O Estripador, um jogo com HISTÓRIA


Destaques PPLWARE

8 Respostas

  1. João Costa says:

    Curioso, vou experimentar.

    Só um pequeno reparo, o Jack o estripado actuava em Londres, Inglaterra, não nos Estados Unidos

  2. Bruno Santos says:

    Primeiro, gostaria de dizer que o canal história é meranente um canal de entreterimento e não de informação, pois, alguns dos seus programas, são meramente entreterimento puro e duro … Logo, não informam … Quanto ao programa em si, é um estudo interessante, no entanto, meramente especulativo … Tal como outros tantos que existem … Para o canal que é, estou curioso para tentar perceber até que ponto essa teoria tem ponta que se lhe pegue …

    • Duarte says:

      O Canal História não informa? Apresentar programas com factos reais sobre o 11 de Setembro, não é informar? Apresentar programas sobre carros, não é informar? É claro que não se trata de nenhuma SIC Noticias mas afirmar que não informa parece-me um pouco … drástico

  3. Fernando Negro says:

    O “Canal de História” é um dos mais explícitos e ridículos exemplos de propaganda – e distorção de factos históricos – que podem ser vistos na televisão (ou, agora, também em jogos de computador)… E, a sua “credibilidade” é muito bem demonstrada nos repetidos e constantes programas que emite sobre extraterrestres!

    O querer agora, este canal, contar-nos a suposta história do “Jack, o Estripador” será certamente mais uma tentativa de distorcer um episódio histórico em que houve mão das elites por trás.

    A figura que é apontada, pela maior parte dos historiadores que investigam o assunto, como sendo o principal suspeito de ser o famoso “Jack, o Estripador” é o príncipe Albert Victor (mais conhecido como “Prince Eddy”) que era neto da rainha Vitória (http://tarpley.net/online-books/against-oligarchy/king-edward-vii-of-great-britain-evil-demiurge-of-the-triple-entente-and-world-war-1/ + https://www.youtube.com/watch?v=–FXqsr4ZvM). E, sem ter eu sequer visto alguma coisa que seja da autoria deste “Canal de História”, tenho a *certeza* de que não vos irá dizer este canal o que eu aqui denuncio.

    Há um qualquer filme de Hollywood, que já vi, que toca no assunto de “raspão”, ao falar, por vezes, de um neto da rainha que estava a morrer de sífilis, enquanto conta as façanhas deste famoso assassino em série. Mas, mesmo nesse filme, creio que não é sequer levantada a suspeita relativa ao mencionado príncipe, que terá contraído tal doença com prostitutas. (E, penso que é também omitido o facto dos vestígios deixados nos locais dos crimes conterem elementos maçónicos.)

    Querem lições reais de História? Leiam livros de autores credíveis. Os vários canais de televisão (e a maior parte dos jogos de computador) só emitem propaganda, com vista a esconder o que realmente se tem passado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.