Quantcast
PplWare Mobile

Norton 360 – uma das mais completas soluções de proteção e privacidade online

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. Luis Henrique Silva says:

    Eu tive à umas semanas atrás indeciso entre o norton e o Eset, acabei por escolher o eset, não sei se fiz o melhor a ver vamos.

    • AMatos says:

      em 2006 symantec “Norton” admitiu estar a utilizar um rootkit no próprio antivirus.

    • Pedro says:

      Também uso o ESET, já passei por vários antivírus, ate o famoso Kaspersky que me decepcionou muito. O Bitdefender também foi uma ótima experiência, mais muito pesado.

      • AMatos says:

        utilizei por muito tempo o Kaspersky que achei o melhor que já utilizei e nunca tive razão de queixa, fico curioso em saber o que te levou a essa má experiência. o Bitdefender é efetivamente pesado, bom mas pesado. O Eset será o próximo quando terminar a licença do Bit

  2. JR says:

    Kaspersky continuará a ser S Tier no mundo dos antivirus e isso já está mais que provado.

  3. R. A. says:

    Por mim, até podem usar o Corona-Vírus…
    Desde que não seja o Kaspersky Ruso!!!

  4. Nuno says:

    Boa noite, lamento informar mas o que o programa em causa como aliás muitos outros programas dos mais variados fins, fazem é através de duas hipóteses:
    1- através do registo (registry) manterem as informações de instalação bem como as definições de configuração;
    2- a outra hipótese é utilizar um directório ou um ficheiro com essa mesma informação;(o qual por regra nem os programas de desinstalação dita forçada os detetam, a não ser pelo próprio desinstalador “forçado”, para quando existe problemas, mas tem de ser do próprio fabricante), que é o que é utilizado pelo norton desde idos tempos antigos. Só por curiosidade por altura dos finais dos anos 90, aí digamos 98; era comum os erros de desinstalação assumida ao programa, mas aqui o erro era outro, o utilizador que desinstalava o programa incorretamente;
    O que o Norton tem hábito fazer e as pessoas não gostam (e que já vem desses tempos); que aliás qualquer programa deste nível deve fazer é proteger os seus próprios ficheiros e directórios contra remoções indesejadas, e desculpem a minha franqueza já usei, nisso a norton soube fazê-lo e continua a saber fazer o que outros não conseguem.
    Possivelmente pode ter obtido a informação a partir desta fonte https://pt.wikinews.org/wiki/Empresa_de_seguran%C3%A7a_admite_falha_em_programa_de_prote%C3%A7%C3%A3o , para além do que conheço deste programa, e do que pesquisei, o que se encontra descrito no site da ligação acima, pode-se dizer o que se chama em ciência meias verdades; resumindo: o “nprotect” trata-se de um componente do norton system works (que já virá de versões anteriores possivelmente desde 2003), mais concretamente do norton utilities (programa tipo ccleaner, mas mais avançado) que na altura quando se instalava ficava integrado com a interface do norton antivirus se o mesmo se encontra-se instalado no sistema em causa. Esse ficheiro não faz nada mais do que monitorizar o sistema para ficheiros que possam ser apagados, mesmo para além da reciclagem e conseguir recuperá-los; era uma segunda reciclagem dentro da própria reciclagem do windows.
    Aliás a Symantec aquando do sucedido veio a publico indicar que lançou um patch para correcção do problema; e esse sim através de um rootkit ter-se acesso a este ficheiro do Norton:
    Só por curiosidade esta função continua a existir no atual Norton System Utilities, tem é de ser ativada como protecção do sistema; não sei qual o nome que atualmente o mesmo terá.
    O nome da Função é “File Shredder”
    Com isto não estou a defender a empresa, mas a esclarecer um equivoco, que na atualidade mais do que se cria eles proliferam, e se não se tiver um tempo para se pensar e averiguar se de facto; aqueles factos são mesmo, não só verdadeiros bem como fidedignos, ainda mais nos tempos que atravessamos.
    Bem Haja para todos, boa noite e bom fim de semana.
    P.S. espero que com o meu contributo tenha conseguido esclarecer alguma coisa a alguém.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.