelo que já li na net parece-me bom. Mas ainda não testei.

      Link: http://zorin-os.com/

      Cumprimentos

      • BCruz says:

        Eu instalei o Zorin OS num hp antigo que tinha arrumado, e até agora tem sido espetacular usar esta distro de linux. Até a minha namorada usa sem dificuldades (ela não é muito dada a tecnologias e sempre trabalhou em ambientes windows).
        A unica coisa que alerto é para o uso do firefox e do flash, mata logo o CPU e a RAM, tive que passar para o Chrome. Mas de resto o Zorin OS é um bom começo no mundo Linux. Aprovado.

        Cumprimentos a todos.

    • Herculano Gaspar says:

      Goncalo

      Provavelmente a distribuição pareçida com o windows é a julinux.
      vai ao site http://www.justuselinux.com e confirma se é ou não.
      provavelmente o melhor para começar será o ubuntu, dist maverick ou
      anterior.
      viva o linux!

      Herculano

  3. Mais uma distribuição linux :p Vocês não param lol

    • Alucard says:

      O Linux merece esse destaque, nem que seja só no pplware. E com centenas de distribuições activas, é normal haver sempre muitas novidades.
      O Mint é actualmente a minha distro de eleição, uso ainda a versão 10 Julia, e continuo muito satisfeito com ela. Gosto que a equipa do Mint pondera sempre as alterações mais visíveis para os seus utilizadores, e dá-lhes sempre muita escolha, não insistem em impingir coisas que estes não queiram. Sabem ouvir a comunidade e as suas sugestões. Pode ser só a minha opinião, mas se o Ubuntu tem um self-appointed benevolent dictator, o Mark Shuttleworth, o Clement Lefebvre do Mint é mais democrático.

  4. running_wild says:

    Vou testar pela primeira vez o mint, visto que o ubuntu tem vindo a perder cartas.
    De momento estou a usar o 10.10 e ando a testar o ubuntu 11.10 e estou a reaprender tudo de novo, o unity não é mesmo para mim.
    Vou testar esta versão para ver no que dá.

    • brso01 says:

      Usei o Ubuntu durante algum tempo mas com a chegada do Unity.. desisti do ubuntu, não gostei do unity e decidi experimentar o linux Mint versão Kátia e a verdade é que é muito boa, tem tudo aquilo que o Ubuntu deveria ter.. instalei no netbook com processador atom e mesmo com o compiz a trabalhar com uma série de efeitos, resultou ás mil maravilhas.. É Sem duvida uma excelente distro para quem quer mudar do windows para o linux.
      Vou experimentar esta versão com o novo gnome e vamos ver se ficou ainda melhor que a anterior..

  5. serva says:

    Bom dia ,

    O mix encontrado com os gestores gráficos resultou muito bem , não pensem que têm de usar o Gnome Shell , podem o fazer mas sem Login in ou logout posem optar MGSE que é muito intuitivo de usar e ao estilo do Gnome 2 , mas mais moderno .

    Excelente Distro , que tem vindo a evoluir escutando os utilizadores e lendo certamente muito do que se escreve acerca do Unity e da Gnome Shell 3 por essa Web fora .

    Ontem instalei num P4 que é actualmente a minha maquina de testes , já era tarde quando o fiz e não deu para testar a 100% , mas tudo o que quis encontrar , encontrei facilmente , penso que esta distro está um pouco mais pesada notei no boot , mas esta é uma realidade que vamos ter de conviver com ela , pelo menos no que respeita as distribuições mais robustas e que como é óbvio exigem muito mais recursos do PC .

    É compatível com o compiz , uma boa noticia para quem gosta de customizar , como disse ainda não tive muito tempo de convívio com esta distro , mas a minha opinião é muito positiva , tal como escrevi ontem num post que não tinha nada a ver com o Mint , estamos a assistir ao melhor momento do Linux desde a sua criação , as migrações que a Gnome fizeram para a versão 3 e o Ubuntu para o Unity , criaram um dinâmica nos programadores que faz com que a nossa escolha hoje seja bem mais diversificada e com gestores gráficos muito personalizados , estou expectante com o lançamento da distro Pinguy que vai trazer também surpresas muito agradáveis.

    Acerca do Ubuntu estou totalmente de acordo com o post do nosso leitor Alucard , o Sr. Mark Shuttleworth , não sabe ouvir e pelos vistos é um pouco obstinado , mas tem vindo a perder progressivamente toda a cota de mercado que tinha , como ainda não chegamos a versão LTS , as perdas têm sido mais ou menos controladas embora muito significativas , o Ubuntu aparece agora em 4º lugar na Distrowatch , mas certamente com a 12,04 em Abril que é a LTS as perdas irão certamente ainda ser maiores .

    Para terminar queria só dizer que a comunidade está bem de saúde e recomenda-se .

    Aceitem os meus sinceros cumprimentos

    Serva

  6. kekes says:

    Eu neste momento estou a usar, com o gnome3 mas tirei a barrinha de baixo porque estava a fazer o computador lento…

  7. João Ferreira says:

    Instalei a versão Lisa do Mint, com dual boot com o win7 e agora o win7 não arranca após seleção no dualboot. Alguém se sabe ajudar?
    Obrigado.

  8. Ricardo says:

    Para quem andar perdido com eu andei fica aqui um link para quem quiser actualizar para esta nova release:

    http://community.linuxmint.com/tutorial/view/2

    abc

  9. serva says:

    João , tens de reparar o Boot do windows , coloca o DVD do windows e escolhe a opção reparar o arranque ou o boot se estiver em inglês , essa situação é perfeitamente normal quando instalas em dual boot um dos boot ir a vida .

    Espero ter ajudado

    Cumprimentos

    Serva

  10. fernando martini says:

    para quem esta sofrendo com o ubuntu 11.10 e quer de volta o modo classico so seguir esses procedimentos:
    Como ter o Ubuntu clássico no Ubuntu 11.10?

    Para ter o modo clássico do Ubuntu você apenas precisa de instalar um pacote que lhe dará a possibilidade de escolher este modo. Depois de instalar este pacote, apenas precisará de indicar ao Ubuntu, durante o login do mesmo, que quer utilizar o modo clássico do Ubuntu.

    Assim, comece por clicar no botão seguinte ou então escrever o comando seguinte no terminal para instalar o referido pacote:sudo apt-get install gnome-session-fallback
    Depois do processo de instalação ter terminado, termine a sessão para abrir a secção de login do Ubuntu. Para terminar a sessão, clique no botão do canto superior direito do monitor e escolha a opção “Terminar Sessão”
    Aquando do login, antes de digitar a sua senha para aceder ao seu Ubuntu, clique no botão que tem uma roldana e escolha um dos modos clássicos: com efeitos visuais (que utilizam mais recursos) ou então sem os efeitos visuais. Se tiver com dúvidas, experimente os dois e tire as suas conclusões!
    Depois de escolher, então, o gestor de janelas, digite a sua senha de acesso ao Ubuntu e desfrute do modo clássico do Ubuntu, sem o Unity!

  11. fernando martini says:

    gnome-ses­sion-fall­back

  12. MrT says:

    boas!
    O Ubuntu com o unity esta interessante, mas horrivel!
    O Xubuntu está muito bom, devido a interface xfce, para alem de ser muito leve.
    Já ouvi falar no mint, mas ainda não experimentei, um dia deste meto numa torre “ranhosa” que tenho, e vejo se é tão como o xubuntu.

    Tenho umas duvidas, isto para todas as distros.
    Os Linux mais novos, como o ubuntu e mint, conseguem tirar partido do turbo boost dos cpu’s?
    Conseguem também suportar duas graficas diferentes, como o windows (isto quando temos um portatil com duas graficas, tipo uma intel e outra ati ou nvidea)?

  13. serva says:

    Boa noite ,

    Sim o novo Kernel já permite usar as vantagens dos processadores I da Intel de segunda geração , e também muitas funcionalidades gráficas .

    Fica aqui um Link

    http://www.tecmundo.com.br/linux/14680-kernel-do-linux-3-1-e-lancado-com-suporte-a-3d-nfc-e-controle-do-wii.htm

    Cumprimentos

    Serva

  14. Luis Simões says:

    Bom Dia,

    Eu testei lá em casa, mas como sou utilizador inexperiente no linux, não posso dar grande opinião. Além do mais tive um problema, o teclado e rato do meu PC são da microsoft, wirless 1000. o teclado funciona bem, mas o rato tem um pequeno defeito, por exemplo abro o firefox, a página pplware, quando tento deslocar a página para baixo com o scroll, a página anda de mais, passa mesmo informação que não vejo. nos jogos a funcionar com o zoom acontece a mesma coisa. Mas se for um rato microsoft mas com fio, funciona bem.
    Alguém já teve este problema? como posso resolver ou configurar o meu rato?

    Obrigados, cumprimentos

    luis simões

  15. Paulo says:

    boas. Estou com uma duvida, para ter esse look do sistema que aparece nessas fotos que ta na noticia, é preciso instalar o linux mint dvd, ou a versão de cd também da? é que baixa atraves deste links o linux mint versão cd e depois descompactei a iso e instalei atraves daquele programa que da pa instalar dentro do windows mas o look do sistema é o gnome como vinha antes no ubuntu 9.10 so que mais actualizado. Como posso colocar essa interface?

  16. hammer says:

    ainda sou muito nabo no linux pelo que a distro que me parece ideal é este mint, agora a questao:

    há maneira de testar vários ambientes gráficos dentro do mint? se sim quais e como posso fazer? é que ‘vejo-vos’ a falar em kde lxde gnome etc e nao pesco nada

  17. brando says:

    Alguém pode me dizer como faço para ter os recurso compiz no mint linux 12 porque no meu computador não aparece dejeito nenhum.

  18. zebo says:

    baixo o mint12, vem zipado com extensão .iso, desconmpacto e cria uma série de ficheiros. Como gravo um DVD com isto?

  19. Nuno Oliv says:

    Zebo e muito simples resolveres a tua situacao basta teres o power iso ou o nero q resolves.
    o teu problema q nao e problema e teres de ir ao nero e gravares a imagem iso para dvd ou cd dependendo da iso q baixaste.
    Nao tens necessidade de extraires.
    Espero ter ajudado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.