Quantcast
PplWare Mobile

Cansado de escolher o que ver no Netflix? A solução pode estar a caminho em breve

                                    
                                

Fonte: Netflix

Autor: Pedro Simões


  1. Tiago Batista says:

    O problema do Netflix é mesmo aquelas sinopses muito mal escreitas que, ao ler, não dá vontade de consumir conteúdo nenhum. É também a falta de seriedade nas pontuações de filmes feitos pela netflix que muitos são tão maus ao ponto de terem 3 no imdb e praticamente uma nota máxima no catálogo.

    • José Carlos da Silva says:

      A pontuação vai muito do tipo de gosto e estilo de cada pessoa. Há sempre trailers que se podem assistir para se ficar com uma ideia mais fiel do que poderá ser o conteúdo.

    • Filipe says:

      Os sites tipo imdb e rotten tomatoes também são de uma seriedade, vou-te contar! 50% das reviews são troll ou encomendadas.
      Mas também se te guias pelas sinopses em vez de veres os trailers, isso já diz tudo sobre a tua resposta.

    • RM says:

      O que pode ser 5 * para ti, pode ser 3 * para outra pessoa, e vice-versa.

    • Asdrubal says:

      Tiago, o problema do Netflix é que hoje em dia qualquer um se pode queixar do que bem lhe lhe dá na gana, problemas do primeiro mundo, como dizia o outro…

      O Ideal seria haver um “netflix” feito à medida de cada individuo, com uma produtora sempre disponível para lhe dar os melhores conteúdos alguma vez feitos, à imagem dessa mesma pessoa, selecionados através dum sistema hiper-mega avançado de inteligência artificial que seja capaz de saber na hora qual é o teu estado de espirito e exatamente aquilo que tu, enquanto individuo, desejas assistir

      Enquanto não temos um serviço assim, temos de nos contentar com o que há, e que, com todos os defeito do mundo, sempre é melhor do que o que havia à 10 ou 5 anos atrás e com certeza daqui a 5 anos estará ainda muito melhor (quem sabe mais perto daquilo que tu pretendes)

      Grande Abraço

  2. fernando marques martini says:

    tinha de ter algo antes, a pessoa cadaatra e pre define seus gostos sao filme ade acao, ficcao cientifica, e apartir dessa pre selecao vir o que assitir, e depois os demais

  3. Alvba says:

    Não me parece tanto que o problema passe pela qualidade dos conteúdos, mas pela diversidade. A quantidade de séries é ridícula em comparação com os filmes. Em cima disso, tudo muito comercial. Em suma, ter uma oferta a ir buscar um pouco do que o filmin tem para oferecer.

  4. João Dias says:

    Um dos problemas de quem usa o Netflix é escolher o que assistir. 

    A sério? Julgava ser uma vantagem.

  5. Ludgero says:

    Voltemos à televisão a preto e branco,sem comando!!
    Assim acabam- se com os Resmungões crónicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.