Quantcast
PplWare Mobile

Primeiro “Firmware Custom Made” para a Playstation 3

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Paulo Silva


  1. silva says:

    Não se fala noutra coisa na net.
    Se for verdade vai ser bastante complicado a sony conseguir fazer alguma coisa.
    Alem de terem descoberto a chave mestre da ps3 tambem pelo que se fala da psp.
    Começa mal o ano.

  2. sérgio says:

    acho bem… obriga a uma nova evolução! pirataria não é crime… é EVOLUÇÃO

    • RaCcOn says:

      Não confundas evolução com um crime punível por lei.
      A única evolução que pode existir é eles perderem mais tempo a tapar “buracos” do que a desenvolver jogos realmente bons…
      Caso não consigam, a evolução passa a ser mesmo deixarem de desenvolver jogos pois como não há tanto lucro não lhes compensa…

      • Pedro Gaspar says:

        é evolução sim…. o que voces falam de pirataria e a unica liberdade que hoje em dia ainda temos… sim é ponivel por lei, mas se fosse uma coisa má não havia tanta gente a fazer…. viva a partilha de informação

        • RaCcOn says:

          Só te dou razão numa coisa…
          Viva a partilha de informação…MAS..
          Quando esta não é protegida por direitos de autor, nem quando estamos a usufruir do trabalho dos outros sem o seu consentimento…
          Quando isso acontece, a coisa começa a pender para a libertinagem, falta de respeito e usufruto de algo que não nos pertence nem temos o direito de usar.

          • LOL says:

            Deves ser o velhinho do restelo que dizia verifique este livro… não use livros usados proteja a sua saúde.

            A tua panca vem de fazer pouco dos fracos oprimidos, mas não passas de um simples otário.

            é TÃO BOM PECAR NÃO É?

          • RaCcOn says:

            Como deverás imaginar, não vou responder-te com insultos pois não vou baixar ao teu nível.

            Só te vou dizer, para que se és assim tão homem/mulher…te identifiques…
            mais uma falta de moralidade pela tua parte.

      • foxizzel says:

        consola que mais vende: Wii (facilima de heckar)
        segunda consola que mais vende: x-box (facil de heckar)
        PS3 está a subir as vendas desde que foi heckada…deve ser coincidência…

        • pfbatista says:

          A pirataria não é sinónimo de perda de lucros…

          Se analisarmos dois pontos de vista interessantes….

          1º Facto: Se uma consola é possível de “desbloquear”, esta passa a vender mais unidades. (Maiores receitas)

          2º Facto (este, poucos se lembram e ignoram): quando um jogo é crackado, não quer dizer que o produtor vá perder margem, ou que haja um decrescimo nas receitas. e porque será que digo isto? Há tempos atras, sairam uns estudos acerca disto.
          Quando um artigo é distribuido e está crackado, o jogo vai ser jogado por maiores massas. E hoje em dia, um jogo que tenha publicidade explicita, os contratos com essa publicidade não são feitos só tendo em base o numero das vendas, mas terá também um racio de “sucesso” e um calculo aproximado do numero de pessoas que jogarão (muito superior certamente do que se não fosse crackado). Essa publicidade será mais vista e essa receita será certamente maior.

          Isto já foi dito anteriormente que acontece, e foi um artigo relaccionado com o PES ou com o FIFA, cuja publicidade está presente nas camisolas dos jogadores e placards.

          Quem diz isto para um jogo, diz para um filme, já que os filmes estão cheios de publicidade…

          Por isso, Srs, Fundamentalistas, parem de defender aquilo que dizem que não fazem… a pirataria existe… ainda, nalguns casos, dá lucro… e todos, nem que seja uma vez na vida, já contribuiram para a pirataris 😀

  3. Ricardo says:

    Well… A Sony pensava que ia durar para sempre não ? Demorou a abrir as ” portas ” da PS3, mas mal elas foram abertas, a verdade é que a protecção da PS3 não era assim tanta…

    Não souberam tirar proveito disto como a Microsoft. A Microsoft ainda consegue manter um controlo quando quer das suas consolas, recorrendo ao Ban, agora a Sony com isto bem podem esquecer bans e firmwares updates para resolver a situação.

    • Rui "ALL" Sousa says:

      O q impede a Sony de recorrer ao ban das contas na Sony Network?

      • sérgio says:

        conheço alguns que não se importam disso! com certeza haverão muitos outros

      • Hugo says:

        Com a descoberta das chaves master, qualquer código pode ser assinado como legítimo (afinal, são as chaves da própria Sony).

        Assim sendo, não tem como a Sony detectar código alienígena! Tudo vai se passar como legítimo.

        Se eles invalidarem a chave master, TODOS consumidores serão afetados.

      • Rais says:

        Eles não têm maneira de o fazer, porque agora o software “pirata” é autenticado exactamente como se fosse original.

    • RaCcOn says:

      Esqueces que mais dia menos dia sai uma versão nova do firmware que vem com tudo isso corrigido.
      Mesmo que o que referes seja mesmo como dizes, basta que eles não permitam o acesso a PlayStationStore a quem tiver o firmware anterior a X.

      Há sempre maneira de passarem a frente as protecções, mas também há sempre maneira de as invalidar.

      • Michael says:

        Contra a chave mestra não existe hipótese alguma de tapar buracos com firmwares!
        Um jogo copiado é simplesmente autenticado como se fosse a própria Sony a fazê-lo!

        • RaCcOn says:

          Haver maneira há sempre.
          Mais que não seja eles deverão criar outra keymaster, para jogos mais recentes e volta tudo ao mesmo…
          Caso contrário, se com isso as vendas de jogos descer drásticamente prevejo a PS3 a desaparecer.

          • Michael says:

            Não concordo, porque a maior parte que tem PS3 vai comprar sempre, e a maioria que pirateia vai acabar por comprar em promoção trazendo assim mais compradores.
            Tal como a PS2!

          • RaCcOn says:

            Queres tu dizer que tens um jogo pirateado e depois quando ele se torna mais barato…mesmo depois de já o teres passado até ao fim etc etc etc vais comprar o original?

          • Rui "ALL" Sousa says:

            RaCcOn

            Online Mode… never ends…

          • Ricardo says:

            Eu como estou por dentro disto, sou eu que faco os payloads para o arduino, sei perfeitamente que a sony nao tem hipotese.

            A sony nao consegue fazer update da chave mestra por software (por hardware e muito muito complicado). Mas existem os bootloaders que dao para fazer update das respectivas chaves, mas duvido muito que a sony faca update a essas chaves, porque assim nao iria dar para jogar os jogos actuais, so os futuros, porque como as chaves de encriptacao sao diferentes, a ps3 nao ia conseguir desenciptar os jogos actuais.

            E mesmo que ela faca isso, com a chave mestra sacava-se as chaves dos bootloaders outra vez atraves do ficheiro de actualizacao, e se a sony lancar um ficheiro de actualizacao com encriptacao diferente, nao vai dar para instalar nas ps3, por isso nao pode mudar as chaves do ficheiro de actualizacao, portanto, temos sempre accesso aos ficheiros da ps3 simplesmente desenciptando o update e extraindo os ficheiros.

            PS3 -> “Epic Fail!”

  4. darth_paul says:

    mesmo assim, respect, demorou anos a crackar a protecção. mas saúdo a chegada de homebrew para a PS3. é sempre bom podermos escolher o que meter no nosso disco rigido. com emuladores e media players decentes, a PS3 é de facto um monstro

    • Rui Pena says:

      Nenhum “respect”. Os principais hackers da scene não queriam saber da PS3 ate a Sony retirar o suporte para Linux. Ai consegui, irritar a comunidade hacker e dar-lhes razões a serio para o fazer.
      Podes ver mais sobre isto na conferencia:

      Console Hacking 2010 – Chaos Communication Congress
      https://www.youtube.com/watch?v=HEFMAP0mTvY

      • Rui "ALL" Sousa says:

        Isso parece-me desculpas… a verdade é q o GH ainda demorou uns belos 6 meses p conseguir ter acesso à consola e questiono-me se antes já n teria tentado e ter-se dado por derrotado.

        btw, tks pelo link do(s) video(s), parecem bastante interessantes.

      • darth_paul says:

        para um hacker, o simples desafio parece-me ser o que mais os incita. acredito que tenha havido sempre quem tentasse crackasr a ps3, sem bem que o grosso nao se tivesse preocupado muito (o simples facto de a PS3 já nao ser a principal consola do mercado e estar em ultimo lugar, pode tambem explicar a falta de interesse

  5. Rui "ALL" Sousa says:

    Questiono-me se a chegada do desbloqueio total da PS3 não estara directamente relacionado com o fim de vida da consola. Isto é, n teremos a PS4 a sair mais cedo que o esperado?

    • alan says:

      concordo, o ps3 já está há algum tempo no mercado…rumores sobre uma nova versão já estão a correr antes mesmo dessas notícias sobre o destravamento, talvez isso acelere as coisas e o próximo seja ainda mais difícil de se desbloquear…e demore ainda mais, e o ciclo se repete on and on and on

      • Pablito says:

        a verdade é que acaba sempre por haver maneira de piratear…
        demore mais ou menos tempo…
        haverá sempre maneira…

        ao inicio também dizia que a ps3 iria ser díficil de “desbloquear” ..

        a ver vamos =)

        mas não será cedo demais a consola já ir para a reforma ??

        • kekes says:

          Na altura foi prometida muita longevidade, mais q a concorrencia, que se pensava q a xbox ia ser uma banhada… Não tinha blu-ray piores graficos, etc. O tempo veio mostrar o inverso. Mas vamos ver se a longevidade ainda se mantem como prometida.

        • Pedro Gaspar says:

          custa-me a querer que a PS3 chegue ja ao final da vida…. como ja foi dito anteriormente a consola um monstro, ainda ha poucos jogos a consguir tirar o rendimento maximo da consola, o seu hardware ainda esta anos de luz a frente da concorrencia, nao me parece que ela saia ja do mercado…
          Ate porque so ha pouco tempo e que a PS3 começou a dar lucro…. pois pelo que li ate ha bem pouco tempo o custo de produção da consola era maior do que o preço de venda… nao e de admirar… lol

          • BrunoG. says:

            Como assim poucos jogos a tirar o rendimento máximo da consola?

            colocá-se a produtora do Gran Turismo corridas com 100 carros em pista e pronto, limite atingido

            os videojogos não parecem filmes de CGI não porque os estúdios não consigam, mas porque têm de ter em atenção os limites do hardware, tenha a consola 10 anos de vida ou 1 dia

          • Ghost Rider says:

            Atinge o limite sim, vê o Gran Turismo 5. Já reparaste no 1080p dele? É um 1080p falso, manhoso. Na verdade, é um 1280×1080 (numa proporção manhosa) que é upscaled para 1920×1080. Resultado: proporção 16:9, “1080p” falso, linhas bastante “jagged”.
            Olha o GTAIV, dizem que é 720p, 1080p ou tretas? É 640p. Por algum motivo (Aqui é engraçado: a 360 usa 720p verdadeiro no GTA IV, mas peca certos efeitos ao usar resolução maior).

            Talvez não usem o processador a 100%, mas a gráfica está provavelmente a ser usada a 100%.

  6. Miguel says:

    O problema não é ter-se conseguido um Jailbreak. O problema é ter-se descoberto a chave da consola que impede a Sony de corrigir o problema com um update do sistema por exemplo!

    Até vir uma nova PS, a PS3 está falível para sempre. Pode ter demorado…mas quando chegou a Sony desmoronou-se!

    • Rui "ALL" Sousa says:

      É uma questão de a Sony na proxima fornada lançar consolas com uma nova root key, n? Claro que qt às q sairam ate agora nada podem fazer a n ser banir o ppl do acesso a Sony Network, tal como faz a MS

      • Hugo says:

        O problema não é só a root key, e sim o descobrimento da master key!

        A Sony não poderá trocar a master key jamais, pois isso resultaria em grandes perdas também para os usuários legítimos.

        Se trocarem a master key, os consoles anteriores não poderão rodar jogos novos e nem os consoles novos poderão rodar jogos anteriores. Se fizerem isso, vai haver um crescimento sem precedentes no índice de reprovação da Sony!!

  7. Fox says:

    Falaste em chave da consola… a X-box 360 também tem esse sistema? Já foi quebrado?

    Não sou possuidor de nenhuma consola mas como falaste que descobrindo a chave da consola impede a Sony de resolver o problema recorrendo a um update gostava de saber se a X-Box tem esse problema também…

    • Rui "ALL" Sousa says:

      Segundo eu sei (a minha área é wii) a xbox alteras o firmware de modo a poderes correr copias piratas mas não há a possibilidade de correr jogos via HD e mt menos homebrew.

      • antonio says:

        tas muito enganado.Na xbox tambem podes correr jogos via hd , homebrews , apps etc .

        chama se jtag

        • Rui "ALL" Sousa says:

          Tutorial sff? É q antes de fazer esse comentário tive a pesquisar e n descobri nada viável p o efeito.

          • João Ramiro says:

            confirmo, chama-se JTAG, e podes fazer (ou pelo menos da ultima vez que usei podias)fazer download do que quiseres no live a custo zero e inclusive jogar online

          • UKN says:

            Vais ao google e procuras pelo jtag 360 … depois é perderes horas de vida.

            Eu confirmo pois tenho isso instalado. Veio dali do país do lado, tudo a funcionar certinho.

      • Miguel says:

        Nem mais. É um jailbreak simples que pode ser facilmente resolvido com updates ou ban! A Xbox até agora nao sofreu nenhuma derrota pesada na pirataria…como a Wii!

        O pior é mesmo a Sony que ainda deve estar a tentar perceber como isto foi acontecer.

        • ajbadboy says:

          Não sei até que ponto se pode considerar uma derrota pesada ou se deve considerar uma vitória pela calada, se vires a wii é a mais vendida e tem inúmeros acessórios, o dinheiro dos jogos que vai para o fabricante da consola deve ser muito reduzido em comparação com o que vendem de consolas e acessórios. Muita gente comprou e compra a wii precisamente por saber que gasta o dinheiro na consola e acessórios e não gasta em jogos.

      • xbox says:

        Wrong 🙂
        é difícil encontrar, mas ainda existem xbox 360 onde é possível fazer JTAG, sendo com isto possível sim instalar “homebrews” que por sua vez permitem correr os jogos através de um disco externo por exemplo. São raras (têm que estar bastante desactualizadas) mas existem.
        A “chave mestra” da xbox (ou basicamente cpukey) era quebrável até determinada versão de dashboard, a partir daí a dashboard seguinte queima fisicamente 2 fusíveis por baixo do cpu, fusíveis esses que contêm a cpukey. Nesta situação resta o normal desbloqueio por firmware.

  8. joka says:

    sabe muito bem.comprei a ps3 com os linux e depois a sony removeu a com um update.a sony recebeu aquilo k fez.a sony k respeite quem comprou a consola em primeirs mao ,nao o fez .azar.a uniao mostra a forca.k aprenda com os seus erros,e nao me digam k a culpa foi do geohotz.

    • Maraduxo says:

      Joka eu estou ctg.

      Comprei a minha PS3 no inicio sem mais nada e custou-me 600€ e nem passado poucos meses estava a lançar paks com jogos, comandos e mais baratas… E quem pagou 600€ não tem nenhum bonus?

      Não tenho pena nenhuma da Sony e estou muito feliz por puder jogar GT5, NFS Hot Pursuit e todos os outros jogos sem gastar um unico centimo.

      Já sei que as produtoras sofrem, eu preferia pagar mediante as minhas posses as produtoras assim como faço no battlefield heroes, agora pagar para estes ladrões que é o nosso estado e para a Sony que não respeitou os seus clientes… NUNCA!!!

  9. NeMewSys says:

    Viva à liberdade!! Viva à evolução!!

  10. Fox says:

    Sim mas por exemplo a X-box e wii não resolviam isso recorrendo a um update?

    Ao que percebo o problema da Sony é incontornável.

    • NeMewSys says:

      Quem vai actualizar um sistema que sabe que vai deixar de funcionar? Anyway, seja como for, actualizado ou não o homebrew também se actualiza, e melhor ainda, a maquina não quer saber de ti, nem da sony, logo se souberes usar bem a maquina, ela faz aquilo tudo o que tu quiseres sem querer saber se é legal ou não, ou seja, mesmo depois do update, podes recuperar o firmware antigo 😛

    • Miguel says:

      Qualquer que seja a consola quando se descobre a chave mestre nao há nada a fazer a nao ser rezar!

    • xbox says:

      A xbox resolveu, a wii continua com as portas escancaradas 😀

  11. antonio says:

    Rui tas enganado a 2 maneiras de crackar o que se faz normalmente nas xbox é alterar o leitor de dvd ou entao faz se o jtag nela que permite rodar via hd ter apps homebres etc.

  12. Dav7 says:

    ainda é muito cedo, mas se for verdade bem podem contar com a antecipação da PS4

  13. Pedro Ribeiro says:

    “barreiras morais/legais das leis de copyright law”?!

    Copyright law não passa disso mesmo: um conjunto de leis. A “moralidade” não vem para o caso!

    Na verdade, se quisermos ir por aí, a SONY desmoralizou-se há muito. Primeiro, com o célebre rootkit que ofereceu como “bónus” nos seus CDs de áudio. Não contente com isso, e após ter usado o facto de a PS/3 poder correr Linux (embora com grandes restrições) para vender a consola como computador pessoal, obtendo com isso importantes benefícios fiscais, pelo menos no principal mercado (E.U.A.), suprime essa capacidade, não só nos novos modelos, mas em todas as consolas já vendidas (muitas das quais, nunca teriam sido vendidas, caso não tivessem essa capacidade). Mesmo como “Media Center”, outro grande argumento da PS/3, deixa imenso a desejar: desde o suporte de formatos multimédia, à leitura de sistemas de ficheiros mais avançados que o FAT32 (quase todos), à ausência de suporte para Flash (ring a bell?), inexistência de qualquer tipo de cliente para TV e rádio online. Até o suporte SACD existente nas primeiras consolas desapareceu num ápice.

    Reduzir o que se conseguiu à pirataria, é ignorar isso tudo. 😉

  14. SC says:

    É muito fácil, comecem a vender os jogos por 10 euros que o pessoal nem se dá ao trabalho de “piratar” (pelo menos o utilizador comum) Claro que os verdadeiros piratas só pelo gozo o farão sempre.
    Agora para que é que uma pessoa vai dar 60 euros por um jogo?? Se uma pessoa quiser ter 10 jogos tem de gastar 600 euros… Depois dizem que a pirataria faz subir os preços, mas eles são os primeiros a aliciar o pessoal a recorrer à pirataria com os preços que praticam.

    • Pablito says:

      Concordo plenamente!
      Se eles baixassem os preços dos jogos, nada disto se passaria.
      E mesmo que se passasse, não seria nada tão significativo como vai ser …

      o preço dos jogos não é alto devido à pirataria (basta relembrar os tempos da Mega Drive em que havia alguns jogos a 18.000$ ->90€, e aí em teoria não havia pirataria).

    • Zé Miguel says:

      É verdade, 60€ por um jogo é um roubo. Se cobrassem um terço do preço, vendiam provavelmente 3 vezes mais, ficavam com o mesmo lucro e o utilizador final ficava muito mais satisfeito.

      Mas os gananciosos estão-se nas tintas para o cliente. Isto lembra-me há uns tempos um programa na TV sobre pirataria de musica em que um senhor dizia que os preços das musicas não eram caros, que era o preço de uma Banana. Eu fiquei naquela…. quem é que compra 30.000 bananas??? (capacidade do meu ipod)
      É MUITA FRUTA! literalmente…

      • Zé Miguel says:

        Enganei-me, a capacidade do meu é 7500, mas o ipod classic leva 40.000 por exemplo. E quem fala em ipods fala em qualquer outro leitor de mp3

    • demon says:

      exactamente.

      Eu há um anos atrás, 99% dos jogos que jogava eram pirateados, desde que a steam começou a fazer estas promoções, 90% dos que jogo são originais.
      e como eu, existem muito mais gente, se os senhores das consolas fizessem o mesmo, veriam que não ficavam a perder, muito pelo contrario.

  15. Ricardo says:

    Parece que alguem já criou um CFW com as tools disponibilizas pelo KaKaKaRoTo.

    ” To save you time masterchan777 was kind enough to create a 3.55-CFW (thanks to tools released by KaKaRoTo) and has include the latest fixes from KaKaRoTo using his second released OFW to CFW changing firmware script code. ”

    Estão mesmo a avançar, com isto, a uma velocidade brutal. Dentro de semanas aposto que já conseguem correr jogos num instante.

  16. Joao says:

    Viva, parece que a Sony disse que o tempo de vida da ps3 é para ser 10 anos…! eu diria era..

  17. RaCcOn says:

    Suponho que eles irão conseguir dar a volta a isso, mais que não seja vai acontecer o mesmo que acontece com as outras consolas onde não se consegue jogar Online.
    Vamos lá ver…

  18. Hugo says:

    Parece que vai ser um bom ano para o mercado dos discos e gravadores Blu-Ray…

  19. Marcos Santos says:

    Mais cedo ou mais tarde iria acontecer.

    Se o Dark Alex, não tivesse deixado isto tudo para trás, outras coisas mais iriam acontecer mais cedo…

  20. Peter says:

    Bons dias para todos…

    Começa a conversa sobre a pirataria, de x em x tempo damos de caras com estas situações e sinceramente já não sei o que pensar, e propunha até que fosse criado um tópico “noticia”, para se possivel esclarecer algumas duvidas às pessoas.
    Não sou a favor da pirataria, quando era mais miúdo, fiz download de alguns jogos para jogar, vi muitas séries, filmes nem tanto porque sou adepto do cinema e para mim nem pensar alugar um filme por 2 ou 3 euros para ver 1 vez e devolver…
    Porém, apesar de não concordar com o acesso gratuito a produtos que apesar de tudo custam tempo e dinheiro a criar, também não concordo que num país como o nosso em que se ganha MAL, os jogos por exemplo sejam 20 a 30 euros mais caros do que no estrangeiro em países que se ganha muito melhor. Será que as lojas ou as produtoras ou seja la quem for, não percebe que as pessoas já perceberam que é muito mais barato comprar através da Internet do que comprar em Portugal?! Será que não percebem que perdem dinheiro todos os dias?!
    O mais hilariante, é ver estas instituições, vulgo ACAPOR, que nunca na vida tentaram fazer algo para evitar a pirataria, porque será que não imaginam uma maneira de reduzir um pouco os preços? Porque será que não pensam em algumas promoções? A intransigência destes senhores roça o ridículo, pois não param para pensar que se a pirataria existe é por alguma razão, não estou a falar de quem a faz para comercio, que fique bem claro que isso para mim sim, deveria ser altamente punido, apesar de nessa parte existir muitos medos para levar para a frente as penas mas isso são outras historias.
    O que me faz mais confusão, e aqui sim, nunca consegui encontrar uma resposta concreta, é o seguinte… Como é que eles avaliam se uma pessoa que tem muitos downloads é pirata ou não?! Um utilizador pode gastar dezenas de gb. em filmes e jogos piratas, mas também o pode fazer em versões de demonstração de jogos, demonstrações de software, programas de código livre… etc.
    Como é que eles fazem uma distinção? Ou será que não fazem?! E se fazem, é com que direito?! Pois para isso estarão a ver o que a pessoa descarregou para a sua máquina, e isso, segundo o que me ensinaram era eu ainda muito novinho, chama-se invasão de privacidade ou não?!

    O mais engraçado de tudo, e algo que eu desconhecia até há umas horas, é que esta pseudo instituição chamada ACAPOR, defende os direitos dos vídeo-clubes, nem sequer defende os direitos de autor…. Por amor de Deus, oh meus amigos, não haverá nada mais interessante para ocuparem o tempo? Portugal precisa de pessoas que trabalhem a sério e que produzam para o país, não de pessoas como a que vi ontem na TV, que parece um miúdo que ou muito me engano ou se calhar até tem o disco cheio de MP3 piratas. Se os vídeo-clubes estão com problemas, posso garantir que haverá outras razões mais directas do que a pirataria, nomeadamente os preços que se paga para alugar um filme durante umas horas, preço esse que nem estou a contar com os praticados pela ZON e MEO, porque esses não fazem pirataria mas sim roubo. E por outro lado temos o cartão ZON, e ai sim, a ZON Lusomundo conseguiu de alguma maneira contornar a pirataria, criando este cartão, se perdeu dinheiro no preço dos bilhetes? Perdeu, mas pelos vistos compensou visto que muito mais gente passou a ir aos cinemas, e todos os fins de semana comprovo isso, pois já há alguns anos que nao ficava em filas para entrar no cinema e agora é quase sempre.

    Esses senhores da ACAPOR, que olhem bem para o que estão a fazer, pois para alem de prejudicar o pais a entupir os tribunais, que são mais que necessários para punir verdadeiros criminosos, deveriam era estar a perder tempo a pensar em maneiras inovadoras e comerciais de acabar com a pirataria e não tentar ganhar dinheiro à força com coimas.

    Cumprimentos a todos, e imensas desculpas pelo testamento…

    • RaCcOn says:

      @Peter,
      Eles pelo teu trafego não conseguem provar absolutamente nada…mas podem suspeitar de…
      Ao haver suspeita, fazem denuncia…se aceitarem a denuncia, será emitido um mandato para que possam efectuar a devida fiscalização.

      Mesma coisa acontece com os IP que a ACAPOR enviou para o MP…são suspeitos de, não acusados.
      Caso o MP ache que o caso tem pernas para andar, vai emitir um mandato para fiscalizarem os PC’s dos donos dos respectivos IP e aí sim é que se poderá provar algo.
      Se fores ao forum, vais ver um post meu de uma loja de informática que foi fechada a uns meses…
      exactamente a mesma coisa, cliente mistério que foi lá.
      Efectuada denuncia, e com mandato de busca foram lá dar uma vista de olhos no que se passava na loja…encontraram algo e fecharam a loja constituindo o dono da mesma como arguido.
      Segundo ele, foi era um dos técnicos que lá trabalhavam que fazia downloads e metia tudo num disco externo que lá andava…como não se conseguiu apurar se a veracidade nem o tal técnico confessou a autoria, quem paga é o proprietário da loja. 😉

      Tem muito que se lhe diga, mas sinceramente acho muito bem que as pessoas comecem a ser responsabilizadas…pois se a lei existe, é para ser cumprida…
      Se estão contra a lei, protestem…mas não é a cometer crimes que vão protestar…

      Quanto a ACAPOR, eles apesar de estarem a olhar para o umbigo deles…estão a fazer o que o comum cidadão é obrigado a fazer…denunciar em caso de ter conhecimento.
      Quanto ao baixar os preços…
      Permite-me discordar…Se disseres manter o mesmo preço aumentando a qualidade do serviço prestado, concordo a 100%.

      • Peter says:

        Caro RaCcOn,

        Obviamente usando o bom senso, a pirataria nunca seria nada de positivo, basta pensar-mos se fosse-mos nós a trabalhar em algo e depois ver-mos o produto do nosso trabalho a ser usufruído e vendido por terceiros sem o nosso consentimento. Penso que se nos colocarmos nesta situação, pelo menos um sentimento de revolta surge numa primeira analise.
        Mas concordarás comigo, que empresas como a ZON, mostraram que não é necessário ameaças, nem assustar as pessoas “atenção que não trabalho para eles, apenas acho que puxaram pela cabeça e fizeram algo que muita gente não esperava e que realmente veio trazer muita gente aos cinemas”.
        O que será mais fácil? Ameaçar tudo e todos com coimas e tribunais, ou perder tempo a pensar numa estratégia de marketing capaz de dar a volta à situação?! O problema como tu bem dizes, é que, assim como existem pessoas que fazem pirataria e só olham para o seu umbigo, a maior parte das instituições sofre exactamente da mesma doença.

        Sim porque eu tenho as minhas duvidas que os actores de Hollywood estejam muito importados com a pirataria pois praticamente todos praticam vidas luxuosas, o problema esta nas editoras que querem sempre mais e mais e mais a todo o custo. Mas depois vêem-se casos como há uns meses em que uma grande produtora que até é bastante activa contra a pirataria, estava a usar um software para proteger os seus DVD, para o qual não tinha licença… e esta einh?!

        • RaCcOn says:

          Sabes que infelizmente o problema está dos dois lados…
          De um lado as pessoas arranjaram uma maneira de obter algo que supostamente seria pago, mas que assim poderão ter sem pagar…

          Do outro lado, as editoras etc etc…querem mais lucro…

          No meio de tudo isso, temos o nosso governo com impostos atrás de impostos que encarecem o que de si já é caro.

          Outro problema que temos, é que as pessoas acham que piratear seja lá o que for é um direito que lhes assiste…
          É ver desculpas, que demonstram bem a estupidez das pessoas, a dizerem que a cultura deverá estar acessivel a todos, que isto deveria de ser legal…

          Legal, nunca vai ser…pois como toda a gente, todos tem de viver e ganhar dinheiro para poderem sobreviver…

          Estes dias alguém me dizia, que eu por ser contra a pirataria, que queria um mundo capitalista…
          Pois porque essas pessoas que são a favor, vivem de ar e vento…trabalham deborla e por caridade…

          Antes de dizerem seja o que for em relação ao tema pirataria, pensem e metam-se em causa…
          Se estivessem no lugar de todas as as pessoas que vivem da música, software, etc etc etc…como é que ficariam ao ver a merd@ que vocês fazem.

  21. Maraduxo says:

    Pessoal não se esqueçam que os principais culpados do preço exorbitante é o nosso GOVERNO, lá fora INGLATERRA o jogo custa 45€ já com a conversão, ora se aqui custa 69.90€ e na Inglaterra 45€ de quem é a culpa?

    Quanto às musicas, aqui sim, é um roubo, pagas mais de 1€ por uma musica em mp3 enquanto nos US pagas 0.50$, agora vejamos a qualidade de vida entre PT e US.

    Quanto a pirataria, é mau, disso todos concordamos, mas comecem por praticar preços justos e lembrem-se do velho ditado…

    Grão a Grão, enche a Galinha o Papo.

    UM BOM ANO A TODOS

    • RaCcOn says:

      E quem é que continua a ser o culpado do preço de cada musica?
      O Governo…
      Temos uma carga de impostos enorme…

      Na realidade, anda tudo revoltado contra as editoras, bandas, programadores etc etc pois os preços praticados são insuportáveis por nós cá em Portugal…mas vendo bem as coisas deviam de revoltar-se contra o Governo que mete grandes cargas de impostos nas coisas e nas empresas que cá operam.
      Para além disso…
      Quem não pode comprar, não compra…
      E não me venham com a treta da cultura deverá estar disponível a todos etc etc…desde quando é que um jogo ou software é cultura?
      Se me falarem do acesso a escola que deveria de ser gratuito para TODOS e não apenas para aqueles que dizem ganhar pouco…agora de jogos e software?Usem software free…jogos free…etc…
      Não são tão bons?Azar…servem para fazer o básico.

      Quanto a musica…
      As bandas que disponibilizem as músicas Online gratuitamente para todos terem acesso…
      Se as editoras não lhes trazem vantagem nenhuma e se apenas ganham com os concertos como dizem…sejam homens e mulheres e disponibilizem tudo Online gratuitamente para todos terem acesso legalmente sem ter de pagar…

      • Peter says:

        Caro RaCcOn,

        Concordo que o estado português tem grande culpa nos preços elevados com os quais nos deparamos hoje, é um facto que os impostos fazem aumentar muito o valor das coisas. Concordo também com a velha máxima “não há dinheiro, não há vícios”, tal como tu dizes quem não pode não compra e deveria de ser assim, no entanto há que criticar também o outro lado ou não?! Eu não vejo estas instituições fazerem pressão junto do estado para tentarem alterar algo de modo a baixar os preços, a verdade é que para eles pouco importa desde que vendam.
        Anteriormente referi o caso da ZON com o myZonCard, eles poderiam ter ido para tribunais devido à pirataria de filmes, poderiam ter feito uma colectânea de ip’s, podiam ter arranjado maneira de conseguir cobrar multas e coimas como estes senhores querem agora, mas o que fizeram?!?! Colocaram publicidade contra pirataria antes dos filmes no cinema e criaram um cartão que faz com que as pessoas vão ao cinema pagando quase o que pagavam antes do euro. Conclusão?! Têm os cinemas com muito mais pessoas, e receitas de bilheteira mais elevadas do que quando não havia cartão.
        E é de não esquecer, que ao inicio o cartão limitava-se a oferecer um bilhete ao seu portador, mas algumas associações e companhias de cinema concorrentes disseram que isso era concorrência desleal… Porquê??? Porque essas empresas, não conseguem perceber que às vezes para se ganhar a longo prazo, tem que se perder no presente. E este caso é prova disso…
        Mas o que é mais fácil para estas instituições? Pensar em maneiras inovadoras e cativantes para o publico para acabar com a pirataria, ou simplesmente processar toda a gente e tentar ganhar dinheiro com coimas?! A segunda parece que não é necessário grande raciocínio para ir avante.

        Cumprimentos

        • RaCcOn says:

          Peter,
          Eu não concordo com a baixa de preços…
          A baixa de preços só vai fazer um circulo vicioso onde todos vão ganhar pouco…
          Vai ser a longo prazo provavelmente, mas a baixa de preços é o que vai fazer…
          Aumento de qualidade sim!!!Baixar o preço Não!!
          O problema não está no preço das coisas, mas sim no que nós ganhamos…será que ninguém consegue perceber isso?

          Se todos tivermos dois dedos de testa, desde a empresa até ao funcionário…(Coisa que infelizmente não há na maioria dos casos, de ambas as partes), só temos todos a ganhar e não é bom a baixa de preços…

          Se temos muito lucro, vamos pagar mais a quem trabalha connosco…
          Se as pessoas que trabalham connosco ganham bem, vão ser mais consumistas e vão consumir a outras empresas que vão obter mais lucros, pagando melhor a quem trabalha com eles e esses virão até a nossa empresa consumir também…

          Isto não passa de um ciclo…mas infelizmente ainda ninguém percebeu…
          Hoje o que temos, é empresas que querem lucros brutais e que querem pagar o menos possível aos seus colaboradores…
          Do outro lado temos colaboradores que se estão a borrifar para a empresa e para a sua produtividade e o que querem é chegar ao final do mês para receber o seu e ainda reclamar do patrão porque o gajo paga pouco…
          No entanto, por sua vez vão até a loja da esquina e fazem 30 por uma linha para trazer as coisas mais baratas para casa…

          enfim…
          Somos todos culpados desta situação a um nível geral…
          E sim, a velha máxima tem de ser aplicada…
          Não tem dinheiro não tem vícios…
          Quem trabalha tem de ganhar dinheiro e nós não somos nada nem ninguém para usufruir do trabalho dos outros sem lhes pagar e ainda reclamar a seguir que somos explorados por outrem…

          • SIDSIDSID says:

            belo ponto de vista… not.

            segundo a vossa “lenga-lenga” um gajo não pode “sacar” software porque não tem massa… Oh dear. A cima dessa moral, está a ética. Será ético ser burro por limitação monetária?

            E onde aprendo a fazer renders com efeitos sem o After Effects de 2000 euros? Onde? E quem diz After, diz o pacote todo do finalcut ou Master suite da Macromedia.

            mas desculpem lá, vocês estão tontos?

            Rebato: Software e Jogos são cultura. Que raio de “cegueira” é essa que querem impor nessa díade dialéctica de “comadres na verborreia de encher a vista”. The Sims é cultura de gestão socio-cultural, qualquer rpg bem construído, reporta-nos para contextos profundos e diálogos que implicam processos mentais preciosos, promovendo a sapiência do indivíduo.
            E tantos outros.

            Repito: vocês são assim “tapadinhos”?

            Eu pago 50 euros por mês, para ter fibra de 100 megas em casa, o que faço com os streams é comigo. Não é por “sacar” ou deixar de “sacar” que o vosso “exemplo de artista pregado à obra intelectual” vai morrer à fome.

            São tempos da era do conhecimento – estamos neles!!! Adaptem-se. A informação É DE TODOS, e está a um click de rato.

            Querem ganhar dinheiro, invistam no cliente, e nas novas tendências: DLC´s, periféricos, publicidade nos jogos, concertos ao vivo e a cores, promoções fantásticas, etc.

            Não me venham com essa da “pirataria é má” que não pega, cambada de hipócritas.

            2012 vai ser o ano dos massive online games, 2011 o ano da eclosão “cloud”. Está tudo numa dropbox, no torrent ou no google docs.

            Quem compra é porque “quer e pode” comprar, quem não compra é porque não quer e/ou não pode comprar. Ponto final. Fácil de entender não?

            Informação e o acesso digital é de todos está em todo o lado e não tem controlo. Abram a pestana.

  22. UKN says:

    É agora que as consolas se vão vender mais … não fosse isso o que aconteceu com as anteriores.

    Em em todo o modo nunca comprei jogos de 360 ou ps3 em portugal. Lá fora compram-se mais baratos via online e agora com a amazon uk a ter portes gratis … adeus lojas pts …

  23. Luis Miguel says:

    Não tenho pena alguma da sony. Eu tenho uma PS3, paguei por ela 399€ com Linux, e actualmente para aceder À PSN, ou perco o Linux ou perco a PSN. É injusto e para mim, completamente ilegal.
    Não faço pirataria e nada justifica que retirem funcionalidades a quem já as pagou!
    Espero que a sony prove do seu próprio veneno.
    Da minha parte, jamais voltarei a adquirir um produto da sony!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.